SlideShare uma empresa Scribd logo
2021   2º trimestre jovem - lição 09
TEXTO DO DIA
• "Na verdade, é já realmente uma falta
entre vós terdes demandas uns contra
os outros. Por que não sofreis, antes, a
injustiça? Por que não sofreis, antes, o
dano?" (1 Co 6.7).
SÍNTESE
• Devemos evitar as
contendas judiciais
entre os membros da
igreja, pois o acerto
amigável é melhor do
que uma contenda
jurídica,
principalmente, com
um irmão de fé.
OBJETIVOS
• MOSTRAR o poder de julgamento da igreja
local;
• APONTAR a estrutura de funcionamento
das igrejas cristãs e dos tribunais romanos;
• CONSCIENTIZAR de que os conflitos e
disputas podem comprometer a vida eterna
com Deus.
ORIENTAÇÃO PEDAGÓGICA
• "Por que Paulo
diz que os
cristãos não
devem levar aos
tribunais
seculares as
divergências que
tenham com
outros crentes?"
• Os processos
prejudicam a causa
de Deus e dão uma
má reputação à
igreja, fazendo com
que os incrédulos
se concentrem nos
problemas da igreja
e não no seu
propósito.
TEXTO BÍBLICO
1 Coríntios 6.1-6
• 1 Ousa algum de vós, tendo algum negócio contra
outro, ir a juízo perante os injustos e não perante os
santos?
• 2 Não sabeis vós que os santos hão de julgar o
mundo? Ora, se o mundo deve ser julgado por vós,
sois, porventura, indignos de julgar as coisas
mínimas?
• 3 Não sabeis vós que havemos de julgar os
anjos? Quanto mais as coisas pertencentes a esta
vida?
• 4 Então, se tiverdes negócios em juízo,
pertencentes a esta vida, pondes na cadeira aos
que são de menos estima na igreja?
• 5 Para vos envergonhar o digo: Não há, pois,
entre vós sábios, nem mesmo um, que possa julgar
entre seus irmãos?
• 6 Mas o irmão vai a juízo com o irmão, e isso
perante infiéis.
INTRODUÇÃO
INTRODUÇÃO
• Na lição deste domingo veremos que os membros
da igreja em Corinto estavam levando uns aos
outros aos tribunais para resolver suas diferenças.
• O apóstolo Paulo os exorta a respeito desse
comportamento e os orienta a tratar as questões
interna entre eles.
• O litígio entre os irmãos estava causando
escândalo para a igreja e prejudicando a unidade.
• O apóstolo
mostra que os
crentes tinham
competência para
julgar as questões
internas e não
precisavam
recorrer ao
sistema romano
de justiça.
•1
• O PODER DE
JULGAMENTO
DA IGREJA
LOCAL
1. O universo jurídico romano.
• No universo jurídico
romano a prática da
injustiça era
comum, as decisões
eram tomadas com
objetivo de
favorecer os
patronos ricos ou os
"poderosos" citados
por Paulo.
• As questões
precisavam ser
intermediadas
pelo sistema
jurídico
romano, que
dava a palavra
final na
resolução do
problema.
2. A organização da igreja local.
• Certamente o
modelo
hierárquico
do Império
Romano
influenciava
na estrutura
da igreja
local.
• Contudo, a
igreja jamais
pode se
deixar levar
pelo
pensamento
desse mundo
(Rm 12.1,2).
3. Paulo propõe um modelo de
conciliação para a igreja cristã
(vv.1-6).
• O apóstolo
os exorta a
viverem uma
vida de
santidade e
resolverem
as questões
internas na
própria
comunidade.
• Ele afirma que o
mais desprezível
dos membros
teria melhores
condições de
julgamento do
que os
poderosos juízes
romanos,...
•2
• A ESTRUTURA DE
FUNCIONAMENTO
DAS IGREJAS
CRISTÃS E DOS
TRIBUNAIS
ROMANOS
1. O funcionamento da igreja em
Corinto.
• A igreja, na
sua grande
maioria, era
formada
pelos pobres
que viviam no
cais do porto
de Corinto.
2. O poder de julgamento da igreja
estava condicionado à prática da
justiça (vv. 7,8).
• Em 1 Coríntios 6.7,
ele incentiva aqueles
que foram lesados a
sofrerem a injustiça
sem buscarem os
recursos jurídicos,
recorrendo assim aos
ensinamentos de
Cristo no Sermão da
Montanha (Mt 5.39).
3. O modelo de funcionamento dos
tribunais romanos nos dias de Paulo.
• ...quando as leis
provinciais entravam
em conflito com as
leis ou costumes
romanos,...
• ...o imperador era a
autoridade
competente para
tomar a decisão
final.
•3
• CONFLITOS E
DISPUTAS PODEM
COMPROMETER A
VIDA ETERNA COM
DEUS
1. Os injustos não irão herdar o Reino
de Deus (v.9).
• O apóstolo estava
se referindo
àqueles que não
se arrependem
de suas práticas
injustas, mas
persistem em
buscar os seus
próprios
interesses.
2. Os irmãos fraudulentos
igualmente são condenáveis como os
juízes injustos (v.10).
• Paulo considera a
atitude de não
suportar a injustiça
dos irmãos como
um erro, pior ainda
do que o erro de
quem pratica a
injustiça contra um
irmão.
3. Disputas diante de juízes pagãos
(v.11).
• As tomadas de
decisões destes juízes
poderiam ter um
impacto negativo
significativo nos
relacionamentos
internos da igreja,
pois não teriam como
base os princípios
cristãos.
CONCLUSÃO
• Diante dos inúmeros conflitos internos da igreja
em Corinto levados aos tribunais romanos, o
apóstolo propõe um modelo de conciliação para a
igreja local.
• Paulo adverte que quem não acatasse sua
sugestão estaria correndo o risco de ser
classificado com os demais pecadores e
condenados à perdição eterna.
expositivocom.blogspot.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

2021 1º trimestre jovens lição 13
2021 1º trimestre jovens lição 132021 1º trimestre jovens lição 13
2021 1º trimestre jovens lição 13
Joel Silva
 
2021 2º trimestre jovem - lição 01
2021   2º trimestre jovem - lição 012021   2º trimestre jovem - lição 01
2021 2º trimestre jovem - lição 01
Joel Silva
 
2021 1º trimestre jovens lição 11
2021 1º trimestre jovens lição 112021 1º trimestre jovens lição 11
2021 1º trimestre jovens lição 11
Joel Silva
 
2021 2º trimestre jovens lição 13
2021 2º trimestre jovens lição 132021 2º trimestre jovens lição 13
2021 2º trimestre jovens lição 13
Joel Silva
 
O andar do cristão
O andar do cristãoO andar do cristão
O andar do cristão
Joel Silva
 
Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)
Joel Silva
 
Colossences 1 (parte 1)
Colossences 1 (parte 1)Colossences 1 (parte 1)
Colossences 1 (parte 1)
Joel Silva
 
Doutrina i corintios
Doutrina  i corintiosDoutrina  i corintios
Doutrina i corintios
Joel Silva
 
2021 2º trimestre jovem - lição 07
2021   2º trimestre jovem - lição 072021   2º trimestre jovem - lição 07
2021 2º trimestre jovem - lição 07
Joel Silva
 
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstataLição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
Sergio Silva
 
2021 2º trimestre jovem - lição 04
2021   2º trimestre jovem - lição 042021   2º trimestre jovem - lição 04
2021 2º trimestre jovem - lição 04
Joel Silva
 
3 biblia sagrada - nt - epistola de paulo aos galatas cap. 01
3   biblia sagrada - nt - epistola de paulo aos galatas cap. 013   biblia sagrada - nt - epistola de paulo aos galatas cap. 01
3 biblia sagrada - nt - epistola de paulo aos galatas cap. 01
Rachel V.
 
07 Laodiceia
07 Laodiceia07 Laodiceia
07 Laodiceia
Junior Miranda
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
Pastor Natalino Das Neves
 
29 Adventismo (Parte 2)
29   Adventismo (Parte 2)29   Adventismo (Parte 2)
29 Adventismo (Parte 2)
Robson Tavares Fernandes
 
OPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERGOPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERG
Eduardo Sousa Gomes
 
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
Pastor Natalino Das Neves
 
Os Tudo De Paulo De Tarso
Os Tudo De Paulo De TarsoOs Tudo De Paulo De Tarso
Os Tudo De Paulo De Tarso
Grupo Espírita Cristão
 
31 Adventismo (Parte 4)
31   Adventismo (Parte 4)31   Adventismo (Parte 4)
31 Adventismo (Parte 4)
Robson Tavares Fernandes
 
Sim pai
Sim paiSim pai

Mais procurados (20)

2021 1º trimestre jovens lição 13
2021 1º trimestre jovens lição 132021 1º trimestre jovens lição 13
2021 1º trimestre jovens lição 13
 
2021 2º trimestre jovem - lição 01
2021   2º trimestre jovem - lição 012021   2º trimestre jovem - lição 01
2021 2º trimestre jovem - lição 01
 
2021 1º trimestre jovens lição 11
2021 1º trimestre jovens lição 112021 1º trimestre jovens lição 11
2021 1º trimestre jovens lição 11
 
2021 2º trimestre jovens lição 13
2021 2º trimestre jovens lição 132021 2º trimestre jovens lição 13
2021 2º trimestre jovens lição 13
 
O andar do cristão
O andar do cristãoO andar do cristão
O andar do cristão
 
Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)
 
Colossences 1 (parte 1)
Colossences 1 (parte 1)Colossences 1 (parte 1)
Colossences 1 (parte 1)
 
Doutrina i corintios
Doutrina  i corintiosDoutrina  i corintios
Doutrina i corintios
 
2021 2º trimestre jovem - lição 07
2021   2º trimestre jovem - lição 072021   2º trimestre jovem - lição 07
2021 2º trimestre jovem - lição 07
 
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstataLição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
 
2021 2º trimestre jovem - lição 04
2021   2º trimestre jovem - lição 042021   2º trimestre jovem - lição 04
2021 2º trimestre jovem - lição 04
 
3 biblia sagrada - nt - epistola de paulo aos galatas cap. 01
3   biblia sagrada - nt - epistola de paulo aos galatas cap. 013   biblia sagrada - nt - epistola de paulo aos galatas cap. 01
3 biblia sagrada - nt - epistola de paulo aos galatas cap. 01
 
07 Laodiceia
07 Laodiceia07 Laodiceia
07 Laodiceia
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
 
29 Adventismo (Parte 2)
29   Adventismo (Parte 2)29   Adventismo (Parte 2)
29 Adventismo (Parte 2)
 
OPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERGOPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERG
 
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
 
Os Tudo De Paulo De Tarso
Os Tudo De Paulo De TarsoOs Tudo De Paulo De Tarso
Os Tudo De Paulo De Tarso
 
31 Adventismo (Parte 4)
31   Adventismo (Parte 4)31   Adventismo (Parte 4)
31 Adventismo (Parte 4)
 
Sim pai
Sim paiSim pai
Sim pai
 

Semelhante a 2021 2º trimestre jovem - lição 09

LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOSLIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
Natalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOSPRELEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
Pastor Natalino Das Neves
 
O Governo da Igreja Local - 2019 LBJ 2 TRI Lição 12
O Governo da Igreja Local - 2019 LBJ 2 TRI Lição 12O Governo da Igreja Local - 2019 LBJ 2 TRI Lição 12
O Governo da Igreja Local - 2019 LBJ 2 TRI Lição 12
Natalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOSPROJEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
Pastor Natalino Das Neves
 
Lição 12 - O governo da igreja local
Lição 12 - O governo da igreja localLição 12 - O governo da igreja local
Lição 12 - O governo da igreja local
Éder Tomé
 
Lição 5ª Cuidado com a sujeira
Lição 5ª Cuidado com a sujeiraLição 5ª Cuidado com a sujeira
Lição 5ª Cuidado com a sujeira
Igreja Presbiteriana Zona Sul
 
LIÇÃO 06 - A VERDADEIRA FÉ NÃO FAZ ACEPÇÃO DE PESSOAS
LIÇÃO 06 - A VERDADEIRA FÉ NÃO FAZ ACEPÇÃO DE PESSOASLIÇÃO 06 - A VERDADEIRA FÉ NÃO FAZ ACEPÇÃO DE PESSOAS
LIÇÃO 06 - A VERDADEIRA FÉ NÃO FAZ ACEPÇÃO DE PESSOAS
Lourinaldo Serafim
 
Vosso Corpo é Santuário do Espírito Santo
Vosso Corpo é Santuário do Espírito SantoVosso Corpo é Santuário do Espírito Santo
Vosso Corpo é Santuário do Espírito Santo
JUERP
 
Doutrina i corintios
Doutrina  i corintiosDoutrina  i corintios
Doutrina i corintios
Joel Silva
 
E.b.d jovens 4ºtrimestre 2016 lição 08
E.b.d   jovens 4ºtrimestre 2016 lição 08E.b.d   jovens 4ºtrimestre 2016 lição 08
E.b.d jovens 4ºtrimestre 2016 lição 08
Joel Silva
 
A verdadeira fé não faz acepção de pessoas
A verdadeira fé não faz acepção de pessoasA verdadeira fé não faz acepção de pessoas
A verdadeira fé não faz acepção de pessoas
Ailton da Silva
 
Pode ou não pode?
Pode ou não pode?Pode ou não pode?
Pode ou não pode?
Viva a Igreja
 
04 Tiatira
04 Tiatira04 Tiatira
04 Tiatira
Junior Miranda
 
Legislador e Juiz_Lição_original com textos_942014
Legislador e Juiz_Lição_original com textos_942014Legislador e Juiz_Lição_original com textos_942014
Legislador e Juiz_Lição_original com textos_942014
Gerson G. Ramos
 
Ebd adultos 2ºtrimestre 2016 - lição 11
Ebd adultos   2ºtrimestre 2016 - lição 11Ebd adultos   2ºtrimestre 2016 - lição 11
Ebd adultos 2ºtrimestre 2016 - lição 11
Joel Silva
 
2016 2º trimestre adultos lição 11.pptx
2016 2º trimestre adultos lição 11.pptx2016 2º trimestre adultos lição 11.pptx
2016 2º trimestre adultos lição 11.pptx
Joel Silva
 
E.b.d jovens 4ºtrimestre 2016 lição 07
E.b.d   jovens 4ºtrimestre 2016 lição 07E.b.d   jovens 4ºtrimestre 2016 lição 07
E.b.d jovens 4ºtrimestre 2016 lição 07
Joel Silva
 
LBA Lição 11 - A tolerância cristã
LBA Lição 11 - A tolerância cristãLBA Lição 11 - A tolerância cristã
LBA Lição 11 - A tolerância cristã
Natalino das Neves Neves
 
4 1 Corintios.pptx
4  1 Corintios.pptx4  1 Corintios.pptx
4 1 Corintios.pptx
PIB Penha - SP
 
Aula 6 (I Coríntios 14-16).pptx
Aula 6 (I Coríntios 14-16).pptxAula 6 (I Coríntios 14-16).pptx
Aula 6 (I Coríntios 14-16).pptx
Inclusão em LIBRAS
 

Semelhante a 2021 2º trimestre jovem - lição 09 (20)

LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOSLIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOSPRELEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
 
O Governo da Igreja Local - 2019 LBJ 2 TRI Lição 12
O Governo da Igreja Local - 2019 LBJ 2 TRI Lição 12O Governo da Igreja Local - 2019 LBJ 2 TRI Lição 12
O Governo da Igreja Local - 2019 LBJ 2 TRI Lição 12
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOSPROJEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE OS IRMÃOS
 
Lição 12 - O governo da igreja local
Lição 12 - O governo da igreja localLição 12 - O governo da igreja local
Lição 12 - O governo da igreja local
 
Lição 5ª Cuidado com a sujeira
Lição 5ª Cuidado com a sujeiraLição 5ª Cuidado com a sujeira
Lição 5ª Cuidado com a sujeira
 
LIÇÃO 06 - A VERDADEIRA FÉ NÃO FAZ ACEPÇÃO DE PESSOAS
LIÇÃO 06 - A VERDADEIRA FÉ NÃO FAZ ACEPÇÃO DE PESSOASLIÇÃO 06 - A VERDADEIRA FÉ NÃO FAZ ACEPÇÃO DE PESSOAS
LIÇÃO 06 - A VERDADEIRA FÉ NÃO FAZ ACEPÇÃO DE PESSOAS
 
Vosso Corpo é Santuário do Espírito Santo
Vosso Corpo é Santuário do Espírito SantoVosso Corpo é Santuário do Espírito Santo
Vosso Corpo é Santuário do Espírito Santo
 
Doutrina i corintios
Doutrina  i corintiosDoutrina  i corintios
Doutrina i corintios
 
E.b.d jovens 4ºtrimestre 2016 lição 08
E.b.d   jovens 4ºtrimestre 2016 lição 08E.b.d   jovens 4ºtrimestre 2016 lição 08
E.b.d jovens 4ºtrimestre 2016 lição 08
 
A verdadeira fé não faz acepção de pessoas
A verdadeira fé não faz acepção de pessoasA verdadeira fé não faz acepção de pessoas
A verdadeira fé não faz acepção de pessoas
 
Pode ou não pode?
Pode ou não pode?Pode ou não pode?
Pode ou não pode?
 
04 Tiatira
04 Tiatira04 Tiatira
04 Tiatira
 
Legislador e Juiz_Lição_original com textos_942014
Legislador e Juiz_Lição_original com textos_942014Legislador e Juiz_Lição_original com textos_942014
Legislador e Juiz_Lição_original com textos_942014
 
Ebd adultos 2ºtrimestre 2016 - lição 11
Ebd adultos   2ºtrimestre 2016 - lição 11Ebd adultos   2ºtrimestre 2016 - lição 11
Ebd adultos 2ºtrimestre 2016 - lição 11
 
2016 2º trimestre adultos lição 11.pptx
2016 2º trimestre adultos lição 11.pptx2016 2º trimestre adultos lição 11.pptx
2016 2º trimestre adultos lição 11.pptx
 
E.b.d jovens 4ºtrimestre 2016 lição 07
E.b.d   jovens 4ºtrimestre 2016 lição 07E.b.d   jovens 4ºtrimestre 2016 lição 07
E.b.d jovens 4ºtrimestre 2016 lição 07
 
LBA Lição 11 - A tolerância cristã
LBA Lição 11 - A tolerância cristãLBA Lição 11 - A tolerância cristã
LBA Lição 11 - A tolerância cristã
 
4 1 Corintios.pptx
4  1 Corintios.pptx4  1 Corintios.pptx
4 1 Corintios.pptx
 
Aula 6 (I Coríntios 14-16).pptx
Aula 6 (I Coríntios 14-16).pptxAula 6 (I Coríntios 14-16).pptx
Aula 6 (I Coríntios 14-16).pptx
 

Mais de Joel Silva

2024 1º Trimestre Jovens Lição 04.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 04.pptx2024 1º Trimestre Jovens Lição 04.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 04.pptx
Joel Silva
 
2024 1º Trimestre Jovens Lição 03.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 03.pptx2024 1º Trimestre Jovens Lição 03.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 03.pptx
Joel Silva
 
2024 1º Trimestre Jovens Lição 02.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 02.pptx2024 1º Trimestre Jovens Lição 02.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 02.pptx
Joel Silva
 
2024 1º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 01.pptx2024 1º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
Joel Silva
 
2022 3º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
2022 3º Trimestre Jovens Lição 01.pptx2022 3º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
2022 3º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
Joel Silva
 
2022 2º Trimestre Jovens Lição 08.pptx
2022 2º Trimestre Jovens Lição 08.pptx2022 2º Trimestre Jovens Lição 08.pptx
2022 2º Trimestre Jovens Lição 08.pptx
Joel Silva
 
2022 2º Trimestre Jovens Lição 07.pptx
2022 2º Trimestre Jovens Lição 07.pptx2022 2º Trimestre Jovens Lição 07.pptx
2022 2º Trimestre Jovens Lição 07.pptx
Joel Silva
 
2022 1º trimestre jovens lição 03
2022 1º trimestre jovens lição 032022 1º trimestre jovens lição 03
2022 1º trimestre jovens lição 03
Joel Silva
 
2022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 022022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 02
Joel Silva
 
2022 1º trimestre jovens lição 01
2022 1º trimestre jovens lição 012022 1º trimestre jovens lição 01
2022 1º trimestre jovens lição 01
Joel Silva
 
2021 2º trimestre jovem - lição 05
2021   2º trimestre jovem - lição 052021   2º trimestre jovem - lição 05
2021 2º trimestre jovem - lição 05
Joel Silva
 
2021 1º trimestre jovens lição 10
2021 1º trimestre jovens lição 102021 1º trimestre jovens lição 10
2021 1º trimestre jovens lição 10
Joel Silva
 
2021 1º trimestre jovens lição 09
2021 1º trimestre jovens lição 092021 1º trimestre jovens lição 09
2021 1º trimestre jovens lição 09
Joel Silva
 
2021 1º trimestre jovens lição 08
2021 1º trimestre jovens lição 082021 1º trimestre jovens lição 08
2021 1º trimestre jovens lição 08
Joel Silva
 
2021 1º trimestre jovens lição 07
2021 1º trimestre jovens lição 072021 1º trimestre jovens lição 07
2021 1º trimestre jovens lição 07
Joel Silva
 
2021 1º trimestre jovens lição 06
2021 1º trimestre jovens lição 062021 1º trimestre jovens lição 06
2021 1º trimestre jovens lição 06
Joel Silva
 

Mais de Joel Silva (16)

2024 1º Trimestre Jovens Lição 04.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 04.pptx2024 1º Trimestre Jovens Lição 04.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 04.pptx
 
2024 1º Trimestre Jovens Lição 03.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 03.pptx2024 1º Trimestre Jovens Lição 03.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 03.pptx
 
2024 1º Trimestre Jovens Lição 02.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 02.pptx2024 1º Trimestre Jovens Lição 02.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 02.pptx
 
2024 1º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 01.pptx2024 1º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
2024 1º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
 
2022 3º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
2022 3º Trimestre Jovens Lição 01.pptx2022 3º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
2022 3º Trimestre Jovens Lição 01.pptx
 
2022 2º Trimestre Jovens Lição 08.pptx
2022 2º Trimestre Jovens Lição 08.pptx2022 2º Trimestre Jovens Lição 08.pptx
2022 2º Trimestre Jovens Lição 08.pptx
 
2022 2º Trimestre Jovens Lição 07.pptx
2022 2º Trimestre Jovens Lição 07.pptx2022 2º Trimestre Jovens Lição 07.pptx
2022 2º Trimestre Jovens Lição 07.pptx
 
2022 1º trimestre jovens lição 03
2022 1º trimestre jovens lição 032022 1º trimestre jovens lição 03
2022 1º trimestre jovens lição 03
 
2022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 022022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 02
 
2022 1º trimestre jovens lição 01
2022 1º trimestre jovens lição 012022 1º trimestre jovens lição 01
2022 1º trimestre jovens lição 01
 
2021 2º trimestre jovem - lição 05
2021   2º trimestre jovem - lição 052021   2º trimestre jovem - lição 05
2021 2º trimestre jovem - lição 05
 
2021 1º trimestre jovens lição 10
2021 1º trimestre jovens lição 102021 1º trimestre jovens lição 10
2021 1º trimestre jovens lição 10
 
2021 1º trimestre jovens lição 09
2021 1º trimestre jovens lição 092021 1º trimestre jovens lição 09
2021 1º trimestre jovens lição 09
 
2021 1º trimestre jovens lição 08
2021 1º trimestre jovens lição 082021 1º trimestre jovens lição 08
2021 1º trimestre jovens lição 08
 
2021 1º trimestre jovens lição 07
2021 1º trimestre jovens lição 072021 1º trimestre jovens lição 07
2021 1º trimestre jovens lição 07
 
2021 1º trimestre jovens lição 06
2021 1º trimestre jovens lição 062021 1º trimestre jovens lição 06
2021 1º trimestre jovens lição 06
 

Último

edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf radedgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
carla983678
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Ricardo Azevedo
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
Marta Gomes
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
Rogério Augusto Ayres de Araujo
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
DavidBertelli3
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 

Último (12)

edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf radedgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 

2021 2º trimestre jovem - lição 09

  • 2. TEXTO DO DIA • "Na verdade, é já realmente uma falta entre vós terdes demandas uns contra os outros. Por que não sofreis, antes, a injustiça? Por que não sofreis, antes, o dano?" (1 Co 6.7).
  • 3. SÍNTESE • Devemos evitar as contendas judiciais entre os membros da igreja, pois o acerto amigável é melhor do que uma contenda jurídica, principalmente, com um irmão de fé.
  • 4. OBJETIVOS • MOSTRAR o poder de julgamento da igreja local; • APONTAR a estrutura de funcionamento das igrejas cristãs e dos tribunais romanos; • CONSCIENTIZAR de que os conflitos e disputas podem comprometer a vida eterna com Deus.
  • 5. ORIENTAÇÃO PEDAGÓGICA • "Por que Paulo diz que os cristãos não devem levar aos tribunais seculares as divergências que tenham com outros crentes?"
  • 6. • Os processos prejudicam a causa de Deus e dão uma má reputação à igreja, fazendo com que os incrédulos se concentrem nos problemas da igreja e não no seu propósito.
  • 7. TEXTO BÍBLICO 1 Coríntios 6.1-6 • 1 Ousa algum de vós, tendo algum negócio contra outro, ir a juízo perante os injustos e não perante os santos? • 2 Não sabeis vós que os santos hão de julgar o mundo? Ora, se o mundo deve ser julgado por vós, sois, porventura, indignos de julgar as coisas mínimas?
  • 8. • 3 Não sabeis vós que havemos de julgar os anjos? Quanto mais as coisas pertencentes a esta vida? • 4 Então, se tiverdes negócios em juízo, pertencentes a esta vida, pondes na cadeira aos que são de menos estima na igreja? • 5 Para vos envergonhar o digo: Não há, pois, entre vós sábios, nem mesmo um, que possa julgar entre seus irmãos? • 6 Mas o irmão vai a juízo com o irmão, e isso perante infiéis.
  • 9. INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO • Na lição deste domingo veremos que os membros da igreja em Corinto estavam levando uns aos outros aos tribunais para resolver suas diferenças. • O apóstolo Paulo os exorta a respeito desse comportamento e os orienta a tratar as questões interna entre eles. • O litígio entre os irmãos estava causando escândalo para a igreja e prejudicando a unidade.
  • 10. • O apóstolo mostra que os crentes tinham competência para julgar as questões internas e não precisavam recorrer ao sistema romano de justiça.
  • 11. •1 • O PODER DE JULGAMENTO DA IGREJA LOCAL
  • 12. 1. O universo jurídico romano.
  • 13. • No universo jurídico romano a prática da injustiça era comum, as decisões eram tomadas com objetivo de favorecer os patronos ricos ou os "poderosos" citados por Paulo.
  • 14. • As questões precisavam ser intermediadas pelo sistema jurídico romano, que dava a palavra final na resolução do problema.
  • 15. 2. A organização da igreja local.
  • 16. • Certamente o modelo hierárquico do Império Romano influenciava na estrutura da igreja local.
  • 17. • Contudo, a igreja jamais pode se deixar levar pelo pensamento desse mundo (Rm 12.1,2).
  • 18. 3. Paulo propõe um modelo de conciliação para a igreja cristã (vv.1-6).
  • 19. • O apóstolo os exorta a viverem uma vida de santidade e resolverem as questões internas na própria comunidade.
  • 20. • Ele afirma que o mais desprezível dos membros teria melhores condições de julgamento do que os poderosos juízes romanos,...
  • 21. •2 • A ESTRUTURA DE FUNCIONAMENTO DAS IGREJAS CRISTÃS E DOS TRIBUNAIS ROMANOS
  • 22. 1. O funcionamento da igreja em Corinto.
  • 23. • A igreja, na sua grande maioria, era formada pelos pobres que viviam no cais do porto de Corinto.
  • 24. 2. O poder de julgamento da igreja estava condicionado à prática da justiça (vv. 7,8).
  • 25. • Em 1 Coríntios 6.7, ele incentiva aqueles que foram lesados a sofrerem a injustiça sem buscarem os recursos jurídicos, recorrendo assim aos ensinamentos de Cristo no Sermão da Montanha (Mt 5.39).
  • 26. 3. O modelo de funcionamento dos tribunais romanos nos dias de Paulo.
  • 27. • ...quando as leis provinciais entravam em conflito com as leis ou costumes romanos,... • ...o imperador era a autoridade competente para tomar a decisão final.
  • 28. •3 • CONFLITOS E DISPUTAS PODEM COMPROMETER A VIDA ETERNA COM DEUS
  • 29. 1. Os injustos não irão herdar o Reino de Deus (v.9).
  • 30. • O apóstolo estava se referindo àqueles que não se arrependem de suas práticas injustas, mas persistem em buscar os seus próprios interesses.
  • 31. 2. Os irmãos fraudulentos igualmente são condenáveis como os juízes injustos (v.10).
  • 32. • Paulo considera a atitude de não suportar a injustiça dos irmãos como um erro, pior ainda do que o erro de quem pratica a injustiça contra um irmão.
  • 33. 3. Disputas diante de juízes pagãos (v.11).
  • 34. • As tomadas de decisões destes juízes poderiam ter um impacto negativo significativo nos relacionamentos internos da igreja, pois não teriam como base os princípios cristãos.
  • 35. CONCLUSÃO • Diante dos inúmeros conflitos internos da igreja em Corinto levados aos tribunais romanos, o apóstolo propõe um modelo de conciliação para a igreja local. • Paulo adverte que quem não acatasse sua sugestão estaria correndo o risco de ser classificado com os demais pecadores e condenados à perdição eterna.