SlideShare uma empresa Scribd logo
Escola Secundária D. Afonso
SanchesCurso Profissional de Técnico de Turismo
Disciplina: Turismo- Informação e Animação, 11ºI1
30-10-2008
Made
ira
OBJECTIVOS:
1- Localização da Região Autónoma da Madeira;
2- Um pouco de história;
3- Acessibilidades;
4- Património Histórico;
5- Património Natural;
6- Gastronomia Madeirense;
7- Produtos Locais;
8- Festas, feiras, lendas e romarias;
9- Equipamentos, serviços desportivos e lazer.
Localizaçã
o:O arquipélago da Madeira
encontra-se situado no
oceano Atlântico, à
distância de 500 km da
costa africana e 1000 km
do continente europeu, ou
seja a 1H30 minutos de
voo a partir da cidade de
Lisboa.
A Ilha da Madeira situa-se no Oceano Atlântico, a sudoeste de Portugal
Continental.
Um pouco de história…
As opiniões sobre o destino a dar à Madeira
têm mudado desde a sua exploração em 1419. Nos
primeiros dias da colonização, a falta de mão-de-obra
foi resolvida com a vinda de prisioneiros das prisões
de Lisboa.
No entanto, já há muito tempo que os
visitantes encontravam nesta ilha uma população
hospitaleira, um clima maravilhoso e um crescente
aumento de hotéis e outras acomodações turísticas
para todos os gostos e feitios.
Os primeiros turistas na Madeira foram
passageiros dos transatlânticos. A Madeira
constituía uma paragem obrigatória para o
abastecimento de carvão e uma excursão pelo campo.
Era uma óptima pausa na travessia do Atlântico.
“Na Madeira a vida é diferente e irá sentir saudades quando
partir...”
Acessibilidad
es:Em todo o Arquipélago encontrará múltiplas facilidades de transporte adequadas às
suas deslocações…
 Rent-a-car:
Se não quiser estar dependente de horários, a ilha
dispõe de um alargado leque de empresas de aluguer de
automóveis sem condutor.
 Transportes Públicos:
Se preferir utilizar os transportes públicos,
existem várias empresas de autocarros que, de uma forma
mais económica, o podem levar até aos pontos de maior
interesse turístico.
 Táxis:
Os táxis estão disponíveis nos
Aeroportos da Madeira e Porto Santo, nos
principais hotéis e em várias ruas e praças da
cidade.
 Barco:
Sendo a Madeira uma ilha, é natural
que um dos transportes públicos utilizados seja
o barco.
Para se deslocar à vizinha ilha do Porto Santo, poderá fazê-lo no ferry-boat
Lobo Marinho, que efectua viagens diárias .
Património
Histórico: Igreja de São
Pedro:
A construção desta igreja foi um pouco
atribulada. A ordem para a construção foi dada em
1590 (construção que deveria ter terminado seis anos
depois) mas, devido às muitas alterações porque passou
o plano original, a igreja de S. Pedro só ficou concluída
no século XVIII.
Esta igreja conta com um pormenor muito
interessante, que poderá facilmente passar
despercebido se não for observado do local correcto!
Para isso terá que subir a Calçada de Santa Clara e aprecie o magnífico
trabalho em azulejos coloridos feito no cimo da torre da igreja.
 Fortaleza de Santiago:
Com o domínio quase absoluto
dos Portugueses nas rotas do Atlântico
Norte, a defesa das ilhas não mereceu
qualquer cuidado especial.
Por esta razão, em 1566, o
Funchal acabou por ser vítima dum
terrível ataque desencadeado pelos
corsários.
E apesar da constante iminência
de novo ataque, só em 1614 é que se
construiu a Fortaleza de Santiago com o
intuito de proteger a cidade dos piratas.
Em 1767 foi ampliada e sempre foi usada com fins militares até 1992, altura em
que foi cedida ao Governo Regional que decidiu utilizá-la para fins culturais.
A partir de então, começou a exibir um programa cultural variado, sob a tutela
do Museu de Arte Contemporânea, com uma exposição permanente essencialmente
dedicada aos últimos anos da pintura em Portugal.
Para além do museu, encontra aqui um restaurante com uma localização realmente
privilegiada.
 Ponte do Cidrão:
Só nos finais do século XV é que se começaram
a construir rudimentares pontes de madeira, que nem
sequer suportavam o peso de certas mercadorias ou de
animais de carga.
A primeira ponte camarária foi construída
sobre a Ribeira de Santa Luzia e corresponde à hoje
chamada Ponte do Cidrão.
Em Setembro de 1495, decidiu-se que as ruas seriam pavimentadas e as pontes de
madeira seriam transformadas em pontes de pedra.
 Teatro Municipal Baltazar
Dias: Devido ao grande número de espectáculos
apresentados na ilha, a população sentiu a necessidade de
ter uma sala permanente onde esses espectáculos
pudessem subir ao palco.
Como tal, em 1880, foi criada a Companhia
Edificadora do Teatro Funchalense, cujo objectivo era
concretizar a construção de um teatro condigno para a
cidade. Mais tarde, ficou a Câmara Municipal encarregue
desta tarefa e a companhia foi dissolvida.
O arquitecto responsável pelo projecto inspirou-se num modelo de teatro muito em voga em
toda a Europa, o Scala de Milão.
Património Natural:
 Promenade do Lido:
Rodeada de palmeiras e
agradáveis jardins, esta promenade
faz a ligação entre o zona do Lido e
a Praia Formosa, oferecendo vistas
encantadoras sobre o mar e sobre o
Cabo Girão aos que lá passeiam,
caminham, correm… ou apenas
relaxam num dos muitos bancos
espalhados ao longo do percurso!
 Parque Santa Catarina:
Com uma área total de 36000 m2, este
jardim oferece belíssimas vistas sobre a baía
do Funchal, diversos percursos pedonais, com
banquinhos ladeados por muitas espécies da
flora mundial e um encantador lago com uma
pequena ilha, onde patos e cisnes nascem e
vivem.
 Jardim Municipal do Monte:
Encantador… Esta seria a palavra
ideal para descrever o Jardim Municipal do
Monte.
Passear neste jardim faz pensar nas
pessoas que provavelmente se apaixonaram
aqui, em senhoras com longos vestidos e
sombrinhas a protegerem-nas do sol,
acompanhadas de cavalheiros com bengalas…
Fá-lo pensar em quase tudo…
Gastronomia:
o Sopas:
Caldo (Caldo de Carne)
o Acompanhamentos:
Cebolinhas de Escabeche
Inhame Cozido
Milho CozidoMilho Frito
o Peixes:
Atum Assado
Atum de Escabeche
Bacalhau RápidoBifes de Atum
Bifes de Atum (2)Caldeira
Cavalas com Molho de Vilão
Cavalas Salgadas
Espada de Vinhalhos, Vinha-d'a
o Carnes:
Carne Assada
Carne Assada no Forno
Cozido à Madeirense
Sarapatel
o Saladas:
Salada de Fruta de Verão
Salada de Papaia e Maracujá
o Pão:
Bolo do Caco
o Doces e Pudins:
Bolo de Família
Bolo de Mel da Madeira
Bolo Preto
Bolo-podre da Madeira
Broas de Mel
Panquecas de Abóbora
Pudim de Papaia
Pudim de Veludo ou
Pudim de Ovos
Queijadas da Madeira
Produtos Locais:
 Bordados:
O bordado da Madeira é reconhecido como o
melhor do mundo dentro do seu género.
Nos últimos cento e cinquenta anos, colheu a
experiência dos centros de artesanato europeus, que
depressa desapareceram, e moldou esses estilos num pacote
distinto, que em termos de qualidade é insuperável em todo o
mundo.
 Vimes:
Ao longo das enseadas nas regiões húmidas da ilha, os vimeiros
crescem... e crescem... e crescem…
Nos primeiros meses do ano, as varas são
colhidas e mais tarde descascadas, postas e amarradas em
molhos. Para lhes dar mais flexibilidade, são fervidas em
grandes caldeirões de água.
Depois começa o árduo processo de transformação em maravilhosos objectos de
mobiliário, cestos e figuras de animais, que são de uma beleza extraordinária.
 Vinhos:
A produção de vinho é de maior importância, porque é pelo seu vinho que
a Madeira é mais conhecida no mundo. As primeiras vinhas foram provavelmente
introduzidas na ilha durante a colonização. O maior ímpeto da indústria vitivinícola
teve o seu início na segunda metade do século XVIII com os ingleses. Hoje em dia,
há muitas variedades de vinho madeira.
Os vinhos secos como o Sercial e o Verdelho são
deliciosos servidos frescos como aperitivo, os vinhos mais
doces são servidos com a sobremesa e os mais ricos, como o
Malvazia, são excelentes como digestivo.
O vinho Madeira é tão diverso que pode ser
servido a qualquer hora do dia, com praticamente todo o
tipo de comida.
Um curioso artigo
encontrado num livro de
História fala-nos do Duque
de Clarence, que depois de
preso na torre de Londres,
com pena de morte, escolheu
ser afogado em vinho da
Madeira.
Festas, feiras, lendas e
romarias: Carnaval:
As festividades do Carnaval espelham as características culturais do povo
madeirense. Este povo é exemplo de alegria, felicidade e cor, parte integrante das
suas personalidades.
Sendo um dos eventos preferidos
dos turistas, o Carnaval assumiu, desde
sempre, características especiais.
Desde o primeiro dia, este projecto
pretende-se cimentado numa mensagem de
alegria, cor e juventude.
O Carnaval na Madeira tem dois
cortejos: o alegórico e o trapalhão. O
primeiro é mais sofisticado e necessita de um
projecto criativo da parte de todos os grupos
e figurantes.
O segundo conta com a participação espontânea de todo o público interessado.
 Festival do Atlântico:
De 1 a 30 de Junho
O Festival do Atlântico, iniciativa da
Secretaria Regional do Turismo e Cultura,
constitui um importante evento que associa a
animação à cultura.
Integra três componentes artísticas:
o Festival de Música da Madeira, o Concurso
Internacional de Fogo de Artifício e a actuação
de bandas filarmónicas no centro da cidade.
 Actividades de Natal & Ano
Novo:De 14 de Novembro a 6 de Janeiro
O Natal, uma celebração no final do ano, é
uma época de tradições para o povo madeirense e
pode apreciar um programa variado de eventos
culturais, folclóricos e artísticos no centro do
Funchal.
Na Madeira a época festiva começa em
Novembro, com a ligação das coloridas iluminações
nas ruas principais da cidade e que permanecem
durante todo o mês de Dezembro terminando apenas
com a Epifania de 6 de Janeiro.
 Lenda da ilha da Madeira:
Equipamentos, serviços
desportivos e lazer:
A prática do desporto na Madeira está
também a atrair muitos turistas que aqui se
deslocam para praticarem o seu desporto
favorito no mar, em terra ou no ar: pesca
desportiva, mergulho, surf, windsurf,
canyoning, rappel, slide, escalada, trekking,
asa-delta, parapente ou orientação.
Conclusão:
A Madeira é um dos destinos turísticos mais
antigos e milhares de turistas voltam ano após ano.
Porquê?
A Madeira não só oferece um excelente clima ao longo de
todo o ano, magníficas fauna e flora - a Madeira tem uma
taxa criminal baixíssima e é um dos destinos mais seguros
do mundo!
Vale mesmo uma viagem até estas duas magnificas ilhas…
Talvez uma visita de estudo quem sabe!!! xD
Trabalho Realizado
Por:
Fábio,
nº6
&
Andrei
a, nº3

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Fam trip omíada vila do bispo
Fam trip omíada vila do bispoFam trip omíada vila do bispo
Fam trip omíada vila do bispo
arqueomike
 
Alentejo - nuts II
Alentejo -  nuts IIAlentejo -  nuts II
Alentejo - nuts II
Joana Lima
 
Postais Máximos do Algarve (Concelho de Olhão)
Postais Máximos do Algarve (Concelho de Olhão)Postais Máximos do Algarve (Concelho de Olhão)
Postais Máximos do Algarve (Concelho de Olhão)
Museu Filatelia Sérgio Pedro
 
Trabalho metodos
Trabalho metodosTrabalho metodos
Trabalho metodos
manetxa
 
Programa
ProgramaPrograma
Programa
arqueomike
 
Costumes e Tradições
Costumes e TradiçõesCostumes e Tradições
Costumes e Tradições
teresacorreiasilva
 
História de Imbituba
História de ImbitubaHistória de Imbituba
História de Imbituba
Viegas Fernandes da Costa
 
História do Seixal
História do SeixalHistória do Seixal
História do Seixal
teresacorreiasilva
 
Vestígios do Passado
Vestígios do PassadoVestígios do Passado
Vestígios do Passado
teresacorreiasilva
 
Florianópolis ( Viagem de Estudos- 2015)
Florianópolis ( Viagem de Estudos- 2015)Florianópolis ( Viagem de Estudos- 2015)
Florianópolis ( Viagem de Estudos- 2015)
Adrinic
 
História de Garopaba, Imbituba e Imaruí
História de Garopaba, Imbituba e ImaruíHistória de Garopaba, Imbituba e Imaruí
História de Garopaba, Imbituba e Imaruí
Viegas Fernandes da Costa
 
Apresentação emped
Apresentação empedApresentação emped
Apresentação emped
Helaine Soares
 
Maximafilia no Algarve (Concelho de Alcoutim)
Maximafilia no Algarve (Concelho de Alcoutim)Maximafilia no Algarve (Concelho de Alcoutim)
Maximafilia no Algarve (Concelho de Alcoutim)
Museu Filatelia Sérgio Pedro
 
Trabalho De Pesquisa Monsaraz Miguel Lopes
Trabalho De Pesquisa  Monsaraz    Miguel  LopesTrabalho De Pesquisa  Monsaraz    Miguel  Lopes
Trabalho De Pesquisa Monsaraz Miguel Lopes
Ana Baltazar
 
Santa maria da feira
Santa maria da feiraSanta maria da feira
Santa maria da feira
Jéssica Silva
 
Patrimonio cultural, natural e artistico de Santa Maria da Feira
Patrimonio cultural, natural e artistico de Santa Maria da FeiraPatrimonio cultural, natural e artistico de Santa Maria da Feira
Patrimonio cultural, natural e artistico de Santa Maria da Feira
Sofia Pais
 
Hortencio mattedi baia
Hortencio mattedi   baiaHortencio mattedi   baia
Hortencio mattedi baia
dejair tives lopes junior
 
Ciclo De ConferêNcias Ponte da Barca
Ciclo De ConferêNcias Ponte da BarcaCiclo De ConferêNcias Ponte da Barca
Ciclo De ConferêNcias Ponte da Barca
Teresa A. Amorim Gonçalves
 
Rota al-Mutamid - Sagres
Rota al-Mutamid - SagresRota al-Mutamid - Sagres
Rota al-Mutamid - Sagres
arqueomike
 
Rio Grande (2)
Rio Grande (2)Rio Grande (2)
Rio Grande (2)
Home
 

Mais procurados (20)

Fam trip omíada vila do bispo
Fam trip omíada vila do bispoFam trip omíada vila do bispo
Fam trip omíada vila do bispo
 
Alentejo - nuts II
Alentejo -  nuts IIAlentejo -  nuts II
Alentejo - nuts II
 
Postais Máximos do Algarve (Concelho de Olhão)
Postais Máximos do Algarve (Concelho de Olhão)Postais Máximos do Algarve (Concelho de Olhão)
Postais Máximos do Algarve (Concelho de Olhão)
 
Trabalho metodos
Trabalho metodosTrabalho metodos
Trabalho metodos
 
Programa
ProgramaPrograma
Programa
 
Costumes e Tradições
Costumes e TradiçõesCostumes e Tradições
Costumes e Tradições
 
História de Imbituba
História de ImbitubaHistória de Imbituba
História de Imbituba
 
História do Seixal
História do SeixalHistória do Seixal
História do Seixal
 
Vestígios do Passado
Vestígios do PassadoVestígios do Passado
Vestígios do Passado
 
Florianópolis ( Viagem de Estudos- 2015)
Florianópolis ( Viagem de Estudos- 2015)Florianópolis ( Viagem de Estudos- 2015)
Florianópolis ( Viagem de Estudos- 2015)
 
História de Garopaba, Imbituba e Imaruí
História de Garopaba, Imbituba e ImaruíHistória de Garopaba, Imbituba e Imaruí
História de Garopaba, Imbituba e Imaruí
 
Apresentação emped
Apresentação empedApresentação emped
Apresentação emped
 
Maximafilia no Algarve (Concelho de Alcoutim)
Maximafilia no Algarve (Concelho de Alcoutim)Maximafilia no Algarve (Concelho de Alcoutim)
Maximafilia no Algarve (Concelho de Alcoutim)
 
Trabalho De Pesquisa Monsaraz Miguel Lopes
Trabalho De Pesquisa  Monsaraz    Miguel  LopesTrabalho De Pesquisa  Monsaraz    Miguel  Lopes
Trabalho De Pesquisa Monsaraz Miguel Lopes
 
Santa maria da feira
Santa maria da feiraSanta maria da feira
Santa maria da feira
 
Patrimonio cultural, natural e artistico de Santa Maria da Feira
Patrimonio cultural, natural e artistico de Santa Maria da FeiraPatrimonio cultural, natural e artistico de Santa Maria da Feira
Patrimonio cultural, natural e artistico de Santa Maria da Feira
 
Hortencio mattedi baia
Hortencio mattedi   baiaHortencio mattedi   baia
Hortencio mattedi baia
 
Ciclo De ConferêNcias Ponte da Barca
Ciclo De ConferêNcias Ponte da BarcaCiclo De ConferêNcias Ponte da Barca
Ciclo De ConferêNcias Ponte da Barca
 
Rota al-Mutamid - Sagres
Rota al-Mutamid - SagresRota al-Mutamid - Sagres
Rota al-Mutamid - Sagres
 
Rio Grande (2)
Rio Grande (2)Rio Grande (2)
Rio Grande (2)
 

Destaque

1836
18361836
1836
Pelo Siro
 
1837
18371837
1837
Pelo Siro
 
1833
18331833
1833
Pelo Siro
 
1843
18431843
1843
Pelo Siro
 
1835
18351835
1835
Pelo Siro
 
1832
18321832
1832
Pelo Siro
 
1603
16031603
1603
Pelo Siro
 
521
521521
1707
17071707
1707
Pelo Siro
 
1704
17041704
1704
Pelo Siro
 
1710
17101710
1710
Pelo Siro
 
520
520520
15
1515
974
974974
1606
16061606
1606
Pelo Siro
 
1607
16071607
1607
Pelo Siro
 
1605
16051605
1605
Pelo Siro
 
517
517517
1705
17051705
1705
Pelo Siro
 
1708
17081708
1708
Pelo Siro
 

Destaque (20)

1836
18361836
1836
 
1837
18371837
1837
 
1833
18331833
1833
 
1843
18431843
1843
 
1835
18351835
1835
 
1832
18321832
1832
 
1603
16031603
1603
 
521
521521
521
 
1707
17071707
1707
 
1704
17041704
1704
 
1710
17101710
1710
 
520
520520
520
 
15
1515
15
 
974
974974
974
 
1606
16061606
1606
 
1607
16071607
1607
 
1605
16051605
1605
 
517
517517
517
 
1705
17051705
1705
 
1708
17081708
1708
 

Semelhante a 1838

TrêS Ilhas Dos AçOres
TrêS Ilhas Dos AçOresTrêS Ilhas Dos AçOres
TrêS Ilhas Dos AçOres
7iesdr
 
Trabalho da madeira
Trabalho da madeiraTrabalho da madeira
Trabalho da madeira
ATEC
 
ilha da madeira
ilha da madeirailha da madeira
ilha da madeira
Endl Félix Muriel
 
Ericeira
EriceiraEriceira
Ericeira
BiaEsteves
 
Turismo fluvial
Turismo fluvialTurismo fluvial
Turismo fluvial
Tina Lima
 
Cidade velha
Cidade velhaCidade velha
Cidade velha
Edhelena Tavares
 
Vila franca do campo
Vila franca do campoVila franca do campo
Vila franca do campo
Pedro Maciel
 
MyBrainMagazine 5
MyBrainMagazine 5MyBrainMagazine 5
MyBrainMagazine 5
MyBrain Society
 
Ericeira
EriceiraEriceira
Ericeira
Eugenia silva
 
Ilhada Madeira
Ilhada MadeiraIlhada Madeira
Ilhada Madeira
Armin Caldas
 
Ilha da Madeira Portugal!!!
Ilha da Madeira  Portugal!!!Ilha da Madeira  Portugal!!!
Ilha da Madeira Portugal!!!
nelson maguillasan
 
Rota do Românico
Rota do RomânicoRota do Românico
Rota do Românico
Eduardo Albuquerque
 
2013 01-16 - guia turístico
2013 01-16 - guia turístico2013 01-16 - guia turístico
2013 01-16 - guia turístico
O Ciclista
 
Patrimonio
PatrimonioPatrimonio
Patrimonio
Maria Ribeiro
 
Festas do Povo de Campo Maior - Artur Filipe dos Santos - Património Cultural
Festas do Povo de Campo Maior - Artur Filipe dos Santos - Património CulturalFestas do Povo de Campo Maior - Artur Filipe dos Santos - Património Cultural
Festas do Povo de Campo Maior - Artur Filipe dos Santos - Património Cultural
Artur Filipe dos Santos
 
Miguel 8 c palmela
Miguel 8 c palmelaMiguel 8 c palmela
Miguel 8 c palmela
benfica5000
 
Sihorbs turismo no mundo e vale europeu - 12-04-18
Sihorbs   turismo no mundo e vale europeu - 12-04-18Sihorbs   turismo no mundo e vale europeu - 12-04-18
Sihorbs turismo no mundo e vale europeu - 12-04-18
Evelise Cuesta
 
MyBrainMagazine 7
MyBrainMagazine 7MyBrainMagazine 7
MyBrainMagazine 7
MyBrain Society
 
Mapa interativo de santa catarina
Mapa interativo de santa catarinaMapa interativo de santa catarina
Mapa interativo de santa catarina
escolamaxcolin
 
Pestana hotels & resorts in&out madeira
Pestana hotels & resorts in&out madeiraPestana hotels & resorts in&out madeira
Pestana hotels & resorts in&out madeira
José Pedro Tojal
 

Semelhante a 1838 (20)

TrêS Ilhas Dos AçOres
TrêS Ilhas Dos AçOresTrêS Ilhas Dos AçOres
TrêS Ilhas Dos AçOres
 
Trabalho da madeira
Trabalho da madeiraTrabalho da madeira
Trabalho da madeira
 
ilha da madeira
ilha da madeirailha da madeira
ilha da madeira
 
Ericeira
EriceiraEriceira
Ericeira
 
Turismo fluvial
Turismo fluvialTurismo fluvial
Turismo fluvial
 
Cidade velha
Cidade velhaCidade velha
Cidade velha
 
Vila franca do campo
Vila franca do campoVila franca do campo
Vila franca do campo
 
MyBrainMagazine 5
MyBrainMagazine 5MyBrainMagazine 5
MyBrainMagazine 5
 
Ericeira
EriceiraEriceira
Ericeira
 
Ilhada Madeira
Ilhada MadeiraIlhada Madeira
Ilhada Madeira
 
Ilha da Madeira Portugal!!!
Ilha da Madeira  Portugal!!!Ilha da Madeira  Portugal!!!
Ilha da Madeira Portugal!!!
 
Rota do Românico
Rota do RomânicoRota do Românico
Rota do Românico
 
2013 01-16 - guia turístico
2013 01-16 - guia turístico2013 01-16 - guia turístico
2013 01-16 - guia turístico
 
Patrimonio
PatrimonioPatrimonio
Patrimonio
 
Festas do Povo de Campo Maior - Artur Filipe dos Santos - Património Cultural
Festas do Povo de Campo Maior - Artur Filipe dos Santos - Património CulturalFestas do Povo de Campo Maior - Artur Filipe dos Santos - Património Cultural
Festas do Povo de Campo Maior - Artur Filipe dos Santos - Património Cultural
 
Miguel 8 c palmela
Miguel 8 c palmelaMiguel 8 c palmela
Miguel 8 c palmela
 
Sihorbs turismo no mundo e vale europeu - 12-04-18
Sihorbs   turismo no mundo e vale europeu - 12-04-18Sihorbs   turismo no mundo e vale europeu - 12-04-18
Sihorbs turismo no mundo e vale europeu - 12-04-18
 
MyBrainMagazine 7
MyBrainMagazine 7MyBrainMagazine 7
MyBrainMagazine 7
 
Mapa interativo de santa catarina
Mapa interativo de santa catarinaMapa interativo de santa catarina
Mapa interativo de santa catarina
 
Pestana hotels & resorts in&out madeira
Pestana hotels & resorts in&out madeiraPestana hotels & resorts in&out madeira
Pestana hotels & resorts in&out madeira
 

Mais de Pelo Siro

1195593414 substancias quimicas
1195593414 substancias quimicas1195593414 substancias quimicas
1195593414 substancias quimicas
Pelo Siro
 
11955889 121.derrames 1
11955889 121.derrames 111955889 121.derrames 1
11955889 121.derrames 1
Pelo Siro
 
1196259117 primeiros socorros
1196259117 primeiros socorros1196259117 primeiros socorros
1196259117 primeiros socorros
Pelo Siro
 
1199995673 riscos profissionais
1199995673 riscos profissionais1199995673 riscos profissionais
1199995673 riscos profissionais
Pelo Siro
 
119625756 motsser2
119625756 motsser2119625756 motsser2
119625756 motsser2
Pelo Siro
 
119999888 revisoes
119999888 revisoes119999888 revisoes
119999888 revisoes
Pelo Siro
 
119558341 123.avaliacao de_riscos
119558341 123.avaliacao de_riscos119558341 123.avaliacao de_riscos
119558341 123.avaliacao de_riscos
Pelo Siro
 
2146
21462146
2146
Pelo Siro
 
2079
20792079
2079
Pelo Siro
 
2080
20802080
2080
Pelo Siro
 
2064
20642064
2064
Pelo Siro
 
2061
20612061
2061
Pelo Siro
 
2060
20602060
2060
Pelo Siro
 
2032
20322032
2032
Pelo Siro
 
2031
20312031
2031
Pelo Siro
 
2019
20192019
2019
Pelo Siro
 
2018
20182018
2018
Pelo Siro
 
2017
20172017
2017
Pelo Siro
 
2015
20152015
2015
Pelo Siro
 
2014
20142014
2014
Pelo Siro
 

Mais de Pelo Siro (20)

1195593414 substancias quimicas
1195593414 substancias quimicas1195593414 substancias quimicas
1195593414 substancias quimicas
 
11955889 121.derrames 1
11955889 121.derrames 111955889 121.derrames 1
11955889 121.derrames 1
 
1196259117 primeiros socorros
1196259117 primeiros socorros1196259117 primeiros socorros
1196259117 primeiros socorros
 
1199995673 riscos profissionais
1199995673 riscos profissionais1199995673 riscos profissionais
1199995673 riscos profissionais
 
119625756 motsser2
119625756 motsser2119625756 motsser2
119625756 motsser2
 
119999888 revisoes
119999888 revisoes119999888 revisoes
119999888 revisoes
 
119558341 123.avaliacao de_riscos
119558341 123.avaliacao de_riscos119558341 123.avaliacao de_riscos
119558341 123.avaliacao de_riscos
 
2146
21462146
2146
 
2079
20792079
2079
 
2080
20802080
2080
 
2064
20642064
2064
 
2061
20612061
2061
 
2060
20602060
2060
 
2032
20322032
2032
 
2031
20312031
2031
 
2019
20192019
2019
 
2018
20182018
2018
 
2017
20172017
2017
 
2015
20152015
2015
 
2014
20142014
2014
 

Último

Apostila SAP.PM para PCM, para indústria e depósitos
Apostila SAP.PM para PCM, para indústria e  depósitosApostila SAP.PM para PCM, para indústria e  depósitos
Apostila SAP.PM para PCM, para indústria e depósitos
Sandro Marques Solidario
 
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL EMPREENDEDORISMO CORPORATIVO UNICES...
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL EMPREENDEDORISMO CORPORATIVO UNICES...AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL EMPREENDEDORISMO CORPORATIVO UNICES...
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL EMPREENDEDORISMO CORPORATIVO UNICES...
Consultoria Acadêmica
 
Dimensionamento de eixo. estudo de caso.pdf
Dimensionamento de eixo. estudo de caso.pdfDimensionamento de eixo. estudo de caso.pdf
Dimensionamento de eixo. estudo de caso.pdf
RodrigoQuintilianode1
 
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
Consultoria Acadêmica
 
SFE SSO PROC 03 Bloqueio e sinalização de energias perigosas 1(Comentado).docx
SFE SSO PROC 03 Bloqueio e sinalização de energias perigosas 1(Comentado).docxSFE SSO PROC 03 Bloqueio e sinalização de energias perigosas 1(Comentado).docx
SFE SSO PROC 03 Bloqueio e sinalização de energias perigosas 1(Comentado).docx
bentosst
 
AULA LEI DOS SENOS OU COSSENOS - parte final (3) (1).pdf
AULA LEI DOS SENOS OU COSSENOS - parte final (3) (1).pdfAULA LEI DOS SENOS OU COSSENOS - parte final (3) (1).pdf
AULA LEI DOS SENOS OU COSSENOS - parte final (3) (1).pdf
MaxwellBentodeOlivei1
 

Último (6)

Apostila SAP.PM para PCM, para indústria e depósitos
Apostila SAP.PM para PCM, para indústria e  depósitosApostila SAP.PM para PCM, para indústria e  depósitos
Apostila SAP.PM para PCM, para indústria e depósitos
 
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL EMPREENDEDORISMO CORPORATIVO UNICES...
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL EMPREENDEDORISMO CORPORATIVO UNICES...AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL EMPREENDEDORISMO CORPORATIVO UNICES...
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL EMPREENDEDORISMO CORPORATIVO UNICES...
 
Dimensionamento de eixo. estudo de caso.pdf
Dimensionamento de eixo. estudo de caso.pdfDimensionamento de eixo. estudo de caso.pdf
Dimensionamento de eixo. estudo de caso.pdf
 
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
AE03 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
 
SFE SSO PROC 03 Bloqueio e sinalização de energias perigosas 1(Comentado).docx
SFE SSO PROC 03 Bloqueio e sinalização de energias perigosas 1(Comentado).docxSFE SSO PROC 03 Bloqueio e sinalização de energias perigosas 1(Comentado).docx
SFE SSO PROC 03 Bloqueio e sinalização de energias perigosas 1(Comentado).docx
 
AULA LEI DOS SENOS OU COSSENOS - parte final (3) (1).pdf
AULA LEI DOS SENOS OU COSSENOS - parte final (3) (1).pdfAULA LEI DOS SENOS OU COSSENOS - parte final (3) (1).pdf
AULA LEI DOS SENOS OU COSSENOS - parte final (3) (1).pdf
 

1838

  • 1. Escola Secundária D. Afonso SanchesCurso Profissional de Técnico de Turismo Disciplina: Turismo- Informação e Animação, 11ºI1 30-10-2008 Made ira
  • 2. OBJECTIVOS: 1- Localização da Região Autónoma da Madeira; 2- Um pouco de história; 3- Acessibilidades; 4- Património Histórico; 5- Património Natural; 6- Gastronomia Madeirense; 7- Produtos Locais; 8- Festas, feiras, lendas e romarias; 9- Equipamentos, serviços desportivos e lazer.
  • 3. Localizaçã o:O arquipélago da Madeira encontra-se situado no oceano Atlântico, à distância de 500 km da costa africana e 1000 km do continente europeu, ou seja a 1H30 minutos de voo a partir da cidade de Lisboa. A Ilha da Madeira situa-se no Oceano Atlântico, a sudoeste de Portugal Continental.
  • 4. Um pouco de história… As opiniões sobre o destino a dar à Madeira têm mudado desde a sua exploração em 1419. Nos primeiros dias da colonização, a falta de mão-de-obra foi resolvida com a vinda de prisioneiros das prisões de Lisboa. No entanto, já há muito tempo que os visitantes encontravam nesta ilha uma população hospitaleira, um clima maravilhoso e um crescente aumento de hotéis e outras acomodações turísticas para todos os gostos e feitios. Os primeiros turistas na Madeira foram passageiros dos transatlânticos. A Madeira constituía uma paragem obrigatória para o abastecimento de carvão e uma excursão pelo campo. Era uma óptima pausa na travessia do Atlântico. “Na Madeira a vida é diferente e irá sentir saudades quando partir...”
  • 5. Acessibilidad es:Em todo o Arquipélago encontrará múltiplas facilidades de transporte adequadas às suas deslocações…  Rent-a-car: Se não quiser estar dependente de horários, a ilha dispõe de um alargado leque de empresas de aluguer de automóveis sem condutor.  Transportes Públicos: Se preferir utilizar os transportes públicos, existem várias empresas de autocarros que, de uma forma mais económica, o podem levar até aos pontos de maior interesse turístico.
  • 6.  Táxis: Os táxis estão disponíveis nos Aeroportos da Madeira e Porto Santo, nos principais hotéis e em várias ruas e praças da cidade.  Barco: Sendo a Madeira uma ilha, é natural que um dos transportes públicos utilizados seja o barco. Para se deslocar à vizinha ilha do Porto Santo, poderá fazê-lo no ferry-boat Lobo Marinho, que efectua viagens diárias .
  • 7. Património Histórico: Igreja de São Pedro: A construção desta igreja foi um pouco atribulada. A ordem para a construção foi dada em 1590 (construção que deveria ter terminado seis anos depois) mas, devido às muitas alterações porque passou o plano original, a igreja de S. Pedro só ficou concluída no século XVIII. Esta igreja conta com um pormenor muito interessante, que poderá facilmente passar despercebido se não for observado do local correcto! Para isso terá que subir a Calçada de Santa Clara e aprecie o magnífico trabalho em azulejos coloridos feito no cimo da torre da igreja.
  • 8.  Fortaleza de Santiago: Com o domínio quase absoluto dos Portugueses nas rotas do Atlântico Norte, a defesa das ilhas não mereceu qualquer cuidado especial. Por esta razão, em 1566, o Funchal acabou por ser vítima dum terrível ataque desencadeado pelos corsários. E apesar da constante iminência de novo ataque, só em 1614 é que se construiu a Fortaleza de Santiago com o intuito de proteger a cidade dos piratas. Em 1767 foi ampliada e sempre foi usada com fins militares até 1992, altura em que foi cedida ao Governo Regional que decidiu utilizá-la para fins culturais. A partir de então, começou a exibir um programa cultural variado, sob a tutela do Museu de Arte Contemporânea, com uma exposição permanente essencialmente dedicada aos últimos anos da pintura em Portugal. Para além do museu, encontra aqui um restaurante com uma localização realmente privilegiada.
  • 9.  Ponte do Cidrão: Só nos finais do século XV é que se começaram a construir rudimentares pontes de madeira, que nem sequer suportavam o peso de certas mercadorias ou de animais de carga. A primeira ponte camarária foi construída sobre a Ribeira de Santa Luzia e corresponde à hoje chamada Ponte do Cidrão. Em Setembro de 1495, decidiu-se que as ruas seriam pavimentadas e as pontes de madeira seriam transformadas em pontes de pedra.  Teatro Municipal Baltazar Dias: Devido ao grande número de espectáculos apresentados na ilha, a população sentiu a necessidade de ter uma sala permanente onde esses espectáculos pudessem subir ao palco. Como tal, em 1880, foi criada a Companhia Edificadora do Teatro Funchalense, cujo objectivo era concretizar a construção de um teatro condigno para a cidade. Mais tarde, ficou a Câmara Municipal encarregue desta tarefa e a companhia foi dissolvida. O arquitecto responsável pelo projecto inspirou-se num modelo de teatro muito em voga em toda a Europa, o Scala de Milão.
  • 10. Património Natural:  Promenade do Lido: Rodeada de palmeiras e agradáveis jardins, esta promenade faz a ligação entre o zona do Lido e a Praia Formosa, oferecendo vistas encantadoras sobre o mar e sobre o Cabo Girão aos que lá passeiam, caminham, correm… ou apenas relaxam num dos muitos bancos espalhados ao longo do percurso!
  • 11.  Parque Santa Catarina: Com uma área total de 36000 m2, este jardim oferece belíssimas vistas sobre a baía do Funchal, diversos percursos pedonais, com banquinhos ladeados por muitas espécies da flora mundial e um encantador lago com uma pequena ilha, onde patos e cisnes nascem e vivem.  Jardim Municipal do Monte: Encantador… Esta seria a palavra ideal para descrever o Jardim Municipal do Monte. Passear neste jardim faz pensar nas pessoas que provavelmente se apaixonaram aqui, em senhoras com longos vestidos e sombrinhas a protegerem-nas do sol, acompanhadas de cavalheiros com bengalas… Fá-lo pensar em quase tudo…
  • 12. Gastronomia: o Sopas: Caldo (Caldo de Carne) o Acompanhamentos: Cebolinhas de Escabeche Inhame Cozido Milho CozidoMilho Frito o Peixes: Atum Assado Atum de Escabeche Bacalhau RápidoBifes de Atum Bifes de Atum (2)Caldeira Cavalas com Molho de Vilão Cavalas Salgadas Espada de Vinhalhos, Vinha-d'a o Carnes: Carne Assada Carne Assada no Forno Cozido à Madeirense Sarapatel o Saladas: Salada de Fruta de Verão Salada de Papaia e Maracujá o Pão: Bolo do Caco o Doces e Pudins: Bolo de Família Bolo de Mel da Madeira Bolo Preto Bolo-podre da Madeira Broas de Mel Panquecas de Abóbora Pudim de Papaia Pudim de Veludo ou Pudim de Ovos Queijadas da Madeira
  • 13. Produtos Locais:  Bordados: O bordado da Madeira é reconhecido como o melhor do mundo dentro do seu género. Nos últimos cento e cinquenta anos, colheu a experiência dos centros de artesanato europeus, que depressa desapareceram, e moldou esses estilos num pacote distinto, que em termos de qualidade é insuperável em todo o mundo.  Vimes: Ao longo das enseadas nas regiões húmidas da ilha, os vimeiros crescem... e crescem... e crescem… Nos primeiros meses do ano, as varas são colhidas e mais tarde descascadas, postas e amarradas em molhos. Para lhes dar mais flexibilidade, são fervidas em grandes caldeirões de água. Depois começa o árduo processo de transformação em maravilhosos objectos de mobiliário, cestos e figuras de animais, que são de uma beleza extraordinária.
  • 14.  Vinhos: A produção de vinho é de maior importância, porque é pelo seu vinho que a Madeira é mais conhecida no mundo. As primeiras vinhas foram provavelmente introduzidas na ilha durante a colonização. O maior ímpeto da indústria vitivinícola teve o seu início na segunda metade do século XVIII com os ingleses. Hoje em dia, há muitas variedades de vinho madeira. Os vinhos secos como o Sercial e o Verdelho são deliciosos servidos frescos como aperitivo, os vinhos mais doces são servidos com a sobremesa e os mais ricos, como o Malvazia, são excelentes como digestivo. O vinho Madeira é tão diverso que pode ser servido a qualquer hora do dia, com praticamente todo o tipo de comida. Um curioso artigo encontrado num livro de História fala-nos do Duque de Clarence, que depois de preso na torre de Londres, com pena de morte, escolheu ser afogado em vinho da Madeira.
  • 15. Festas, feiras, lendas e romarias: Carnaval: As festividades do Carnaval espelham as características culturais do povo madeirense. Este povo é exemplo de alegria, felicidade e cor, parte integrante das suas personalidades. Sendo um dos eventos preferidos dos turistas, o Carnaval assumiu, desde sempre, características especiais. Desde o primeiro dia, este projecto pretende-se cimentado numa mensagem de alegria, cor e juventude. O Carnaval na Madeira tem dois cortejos: o alegórico e o trapalhão. O primeiro é mais sofisticado e necessita de um projecto criativo da parte de todos os grupos e figurantes. O segundo conta com a participação espontânea de todo o público interessado.
  • 16.  Festival do Atlântico: De 1 a 30 de Junho O Festival do Atlântico, iniciativa da Secretaria Regional do Turismo e Cultura, constitui um importante evento que associa a animação à cultura. Integra três componentes artísticas: o Festival de Música da Madeira, o Concurso Internacional de Fogo de Artifício e a actuação de bandas filarmónicas no centro da cidade.  Actividades de Natal & Ano Novo:De 14 de Novembro a 6 de Janeiro O Natal, uma celebração no final do ano, é uma época de tradições para o povo madeirense e pode apreciar um programa variado de eventos culturais, folclóricos e artísticos no centro do Funchal. Na Madeira a época festiva começa em Novembro, com a ligação das coloridas iluminações nas ruas principais da cidade e que permanecem durante todo o mês de Dezembro terminando apenas com a Epifania de 6 de Janeiro.
  • 17.  Lenda da ilha da Madeira:
  • 18. Equipamentos, serviços desportivos e lazer: A prática do desporto na Madeira está também a atrair muitos turistas que aqui se deslocam para praticarem o seu desporto favorito no mar, em terra ou no ar: pesca desportiva, mergulho, surf, windsurf, canyoning, rappel, slide, escalada, trekking, asa-delta, parapente ou orientação.
  • 19. Conclusão: A Madeira é um dos destinos turísticos mais antigos e milhares de turistas voltam ano após ano. Porquê? A Madeira não só oferece um excelente clima ao longo de todo o ano, magníficas fauna e flora - a Madeira tem uma taxa criminal baixíssima e é um dos destinos mais seguros do mundo! Vale mesmo uma viagem até estas duas magnificas ilhas… Talvez uma visita de estudo quem sabe!!! xD