SlideShare uma empresa Scribd logo
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Mecanismos homeostáticos – permitem manter em equilíbrio
as condições do meio interno, responder a estímulos e a
adaptação às mudanças do meio ambiente.
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Os sistemas biológicos
são sistemas abertos:
efetuam constantemente
trocas de matéria e
energia com o exterior, e
entre si.
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Feedback negativo
Nos sistemas biológicos
a regulação faz-se,
maioritariamente, por
sistemas de
retroalimentação
negativa
http://3.bp.blogspot.com/-7cFrWN0UXxs/T7qsGxruXwI/AAAAAAAAAIw/4FRFYZJDfMI/s320/imagem16.bmp
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Feedback positivo
Embora mais rara, a
regulação também se pode
fazer por sistemas de
retroalimentação positiva;
nestes casos verifica-se
uma amplificação da
resposta. Não é utilizada
em situações em que se
pretende manter a
estabilidade.
http://3.bp.blogspot.com/-7cFrWN0UXxs/T7qsGxruXwI/AAAAAAAAAIw/4FRFYZJDfMI/s320/imagem16.bmp
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Sistema nervoso
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Sistema nervoso
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Sistema
nervoso
central
Sistema
nervoso
periférico
encéfalo
espinal medula
nervos e
gânglios
Sistema nervoso
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
encéfalo
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Responsável pelo pensamento, memória, linguagem, dirige
as reacções voluntárias…

Divide-se em dois hemisférios que coordenam actividades e
funções específicas.

É formado por milhões de neurónios que formam o córtex
cerebral.

Os axónios dos neurónios formam a substância branca.
Substância branca
Córtex cerebral
cérebro
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Localiza-se na base do cérebro.
Controla os movimentos
involuntários do organismo.

Formado por fibras nervosas
que estabelecem a comunicação
entre os hemisférios cerebrais.

 Também se divide em dois
hemisférios.
Coordena os movimentos
voluntários e o equilíbrio do
corpo.

Cerebelo
Bolbo raquidiano
Corpo caloso
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Nervos
Fibras nervosas reunidas em feixes envolvidos por uma capa de tecido conjuntivo
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Manual pág. 151
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
neurónio
http://files.tgbg11.webnode.pt/200000007-b3156b3f7b/neuronio_1.png
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Os neurónios
gigantes das lulas,
devido às suas
dimensões,
permitem a
introdução de
elétrodos.
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
• Quando não está a ser
transmitido um impulso nervoso,
a diferença de potencial entre as
duas faces da membrana do
axónio é cerca de -70 mV
(potencial de repouso)
• Quando é transmitido um
impulso nervoso, verifica-se uma
rápida alteração de potencial de,
aproximadamente -70 mV para
+35 mV (potencial de ação),
regressando de seguida a -70 mV
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Manual pág. 154/155
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Membrana do neurónio
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Entre os axónios de um neurónio e as dendrites
de outro existem zonas de separação…
Quando o impulso nervoso
passa de um neurónio para outro
ocorre
Sinapse
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Manual pág. 156
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Receção
do
estímulo
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Bainha de mielina
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
http://www.sobiologia.com.br/figuras/Fisiologiaanimal/nervoso14.jpg
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Sistema endócrino
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Sistema endócrino
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Complexo hipotálamo-hipófise
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Regulação nervosa e hormonal nos animais
Biologia e Geologia – 10º ano
Maria João Drumond / maio 2015
Manual pág. 158

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

9 trocas gasosas
9 trocas gasosas9 trocas gasosas
9 trocas gasosas
Maria João Drumond
 
5 fotossíntese
5 fotossíntese5 fotossíntese
5 fotossíntese
Maria João Drumond
 
3 crescimento renovação_celular
3 crescimento renovação_celular3 crescimento renovação_celular
3 crescimento renovação_celular
Maria João Drumond
 
1 dna síntese_proteica
1 dna síntese_proteica1 dna síntese_proteica
1 dna síntese_proteica
Maria João Drumond
 
2 mitose
2 mitose2 mitose
3 reprodução humana-parte_ii
3 reprodução humana-parte_ii3 reprodução humana-parte_ii
3 reprodução humana-parte_ii
Maria João Drumond
 
6 transporte plantas
6 transporte plantas6 transporte plantas
6 transporte plantas
Maria João Drumond
 
9 sistemas classificação
9 sistemas classificação9 sistemas classificação
9 sistemas classificação
Maria João Drumond
 
5 reprodução sexuada
5 reprodução sexuada5 reprodução sexuada
5 reprodução sexuada
Maria João Drumond
 
4 rochas magmáticas
4 rochas magmáticas4 rochas magmáticas
4 rochas magmáticas
Maria João Drumond
 

Mais procurados (10)

9 trocas gasosas
9 trocas gasosas9 trocas gasosas
9 trocas gasosas
 
5 fotossíntese
5 fotossíntese5 fotossíntese
5 fotossíntese
 
3 crescimento renovação_celular
3 crescimento renovação_celular3 crescimento renovação_celular
3 crescimento renovação_celular
 
1 dna síntese_proteica
1 dna síntese_proteica1 dna síntese_proteica
1 dna síntese_proteica
 
2 mitose
2 mitose2 mitose
2 mitose
 
3 reprodução humana-parte_ii
3 reprodução humana-parte_ii3 reprodução humana-parte_ii
3 reprodução humana-parte_ii
 
6 transporte plantas
6 transporte plantas6 transporte plantas
6 transporte plantas
 
9 sistemas classificação
9 sistemas classificação9 sistemas classificação
9 sistemas classificação
 
5 reprodução sexuada
5 reprodução sexuada5 reprodução sexuada
5 reprodução sexuada
 
4 rochas magmáticas
4 rochas magmáticas4 rochas magmáticas
4 rochas magmáticas
 

Destaque

7 unicelularidade multicelularidade
7 unicelularidade multicelularidade7 unicelularidade multicelularidade
7 unicelularidade multicelularidade
Maria João Drumond
 
1 ocupação antrópica
1 ocupação antrópica1 ocupação antrópica
1 ocupação antrópica
Maria João Drumond
 
10 vulcanologia
10 vulcanologia10 vulcanologia
10 vulcanologia
Maria João Drumond
 
1 diversidade biosfera
1 diversidade biosfera1 diversidade biosfera
1 diversidade biosfera
Maria João Drumond
 
11 catástrofes homem
11 catástrofes homem11 catástrofes homem
11 catástrofes homem
Maria João Drumond
 
10 catástrofes naturais
10 catástrofes naturais10 catástrofes naturais
10 catástrofes naturais
Maria João Drumond
 
Rochas e minerais
Rochas e mineraisRochas e minerais
Rochas e minerais
Maria João Drumond
 
Toluene diisocyanate
Toluene diisocyanateToluene diisocyanate
Toluene diisocyanate
Rasoul Aslan
 
4 terra planeta_mudança
4 terra planeta_mudança4 terra planeta_mudança
4 terra planeta_mudança
Maria João Drumond
 
Dádiva de Sangue - cartazes
Dádiva de Sangue - cartazesDádiva de Sangue - cartazes
Dádiva de Sangue - cartazes
Maria João Drumond
 
3 fatores abioticos-intro
3 fatores abioticos-intro3 fatores abioticos-intro
3 fatores abioticos-intro
Maria João Drumond
 
3 tempo geológico
3 tempo geológico3 tempo geológico
3 tempo geológico
Maria João Drumond
 
5 formação sistema_solar
5 formação sistema_solar5 formação sistema_solar
5 formação sistema_solar
Maria João Drumond
 
6 terra planetas_telúricos
6 terra planetas_telúricos6 terra planetas_telúricos
6 terra planetas_telúricos
Maria João Drumond
 
7 face terra_continentes_oceanos
7 face terra_continentes_oceanos7 face terra_continentes_oceanos
7 face terra_continentes_oceanos
Maria João Drumond
 
11 sismologia
11 sismologia11 sismologia
11 sismologia
Maria João Drumond
 

Destaque (16)

7 unicelularidade multicelularidade
7 unicelularidade multicelularidade7 unicelularidade multicelularidade
7 unicelularidade multicelularidade
 
1 ocupação antrópica
1 ocupação antrópica1 ocupação antrópica
1 ocupação antrópica
 
10 vulcanologia
10 vulcanologia10 vulcanologia
10 vulcanologia
 
1 diversidade biosfera
1 diversidade biosfera1 diversidade biosfera
1 diversidade biosfera
 
11 catástrofes homem
11 catástrofes homem11 catástrofes homem
11 catástrofes homem
 
10 catástrofes naturais
10 catástrofes naturais10 catástrofes naturais
10 catástrofes naturais
 
Rochas e minerais
Rochas e mineraisRochas e minerais
Rochas e minerais
 
Toluene diisocyanate
Toluene diisocyanateToluene diisocyanate
Toluene diisocyanate
 
4 terra planeta_mudança
4 terra planeta_mudança4 terra planeta_mudança
4 terra planeta_mudança
 
Dádiva de Sangue - cartazes
Dádiva de Sangue - cartazesDádiva de Sangue - cartazes
Dádiva de Sangue - cartazes
 
3 fatores abioticos-intro
3 fatores abioticos-intro3 fatores abioticos-intro
3 fatores abioticos-intro
 
3 tempo geológico
3 tempo geológico3 tempo geológico
3 tempo geológico
 
5 formação sistema_solar
5 formação sistema_solar5 formação sistema_solar
5 formação sistema_solar
 
6 terra planetas_telúricos
6 terra planetas_telúricos6 terra planetas_telúricos
6 terra planetas_telúricos
 
7 face terra_continentes_oceanos
7 face terra_continentes_oceanos7 face terra_continentes_oceanos
7 face terra_continentes_oceanos
 
11 sismologia
11 sismologia11 sismologia
11 sismologia
 

Mais de Maria João Drumond

6 hereditariedade
6 hereditariedade6 hereditariedade
6 hereditariedade
Maria João Drumond
 
4 hiv sida
4 hiv sida4 hiv sida
5 reprodução sexuada
5 reprodução sexuada5 reprodução sexuada
5 reprodução sexuada
Maria João Drumond
 
4 reprodução assexuada
4 reprodução assexuada4 reprodução assexuada
4 reprodução assexuada
Maria João Drumond
 
2 reprodução humana-parte_i
2 reprodução humana-parte_i2 reprodução humana-parte_i
2 reprodução humana-parte_i
Maria João Drumond
 
1 saúde individual_comunitária
1 saúde individual_comunitária1 saúde individual_comunitária
1 saúde individual_comunitária
Maria João Drumond
 

Mais de Maria João Drumond (6)

6 hereditariedade
6 hereditariedade6 hereditariedade
6 hereditariedade
 
4 hiv sida
4 hiv sida4 hiv sida
4 hiv sida
 
5 reprodução sexuada
5 reprodução sexuada5 reprodução sexuada
5 reprodução sexuada
 
4 reprodução assexuada
4 reprodução assexuada4 reprodução assexuada
4 reprodução assexuada
 
2 reprodução humana-parte_i
2 reprodução humana-parte_i2 reprodução humana-parte_i
2 reprodução humana-parte_i
 
1 saúde individual_comunitária
1 saúde individual_comunitária1 saúde individual_comunitária
1 saúde individual_comunitária
 

Último

Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
edusegtrab
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
EsterGabriiela1
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 

Último (20)

Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 

10 regulação animais

  • 1. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 2. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 3. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 4. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Mecanismos homeostáticos – permitem manter em equilíbrio as condições do meio interno, responder a estímulos e a adaptação às mudanças do meio ambiente.
  • 5. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Os sistemas biológicos são sistemas abertos: efetuam constantemente trocas de matéria e energia com o exterior, e entre si.
  • 6. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 7. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Feedback negativo Nos sistemas biológicos a regulação faz-se, maioritariamente, por sistemas de retroalimentação negativa http://3.bp.blogspot.com/-7cFrWN0UXxs/T7qsGxruXwI/AAAAAAAAAIw/4FRFYZJDfMI/s320/imagem16.bmp
  • 8. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Feedback positivo Embora mais rara, a regulação também se pode fazer por sistemas de retroalimentação positiva; nestes casos verifica-se uma amplificação da resposta. Não é utilizada em situações em que se pretende manter a estabilidade. http://3.bp.blogspot.com/-7cFrWN0UXxs/T7qsGxruXwI/AAAAAAAAAIw/4FRFYZJDfMI/s320/imagem16.bmp
  • 9. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 10. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 11. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Sistema nervoso
  • 12. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Sistema nervoso
  • 13. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Sistema nervoso central Sistema nervoso periférico encéfalo espinal medula nervos e gânglios Sistema nervoso
  • 14. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 encéfalo
  • 15. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Responsável pelo pensamento, memória, linguagem, dirige as reacções voluntárias…  Divide-se em dois hemisférios que coordenam actividades e funções específicas.  É formado por milhões de neurónios que formam o córtex cerebral.  Os axónios dos neurónios formam a substância branca. Substância branca Córtex cerebral cérebro
  • 16. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Localiza-se na base do cérebro. Controla os movimentos involuntários do organismo.  Formado por fibras nervosas que estabelecem a comunicação entre os hemisférios cerebrais.   Também se divide em dois hemisférios. Coordena os movimentos voluntários e o equilíbrio do corpo.  Cerebelo Bolbo raquidiano Corpo caloso
  • 17. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Nervos Fibras nervosas reunidas em feixes envolvidos por uma capa de tecido conjuntivo
  • 18. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Manual pág. 151
  • 19. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 neurónio http://files.tgbg11.webnode.pt/200000007-b3156b3f7b/neuronio_1.png
  • 20. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 21. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Os neurónios gigantes das lulas, devido às suas dimensões, permitem a introdução de elétrodos.
  • 22. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 • Quando não está a ser transmitido um impulso nervoso, a diferença de potencial entre as duas faces da membrana do axónio é cerca de -70 mV (potencial de repouso) • Quando é transmitido um impulso nervoso, verifica-se uma rápida alteração de potencial de, aproximadamente -70 mV para +35 mV (potencial de ação), regressando de seguida a -70 mV
  • 23. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 24. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 25. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Manual pág. 154/155
  • 26. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Membrana do neurónio
  • 27. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 28. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Entre os axónios de um neurónio e as dendrites de outro existem zonas de separação… Quando o impulso nervoso passa de um neurónio para outro ocorre Sinapse
  • 29. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 30. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 31. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Manual pág. 156
  • 32. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 33. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Receção do estímulo
  • 34. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Bainha de mielina
  • 35. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 http://www.sobiologia.com.br/figuras/Fisiologiaanimal/nervoso14.jpg
  • 36. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 37. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Sistema endócrino
  • 38. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Sistema endócrino
  • 39. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Complexo hipotálamo-hipófise
  • 40. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015
  • 41. Regulação nervosa e hormonal nos animais Biologia e Geologia – 10º ano Maria João Drumond / maio 2015 Manual pág. 158