SlideShare uma empresa Scribd logo
E. E. B. Miguel Couto
Luís, Izamara, Michele

Bulimia

Educação Física

Bernhard

Schroeder/2012
Justificativa
 Mostrar e informar a todos o que realmente é
Bulimia, quais as causas, exames.
  Tudo para que possam ter ideia que bulimia
não é brincadeira, e sim coisa séria.
Introdução
   A bulimia é uma doença na qual uma pessoa
exagera na ingestão de alimentos ou tem
episódios regulares em que come em excesso e
sente perda de controle. Dessa forma, a pessoa
afetada usa vários métodos, como vômitos ou
abuso de laxantes, para impedir o ganho de
peso.
O que é Bulimia?
A bulimia é uma doença na qual uma
pessoa exagera na ingestão de alimentos
ou tem episódios regulares em que come
em excesso e sente perda de controle.
Dessa forma, a pessoa afetada usa vários
métodos, como vômitos ou abuso de
laxantes, para impedir o ganho de peso.
Causas
 A bulimia afeta muito mais mulheres do que homens.
O distúrbio é mais comum em mulheres adolescentes e
em jovens adultas. A pessoa afetada geralmente está
consciente de que seu padrão de alimentação é
anormal e pode sentir medo ou ter sentimento de culpa
associado aos episódios de comportamento bulímico.
Exames
Um exame dentário pode mostrar cáries ou infecções na
gengiva (como gengivite). O esmalte dos dentes pode
estar desgastado ou furado devido à exposição excessiva
ao ácido contido no vômito.
        Um exame físico pode mostrar também:
Vasos sanguíneos rompidos nos olhos (do esforço para
vomitar)
Boca seca
Aparência em forma de bolsa nos cantos da boca
devido às glândulas salivares inchadas
Erupções e espinhas
Pequenos cortes e calos na parte superior das
articulações dos dedos das mãos devido ao vômito
autoinduzido
Sintomas
   Fazer exercícios de forma compulsiva
   Descartar embalagens de laxantes,
    comprimidos para perda de peso, eméticos
    (medicamentos que provocam vômito) ou
    diuréticos
   Ir regularmente ao banheiro logo após as
    refeições
   Comer rapidamente grandes quantidades
    de alimentos que desaparecem
    imediatamente
Tratamento
   Grupos de apoio podem ser úteis para
    pacientes em condições estáveis, que não
    têm nenhum problema de saúde.
   A terapia cognitivo-comportamental (TCC) e
    a terapia nutricional são os melhores
    tratamentos para a bulimia que não
    responde a grupos de apoio.
   Antidepressivos conhecidos como inibidores
    seletivos da recaptação da serotonina (ISRSs)
    geralmente são usados para bulimia. Uma
    combinação de TCC e ISRSs é muito eficiente
    se a TCC não for eficaz sozinha.
Expectativas
A  bulimia é uma doença com efeitos a
  longo prazo. Muitas pessoas ainda
  apresentarão alguns sintomas, mesmo
  com o tratamento.
 Pessoas com menos complicações
  médicas de bulimia e aquelas que têm
  vontade e podem participar da terapia
  têm uma chance maior de recuperação.
Complicações Possiveis
   Constipação
   Desidratação
   Cáries
   Desequilíbrios eletrolíticos
   Hemorroidas
   Pancreatite
   Inflamação na garganta
   Rasgos no esôfago devido ao excesso de
    vômitos
Bulimia Nervosa
 Em pacientes com bulimia, não é a
magreza que chama a atenção. Às vezes,
são mulheres de corpo escultural, que
cuidam dele de forma obsessiva. Vivem em
dieta. De repente, ingerem uma
quantidade absurda de alimentos e depois
vomitam para evitar o ganho de peso,
tomam laxantes e diuréticos e fazem
exercícios físicos até caírem extenuadas.
Sintomas
    Ingestão exagerada de alimentos em curtos
    períodos de tempo sem o aumento
    correspondente do peso corporal;
    Vômitos auto induzidos por inversão dos
    movimentos peristálticos ou colocando o dedo
    na garganta;
    Uso de laxantes e diuréticos
    indiscriminadamente;
    Dietas severas intermediadas por repentinas
    perdas de controle que levam à ingestão
    compulsiva de alimentos;
    Distúrbios depressivos, de ansiedade,
    comportamento obsessivo compulsivo,
    automutilação.
Causas


São as mesmas da anorexia. Entre elas
destacam-se predisposição genética,
pressão social e familiar e valorização do
corpo magro como ideal máximo de
beleza.
Tratamento
O tratamento da bulimia nervosa exige o
acompanhamento de equipe multidisciplinar
composta por médicos, psicólogos, nutricionistas.
Medicamentos antidepressivos podem ser úteis,
especialmente se ocorrerem distúrbios como
depressão e ansiedade. O diagnóstico da doença
nem sempre é fácil, porque os sintomas não são
evidentes como os da anorexia.
Infelizmente, não se conhecem métodos eficazes
para prevenir patologias como a bulimia e a
anorexia. Seria necessário um empenho da
sociedade na mudança de certos valores estéticos
ligados ao culto do corpo e à magreza.
Considerações Finais
   A partir, das informações relatadas pode-se
concluir que a bulimia é um distúrbio alimentar
onde a pessoa come muito, se arrepende e
provoca o vomito para impedir o ganho de peso.
Geralmente a bulimia afeta mais as mulheres e
não os homens.
E geralmente a pessoa está consciente do que
está fazendo.
Referencias
www.minhavida.com.br
www.drauziovarella.com.br
www.gastronomiauniville.blogspot.com.br
www.tribunaestudantil.hdfree.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Distúrbios alimentares Novo
Distúrbios alimentares NovoDistúrbios alimentares Novo
Distúrbios alimentares Novo
Catarina'a Silva
 
Distúrbios Alimentares
Distúrbios AlimentaresDistúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares
Pedui
 
Anorexia e bulimia
Anorexia e bulimiaAnorexia e bulimia
Anorexia e bulimia
ap3bmachado
 
Distúrbios Alimentares
Distúrbios AlimentaresDistúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares
RutteFreitas
 
Bulimia
BulimiaBulimia
Bulimia
boaera
 
Bulimia apresentaçao
Bulimia apresentaçao Bulimia apresentaçao
Bulimia apresentaçao
adrcab
 
Bulimia,Anorexia e Vigorexia(Disturbios Alimentares
Bulimia,Anorexia e Vigorexia(Disturbios AlimentaresBulimia,Anorexia e Vigorexia(Disturbios Alimentares
Bulimia,Anorexia e Vigorexia(Disturbios Alimentares
B̶r̶u̶n̶o̶ A̶p̶a̶r̶e̶c̶i̶d̶o̶
 
Bulimia
BulimiaBulimia
Distúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares Distúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares
- Daniela Sousa
 
Alimentação Racional e Desvios Alimentares DSP
Alimentação Racional e Desvios Alimentares DSPAlimentação Racional e Desvios Alimentares DSP
Alimentação Racional e Desvios Alimentares DSP
Vasco Fernandes
 
Bulimia
BulimiaBulimia
Bulimia
alunos7e
 
Transtornos alimentares
Transtornos alimentaresTranstornos alimentares
Transtornos alimentares
Cintia da Cruz Silva
 
Anorexia e bulimia
Anorexia e bulimiaAnorexia e bulimia
Anorexia e bulimia
Msaude
 
Distúrbios Alimentares
Distúrbios AlimentaresDistúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares
Juliana Costa
 
Disturbios alimentares
Disturbios alimentaresDisturbios alimentares
Disturbios alimentares
Lima
 
DistúRbios Alimentares
DistúRbios AlimentaresDistúRbios Alimentares
DistúRbios Alimentares
Vânia Evaristo
 
DistúRbios Alimentares
DistúRbios AlimentaresDistúRbios Alimentares
DistúRbios Alimentares
profanabela
 
disturbios alimentares
disturbios alimentaresdisturbios alimentares
disturbios alimentares
Barbara Teixeira
 

Mais procurados (18)

Distúrbios alimentares Novo
Distúrbios alimentares NovoDistúrbios alimentares Novo
Distúrbios alimentares Novo
 
Distúrbios Alimentares
Distúrbios AlimentaresDistúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares
 
Anorexia e bulimia
Anorexia e bulimiaAnorexia e bulimia
Anorexia e bulimia
 
Distúrbios Alimentares
Distúrbios AlimentaresDistúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares
 
Bulimia
BulimiaBulimia
Bulimia
 
Bulimia apresentaçao
Bulimia apresentaçao Bulimia apresentaçao
Bulimia apresentaçao
 
Bulimia,Anorexia e Vigorexia(Disturbios Alimentares
Bulimia,Anorexia e Vigorexia(Disturbios AlimentaresBulimia,Anorexia e Vigorexia(Disturbios Alimentares
Bulimia,Anorexia e Vigorexia(Disturbios Alimentares
 
Bulimia
BulimiaBulimia
Bulimia
 
Distúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares Distúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares
 
Alimentação Racional e Desvios Alimentares DSP
Alimentação Racional e Desvios Alimentares DSPAlimentação Racional e Desvios Alimentares DSP
Alimentação Racional e Desvios Alimentares DSP
 
Bulimia
BulimiaBulimia
Bulimia
 
Transtornos alimentares
Transtornos alimentaresTranstornos alimentares
Transtornos alimentares
 
Anorexia e bulimia
Anorexia e bulimiaAnorexia e bulimia
Anorexia e bulimia
 
Distúrbios Alimentares
Distúrbios AlimentaresDistúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares
 
Disturbios alimentares
Disturbios alimentaresDisturbios alimentares
Disturbios alimentares
 
DistúRbios Alimentares
DistúRbios AlimentaresDistúRbios Alimentares
DistúRbios Alimentares
 
DistúRbios Alimentares
DistúRbios AlimentaresDistúRbios Alimentares
DistúRbios Alimentares
 
disturbios alimentares
disturbios alimentaresdisturbios alimentares
disturbios alimentares
 

Semelhante a 106 bulimia

Trabalho de ciências bulimia x anorexia
Trabalho de ciências bulimia x anorexiaTrabalho de ciências bulimia x anorexia
Trabalho de ciências bulimia x anorexia
Hellen Cristina
 
Violência Escolar
Violência EscolarViolência Escolar
Violência Escolar
denise93
 
HIV/SIDA
HIV/SIDAHIV/SIDA
HIV/SIDA
MultimediaA
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
vera cavinato
 
Bulimia
BulimiaBulimia
Bulimia
alimentacao
 
Anorexia e bulimia atualizado
Anorexia e bulimia atualizadoAnorexia e bulimia atualizado
Anorexia e bulimia atualizado
ananiasdoamaral
 
Trabalho desenvolvido por: Mariana Frias e Anna Luísa Mattos
Trabalho desenvolvido por: Mariana Frias e Anna Luísa MattosTrabalho desenvolvido por: Mariana Frias e Anna Luísa Mattos
Trabalho desenvolvido por: Mariana Frias e Anna Luísa Mattos
Francini Domingues
 
Bulimia apresentaçao final começo
Bulimia apresentaçao final começoBulimia apresentaçao final começo
Bulimia apresentaçao final começo
adrcab
 
Trabalho desenvolvido por: Millene Pereira Abrantes e Bruna Bueno de Almeida...
Trabalho desenvolvido por: Millene Pereira Abrantes e  Bruna Bueno de Almeida...Trabalho desenvolvido por: Millene Pereira Abrantes e  Bruna Bueno de Almeida...
Trabalho desenvolvido por: Millene Pereira Abrantes e Bruna Bueno de Almeida...
Francini Domingues
 
Trabalho de nutrição; a bulimia
Trabalho de nutrição; a bulimiaTrabalho de nutrição; a bulimia
Trabalho de nutrição; a bulimia
Monica Silva
 
Bulimia 3
Bulimia 3Bulimia 3
Bulimia 3
Henrique 1000%
 
Disturbios alimentares
Disturbios alimentaresDisturbios alimentares
Disturbios alimentares
miguel_sampaio
 
Comportamentos Alimentares 8b
Comportamentos Alimentares 8bComportamentos Alimentares 8b
Comportamentos Alimentares 8b
Michele Pó
 
Bulimia
BulimiaBulimia
Anorexia e Bulimia
Anorexia e BulimiaAnorexia e Bulimia
Anorexia e Bulimia
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Distúrbios alimentares
Distúrbios alimentaresDistúrbios alimentares
Distúrbios alimentares
Fernanda Gomes
 
Disturbios alimentares
Disturbios alimentaresDisturbios alimentares
Disturbios alimentares
Vitor Souza
 
Anorexia
AnorexiaAnorexia
Anorexia
crishmuler
 
DISTÚRBIOS ALIMENTARES.ppt
DISTÚRBIOS ALIMENTARES.pptDISTÚRBIOS ALIMENTARES.ppt
DISTÚRBIOS ALIMENTARES.ppt
MarcilioFeitosaLima1
 
Alimentos saudáveis e transtornos alimentares jj
Alimentos saudáveis e transtornos alimentares jjAlimentos saudáveis e transtornos alimentares jj
Alimentos saudáveis e transtornos alimentares jj
Diogo Ramos
 

Semelhante a 106 bulimia (20)

Trabalho de ciências bulimia x anorexia
Trabalho de ciências bulimia x anorexiaTrabalho de ciências bulimia x anorexia
Trabalho de ciências bulimia x anorexia
 
Violência Escolar
Violência EscolarViolência Escolar
Violência Escolar
 
HIV/SIDA
HIV/SIDAHIV/SIDA
HIV/SIDA
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Bulimia
BulimiaBulimia
Bulimia
 
Anorexia e bulimia atualizado
Anorexia e bulimia atualizadoAnorexia e bulimia atualizado
Anorexia e bulimia atualizado
 
Trabalho desenvolvido por: Mariana Frias e Anna Luísa Mattos
Trabalho desenvolvido por: Mariana Frias e Anna Luísa MattosTrabalho desenvolvido por: Mariana Frias e Anna Luísa Mattos
Trabalho desenvolvido por: Mariana Frias e Anna Luísa Mattos
 
Bulimia apresentaçao final começo
Bulimia apresentaçao final começoBulimia apresentaçao final começo
Bulimia apresentaçao final começo
 
Trabalho desenvolvido por: Millene Pereira Abrantes e Bruna Bueno de Almeida...
Trabalho desenvolvido por: Millene Pereira Abrantes e  Bruna Bueno de Almeida...Trabalho desenvolvido por: Millene Pereira Abrantes e  Bruna Bueno de Almeida...
Trabalho desenvolvido por: Millene Pereira Abrantes e Bruna Bueno de Almeida...
 
Trabalho de nutrição; a bulimia
Trabalho de nutrição; a bulimiaTrabalho de nutrição; a bulimia
Trabalho de nutrição; a bulimia
 
Bulimia 3
Bulimia 3Bulimia 3
Bulimia 3
 
Disturbios alimentares
Disturbios alimentaresDisturbios alimentares
Disturbios alimentares
 
Comportamentos Alimentares 8b
Comportamentos Alimentares 8bComportamentos Alimentares 8b
Comportamentos Alimentares 8b
 
Bulimia
BulimiaBulimia
Bulimia
 
Anorexia e Bulimia
Anorexia e BulimiaAnorexia e Bulimia
Anorexia e Bulimia
 
Distúrbios alimentares
Distúrbios alimentaresDistúrbios alimentares
Distúrbios alimentares
 
Disturbios alimentares
Disturbios alimentaresDisturbios alimentares
Disturbios alimentares
 
Anorexia
AnorexiaAnorexia
Anorexia
 
DISTÚRBIOS ALIMENTARES.ppt
DISTÚRBIOS ALIMENTARES.pptDISTÚRBIOS ALIMENTARES.ppt
DISTÚRBIOS ALIMENTARES.ppt
 
Alimentos saudáveis e transtornos alimentares jj
Alimentos saudáveis e transtornos alimentares jjAlimentos saudáveis e transtornos alimentares jj
Alimentos saudáveis e transtornos alimentares jj
 

Mais de Alemo Lopes

207 testosterona
207 testosterona207 testosterona
207 testosterona
Alemo Lopes
 
207 sedentarismo
207 sedentarismo207 sedentarismo
207 sedentarismo
Alemo Lopes
 
207 gorduras marrom e brancas
207 gorduras marrom e brancas207 gorduras marrom e brancas
207 gorduras marrom e brancas
Alemo Lopes
 
207 fibras musculares
207 fibras musculares207 fibras musculares
207 fibras musculares
Alemo Lopes
 
207 atitude antidesportiva
207 atitude                             antidesportiva 207 atitude                             antidesportiva
207 atitude antidesportiva
Alemo Lopes
 
207 esportes de aventura x drogas lícitas e ilícitas.
207  esportes de aventura x drogas lícitas e ilícitas.207  esportes de aventura x drogas lícitas e ilícitas.
207 esportes de aventura x drogas lícitas e ilícitas.
Alemo Lopes
 
201p testosterona
201p testosterona  201p testosterona
201p testosterona
Alemo Lopes
 
201p andropausa
201p andropausa201p andropausa
201p andropausa
Alemo Lopes
 
201 testosterona
201 testosterona201 testosterona
201 testosterona
Alemo Lopes
 
201 sedentarismo
201 sedentarismo201 sedentarismo
201 sedentarismo
Alemo Lopes
 
Escola de educação básica
Escola de educação básicaEscola de educação básica
Escola de educação básica
Alemo Lopes
 
Grupo
GrupoGrupo
201 f ibras muscul. brancas e verme. [reparado]
201 f ibras muscul. brancas e verme. [reparado]201 f ibras muscul. brancas e verme. [reparado]
201 f ibras muscul. brancas e verme. [reparado]
Alemo Lopes
 
Anorexia
AnorexiaAnorexia
Anorexia
Alemo Lopes
 
106 bulimia
106 bulimia106 bulimia
106 bulimia
Alemo Lopes
 
106 histor das olimpiadas
106  histor das olimpiadas106  histor das olimpiadas
106 histor das olimpiadas
Alemo Lopes
 
106 crack
106 crack106 crack
106 crack
Alemo Lopes
 
106 estress, 23.10 [reparado]
106 estress, 23.10 [reparado]106 estress, 23.10 [reparado]
106 estress, 23.10 [reparado]
Alemo Lopes
 
Dopping, decepçoes e acidentes
Dopping, decepçoes e acidentesDopping, decepçoes e acidentes
Dopping, decepçoes e acidentes
Alemo Lopes
 
107 lança perfume
107 lança perfume107 lança perfume
107 lança perfume
Alemo Lopes
 

Mais de Alemo Lopes (20)

207 testosterona
207 testosterona207 testosterona
207 testosterona
 
207 sedentarismo
207 sedentarismo207 sedentarismo
207 sedentarismo
 
207 gorduras marrom e brancas
207 gorduras marrom e brancas207 gorduras marrom e brancas
207 gorduras marrom e brancas
 
207 fibras musculares
207 fibras musculares207 fibras musculares
207 fibras musculares
 
207 atitude antidesportiva
207 atitude                             antidesportiva 207 atitude                             antidesportiva
207 atitude antidesportiva
 
207 esportes de aventura x drogas lícitas e ilícitas.
207  esportes de aventura x drogas lícitas e ilícitas.207  esportes de aventura x drogas lícitas e ilícitas.
207 esportes de aventura x drogas lícitas e ilícitas.
 
201p testosterona
201p testosterona  201p testosterona
201p testosterona
 
201p andropausa
201p andropausa201p andropausa
201p andropausa
 
201 testosterona
201 testosterona201 testosterona
201 testosterona
 
201 sedentarismo
201 sedentarismo201 sedentarismo
201 sedentarismo
 
Escola de educação básica
Escola de educação básicaEscola de educação básica
Escola de educação básica
 
Grupo
GrupoGrupo
Grupo
 
201 f ibras muscul. brancas e verme. [reparado]
201 f ibras muscul. brancas e verme. [reparado]201 f ibras muscul. brancas e verme. [reparado]
201 f ibras muscul. brancas e verme. [reparado]
 
Anorexia
AnorexiaAnorexia
Anorexia
 
106 bulimia
106 bulimia106 bulimia
106 bulimia
 
106 histor das olimpiadas
106  histor das olimpiadas106  histor das olimpiadas
106 histor das olimpiadas
 
106 crack
106 crack106 crack
106 crack
 
106 estress, 23.10 [reparado]
106 estress, 23.10 [reparado]106 estress, 23.10 [reparado]
106 estress, 23.10 [reparado]
 
Dopping, decepçoes e acidentes
Dopping, decepçoes e acidentesDopping, decepçoes e acidentes
Dopping, decepçoes e acidentes
 
107 lança perfume
107 lança perfume107 lança perfume
107 lança perfume
 

106 bulimia

  • 1. E. E. B. Miguel Couto Luís, Izamara, Michele Bulimia Educação Física Bernhard Schroeder/2012
  • 2. Justificativa Mostrar e informar a todos o que realmente é Bulimia, quais as causas, exames. Tudo para que possam ter ideia que bulimia não é brincadeira, e sim coisa séria.
  • 3. Introdução A bulimia é uma doença na qual uma pessoa exagera na ingestão de alimentos ou tem episódios regulares em que come em excesso e sente perda de controle. Dessa forma, a pessoa afetada usa vários métodos, como vômitos ou abuso de laxantes, para impedir o ganho de peso.
  • 4. O que é Bulimia? A bulimia é uma doença na qual uma pessoa exagera na ingestão de alimentos ou tem episódios regulares em que come em excesso e sente perda de controle. Dessa forma, a pessoa afetada usa vários métodos, como vômitos ou abuso de laxantes, para impedir o ganho de peso.
  • 5. Causas A bulimia afeta muito mais mulheres do que homens. O distúrbio é mais comum em mulheres adolescentes e em jovens adultas. A pessoa afetada geralmente está consciente de que seu padrão de alimentação é anormal e pode sentir medo ou ter sentimento de culpa associado aos episódios de comportamento bulímico.
  • 6. Exames Um exame dentário pode mostrar cáries ou infecções na gengiva (como gengivite). O esmalte dos dentes pode estar desgastado ou furado devido à exposição excessiva ao ácido contido no vômito. Um exame físico pode mostrar também: Vasos sanguíneos rompidos nos olhos (do esforço para vomitar) Boca seca Aparência em forma de bolsa nos cantos da boca devido às glândulas salivares inchadas Erupções e espinhas Pequenos cortes e calos na parte superior das articulações dos dedos das mãos devido ao vômito autoinduzido
  • 7. Sintomas  Fazer exercícios de forma compulsiva  Descartar embalagens de laxantes, comprimidos para perda de peso, eméticos (medicamentos que provocam vômito) ou diuréticos  Ir regularmente ao banheiro logo após as refeições  Comer rapidamente grandes quantidades de alimentos que desaparecem imediatamente
  • 8. Tratamento  Grupos de apoio podem ser úteis para pacientes em condições estáveis, que não têm nenhum problema de saúde.  A terapia cognitivo-comportamental (TCC) e a terapia nutricional são os melhores tratamentos para a bulimia que não responde a grupos de apoio.  Antidepressivos conhecidos como inibidores seletivos da recaptação da serotonina (ISRSs) geralmente são usados para bulimia. Uma combinação de TCC e ISRSs é muito eficiente se a TCC não for eficaz sozinha.
  • 9. Expectativas A bulimia é uma doença com efeitos a longo prazo. Muitas pessoas ainda apresentarão alguns sintomas, mesmo com o tratamento.  Pessoas com menos complicações médicas de bulimia e aquelas que têm vontade e podem participar da terapia têm uma chance maior de recuperação.
  • 10. Complicações Possiveis  Constipação  Desidratação  Cáries  Desequilíbrios eletrolíticos  Hemorroidas  Pancreatite  Inflamação na garganta  Rasgos no esôfago devido ao excesso de vômitos
  • 11. Bulimia Nervosa Em pacientes com bulimia, não é a magreza que chama a atenção. Às vezes, são mulheres de corpo escultural, que cuidam dele de forma obsessiva. Vivem em dieta. De repente, ingerem uma quantidade absurda de alimentos e depois vomitam para evitar o ganho de peso, tomam laxantes e diuréticos e fazem exercícios físicos até caírem extenuadas.
  • 12. Sintomas  Ingestão exagerada de alimentos em curtos períodos de tempo sem o aumento correspondente do peso corporal;  Vômitos auto induzidos por inversão dos movimentos peristálticos ou colocando o dedo na garganta;  Uso de laxantes e diuréticos indiscriminadamente;  Dietas severas intermediadas por repentinas perdas de controle que levam à ingestão compulsiva de alimentos;  Distúrbios depressivos, de ansiedade, comportamento obsessivo compulsivo, automutilação.
  • 13. Causas São as mesmas da anorexia. Entre elas destacam-se predisposição genética, pressão social e familiar e valorização do corpo magro como ideal máximo de beleza.
  • 14. Tratamento O tratamento da bulimia nervosa exige o acompanhamento de equipe multidisciplinar composta por médicos, psicólogos, nutricionistas. Medicamentos antidepressivos podem ser úteis, especialmente se ocorrerem distúrbios como depressão e ansiedade. O diagnóstico da doença nem sempre é fácil, porque os sintomas não são evidentes como os da anorexia. Infelizmente, não se conhecem métodos eficazes para prevenir patologias como a bulimia e a anorexia. Seria necessário um empenho da sociedade na mudança de certos valores estéticos ligados ao culto do corpo e à magreza.
  • 15. Considerações Finais A partir, das informações relatadas pode-se concluir que a bulimia é um distúrbio alimentar onde a pessoa come muito, se arrepende e provoca o vomito para impedir o ganho de peso. Geralmente a bulimia afeta mais as mulheres e não os homens. E geralmente a pessoa está consciente do que está fazendo.