SlideShare uma empresa Scribd logo
TECNOLOGIAS

Tecnologia (do grego τεχνη — "técnica, arte, ofício" e λογια — "estudo") é um
termo que envolve o conhecimento técnico e científico e as ferramentas, processos e
materiais criados e/ou utilizados a partir de tal conhecimento.

O que é tecnologia?

    As ferramentas e as máquinas que ajudam a resolver problemas;

    As técnicas, conhecimentos, métodos, materiais, ferramentas e processos usados para resolver
     problemas ou ao menos facilitar a solução dos mesmos;

    Um método ou processo de construção e trabalho (tal como a tecnologia de manufatura,
     a tecnologia de infra-estrutura ou a tecnologia espacial);

    A aplicação de recursos para a resolução de problemas;

    O termo tecnologia também pode ser usado para descrever o nível de conhecimento
     científico, matemático e técnico de uma determinada
     cultura;

    Na economia, a tecnologia é o estado atual de nosso
     conhecimento de como combinar recursos para
     produzir produtos desejados (e nosso conhecimento do
     que pode ser produzido).

    A tecnologia é, de uma forma geral, o encontro entre
     ciência e engenharia.

    Sendo um termo que inclui desde as ferramentas e
     processos simples, tais como uma colher de madeira e
     a fermentação da uva, até as ferramentas e processos mais complexos já criados pelo ser
     humano, tal como a Estação Espacial Internacional e a dessalinização da água do mar.

    Freqüentemente, a tecnologia entra em conflito com algumas preocupações naturais de nossa
     sociedade, como o desemprego, a poluição e outras muitas questões ecológicas,
     filosóficas e sociológicas.

    Existe um equilíbrio muito ténue entre as vantagens e as desvantagens que o avanço da
     tecnologia traz para a sociedade.

    A principal vantagem é refletida na produção industrial: a tecnologia torna a produção mais
     rápida e maior e, sendo assim, o resultado final é um produto mais barato e com maior
     qualidade.

    As desvantagens que a tecnologia traz são de tal forma preocupantes que quase superam as
     vantagens, uma delas é a poluição que, se não for controlada a tempo, evolui para um quadro
     irreversível.

    Outra desvantagem é quanto ao desemprego gerado pelo uso intensivo das máquinas
     na indústria, na agricultura e no comércio.
 A este tipo de desemprego, no qual o trabalho do homem é substituído pelo trabalho das
    máquinas, denominamos desemprego estrutural. Um dos países que mais sofrem com este
    problema é o Japão, sendo que um dos principais motivos para o crescimento da economia
    deste país ter freado a partir da década de 90 foi, justamente, o desemprego estrutural.

AGRICULTURA

   Conjunto      de técnicas utilizadas      para     cultivar plantas com    o    objetivo          de
    obter alimentos, fibras, energia, matéria-prima para roupas, construções, medicamentos,
    ferramentas, ou apenas para contemplação estética.

   A quem trabalha na agricultura chama-se agricultor.

   O termo fazendeiro ou lavrador se aplica ao proprietário de terras rurais onde, normalmente, é
    praticada a agricultura, a pecuária ou ambos.

   O prefixo agro tem origem no verbete latino agru que significa "terra cultivada ou cultivável".

   A ciência que estuda as características das plantas e dos solos para melhorar as técnicas
    agrícolas é a agronomia.

   Há cerca de doze mil anos, durante a pré-história, no período do neolítico ou período da pedra
    polida, alguns indivíduos de povos caçadores-coletores notaram que alguns grãos que eram
    coletados da natureza para a sua alimentação poderiam ser enterrados, isto é, "semeados" a
    fim de produzir novas plantas iguais às que os originaram.

   Essa prática permitiu o aumento da oferta de alimento dessas pessoas, as plantas começaram
    a ser cultivadas muito próximas uma das outras. Isso porque elas podiam produzir frutos, que
    eram facilmente colhidos quando maduros, o que permitia uma maior produtividade das plantas
    cultivadas em relação ao seu habitat natural.

   Logo, as freqüentes e perigosas buscas à procura de alimentos eram evitadas.

   Com o tempo, foram selecionados entre os grãos selvagens aqueles que possuíam as
    características que mais interessavam aos
    primeiros agricultores, tais como tamanho,
    produtividade, sabor e outras.

   Assim surgiu o cultivo das primeiras
    plantas domesticadas, entre as quais se
    inclui o trigo e a cevada.

   O início das atividades agrícolas separa o
    período neolítico do imediatamente anterior,
    o período da idade da pedra lascada.

   Como é anterior à história escrita, os primórdios da agricultura são obscuros, mas admite-se
    que ela tenha surgido independentemente em diferentes lugares do mundo, provavelmente
    nos vales e várzeas fluviais habitados por antigas civilizações.

   Durante o período neolítico, as principais áreas agrícolas estavam localizadas nos vales dos
    rios Nilo (Egito), Tigre e Eufrates (Mesopotâmia, atualmente conhecida como Iraque) e rios
    Amarelo e Azul (China).
 Há registros de cultivos em pelo menos três regiões diferentes do mundo em épocas
  distintas: Mesopotâmia (possivelmente pela cultura Natufiana), América Central (pelas culturas
  pré-colombianas) e nas bacias hidrográficas da China e da Índia.

 Mudanças no clima ou desenvolvimentos da tecnologia humana podem ter sido as razões
  iniciais que levaram à descoberta da agricultura.

 A agricultura permite a existência de
  aglomerados humanos com muito maior
  densidade populacional que os que podem ser
  suportados pela caça e coleta. Houve uma
  transição gradual na qual a economia de caça e
  coleta coexistiu com a economia agrícola:
  algumas     culturas   eram    deliberadamente
  plantadas e outros alimentos eram obtidos da
  natureza.

                                           A
                                 importância    da
                                 prática        da
                                 agricultura    na
                                       história
                                 do homem é tanto elogiada como criticada: enquanto alguns
                                 consideram que foi o passo decisivo para o desenvolvimento
                                 humano, críticos afirmam que foi o maior erro na história da raça
   humana.

 Por um lado, o grupo que se fixou na terra tinha mais tempo dedicado a atividades com
  objetivos diferentes de produzir alimentos, que resultaram em novas tecnologias e a
  acumulação de bens de capital, daí o aculturamento e o aparente melhoramento do padrão de
  vida.

 Por outro, os grupos que continuaram utilizando-se de alimentos nativos de sua região,
  mantiveram um equilíbrio ecológico com o ambiente, ao contrário da nova sociedade agrícola
  que se formou, desmatando a vegetação nativa para implantar a monocultura, na procura de
  maior quantidade com menor variedade, posteriormente passando a utilizar pesticidas e outros
  elementos químicos, causando um grande impacto no solo, na água, na fauna e na flora da
  região.
HISTÓRIA DA AGRICULTURA

   Além de alimentos para uso dos seres humanos e de seus animais de estimação, a agricultura
    produz mercadorias tão diferentes como flores e plantas ornamentais, fertilizantes orgânicos,
    produtos químicos industriais (látex e etanol), fibras (algodão, linho e cânhamo), combustíveis
    (madeira para lenha, etanol, metanol, biodiesel).

   A eletricidade pode ser gerada de gás metano a partir de resíduos vegetais processados
    em biodigestor ou da queima de madeira especialmente produzida para produção de biomassa
    (através do cultivo de árvores que crescem rapidamente, como por exemplo, algumas espécies
    de eucaliptos).

   Do ponto de vista técnico e científico, a evolução da agricultura é dividido em três etapas
    principais: antiga, moderna e contemporânea.

AGRICULTURA ANTIGA

   Caracterizada pela utilização intensiva da força humana e animal nas plantações, é geralmente
    de subsistência e não usa métodos científicos de organização.

AGRICULTURA MODERNA

   Surgiu após a primeira fase da Revolução Industrial, situada entre o final do século XVIII e o
    final do século XIX, com base na utilização da energia a vapor e também da eletricidade. Logo,
    ela é aquela caracterizada pela maior regularização das safras e o aumento da produção
    agrícola devido à utilização de tratores, colheitadeiras, semeadeiras e alguns novos
    implementos agrícolas.

AGRICULTURA CONTEMPORÂNEA

   Caracterizada pela grande utilização de meios tecnológicos, que ampliaram a quantidade e a
    qualidade da produção.

   Com máquinas potentes, e usufruindo de inovações tecnológicas, boa parte dos trabalhadores
    tiveram seus postos de trabalho realocados, ou seja, deixaram de empregar sua força de
    trabalho diretamente no trato da terra, e agora exercem outras funções, tais como operar
    máquinas agrícolas, consertá-las e gerir a propriedade.

   Uma das maiores conquistas da agricultura contemporânea foi a invenção dos transgênicos,
    que permitem aumentar a produção, diminuir os custos, facilitar o manuseio ou então produzir
    alimentos com melhores qualidades.

   Além da modernização e mecanização ocorre a informatização. A agricultura contemporânea
    gerou o surgimento de novas profissões, tais como: administração
    rural, biotecnologia,engenharia de alimentos, engenharia de computação para a agropecuária,
    engenharia agrônoma, entre outros. A produção é direcionada tanto para o mercado interno
    quanto para o externo.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Histórico sobre o início da agricultura
Histórico sobre o início da agriculturaHistórico sobre o início da agricultura
Histórico sobre o início da agricultura
Alex Samuel Rodrigues
 
AGROECOLOGIA
AGROECOLOGIAAGROECOLOGIA
AGROECOLOGIA
Karlla Costa
 
Cartilha SAE 2011
Cartilha SAE 2011Cartilha SAE 2011
Cartilha SAE 2011
nucane
 
Cartilha SAE 2009
Cartilha SAE 2009Cartilha SAE 2009
Cartilha SAE 2009
nucane
 
Agroecologia: alguns conceitos e princípios
Agroecologia: alguns conceitos e princípiosAgroecologia: alguns conceitos e princípios
Agroecologia: alguns conceitos e princípios
Ketheley Freire
 
Agroecologia short-port
Agroecologia  short-portAgroecologia  short-port
Agroecologia short-port
Damis Padilha
 
Agricultura
AgriculturaAgricultura
Agricultura
Divana Nogueira
 
Origens da agricultura: Revolução Agrícola Neolítica
Origens da agricultura: Revolução Agrícola NeolíticaOrigens da agricultura: Revolução Agrícola Neolítica
Origens da agricultura: Revolução Agrícola Neolítica
Josemar da Silva Alves Bonho
 
Apostila microe e macro nova
Apostila microe e macro novaApostila microe e macro nova
Apostila microe e macro nova
Junior Lima
 
Introducao agroecologia
Introducao agroecologiaIntroducao agroecologia
Introducao agroecologia
elisandraca
 
AGRISSÊNIOR NOTÍCAS Nº 523 an 12 maio_2015.ok
AGRISSÊNIOR NOTÍCAS  Nº 523 an 12 maio_2015.okAGRISSÊNIOR NOTÍCAS  Nº 523 an 12 maio_2015.ok
AGRISSÊNIOR NOTÍCAS Nº 523 an 12 maio_2015.ok
Roberto Rabat Chame
 
2 e 3 aulas
2 e 3 aulas2 e 3 aulas
2 e 3 aulas
amisonsantana
 
Origem, evolução e domesticação das plantas aula 2
Origem, evolução e domesticação das plantas aula 2Origem, evolução e domesticação das plantas aula 2
Origem, evolução e domesticação das plantas aula 2
UERGS
 
Monografia
Monografia Monografia
Monografia
Cristiane Wesp
 
Construção histórica do melhoramento genético de plantas do convencional ao p...
Construção histórica do melhoramento genético de plantas do convencional ao p...Construção histórica do melhoramento genético de plantas do convencional ao p...
Construção histórica do melhoramento genético de plantas do convencional ao p...
HugoCarvalho82875
 
O espaço Geografico Rural e a Prorpiedade da Terra - Aulas 1, 2, 3, 4, e 5 Ge...
O espaço Geografico Rural e a Prorpiedade da Terra - Aulas 1, 2, 3, 4, e 5 Ge...O espaço Geografico Rural e a Prorpiedade da Terra - Aulas 1, 2, 3, 4, e 5 Ge...
O espaço Geografico Rural e a Prorpiedade da Terra - Aulas 1, 2, 3, 4, e 5 Ge...
Fellipe Prado
 
Fundamentos de agroecologia modulo i
Fundamentos de agroecologia  modulo iFundamentos de agroecologia  modulo i
Fundamentos de agroecologia modulo i
Rita de Cássia Freitas
 
Aula 3 espaços da circulação do consumo
Aula 3 espaços da circulação do consumoAula 3 espaços da circulação do consumo
Aula 3 espaços da circulação do consumo
tyromello
 
Agroecologia e saber ambiental
Agroecologia e saber ambientalAgroecologia e saber ambiental
Agroecologia e saber ambiental
Carlaensino
 
Agricultura e pecuária
Agricultura e pecuáriaAgricultura e pecuária
Agricultura e pecuária
Gisela Alves
 

Mais procurados (20)

Histórico sobre o início da agricultura
Histórico sobre o início da agriculturaHistórico sobre o início da agricultura
Histórico sobre o início da agricultura
 
AGROECOLOGIA
AGROECOLOGIAAGROECOLOGIA
AGROECOLOGIA
 
Cartilha SAE 2011
Cartilha SAE 2011Cartilha SAE 2011
Cartilha SAE 2011
 
Cartilha SAE 2009
Cartilha SAE 2009Cartilha SAE 2009
Cartilha SAE 2009
 
Agroecologia: alguns conceitos e princípios
Agroecologia: alguns conceitos e princípiosAgroecologia: alguns conceitos e princípios
Agroecologia: alguns conceitos e princípios
 
Agroecologia short-port
Agroecologia  short-portAgroecologia  short-port
Agroecologia short-port
 
Agricultura
AgriculturaAgricultura
Agricultura
 
Origens da agricultura: Revolução Agrícola Neolítica
Origens da agricultura: Revolução Agrícola NeolíticaOrigens da agricultura: Revolução Agrícola Neolítica
Origens da agricultura: Revolução Agrícola Neolítica
 
Apostila microe e macro nova
Apostila microe e macro novaApostila microe e macro nova
Apostila microe e macro nova
 
Introducao agroecologia
Introducao agroecologiaIntroducao agroecologia
Introducao agroecologia
 
AGRISSÊNIOR NOTÍCAS Nº 523 an 12 maio_2015.ok
AGRISSÊNIOR NOTÍCAS  Nº 523 an 12 maio_2015.okAGRISSÊNIOR NOTÍCAS  Nº 523 an 12 maio_2015.ok
AGRISSÊNIOR NOTÍCAS Nº 523 an 12 maio_2015.ok
 
2 e 3 aulas
2 e 3 aulas2 e 3 aulas
2 e 3 aulas
 
Origem, evolução e domesticação das plantas aula 2
Origem, evolução e domesticação das plantas aula 2Origem, evolução e domesticação das plantas aula 2
Origem, evolução e domesticação das plantas aula 2
 
Monografia
Monografia Monografia
Monografia
 
Construção histórica do melhoramento genético de plantas do convencional ao p...
Construção histórica do melhoramento genético de plantas do convencional ao p...Construção histórica do melhoramento genético de plantas do convencional ao p...
Construção histórica do melhoramento genético de plantas do convencional ao p...
 
O espaço Geografico Rural e a Prorpiedade da Terra - Aulas 1, 2, 3, 4, e 5 Ge...
O espaço Geografico Rural e a Prorpiedade da Terra - Aulas 1, 2, 3, 4, e 5 Ge...O espaço Geografico Rural e a Prorpiedade da Terra - Aulas 1, 2, 3, 4, e 5 Ge...
O espaço Geografico Rural e a Prorpiedade da Terra - Aulas 1, 2, 3, 4, e 5 Ge...
 
Fundamentos de agroecologia modulo i
Fundamentos de agroecologia  modulo iFundamentos de agroecologia  modulo i
Fundamentos de agroecologia modulo i
 
Aula 3 espaços da circulação do consumo
Aula 3 espaços da circulação do consumoAula 3 espaços da circulação do consumo
Aula 3 espaços da circulação do consumo
 
Agroecologia e saber ambiental
Agroecologia e saber ambientalAgroecologia e saber ambiental
Agroecologia e saber ambiental
 
Agricultura e pecuária
Agricultura e pecuáriaAgricultura e pecuária
Agricultura e pecuária
 

Destaque

Diapositiva De Reyes Y Salva
Diapositiva De Reyes Y SalvaDiapositiva De Reyes Y Salva
Diapositiva De Reyes Y Salva
guest1e89e2
 
Aquecimento Global, Daniela Gregorio CTT09
Aquecimento Global, Daniela Gregorio CTT09Aquecimento Global, Daniela Gregorio CTT09
Aquecimento Global, Daniela Gregorio CTT09
integracaoepnazare
 
Dewi lestari 132010124 pak wawan
Dewi lestari 132010124 pak wawanDewi lestari 132010124 pak wawan
Dewi lestari 132010124 pak wawan
didit23
 
Ahora que ya morir
Ahora que ya morir Ahora que ya morir
Ahora que ya morir
Lilica
 
Algas e plantas avasculares 1o b
Algas e plantas avasculares 1o bAlgas e plantas avasculares 1o b
Algas e plantas avasculares 1o b
SESI 422 - Americana
 

Destaque (6)

Diapositiva De Reyes Y Salva
Diapositiva De Reyes Y SalvaDiapositiva De Reyes Y Salva
Diapositiva De Reyes Y Salva
 
Aquecimento Global, Daniela Gregorio CTT09
Aquecimento Global, Daniela Gregorio CTT09Aquecimento Global, Daniela Gregorio CTT09
Aquecimento Global, Daniela Gregorio CTT09
 
Dewi lestari 132010124 pak wawan
Dewi lestari 132010124 pak wawanDewi lestari 132010124 pak wawan
Dewi lestari 132010124 pak wawan
 
Buda cs philippines-vf
Buda cs philippines-vfBuda cs philippines-vf
Buda cs philippines-vf
 
Ahora que ya morir
Ahora que ya morir Ahora que ya morir
Ahora que ya morir
 
Algas e plantas avasculares 1o b
Algas e plantas avasculares 1o bAlgas e plantas avasculares 1o b
Algas e plantas avasculares 1o b
 

Semelhante a 6a série tecnologias

Plano de sessão do cursso de gricultura geral e industrial.pptx
Plano de sessão do cursso de gricultura geral e industrial.pptxPlano de sessão do cursso de gricultura geral e industrial.pptx
Plano de sessão do cursso de gricultura geral e industrial.pptx
horacioelumbo
 
1geo16
1geo161geo16
1geo16
NTE_Itaocara
 
Projeto Pesquisa TRANSIÇÃO DA AGRICULTURA CONVENCIONAL PARA AGROECOLÓGICA
Projeto  Pesquisa TRANSIÇÃO DA AGRICULTURA CONVENCIONAL PARA AGROECOLÓGICAProjeto  Pesquisa TRANSIÇÃO DA AGRICULTURA CONVENCIONAL PARA AGROECOLÓGICA
Projeto Pesquisa TRANSIÇÃO DA AGRICULTURA CONVENCIONAL PARA AGROECOLÓGICA
Sirleitr
 
A TéCnica E A Tecnologia
A TéCnica E A TecnologiaA TéCnica E A Tecnologia
A TéCnica E A Tecnologia
guest7c93f08f
 
Cartilha SEA 2010
Cartilha SEA 2010Cartilha SEA 2010
Cartilha SEA 2010
nucane
 
Ficha de trabalho_stc_-_ng6-dr2_-_15-03-2010[1]
Ficha de trabalho_stc_-_ng6-dr2_-_15-03-2010[1]Ficha de trabalho_stc_-_ng6-dr2_-_15-03-2010[1]
Ficha de trabalho_stc_-_ng6-dr2_-_15-03-2010[1]
Maria
 
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambienteA evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
DireitoCivilContemporaneo
 
Cartilha SAE 2011
Cartilha SAE 2011Cartilha SAE 2011
Cartilha SAE 2011
nucane
 
AULA 02 ORIGEM DA AGRICULTURA.pptx
AULA 02 ORIGEM DA AGRICULTURA.pptxAULA 02 ORIGEM DA AGRICULTURA.pptx
AULA 02 ORIGEM DA AGRICULTURA.pptx
BebelSantos4
 
ATIVIDADE 1º ANO.pdf
ATIVIDADE 1º ANO.pdfATIVIDADE 1º ANO.pdf
ATIVIDADE 1º ANO.pdf
Lívia De Paula
 
Agricultura mundial e do brasil
Agricultura mundial e do brasilAgricultura mundial e do brasil
Agricultura mundial e do brasil
profleofonseca
 
O espaço agrario mundial
O espaço agrario mundialO espaço agrario mundial
O espaço agrario mundial
Artur Lara
 
Agroecologia 2.ppt
Agroecologia 2.pptAgroecologia 2.ppt
Agroecologia 2.ppt
GILMARPRETO3
 
AULA-01-Relação campo cidad-GEO-IV UNIDADE-ETECS.pptx
AULA-01-Relação campo cidad-GEO-IV UNIDADE-ETECS.pptxAULA-01-Relação campo cidad-GEO-IV UNIDADE-ETECS.pptx
AULA-01-Relação campo cidad-GEO-IV UNIDADE-ETECS.pptx
ProfessorAlamyVerssi
 
Cap2 e 3
Cap2 e 3Cap2 e 3
O desenvolvimento e os recursos ambientais
O desenvolvimento e os recursos ambientaisO desenvolvimento e os recursos ambientais
O desenvolvimento e os recursos ambientais
jovensnaeconomia
 
Geografia 2013 3ºe 4º bim (4º ano)
Geografia 2013   3ºe 4º bim (4º ano)Geografia 2013   3ºe 4º bim (4º ano)
Geografia 2013 3ºe 4º bim (4º ano)
smece4e5
 
FAQ - Direito e Humanidades
FAQ - Direito e HumanidadesFAQ - Direito e Humanidades
FAQ - Direito e Humanidades
Carol126724
 
O espaço agrário mundial
O espaço agrário mundialO espaço agrário mundial
O espaço agrário mundial
Artur Lara
 
A Terra E A Humanidade
A Terra E A HumanidadeA Terra E A Humanidade
A Terra E A Humanidade
RAFAELA BARBOSA
 

Semelhante a 6a série tecnologias (20)

Plano de sessão do cursso de gricultura geral e industrial.pptx
Plano de sessão do cursso de gricultura geral e industrial.pptxPlano de sessão do cursso de gricultura geral e industrial.pptx
Plano de sessão do cursso de gricultura geral e industrial.pptx
 
1geo16
1geo161geo16
1geo16
 
Projeto Pesquisa TRANSIÇÃO DA AGRICULTURA CONVENCIONAL PARA AGROECOLÓGICA
Projeto  Pesquisa TRANSIÇÃO DA AGRICULTURA CONVENCIONAL PARA AGROECOLÓGICAProjeto  Pesquisa TRANSIÇÃO DA AGRICULTURA CONVENCIONAL PARA AGROECOLÓGICA
Projeto Pesquisa TRANSIÇÃO DA AGRICULTURA CONVENCIONAL PARA AGROECOLÓGICA
 
A TéCnica E A Tecnologia
A TéCnica E A TecnologiaA TéCnica E A Tecnologia
A TéCnica E A Tecnologia
 
Cartilha SEA 2010
Cartilha SEA 2010Cartilha SEA 2010
Cartilha SEA 2010
 
Ficha de trabalho_stc_-_ng6-dr2_-_15-03-2010[1]
Ficha de trabalho_stc_-_ng6-dr2_-_15-03-2010[1]Ficha de trabalho_stc_-_ng6-dr2_-_15-03-2010[1]
Ficha de trabalho_stc_-_ng6-dr2_-_15-03-2010[1]
 
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambienteA evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
 
Cartilha SAE 2011
Cartilha SAE 2011Cartilha SAE 2011
Cartilha SAE 2011
 
AULA 02 ORIGEM DA AGRICULTURA.pptx
AULA 02 ORIGEM DA AGRICULTURA.pptxAULA 02 ORIGEM DA AGRICULTURA.pptx
AULA 02 ORIGEM DA AGRICULTURA.pptx
 
ATIVIDADE 1º ANO.pdf
ATIVIDADE 1º ANO.pdfATIVIDADE 1º ANO.pdf
ATIVIDADE 1º ANO.pdf
 
Agricultura mundial e do brasil
Agricultura mundial e do brasilAgricultura mundial e do brasil
Agricultura mundial e do brasil
 
O espaço agrario mundial
O espaço agrario mundialO espaço agrario mundial
O espaço agrario mundial
 
Agroecologia 2.ppt
Agroecologia 2.pptAgroecologia 2.ppt
Agroecologia 2.ppt
 
AULA-01-Relação campo cidad-GEO-IV UNIDADE-ETECS.pptx
AULA-01-Relação campo cidad-GEO-IV UNIDADE-ETECS.pptxAULA-01-Relação campo cidad-GEO-IV UNIDADE-ETECS.pptx
AULA-01-Relação campo cidad-GEO-IV UNIDADE-ETECS.pptx
 
Cap2 e 3
Cap2 e 3Cap2 e 3
Cap2 e 3
 
O desenvolvimento e os recursos ambientais
O desenvolvimento e os recursos ambientaisO desenvolvimento e os recursos ambientais
O desenvolvimento e os recursos ambientais
 
Geografia 2013 3ºe 4º bim (4º ano)
Geografia 2013   3ºe 4º bim (4º ano)Geografia 2013   3ºe 4º bim (4º ano)
Geografia 2013 3ºe 4º bim (4º ano)
 
FAQ - Direito e Humanidades
FAQ - Direito e HumanidadesFAQ - Direito e Humanidades
FAQ - Direito e Humanidades
 
O espaço agrário mundial
O espaço agrário mundialO espaço agrário mundial
O espaço agrário mundial
 
A Terra E A Humanidade
A Terra E A HumanidadeA Terra E A Humanidade
A Terra E A Humanidade
 

Mais de SESI 422 - Americana

Origem da vida e Evolução
Origem da vida e EvoluçãoOrigem da vida e Evolução
Origem da vida e Evolução
SESI 422 - Americana
 
Genética de populações
Genética de populaçõesGenética de populações
Genética de populações
SESI 422 - Americana
 
Bioquímica básica
Bioquímica básicaBioquímica básica
Bioquímica básica
SESI 422 - Americana
 
Expressividade e penetrância
Expressividade e penetrânciaExpressividade e penetrância
Expressividade e penetrância
SESI 422 - Americana
 
Alelos múltiplos
Alelos múltiplosAlelos múltiplos
Alelos múltiplos
SESI 422 - Americana
 
Casos especiais de herança
Casos especiais de herançaCasos especiais de herança
Casos especiais de herança
SESI 422 - Americana
 
Exercícios 2
Exercícios 2Exercícios 2
Exercícios 2
SESI 422 - Americana
 
Probabilidades e heredogramas
Probabilidades e heredogramasProbabilidades e heredogramas
Probabilidades e heredogramas
SESI 422 - Americana
 
Textos novas espécies
Textos novas espéciesTextos novas espécies
Textos novas espécies
SESI 422 - Americana
 
Exercícios
ExercíciosExercícios
Taxonomia
TaxonomiaTaxonomia
Cromossomos, genes e alelos
Cromossomos, genes e alelosCromossomos, genes e alelos
Cromossomos, genes e alelos
SESI 422 - Americana
 
Genética mendeliana básica
Genética mendeliana básicaGenética mendeliana básica
Genética mendeliana básica
SESI 422 - Americana
 
Evidências da evolução
Evidências da evoluçãoEvidências da evolução
Evidências da evolução
SESI 422 - Americana
 
Projeto terrário
Projeto terrárioProjeto terrário
Projeto terrário
SESI 422 - Americana
 
Projeto paleontólogos
Projeto paleontólogosProjeto paleontólogos
Projeto paleontólogos
SESI 422 - Americana
 
Garça branca
Garça brancaGarça branca
Garça branca
SESI 422 - Americana
 
Reportagem jornalística – coalas
Reportagem jornalística – coalasReportagem jornalística – coalas
Reportagem jornalística – coalas
SESI 422 - Americana
 
Capivara o maior roedor do mundo
Capivara o maior roedor do mundoCapivara o maior roedor do mundo
Capivara o maior roedor do mundo
SESI 422 - Americana
 
Lírios
LíriosLírios

Mais de SESI 422 - Americana (20)

Origem da vida e Evolução
Origem da vida e EvoluçãoOrigem da vida e Evolução
Origem da vida e Evolução
 
Genética de populações
Genética de populaçõesGenética de populações
Genética de populações
 
Bioquímica básica
Bioquímica básicaBioquímica básica
Bioquímica básica
 
Expressividade e penetrância
Expressividade e penetrânciaExpressividade e penetrância
Expressividade e penetrância
 
Alelos múltiplos
Alelos múltiplosAlelos múltiplos
Alelos múltiplos
 
Casos especiais de herança
Casos especiais de herançaCasos especiais de herança
Casos especiais de herança
 
Exercícios 2
Exercícios 2Exercícios 2
Exercícios 2
 
Probabilidades e heredogramas
Probabilidades e heredogramasProbabilidades e heredogramas
Probabilidades e heredogramas
 
Textos novas espécies
Textos novas espéciesTextos novas espécies
Textos novas espécies
 
Exercícios
ExercíciosExercícios
Exercícios
 
Taxonomia
TaxonomiaTaxonomia
Taxonomia
 
Cromossomos, genes e alelos
Cromossomos, genes e alelosCromossomos, genes e alelos
Cromossomos, genes e alelos
 
Genética mendeliana básica
Genética mendeliana básicaGenética mendeliana básica
Genética mendeliana básica
 
Evidências da evolução
Evidências da evoluçãoEvidências da evolução
Evidências da evolução
 
Projeto terrário
Projeto terrárioProjeto terrário
Projeto terrário
 
Projeto paleontólogos
Projeto paleontólogosProjeto paleontólogos
Projeto paleontólogos
 
Garça branca
Garça brancaGarça branca
Garça branca
 
Reportagem jornalística – coalas
Reportagem jornalística – coalasReportagem jornalística – coalas
Reportagem jornalística – coalas
 
Capivara o maior roedor do mundo
Capivara o maior roedor do mundoCapivara o maior roedor do mundo
Capivara o maior roedor do mundo
 
Lírios
LíriosLírios
Lírios
 

6a série tecnologias

  • 1. TECNOLOGIAS Tecnologia (do grego τεχνη — "técnica, arte, ofício" e λογια — "estudo") é um termo que envolve o conhecimento técnico e científico e as ferramentas, processos e materiais criados e/ou utilizados a partir de tal conhecimento. O que é tecnologia?  As ferramentas e as máquinas que ajudam a resolver problemas;  As técnicas, conhecimentos, métodos, materiais, ferramentas e processos usados para resolver problemas ou ao menos facilitar a solução dos mesmos;  Um método ou processo de construção e trabalho (tal como a tecnologia de manufatura, a tecnologia de infra-estrutura ou a tecnologia espacial);  A aplicação de recursos para a resolução de problemas;  O termo tecnologia também pode ser usado para descrever o nível de conhecimento científico, matemático e técnico de uma determinada cultura;  Na economia, a tecnologia é o estado atual de nosso conhecimento de como combinar recursos para produzir produtos desejados (e nosso conhecimento do que pode ser produzido).  A tecnologia é, de uma forma geral, o encontro entre ciência e engenharia.  Sendo um termo que inclui desde as ferramentas e processos simples, tais como uma colher de madeira e a fermentação da uva, até as ferramentas e processos mais complexos já criados pelo ser humano, tal como a Estação Espacial Internacional e a dessalinização da água do mar.  Freqüentemente, a tecnologia entra em conflito com algumas preocupações naturais de nossa sociedade, como o desemprego, a poluição e outras muitas questões ecológicas, filosóficas e sociológicas.  Existe um equilíbrio muito ténue entre as vantagens e as desvantagens que o avanço da tecnologia traz para a sociedade.  A principal vantagem é refletida na produção industrial: a tecnologia torna a produção mais rápida e maior e, sendo assim, o resultado final é um produto mais barato e com maior qualidade.  As desvantagens que a tecnologia traz são de tal forma preocupantes que quase superam as vantagens, uma delas é a poluição que, se não for controlada a tempo, evolui para um quadro irreversível.  Outra desvantagem é quanto ao desemprego gerado pelo uso intensivo das máquinas na indústria, na agricultura e no comércio.
  • 2.  A este tipo de desemprego, no qual o trabalho do homem é substituído pelo trabalho das máquinas, denominamos desemprego estrutural. Um dos países que mais sofrem com este problema é o Japão, sendo que um dos principais motivos para o crescimento da economia deste país ter freado a partir da década de 90 foi, justamente, o desemprego estrutural. AGRICULTURA  Conjunto de técnicas utilizadas para cultivar plantas com o objetivo de obter alimentos, fibras, energia, matéria-prima para roupas, construções, medicamentos, ferramentas, ou apenas para contemplação estética.  A quem trabalha na agricultura chama-se agricultor.  O termo fazendeiro ou lavrador se aplica ao proprietário de terras rurais onde, normalmente, é praticada a agricultura, a pecuária ou ambos.  O prefixo agro tem origem no verbete latino agru que significa "terra cultivada ou cultivável".  A ciência que estuda as características das plantas e dos solos para melhorar as técnicas agrícolas é a agronomia.  Há cerca de doze mil anos, durante a pré-história, no período do neolítico ou período da pedra polida, alguns indivíduos de povos caçadores-coletores notaram que alguns grãos que eram coletados da natureza para a sua alimentação poderiam ser enterrados, isto é, "semeados" a fim de produzir novas plantas iguais às que os originaram.  Essa prática permitiu o aumento da oferta de alimento dessas pessoas, as plantas começaram a ser cultivadas muito próximas uma das outras. Isso porque elas podiam produzir frutos, que eram facilmente colhidos quando maduros, o que permitia uma maior produtividade das plantas cultivadas em relação ao seu habitat natural.  Logo, as freqüentes e perigosas buscas à procura de alimentos eram evitadas.  Com o tempo, foram selecionados entre os grãos selvagens aqueles que possuíam as características que mais interessavam aos primeiros agricultores, tais como tamanho, produtividade, sabor e outras.  Assim surgiu o cultivo das primeiras plantas domesticadas, entre as quais se inclui o trigo e a cevada.  O início das atividades agrícolas separa o período neolítico do imediatamente anterior, o período da idade da pedra lascada.  Como é anterior à história escrita, os primórdios da agricultura são obscuros, mas admite-se que ela tenha surgido independentemente em diferentes lugares do mundo, provavelmente nos vales e várzeas fluviais habitados por antigas civilizações.  Durante o período neolítico, as principais áreas agrícolas estavam localizadas nos vales dos rios Nilo (Egito), Tigre e Eufrates (Mesopotâmia, atualmente conhecida como Iraque) e rios Amarelo e Azul (China).
  • 3.  Há registros de cultivos em pelo menos três regiões diferentes do mundo em épocas distintas: Mesopotâmia (possivelmente pela cultura Natufiana), América Central (pelas culturas pré-colombianas) e nas bacias hidrográficas da China e da Índia.  Mudanças no clima ou desenvolvimentos da tecnologia humana podem ter sido as razões iniciais que levaram à descoberta da agricultura.  A agricultura permite a existência de aglomerados humanos com muito maior densidade populacional que os que podem ser suportados pela caça e coleta. Houve uma transição gradual na qual a economia de caça e coleta coexistiu com a economia agrícola: algumas culturas eram deliberadamente plantadas e outros alimentos eram obtidos da natureza.  A importância da prática da agricultura na história do homem é tanto elogiada como criticada: enquanto alguns consideram que foi o passo decisivo para o desenvolvimento humano, críticos afirmam que foi o maior erro na história da raça humana.  Por um lado, o grupo que se fixou na terra tinha mais tempo dedicado a atividades com objetivos diferentes de produzir alimentos, que resultaram em novas tecnologias e a acumulação de bens de capital, daí o aculturamento e o aparente melhoramento do padrão de vida.  Por outro, os grupos que continuaram utilizando-se de alimentos nativos de sua região, mantiveram um equilíbrio ecológico com o ambiente, ao contrário da nova sociedade agrícola que se formou, desmatando a vegetação nativa para implantar a monocultura, na procura de maior quantidade com menor variedade, posteriormente passando a utilizar pesticidas e outros elementos químicos, causando um grande impacto no solo, na água, na fauna e na flora da região.
  • 4. HISTÓRIA DA AGRICULTURA  Além de alimentos para uso dos seres humanos e de seus animais de estimação, a agricultura produz mercadorias tão diferentes como flores e plantas ornamentais, fertilizantes orgânicos, produtos químicos industriais (látex e etanol), fibras (algodão, linho e cânhamo), combustíveis (madeira para lenha, etanol, metanol, biodiesel).  A eletricidade pode ser gerada de gás metano a partir de resíduos vegetais processados em biodigestor ou da queima de madeira especialmente produzida para produção de biomassa (através do cultivo de árvores que crescem rapidamente, como por exemplo, algumas espécies de eucaliptos).  Do ponto de vista técnico e científico, a evolução da agricultura é dividido em três etapas principais: antiga, moderna e contemporânea. AGRICULTURA ANTIGA  Caracterizada pela utilização intensiva da força humana e animal nas plantações, é geralmente de subsistência e não usa métodos científicos de organização. AGRICULTURA MODERNA  Surgiu após a primeira fase da Revolução Industrial, situada entre o final do século XVIII e o final do século XIX, com base na utilização da energia a vapor e também da eletricidade. Logo, ela é aquela caracterizada pela maior regularização das safras e o aumento da produção agrícola devido à utilização de tratores, colheitadeiras, semeadeiras e alguns novos implementos agrícolas. AGRICULTURA CONTEMPORÂNEA  Caracterizada pela grande utilização de meios tecnológicos, que ampliaram a quantidade e a qualidade da produção.  Com máquinas potentes, e usufruindo de inovações tecnológicas, boa parte dos trabalhadores tiveram seus postos de trabalho realocados, ou seja, deixaram de empregar sua força de trabalho diretamente no trato da terra, e agora exercem outras funções, tais como operar máquinas agrícolas, consertá-las e gerir a propriedade.  Uma das maiores conquistas da agricultura contemporânea foi a invenção dos transgênicos, que permitem aumentar a produção, diminuir os custos, facilitar o manuseio ou então produzir alimentos com melhores qualidades.  Além da modernização e mecanização ocorre a informatização. A agricultura contemporânea gerou o surgimento de novas profissões, tais como: administração rural, biotecnologia,engenharia de alimentos, engenharia de computação para a agropecuária, engenharia agrônoma, entre outros. A produção é direcionada tanto para o mercado interno quanto para o externo.