SlideShare uma empresa Scribd logo
GABARITO                        Caderno do Aluno              Matemática –5a série/6o ano – Volume 3



SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 1

DEFINIR E CLASSIFICAR EXPERIMENTANDO




Páginas 3 - 7
1. Seguem abaixo cinco características que podem ser listadas, com a respectiva
   correspondência nas figuras. Note que explicitamos as características em linguagem
   informal, como provavelmente aparecerá no texto dos alunos.
   • Pelo menos “um lado reto”: de 1 a 23, de 26 a 29, de 31 a 36, de 38 a 40, de 43 a
   50.

   • Possui “lados curvos”: de 24 a 26, 29, 30, de 37 a 50.

   • Possui apenas “lados retos” e “buracos”: 11, de 14 a 18, 21, 22.

   • Possui “bicos”: de 1 a 29, de 31 a 40 (exceto 37), de 42 a 46, de 48 a 50.

   • Figura com lados retos e pelo menos um par de lados paralelos: de 1 a 11,
   14, 15, 16, 18, 20, 28, 33, 35.



2. Escolhemos uma figura para descrever, em linguagem informal, algumas de suas
   características:

   •     Figura 4: cinco lados; todos os lados são “retos”; cinco “bicos”; um par de lados
   paralelos; quando dobrada de forma conveniente, ocorre sobreposição perfeita entre
   as partes dobradas (referência à simetria); possui lados “em cruz” (referência aos
   ângulos retos); não possui “buracos” (referência ao fato de o polígono ser convexo);
   possui dois pares de lados com as mesmas medidas entre si.




                                                                                                  1
GABARITO                          Caderno do Aluno            Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




Página 7
1. Vale lembrar que neste exercício podemos incluir ou excluir algumas figuras de certa
   classificação, dependendo sempre da interpretação dada aos termos usados.

                   Característica                             Número das figuras
             Figuras com apenas 3 lados
                                                     23, 29, 31, 32, 34, 36, 43, 44, 45, 46,
                    (retos ou curvos)
                                                                       48.


           Figuras com apenas 3 lados retos                     23, 31, 32, 34, 36.



            Figuras com apenas 3 “bicos”              23, 29, 31,32, 34, 36, 43, 44, 45, 46,
                                                                       48.




               Figuras com pelo menos
                                                           De 1 a 22, 27, 28, 33, 35.
                      4 lados retos



                                                     De 1 a 11, 14, 15, 16, 18, 20, 28, 33,
                                                                  35, 38, 40.
            Figuras com pelo menos 1 par
                                                       Observação: 47 também pode ser
                   de lados paralelos                  considerado, se admitirmos que a
                                                              figura tem 4 lados.

            Figuras com todos os lados de
                     mesma medida                             1, 2, 7, 9, 12, 23, 42.



       Figuras com alguns lados formando
                                                     3, 4, 5, 6, 7, 10, 13, 14, 18, 19, 32, 35,
            uma “quina” perfeita (lados “em                        36, 43, 45, 48.
                         cruz”)




                                                                                                  2
GABARITO                    Caderno do Aluno          Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




Páginas 7 - 9
1.

     Nomenclatura “oficial” na
                                  Característica correspondente e um exemplo
          Matemática


                                  Figura geométrica plana cujo contorno é fechado e


                Polígono
                                   formado por segmentos de retas. Ex:




                                  Figuras com 4 lados retos (ou polígono de quatro

            Quadrilátero
                                               lados). Ex:




                                       Polígono de 3 lados. Ex:
                Triângulo




                                     Figuras com pelo menos 1 lado curvo. Ex:




            Não polígono




                                                                                          3
GABARITO                   Caderno do Aluno          Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




                                Figuras com lados retos e “buracos” (ou polígono
                                    que tem pelo menos um ângulo interno maior
                                                      que 180º).


    Polígono não convexo
                                              Ex:




                                   Dados dois pontos quaisquer em seu interior, o
                               segmento que os liga está contido na região interior do
     Polígono convexo           polígono (ou polígono com todos os ângulos internos


                                      menores que 180º). Ex:




                                     Bicos de uma figura com lados retos. Ex:

            Vértices




                                    Lados “em cruz”, ou formando uma “quina
                                                    perfeita”. Ex:


           Ângulo reto




                                                                                         4
GABARITO                     Caderno do Aluno          Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




                                   Quadrilátero com dois pares de lados paralelos. Ex:




         Paralelogramo




                                   Triângulo com um ângulo “em cruz” (“em quina



       Triângulo retângulo
                                          perfeita”). Ex:




                                  Triângulo que tem pelo menos 2 lados iguais. Ex:

       Triângulo isósceles




                                        Triângulo com três lados diferentes. Ex:


       Triângulo escaleno




2. Nesta atividade, você poderá redefinir com maior rigor algum termo ou palavra usada
durante a aula. Devemos observar que neste momento é mais importante que o aluno


                                                                                           5
GABARITO                    Caderno do Aluno              Matemática –5a série/6o ano – Volume 3


consiga expressar seu pensamento de alguma forma, mesmo que ainda sem o rigor
necessário do vocabulário matemático.




Páginas 10 - 11
1.

       Nomenclatura
        “oficial” na                      Definição                            Figuras
        Matemática


                                                                               20 a 34
           Triângulo                Polígono de 3 lados


                                                                          De 1 a 19, 35, 36.
         Quadrilátero               Polígono de 4 lados


                                                                                20, 22.
     Triângulo equilátero     Triângulo com os 3 lados iguais

                                     Quadrilátero com                   1, 4, 5, 6, 7, 8, 10, 12,
                                                                        13, 14, 15, 16, 17, 18,
           Retângulo                    4 ângulos retos
                                                                                  19.
                                                                        4, 9, 10, 11, 16, 17,
                                Polígono com 4 lados iguais
           Losango                                                                18, 19


                            Ao menos um segmento de extremos
                              com pontos na região interior do
                            polígono não está contido na região
                                                                                   36
           Polígono         interior do polígono (ou polígono em
                            que pelo menos um ângulo interno é
         não convexo
                                        maior que 180º)




                                                                                                6
GABARITO                     Caderno do Aluno        Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




Páginas 11 - 12
1. Com esta atividade você pode discutir com os alunos uma definição mais consistente
   sobre o que entendemos por “tamanho” da figura. A ideia é que eles possam perceber
   intuitivamente a área associada ao que usualmente compreenderiam como o
   “tamanho” da figura. Vale destacar que o percurso didático de um programa de
   geometria deve levar em consideração que, para as faixas etárias menores, o
   significado se constrói muito mais por meio de situações concretas e aproximações
   experimentais do que com formalismo e definições. Outras atividades específicas vão
   explorar o uso do tangram para explorar a ideia de perímetro e área de uma figura
   com base em sua decomposição.


2. Esta atividade explora a ideia de perímetro e, como a anterior, trabalha com duas
   importantes habilidades, a de ordenar e a de estimar. É muito importante que os
   alunos de 5a série consigam estabelecer a ordem de grandeza entre comprimentos e
   entre áreas de figuras que possibilitem uma distinção clara de medidas. A habilidade
   e a destreza com o uso e a leitura das medidas indicadas na régua também devem ser
   um dos motes desta atividade. A figura de menor comprimento é a 10 e a de maior
   comprimento, a 1.


3. 4 e 12; 6,7,10 e 13.


4. Todos os quadrados são semelhantes entre si; 15 e 14 são semelhantes e congruentes.


5. Os triângulos que têm ângulos internos dois a dois de mesma medida são
   semelhantes. Em relação aos quadriláteros, além dos ângulos internos dois a dois de
   mesma medida, tem de haver proporcionalidade entre os lados em correspondência
   para que eles sejam semelhantes. Essa discussão deve ser feita com os alunos de
   maneira informal, apelando mais para a intuição do que para a formalização, porque
   os alunos ainda não conhecem a definição de ângulo e não foram suficientemente
   apresentados à ideia de proporcionalidade. O tema de semelhança de figuras
   geométricas será retomado em outra série do Ensino Fundamental.

                                                                                         7
GABARITO                       Caderno do Aluno        Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




Páginas 12 - 13
1. Note, inicialmente, que o enunciado desta atividade exige compreensão do uso das
     palavras “área” e “perímetro”, que devem ter sido trabalhadas nas atividades
     anteriores. Espera-se que os alunos percebam e concluam, pela experimentação, que
     se aumentarmos o perímetro de um triângulo sua área também vai aumentar. De
     forma geral, se o perímetro for multiplicado por k, a área será multiplicada por k²,
     conclusão que não precisa ser formalizada, mas que pode ser explorada parcialmente
     pela ideia de que, “se aumenta o perímetro, a área também aumenta” e vice-versa.



2.




                                                                                           8
GABARITO                      Caderno do Aluno          Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




 SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 2

 PLANIFICANDO O ESPAÇO




Páginas 15 - 16
1. Atividade de construção.


2. As três planificações formam cubos.


3. Um cubo tem seis faces e, portanto, sua planificação deve ser formada por seis
   quadrados. As figuras (a) e (c) não têm seis quadrados e, portanto, não formarão um
   cubo. A figura (b) não forma um cubo porque, apesar de ter 6 quadrados, não há
   como associar as bases às faces laterais.


4. Apenas (b) e (c) formam cubos. Note que nesta atividade foi sugerida a resolução
   sem a construção concreta do cubo. Nem todos os alunos conseguem resolver esta
   questão apenas com o pensamento abstrato; porém, deve ser uma meta sua,
   professor, fazer com que gradativamente todos possam resolver um problema
   semelhante a este sem a construção física do cubo.




Página 17
1. Não é possível, porque cinco quadrados alinhados conseguem fechar apenas quatro
   das seis faces do cubo. O sexto quadrado da planificação fechará a quinta face do
   cubo, e uma face ficará aberta. Exemplos de planificação assim são:




                                                                                            9
GABARITO                     Caderno do Aluno    Matemática –5a série/6o ano – Volume 3


Desafio!
Páginas 17 - 18




Páginas 18 - 19
1. Atividade prática de montagem.


2. Há algumas possibilidades de formação. Apresentamos, a seguir, um exemplo com
   10 quadradinhos na região interior.




                                                                                    10
GABARITO    Caderno do Aluno   Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




Página 20
1.




2.




Página 20
1.




2.




                                                                  11
GABARITO          Caderno do Aluno   Matemática –5a série/6o ano – Volume 3



Desafio!
Página 21




Páginas 21 - 23
1.




                                                                        12
GABARITO                       Caderno do Aluno         Matemática –5a série/6o ano – Volume 3


2.




Páginas 24 - 25
1. Resposta pessoal. Professor, solicite que os alunos apresentem à classe seus objetos e
     seus desenhos das vistas para que se possa fazer uma discussão.




                                                                                           13
GABARITO               Caderno do Aluno   Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




     SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 3

     GEOMETRIA E FRAÇÕES COM O GEOPLANO OU MALHAS
     QUADRICULADAS




Páginas 26 - 28
1.




2. Resposta pessoal.
3.




                                                                             14
GABARITO                   Caderno do Aluno   Matemática –5a série/6o ano – Volume 3


4. Apresentamos abaixo duas figuras:




Páginas 28 - 29
1.




                                                                                 15
GABARITO                        Caderno do Aluno         Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




Páginas 29 - 31
1.




2. Dobrando o lado, a área multiplica-se por 4. Em geral, multiplicando-se por k os
     lados, a área da figura semelhante será multiplicada por k².




                                                                                            16
GABARITO          Caderno do Aluno   Matemática –5a série/6o ano – Volume 3


3.




Páginas 32 - 33
1.




                                                                        17
GABARITO                        Caderno do Aluno          Matemática –5a série/6o ano – Volume 3


2.




     Observação: Professor, note que nesse caso não estamos assumindo 0 como número
     natural.

     Caso se queira assumir 0 como natural, também temos que marcar os pontos:
     0 0 0 0       0
      , , , , ...,
     1 2 3 4       8


3.




4.
     (V) Frações com denominadores iguais, necessariamente, estão alinhadas
     horizontalmente.
     (V) As frações impróprias estão localizadas na diagonal que passa pela origem ou à
     direita dela.
     (V) Frações equivalentes, necessariamente, estão alinhadas com a origem da malha e
     entre si.

                                                                                             18
GABARITO          Caderno do Aluno        Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




Páginas 34 - 35
1.




2.




                                     1 3 11
                                       
                                     3 2 6




                                 3 3   9
                                    
                                 5 10 10



                                                                             19
GABARITO                     Caderno do Aluno          Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




 SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 4

 PERÍMETRO, ÁREA E ARTE USANDO MALHAS GEOMÉTRICAS




Páginas 36 - 39
1.




2.




3. (a), (b) e (c) Paralelismo e perpendicularidade entre segmentos são mantidos em
                                                   1
     todas as transformações; porém, o ângulo de     de volta só será mantido no caso
                                                   8
     em que ambas as dimensões da malha foram dobradas. No caso em que apenas

                                                                                          20
GABARITO                   Caderno do Aluno          Matemática –5a série/6o ano – Volume 3


  a dimensão horizontal foi dobrada, o ângulo entre a manga e a lateral da camisa
  aumentou (a manga se afasta da lateral da camisa) e, no caso em que apenas a
  dimensão vertical foi dobrada, o ângulo diminuiu (a manga se aproxima da lateral da
  camisa).


4. A malha deve ser ampliada horizontalmente, como no exemplo a seguir:




5. Alternativa b. O crescimento da empresa entre 2006 e 2007 foi de 10%, informação
  que pode ser obtida por meio de qualquer um dos três gráficos. Contudo, como para a
  empresa interessa impressionar seus acionistas sobre esse crescimento, o gráfico
  indicado em (b) deve ser o escolhido, porque trabalha com ampliação vertical da
  malha, acentuando a aparência do crescimento das vendas. Exercícios desse tipo têm
  seu valor não só pelo trabalho realizado com a compreensão de temas da
  Matemática, como também pelo alcance que têm na dimensão de construção da
  cidadania. Um bom leitor da informação deve sempre estar atento às técnicas que
  muitas vezes são utilizadas para destacar um resultado positivo ou atenuar um
  resultado negativo.


6. Como são necessários seis triângulos equiláteros idênticos em torno do ponto, o


                                       1
  ângulo interno de um triângulo tem     de giro de uma volta completa.
                                       6




                                                                                        21
GABARITO                       Caderno do Aluno          Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




Páginas 40 - 41
1. Os perímetros das figuras 1, 2, 3, 4 e 5 são, respectivamente: 4 u, 6 u, 6 u, 8 u, 6 u.
     As áreas das figuras 1, 2, 3, 4 e 5 são, respectivamente, 2 u², 4 u², 4 u², 6u² e 6 u².
     Este exercício permite explorar a ideia de que podemos ter figuras de mesmo
     perímetro com áreas diferentes e de mesma área com perímetros diferentes.
     Observação: dada a importância do trabalho com malhas no estudo de perímetro e
     área de figuras, é recomendável que ele seja retomado na 6a série/7º ano.


2. Resposta pessoal. Exemplo:




3.




                                                                                            22
GABARITO                   Caderno do Aluno       Matemática –5a série/6o ano – Volume 3




Página 42
1.




Página 42
Algumas recomendações em português para essa pesquisa são:
1. <http://www.educ.fc.ul.pt/icm/icm2001/icm21>. Acesso em: 6 maio 2010.
2. ERNEST, Bruno. O espelho mágico de M. C. Escher. Koln: Editora Taschen, 1991.
3. ESCHER, M. C. Gravuras e desenhos. Editora A & B, 2006.




                                                                                     23

Mais conteúdo relacionado

Destaque

2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
profzwipp
 
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
profzwipp
 
Caderno do Aluno História 8 série vol 2 2014-2017
Caderno do Aluno História 8 série vol 2 2014-2017Caderno do Aluno História 8 série vol 2 2014-2017
Caderno do Aluno História 8 série vol 2 2014-2017
Diogo Santos
 
Portugues 5ª série vol 1
Portugues 5ª série vol 1Portugues 5ª série vol 1
Portugues 5ª série vol 1
nicholasfavaro
 
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
Diogo Santos
 

Destaque (8)

2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
 
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito
 
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
 
Caderno do Aluno História 8 série vol 2 2014-2017
Caderno do Aluno História 8 série vol 2 2014-2017Caderno do Aluno História 8 série vol 2 2014-2017
Caderno do Aluno História 8 série vol 2 2014-2017
 
Portugues 5ª série vol 1
Portugues 5ª série vol 1Portugues 5ª série vol 1
Portugues 5ª série vol 1
 
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
Caderno do Aluno História 6 série vol 1 2014-2017
 

Semelhante a 2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito

Geometria caderno 5
Geometria caderno 5Geometria caderno 5
Geometria caderno 5
Aprender com prazer
 
Ficha informativa 1 (geometria revisões)
Ficha informativa 1 (geometria   revisões)Ficha informativa 1 (geometria   revisões)
Ficha informativa 1 (geometria revisões)
Paulo Soares
 
Geometria
GeometriaGeometria
Geometria
Raquel Campos
 
Oficina de matemática
Oficina de matemáticaOficina de matemática
Oficina de matemática
Ana Lúcia Costa
 
Oficina de matemática
Oficina de matemáticaOficina de matemática
Oficina de matemática
Ana Lúcia Costa
 
Polígonos
PolígonosPolígonos
Polígonos
giselesilvaramos
 
Apostila matemática geometria plana
Apostila matemática   geometria planaApostila matemática   geometria plana
Apostila matemática geometria plana
perpetor
 
Apostila mat3
Apostila mat3Apostila mat3
Apostila mat3
resolvidos
 
Geometria Espacial e de Posição
Geometria Espacial e de PosiçãoGeometria Espacial e de Posição
Geometria Espacial e de Posição
Everton Moraes
 
Matematica af planas
Matematica af planasMatematica af planas
Matematica af planas
simuladocontabil
 
Poligonos 6 ano
Poligonos 6 anoPoligonos 6 ano
Poligonos 6 ano
simonecarmo5
 
Matematica
MatematicaMatematica
Matematica
Crispiniano Macedo
 
Geometria
GeometriaGeometria
Geometria
Daniela Menezes
 
Geometria
GeometriaGeometria
Geometria 6º ano
Geometria  6º anoGeometria  6º ano
Geometria 6º ano
jonihson
 
Decompondo Figuras
Decompondo FigurasDecompondo Figuras
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
profzwipp
 
Mat geometria figuras geometricas
Mat geometria figuras geometricasMat geometria figuras geometricas
Mat geometria figuras geometricas
trigono_metrico
 
Aula 1 quadrilateros trinagulos
Aula 1 quadrilateros trinagulosAula 1 quadrilateros trinagulos
Aula 1 quadrilateros trinagulos
Marcia Roberto
 
Geometria
GeometriaGeometria
Geometria
con_seguir
 

Semelhante a 2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito (20)

Geometria caderno 5
Geometria caderno 5Geometria caderno 5
Geometria caderno 5
 
Ficha informativa 1 (geometria revisões)
Ficha informativa 1 (geometria   revisões)Ficha informativa 1 (geometria   revisões)
Ficha informativa 1 (geometria revisões)
 
Geometria
GeometriaGeometria
Geometria
 
Oficina de matemática
Oficina de matemáticaOficina de matemática
Oficina de matemática
 
Oficina de matemática
Oficina de matemáticaOficina de matemática
Oficina de matemática
 
Polígonos
PolígonosPolígonos
Polígonos
 
Apostila matemática geometria plana
Apostila matemática   geometria planaApostila matemática   geometria plana
Apostila matemática geometria plana
 
Apostila mat3
Apostila mat3Apostila mat3
Apostila mat3
 
Geometria Espacial e de Posição
Geometria Espacial e de PosiçãoGeometria Espacial e de Posição
Geometria Espacial e de Posição
 
Matematica af planas
Matematica af planasMatematica af planas
Matematica af planas
 
Poligonos 6 ano
Poligonos 6 anoPoligonos 6 ano
Poligonos 6 ano
 
Matematica
MatematicaMatematica
Matematica
 
Geometria
GeometriaGeometria
Geometria
 
Geometria
GeometriaGeometria
Geometria
 
Geometria 6º ano
Geometria  6º anoGeometria  6º ano
Geometria 6º ano
 
Decompondo Figuras
Decompondo FigurasDecompondo Figuras
Decompondo Figuras
 
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
 
Mat geometria figuras geometricas
Mat geometria figuras geometricasMat geometria figuras geometricas
Mat geometria figuras geometricas
 
Aula 1 quadrilateros trinagulos
Aula 1 quadrilateros trinagulosAula 1 quadrilateros trinagulos
Aula 1 quadrilateros trinagulos
 
Geometria
GeometriaGeometria
Geometria
 

Mais de profzwipp

Cad aluno vol1_fisica_em_2_s
Cad aluno vol1_fisica_em_2_sCad aluno vol1_fisica_em_2_s
Cad aluno vol1_fisica_em_2_s
profzwipp
 
Cad aluno vol1_fisica_em_1_s
Cad aluno vol1_fisica_em_1_sCad aluno vol1_fisica_em_1_s
Cad aluno vol1_fisica_em_1_s
profzwipp
 
Cadaluno1em
Cadaluno1emCadaluno1em
Cadaluno1em
profzwipp
 
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito (2)
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito (2)2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito (2)
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito (2)
profzwipp
 
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
profzwipp
 
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_1aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_1aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_1aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_1aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
profzwipp
 
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
profzwipp
 
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
profzwipp
 

Mais de profzwipp (20)

Cad aluno vol1_fisica_em_2_s
Cad aluno vol1_fisica_em_2_sCad aluno vol1_fisica_em_2_s
Cad aluno vol1_fisica_em_2_s
 
Cad aluno vol1_fisica_em_1_s
Cad aluno vol1_fisica_em_1_sCad aluno vol1_fisica_em_1_s
Cad aluno vol1_fisica_em_1_s
 
Cadaluno1em
Cadaluno1emCadaluno1em
Cadaluno1em
 
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito (2)
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito (2)2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito (2)
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito (2)
 
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
 
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
 
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume4 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
 
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
 
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
 
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
 
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
 
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_1aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_1aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_1aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_1aserie_gabarito
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_8aserie_gabarito
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_7aserie_gabarito
 
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
2010 volume2 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_6aserie_gabarito (1)
 
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_3aserie_gabarito
 
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
2010 volume1 cadernodoaluno_matematica_ensinomedio_2aserie_gabarito
 

2010 volume3 cadernodoaluno_matematica_ensinofundamentalii_5aserie_gabarito

  • 1. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 1 DEFINIR E CLASSIFICAR EXPERIMENTANDO Páginas 3 - 7 1. Seguem abaixo cinco características que podem ser listadas, com a respectiva correspondência nas figuras. Note que explicitamos as características em linguagem informal, como provavelmente aparecerá no texto dos alunos. • Pelo menos “um lado reto”: de 1 a 23, de 26 a 29, de 31 a 36, de 38 a 40, de 43 a 50. • Possui “lados curvos”: de 24 a 26, 29, 30, de 37 a 50. • Possui apenas “lados retos” e “buracos”: 11, de 14 a 18, 21, 22. • Possui “bicos”: de 1 a 29, de 31 a 40 (exceto 37), de 42 a 46, de 48 a 50. • Figura com lados retos e pelo menos um par de lados paralelos: de 1 a 11, 14, 15, 16, 18, 20, 28, 33, 35. 2. Escolhemos uma figura para descrever, em linguagem informal, algumas de suas características: • Figura 4: cinco lados; todos os lados são “retos”; cinco “bicos”; um par de lados paralelos; quando dobrada de forma conveniente, ocorre sobreposição perfeita entre as partes dobradas (referência à simetria); possui lados “em cruz” (referência aos ângulos retos); não possui “buracos” (referência ao fato de o polígono ser convexo); possui dois pares de lados com as mesmas medidas entre si. 1
  • 2. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Página 7 1. Vale lembrar que neste exercício podemos incluir ou excluir algumas figuras de certa classificação, dependendo sempre da interpretação dada aos termos usados. Característica Número das figuras Figuras com apenas 3 lados 23, 29, 31, 32, 34, 36, 43, 44, 45, 46, (retos ou curvos) 48. Figuras com apenas 3 lados retos 23, 31, 32, 34, 36. Figuras com apenas 3 “bicos” 23, 29, 31,32, 34, 36, 43, 44, 45, 46, 48. Figuras com pelo menos De 1 a 22, 27, 28, 33, 35. 4 lados retos De 1 a 11, 14, 15, 16, 18, 20, 28, 33, 35, 38, 40. Figuras com pelo menos 1 par Observação: 47 também pode ser de lados paralelos considerado, se admitirmos que a figura tem 4 lados. Figuras com todos os lados de mesma medida 1, 2, 7, 9, 12, 23, 42. Figuras com alguns lados formando 3, 4, 5, 6, 7, 10, 13, 14, 18, 19, 32, 35, uma “quina” perfeita (lados “em 36, 43, 45, 48. cruz”) 2
  • 3. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Páginas 7 - 9 1. Nomenclatura “oficial” na Característica correspondente e um exemplo Matemática Figura geométrica plana cujo contorno é fechado e Polígono formado por segmentos de retas. Ex: Figuras com 4 lados retos (ou polígono de quatro Quadrilátero lados). Ex: Polígono de 3 lados. Ex: Triângulo Figuras com pelo menos 1 lado curvo. Ex: Não polígono 3
  • 4. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Figuras com lados retos e “buracos” (ou polígono que tem pelo menos um ângulo interno maior que 180º). Polígono não convexo Ex: Dados dois pontos quaisquer em seu interior, o segmento que os liga está contido na região interior do Polígono convexo polígono (ou polígono com todos os ângulos internos menores que 180º). Ex: Bicos de uma figura com lados retos. Ex: Vértices Lados “em cruz”, ou formando uma “quina perfeita”. Ex: Ângulo reto 4
  • 5. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Quadrilátero com dois pares de lados paralelos. Ex: Paralelogramo Triângulo com um ângulo “em cruz” (“em quina Triângulo retângulo perfeita”). Ex: Triângulo que tem pelo menos 2 lados iguais. Ex: Triângulo isósceles Triângulo com três lados diferentes. Ex: Triângulo escaleno 2. Nesta atividade, você poderá redefinir com maior rigor algum termo ou palavra usada durante a aula. Devemos observar que neste momento é mais importante que o aluno 5
  • 6. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 consiga expressar seu pensamento de alguma forma, mesmo que ainda sem o rigor necessário do vocabulário matemático. Páginas 10 - 11 1. Nomenclatura “oficial” na Definição Figuras Matemática 20 a 34 Triângulo Polígono de 3 lados De 1 a 19, 35, 36. Quadrilátero Polígono de 4 lados 20, 22. Triângulo equilátero Triângulo com os 3 lados iguais Quadrilátero com 1, 4, 5, 6, 7, 8, 10, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, Retângulo 4 ângulos retos 19. 4, 9, 10, 11, 16, 17, Polígono com 4 lados iguais Losango 18, 19 Ao menos um segmento de extremos com pontos na região interior do polígono não está contido na região 36 Polígono interior do polígono (ou polígono em que pelo menos um ângulo interno é não convexo maior que 180º) 6
  • 7. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Páginas 11 - 12 1. Com esta atividade você pode discutir com os alunos uma definição mais consistente sobre o que entendemos por “tamanho” da figura. A ideia é que eles possam perceber intuitivamente a área associada ao que usualmente compreenderiam como o “tamanho” da figura. Vale destacar que o percurso didático de um programa de geometria deve levar em consideração que, para as faixas etárias menores, o significado se constrói muito mais por meio de situações concretas e aproximações experimentais do que com formalismo e definições. Outras atividades específicas vão explorar o uso do tangram para explorar a ideia de perímetro e área de uma figura com base em sua decomposição. 2. Esta atividade explora a ideia de perímetro e, como a anterior, trabalha com duas importantes habilidades, a de ordenar e a de estimar. É muito importante que os alunos de 5a série consigam estabelecer a ordem de grandeza entre comprimentos e entre áreas de figuras que possibilitem uma distinção clara de medidas. A habilidade e a destreza com o uso e a leitura das medidas indicadas na régua também devem ser um dos motes desta atividade. A figura de menor comprimento é a 10 e a de maior comprimento, a 1. 3. 4 e 12; 6,7,10 e 13. 4. Todos os quadrados são semelhantes entre si; 15 e 14 são semelhantes e congruentes. 5. Os triângulos que têm ângulos internos dois a dois de mesma medida são semelhantes. Em relação aos quadriláteros, além dos ângulos internos dois a dois de mesma medida, tem de haver proporcionalidade entre os lados em correspondência para que eles sejam semelhantes. Essa discussão deve ser feita com os alunos de maneira informal, apelando mais para a intuição do que para a formalização, porque os alunos ainda não conhecem a definição de ângulo e não foram suficientemente apresentados à ideia de proporcionalidade. O tema de semelhança de figuras geométricas será retomado em outra série do Ensino Fundamental. 7
  • 8. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Páginas 12 - 13 1. Note, inicialmente, que o enunciado desta atividade exige compreensão do uso das palavras “área” e “perímetro”, que devem ter sido trabalhadas nas atividades anteriores. Espera-se que os alunos percebam e concluam, pela experimentação, que se aumentarmos o perímetro de um triângulo sua área também vai aumentar. De forma geral, se o perímetro for multiplicado por k, a área será multiplicada por k², conclusão que não precisa ser formalizada, mas que pode ser explorada parcialmente pela ideia de que, “se aumenta o perímetro, a área também aumenta” e vice-versa. 2. 8
  • 9. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 2 PLANIFICANDO O ESPAÇO Páginas 15 - 16 1. Atividade de construção. 2. As três planificações formam cubos. 3. Um cubo tem seis faces e, portanto, sua planificação deve ser formada por seis quadrados. As figuras (a) e (c) não têm seis quadrados e, portanto, não formarão um cubo. A figura (b) não forma um cubo porque, apesar de ter 6 quadrados, não há como associar as bases às faces laterais. 4. Apenas (b) e (c) formam cubos. Note que nesta atividade foi sugerida a resolução sem a construção concreta do cubo. Nem todos os alunos conseguem resolver esta questão apenas com o pensamento abstrato; porém, deve ser uma meta sua, professor, fazer com que gradativamente todos possam resolver um problema semelhante a este sem a construção física do cubo. Página 17 1. Não é possível, porque cinco quadrados alinhados conseguem fechar apenas quatro das seis faces do cubo. O sexto quadrado da planificação fechará a quinta face do cubo, e uma face ficará aberta. Exemplos de planificação assim são: 9
  • 10. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Desafio! Páginas 17 - 18 Páginas 18 - 19 1. Atividade prática de montagem. 2. Há algumas possibilidades de formação. Apresentamos, a seguir, um exemplo com 10 quadradinhos na região interior. 10
  • 11. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Página 20 1. 2. Página 20 1. 2. 11
  • 12. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Desafio! Página 21 Páginas 21 - 23 1. 12
  • 13. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 2. Páginas 24 - 25 1. Resposta pessoal. Professor, solicite que os alunos apresentem à classe seus objetos e seus desenhos das vistas para que se possa fazer uma discussão. 13
  • 14. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 3 GEOMETRIA E FRAÇÕES COM O GEOPLANO OU MALHAS QUADRICULADAS Páginas 26 - 28 1. 2. Resposta pessoal. 3. 14
  • 15. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 4. Apresentamos abaixo duas figuras: Páginas 28 - 29 1. 15
  • 16. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Páginas 29 - 31 1. 2. Dobrando o lado, a área multiplica-se por 4. Em geral, multiplicando-se por k os lados, a área da figura semelhante será multiplicada por k². 16
  • 17. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 3. Páginas 32 - 33 1. 17
  • 18. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 2. Observação: Professor, note que nesse caso não estamos assumindo 0 como número natural. Caso se queira assumir 0 como natural, também temos que marcar os pontos: 0 0 0 0 0 , , , , ..., 1 2 3 4 8 3. 4. (V) Frações com denominadores iguais, necessariamente, estão alinhadas horizontalmente. (V) As frações impróprias estão localizadas na diagonal que passa pela origem ou à direita dela. (V) Frações equivalentes, necessariamente, estão alinhadas com a origem da malha e entre si. 18
  • 19. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Páginas 34 - 35 1. 2. 1 3 11   3 2 6 3 3 9   5 10 10 19
  • 20. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 4 PERÍMETRO, ÁREA E ARTE USANDO MALHAS GEOMÉTRICAS Páginas 36 - 39 1. 2. 3. (a), (b) e (c) Paralelismo e perpendicularidade entre segmentos são mantidos em 1 todas as transformações; porém, o ângulo de de volta só será mantido no caso 8 em que ambas as dimensões da malha foram dobradas. No caso em que apenas 20
  • 21. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 a dimensão horizontal foi dobrada, o ângulo entre a manga e a lateral da camisa aumentou (a manga se afasta da lateral da camisa) e, no caso em que apenas a dimensão vertical foi dobrada, o ângulo diminuiu (a manga se aproxima da lateral da camisa). 4. A malha deve ser ampliada horizontalmente, como no exemplo a seguir: 5. Alternativa b. O crescimento da empresa entre 2006 e 2007 foi de 10%, informação que pode ser obtida por meio de qualquer um dos três gráficos. Contudo, como para a empresa interessa impressionar seus acionistas sobre esse crescimento, o gráfico indicado em (b) deve ser o escolhido, porque trabalha com ampliação vertical da malha, acentuando a aparência do crescimento das vendas. Exercícios desse tipo têm seu valor não só pelo trabalho realizado com a compreensão de temas da Matemática, como também pelo alcance que têm na dimensão de construção da cidadania. Um bom leitor da informação deve sempre estar atento às técnicas que muitas vezes são utilizadas para destacar um resultado positivo ou atenuar um resultado negativo. 6. Como são necessários seis triângulos equiláteros idênticos em torno do ponto, o 1 ângulo interno de um triângulo tem de giro de uma volta completa. 6 21
  • 22. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Páginas 40 - 41 1. Os perímetros das figuras 1, 2, 3, 4 e 5 são, respectivamente: 4 u, 6 u, 6 u, 8 u, 6 u. As áreas das figuras 1, 2, 3, 4 e 5 são, respectivamente, 2 u², 4 u², 4 u², 6u² e 6 u². Este exercício permite explorar a ideia de que podemos ter figuras de mesmo perímetro com áreas diferentes e de mesma área com perímetros diferentes. Observação: dada a importância do trabalho com malhas no estudo de perímetro e área de figuras, é recomendável que ele seja retomado na 6a série/7º ano. 2. Resposta pessoal. Exemplo: 3. 22
  • 23. GABARITO Caderno do Aluno Matemática –5a série/6o ano – Volume 3 Página 42 1. Página 42 Algumas recomendações em português para essa pesquisa são: 1. <http://www.educ.fc.ul.pt/icm/icm2001/icm21>. Acesso em: 6 maio 2010. 2. ERNEST, Bruno. O espelho mágico de M. C. Escher. Koln: Editora Taschen, 1991. 3. ESCHER, M. C. Gravuras e desenhos. Editora A & B, 2006. 23