SlideShare uma empresa Scribd logo
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
-São as forças do interior da Terra (agentes internos do relevo)
-A energia interna da Terra manifestando-se através da Teoria da Tectônica de Placas.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
TECTONISMO
-São as forças do interior da Terra (agentes internos do relevo)
-A energia interna da Terra manifestando-se através da Teoria da Tectônica de Placas.
VULCANISMO
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
A erupção do Monte Pinatubo, em 1991.
O fotojornalista Alberto Garcia
capturou uma das imagens mais impressionantes
do século XX. Em junho de 1991, a segunda maior
erupção vulcânica do século ocorreu na ilha de
Luzon, nas Filipinas, a 90 quilômetros a noroeste
da capital de Manila.
No dia 15 de março de 1991, uma
serie de terremotos atingiu o monte Pinatubo. Os
tremores continuaram até que no d...ia 2 de abril
o Pinatubo acordou do seu descanso de 600 anos,
com pequenas erupções e centenas de
terremotos diários.
O USGS (United States Geological
Survey) ofereceu ajuda ao governo das Filipinas,
que aceitou. O USGS enviou uma equipe de
vulcanologos e vários equipamentos e
instrumentos, com uma imensa responsabilidade:
a previsão tinha que ser exata, se a população
fosse evacuada e não ocorresse a grande erupção,
elas voltariam para suas casas e não acreditariam
em uma nova previsão, o que poderia ser
catastrófico.
No dia 12 de junho, a angustiante
espera de meses terminou, com a primeira
grande explosão, lançando uma nuvem de cinzas
vulcânicas, gases e rochas pulverizadas a 20 km
de altura. Fluxos piroclásticos atingiram regiões a
4 km da base do Pinatubo.
Nos dias que se seguiram, a fúria
do Pinatubo fez da ilha de Luzon a região da Terra
mais parecida com o inferno. Dezenas de
gigantescas explosões lançaram nuvens de cinzas,
gases e rochas vulcânicas a até 40 km de altura.
Fluxos piroclasticos atingiram regiões a 16 km da
base do Pinatubo.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
-Movimentos da crosta produzidos por processos tectônicos, propagados pelo interior da Terra.
-O Tectonismo pode ser EPIROGENÉTICO ou OROGENÉTICO.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
-Movimentos lentos e prolongados
-Abrangem grandes áreas continentais
-Não alteram muito o relevo
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
-Movimentos lentos e prolongados
-Abrangem grandes áreas continentais
-Não alteram muito o relevo
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
•não produz dobras ou falhas;
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
•não produz dobras ou falhas;
•ocorre em terrenos estáveis;
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
•não produz dobras ou falhas;
•ocorre em terrenos estáveis;
•ocorre em terrenos antigos;
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
•não produz dobras ou falhas;
•ocorre em terrenos estáveis;
•ocorre em terrenos antigos;
•é lento;
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
•não produz dobras ou falhas;
•ocorre em terrenos estáveis;
•ocorre em terrenos antigos;
•é lento;
•é continental;
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
•não produz dobras ou falhas;
•ocorre em terrenos estáveis;
•ocorre em terrenos antigos;
•é lento;
•é continental;
•não ocorre vulcanismo ou terremoto;
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
As rachaduras ocasionadas pelas epirogêneses são chamadas de falhas e
geram áreas suspensas (horst) e áreas rebaixadas (gráben).
•não produz dobras ou falhas;
•ocorre em terrenos estáveis;
•ocorre em terrenos antigos;
•é lento;
•é continental;
•não ocorre vulcanismo ou terremoto;
•ocorre o levantamento (epirogênese positiva) ou rebaixamento (epirogênese
negativa) do terreno.
EPIROGÊNESE POSITIVA
EPIROGÊNESE NEGATIVA
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Geralmente é estudado levando em consideração o nível do mar, mas para tal estudo não podemos esquecer os dois
movimentos do mar:
•Transgressão – o nível da água se eleva, invadindo o
continente.
•Regressão – o nível da água se abaixa sobre o litoral (região
geológica do mar).
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas
tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas
tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
• produz dobras ou falhas
Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas
tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
• produz dobras ou falhas
• ocorre em terrenos instáveis;
Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas
tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
• produz dobras ou falhas
• ocorre em terrenos instáveis;
• ocorre em terrenos novos;
Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas
tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
• produz dobras ou falhas
• ocorre em terrenos instáveis;
• ocorre em terrenos novos;
• é rápido (pode acontecer em poucos dias ou em poucos anos);
Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas
tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
• produz dobras ou falhas
• ocorre em terrenos instáveis;
• ocorre em terrenos novos;
• é rápido (pode acontecer em poucos dias ou em poucos anos);
• é regional (restrito);
Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas
tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
• produz dobras ou falhas
• ocorre em terrenos instáveis;
• ocorre em terrenos novos;
• é rápido (pode acontecer em poucos dias ou em poucos anos);
• é regional (restrito);
• vulcanismo e terremoto podem ocorrer antes ou depois;
Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas
tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
• produz dobras ou falhas
• ocorre em terrenos instáveis;
• ocorre em terrenos novos;
• é rápido (pode acontecer em poucos dias ou em poucos anos);
• é regional (restrito);
• vulcanismo e terremoto podem ocorrer antes ou depois;
• formam-se montanhas.
Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas
tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Os encontros de placas também geram grandes cadeias de montanhas através dos dobramentos e, além disso, podem
“empurrar” uma das placas envolvidas no choque para o manto, gerando assim, uma área de subducção.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Agentes erosivos 7ºano 3ºciclo
Agentes erosivos 7ºano 3ºcicloAgentes erosivos 7ºano 3ºciclo
Agentes erosivos 7ºano 3ºciclo
Beatriz 2222
 
Relevo
RelevoRelevo
Tectônica de placas aula 25.06
Tectônica de placas aula 25.06Tectônica de placas aula 25.06
Tectônica de placas aula 25.06
Raquel Avila
 
8 a aula geo cpvem relevo-i
8 a aula geo cpvem   relevo-i8 a aula geo cpvem   relevo-i
8 a aula geo cpvem relevo-i
Wellington Moreira
 
Paisagens terrestres e as formas de relevo
Paisagens  terrestres e as formas de relevoPaisagens  terrestres e as formas de relevo
Paisagens terrestres e as formas de relevo
Wanderson Benigno
 
Revisão Geologia Geral 2012 - SARTRE
Revisão Geologia Geral 2012 - SARTRERevisão Geologia Geral 2012 - SARTRE
Revisão Geologia Geral 2012 - SARTRE
Carlos Eduardo Oliveira
 
AGENTES EXTERNOS DO RELEVO
AGENTES EXTERNOS DO RELEVOAGENTES EXTERNOS DO RELEVO
AGENTES EXTERNOS DO RELEVO
Omar Fürst
 
Geografia relevo-final
Geografia relevo-finalGeografia relevo-final
Geografia relevo-final
danielcpacheco2
 
As Formas do Relevo Terrestre
As Formas do Relevo TerrestreAs Formas do Relevo Terrestre
As Formas do Relevo Terrestre
Cadernizando
 
Geofísica da terra
Geofísica da terraGeofísica da terra
Geofísica da terra
Rafael Marques
 
Formação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevoFormação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevo
Prof. Francesco Torres
 
Movimento das placas tectônicas
Movimento das placas tectônicasMovimento das placas tectônicas
Movimento das placas tectônicas
Wagner Brito de Jesus
 
AGENTES INTERNOS DO RELEVO
AGENTES INTERNOS DO RELEVOAGENTES INTERNOS DO RELEVO
AGENTES INTERNOS DO RELEVO
Omar Fürst
 
Formação da Terra e o Tectonismo
Formação da Terra e o TectonismoFormação da Terra e o Tectonismo
Formação da Terra e o Tectonismo
Professora Verônica Santos
 
Capítulo 1 - A dinâmica da natureza e os continentes terrestres
Capítulo 1 - A dinâmica da natureza e os continentes terrestresCapítulo 1 - A dinâmica da natureza e os continentes terrestres
Capítulo 1 - A dinâmica da natureza e os continentes terrestres
Bruna Ribeiro Guedes
 
Geografia: Solos e tectonismo
Geografia: Solos e tectonismoGeografia: Solos e tectonismo
Geografia: Solos e tectonismo
walcicley
 
Formação e Transformação do Relevo Terrestre
Formação e Transformação do Relevo TerrestreFormação e Transformação do Relevo Terrestre
Formação e Transformação do Relevo Terrestre
Mauricio Martins
 
G E O M O R F O L O G I A
G E O M O R F O L O G I AG E O M O R F O L O G I A
G E O M O R F O L O G I A
Amanda Oliveira
 
Deriva Continental vs Tectónica de Placas....
Deriva Continental vs Tectónica de Placas....Deriva Continental vs Tectónica de Placas....
Deriva Continental vs Tectónica de Placas....
Gabriela Bruno
 
Agentes internos
Agentes internosAgentes internos
Agentes internos
Juliano Fernandes
 

Mais procurados (20)

Agentes erosivos 7ºano 3ºciclo
Agentes erosivos 7ºano 3ºcicloAgentes erosivos 7ºano 3ºciclo
Agentes erosivos 7ºano 3ºciclo
 
Relevo
RelevoRelevo
Relevo
 
Tectônica de placas aula 25.06
Tectônica de placas aula 25.06Tectônica de placas aula 25.06
Tectônica de placas aula 25.06
 
8 a aula geo cpvem relevo-i
8 a aula geo cpvem   relevo-i8 a aula geo cpvem   relevo-i
8 a aula geo cpvem relevo-i
 
Paisagens terrestres e as formas de relevo
Paisagens  terrestres e as formas de relevoPaisagens  terrestres e as formas de relevo
Paisagens terrestres e as formas de relevo
 
Revisão Geologia Geral 2012 - SARTRE
Revisão Geologia Geral 2012 - SARTRERevisão Geologia Geral 2012 - SARTRE
Revisão Geologia Geral 2012 - SARTRE
 
AGENTES EXTERNOS DO RELEVO
AGENTES EXTERNOS DO RELEVOAGENTES EXTERNOS DO RELEVO
AGENTES EXTERNOS DO RELEVO
 
Geografia relevo-final
Geografia relevo-finalGeografia relevo-final
Geografia relevo-final
 
As Formas do Relevo Terrestre
As Formas do Relevo TerrestreAs Formas do Relevo Terrestre
As Formas do Relevo Terrestre
 
Geofísica da terra
Geofísica da terraGeofísica da terra
Geofísica da terra
 
Formação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevoFormação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevo
 
Movimento das placas tectônicas
Movimento das placas tectônicasMovimento das placas tectônicas
Movimento das placas tectônicas
 
AGENTES INTERNOS DO RELEVO
AGENTES INTERNOS DO RELEVOAGENTES INTERNOS DO RELEVO
AGENTES INTERNOS DO RELEVO
 
Formação da Terra e o Tectonismo
Formação da Terra e o TectonismoFormação da Terra e o Tectonismo
Formação da Terra e o Tectonismo
 
Capítulo 1 - A dinâmica da natureza e os continentes terrestres
Capítulo 1 - A dinâmica da natureza e os continentes terrestresCapítulo 1 - A dinâmica da natureza e os continentes terrestres
Capítulo 1 - A dinâmica da natureza e os continentes terrestres
 
Geografia: Solos e tectonismo
Geografia: Solos e tectonismoGeografia: Solos e tectonismo
Geografia: Solos e tectonismo
 
Formação e Transformação do Relevo Terrestre
Formação e Transformação do Relevo TerrestreFormação e Transformação do Relevo Terrestre
Formação e Transformação do Relevo Terrestre
 
G E O M O R F O L O G I A
G E O M O R F O L O G I AG E O M O R F O L O G I A
G E O M O R F O L O G I A
 
Deriva Continental vs Tectónica de Placas....
Deriva Continental vs Tectónica de Placas....Deriva Continental vs Tectónica de Placas....
Deriva Continental vs Tectónica de Placas....
 
Agentes internos
Agentes internosAgentes internos
Agentes internos
 

Semelhante a 18 03 fechamento tectonismo

Geologia geral
Geologia geralGeologia geral
Geologia geral
Fernanda Lopes
 
Agentes internos estrutura interna
Agentes internos estrutura internaAgentes internos estrutura interna
Agentes internos estrutura interna
Fernanda Lopes
 
Cap4 2 agentes formadores do relevo_internos
Cap4 2 agentes formadores do relevo_internosCap4 2 agentes formadores do relevo_internos
Cap4 2 agentes formadores do relevo_internos
Fernanda Lopes
 
Formação dos continentes
Formação dos continentesFormação dos continentes
Formação dos continentes
Naira Delazari
 
Geologia2010 11
Geologia2010 11Geologia2010 11
Geologia2010 11
alfredo1ssa
 
Tema ii isismologia1
Tema ii isismologia1Tema ii isismologia1
Tema ii isismologia1
João Soares
 
Geologia E Geomorfologia
Geologia E GeomorfologiaGeologia E Geomorfologia
Geologia E Geomorfologia
guestd20fb9
 
Geologia
GeologiaGeologia
A dinâmicas do Planeta Terra - Geografia
A dinâmicas do Planeta Terra - GeografiaA dinâmicas do Planeta Terra - Geografia
A dinâmicas do Planeta Terra - Geografia
Positivo e Sesi
 
Trabalho de geologia
Trabalho de geologiaTrabalho de geologia
Trabalho de geologia
Lucas Jordann Alvarenga Drumond
 
Climas 2014
Climas 2014Climas 2014
Climas 2014
Fernanda Lopes
 
DinâMica Interna Da Terra
DinâMica Interna Da TerraDinâMica Interna Da Terra
DinâMica Interna Da Terra
ceama
 
Geologia evoluçao da terra e fenomenos geologicos
Geologia evoluçao da terra e fenomenos geologicosGeologia evoluçao da terra e fenomenos geologicos
Geologia evoluçao da terra e fenomenos geologicos
Wander Junior
 
Sismos
SismosSismos
Sismos
luis costa
 
Sismos
SismosSismos
Sismos
luis costa
 
Formação da terra
Formação da terraFormação da terra
Formação da terra
Edivaldo S de Abreu
 
Unidade 3 temas 3 e 4
Unidade 3 temas 3 e 4Unidade 3 temas 3 e 4
Unidade 3 temas 3 e 4
Christie Freitas
 
Geografia estrutura geologica
Geografia   estrutura geologicaGeografia   estrutura geologica
Geografia estrutura geologica
Gustavo Soares
 
sismologia-10-ano-geologia.pdf
sismologia-10-ano-geologia.pdfsismologia-10-ano-geologia.pdf
sismologia-10-ano-geologia.pdf
CarlaMarisa6
 
Dinâmica da crosta terrestre
Dinâmica da crosta terrestreDinâmica da crosta terrestre
Dinâmica da crosta terrestre
Brena Kesia Ribeiro Alves
 

Semelhante a 18 03 fechamento tectonismo (20)

Geologia geral
Geologia geralGeologia geral
Geologia geral
 
Agentes internos estrutura interna
Agentes internos estrutura internaAgentes internos estrutura interna
Agentes internos estrutura interna
 
Cap4 2 agentes formadores do relevo_internos
Cap4 2 agentes formadores do relevo_internosCap4 2 agentes formadores do relevo_internos
Cap4 2 agentes formadores do relevo_internos
 
Formação dos continentes
Formação dos continentesFormação dos continentes
Formação dos continentes
 
Geologia2010 11
Geologia2010 11Geologia2010 11
Geologia2010 11
 
Tema ii isismologia1
Tema ii isismologia1Tema ii isismologia1
Tema ii isismologia1
 
Geologia E Geomorfologia
Geologia E GeomorfologiaGeologia E Geomorfologia
Geologia E Geomorfologia
 
Geologia
GeologiaGeologia
Geologia
 
A dinâmicas do Planeta Terra - Geografia
A dinâmicas do Planeta Terra - GeografiaA dinâmicas do Planeta Terra - Geografia
A dinâmicas do Planeta Terra - Geografia
 
Trabalho de geologia
Trabalho de geologiaTrabalho de geologia
Trabalho de geologia
 
Climas 2014
Climas 2014Climas 2014
Climas 2014
 
DinâMica Interna Da Terra
DinâMica Interna Da TerraDinâMica Interna Da Terra
DinâMica Interna Da Terra
 
Geologia evoluçao da terra e fenomenos geologicos
Geologia evoluçao da terra e fenomenos geologicosGeologia evoluçao da terra e fenomenos geologicos
Geologia evoluçao da terra e fenomenos geologicos
 
Sismos
SismosSismos
Sismos
 
Sismos
SismosSismos
Sismos
 
Formação da terra
Formação da terraFormação da terra
Formação da terra
 
Unidade 3 temas 3 e 4
Unidade 3 temas 3 e 4Unidade 3 temas 3 e 4
Unidade 3 temas 3 e 4
 
Geografia estrutura geologica
Geografia   estrutura geologicaGeografia   estrutura geologica
Geografia estrutura geologica
 
sismologia-10-ano-geologia.pdf
sismologia-10-ano-geologia.pdfsismologia-10-ano-geologia.pdf
sismologia-10-ano-geologia.pdf
 
Dinâmica da crosta terrestre
Dinâmica da crosta terrestreDinâmica da crosta terrestre
Dinâmica da crosta terrestre
 

Mais de Fernanda Lopes

Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
Fernanda Lopes
 
Cap 1 da europa para o mundo
Cap 1 da europa para o mundoCap 1 da europa para o mundo
Cap 1 da europa para o mundo
Fernanda Lopes
 
Mariana tragédia
Mariana tragédiaMariana tragédia
Mariana tragédia
Fernanda Lopes
 
Piores acidentes nucleares da história
Piores acidentes nucleares da históriaPiores acidentes nucleares da história
Piores acidentes nucleares da história
Fernanda Lopes
 
Fontes de energia
Fontes de energiaFontes de energia
Fontes de energia
Fernanda Lopes
 
China conteúdo
China conteúdoChina conteúdo
China conteúdo
Fernanda Lopes
 
Blocos econômicos primeiro ano
Blocos econômicos  primeiro anoBlocos econômicos  primeiro ano
Blocos econômicos primeiro ano
Fernanda Lopes
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
Fernanda Lopes
 
Questão palestina
Questão palestinaQuestão palestina
Questão palestina
Fernanda Lopes
 
Conflitos mundiais 2
Conflitos mundiais 2Conflitos mundiais 2
Conflitos mundiais 2
Fernanda Lopes
 
Cap 14 conflitos mundiais 1
Cap 14 conflitos mundiais 1Cap 14 conflitos mundiais 1
Cap 14 conflitos mundiais 1
Fernanda Lopes
 
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sulCap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
Fernanda Lopes
 
Cap 14 b regiões geoeconômicas_ne
Cap 14 b regiões geoeconômicas_neCap 14 b regiões geoeconômicas_ne
Cap 14 b regiões geoeconômicas_ne
Fernanda Lopes
 
Cap 14 regiões geoeconômicas amazônia
Cap 14 regiões geoeconômicas amazôniaCap 14 regiões geoeconômicas amazônia
Cap 14 regiões geoeconômicas amazônia
Fernanda Lopes
 
Cap 13 mundo ex socialista
Cap 13 mundo ex socialistaCap 13 mundo ex socialista
Cap 13 mundo ex socialista
Fernanda Lopes
 
Rússia país
Rússia paísRússia país
Rússia país
Fernanda Lopes
 
Cap 13 b a região concentrada
Cap 13 b a região concentradaCap 13 b a região concentrada
Cap 13 b a região concentrada
Fernanda Lopes
 
Cap 12 desenvolvimento mundiallll
Cap 12 desenvolvimento mundiallllCap 12 desenvolvimento mundiallll
Cap 12 desenvolvimento mundiallll
Fernanda Lopes
 
Cap 12 organização politico administrativa do brasilll
Cap 12 organização politico administrativa do brasilllCap 12 organização politico administrativa do brasilll
Cap 12 organização politico administrativa do brasilll
Fernanda Lopes
 
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águasQuestões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
Fernanda Lopes
 

Mais de Fernanda Lopes (20)

Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
 
Cap 1 da europa para o mundo
Cap 1 da europa para o mundoCap 1 da europa para o mundo
Cap 1 da europa para o mundo
 
Mariana tragédia
Mariana tragédiaMariana tragédia
Mariana tragédia
 
Piores acidentes nucleares da história
Piores acidentes nucleares da históriaPiores acidentes nucleares da história
Piores acidentes nucleares da história
 
Fontes de energia
Fontes de energiaFontes de energia
Fontes de energia
 
China conteúdo
China conteúdoChina conteúdo
China conteúdo
 
Blocos econômicos primeiro ano
Blocos econômicos  primeiro anoBlocos econômicos  primeiro ano
Blocos econômicos primeiro ano
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
Questão palestina
Questão palestinaQuestão palestina
Questão palestina
 
Conflitos mundiais 2
Conflitos mundiais 2Conflitos mundiais 2
Conflitos mundiais 2
 
Cap 14 conflitos mundiais 1
Cap 14 conflitos mundiais 1Cap 14 conflitos mundiais 1
Cap 14 conflitos mundiais 1
 
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sulCap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
 
Cap 14 b regiões geoeconômicas_ne
Cap 14 b regiões geoeconômicas_neCap 14 b regiões geoeconômicas_ne
Cap 14 b regiões geoeconômicas_ne
 
Cap 14 regiões geoeconômicas amazônia
Cap 14 regiões geoeconômicas amazôniaCap 14 regiões geoeconômicas amazônia
Cap 14 regiões geoeconômicas amazônia
 
Cap 13 mundo ex socialista
Cap 13 mundo ex socialistaCap 13 mundo ex socialista
Cap 13 mundo ex socialista
 
Rússia país
Rússia paísRússia país
Rússia país
 
Cap 13 b a região concentrada
Cap 13 b a região concentradaCap 13 b a região concentrada
Cap 13 b a região concentrada
 
Cap 12 desenvolvimento mundiallll
Cap 12 desenvolvimento mundiallllCap 12 desenvolvimento mundiallll
Cap 12 desenvolvimento mundiallll
 
Cap 12 organização politico administrativa do brasilll
Cap 12 organização politico administrativa do brasilllCap 12 organização politico administrativa do brasilll
Cap 12 organização politico administrativa do brasilll
 
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águasQuestões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
 

Último

Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
WelberMerlinCardoso
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
PatriciaZanoli
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 

Último (20)

Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 

18 03 fechamento tectonismo

  • 1. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 2. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia -São as forças do interior da Terra (agentes internos do relevo) -A energia interna da Terra manifestando-se através da Teoria da Tectônica de Placas.
  • 3. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia TECTONISMO -São as forças do interior da Terra (agentes internos do relevo) -A energia interna da Terra manifestando-se através da Teoria da Tectônica de Placas. VULCANISMO
  • 4. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 5. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia A erupção do Monte Pinatubo, em 1991. O fotojornalista Alberto Garcia capturou uma das imagens mais impressionantes do século XX. Em junho de 1991, a segunda maior erupção vulcânica do século ocorreu na ilha de Luzon, nas Filipinas, a 90 quilômetros a noroeste da capital de Manila. No dia 15 de março de 1991, uma serie de terremotos atingiu o monte Pinatubo. Os tremores continuaram até que no d...ia 2 de abril o Pinatubo acordou do seu descanso de 600 anos, com pequenas erupções e centenas de terremotos diários. O USGS (United States Geological Survey) ofereceu ajuda ao governo das Filipinas, que aceitou. O USGS enviou uma equipe de vulcanologos e vários equipamentos e instrumentos, com uma imensa responsabilidade: a previsão tinha que ser exata, se a população fosse evacuada e não ocorresse a grande erupção, elas voltariam para suas casas e não acreditariam em uma nova previsão, o que poderia ser catastrófico. No dia 12 de junho, a angustiante espera de meses terminou, com a primeira grande explosão, lançando uma nuvem de cinzas vulcânicas, gases e rochas pulverizadas a 20 km de altura. Fluxos piroclásticos atingiram regiões a 4 km da base do Pinatubo. Nos dias que se seguiram, a fúria do Pinatubo fez da ilha de Luzon a região da Terra mais parecida com o inferno. Dezenas de gigantescas explosões lançaram nuvens de cinzas, gases e rochas vulcânicas a até 40 km de altura. Fluxos piroclasticos atingiram regiões a 16 km da base do Pinatubo.
  • 6. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 7. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia -Movimentos da crosta produzidos por processos tectônicos, propagados pelo interior da Terra. -O Tectonismo pode ser EPIROGENÉTICO ou OROGENÉTICO.
  • 8. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia -Movimentos lentos e prolongados -Abrangem grandes áreas continentais -Não alteram muito o relevo
  • 9. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia -Movimentos lentos e prolongados -Abrangem grandes áreas continentais -Não alteram muito o relevo
  • 10. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia •não produz dobras ou falhas;
  • 11. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia •não produz dobras ou falhas; •ocorre em terrenos estáveis;
  • 12. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia •não produz dobras ou falhas; •ocorre em terrenos estáveis; •ocorre em terrenos antigos;
  • 13. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia •não produz dobras ou falhas; •ocorre em terrenos estáveis; •ocorre em terrenos antigos; •é lento;
  • 14. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia •não produz dobras ou falhas; •ocorre em terrenos estáveis; •ocorre em terrenos antigos; •é lento; •é continental;
  • 15. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia •não produz dobras ou falhas; •ocorre em terrenos estáveis; •ocorre em terrenos antigos; •é lento; •é continental; •não ocorre vulcanismo ou terremoto;
  • 16. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia As rachaduras ocasionadas pelas epirogêneses são chamadas de falhas e geram áreas suspensas (horst) e áreas rebaixadas (gráben). •não produz dobras ou falhas; •ocorre em terrenos estáveis; •ocorre em terrenos antigos; •é lento; •é continental; •não ocorre vulcanismo ou terremoto; •ocorre o levantamento (epirogênese positiva) ou rebaixamento (epirogênese negativa) do terreno. EPIROGÊNESE POSITIVA EPIROGÊNESE NEGATIVA
  • 17. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Geralmente é estudado levando em consideração o nível do mar, mas para tal estudo não podemos esquecer os dois movimentos do mar: •Transgressão – o nível da água se eleva, invadindo o continente. •Regressão – o nível da água se abaixa sobre o litoral (região geológica do mar).
  • 18. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 19. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
  • 20. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
  • 21. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia • produz dobras ou falhas Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
  • 22. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia • produz dobras ou falhas • ocorre em terrenos instáveis; Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
  • 23. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia • produz dobras ou falhas • ocorre em terrenos instáveis; • ocorre em terrenos novos; Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
  • 24. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia • produz dobras ou falhas • ocorre em terrenos instáveis; • ocorre em terrenos novos; • é rápido (pode acontecer em poucos dias ou em poucos anos); Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
  • 25. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia • produz dobras ou falhas • ocorre em terrenos instáveis; • ocorre em terrenos novos; • é rápido (pode acontecer em poucos dias ou em poucos anos); • é regional (restrito); Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
  • 26. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia • produz dobras ou falhas • ocorre em terrenos instáveis; • ocorre em terrenos novos; • é rápido (pode acontecer em poucos dias ou em poucos anos); • é regional (restrito); • vulcanismo e terremoto podem ocorrer antes ou depois; Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
  • 27. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia • produz dobras ou falhas • ocorre em terrenos instáveis; • ocorre em terrenos novos; • é rápido (pode acontecer em poucos dias ou em poucos anos); • é regional (restrito); • vulcanismo e terremoto podem ocorrer antes ou depois; • formam-se montanhas. Esses movimentos são os grandes formadores de relevo, a liberação de energia envolvida em eventos de choques de placas tectônicas geram os maiores fenômenos naturais da terra, os terremotos, maremotos e os vulcões.
  • 28. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Os encontros de placas também geram grandes cadeias de montanhas através dos dobramentos e, além disso, podem “empurrar” uma das placas envolvidas no choque para o manto, gerando assim, uma área de subducção.
  • 29. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 30. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 31. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 32. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia