SlideShare uma empresa Scribd logo
FILOSOFIA
1ª ANO
DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA
AULA 32
• Diferenciar democracia direta e representativa e
parlamentarismo de presidencialismo.
OBJETIVO
• Cite fatos que demonstram a relação entre as decisões políticas e a vida dos
indivíduos na sociedade
• Alguns exemplos de como as decisões políticas nos afetam de modo direto ou
indireto:
• as relações de trabalhos são regulamentadas por uma legislação elaborada e
sancionada por nossos representantes políticos; nela se estabelecem os direitos
e deveres do empregador e do empregado. Nosso acesso aos benefícios sociais,
como saúde e educação, também é prescrito por leis e ações advindas do
Congresso Nacional. Se nos dispomos a reivindicar nossos direitos por meio
de uma greve, podemos sofrer repressão policial. Em momentos de crise
econômica e recessão, muitos trabalhadores perdem seus empregos e procuram
sobreviver, como vendedores, lavadores de carros e outras formas de
subempregos; seus filhos precisam abandonar a escola para auxiliar no
orçamento da família e acabam vendendo objetos nos semáforos.
Como se explica que grande parte da sociedade aceite passivamente a existência e a manutenção de privilégios?
Embora a divisão da sociedade em classes e os conflitos sociais sejam evidentes, a sociedade constantemente nos é apresentada
como uma unidade. Na atividade política institucional que se manifesta em discursos ou ações de políticos ou do Estado,
interesses de uma classe social são apresentados como interesses de toda a sociedade.
Na sociedade civil, os meios de comunicação de massa, a escola, as igrejas, as empresas e a família veiculam uma interpretação
parcial da realidade, em que o indivíduo, isolado, é responsabilizado pela situação em que se encontra, como se ela dependesse
apenas de sua vontade, de suas características individuais ( esforço, preguiça, perseverança, etc) ou das chances que a sorte lhe
oferece. As explicações para os acontecimentos baseiam-se na natureza humana e não nas desigualdades e conflitos que
caracterizam a estrutura social. Nesse contexto, fica difícil compreender e assumir nossa responsabilidade para com a coletividade.
8- O que pode gerar a inconsciência política e a consequente indiferença dos indivíduos pelas questões políticas? R: - Desempenha
um papel desagregador da política. Em ambos os casos a indiferença e a conseqüente passividade desempenham um papel
desagregador na política. Os indivíduos cuidam de suas atividades pessoais e deixam as decisões políticas nas mãos de pequenos
grupos que movidos por ambições e paixões particulares, traçam os destinos de um povo.
9- Explique por que a omissão política é uma forma de participação. R: Da indiferença dos indivíduos pode nascer à política
autoritária, a corrupção e todas as formas de desmandos. A falta de transparência na política, a ausência de controle e de cobrança
da sua atuação ocorre, em grande parte, porque muitos se omitem, tornam-se apáticos, renunciam a possibilidade de criar
alternativas de intervir na política.
10- Qual a importância da participação política? As possibilidades de mudanças são maiores quando a sociedade se organiza e
participa ativamente da política, ampliando seu espaço de participação, como nas manifestações de rua, as lutas dos trabalhares
sem terra, organização sindical e outros.
11- O que se entende por “Cidadão”?
Indivíduo que, como membro de um Estado, usufrui de direitos civis e políticos por este garantido e desempenha os deveres que,
nesta condição, lhe são atribuídos.
12- Mencionar, obstáculos que impedem o exercício efetivo da cidadania no Brasil.
Divisão da sociedade em classe; Desinteresse da maioria dos indivíduos pelos assuntos públicos; a manipulação dos meios de
comunicação das massas e a indiferença do povo brasileiro pela política.
Você sabe o significado do
termo democracia?
Quais as diferenças entre a
democracia ateniense e a
democracia atual?
Todas as democracias são
iguais?
OBJETIVO
Disponível:
https://bityli.com/VTkGw
DEMOCRACIA: ORIGENS
A palavra democracia é de origem grega
e significa “governo do povo”, governo
de todos os cidadãos. Também é
invenção grega, além da elaboração
teórica e da implantação do regime
democrático na pólis. Em Atenas, no
século V a.C., a ágora (praça pública) era
o local de encontro dos cidadãos, onde
se exercitava a arte de discutir os
problemas da cidade.
Ruínas da Ágora Ateniense
DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA
A concepção de democracia moderna ressurgiu
a partir do século XVIII, com as revoluções
burguesas que derrubaram as monarquias
absolutistas (as principais referências são a
Revolução Americana de 1776 e Revolução
Francesa de 1789). Com as revoluções passou-
se a defender o princípio da cidadania, onde as
pessoas, progressivamente deixaram de ser
súditas subordinados a um rei, para se
transformarem em cidadãos.
A tela retrata George Washington, um dos
principais líderes da Revolução Americana,
cruzando o rio Delaware, durante a Batalha de
Trenton. Batizada como “Washington Crossing
the Delaware”, é de autoria de Emanuel Gottlieb
Leutze, e foi pintada em 1851.
unicamp.br/cienciaemrevista/2015/04/16/divulga-leitura-revolucao-americana-e-historia/
DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA
O fundamento da democracia
contemporânea é o direito dos cidadãos de
participarem da vida política de seu país por
meio do voto. A função do voto é a escolha
de representantes políticos. Os
representantes eleitos dispõem de poderes
que lhes foram delegados pelos cidadãos
para representá-los nas assembleias, e
sessões onde são criadas as leis e são
tomadas as decisões políticas.
Plenário da Assembleia Legislativa
do Paraná.
Disponível: encurtador.com.br/eAKOT
DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA
Com relação ao modo de participação popular, a democracia pode
ser:
• Direta: modelo em que todos os indivíduos de uma coletividade
manifestam sua opinião sobre os assuntos relativos a esta mesma
coletividade, votando em assembleias ou reuniões coletivas
(modelo grego);
• Representativa: modelo em que a coletividade elege
representantes a quem delega o poder para tomar as decisões
(modelo atual).
DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA
Características do sistema democrático
atual:
* As instituições políticas responsáveis pelas
funções legislativas e executivas devem ser
compostas em sua maioria por membros
eleitos pelo conjunto dos cidadãos e
alternados periodicamente;
* O voto deve ser universal, ou seja, têm
direito ao voto todos os cidadãos maiores de
idade, sem distinção de sexo, de raça ou de
religião;
Não há comprovação de fraudes em
quaisquer eleições brasileiras
realizadas desde que as urnas
eletrônicas foram implementadas, em
1996.
https://www.bbc.com/portuguese/brasil-58073325
DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA
Características do sistema democrático atual:
* Todos os votos têm o mesmo peso e os eleitores são livres para
exercer o seu direito segundo a sua própria opinião, frente a uma
disputa livre, honesta e pacífica entre partidos políticos que
pleiteiam os cargos representativos;
* Vencem as eleições os partidos e/ou candidatos que atingirem a
maioria numérica dos votos (ainda que possam ser estabelecidos
diferentes critérios para se determinar a maioria);
* As decisões tomadas pela maioria não podem ameaçar os direitos
básicos das minorias.
DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA
Os sistemas democráticos desenvolvidos pelos
países ocidentais, podem ser presidencialistas
e parlamentaristas:
• Presidencialismo, o chefe do Poder
Executivo é o presidente, que é eleito pelo
povo por meio do voto direto ou indireto.
• Parlamentarismo, o chefe do Poder
Executivo é o primeiro-ministro, que é
escolhido pelos membros do Poder
Legislativo federal. No entanto, quem elege
o parlamento são os cidadãos. Disponível: https://bityli.com/PBCvE
DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA
Presidencialismo Parlamentarismo
Poder executivo Exercido pelo Presidente da República. Primeiro-Ministro (em alguns países é chamado de
Chanceler, Presidente do Conselho de Ministro, Presidente
do Governo).
Escolha do
representante
Por meio de voto direto do povo. Nos Estados
Unidos, o presidente é eleito por um colegiado.
O primeiro-ministro é escolhido pelo parlamento, por meio
da maioria de votos internos. Ele também pode ser
escolhido pelo Chefe de Estado através de uma lista
fornecida pelo parlamento.
Por sua parte, o parlamento é escolhido pelos cidadãos.
Chefia de Estado Está concentrado na mesma pessoa que exerce a
chefia de governo.
O chefe de Estado (rei ou presidente) é exercido por outra
pessoa e esta não possui responsabilidades políticas.
Exemplos Brasil, Estados Unidos, Argentina, Uruguai Canadá, Inglaterra, Suécia, Itália, Alemanha, Portugal
Divisão de Poderes No presidencialismo, o presidente exerce o
Poder Executivo, enquanto os outros dois
poderes (Legislativo e Judiciário) possuem
autonomia.
O Poder Executivo necessita da aprovação do parlamento
para ser formado.
No entanto, há independência entre os poderes Executivo,
Judiciário e Legislativo.
ATIVIDADE - MÃO NA MASSA
Com base no que estudamos estabeleça as diferenças
entre democracia direta e representativa e
parlamentarismo e presidencialismo.
Democracia Direta Democracia Representativa Parlamentarismo Presidencialismo
RETOMANDO
A democracia ocidental tem origem em Atenas na Antiguidade,
mas a democracia contemporânea se dá de forma indireta, ou
seja, por meio do voto os cidadãos escolhem seus representantes,
já Grécia antiga a democracia era direta, o que significa que os
próprios cidadãos participavam das assembleias públicas. Além
disso, a democracia atual, pode ser presidencialista ou
parlamentarista conforme o sistema vigente.
Referências
ARANHA, Maria Lúcia de Arruda; MARTINS, Maria Helena Pires. Filosofando: Introdução à
Filosofia. 6ª edição. São Paulo: Moderna, 2016.
Sites
https://www.preparaenem.com/politica/democracia.htm
https://mundoeducacao.uol.com.br/historiageral/filosofia-democracia.htm
http://educacao.globo.com/sociologia/assunto/organizacao-social/democracia-direta-
indireta-e-representativa.html
https://www.diferenca.com/parlamentarismo-e-presidencialismo/

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 1ª Série_democracia contemporãnea aula 32.pptx

Cidadania e democracia
Cidadania e democraciaCidadania e democracia
Cidadania e democracia
Lucas Justino
 
Regimes Políticos a Democracia
Regimes Políticos a DemocraciaRegimes Políticos a Democracia
Regimes Políticos a Democracia
Nábila Quennet
 
A democracia no Brasil - The Democracy in Brazil
A democracia no Brasil  -  The Democracy in BrazilA democracia no Brasil  -  The Democracy in Brazil
A democracia no Brasil - The Democracy in Brazil
Lídia Pavan
 
20170623 DW Debate: Cidadania, Governação e Eleições: Desafios e Perspectiva.
20170623 DW Debate: Cidadania, Governação e Eleições: Desafios e Perspectiva.20170623 DW Debate: Cidadania, Governação e Eleições: Desafios e Perspectiva.
20170623 DW Debate: Cidadania, Governação e Eleições: Desafios e Perspectiva.
Development Workshop Angola
 
Democracia no brasil
Democracia no brasilDemocracia no brasil
Democracia no brasil
654482
 
Estado contemporâneo
Estado contemporâneoEstado contemporâneo
Estado contemporâneo
roberto mosca junior
 
Revisão de filosofia politica
Revisão de filosofia politicaRevisão de filosofia politica
Revisão de filosofia politica
Felipe Serra
 
Filosofia na cidade
Filosofia na cidadeFilosofia na cidade
Filosofia na cidade
Lipinha_13
 
Os limites da democracia
Os limites da democraciaOs limites da democracia
Os limites da democracia
Rosane Domingues
 
Quem é o seu líder e com quem eu negocio? Dilemas do defasado sistema políti...
Quem é o seu líder e com quem eu negocio?  Dilemas do defasado sistema políti...Quem é o seu líder e com quem eu negocio?  Dilemas do defasado sistema políti...
Quem é o seu líder e com quem eu negocio? Dilemas do defasado sistema políti...
Marcelo Pilon
 
A democracia
A democraciaA democracia
A democracia
Raquel Silva
 
Bobbio
BobbioBobbio
Bobbio
UNICAP
 
Trablho para pdf novo
Trablho para pdf novoTrablho para pdf novo
Trablho para pdf novo
fernando_tavora
 
Democracia participativa
Democracia participativaDemocracia participativa
Democracia participativa
Eliene Alves
 
cidania e democracia.pdf
cidania e democracia.pdfcidania e democracia.pdf
cidania e democracia.pdf
Fernanda Bastos
 
Democracia e cidadania
Democracia e cidadaniaDemocracia e cidadania
Democracia e cidadania
Israel serique
 
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 13 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 13 do TomaziSlide livro Sociologia ensino médio capitulo 13 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 13 do Tomazi
pascoalnaib
 
Sociologia Capítulo 13 - a democracia no Brasil
Sociologia Capítulo 13 - a democracia no BrasilSociologia Capítulo 13 - a democracia no Brasil
Sociologia Capítulo 13 - a democracia no Brasil
Miro Santos
 
capitulos-19-20.pptx
capitulos-19-20.pptxcapitulos-19-20.pptx
capitulos-19-20.pptx
LetciaAlmeida99
 
Discurso de Manuel Castells na Praça da Catalunha
Discurso de Manuel Castells na Praça da CatalunhaDiscurso de Manuel Castells na Praça da Catalunha
Discurso de Manuel Castells na Praça da Catalunha
Vitorino Seixas
 

Semelhante a 1ª Série_democracia contemporãnea aula 32.pptx (20)

Cidadania e democracia
Cidadania e democraciaCidadania e democracia
Cidadania e democracia
 
Regimes Políticos a Democracia
Regimes Políticos a DemocraciaRegimes Políticos a Democracia
Regimes Políticos a Democracia
 
A democracia no Brasil - The Democracy in Brazil
A democracia no Brasil  -  The Democracy in BrazilA democracia no Brasil  -  The Democracy in Brazil
A democracia no Brasil - The Democracy in Brazil
 
20170623 DW Debate: Cidadania, Governação e Eleições: Desafios e Perspectiva.
20170623 DW Debate: Cidadania, Governação e Eleições: Desafios e Perspectiva.20170623 DW Debate: Cidadania, Governação e Eleições: Desafios e Perspectiva.
20170623 DW Debate: Cidadania, Governação e Eleições: Desafios e Perspectiva.
 
Democracia no brasil
Democracia no brasilDemocracia no brasil
Democracia no brasil
 
Estado contemporâneo
Estado contemporâneoEstado contemporâneo
Estado contemporâneo
 
Revisão de filosofia politica
Revisão de filosofia politicaRevisão de filosofia politica
Revisão de filosofia politica
 
Filosofia na cidade
Filosofia na cidadeFilosofia na cidade
Filosofia na cidade
 
Os limites da democracia
Os limites da democraciaOs limites da democracia
Os limites da democracia
 
Quem é o seu líder e com quem eu negocio? Dilemas do defasado sistema políti...
Quem é o seu líder e com quem eu negocio?  Dilemas do defasado sistema políti...Quem é o seu líder e com quem eu negocio?  Dilemas do defasado sistema políti...
Quem é o seu líder e com quem eu negocio? Dilemas do defasado sistema políti...
 
A democracia
A democraciaA democracia
A democracia
 
Bobbio
BobbioBobbio
Bobbio
 
Trablho para pdf novo
Trablho para pdf novoTrablho para pdf novo
Trablho para pdf novo
 
Democracia participativa
Democracia participativaDemocracia participativa
Democracia participativa
 
cidania e democracia.pdf
cidania e democracia.pdfcidania e democracia.pdf
cidania e democracia.pdf
 
Democracia e cidadania
Democracia e cidadaniaDemocracia e cidadania
Democracia e cidadania
 
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 13 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 13 do TomaziSlide livro Sociologia ensino médio capitulo 13 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 13 do Tomazi
 
Sociologia Capítulo 13 - a democracia no Brasil
Sociologia Capítulo 13 - a democracia no BrasilSociologia Capítulo 13 - a democracia no Brasil
Sociologia Capítulo 13 - a democracia no Brasil
 
capitulos-19-20.pptx
capitulos-19-20.pptxcapitulos-19-20.pptx
capitulos-19-20.pptx
 
Discurso de Manuel Castells na Praça da Catalunha
Discurso de Manuel Castells na Praça da CatalunhaDiscurso de Manuel Castells na Praça da Catalunha
Discurso de Manuel Castells na Praça da Catalunha
 

Mais de CelimaraTiski

GOVERNO E CIDADANIA: cONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988
GOVERNO E CIDADANIA: cONSTITUIÇÃO FEDERAL  DE 1988GOVERNO E CIDADANIA: cONSTITUIÇÃO FEDERAL  DE 1988
GOVERNO E CIDADANIA: cONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988
CelimaraTiski
 
A PASCOA COMO É EM OUTROS PAISES35 (2) (1).pptx
A PASCOA COMO É EM OUTROS PAISES35 (2) (1).pptxA PASCOA COMO É EM OUTROS PAISES35 (2) (1).pptx
A PASCOA COMO É EM OUTROS PAISES35 (2) (1).pptx
CelimaraTiski
 
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoQuestões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
CelimaraTiski
 
2 SÉRIE - ÉTICA KANTIANA I - AULA 13.pptx
2 SÉRIE - ÉTICA KANTIANA I - AULA 13.pptx2 SÉRIE - ÉTICA KANTIANA I - AULA 13.pptx
2 SÉRIE - ÉTICA KANTIANA I - AULA 13.pptx
CelimaraTiski
 
TEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOS.ppsx
TEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOS.ppsxTEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOS.ppsx
TEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOS.ppsx
CelimaraTiski
 
1ª Série_Grécia_Antiga_Nivelamento01.pptx
1ª Série_Grécia_Antiga_Nivelamento01.pptx1ª Série_Grécia_Antiga_Nivelamento01.pptx
1ª Série_Grécia_Antiga_Nivelamento01.pptx
CelimaraTiski
 

Mais de CelimaraTiski (6)

GOVERNO E CIDADANIA: cONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988
GOVERNO E CIDADANIA: cONSTITUIÇÃO FEDERAL  DE 1988GOVERNO E CIDADANIA: cONSTITUIÇÃO FEDERAL  DE 1988
GOVERNO E CIDADANIA: cONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988
 
A PASCOA COMO É EM OUTROS PAISES35 (2) (1).pptx
A PASCOA COMO É EM OUTROS PAISES35 (2) (1).pptxA PASCOA COMO É EM OUTROS PAISES35 (2) (1).pptx
A PASCOA COMO É EM OUTROS PAISES35 (2) (1).pptx
 
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoQuestões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
 
2 SÉRIE - ÉTICA KANTIANA I - AULA 13.pptx
2 SÉRIE - ÉTICA KANTIANA I - AULA 13.pptx2 SÉRIE - ÉTICA KANTIANA I - AULA 13.pptx
2 SÉRIE - ÉTICA KANTIANA I - AULA 13.pptx
 
TEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOS.ppsx
TEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOS.ppsxTEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOS.ppsx
TEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOSTEXTOS SAGRADOS.ppsx
 
1ª Série_Grécia_Antiga_Nivelamento01.pptx
1ª Série_Grécia_Antiga_Nivelamento01.pptx1ª Série_Grécia_Antiga_Nivelamento01.pptx
1ª Série_Grécia_Antiga_Nivelamento01.pptx
 

Último

PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdfPROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
MiriamCamily
 
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdfA justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
MarcoAurlioResende
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
FredPaixaoeSilva
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
Manuais Formação
 
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdfSequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
marcos oliveira
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptxagosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 

Último (20)

PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdfPROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
 
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdfA justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
 
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdfSequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptxagosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
 

1ª Série_democracia contemporãnea aula 32.pptx

  • 2.
  • 3. • Diferenciar democracia direta e representativa e parlamentarismo de presidencialismo. OBJETIVO
  • 4. • Cite fatos que demonstram a relação entre as decisões políticas e a vida dos indivíduos na sociedade • Alguns exemplos de como as decisões políticas nos afetam de modo direto ou indireto: • as relações de trabalhos são regulamentadas por uma legislação elaborada e sancionada por nossos representantes políticos; nela se estabelecem os direitos e deveres do empregador e do empregado. Nosso acesso aos benefícios sociais, como saúde e educação, também é prescrito por leis e ações advindas do Congresso Nacional. Se nos dispomos a reivindicar nossos direitos por meio de uma greve, podemos sofrer repressão policial. Em momentos de crise econômica e recessão, muitos trabalhadores perdem seus empregos e procuram sobreviver, como vendedores, lavadores de carros e outras formas de subempregos; seus filhos precisam abandonar a escola para auxiliar no orçamento da família e acabam vendendo objetos nos semáforos.
  • 5. Como se explica que grande parte da sociedade aceite passivamente a existência e a manutenção de privilégios? Embora a divisão da sociedade em classes e os conflitos sociais sejam evidentes, a sociedade constantemente nos é apresentada como uma unidade. Na atividade política institucional que se manifesta em discursos ou ações de políticos ou do Estado, interesses de uma classe social são apresentados como interesses de toda a sociedade. Na sociedade civil, os meios de comunicação de massa, a escola, as igrejas, as empresas e a família veiculam uma interpretação parcial da realidade, em que o indivíduo, isolado, é responsabilizado pela situação em que se encontra, como se ela dependesse apenas de sua vontade, de suas características individuais ( esforço, preguiça, perseverança, etc) ou das chances que a sorte lhe oferece. As explicações para os acontecimentos baseiam-se na natureza humana e não nas desigualdades e conflitos que caracterizam a estrutura social. Nesse contexto, fica difícil compreender e assumir nossa responsabilidade para com a coletividade. 8- O que pode gerar a inconsciência política e a consequente indiferença dos indivíduos pelas questões políticas? R: - Desempenha um papel desagregador da política. Em ambos os casos a indiferença e a conseqüente passividade desempenham um papel desagregador na política. Os indivíduos cuidam de suas atividades pessoais e deixam as decisões políticas nas mãos de pequenos grupos que movidos por ambições e paixões particulares, traçam os destinos de um povo. 9- Explique por que a omissão política é uma forma de participação. R: Da indiferença dos indivíduos pode nascer à política autoritária, a corrupção e todas as formas de desmandos. A falta de transparência na política, a ausência de controle e de cobrança da sua atuação ocorre, em grande parte, porque muitos se omitem, tornam-se apáticos, renunciam a possibilidade de criar alternativas de intervir na política. 10- Qual a importância da participação política? As possibilidades de mudanças são maiores quando a sociedade se organiza e participa ativamente da política, ampliando seu espaço de participação, como nas manifestações de rua, as lutas dos trabalhares sem terra, organização sindical e outros. 11- O que se entende por “Cidadão”? Indivíduo que, como membro de um Estado, usufrui de direitos civis e políticos por este garantido e desempenha os deveres que, nesta condição, lhe são atribuídos. 12- Mencionar, obstáculos que impedem o exercício efetivo da cidadania no Brasil. Divisão da sociedade em classe; Desinteresse da maioria dos indivíduos pelos assuntos públicos; a manipulação dos meios de comunicação das massas e a indiferença do povo brasileiro pela política.
  • 6. Você sabe o significado do termo democracia? Quais as diferenças entre a democracia ateniense e a democracia atual? Todas as democracias são iguais? OBJETIVO Disponível: https://bityli.com/VTkGw
  • 7. DEMOCRACIA: ORIGENS A palavra democracia é de origem grega e significa “governo do povo”, governo de todos os cidadãos. Também é invenção grega, além da elaboração teórica e da implantação do regime democrático na pólis. Em Atenas, no século V a.C., a ágora (praça pública) era o local de encontro dos cidadãos, onde se exercitava a arte de discutir os problemas da cidade. Ruínas da Ágora Ateniense
  • 8. DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA A concepção de democracia moderna ressurgiu a partir do século XVIII, com as revoluções burguesas que derrubaram as monarquias absolutistas (as principais referências são a Revolução Americana de 1776 e Revolução Francesa de 1789). Com as revoluções passou- se a defender o princípio da cidadania, onde as pessoas, progressivamente deixaram de ser súditas subordinados a um rei, para se transformarem em cidadãos. A tela retrata George Washington, um dos principais líderes da Revolução Americana, cruzando o rio Delaware, durante a Batalha de Trenton. Batizada como “Washington Crossing the Delaware”, é de autoria de Emanuel Gottlieb Leutze, e foi pintada em 1851. unicamp.br/cienciaemrevista/2015/04/16/divulga-leitura-revolucao-americana-e-historia/
  • 9. DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA O fundamento da democracia contemporânea é o direito dos cidadãos de participarem da vida política de seu país por meio do voto. A função do voto é a escolha de representantes políticos. Os representantes eleitos dispõem de poderes que lhes foram delegados pelos cidadãos para representá-los nas assembleias, e sessões onde são criadas as leis e são tomadas as decisões políticas. Plenário da Assembleia Legislativa do Paraná. Disponível: encurtador.com.br/eAKOT
  • 10. DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA Com relação ao modo de participação popular, a democracia pode ser: • Direta: modelo em que todos os indivíduos de uma coletividade manifestam sua opinião sobre os assuntos relativos a esta mesma coletividade, votando em assembleias ou reuniões coletivas (modelo grego); • Representativa: modelo em que a coletividade elege representantes a quem delega o poder para tomar as decisões (modelo atual).
  • 11. DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA Características do sistema democrático atual: * As instituições políticas responsáveis pelas funções legislativas e executivas devem ser compostas em sua maioria por membros eleitos pelo conjunto dos cidadãos e alternados periodicamente; * O voto deve ser universal, ou seja, têm direito ao voto todos os cidadãos maiores de idade, sem distinção de sexo, de raça ou de religião; Não há comprovação de fraudes em quaisquer eleições brasileiras realizadas desde que as urnas eletrônicas foram implementadas, em 1996. https://www.bbc.com/portuguese/brasil-58073325
  • 12. DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA Características do sistema democrático atual: * Todos os votos têm o mesmo peso e os eleitores são livres para exercer o seu direito segundo a sua própria opinião, frente a uma disputa livre, honesta e pacífica entre partidos políticos que pleiteiam os cargos representativos; * Vencem as eleições os partidos e/ou candidatos que atingirem a maioria numérica dos votos (ainda que possam ser estabelecidos diferentes critérios para se determinar a maioria); * As decisões tomadas pela maioria não podem ameaçar os direitos básicos das minorias.
  • 13. DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA Os sistemas democráticos desenvolvidos pelos países ocidentais, podem ser presidencialistas e parlamentaristas: • Presidencialismo, o chefe do Poder Executivo é o presidente, que é eleito pelo povo por meio do voto direto ou indireto. • Parlamentarismo, o chefe do Poder Executivo é o primeiro-ministro, que é escolhido pelos membros do Poder Legislativo federal. No entanto, quem elege o parlamento são os cidadãos. Disponível: https://bityli.com/PBCvE
  • 14. DEMOCRACIA CONTEMPORÂNEA Presidencialismo Parlamentarismo Poder executivo Exercido pelo Presidente da República. Primeiro-Ministro (em alguns países é chamado de Chanceler, Presidente do Conselho de Ministro, Presidente do Governo). Escolha do representante Por meio de voto direto do povo. Nos Estados Unidos, o presidente é eleito por um colegiado. O primeiro-ministro é escolhido pelo parlamento, por meio da maioria de votos internos. Ele também pode ser escolhido pelo Chefe de Estado através de uma lista fornecida pelo parlamento. Por sua parte, o parlamento é escolhido pelos cidadãos. Chefia de Estado Está concentrado na mesma pessoa que exerce a chefia de governo. O chefe de Estado (rei ou presidente) é exercido por outra pessoa e esta não possui responsabilidades políticas. Exemplos Brasil, Estados Unidos, Argentina, Uruguai Canadá, Inglaterra, Suécia, Itália, Alemanha, Portugal Divisão de Poderes No presidencialismo, o presidente exerce o Poder Executivo, enquanto os outros dois poderes (Legislativo e Judiciário) possuem autonomia. O Poder Executivo necessita da aprovação do parlamento para ser formado. No entanto, há independência entre os poderes Executivo, Judiciário e Legislativo.
  • 15. ATIVIDADE - MÃO NA MASSA Com base no que estudamos estabeleça as diferenças entre democracia direta e representativa e parlamentarismo e presidencialismo. Democracia Direta Democracia Representativa Parlamentarismo Presidencialismo
  • 16. RETOMANDO A democracia ocidental tem origem em Atenas na Antiguidade, mas a democracia contemporânea se dá de forma indireta, ou seja, por meio do voto os cidadãos escolhem seus representantes, já Grécia antiga a democracia era direta, o que significa que os próprios cidadãos participavam das assembleias públicas. Além disso, a democracia atual, pode ser presidencialista ou parlamentarista conforme o sistema vigente.
  • 17. Referências ARANHA, Maria Lúcia de Arruda; MARTINS, Maria Helena Pires. Filosofando: Introdução à Filosofia. 6ª edição. São Paulo: Moderna, 2016. Sites https://www.preparaenem.com/politica/democracia.htm https://mundoeducacao.uol.com.br/historiageral/filosofia-democracia.htm http://educacao.globo.com/sociologia/assunto/organizacao-social/democracia-direta- indireta-e-representativa.html https://www.diferenca.com/parlamentarismo-e-presidencialismo/