SlideShare uma empresa Scribd logo
32ª Reunião Ordinária do CNRBMA
Mary Sorage/Fernando Bezerra – Presidência
Daniel Costa – Secretário Executivo
21 e 22 de novembro de 2023
Natal/RN/Brasil
https://rbma.org.br/n/
@rbmataatlantica
Verificação de Quórum
Artigo 27º - Regimento
§ 2º - As reuniões serão realizadas, em primeira
convocação, com no mínimo 2/3 (dois terços) dos
membros ou de seus suplentes, e em segunda
convocação, 30 (trinta) minutos depois, serão
realizadas com, no mínimo, 1/3 (um terço) deles.
2/3 = 30 Conselheir@s
1/3 = 16 Conselheir@s
A Rede de Reservas da Biosfera
COORDENAÇÃO RBRB/Serra do Espinhaço:
Miguel Ângelo Andrade – PUC de Minas Gerais
Email: miguel.andrade.bio@gmail.com | Tel: (55) 31 98771-8878
https://reservasdabiosfera.org.br/
A nossa marca - 1991 Muriqui
Brachyteles arachnoides – Sul
Brachyteles hypoxanthus - Norte
Muriqui, o maior macaco das Américas, é nativo e exclusivo
(endêmico) da Mata Atlântica brasileira. Animal amável, herbívoro,
vive em bandos de 7 a 20 indivíduos, e pode chegar a 1.5 metro de
comprimento, incluindo a cauda. No grupo, a hierarquia é regida
pelo afeto. Ou seja, o centro do grupo não são os mais fortes, mas
os mais queridos, que se destacam porque são os que mais
ganham abraços dos companheiros.
A característica diferencial é que o Muriqui do Norte
possui a face e a genitália manchadas de rosa e branco.
A Marca “Reserva da Biosfera da Mata Atlântica – RBMA” está atrelada à princípios básicos
aprovados por seu Conselho Nacional. São eles:
. Articulação Intersetorial / Cooperação / Parcerias .
. Diálogo / Busca de Consenso .
. Interdisciplinaridade .
. Visão Nacional na escala do Bioma .
. Representatividade das regiões abrangidas pela RBMA
(NE,SE,S) .
. Participação e Descentralização na Gestão da RBMA .
. Estímulo / Incentivo às iniciativas em prol da Mata
Atlântica .
. Atitude construtiva e propositiva .
. Atitude construtiva e propositiva .
. Continuidade nas Ações e Programas .
. Avaliação Permanente / Monitoramento .
. Não superposição de competências institucionais .
. Transparência e ética .
. Divulgação dos conceitos e das ações que embasam a
RBMA .
. Respeito e valorização da pluralidade cultural .
Pauta
I- Verificação de Quórum e Abertura (15’)
II- Aprovação da Ata da 31ª Reunião do Conselho
Nacional – (Não será votada – problemas com o
arquivo)
III- Ordem do Dia
- Plano de Ação 2023/2030 – 2h30
- Programas e Projetos - situação atual (45’)
- Novas Propostas de Programas/Projetos – 1h10 (*)
- Projeto Restauração Cidadã (15’)
- Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica (15’)
- Projeto Tecendo a Mata (15’)
- Postos Avançados - renovação e novos Postos
Compartilhando (
- Experiências exitosas - A atuação dos Comitês
- Avanços da Rede de Jovens – RJRBMA
IV- Minuta da Carta de Natal
V - Moções - Link para apresentação:
https://forms.gle/yhud1SjciBLtA8Hp8IV
VI - Assuntos gerais:
Fórum de Gestores de UCs
2º Congresso Brasileiro de Trilhas
2º Congresso da Rede IberoMAb
3º Fórum de Jovens da Rede IberoMAB
SAPIS
Outros
VII. Encerramento
(*) Dia 22/11/2023
I - Abertura
I.1- Boas vindas
I.2- O que é uma Reserva da Biosfera (Vídeo)
I.3- RBMA – Quem somos?
I.4- Reflexões iniciais
I.3- Atividades do Dia
I.2- O que é uma Reserva da Biosfera
I- Abertura
I.3 – RBMA – Quem somos?
- Maior Reserva da Biosfera do planeta, com 89.687.000 hectares, sendo 9.000.000 ha de zonas
núcleo*, 38.508.000 ha de zonas de amortecimento e 41.400.000 ha de zonas de transição, dos quais
aproximadamente 73.238.000 ha em áreas terrestres e 16.449.000 ha em áreas marinhas, nos 17
estados brasileiros** de ocorrência natural do Bioma Mata Atlântica.
Encontra-se entremeada na área mais urbanizada e populosa do país, tendo em seu entorno de
aproximadamente de 133.207.422 milhões de habitantes e atividades econômicas que respondem por
aproximadamente 70% do PIB brasileiro.
Abrange áreas de 2.733 dos 5.570 municípios brasileiros distribuídos pela área de ocorrência original
do Bioma Mata Atlântica, sendo 682 integralmente inseridos e 2.051 parcialmente inseridos.
As Funções da RBMA:
● CONSERVAÇÃO
A conservação da biodiversidade e dos demais atributos naturais da Mata Atlântica incluindo
a paisagem e os recursos hídricos, valorizando a sócio diversidade e o patrimônio étnico e
cultural a ela vinculados.
● DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL
O fomento ao desenvolvimento econômico que seja social, cultural e ecologicamente
sustentável.
● CONHECIMENTO
O apoio à produção e difusão do conhecimento tradicional e científico, à educação ambiental
e à capacitação, bem como à pesquisa e o monitoramento nos campos da conservação e do
desenvolvimento sustentável.
* Zoneamento
● Zonas Núcleo – sua função é a proteção da biodiversidade.
Correspondem basicamente às Unidades de Conservação de
proteção integral como Parques e Estações Ecológicas.
● Zonas de Amortecimento – estabelecidas no entorno das zonas
núcleo, ou entre elas, tem por objetivos minimizar os impactos
negativos sobre estes núcleos e promover a qualidade de vida
das populações da área, especialmente as comunidades
tradicionais.
● Zonas de Transição - sem limites rigidamente definidos,
envolvem as zonas de amortecimento e núcleo. Destinam-se
prioritariamente ao monitoramento, à educação ambiental e à
integração da Reserva com o seu entorno, onde predominam
áreas urbanas, agrícolas e industriais.
17 estados brasileiros* - Viva os Estados da Mata Atlântica!
* Alagoas . Bahia . Ceará . Espirito Santo . Goiás . Mato Grosso do Sul . Minas Gerais . Paraíba . Paraná .
Pernambuco . Piauí . Rio de Janeiro . Rio Grande do Norte . Rio Grande do Sul . São Paulo . Santa Catarina . Sergipe.
Lei Federal nº 11.428 de 22 de dezembro de 2006
Dispõe sobre a utilização e proteção da vegetação nativa do bioma Mata Atlântica,
e dá outras providências.
Art. 2º Para os efeitos desta Lei, consideram-se integrantes do Bioma Mata Atlântica as
seguintes formações florestais nativas e ecossistemas associados, com as respectivas
delimitações estabelecidas em mapa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE,
conforme regulamento: Floresta Ombrófila Densa; Floresta Ombrófila Mista, também
denominada de Mata de Araucárias; Floresta Ombrófila Aberta; Floresta Estacional
Semidecidual; e Floresta Estacional Decidual, bem como os manguezais, as vegetações de
restingas, campos de altitude, brejos interioranos e encraves florestais do Nordeste.
A Fase 7 da RBMA - 1991 e 2018
Fase 7
Sistema de Gestão
CTA
RJRBMA
O Sistema de
Gestão da
RBMA é
colegiado,
participativo e
descentralizado.
Nossa missão é:
“Contribuir de forma eficaz para o
estabelecimento de uma relação harmônica
entre as sociedades humanas e o ambiente na
área da Mata Atlântica.”
Programas da RBMA
PROGRAMA ATIVOS
AMBIENTAIS
PROGRAMA DE
COMUNICAÇÃO E
EDUCAÇÃO AMBIENTAL
Pauta
II- Aprovação da Ata da 31ª Reunião do Conselho Nacional
Não será colocada em votação, pois tivemos problemas com o arquivo e
não foi encaminhado em tempo hábil para análise d@s Conselheir@s, de
forma que as providências serão adotadas para ser aprovada na próxima
Reunião Ordinária do CNRBMA.
III- Ordem do Dia
Dia 21/11/23 – Tarde (13h30 – 17h30)
- Plano de Ação 2023/2030 – 2h30
- Novas Propostas de
Programas/Projetos - 1h
- Projeto Restauração Cidadã (15’)
- Programa Abelhas Nativas da Mata
Atlântica (15’)
- Projeto Tecendo a Mata (15’)
-
III- Ordem do Dia
Dia 21/11/23 – Tarde (13h30 – 17h30)
- Plano de Ação 2023/2030 – 2h30
-
III- Ordem do Dia – Plano de Ação – Mário Cencig - CTA
Planejamento Estratégico - áreas estratégicas de atuação (2021 – 2030)
1. Fortalecimento e aprimoramento do sistema de gestão da RBMA
2. Política de comunicação, divulgação, mobilização e sensibilização ambiental da RBMA
3. Formulação e implementação de Políticas Públicas
4. Programas e Projetos
5. Cooperação Nacional e Internacional consolidando a inserção da RBMA no sistema
UNESCO
6. Monitoramento e Gestão estratégica de dados ambientais, sociais, culturais e
econômicos no território da RBMA
Plano de Ação – Conselheiro Mário Cencig - CTA
III- Ordem do Dia – Plano de Ação – Mário Cencig – CTA – 2h30
Com você Mário – 30 minutos
Distribuição do Tempo:
30’- apresentação
1h15 – trabalho em grupo
45’ – apres. Grupos
Total: 2h30
Após a apresentação da Mário Cencig – CTA (Colegiado Técnico Assessor)
1- Fortalecimento e
aprimoramento do
sistema de gestão da
RBMA
2- Política de
comunicação,
divulgação, mobilização
e sensibilização
ambiental da RBMA
3- Formulação e
implementação de
Políticas Públicas
4- Programas e
Projetos
5- Cooperação Nacional e
Internacional
consolidando a inserção
da RBMA no sistema
UNESCO
6- Monitoramento e
Gestão estratégica de
dados ambientais, sociais,
culturais e econômicos no
território da RBMA
Trabalharmos em grupo (2 Presenciais e 1 virtual), cada grupo avalia 2 eixos –
1h15 e depois cada grupo apresenta em 15min/cada
III- Ordem do Dia
Dia 21/11/23 – Tarde (13h30 – 17h30)
Novas Propostas de Programas/Projetos - 1h
- Projeto Restauração Cidadã (15’)
- Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica (15’)
- Projeto Tecendo a Mata (15’)
-
III- Ordem do Dia
Projeto Restauração Cidadã (15’)
Clayton Lino – Coordenação Geral
-
Coordenador de Cooperação
Internacional da RBMA
Com a palavra @s Conselheir@s – sugestões/dúvidas
Votação
Favor:
Contra:
Abstenção
III- Ordem do Dia
Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica
Mary Sorage/Fernando Bezerra –
Coordenação Geral
Coordenações Estaduais:
NE:
SE/CO:
S:
Presidente
CNRBMA
Vice-Presidente
CNRBMA
Programa Abelhas Nativas da Mata
Atlântica
Mary Sorage/Fernando Bezerra – Coordenação Geral
Natal/RN/Brasil
Planejamento Estratégico da RBMA
4. PROGRAMAS E PROJETOS voltados à conservação e à recuperação
da Mata Atlântica e de suas áreas costeiras e marinhas adjacentes, com
reconhecimento e valorização dos recursos naturais e culturais, ao
desenvolvimento sustentável e economia de qualidade e à promoção do
conhecimento tradicional e científico
Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica - Justificativa
Numa perspectiva de transversalidade e conexão, e considerando que o bioma Mata Atlântica vem
sofrendo redução significativa de suas áreas nativas devido a intensa ação antrópica para fins
agropecuários e de crescimento de áreas urbanas, causando impactos negativos sobre as abelhas
sem ferrão, no que se refere a diminuição dos tamanhos efetivos das populações e de interações
ecológicas, o desenvolvimento de um Programa que trabalhe com as abelhas sem ferrão,
promoverá ações voltadas para a conservação, desenvolvimento sustentável e promoção do
conhecimento tradicional e científica na área do Bioma.
A abordagem de paisagens é fundamental para o sucesso de uma Reserva da Biosfera. Nesse
sentido, o presente Programa reforça os elementos de conectividade das paisagens, buscando o
estabelecimento de padrões aplicáveis em toda RBMA, a integração com elementos transparentes
e participativos de monitoramento e reporte de ações com reflexo na conectividade de paisagens no
bioma.
Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica – Objetivo Geral
Integrar ações de valorização do
conhecimento científico/tradicional,
educação ambiental, conservação,
cadeias produtivas sustentáveis nos 17
estados de ocorrência do Bioma
Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica – Objetivos
Específicos
● Identificar as espécies de abelhas nativas (incluindo as solitárias);
● Implantar meliponários educativos nos PAS;
● Levantar os meliponários existentes nos 17 Estados do Bioma;
● Produzir material didático-pedagógico com descrição e ilustração de
● espécies existentes (folders/álbum de figurinhas);
● Capacitar agentes multiplicadores;
● Implantar meliponários promovendo cadeias produtivas sustentáveis (CPT)
Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica – Perspectivas
● Na concepção de um Programa que será permanente, a ideia é
ampliar para trabalhar com um público cada vez maior,
fortalecendo as cadeias produtivas sustentáveis, conservação da
biodiversidade, educação ambiental e o conhecimento científico
e tradicional, com vistas a uma divulgação robusta sobre a
importância ecológica, econômica, social das abelhas.
Com a palavra @s Conselheir@s – sugestões/dúvidas
Votação
Favor:
Contra:
Abstenção
III- Ordem do Dia
Projeto Tecendo a Mata (15’)
Mary Sorage/Fernando Bezerra –
Coordenação Geral
Coordenação Técnica: Alexandre
Krob e Mário Cencig
Coordenações Estaduais:
NE:
SE/CO:
S:
Presidente
CNRBMA
Vice-Presidente
CNRBMA
Projeto Tecendo a Mata
Mary Sorage/Fernando Bezerra – Coordenação Geral
Natal/RN/Brasil
Planejamento Estratégico da RBMA
1. FORTALECIMENTO E APRIMORAMENTO DO SISTEMA DE GESTÃO DA RBMA, focando em um efetivo processo
de descentralização, no fortalecimento das instâncias estaduais e municipais, na capacitação continuada, na formação e
mobilização de novas lideranças, garantindo e fortalecendo a inclusão de povos originários e tradicionais e de jovens e
mulheres, e na obtenção da sustentabilidade financeira.
2. POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO, DIVULGAÇÃO, MOBILIZAÇÃO E SENSIBILIZAÇÃO AMBIENTAL DA RBMA,
aprimorar a comunicação interna com os membros do Sistema de Gestão, a Planejamento Estratégico da RBMA 2021-
2030 divulgação para a sociedade, a mobilização, educação ambiental e educação patrimonial com enfoque local, a partir
dos municípios e da organização da sociedade civil, além da comunicação externa, tanto nacional como internacional. pios
e da organização da sociedade civil, além da comunicação externa, tanto nacional como internacional
4. PROGRAMAS E PROJETOS voltados à conservação e à recuperação da Mata Atlântica e de suas áreas costeiras e
marinhas adjacentes, com reconhecimento e valorização dos recursos naturais e culturais, ao desenvolvimento sustentável
e economia de qualidade e à promoção do conhecimento tradicional e científico
III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’)
Programa de Capacitação para Gestão Participativa
O Programa Tecendo a Mata tem o propósito de orientar a estruturação de capacitações de
todo o sistema de gestão da RBMA, para que a participação no processo de gestão seja cada
vez mais efetiva e valorizada.
É evidente a necessidade de uma capacitação continuada da Reserva, dadas as grandes
dimensões e complexidade territorial da RBMA, que exigiu a estruturação de um sistema de
gestão colegiado, participativo e descentralizado, que assegurasse sua consolidação
institucional, a descentralização de suas ações e o desenvolvimento em campo de projetos
nas áreas de conservação da biodiversidade, da difusão do conhecimento e da promoção do
desenvolvimento sustentável.
Nesse sentido, um dos grandes desafios é promover um efetivo processo de descentralização,
no fortalecimento das instâncias estaduais e municipais, na capacitação continuada, na
formação e mobilização de novas lideranças, garantindo e fortalecendo a inclusão de povos
originários e tradicionais e de jovens e mulheres, e na obtenção da sustentabilidade financeira.
III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Objetivo Geral
Sensibilizar, mobilizar, capacitar Conselheiras/Conselheiros,
Postos Avançados, UGD, Rede de Jovens, Mulheres,
Comunidades Tradicionais, Populações Indígenas,
Universidades/Escolas Técnicas, Organizações da Sociedade
Civil, Setor Privado, para que a participação no processo de
gestão da RBMA seja cada vez mais efetiva e valorizada.
III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Objetivos
Específicos
● Construir processos de aprendizagem significativos, conectando conceitos à experiência,
gerando novas perspectivas e significados em todo o Sistema de Gestão da RBMA;
● Motivar o desenvolvimento de processos de ensino e aprendizagem que envolvam todo o
Sistema de Gestão da RBMA na solução de conflitos que afetem o ambiente e o território
em que vivem;
● Estimular uma postura crítica com ênfase na participação social transformadora e o
exercício da cidadania;
● Promover o debate sobre temas nacionais e internacionais afetos à RBMA.
III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Processo de
capacitação para a Gestão Participativa
● Sensibilização - porta de entrada para que haja abertura a outras abordagens educativas,
promove o despertar da criticidade das pessoas em suas escolhas, na sua percepção do
meio, potencializando a indagação e indignação frente a imagens e vivências cotidianas.
● Mobilização - convocar vontades para atuar na busca de um propósito comum, sob uma
interpretação e um sentido também compartilhados. Participar ou não de um processo de
mobilização social é um ato de escolha.
● Eventos de Capacitação * - são momentos planejados para facilitar o aprendizado, a
reflexão, a análise crítica de determinados conhecimentos.
III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Eventos de
Capacitação *
● CURSO/MINICURSO
● PALESTRA
● OFICINA
● CICLO DE PALESTRAS
● ENCONTRO
● INTERCÂMBIO
III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Metodologia
Conhecimentos gerais para a gestão participativa – Virtual (Google meet)
● O Programa MAB - História, contexto político, social e
econômico
● Rede IberoMAB
● As Redes de Reservas da Biosfera
● MAB no Brasil/Rede Brasileira de Reservas da Biosfera - O
funcionamento e o processo de gestão compartilhada de uma
● As RBs do Brasil
● Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável
● Protocolo de Kyoto em 1997
● Acordo de Paris adotado em 2015
● As COPs (Clima e Biodiversidade) – Histórico, evolução,
status, Política climática/biodiversidade
● Conhecendo o Sistema de Gestão da RBMA
● Instrumentos de gestão da RBMA
● Legislação ambiental
● Entendimento de políticas públicas nas áreas social,
econômica, cultural, ambiental e de educação
● Diversidade e respeito ao outro
● OUVIR SUGESTÔES DO CN
III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) –
Metodologia - Conselheiros – Virtual (Google meet)
Sugestivo
Jovens
Mulheres
Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais
Encerramento do Dia 21/11/23
“O correr da vida embrulha tudo,
a vida é assim: esquenta e esfria,
aperta e daí afrouxa, sossega e depois
desinquieta.
O que ela quer da gente é coragem.”
Guimarães Rosa
Bom dia!!!
III- Ordem do Dia
Dia 22/11/23 – Manhã (9 – 12h)
Programas e Projetos (1h00):
- Rede de Jovens – RJRBMA (10’)
- Empresa Amiga (10’)
- Postos Avançados (10’)
- Turismo Sustentável (10’)
- Cooperação Internacional (10’)
Postos Avançados (PAs) – (1h15)
- Renovação – 10’
- Novos Postos (11) – (3-5’ p/cada)
- APA Jenipabu/RN, ARIE Sítio Curió/CE,
Aruá Observação de Aves/BA, Cajueiro de
Pirangi/RN, Fazenda Bicho Preguiça/BA,
Jardim Botânico de Salvador/BA, Parque
Estadual de Itaúnas/ES, Reserva
Jaguarapira/PR, RPPN Reserva Natural
Reluz/ES, Parque Mata da Pipa/RN, Tekoa
Yvy Porã/SP
Rede de Jovens – RJRBMA – Avanços (10’)
Rafael Juan
Vice-coordenador RJRBMA
Empresa Amiga (10’)
PROGRAMA EMPRESA AMIGA DA MATA ATLÂNTICA
COORDENADOR EXECUTIVO:
Leiz da Silva Rosa
Natal, Rio Grande do Norte 11/2023
O Título “Empresa Amiga da Mata Atlântica” identifica as empresas que contribuem para a
conservação e o uso sustentável da Mata Atlântica, por meio de ações próprias e do apoio às
ações da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica-RBMA, vinculada ao Programa MAB (Man and the
Biosphere) da UNESCO.
Nesse sentido, o Título reconhece as Empresas, que podem usar a Marca Empresa Amiga da
Mata Atlântica e passam a ser parceiras da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica.
O Título tem validade de 1 ano podendo ser renovado indefinidamente, havendo o interesse da
empresa e aprovação da Comissão de Avaliação do Programa.
As empresa detentoras do Título, deverão comprovar sua contribuição para conservação, o
conhecimento e o desenvolvimento sustentável da Mata Atlântica e comprometer-se com uma
contribuição financeira compatível com seu porte com vistas a apoiar os programas e projetos da
RBMA.
Empresas cadastradas no Programa
1. CPEA – Consultoria e Planejamento Ambiental: Empresa
cadastrada no programa desde 2017 – São Paulo;
2. Marquise Serviços Ambientais S/A: Empresa cadastrada no
programa desde 2021 – Ceará;
3. Usina Coruripe: Empresa cadastrada no programa desde
2017 – Alagoas;
4. Bracell Bahia Florestal: Empresa cadastrada no programa
desde 2021 – Bahia;
5. Usina Santo Antônio: Empresa cadastrada no programa desde
2022 – Alagoas;
6. Espaço Namata: Empresa cadastrada no programa desde
2019- Paraná;
7. COMBUSTECH – Tecnologia de Combustão: Empresa
cadastrada no programa desde 2021 – São Paulo;
8. Votorantim Cimentos: Empresa cadastrada no programa
desde 2017 – São Paulo;
Novas Empresa Amigas da Mata
Atlântica cadastradas em 2023
1. ELERA RENOVAVEIS: Empresa
cadastrada no programa em 2023 -
Rio Grande do Norte;
2. Casa dos Ventos: Empresa
cadastrada no programa em 2023 -
Rio Grande do Norte;
3. EDP Renewables: Empresa
cadastrada no programa em 2023 -
Rio Grande do Norte;
4. Neoenergia: Empresa cadastrada no
programa em 2023 - Rio Grande do
Norte;
5. CRNBio
6. Natal Reciclagem
PRÓXIMOS PASSOS
O QUE QUEREMOS SER?
ONDE QUEREMOS CHEGAR?
QUAIS METAS QUEREMOS ALCANÇAR?
PORQUE AS EMPRESAS PRECISAM DA MARCA EMPRESA AMIGA DA MATA ATLÂNTICA?
Comitê Gestor do Programa Empresa Amiga da Mata Atlântica
A atual composição do Comitê Gestor do Programa Empresa Amiga da Mata Atlântica,
foi formada durante o Encontro Anual da RBMA 2018, na 26ª Reunião do CN-RBMA.
1 - Presidência do CN-RBMA
1 - Diretoria Executiva do IA-RBMA
1 - Representante Titular e Suplente do Setor
Empresarial:
1 - Representante Titular e Suplente de
ONGs;
1 - Representante Titular e Suplente de
Governo:
1 - Especialista em Comunicação
1 - Coordenador do Programa
1 - Coordenador do Conselho Curado do
IA-RBMA
PROGRAMA EMPRESA AMIGA DA MATA ATLÂNTICA 2023
Quem trabalha pela Mata Atlântica merece esse reconhecimento
A partir deste evento
Obrigado!
Coordenação Executiva do Programa: Leiz da Silva Rosa
E-mail: secretaria@rbma.org.br
WhatsApp: +5511 933671683
Postos Avançados (10’)
Leiz Rosa
Coordenador Executivo
Turismo Sustentável (10’)
Ana Lopez
Coordenadora Técnica e Financeira
Cooperação Internacional (10’)
https://www.uninter.com/noticias/pandemia-expoe-urgencia-de-uma-cooperacao-internacional-mais-equilibrada-e-duradoura
III- Ordem do Dia
Postos Avançados (PAs) – (1h15)
- Renovação – 15’
- Novos Postos (11) – (3-5’ p/cada)
- APA Jenipabu/RN, ARIE Sítio Curió/CE,
Aruá Observação de Aves/BA, Cajueiro de
Pirangi/RN, Fazenda Bicho Preguiça/BA,
Jardim Botânico de Salvador/BA, Parque
Estadual de Itaúnas/ES, Reserva
Jaguarapira/PR, RPPN Reserva Natural
Reluz/ES, Parque Mata da Pipa/RN, Tekoa
Yvy Porã/SP
III- Ordem do Dia ● APA Jenipabu/RN
● ARIE Sítio Curió/CE
● Aruá Observação de Aves/BA
● Cajueiro de Pirangi/RN
● Fazenda Bicho Preguiça/BA
● Jardim Botânico de Salvador/BA
● Parque Estadual de Itaúnas/ES
● Reserva Jaguarapira/PR, RPPN
● Reserva Natural Reluz/ES
● Parque Mata da Pipa/RN
● Tekoa Yvy Porã/SP
Postos Avançados (PAs) – (1h15)
- Novos Postos (11) – (3-5’ p/cada)
Intervalo para o Almoço – 12 às 13h20
III. Ordem do Dia
Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30
Compartilhando Experiências exitosas: a
atuação dos Comitês (1h15)
- BA – Cons. Adriana Castro – 15’
- CE – Cons. Fernando Bezerra – 15’
- RS – Cons. Alexandre Krob – 15’
IV- Minuta da Carta de Natal (30’)
V - Moções - Link para apresentação (1h)
https://forms.gle/yhud1SjciBLtA8Hp8IV
VI - Assuntos gerais: (45’)
Fórum de Gestores de UCs
2º Congresso Brasileiro de Trilhas
2º Congresso da Rede IberoMAb
3º Fórum de Jovens da Rede IberoMAB
SAPIS
Outros
VII. Encerramento (15) - Fotografia
III. Ordem do Dia
Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30
Compartilhando Experiências exitosas: a atuação dos Comitês (1h15)
- BA – Cons. Adriana Castro – 15’
- CE – Cons. Fernando Bezerra – 15’
- RS – Cons. Alexandre Krob – 15’
III. Ordem do Dia - Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30
IV- Minuta da Carta de Natal (30’)
V - Moções - Link para apresentação (1h) https://forms.gle/yhud1SjciBLtA8Hp8IV
VI - Assuntos gerais: (45’)
● Fórum de Gestores de UCs
● 2º Congresso Brasileiro de Trilhas
● 2º Congresso da Rede IberoMAb
● 3º Fórum de Jovens da Rede IberoMAB
● SAPIS
● Outros
VII. Encerramento (15) - Fotografia
III. Ordem do Dia - Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30
IV- Minuta da Carta de Natal (30’)
III. Ordem do Dia - Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30
V - Moções - Link para apresentação (1h)
https://forms.gle/yhud1SjciBLtA8Hp8IV
III. Ordem do Dia - Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30
VI - Assuntos gerais: (45’)
Fórum de Gestores de UCs
2º Congresso Brasileiro de Trilhas
2º Congresso da Rede IberoMAb
3º Fórum de Jovens da Rede IberoMAB
SAPIS
Outros
Encerramento
Reflexões Finais
32ª_Reunião Ordinária_Conselho Nacional_2023.pptx
32ª_Reunião Ordinária_Conselho Nacional_2023.pptx

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 32ª_Reunião Ordinária_Conselho Nacional_2023.pptx

Ticcas_Brasil_estudo_legal.pdf
Ticcas_Brasil_estudo_legal.pdfTiccas_Brasil_estudo_legal.pdf
Ticcas_Brasil_estudo_legal.pdf
GiulianaCadorin3
 
Apresentação espinhaço
Apresentação espinhaçoApresentação espinhaço
Apresentação espinhaço
Rodrigo Tinoco
 
Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110
Josete Sampaio
 
Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110
Josete Sampaio
 
Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110
Josete Sampaio
 
Unidades de Conservação do Litoral Norte
Unidades de Conservação do Litoral NorteUnidades de Conservação do Litoral Norte
Unidades de Conservação do Litoral Norte
Ricardo Anderáos
 
Aula 1 - Violêta Kubrusly
Aula 1 - Violêta KubruslyAula 1 - Violêta Kubrusly
Aula 1 - Violêta Kubrusly
Habitação e Cidade
 
Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110
Josete Sampaio
 
Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110
Josete Sampaio
 
Consulta pública apa
Consulta pública apaConsulta pública apa
Consulta pública apa
Pedro Stiehl
 
Comitê estadual da reserva da biosfera da mata atlântica -26/06/2012
Comitê estadual da reserva da biosfera da mata atlântica -26/06/2012Comitê estadual da reserva da biosfera da mata atlântica -26/06/2012
Comitê estadual da reserva da biosfera da mata atlântica -26/06/2012
Secretaria Planejamento SC
 
A Serra do Cabral no contexto da reserva da biosfera
A Serra do Cabral no contexto da reserva da biosferaA Serra do Cabral no contexto da reserva da biosfera
A Serra do Cabral no contexto da reserva da biosfera
CBH Rio das Velhas
 
Proposta palestras icid2
Proposta palestras icid2Proposta palestras icid2
Proposta palestras icid2
Marcelo Luiz
 
atlas dos manguezais do Brasil - Ministério do Meio Ambiente
atlas dos manguezais do Brasil - Ministério do Meio Ambienteatlas dos manguezais do Brasil - Ministério do Meio Ambiente
atlas dos manguezais do Brasil - Ministério do Meio Ambiente
eliezerconceicao
 
Cartilha residuos-da-construcao-civil
Cartilha residuos-da-construcao-civilCartilha residuos-da-construcao-civil
Cartilha residuos-da-construcao-civil
Markuns Amaral
 
Apêndice B Unidades de significado - governança - autodiagnóstico
Apêndice B  Unidades de significado - governança - autodiagnósticoApêndice B  Unidades de significado - governança - autodiagnóstico
Apêndice B Unidades de significado - governança - autodiagnóstico
Ouvidoria do Mar
 
A apa sul rmbh forum 021209
A apa sul rmbh forum 021209A apa sul rmbh forum 021209
A apa sul rmbh forum 021209
Rodrigo Tinoco
 
Programacao Encontro de Gestores de Unidade Conservação
Programacao Encontro de Gestores de Unidade ConservaçãoProgramacao Encontro de Gestores de Unidade Conservação
Programacao Encontro de Gestores de Unidade Conservação
EsperancaConduru
 
Comitê anuncia saída de Conselhos do Parque do Rola Moça e APA Sul
Comitê anuncia saída de Conselhos do Parque do Rola Moça e APA SulComitê anuncia saída de Conselhos do Parque do Rola Moça e APA Sul
Comitê anuncia saída de Conselhos do Parque do Rola Moça e APA Sul
CBH Rio das Velhas
 
Adequção ambiental
Adequção ambientalAdequção ambiental
Adequção ambiental
Boris Marinho
 

Semelhante a 32ª_Reunião Ordinária_Conselho Nacional_2023.pptx (20)

Ticcas_Brasil_estudo_legal.pdf
Ticcas_Brasil_estudo_legal.pdfTiccas_Brasil_estudo_legal.pdf
Ticcas_Brasil_estudo_legal.pdf
 
Apresentação espinhaço
Apresentação espinhaçoApresentação espinhaço
Apresentação espinhaço
 
Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110
 
Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110
 
Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110
 
Unidades de Conservação do Litoral Norte
Unidades de Conservação do Litoral NorteUnidades de Conservação do Litoral Norte
Unidades de Conservação do Litoral Norte
 
Aula 1 - Violêta Kubrusly
Aula 1 - Violêta KubruslyAula 1 - Violêta Kubrusly
Aula 1 - Violêta Kubrusly
 
Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110
 
Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110Ataencaminhamentos3110
Ataencaminhamentos3110
 
Consulta pública apa
Consulta pública apaConsulta pública apa
Consulta pública apa
 
Comitê estadual da reserva da biosfera da mata atlântica -26/06/2012
Comitê estadual da reserva da biosfera da mata atlântica -26/06/2012Comitê estadual da reserva da biosfera da mata atlântica -26/06/2012
Comitê estadual da reserva da biosfera da mata atlântica -26/06/2012
 
A Serra do Cabral no contexto da reserva da biosfera
A Serra do Cabral no contexto da reserva da biosferaA Serra do Cabral no contexto da reserva da biosfera
A Serra do Cabral no contexto da reserva da biosfera
 
Proposta palestras icid2
Proposta palestras icid2Proposta palestras icid2
Proposta palestras icid2
 
atlas dos manguezais do Brasil - Ministério do Meio Ambiente
atlas dos manguezais do Brasil - Ministério do Meio Ambienteatlas dos manguezais do Brasil - Ministério do Meio Ambiente
atlas dos manguezais do Brasil - Ministério do Meio Ambiente
 
Cartilha residuos-da-construcao-civil
Cartilha residuos-da-construcao-civilCartilha residuos-da-construcao-civil
Cartilha residuos-da-construcao-civil
 
Apêndice B Unidades de significado - governança - autodiagnóstico
Apêndice B  Unidades de significado - governança - autodiagnósticoApêndice B  Unidades de significado - governança - autodiagnóstico
Apêndice B Unidades de significado - governança - autodiagnóstico
 
A apa sul rmbh forum 021209
A apa sul rmbh forum 021209A apa sul rmbh forum 021209
A apa sul rmbh forum 021209
 
Programacao Encontro de Gestores de Unidade Conservação
Programacao Encontro de Gestores de Unidade ConservaçãoProgramacao Encontro de Gestores de Unidade Conservação
Programacao Encontro de Gestores de Unidade Conservação
 
Comitê anuncia saída de Conselhos do Parque do Rola Moça e APA Sul
Comitê anuncia saída de Conselhos do Parque do Rola Moça e APA SulComitê anuncia saída de Conselhos do Parque do Rola Moça e APA Sul
Comitê anuncia saída de Conselhos do Parque do Rola Moça e APA Sul
 
Adequção ambiental
Adequção ambientalAdequção ambiental
Adequção ambiental
 

Mais de ReservadaBiosferadaM

CONMATUR 32º Encontro Nacional da RBMA.ppt
CONMATUR 32º Encontro Nacional da RBMA.pptCONMATUR 32º Encontro Nacional da RBMA.ppt
CONMATUR 32º Encontro Nacional da RBMA.ppt
ReservadaBiosferadaM
 
SEDE DO PARQUE ESTADUAL MATA DA PIPA - PEMP
SEDE DO PARQUE ESTADUAL MATA DA PIPA - PEMPSEDE DO PARQUE ESTADUAL MATA DA PIPA - PEMP
SEDE DO PARQUE ESTADUAL MATA DA PIPA - PEMP
ReservadaBiosferadaM
 
CEARÁ MAIS VERDE Fernando Bezerra .pptx
CEARÁ MAIS VERDE Fernando Bezerra .pptxCEARÁ MAIS VERDE Fernando Bezerra .pptx
CEARÁ MAIS VERDE Fernando Bezerra .pptx
ReservadaBiosferadaM
 
Fazenda Bicho Preguiça - BA proposta posto avançado .pdf
Fazenda Bicho Preguiça - BA proposta posto avançado .pdfFazenda Bicho Preguiça - BA proposta posto avançado .pdf
Fazenda Bicho Preguiça - BA proposta posto avançado .pdf
ReservadaBiosferadaM
 
Aruá final RBMA Conectando Pessoas e Floresta RBMA.pdf
Aruá final RBMA Conectando Pessoas e Floresta  RBMA.pdfAruá final RBMA Conectando Pessoas e Floresta  RBMA.pdf
Aruá final RBMA Conectando Pessoas e Floresta RBMA.pdf
ReservadaBiosferadaM
 
Apresentação Tekoa Yvy Porã 32 CN - Natal 2023.pdf
Apresentação Tekoa Yvy Porã 32 CN - Natal 2023.pdfApresentação Tekoa Yvy Porã 32 CN - Natal 2023.pdf
Apresentação Tekoa Yvy Porã 32 CN - Natal 2023.pdf
ReservadaBiosferadaM
 
apresentação Cajueiro_32º Encontro Nacional da RBMA.pptx
apresentação Cajueiro_32º Encontro Nacional da RBMA.pptxapresentação Cajueiro_32º Encontro Nacional da RBMA.pptx
apresentação Cajueiro_32º Encontro Nacional da RBMA.pptx
ReservadaBiosferadaM
 
Área de Proteção Ambiental Jenipabu 32º Encontro Nacional da RBMA
Área de Proteção Ambiental Jenipabu 32º Encontro Nacional da RBMAÁrea de Proteção Ambiental Jenipabu 32º Encontro Nacional da RBMA
Área de Proteção Ambiental Jenipabu 32º Encontro Nacional da RBMA
ReservadaBiosferadaM
 
ARIE SITIO CURIÓ 32º Encontro Nacional RBMA_
ARIE SITIO CURIÓ 32º Encontro Nacional RBMA_ARIE SITIO CURIÓ 32º Encontro Nacional RBMA_
ARIE SITIO CURIÓ 32º Encontro Nacional RBMA_
ReservadaBiosferadaM
 
Apresentação Impactos e desafios das Mudanças climáticas para a juventude da ...
Apresentação Impactos e desafios das Mudanças climáticas para a juventude da ...Apresentação Impactos e desafios das Mudanças climáticas para a juventude da ...
Apresentação Impactos e desafios das Mudanças climáticas para a juventude da ...
ReservadaBiosferadaM
 
Apresentação Restauração Cidadã na Mata Atlântica.pptx
Apresentação Restauração Cidadã na Mata Atlântica.pptxApresentação Restauração Cidadã na Mata Atlântica.pptx
Apresentação Restauração Cidadã na Mata Atlântica.pptx
ReservadaBiosferadaM
 
Programa de Jovens da RBMA - 2023.ppt
Programa de Jovens da RBMA - 2023.pptPrograma de Jovens da RBMA - 2023.ppt
Programa de Jovens da RBMA - 2023.ppt
ReservadaBiosferadaM
 
Apresentação Andre Luiz_25/05/23.pdf
Apresentação Andre Luiz_25/05/23.pdfApresentação Andre Luiz_25/05/23.pdf
Apresentação Andre Luiz_25/05/23.pdf
ReservadaBiosferadaM
 
Apresentação Angela Guirao_Reconecta RMC_25/05/23.pdf
Apresentação Angela Guirao_Reconecta RMC_25/05/23.pdfApresentação Angela Guirao_Reconecta RMC_25/05/23.pdf
Apresentação Angela Guirao_Reconecta RMC_25/05/23.pdf
ReservadaBiosferadaM
 
Apresentação Eduardo Kimoto SEMINÁRIO NACIONAL RBMA_25/05/23.pdf
Apresentação Eduardo Kimoto SEMINÁRIO NACIONAL RBMA_25/05/23.pdfApresentação Eduardo Kimoto SEMINÁRIO NACIONAL RBMA_25/05/23.pdf
Apresentação Eduardo Kimoto SEMINÁRIO NACIONAL RBMA_25/05/23.pdf
ReservadaBiosferadaM
 
Apresentação Marcelo Coluccini 25/05/23.pptx
Apresentação Marcelo Coluccini 25/05/23.pptxApresentação Marcelo Coluccini 25/05/23.pptx
Apresentação Marcelo Coluccini 25/05/23.pptx
ReservadaBiosferadaM
 
Apresentação Coord Estadual de Proteção e Defesa Civil - chuvas de verão ...
Apresentação Coord Estadual de Proteção e Defesa Civil - chuvas de verão ...Apresentação Coord Estadual de Proteção e Defesa Civil - chuvas de verão ...
Apresentação Coord Estadual de Proteção e Defesa Civil - chuvas de verão ...
ReservadaBiosferadaM
 
Apresentação Cristiano Awa Kiririndju e Thiago TUPÃ Mirim_25/05/23.pdf
Apresentação Cristiano Awa Kiririndju e Thiago TUPÃ Mirim_25/05/23.pdfApresentação Cristiano Awa Kiririndju e Thiago TUPÃ Mirim_25/05/23.pdf
Apresentação Cristiano Awa Kiririndju e Thiago TUPÃ Mirim_25/05/23.pdf
ReservadaBiosferadaM
 
Apresentação - Secretaria Nacional de Mudanças do Clima - SMC_25/05/23.pptx
Apresentação - Secretaria Nacional de Mudanças do Clima - SMC_25/05/23.pptxApresentação - Secretaria Nacional de Mudanças do Clima - SMC_25/05/23.pptx
Apresentação - Secretaria Nacional de Mudanças do Clima - SMC_25/05/23.pptx
ReservadaBiosferadaM
 
Gabriela Seminario MA_Palestra Magna_25/05/23.pdf
Gabriela Seminario MA_Palestra Magna_25/05/23.pdfGabriela Seminario MA_Palestra Magna_25/05/23.pdf
Gabriela Seminario MA_Palestra Magna_25/05/23.pdf
ReservadaBiosferadaM
 

Mais de ReservadaBiosferadaM (20)

CONMATUR 32º Encontro Nacional da RBMA.ppt
CONMATUR 32º Encontro Nacional da RBMA.pptCONMATUR 32º Encontro Nacional da RBMA.ppt
CONMATUR 32º Encontro Nacional da RBMA.ppt
 
SEDE DO PARQUE ESTADUAL MATA DA PIPA - PEMP
SEDE DO PARQUE ESTADUAL MATA DA PIPA - PEMPSEDE DO PARQUE ESTADUAL MATA DA PIPA - PEMP
SEDE DO PARQUE ESTADUAL MATA DA PIPA - PEMP
 
CEARÁ MAIS VERDE Fernando Bezerra .pptx
CEARÁ MAIS VERDE Fernando Bezerra .pptxCEARÁ MAIS VERDE Fernando Bezerra .pptx
CEARÁ MAIS VERDE Fernando Bezerra .pptx
 
Fazenda Bicho Preguiça - BA proposta posto avançado .pdf
Fazenda Bicho Preguiça - BA proposta posto avançado .pdfFazenda Bicho Preguiça - BA proposta posto avançado .pdf
Fazenda Bicho Preguiça - BA proposta posto avançado .pdf
 
Aruá final RBMA Conectando Pessoas e Floresta RBMA.pdf
Aruá final RBMA Conectando Pessoas e Floresta  RBMA.pdfAruá final RBMA Conectando Pessoas e Floresta  RBMA.pdf
Aruá final RBMA Conectando Pessoas e Floresta RBMA.pdf
 
Apresentação Tekoa Yvy Porã 32 CN - Natal 2023.pdf
Apresentação Tekoa Yvy Porã 32 CN - Natal 2023.pdfApresentação Tekoa Yvy Porã 32 CN - Natal 2023.pdf
Apresentação Tekoa Yvy Porã 32 CN - Natal 2023.pdf
 
apresentação Cajueiro_32º Encontro Nacional da RBMA.pptx
apresentação Cajueiro_32º Encontro Nacional da RBMA.pptxapresentação Cajueiro_32º Encontro Nacional da RBMA.pptx
apresentação Cajueiro_32º Encontro Nacional da RBMA.pptx
 
Área de Proteção Ambiental Jenipabu 32º Encontro Nacional da RBMA
Área de Proteção Ambiental Jenipabu 32º Encontro Nacional da RBMAÁrea de Proteção Ambiental Jenipabu 32º Encontro Nacional da RBMA
Área de Proteção Ambiental Jenipabu 32º Encontro Nacional da RBMA
 
ARIE SITIO CURIÓ 32º Encontro Nacional RBMA_
ARIE SITIO CURIÓ 32º Encontro Nacional RBMA_ARIE SITIO CURIÓ 32º Encontro Nacional RBMA_
ARIE SITIO CURIÓ 32º Encontro Nacional RBMA_
 
Apresentação Impactos e desafios das Mudanças climáticas para a juventude da ...
Apresentação Impactos e desafios das Mudanças climáticas para a juventude da ...Apresentação Impactos e desafios das Mudanças climáticas para a juventude da ...
Apresentação Impactos e desafios das Mudanças climáticas para a juventude da ...
 
Apresentação Restauração Cidadã na Mata Atlântica.pptx
Apresentação Restauração Cidadã na Mata Atlântica.pptxApresentação Restauração Cidadã na Mata Atlântica.pptx
Apresentação Restauração Cidadã na Mata Atlântica.pptx
 
Programa de Jovens da RBMA - 2023.ppt
Programa de Jovens da RBMA - 2023.pptPrograma de Jovens da RBMA - 2023.ppt
Programa de Jovens da RBMA - 2023.ppt
 
Apresentação Andre Luiz_25/05/23.pdf
Apresentação Andre Luiz_25/05/23.pdfApresentação Andre Luiz_25/05/23.pdf
Apresentação Andre Luiz_25/05/23.pdf
 
Apresentação Angela Guirao_Reconecta RMC_25/05/23.pdf
Apresentação Angela Guirao_Reconecta RMC_25/05/23.pdfApresentação Angela Guirao_Reconecta RMC_25/05/23.pdf
Apresentação Angela Guirao_Reconecta RMC_25/05/23.pdf
 
Apresentação Eduardo Kimoto SEMINÁRIO NACIONAL RBMA_25/05/23.pdf
Apresentação Eduardo Kimoto SEMINÁRIO NACIONAL RBMA_25/05/23.pdfApresentação Eduardo Kimoto SEMINÁRIO NACIONAL RBMA_25/05/23.pdf
Apresentação Eduardo Kimoto SEMINÁRIO NACIONAL RBMA_25/05/23.pdf
 
Apresentação Marcelo Coluccini 25/05/23.pptx
Apresentação Marcelo Coluccini 25/05/23.pptxApresentação Marcelo Coluccini 25/05/23.pptx
Apresentação Marcelo Coluccini 25/05/23.pptx
 
Apresentação Coord Estadual de Proteção e Defesa Civil - chuvas de verão ...
Apresentação Coord Estadual de Proteção e Defesa Civil - chuvas de verão ...Apresentação Coord Estadual de Proteção e Defesa Civil - chuvas de verão ...
Apresentação Coord Estadual de Proteção e Defesa Civil - chuvas de verão ...
 
Apresentação Cristiano Awa Kiririndju e Thiago TUPÃ Mirim_25/05/23.pdf
Apresentação Cristiano Awa Kiririndju e Thiago TUPÃ Mirim_25/05/23.pdfApresentação Cristiano Awa Kiririndju e Thiago TUPÃ Mirim_25/05/23.pdf
Apresentação Cristiano Awa Kiririndju e Thiago TUPÃ Mirim_25/05/23.pdf
 
Apresentação - Secretaria Nacional de Mudanças do Clima - SMC_25/05/23.pptx
Apresentação - Secretaria Nacional de Mudanças do Clima - SMC_25/05/23.pptxApresentação - Secretaria Nacional de Mudanças do Clima - SMC_25/05/23.pptx
Apresentação - Secretaria Nacional de Mudanças do Clima - SMC_25/05/23.pptx
 
Gabriela Seminario MA_Palestra Magna_25/05/23.pdf
Gabriela Seminario MA_Palestra Magna_25/05/23.pdfGabriela Seminario MA_Palestra Magna_25/05/23.pdf
Gabriela Seminario MA_Palestra Magna_25/05/23.pdf
 

32ª_Reunião Ordinária_Conselho Nacional_2023.pptx

  • 1.
  • 2.
  • 3. 32ª Reunião Ordinária do CNRBMA Mary Sorage/Fernando Bezerra – Presidência Daniel Costa – Secretário Executivo 21 e 22 de novembro de 2023 Natal/RN/Brasil https://rbma.org.br/n/ @rbmataatlantica
  • 4. Verificação de Quórum Artigo 27º - Regimento § 2º - As reuniões serão realizadas, em primeira convocação, com no mínimo 2/3 (dois terços) dos membros ou de seus suplentes, e em segunda convocação, 30 (trinta) minutos depois, serão realizadas com, no mínimo, 1/3 (um terço) deles. 2/3 = 30 Conselheir@s 1/3 = 16 Conselheir@s
  • 5. A Rede de Reservas da Biosfera COORDENAÇÃO RBRB/Serra do Espinhaço: Miguel Ângelo Andrade – PUC de Minas Gerais Email: miguel.andrade.bio@gmail.com | Tel: (55) 31 98771-8878 https://reservasdabiosfera.org.br/
  • 6. A nossa marca - 1991 Muriqui Brachyteles arachnoides – Sul Brachyteles hypoxanthus - Norte Muriqui, o maior macaco das Américas, é nativo e exclusivo (endêmico) da Mata Atlântica brasileira. Animal amável, herbívoro, vive em bandos de 7 a 20 indivíduos, e pode chegar a 1.5 metro de comprimento, incluindo a cauda. No grupo, a hierarquia é regida pelo afeto. Ou seja, o centro do grupo não são os mais fortes, mas os mais queridos, que se destacam porque são os que mais ganham abraços dos companheiros. A característica diferencial é que o Muriqui do Norte possui a face e a genitália manchadas de rosa e branco.
  • 7. A Marca “Reserva da Biosfera da Mata Atlântica – RBMA” está atrelada à princípios básicos aprovados por seu Conselho Nacional. São eles: . Articulação Intersetorial / Cooperação / Parcerias . . Diálogo / Busca de Consenso . . Interdisciplinaridade . . Visão Nacional na escala do Bioma . . Representatividade das regiões abrangidas pela RBMA (NE,SE,S) . . Participação e Descentralização na Gestão da RBMA . . Estímulo / Incentivo às iniciativas em prol da Mata Atlântica . . Atitude construtiva e propositiva . . Atitude construtiva e propositiva . . Continuidade nas Ações e Programas . . Avaliação Permanente / Monitoramento . . Não superposição de competências institucionais . . Transparência e ética . . Divulgação dos conceitos e das ações que embasam a RBMA . . Respeito e valorização da pluralidade cultural .
  • 8. Pauta I- Verificação de Quórum e Abertura (15’) II- Aprovação da Ata da 31ª Reunião do Conselho Nacional – (Não será votada – problemas com o arquivo) III- Ordem do Dia - Plano de Ação 2023/2030 – 2h30 - Programas e Projetos - situação atual (45’) - Novas Propostas de Programas/Projetos – 1h10 (*) - Projeto Restauração Cidadã (15’) - Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica (15’) - Projeto Tecendo a Mata (15’) - Postos Avançados - renovação e novos Postos Compartilhando ( - Experiências exitosas - A atuação dos Comitês - Avanços da Rede de Jovens – RJRBMA IV- Minuta da Carta de Natal V - Moções - Link para apresentação: https://forms.gle/yhud1SjciBLtA8Hp8IV VI - Assuntos gerais: Fórum de Gestores de UCs 2º Congresso Brasileiro de Trilhas 2º Congresso da Rede IberoMAb 3º Fórum de Jovens da Rede IberoMAB SAPIS Outros VII. Encerramento (*) Dia 22/11/2023
  • 9. I - Abertura I.1- Boas vindas I.2- O que é uma Reserva da Biosfera (Vídeo) I.3- RBMA – Quem somos? I.4- Reflexões iniciais I.3- Atividades do Dia
  • 10. I.2- O que é uma Reserva da Biosfera
  • 11. I- Abertura I.3 – RBMA – Quem somos? - Maior Reserva da Biosfera do planeta, com 89.687.000 hectares, sendo 9.000.000 ha de zonas núcleo*, 38.508.000 ha de zonas de amortecimento e 41.400.000 ha de zonas de transição, dos quais aproximadamente 73.238.000 ha em áreas terrestres e 16.449.000 ha em áreas marinhas, nos 17 estados brasileiros** de ocorrência natural do Bioma Mata Atlântica. Encontra-se entremeada na área mais urbanizada e populosa do país, tendo em seu entorno de aproximadamente de 133.207.422 milhões de habitantes e atividades econômicas que respondem por aproximadamente 70% do PIB brasileiro. Abrange áreas de 2.733 dos 5.570 municípios brasileiros distribuídos pela área de ocorrência original do Bioma Mata Atlântica, sendo 682 integralmente inseridos e 2.051 parcialmente inseridos.
  • 12. As Funções da RBMA: ● CONSERVAÇÃO A conservação da biodiversidade e dos demais atributos naturais da Mata Atlântica incluindo a paisagem e os recursos hídricos, valorizando a sócio diversidade e o patrimônio étnico e cultural a ela vinculados. ● DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL O fomento ao desenvolvimento econômico que seja social, cultural e ecologicamente sustentável. ● CONHECIMENTO O apoio à produção e difusão do conhecimento tradicional e científico, à educação ambiental e à capacitação, bem como à pesquisa e o monitoramento nos campos da conservação e do desenvolvimento sustentável.
  • 13. * Zoneamento ● Zonas Núcleo – sua função é a proteção da biodiversidade. Correspondem basicamente às Unidades de Conservação de proteção integral como Parques e Estações Ecológicas. ● Zonas de Amortecimento – estabelecidas no entorno das zonas núcleo, ou entre elas, tem por objetivos minimizar os impactos negativos sobre estes núcleos e promover a qualidade de vida das populações da área, especialmente as comunidades tradicionais. ● Zonas de Transição - sem limites rigidamente definidos, envolvem as zonas de amortecimento e núcleo. Destinam-se prioritariamente ao monitoramento, à educação ambiental e à integração da Reserva com o seu entorno, onde predominam áreas urbanas, agrícolas e industriais.
  • 14. 17 estados brasileiros* - Viva os Estados da Mata Atlântica! * Alagoas . Bahia . Ceará . Espirito Santo . Goiás . Mato Grosso do Sul . Minas Gerais . Paraíba . Paraná . Pernambuco . Piauí . Rio de Janeiro . Rio Grande do Norte . Rio Grande do Sul . São Paulo . Santa Catarina . Sergipe.
  • 15. Lei Federal nº 11.428 de 22 de dezembro de 2006 Dispõe sobre a utilização e proteção da vegetação nativa do bioma Mata Atlântica, e dá outras providências. Art. 2º Para os efeitos desta Lei, consideram-se integrantes do Bioma Mata Atlântica as seguintes formações florestais nativas e ecossistemas associados, com as respectivas delimitações estabelecidas em mapa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE, conforme regulamento: Floresta Ombrófila Densa; Floresta Ombrófila Mista, também denominada de Mata de Araucárias; Floresta Ombrófila Aberta; Floresta Estacional Semidecidual; e Floresta Estacional Decidual, bem como os manguezais, as vegetações de restingas, campos de altitude, brejos interioranos e encraves florestais do Nordeste.
  • 16. A Fase 7 da RBMA - 1991 e 2018
  • 18. Sistema de Gestão CTA RJRBMA O Sistema de Gestão da RBMA é colegiado, participativo e descentralizado.
  • 19. Nossa missão é: “Contribuir de forma eficaz para o estabelecimento de uma relação harmônica entre as sociedades humanas e o ambiente na área da Mata Atlântica.”
  • 20. Programas da RBMA PROGRAMA ATIVOS AMBIENTAIS PROGRAMA DE COMUNICAÇÃO E EDUCAÇÃO AMBIENTAL
  • 21.
  • 22. Pauta II- Aprovação da Ata da 31ª Reunião do Conselho Nacional Não será colocada em votação, pois tivemos problemas com o arquivo e não foi encaminhado em tempo hábil para análise d@s Conselheir@s, de forma que as providências serão adotadas para ser aprovada na próxima Reunião Ordinária do CNRBMA.
  • 23. III- Ordem do Dia Dia 21/11/23 – Tarde (13h30 – 17h30) - Plano de Ação 2023/2030 – 2h30 - Novas Propostas de Programas/Projetos - 1h - Projeto Restauração Cidadã (15’) - Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica (15’) - Projeto Tecendo a Mata (15’) -
  • 24. III- Ordem do Dia Dia 21/11/23 – Tarde (13h30 – 17h30) - Plano de Ação 2023/2030 – 2h30 -
  • 25. III- Ordem do Dia – Plano de Ação – Mário Cencig - CTA Planejamento Estratégico - áreas estratégicas de atuação (2021 – 2030) 1. Fortalecimento e aprimoramento do sistema de gestão da RBMA 2. Política de comunicação, divulgação, mobilização e sensibilização ambiental da RBMA 3. Formulação e implementação de Políticas Públicas 4. Programas e Projetos 5. Cooperação Nacional e Internacional consolidando a inserção da RBMA no sistema UNESCO 6. Monitoramento e Gestão estratégica de dados ambientais, sociais, culturais e econômicos no território da RBMA
  • 26. Plano de Ação – Conselheiro Mário Cencig - CTA
  • 27. III- Ordem do Dia – Plano de Ação – Mário Cencig – CTA – 2h30 Com você Mário – 30 minutos Distribuição do Tempo: 30’- apresentação 1h15 – trabalho em grupo 45’ – apres. Grupos Total: 2h30
  • 28. Após a apresentação da Mário Cencig – CTA (Colegiado Técnico Assessor) 1- Fortalecimento e aprimoramento do sistema de gestão da RBMA 2- Política de comunicação, divulgação, mobilização e sensibilização ambiental da RBMA 3- Formulação e implementação de Políticas Públicas 4- Programas e Projetos 5- Cooperação Nacional e Internacional consolidando a inserção da RBMA no sistema UNESCO 6- Monitoramento e Gestão estratégica de dados ambientais, sociais, culturais e econômicos no território da RBMA Trabalharmos em grupo (2 Presenciais e 1 virtual), cada grupo avalia 2 eixos – 1h15 e depois cada grupo apresenta em 15min/cada
  • 29. III- Ordem do Dia Dia 21/11/23 – Tarde (13h30 – 17h30) Novas Propostas de Programas/Projetos - 1h - Projeto Restauração Cidadã (15’) - Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica (15’) - Projeto Tecendo a Mata (15’) -
  • 30. III- Ordem do Dia Projeto Restauração Cidadã (15’) Clayton Lino – Coordenação Geral - Coordenador de Cooperação Internacional da RBMA
  • 31. Com a palavra @s Conselheir@s – sugestões/dúvidas
  • 33. III- Ordem do Dia Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica Mary Sorage/Fernando Bezerra – Coordenação Geral Coordenações Estaduais: NE: SE/CO: S: Presidente CNRBMA Vice-Presidente CNRBMA
  • 34. Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica Mary Sorage/Fernando Bezerra – Coordenação Geral Natal/RN/Brasil
  • 35. Planejamento Estratégico da RBMA 4. PROGRAMAS E PROJETOS voltados à conservação e à recuperação da Mata Atlântica e de suas áreas costeiras e marinhas adjacentes, com reconhecimento e valorização dos recursos naturais e culturais, ao desenvolvimento sustentável e economia de qualidade e à promoção do conhecimento tradicional e científico
  • 36. Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica - Justificativa Numa perspectiva de transversalidade e conexão, e considerando que o bioma Mata Atlântica vem sofrendo redução significativa de suas áreas nativas devido a intensa ação antrópica para fins agropecuários e de crescimento de áreas urbanas, causando impactos negativos sobre as abelhas sem ferrão, no que se refere a diminuição dos tamanhos efetivos das populações e de interações ecológicas, o desenvolvimento de um Programa que trabalhe com as abelhas sem ferrão, promoverá ações voltadas para a conservação, desenvolvimento sustentável e promoção do conhecimento tradicional e científica na área do Bioma. A abordagem de paisagens é fundamental para o sucesso de uma Reserva da Biosfera. Nesse sentido, o presente Programa reforça os elementos de conectividade das paisagens, buscando o estabelecimento de padrões aplicáveis em toda RBMA, a integração com elementos transparentes e participativos de monitoramento e reporte de ações com reflexo na conectividade de paisagens no bioma.
  • 37. Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica – Objetivo Geral Integrar ações de valorização do conhecimento científico/tradicional, educação ambiental, conservação, cadeias produtivas sustentáveis nos 17 estados de ocorrência do Bioma
  • 38. Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica – Objetivos Específicos ● Identificar as espécies de abelhas nativas (incluindo as solitárias); ● Implantar meliponários educativos nos PAS; ● Levantar os meliponários existentes nos 17 Estados do Bioma; ● Produzir material didático-pedagógico com descrição e ilustração de ● espécies existentes (folders/álbum de figurinhas); ● Capacitar agentes multiplicadores; ● Implantar meliponários promovendo cadeias produtivas sustentáveis (CPT)
  • 39. Programa Abelhas Nativas da Mata Atlântica – Perspectivas ● Na concepção de um Programa que será permanente, a ideia é ampliar para trabalhar com um público cada vez maior, fortalecendo as cadeias produtivas sustentáveis, conservação da biodiversidade, educação ambiental e o conhecimento científico e tradicional, com vistas a uma divulgação robusta sobre a importância ecológica, econômica, social das abelhas.
  • 40.
  • 41. Com a palavra @s Conselheir@s – sugestões/dúvidas
  • 43. III- Ordem do Dia Projeto Tecendo a Mata (15’) Mary Sorage/Fernando Bezerra – Coordenação Geral Coordenação Técnica: Alexandre Krob e Mário Cencig Coordenações Estaduais: NE: SE/CO: S: Presidente CNRBMA Vice-Presidente CNRBMA
  • 44. Projeto Tecendo a Mata Mary Sorage/Fernando Bezerra – Coordenação Geral Natal/RN/Brasil
  • 45. Planejamento Estratégico da RBMA 1. FORTALECIMENTO E APRIMORAMENTO DO SISTEMA DE GESTÃO DA RBMA, focando em um efetivo processo de descentralização, no fortalecimento das instâncias estaduais e municipais, na capacitação continuada, na formação e mobilização de novas lideranças, garantindo e fortalecendo a inclusão de povos originários e tradicionais e de jovens e mulheres, e na obtenção da sustentabilidade financeira. 2. POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO, DIVULGAÇÃO, MOBILIZAÇÃO E SENSIBILIZAÇÃO AMBIENTAL DA RBMA, aprimorar a comunicação interna com os membros do Sistema de Gestão, a Planejamento Estratégico da RBMA 2021- 2030 divulgação para a sociedade, a mobilização, educação ambiental e educação patrimonial com enfoque local, a partir dos municípios e da organização da sociedade civil, além da comunicação externa, tanto nacional como internacional. pios e da organização da sociedade civil, além da comunicação externa, tanto nacional como internacional 4. PROGRAMAS E PROJETOS voltados à conservação e à recuperação da Mata Atlântica e de suas áreas costeiras e marinhas adjacentes, com reconhecimento e valorização dos recursos naturais e culturais, ao desenvolvimento sustentável e economia de qualidade e à promoção do conhecimento tradicional e científico
  • 46. III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) Programa de Capacitação para Gestão Participativa O Programa Tecendo a Mata tem o propósito de orientar a estruturação de capacitações de todo o sistema de gestão da RBMA, para que a participação no processo de gestão seja cada vez mais efetiva e valorizada. É evidente a necessidade de uma capacitação continuada da Reserva, dadas as grandes dimensões e complexidade territorial da RBMA, que exigiu a estruturação de um sistema de gestão colegiado, participativo e descentralizado, que assegurasse sua consolidação institucional, a descentralização de suas ações e o desenvolvimento em campo de projetos nas áreas de conservação da biodiversidade, da difusão do conhecimento e da promoção do desenvolvimento sustentável. Nesse sentido, um dos grandes desafios é promover um efetivo processo de descentralização, no fortalecimento das instâncias estaduais e municipais, na capacitação continuada, na formação e mobilização de novas lideranças, garantindo e fortalecendo a inclusão de povos originários e tradicionais e de jovens e mulheres, e na obtenção da sustentabilidade financeira.
  • 47. III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Objetivo Geral Sensibilizar, mobilizar, capacitar Conselheiras/Conselheiros, Postos Avançados, UGD, Rede de Jovens, Mulheres, Comunidades Tradicionais, Populações Indígenas, Universidades/Escolas Técnicas, Organizações da Sociedade Civil, Setor Privado, para que a participação no processo de gestão da RBMA seja cada vez mais efetiva e valorizada.
  • 48. III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Objetivos Específicos ● Construir processos de aprendizagem significativos, conectando conceitos à experiência, gerando novas perspectivas e significados em todo o Sistema de Gestão da RBMA; ● Motivar o desenvolvimento de processos de ensino e aprendizagem que envolvam todo o Sistema de Gestão da RBMA na solução de conflitos que afetem o ambiente e o território em que vivem; ● Estimular uma postura crítica com ênfase na participação social transformadora e o exercício da cidadania; ● Promover o debate sobre temas nacionais e internacionais afetos à RBMA.
  • 49. III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Processo de capacitação para a Gestão Participativa ● Sensibilização - porta de entrada para que haja abertura a outras abordagens educativas, promove o despertar da criticidade das pessoas em suas escolhas, na sua percepção do meio, potencializando a indagação e indignação frente a imagens e vivências cotidianas. ● Mobilização - convocar vontades para atuar na busca de um propósito comum, sob uma interpretação e um sentido também compartilhados. Participar ou não de um processo de mobilização social é um ato de escolha. ● Eventos de Capacitação * - são momentos planejados para facilitar o aprendizado, a reflexão, a análise crítica de determinados conhecimentos.
  • 50. III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Eventos de Capacitação * ● CURSO/MINICURSO ● PALESTRA ● OFICINA ● CICLO DE PALESTRAS ● ENCONTRO ● INTERCÂMBIO
  • 51. III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Metodologia Conhecimentos gerais para a gestão participativa – Virtual (Google meet) ● O Programa MAB - História, contexto político, social e econômico ● Rede IberoMAB ● As Redes de Reservas da Biosfera ● MAB no Brasil/Rede Brasileira de Reservas da Biosfera - O funcionamento e o processo de gestão compartilhada de uma ● As RBs do Brasil ● Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável ● Protocolo de Kyoto em 1997 ● Acordo de Paris adotado em 2015 ● As COPs (Clima e Biodiversidade) – Histórico, evolução, status, Política climática/biodiversidade ● Conhecendo o Sistema de Gestão da RBMA ● Instrumentos de gestão da RBMA ● Legislação ambiental ● Entendimento de políticas públicas nas áreas social, econômica, cultural, ambiental e de educação ● Diversidade e respeito ao outro ● OUVIR SUGESTÔES DO CN
  • 52. III- Ordem do Dia- Programa Tecendo a Mata (15’) – Metodologia - Conselheiros – Virtual (Google meet) Sugestivo
  • 53. Jovens Mulheres Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais
  • 54.
  • 55. Encerramento do Dia 21/11/23 “O correr da vida embrulha tudo, a vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta. O que ela quer da gente é coragem.” Guimarães Rosa
  • 56.
  • 58. III- Ordem do Dia Dia 22/11/23 – Manhã (9 – 12h) Programas e Projetos (1h00): - Rede de Jovens – RJRBMA (10’) - Empresa Amiga (10’) - Postos Avançados (10’) - Turismo Sustentável (10’) - Cooperação Internacional (10’) Postos Avançados (PAs) – (1h15) - Renovação – 10’ - Novos Postos (11) – (3-5’ p/cada) - APA Jenipabu/RN, ARIE Sítio Curió/CE, Aruá Observação de Aves/BA, Cajueiro de Pirangi/RN, Fazenda Bicho Preguiça/BA, Jardim Botânico de Salvador/BA, Parque Estadual de Itaúnas/ES, Reserva Jaguarapira/PR, RPPN Reserva Natural Reluz/ES, Parque Mata da Pipa/RN, Tekoa Yvy Porã/SP
  • 59. Rede de Jovens – RJRBMA – Avanços (10’) Rafael Juan Vice-coordenador RJRBMA
  • 61. PROGRAMA EMPRESA AMIGA DA MATA ATLÂNTICA COORDENADOR EXECUTIVO: Leiz da Silva Rosa Natal, Rio Grande do Norte 11/2023
  • 62.
  • 63. O Título “Empresa Amiga da Mata Atlântica” identifica as empresas que contribuem para a conservação e o uso sustentável da Mata Atlântica, por meio de ações próprias e do apoio às ações da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica-RBMA, vinculada ao Programa MAB (Man and the Biosphere) da UNESCO. Nesse sentido, o Título reconhece as Empresas, que podem usar a Marca Empresa Amiga da Mata Atlântica e passam a ser parceiras da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica. O Título tem validade de 1 ano podendo ser renovado indefinidamente, havendo o interesse da empresa e aprovação da Comissão de Avaliação do Programa. As empresa detentoras do Título, deverão comprovar sua contribuição para conservação, o conhecimento e o desenvolvimento sustentável da Mata Atlântica e comprometer-se com uma contribuição financeira compatível com seu porte com vistas a apoiar os programas e projetos da RBMA.
  • 64. Empresas cadastradas no Programa 1. CPEA – Consultoria e Planejamento Ambiental: Empresa cadastrada no programa desde 2017 – São Paulo; 2. Marquise Serviços Ambientais S/A: Empresa cadastrada no programa desde 2021 – Ceará; 3. Usina Coruripe: Empresa cadastrada no programa desde 2017 – Alagoas; 4. Bracell Bahia Florestal: Empresa cadastrada no programa desde 2021 – Bahia; 5. Usina Santo Antônio: Empresa cadastrada no programa desde 2022 – Alagoas; 6. Espaço Namata: Empresa cadastrada no programa desde 2019- Paraná; 7. COMBUSTECH – Tecnologia de Combustão: Empresa cadastrada no programa desde 2021 – São Paulo; 8. Votorantim Cimentos: Empresa cadastrada no programa desde 2017 – São Paulo; Novas Empresa Amigas da Mata Atlântica cadastradas em 2023 1. ELERA RENOVAVEIS: Empresa cadastrada no programa em 2023 - Rio Grande do Norte; 2. Casa dos Ventos: Empresa cadastrada no programa em 2023 - Rio Grande do Norte; 3. EDP Renewables: Empresa cadastrada no programa em 2023 - Rio Grande do Norte; 4. Neoenergia: Empresa cadastrada no programa em 2023 - Rio Grande do Norte; 5. CRNBio 6. Natal Reciclagem
  • 65. PRÓXIMOS PASSOS O QUE QUEREMOS SER? ONDE QUEREMOS CHEGAR? QUAIS METAS QUEREMOS ALCANÇAR? PORQUE AS EMPRESAS PRECISAM DA MARCA EMPRESA AMIGA DA MATA ATLÂNTICA?
  • 66. Comitê Gestor do Programa Empresa Amiga da Mata Atlântica A atual composição do Comitê Gestor do Programa Empresa Amiga da Mata Atlântica, foi formada durante o Encontro Anual da RBMA 2018, na 26ª Reunião do CN-RBMA. 1 - Presidência do CN-RBMA 1 - Diretoria Executiva do IA-RBMA 1 - Representante Titular e Suplente do Setor Empresarial: 1 - Representante Titular e Suplente de ONGs; 1 - Representante Titular e Suplente de Governo: 1 - Especialista em Comunicação 1 - Coordenador do Programa 1 - Coordenador do Conselho Curado do IA-RBMA
  • 67. PROGRAMA EMPRESA AMIGA DA MATA ATLÂNTICA 2023 Quem trabalha pela Mata Atlântica merece esse reconhecimento A partir deste evento
  • 68. Obrigado! Coordenação Executiva do Programa: Leiz da Silva Rosa E-mail: secretaria@rbma.org.br WhatsApp: +5511 933671683
  • 69. Postos Avançados (10’) Leiz Rosa Coordenador Executivo
  • 70. Turismo Sustentável (10’) Ana Lopez Coordenadora Técnica e Financeira
  • 72. III- Ordem do Dia Postos Avançados (PAs) – (1h15) - Renovação – 15’ - Novos Postos (11) – (3-5’ p/cada) - APA Jenipabu/RN, ARIE Sítio Curió/CE, Aruá Observação de Aves/BA, Cajueiro de Pirangi/RN, Fazenda Bicho Preguiça/BA, Jardim Botânico de Salvador/BA, Parque Estadual de Itaúnas/ES, Reserva Jaguarapira/PR, RPPN Reserva Natural Reluz/ES, Parque Mata da Pipa/RN, Tekoa Yvy Porã/SP
  • 73. III- Ordem do Dia ● APA Jenipabu/RN ● ARIE Sítio Curió/CE ● Aruá Observação de Aves/BA ● Cajueiro de Pirangi/RN ● Fazenda Bicho Preguiça/BA ● Jardim Botânico de Salvador/BA ● Parque Estadual de Itaúnas/ES ● Reserva Jaguarapira/PR, RPPN ● Reserva Natural Reluz/ES ● Parque Mata da Pipa/RN ● Tekoa Yvy Porã/SP Postos Avançados (PAs) – (1h15) - Novos Postos (11) – (3-5’ p/cada)
  • 74. Intervalo para o Almoço – 12 às 13h20
  • 75.
  • 76.
  • 77. III. Ordem do Dia Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30 Compartilhando Experiências exitosas: a atuação dos Comitês (1h15) - BA – Cons. Adriana Castro – 15’ - CE – Cons. Fernando Bezerra – 15’ - RS – Cons. Alexandre Krob – 15’ IV- Minuta da Carta de Natal (30’) V - Moções - Link para apresentação (1h) https://forms.gle/yhud1SjciBLtA8Hp8IV VI - Assuntos gerais: (45’) Fórum de Gestores de UCs 2º Congresso Brasileiro de Trilhas 2º Congresso da Rede IberoMAb 3º Fórum de Jovens da Rede IberoMAB SAPIS Outros VII. Encerramento (15) - Fotografia
  • 78. III. Ordem do Dia Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30 Compartilhando Experiências exitosas: a atuação dos Comitês (1h15) - BA – Cons. Adriana Castro – 15’ - CE – Cons. Fernando Bezerra – 15’ - RS – Cons. Alexandre Krob – 15’
  • 79. III. Ordem do Dia - Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30 IV- Minuta da Carta de Natal (30’) V - Moções - Link para apresentação (1h) https://forms.gle/yhud1SjciBLtA8Hp8IV VI - Assuntos gerais: (45’) ● Fórum de Gestores de UCs ● 2º Congresso Brasileiro de Trilhas ● 2º Congresso da Rede IberoMAb ● 3º Fórum de Jovens da Rede IberoMAB ● SAPIS ● Outros VII. Encerramento (15) - Fotografia
  • 80. III. Ordem do Dia - Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30 IV- Minuta da Carta de Natal (30’)
  • 81. III. Ordem do Dia - Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30 V - Moções - Link para apresentação (1h) https://forms.gle/yhud1SjciBLtA8Hp8IV
  • 82. III. Ordem do Dia - Dia 22/11/23 – Tarde – 13h30 às 17h30 VI - Assuntos gerais: (45’) Fórum de Gestores de UCs 2º Congresso Brasileiro de Trilhas 2º Congresso da Rede IberoMAb 3º Fórum de Jovens da Rede IberoMAB SAPIS Outros