SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
Baixar para ler offline
Ano 1 Edição 1                             Tubarão/SC,Julho/2011



                                            A                  EEB.Professora Angélica Cabral, está situada na
                                   Rua Manoel Medeiros nº 75 no Bairro São Bernardo , município de Tubarão -SC.


                                   A primeira forma de escola na comunidade de São
                                   Bernardo, foi instalada no Centro Catequético per-
                                                                                         Memorial
                                                                                                        Dona Angélica nasceu
                                   tencente à Mitra Diocesana de Tubarão, no próprio     em Laguna, a 21 de outubro de 1901.
                                   bairro no ano de 1962, com 60 alunos e 02 professo-   Ainda criança, transferiu-se com a
                                   ras.Posteriormente foi legalizada pelo decreto        família para Florianópolis, onde conti-
                                                                                         nuou seus estudos.
                                   nº 1420/CEE aos 21/05/1962 como Escola Isolada
     EEB. Profª Angélica Cabral                                                                         Formou-se normalista
                                   de São Bernardo, transferindo seu funcionamento       pelo Instituto Estadual de Educação,
   para uma casa domiciliar de madeira, locada pelo governo estadual para o desen-       1918. Lecionou pela primeira vez numa
   volvimento de aulas em regime multiseriado, com 80 alunos de 1ª a 4ª série e 02       escola de São José e logo depois de
                                                                                         inaugurado o Grupo Escolar Hercílio
   professoras.Em 1978 foi construída pelo governo estadual a Escola Reunida Pro-        Luz, veio para Tubarão, como uma de
   fessora Angélica Cabral.No ano de 1987 torna-se Escola Básica, com a criação do       suas primeiras professoras.
   ensino das series de 5ª a 8ª, complementando o Ensino Fundamental.Assim sen-                          Por essa época conhe-
   do, percebe-se que paralelamente a evolução geográfica da unidade escolar fatos       ceu Manoel Sanardo Cabral com quem
   históricos marcaram estas décadas.Toda esta evolução traz em seu bojo a luta de       veio a se casar em 02 de agosto de1923.
   muitas pessoas comprometidas com a Educação de qualidade para uma comuni-             O casal teve seis filhos.No exercício de
                                                                                         sua profissão, dona Angélica lecionou
   dade tão especial, que é São Bernardo.Dentre tantas pessoas que marcaram com          também em Canoinhas e Braço do
   suas lutas e bandeiras podemos destacar:Equipe de Gestores; Professo-                 Norte. Mais tarde como diretora inau-
   res;Pais;Funcionários;Lideranças Comunitárias;Alunos;Autoridades Políticas            gurou o Grupo Escolar Carlos Gomes,
                                                                                         de Imaruí, e o Grupo Escolar Joaquim
   municipais, estaduais e federais.Entretanto os desafios continuam.No ano de
                                                                                         Domingues de Oliveira, em Braço do
   2008, inaugura-se a reforma geral , com a ampliação de mais 2 salas; totalizando      Norte. Em 1944 veio removida como
   08 salas de aulas.Contudo, as ações pedagógicas que permeiam a relação da a-          diretora para o Grupo Escolar Visconde
   prendizagem estão em constantes inovações intencionalizando a concretização de        de Mauá aposentando-se alguns anos
                                                                                         depois, por tempo de serviço.
   um Projeto Político Pedagógico pautado em uma concepção de educação histórico-
   cultural ,num trabalho interdisciplinar e na interação social, buscando a totalida-                  Depois de aposentada,
                                                                                         para matar a saudade, lecionou um
   de do conhecimento e o desenvolvimento da cidadania responsável, autônoma e
                                                                                         ano no Colégio São José.
   participativa na formação da sociedade , tanto nos aspectos que se referem a
                                                                                                         Logo após a enchente
   seus problemas e também em seus avanços.
                                                                                         de março de 1974, começaram a apare-
                                                                                         cer os primeiros sinais da doença que a
                                                                                         vitimaria, a arteriosclerose.
      Virou Notícia                                                                                     Perdeu o marido em 25
                                                                                         de abril de 1979, e seus filhos sabiam
                                                                                         que, então não duraria muito. Nove
 Municipalização                                                                         meses e uma semana depois a 1º de
                                                                                         fevereiro de 1980, faleceu as 10:30
 Greve da Educação                                                                       horas da manhã.
                                                                                         Ao morrer, além dos seis filhos, deixou
                                                                                                        28 netos e 34 bisnetos.
Nesta edição:
Projetos/atividades           02

Especificidades               06

Sociais                       09
Especial                      10
Alunos                        11
Saúde/Cultura/Lazer/Esporte   13
Diversão                      14
Ano 1 Edição 1                                                                                       NE NOTÍCIAS ESCOLARES


Projetos/Atividades Ano 2011
Os trabalhos do ano de 2011 tiveram inicio no dia 07/02,sendo que a
semana transcorreu com várias reuniões e palestras tendo por objeti-
vo avaliar os trabalhos do ano anterior,traçar metas e articular os
trabalhos para o ano que se inicia,além é claro,da decoração para
espera dos alunos,que é marca registrada da escola.Seguindo a a-
genda da semana, estava em pauta o planejamento,em que professo-
res puderam trocar idéias e experiências e assim,enriquecer seu dia-
a-dia na sala de aula.
Após esta semana,os alunos foram recebidos,dando inicio as ativida-
des e projetos da UE.



                                            ino
                                        Ens                             Retorno às atividades....muita alegria e expectativas
                                   is do s de                            para o novo ano que se inicia.A Profª Hellen ainda
                                         a
                               fina regr
                          ries m as .
                       sé ra
                                                                           estava grávida e ganhou até um chá de bebê.
                   das     ia       011
                 os ntal,cr ncia 2
            a lun me      vê                                           Com a colaboração e participação de alu-
         Os nda convi
           Fu                                                          nos,professores e funcionários,entra em cena o
                                                                       bloco “Fraternidade e Vida no Planeta”.
                                                                       Algumas das fantasias usadas na folia foram con-
                                                                       feccionadas com a ajuda dos professores,outras
                                                                       foram trazidas de casa para participação na foli-
                                                                       a.Teve até desfile.




                                                   CARNAVAL
                                                          2011
                                          Funcionários e alunos
                                               caindo na folia.
NE NOTÍCIAS ESCOLARES                                                                                       Página 3




A celebração de Páscoa contou com todo corpo de funcioná-
rios e alunos.Professores e alunos,do 1º ano até a 8ª sé-
rie,participaram e proporcionaram momentos de muita
emoção.Teve guloseimas,boa música e teatro, o “lava
pés”,tradição religiosa,apresentado pelos alunos.
                                                            Os alunos do 1º e 2º anos,participaram da celebração de
Na oportunidade foi celebrada a partilha do pão .           Páscoa.
                                                            Houve apresentação por parte dos mesmos enfocando a
                                                            questão de valores trabalhados em sala de aula pelas
                                                            professoras das turmas.Durante a semana que antece-
                                                            deu o domingo de Páscoa,as professoras confecciona-
                                                            ram e distribuíram lembrancinhas, doces e gulosei-
                                                            mas.O ultimo dia de comemorações culminou com a
                                                            visita do coelhinho da Páscoa,ao vivo,para a alegria da
                                                            criançada.




Turma do 4º ano,professora Adriana,também participando
da celebração de valores em comemoração a Páscoa.




                                                       O 3º ano da Profª Mirele,fez bonito na apresentação teatral
                                                       .Os alunos mostraram muita desenvoltura ao representar
                                                       seus papéis e claro,deram um show.



                                                                           .
                                                      No dia da celebração de
                                                      Páscoa,os alunos do 5º ano
                                                      da professora Valdeti e da
                                                      professora          Danie-
                                                      le(2ºprof.),apresentaram um
                                                      número musical,sendo que
                                                      o acompanhamento do vio-
                                                      lão foi feito pelos alunos
                                                      Higor e Lucas,que ali-
                                                      ás,estão sempre prestes a
                                                      se apresentar,é só chamar.
Ano 1 Edição 1                                          NE NOTÍCIAS ESCOLARES

No Salão Paroquial do Bairro,dia 06 de Maio,as mães
da escola foram homenageadas.A decoração estava im-
pecável e o jantar delicioso.
Foram distribuídos presentes para as mães,também
teve sorteios e brincadeiras.O evento teve um número
bem expressivo de presença das mães.Confira nas fotos
os melhores momentos.




                 As Mães.....
        se divertindo pra valer!
NE NOTÍCIAS ESCOLARES                                                                                      Página 5




Verdolina e Rosalina
As contadoras de história,Adriana e Fábia tiveram na escola,para uma tar-
de divertida com os alunos de 1º ,2º e 3º ano.
Tamanha foi a alegria das crianças com este momento,que no dia 26/05
foram até o Centro Municipal de Cultura,para apreciarem mais uma vez as
belas histórias de ambas.Vale lembrar que os alunos de 4º e 5º ano,também
foram convidados e se fizeram presentes.
Na ocasião contaram história sobre nossa cidade,os alunos da escola fize-
ram questão de presenteá-las com cartinhas carinhosas.Os alunos,Arthur e
Nathan,foram convidados a subir ao palco e deram um “palhinha” da sua
cantoria aos presentes.


                                                                                       Arte

                                                                         A Profª Rita,de Arte trabalhou com a turma
                                                                  do 4ºano de modo que os alunos confeccionas-
                                                                  sem fantoches e teatralizassem. Encenando uma
                                                                  bela história.Merece destaque também,os instru-
                                                                  mentos musicais confeccionados por eles com
                                                                  uso de vários objetos como pratos descartá-
                                                                  veis,papéis...após aula que enfatizou os sons e
                                                                  os ritmos.Parabéns pelo belo trabalho!




                                                                                   te,Eva, junto com
                                                            A também Profª de Ar                        -
                                                                                 rie,após refletirem so
                                                            seus alunos da 8ª sé                        s
                                                                                   s no Brasil,Mulhere
                                                            bre temas como:Idoso
                                                                                  e outros,criaram ver-
                                                            nos dias de hoje,entr
                                                                                  te.A mesma também
                                                            dadeiras obras de ar
                                                                                   uda às mães que gos-
                                                             faz um trabalho de aj                     r
                                                                                  á dicas de como faze
                                                             tam de fazer tricô.D
                                                                                   uito mais.
                                                             cachecóis,blusas e m
Ano 1 Edição 1                                                                              NE NOTÍCIAS ESCOLARES


Especificidades
                                                                       A professora Beatriz de Ciên-
                                                                       cias , juntamente com os alu-
                            7ª série   Papel Reciclado                 nos da 7ª série, estão traba-
                                                                       lhando para a confecção de
                                                                       papel reciclado.
                                                                       A idéia é participar de uma
                                                                       mostra        de    traba-
                                                                       lhos,confeccionando vários
                                                                       modelos de objetos usando
                                                                       esta técnica.
                                                                       A supervisora escolar apoiou a
                                                                       ideia e está dando a maior for-
                                                                       ça.

8ª série
                                                          O sorteio da cesta de Páscoa,foi uma ini-
                                                          ciativa das Profªs. Sônia e Janai-
                                                          na,gerentes da 8ª série,que contaram
                                                          com a colaboração de todos os funcioná-
                                                          rios através de doações de doces e gulo-
                                                          seimas.O objetivo da cesta é de angariar
                                                          fundos para os formandos 2011.


                                                                                     colar
                                                                             ora es
                                                               a s upervis              ta e fo
                                                                                                 i
                                                      Cléria,                   da c es                   ara D.
         Serviços Gerais                                           m bilh
                                                                          ete                      esma p
                                                              ou u                        ão da m              o de
                                                      Compr                      a d oa ç               o gest
                                                                       é m fez            nidad e.Bonit
                                                               da,por            a comu
                                                      sortea            do r a d
                                                                    ra
                                                             da ,mo
                                                     Ana Zil         .
                                                             iedade
                                                     solidar

                                                                               Cleber é o professor do
                                                                               PROERD,que tem por ob-
                                                         PROERD                jetivo manter nossas cri-
                                                                               anças longe do uso de dro-
                                                                               gas.
     Doraci e Fátima são responsáveis pela limpeza                             Ele profere aulas nas
     da unidade,proporcionando um ambiente limpo                               quintas-feiras,para a tur-
     e saudável ,favorável ao processo ensino-                                 ma do 4º ano.Não precisa
     aprendizagem.                                                             dizer que as crianças cur-
                                                                               tem muito esta au-
     O slogan adotado por ambas é de que :”escola
                                                                               la.Quando se formam ao
     limpa não é a que mais se limpa,mas sim a que
                                                                               final do ano,é sempre
     menos se suja”.
                                                                               uma grande festa.
NE NOTÍCIAS ESCOLARES                                                                                                    Página 7


Merenda Escolar

A merenda é composta por ali-
mentos adequados.Garante a
energia e os nutrientes neces-
sários para o crescimento e
desenvolvimento da criança.
 Ela resulta em um melhor de-
sempenho escolar e evita hábi-
tos alimentares inadequados.
Pensando nisso,a responsável
pela merenda na unida-
de,Shellen,faz sempre um car-
dápio diversificado,gostoso e
atende a todos com muito cari-
nho.È ela quem rece-
be,confere ,armazena e zela
pela higiene,conservação e pre-
paro dos alimentos.



Sala Informatizada                                                            A Escola desbravando fronteiras através da Sala
                                                                                        Informatizada.
                                                                                      Visite-nos no blog:
                                                                                eebangelicacabral.blogspot.com
O Profº. Guilherme, responsável                                                  Visite-nos também no orkut:
pela sala informatizada,atende a                                                           eebcabral
comunidade escolar,seguindo agen-                                                        Nosso email:
da combinada com professores e                                                 eebangelicacabral@yahoo.com.br
alunos.
Propicia um atendimento rápido e
eficaz ,de maneira a tornar a aula
do professor regente,mais dinâmica
e produtiva.

 Biblioteca


                                             A Biblioteca,O local também fica dedisposição para pesquisas que deverão pré- por
                                                           vinculada a Escola a Educação Básica Profª Angélica Cabral, tem
                                             finalidade oferecer acesso a pesquisa, consulta e empréstimo de seu acervo, destina-
                                                agendadas pelo professor solicitante cabendo ao responsável pela Biblioteca
                                do, prioritariamente, aos alunos regularmente matriculados na UE, professores,funcionários e
                                                providências quanto ao assunto solicitado ao usuário.
                                comunidade em geral.Rege-se pelo PPP – Plano Político Pedagógico da UE.O objetivo da Biblio-
                                teca é reunir, organizar e disseminar informações em seu acervo , visando atender consultas,
estudos, pesquisas e empréstimo. A Biblioteca funciona de segunda à sexta feira, das 07:30 às 11:30 e das 13:15 às 17:15,
durante o ano letivo.Iniciativas de incentivo à leitura foram adotadas, como o Rodízio Literário que consiste no empréstimo de
um livro, escolhido pela criança, sob orientação do professor,com dias e horários pré-estabelecidos,uma vez por semana,onde
os alunos levam para casa .Para o melhor cuidado e preservação deste livro,cada criança do 1º ao 5º ano, recebe uma bolsa
para transportá-lo.
            Ainda,para que a criança possa divulgar sua leitura,as mesmas podem fazer um apanhado geral do livro, em forma
de desenho inclusive,que fica exposto em lugar estratégico nas dependências da escola,para apreciação dos demais,servindo
de referência para outras crianças na hora da escolha do próximo livro.A Biblioteca também fica a disposição para pesquisas
que deverão pré-agendadas pelo professor solicitante cabendo ao responsável pela Biblioteca providências quanto ao assunto
solicitado ao usuário.
Ano 1 Edição 1                                                                                      NE NOTÍCIAS ESCOLARES


Secretaria/Direção
                                    A assistente de Educação Denise,juntamente com o diretor Jailson,esmeram-se na qualida-
                                    de do atendimento e prestação de serviço a alunos,professores e toda a comunidade.
                                    Denise, coordena e executa todos os trabalhos relativos a secretaria da escola.Organiza e
                                    expede em tempo hábil todos os documentos como:notas de alunos,atas,ofícios,documentos
                                    e processos administrativos referentes ao servidor.È dela a responsabilidade de assinar junta-
                                    mente com o diretor,toda a documentação expedida,inclusive diplomas e certificados.Também
                                    registra e mantém atualizado os assentamentos funcionais compatíveis ao cargo.
                                    O gestor escolar,juntamente com os demais profissionais de cada setor, articu-
                                    la maneiras e material humano para que os projetos e atividades possam acon-
                                    tecer. Tem a incumbência de ter todos os segmentos da UE sob sua supervisão
                                    afim de dinamizar os trabalhos e promover a sua realização ,além da parte bu-
                                    rocrática pertinente ao cargo.



Especialistas               A Supervisão Escolar entre suas atribuições,está a de participar da elaboração da pro-
                            posta pedagógica escolar,planejar,acompanhar e avaliar as ações
                 didáticos-pedagógicas de acordo com as diretrizes e metas previstas no
                  PPP.Procura mediar a competência docente,considerando o saber,as experiên-
                   cias e as metodologias dos professores,disponibilizando recursos didáticos
                    para auxiliá-los.Estabelece parcerias de apoio nos planejamentos,participa
                      nos conselhos de classe e por fim,faz o acompanhamento do currículo esco-
                       lar.
                   O Serviço de Orientação Escolar consiste em participar e articular da ela-
             boração do P.P.P,colaborar e promover a função social da escola,contribuir para a articulação pedagó-
      gica teoria/prática,estimular e promover a participação de todos os espaços de gestão democrática
  ,como:Conselhos de Classe Participativo,Equipe de Estudantes Organizados(ELO),APP e Conselho Deliberati-
  vo.È esta profissional que acompanha a aprendizagem do aluno e ocorrências nas aulas,faz também a media-
  ção escola/família,elabora projetos,acompanha a freqüência escolar,encaminha e acompanha ações da escola
  para parcerias nas redes sociais,acompanha e avalia estagiários na área de orientação educacional.Busca a
  promoção através de reflexões,sobre Ética/Cidadania/Meio Ambiente/Saúde/Educação Sexual e Pluralidade
  Cultural.


       Cléria (Supervisora Escolar) e Eliane (Orientadora Escolar)
Dança                                                                       Capoeira

      A Profª Aline Rebelo,ministra aula de dança aos alunos da uni-
dade,onde os alunos que estudam
de manhã vem a tarde e vice-versa.
Vale lembrar que a escola no ano de 2010 participou de vários eventos
com o grupo,inclusive em competições,obtendo bons resultados.


       (por fotos)



                                                                               O mestre Robson,utiliza as de-
                                                                               pendências da escola para dar
                                                                               noções básicas de Capoeira aos
                                                                               alunos do 1º ano á 8ª série da
                                                                               unidade.Está iniciativa é muito
                                                                               bem vista pela comunidade es-
                                                                               colar.
NE NOTÍCIAS ESCOLARES                                                                                            Página 9

 Gerentes de turma /Líderes organizados
                                                   Virou Notícia:
86ª Série                                  Greve dos profissionais da educação
Gerente:Marlei Mendes de Souza             Após divulgação da obrigatoriedade do pagamento do Piso Nacional
ELO:Gabriel Vieira da Silva                pelo governo estadual ao pessoal do magistério,foram feitas algu-
       Geisy Januário Frederico            mas tentativas de negociação,entre Sindicato e Governo,sem partir
       Muriel Querino Rosa                 para a greve.Porém não houve acordo,sendo a greve deflagrada.Os
7ª Série                                   profissionais da Educação da rede pública estadual,decretaram
Gerente:Josiane Estevão Nasário            greve no dia 18/05.Várias reuniões e assembléias acontece-
ELO:                                       ram.Professores da UE que participaram da greve,retornaram após
    Laís Claudino Zeferino                 40 dias e com descontos .Até então,a proposta apresentada pelo
       Mateus Maximiano da Silva           governo não atendeu aos anseios da classe,já que tem achatamento
        Murilo Querino Rosa                salarial e perdas de conquistas históricas conseguidas pela catego-
8ª Série                                   ria.A reposição de conteúdos será feita no recesso do mês de Ju-
Gerente:Janaína C. Fernandes               lho.
           Sônia ReginaPansera
                                           Também a rede pública municipal decretou greve pelo mesmo moti-
ELO:Bruna Braz Haising
                                           vo,sendo que o desfecho se deu com o retorno dos professores às
       Sabrina Camilo Vieira
                                           salas de aula no dia 29/06,depois de 30 dias em greve.Sabe-se que
Sociais/Aniversariantes                    o acordo não satisfez a todos os docentes.
Janeiro                                         Dia 02/ 02,nasceu o João,filho da Profª. Hel-
        01-Eliane(Orint.Esc.)              len.Desejamos muitas felicidades para a família.
        12-Adriana(Pofª 4º ano)

        14-Duda (Serv. Ger.)                    Dia 08 de junho,faleceu aos 43 anos a profª Maria Aparecida (Cida),que
                                                foi diretora do CEI Bem-me-Quer e atuou em várias unidades escolares
        16-Doraci(Serv. Ger.)
                                                da rede pública municipal,deixando muita tristeza nos corações daque-
        31-Cibele(Profª 1º ano)                 les que a conheciam e por ela tinham respeito,carinho e admiração.
Fevereiro
        03-Beatriz(Profª Ciências)         Municipalização Não
        06-Sônia(Pofª Educ. Física)        Sobre a matéria veiculada nos meios de comunicação (DS),no dia
        17-Rita (Profª Arte)               26/05 que referia-se a cedência de salas da EEB Profª Angélica
        18-Marlei(Profª L. Portug.)        Cabral ao CEI Bem-me-Quer,soou na comunidade como a municipa-
        18-Faida(Assis. Tec.Pedagógico)    lização batendo às portas da UE.Os pais se mobilizaram e usaram o
Março                                      rádio para dizer que não ficariam de braços cruzados se a munici-
        12-Fátima(Serv. Ger.)              palização chegasse até a escola.Para esclarecimentos,foi chamada
        19-Jailson(Diretor)                reunião de pais pela direção que fez uso da entrevista do Secretá-
Abril                                      rio de Desenvolvimento Regional,Haroldo de Oliveira Silva,onde ex-
        18-Hellen(Lic. Maternidade)        plicou a situação e disse que tudo não passou de palavras mal colo-
        25-Valdeti(Profª do 2º e 5º ano)   cadas.Já a direção do CEI,achou melhor não ocupar as dependên-
        26-Guilherme (Sala Inform.)        cias cedidas,pelo menos, por hora.Porém,em entrevista ao Jornal
Maio                                       Notisul(08/07),o Secretário Felipe Felisbino disse o seguinte:”O
        22-Josiane(Profª Geografia)        Dura(Secretário Regional), nos apresentou uma proposta inicial, que é a mu-
                                           nicipalização de 10 a 13 escolas que tem apenas o ensino fundamental......
        30-Aline(Profª Dança)
                                           Decidindo agora, já municipalizamos a partir do próximo ano....Neste ponto,
Julho                                      eu vejo com bons olhos a municipalização.....”
        12-Janaína(Profª Inglês)           Vamos aguardar os desfechos.
        19-Denise G.(Profª Matemática)
Ano 1 Edição 1                                                          NE NOTÍCIAS ESCOLARES


                 O nome do jornal da escola foi escolhido através das suges-
       c    urso   tões dos alunos na sala de aula.Feito isto, no grande no
  Con         grupo,houve a escolha daquele que agora é o nome oficial do
  Jornal da Escola Angélica Cabral.
 O criador do nome foi o aluno DAVI da 7ª série.
    Parabéns a todos que participaram com suas belas idéias e sugestões.


                      ria
           Apos entado


 A professora MARIA VALDETI BOSCHETI MISSAU,natural de Içara,foi casada com
Waldemar(in memorian),é mãe de dois filhos,
Gustavo e Eduardo.Formada em Pedagogia,desde
1976,na extinta FESC.Começou sua carreira no
Colégio Senador Francisco Benjamin Gallotti, no
ano 1972.Fez concurso, foi nomeada em 1981 ,
carga horária de 20 horas semanais, na E.I.
Morro de Fátima. Se removeu também por con-
curso, para E.I. Santa Terezinha, Município de
Tubarão em 1982. Na EEB Profª Angélica Ca-
bral,ingressou no ano de 1986,de onde sai para
sua aposentadoria.
Com mais de 30 anos dedicados ao serviço do ma-
gistério,em sala de aula com alunos das séries ini-
ciais,a referida professora,não retornará no mês
de Agosto.Passa a usufruir de sua licença prêmio
aguardando sua tão esperada e merecida aposen-
tadoria.Começa a viver um novo momento,uma no-          Desenho do aluno Higor
va história.Foi uma bela carreira,com certeza
muitos carregarão consigo,boas recordações do
                                                                  5º Ano
seu convívio.Vale lembrar que muitos que hoje
são pais de alunos do bairro São Bernardo,foram alunos da Profª Valdeti .Por enquan-
to, a mesma diz que não tem planos,apenas ficar na cama até mais tarde,não ser mais
escrava do relógio,quer um pouco de “sombra e água fresca”,mas deseja dedicar-se ao
cultivo de seu belo jardim.Para nós,seus colegas,só nos resta parabenizá-la por seus
serviços e lhe desejar muitos anos cheios de felicidades para viver seus novos sonhos .
                                                          Parabéns e obrigada Valdeti!


   Deus fez os abismos para que o homem compreendesse as montanhas. Fez o fogo para
que o homem valorizasse as águas. E fez você para que com Êle descobrisse a vida que há
pela sua frente e encontrasse a felicidade. Portanto..Seja Feliz!
NE NOTÍCIAS ESCOLARES                                                                         Pagina11


                                                                Espaço do Aluno
                                                  As turmas da profª Valdeti, deram uma verdadeira
                                                  aula de cidadania. A discussão em sala foi sobre a
                                                  questão ambiental e regras de convivência .Pode-se
                                                  perceber que o trabalho foi bem produtivo,resultando
                                                  em belos cartazes.




Segundo a Tia Mirele,do 3º ano,seus alunos estão de-
senvolvendo cada vez mais suas habilidades de leitu-
ra e escrita,produções textuais claras e objeti-
vas.Segundo ela, suas produções são NOTA
10.Também são artistas,desenham muito bem.Veja
abaixo.




O 4º ano está trabalhando intensamente com produ-
ções textuais,para isso,está produzindo um caderno
com lindos textos contextualizados aos conteúdos
trabalhados.Breve haverá exposição dos traba-
lhos,cujo nome do projeto é “Minhas Escritu-
ras”.Aguarde!
Ano 1 Edição 1                                                                                       NE NOTÍCIAS ESCOLARES
“Olá Nobre Jornalista.Bom, tenho 17 anos estou me formando esse ano
no Ensino Médio, assim como qualquer jovem tenho sonhos e acredito         Estou com você
em ações e atitudes das pessoas. Sim, ainda acredito. Sabe amigo, você
                                                                           Oi Guilherme, meu nome é Aline e sou uma
passa 13 anos na escola, você cria amigos, é verdade que você terá
muitas discussões com professores, direção, pais e colegas. Mas sabe o     estudante da 8ª série da escola Angélica Ca-
melhor disso tudo, Somos uma Família. E como família, nossas desa-         bral.
venças geram união, existem excessões, mas formaturas são emocio-
                                                                           Venho por meio desta carta lhe parabenizar
nantes muito mais pelos laços que se quebrarão entre alunos e alunos,
e alunos e professores. Sabe, hoje agradeço muito por ter tido no Ensi-    por suas críticas e opiniões.Vejo que você é
no Médio professores que me fizeram pensar, vejo a cada a podridão         um dos poucos jovens da sociedade que acre-
desse sistema. Vejo bombeiro sendo presos por salvarem vidas, vejo         dita em um futuro melhor.Estou aqui para
professores esnobados por formarem vidas, e vejo deputados ganhando        dizer que “estou com você”.Achei o muito
muito por destruirem vidas.
E sabe como eu, como estudante, integrante da chamada futura gera-
                                                                           corajoso.Você me passou uma visão de um
ção me sinto nisso tudo? Um lixo, e não tem sentimento maior, do que       menino de caráter e de muita responsabili-
você olhar para livros, assuntos, vestibulares e se sentir impotente.      dade. “Estou com você”e acredito em um futuro
Não tem sentimento pior do que ver professores, aqueles mesmo com          melhor para as próximas gerações.Acredito,
quem ja discuti e muito, sofrendo, rezando, se emocionando.                como você,no potencial de cada professor que
Já me perguntaram por que eu faço tudo isso, por que Guilherme? A
resposta está lá no início, EU ACREDITO, nas pessoas, nos estudos,
                                                                           passa em nossas vidas.Eles são os consel-
nos relacionamentos e na sociedade. Os motivos para acreditar são          heiros da vida ,eles que formam mentes
pouquíssimos, mas eu acredito por que tive na 5ª série uma professora      como as nossas,que fazem acreditar que um
que me disse, Ler é Fantástico. Mas eu acredito, por que quando iniciei    dia,ainda haja justiça em nossa so-
o Ensino Médio, um professor me perguntou, você é só isso que diz?         ciedade.“Estou com você” e digo aos profes-
Mas eu acredito, por que minha escola teve direções que me deram
desafios. E venci aqueles que me foram propostos. E sabe por que? Por
                                                                           sores:“não parem de lutar,pois sem vocês não há
que eu ACREDITEI.                                                          nada,como        iremos         aprender      a
E como fica o Guilherme nessa história? Ele fica até tarde falando aos     ler,escrever,contar....”
professores, não desistam. E muitos me perguntam, por que tu Gui-
lherme apoias os professores? Eu não apoio somente professores, eu         Caro Governador do Estado de Santa Catari-
apoio o Futuro, um futuro no qual eu ainda ACREDITO.                       na,o que seria de vocês sem os professo-
Muitos estudantes não se interessam, pais esnobam esses assuntos. Só       res,vocês estariam onde estão?Calma,deixa
digo a eles, estão destruindo a vida de seus filhos.                       que eu mesma respondo a vocês:
Estou decepcionado com tudo nobre jornalista, com governo, pessoas e                “Não,vocês não estariam onde estão,pois
sociedade em geral, mas não deixarei de ACREDITAR, pois no fundo
do túnel há uma luz e quando ela chegar, estarei lá dizendo: VENHAM        não saberiam ler ou escrever e nem essas pa-
AMIGOS, PESSOAS, PAIS, CRIANÇAS, VAMOS JUNTOS FAZER                        lavras difíceis saberiam falar.Agradeçam
UM NOVO COMEÇO!                                                            aqueles professores que um dia foram seus
Mas enquanto isso, Guilherme se reserva a escrever ao nobre jornalis-      mestres e ensinaram o que sabem hoje.
ta, e de manifestar seu apoio aos professores.
Não desistam professores, por favor não desistam. Se hoje penso, e         Querido Guilherme,queria lhe dizer que no
existo é graças a vocês, que me deram um livro ao invés de drogas, que     que você precisar,conte com meu apoio,pois
me deram uma critica ao invés de elogio, que me deram um desafio ao        nós somos o manhã.Continue lutando com
invés de um sofá.
                                                                           toda sua garra pois é de pessoas como você
Lhes digo de coração: NÃO DESISTAM. A batalha é árdua, a luta difí-
cil, mas a união é imbatível.- Que fique claro nobre jornalista eu não     que o mundo precisa.
vou 4 horas diárias a um lugar de quatro paredes usado como deposito       Abraços
de crianças, EU VOU A UMA ESCOLA COM MUITO ORGU-
LHO!Abraços,Guilherme Wagner, São João do Oeste.”                          Aline Silva dos Santos

A Profª Marlei(LP),através da carta do estudante Guilherme(acima),enviada ao blog do jornalista Moacir Pereira
no dia 26/06,fez reflexões em sala de aula sobre a atual situação da educação catarinense.Após considerações foi
sugerido que os alunos da 8ª série escrevessem uma carta resposta ao estudante.Os resultados foram surpreen-
dentes,como mostra o exemplo da aluna Aline.
   A Profª Cibele do 1º ano,dentre as atividades desenvolvi-
                                                          A Profª Teresinha,diz que o Ensino Religioso tem um pa-
das no 1º semestre,destaca o Projeto de Dia das Mães.Com  pel muito importante no desenvolvimento do educando,pois
o objetivo de enfatizar e ensinar a criança o verdadeiro
                                                          proporciona o despertar do espírito de participação adqui-
sentido da família,dos direitos e dos deveres das crianças e
                                                          rindo critérios para a formação de seus juízos de valores e
o valor das Mães principalmente Também serviu para
discutir    e    enfatizar     valores     como           aprofundando motivações para a verdadeira cidadani-
                                                    agrade-
cer,amar,respeitar,ajudar e compreender o corre-corre do  a.Além disso ele terá o conhecimento para a formulação de
dia-a -dia.                                               conceitos de:Ser Humano,Conhecimento Revela-
   A Profª orgulha-se em dizer que os alunos do 1º ano
                                                          do,Conhecimento Elaborado,Diversidades de Práticas e
pegaram o ritmo da escola e estão caminhando para a alfa- Caminhos de Reintegração.
betização e o letramento com muita garra e dedicação.Isso        “È necessário alargar o espaço da tenda e alongar as cor-
enche de satisfação a professora e,os pais de orgu-            das,mas igualmente reforçar as estacas,pois você vai se esten-
lho.Parabéns aos alunos e colaboradores!
                                                               der para a direita e para a esquerda.”           (Isaías,54-2)
NE NOTÍCIAS ESCOLARES             Saúde/Cultura/Lazer/Esporte                               Página 13

                                   Se você gosta de uma boa leitura,mas está sem tempo para pro-
                                   curar um bom livro?A solução é dar uma “espiadinha” em
                                   nosso mural.Aqui você encontra sugestões de bons               o
                                                                                             ritm
                                   livros,segundo os alunos leitores.Boa leitura!          m
                                                                                       a,el
                                                                                      sco   a.
                                                                                   a e fest
                                                                                 ss de
                                                                              No




Pessoal do Posto de Saúde
                       palestran-
do sobre Higiene.Os alunos do pe-
ríodo vespertino participaram e
gostaram muito.
                                     Chegou muito cedo na escola?Não quer ficar sentado esperan-
                                     do?Não tem problema,a solução é se divertir um pouquinho an-

Esporte
                                     tes da aula.Tem amarelinha,jogo da velha e muito mais.

                                  Destaque:
                                  Os alunos Elias(6º série) e Douglas(7ª série),participaram de campeo-
                                  nato de JUDÔ,no Clube 29 e receberam medalha de 2º e 1º lu-
                                  gar,respectivamente,em suas categorias.




                            Alunos participaram da CORRIDA RÙSTICA,completaram o percurso.Parabéns!

                               Dica de Saúde (Profª Sônia):
                               Exercite-se diariamente.Pratique sempre uma atividade física,pois
                               o sedentarismo acarreta em doenças.Sabe-se que muitas doen-
                               ças podem ser evitadas ,como obesidade,doenças cardía-
                               cas,hiper tensão,entre outras.Hidrate seu corpo ingerindo bastan-
                               te água e tenha bons hábitos alimentares,coma frutas e verduras.
luno       s
                                                os e a
                LARES                unci onári
NE NOTICIAS ESCO               vel:F            abral
                       esp onsá     Angé
                                         lica C
                  pe r        Profª
             Equi        EEB

  Funcionários:
    Adriana (4º ano), Aline (dança), Beatriz( ciências)
  Cibele (1º ano), Cléria(sup.esc.),Danielle (2º
  prof.),Denise Gonçalves(matemática),Denise Soa-

  res        (assist.educ.), Doraci (serv.ger.), Eliane (orien.

  Esc.),Eva(arte)Fabrício(história),Faida

  (assist.pedag.), Guilherme (SI) Hellen (Lic.) ,Jailson

  (diretor),Janaína(inglês),Josiane(geografia)Mª       Apa-
  recida-Duda(lic.),Mª                       Teresinha
  (ens.relig.),Valdeti(2º e 5º ano),Marlei(lín.port.),Mirele

  (3º         Fátima( ser v. g er. ), Rita (a rt e), Robson
        a no ),

  (capoeira),Sônia(educ.fís.),Shellen(risotolândia)




   Para refletir

   "Rir de tudo é coisa dos tontos, mas não rir de
   nada é coisa dos estúpidos."( Erasmo de Rotterdam)
   "A educação é um processo social, é desen-
   volvimento. Não é a preparação para a vida,
   é a própria vida".(John Dewey)



                                                                  Piadex:
                                                                   O Valor Nutritivo dos Alimentos
                                                                      Para termos uma vida saudável, devemos
                                                                  nos alimentar de forma correta, dizia a pro-
                                                                  fessora.Por isso é importante sabermos o va-
                                                                  lor nutritivo dos alimentos. Paulinha, dê um
                                                                  exemplo de alimento que engorda!
                                                                      Pão, professora... respondeu Paulinha.
                                                                      Exatamente, enfatizou a professora, pão
                                                                  é um dos alimentos que mais engorda.
                                                                      Errado professora, gritou o aluno lá do
                                                                  fundo, O pão não engorda e sim quem o come!
                                                                            Festa na Igreja de São Bernardo.
                                                                                 Foi dia 16/07 (sábado)
                                                                        Teve quitutes ,dança e muito mais!

                                                                  O CEI Bem-Me-Quer,mantida pela PMT,vizinha
                                                                  da escola,atende 38 crianças de 01 à 05 anos de
                                                                  idade.Tem papel socializador,onde o desenvolvi-
                                                                  mento se dá pelas situações que envolvam o E-
                                                                  ducar e Brincar.
                                                                  A entidade comunica que dia 22/07 estará reali-
                                                                  zando sua Festa Julina.Vale lembrar que é uma
                                                                  festa interna onde as crianças estarão usando
                                                                  trajes típicos,tem quitutes e muita diversão.

                                                                  No 2º semestre tem mais    NE - Notícias Escolares.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Guia de planejamento e orientações didáticas 2º ano vol 1
Guia de planejamento e orientações didáticas  2º ano vol 1Guia de planejamento e orientações didáticas  2º ano vol 1
Guia de planejamento e orientações didáticas 2º ano vol 1orientacoesdidaticas
 
Guia de planejamento e orientações didáticas 5º ano
Guia de planejamento e orientações didáticas 5º anoGuia de planejamento e orientações didáticas 5º ano
Guia de planejamento e orientações didáticas 5º anoorientacoesdidaticas
 
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira Camargos
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira CamargosProjeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira Camargos
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira CamargosPaula Tannus
 
Informativo escolar 2012
Informativo escolar 2012Informativo escolar 2012
Informativo escolar 2012Paula Tannus
 
História Colégio Duque de Caxias
História Colégio Duque de CaxiasHistória Colégio Duque de Caxias
História Colégio Duque de CaxiasUrano Andrade
 
Projeto político pedagógico escolas do campo 2011
Projeto político pedagógico escolas do campo 2011Projeto político pedagógico escolas do campo 2011
Projeto político pedagógico escolas do campo 2011Jornadel Pereira da Silva
 
Projeto Político Pedagógico 2014
Projeto Político Pedagógico 2014Projeto Político Pedagógico 2014
Projeto Político Pedagógico 2014bilac02
 
Guia de planejamento e orientações didáticas 4º ano
Guia de planejamento e orientações didáticas 4º anoGuia de planejamento e orientações didáticas 4º ano
Guia de planejamento e orientações didáticas 4º anoorientacoesdidaticas
 
Projeto Educativo
Projeto EducativoProjeto Educativo
Projeto EducativoAnt Mat
 
Projeto Político Pedagógico 2013
Projeto Político Pedagógico 2013 Projeto Político Pedagógico 2013
Projeto Político Pedagógico 2013 Vera Mln Silva
 
E:\Memorialescola Simoneribeiro[1]
E:\Memorialescola Simoneribeiro[1]E:\Memorialescola Simoneribeiro[1]
E:\Memorialescola Simoneribeiro[1]simone
 
Prop geo comp_red_md_20_03
Prop geo comp_red_md_20_03Prop geo comp_red_md_20_03
Prop geo comp_red_md_20_03MARTINSeDU
 
Projeto Político Pedagógico 2014
Projeto Político Pedagógico 2014 Projeto Político Pedagógico 2014
Projeto Político Pedagógico 2014 Karen Dechering
 

Mais procurados (20)

Monografia Cleiton Matemática 2007
Monografia Cleiton Matemática 2007Monografia Cleiton Matemática 2007
Monografia Cleiton Matemática 2007
 
Jornal
JornalJornal
Jornal
 
Guia de planejamento e orientações didáticas 2º ano vol 1
Guia de planejamento e orientações didáticas  2º ano vol 1Guia de planejamento e orientações didáticas  2º ano vol 1
Guia de planejamento e orientações didáticas 2º ano vol 1
 
Coletânea de atividades
Coletânea de atividadesColetânea de atividades
Coletânea de atividades
 
Guia de planejamento e orientações didáticas 5º ano
Guia de planejamento e orientações didáticas 5º anoGuia de planejamento e orientações didáticas 5º ano
Guia de planejamento e orientações didáticas 5º ano
 
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira Camargos
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira CamargosProjeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira Camargos
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira Camargos
 
Informativo escolar 2012
Informativo escolar 2012Informativo escolar 2012
Informativo escolar 2012
 
História Colégio Duque de Caxias
História Colégio Duque de CaxiasHistória Colégio Duque de Caxias
História Colégio Duque de Caxias
 
Projeto político pedagógico escolas do campo 2011
Projeto político pedagógico escolas do campo 2011Projeto político pedagógico escolas do campo 2011
Projeto político pedagógico escolas do campo 2011
 
Projeto Político Pedagógico 2014
Projeto Político Pedagógico 2014Projeto Político Pedagógico 2014
Projeto Político Pedagógico 2014
 
Guia de planejamento e orientações didáticas 4º ano
Guia de planejamento e orientações didáticas 4º anoGuia de planejamento e orientações didáticas 4º ano
Guia de planejamento e orientações didáticas 4º ano
 
Projeto Educativo
Projeto EducativoProjeto Educativo
Projeto Educativo
 
Projeto Político Pedagógico 2013
Projeto Político Pedagógico 2013 Projeto Político Pedagógico 2013
Projeto Político Pedagógico 2013
 
PAA2013 EB1/JI S. Miguel - aepal -
PAA2013 EB1/JI S. Miguel - aepal -PAA2013 EB1/JI S. Miguel - aepal -
PAA2013 EB1/JI S. Miguel - aepal -
 
E:\Memorialescola Simoneribeiro[1]
E:\Memorialescola Simoneribeiro[1]E:\Memorialescola Simoneribeiro[1]
E:\Memorialescola Simoneribeiro[1]
 
Jornal[1]
Jornal[1]Jornal[1]
Jornal[1]
 
Prop hist comp_red_md_20_03
Prop hist comp_red_md_20_03Prop hist comp_red_md_20_03
Prop hist comp_red_md_20_03
 
Coletânea de atividades 4º ano
Coletânea de atividades 4º anoColetânea de atividades 4º ano
Coletânea de atividades 4º ano
 
Prop geo comp_red_md_20_03
Prop geo comp_red_md_20_03Prop geo comp_red_md_20_03
Prop geo comp_red_md_20_03
 
Projeto Político Pedagógico 2014
Projeto Político Pedagógico 2014 Projeto Político Pedagógico 2014
Projeto Político Pedagógico 2014
 

Destaque

Responsabilidade Social e Ética
Responsabilidade Social e Ética Responsabilidade Social e Ética
Responsabilidade Social e Ética Adeildo Caboclo
 
Projeto escola limpa
Projeto escola limpaProjeto escola limpa
Projeto escola limpagalrnproinfo
 
Avaliação bimestral de educação religiosa
Avaliação bimestral de educação religiosaAvaliação bimestral de educação religiosa
Avaliação bimestral de educação religiosaMarcio Moura
 
Atividade avaliativa de ensino religioso 8° ano
Atividade avaliativa de ensino religioso 8° anoAtividade avaliativa de ensino religioso 8° ano
Atividade avaliativa de ensino religioso 8° anoLuciano Mendes
 
PROJETO: “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
PROJETO:  “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...PROJETO:  “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
PROJETO: “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...Seduc MT
 
Avaliação bimestral de educação religiosa 2º ano
Avaliação bimestral de educação religiosa 2º anoAvaliação bimestral de educação religiosa 2º ano
Avaliação bimestral de educação religiosa 2º anoMaria Terra
 
Aula de Ensino Religioso - Resgatando Valores
Aula de Ensino Religioso - Resgatando ValoresAula de Ensino Religioso - Resgatando Valores
Aula de Ensino Religioso - Resgatando Valoreshartmanneli
 
Apostila Para as 40 aulas de Educação Religiosa
Apostila Para as 40 aulas de Educação ReligiosaApostila Para as 40 aulas de Educação Religiosa
Apostila Para as 40 aulas de Educação Religiosaelias pereira
 

Destaque (13)

Responsabilidade Social e Ética
Responsabilidade Social e Ética Responsabilidade Social e Ética
Responsabilidade Social e Ética
 
Atividades ensino religioso pureza
Atividades ensino religioso purezaAtividades ensino religioso pureza
Atividades ensino religioso pureza
 
Plano de ensino ensino religioso 6,7,8,9
Plano de ensino ensino religioso 6,7,8,9Plano de ensino ensino religioso 6,7,8,9
Plano de ensino ensino religioso 6,7,8,9
 
Projeto escola limpa
Projeto escola limpaProjeto escola limpa
Projeto escola limpa
 
Prova diagnostica ensino religioso sirlene
Prova diagnostica ensino religioso sirleneProva diagnostica ensino religioso sirlene
Prova diagnostica ensino religioso sirlene
 
Avaliação bimestral de educação religiosa
Avaliação bimestral de educação religiosaAvaliação bimestral de educação religiosa
Avaliação bimestral de educação religiosa
 
Atividade avaliativa de ensino religioso 8° ano
Atividade avaliativa de ensino religioso 8° anoAtividade avaliativa de ensino religioso 8° ano
Atividade avaliativa de ensino religioso 8° ano
 
Atividade ensino religioso carinho
Atividade ensino religioso carinhoAtividade ensino religioso carinho
Atividade ensino religioso carinho
 
PROJETO: “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
PROJETO:  “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...PROJETO:  “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
PROJETO: “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
 
Ensino religioso vinculo amizade, familia escola
Ensino religioso vinculo amizade, familia escolaEnsino religioso vinculo amizade, familia escola
Ensino religioso vinculo amizade, familia escola
 
Avaliação bimestral de educação religiosa 2º ano
Avaliação bimestral de educação religiosa 2º anoAvaliação bimestral de educação religiosa 2º ano
Avaliação bimestral de educação religiosa 2º ano
 
Aula de Ensino Religioso - Resgatando Valores
Aula de Ensino Religioso - Resgatando ValoresAula de Ensino Religioso - Resgatando Valores
Aula de Ensino Religioso - Resgatando Valores
 
Apostila Para as 40 aulas de Educação Religiosa
Apostila Para as 40 aulas de Educação ReligiosaApostila Para as 40 aulas de Educação Religiosa
Apostila Para as 40 aulas de Educação Religiosa
 

Semelhante a 1 edição

EEB Francisco Mazzola
EEB Francisco MazzolaEEB Francisco Mazzola
EEB Francisco MazzolaEdio Mazera
 
EE Anderson da Silva Soares. docx
EE Anderson da Silva Soares. docxEE Anderson da Silva Soares. docx
EE Anderson da Silva Soares. docxJeca Tatu
 
20 Anos De História
20 Anos De História20 Anos De História
20 Anos De Históriaste_clori
 
Projeto Educativo - ESCOLA DE ACHADA MATO
Projeto Educativo  - ESCOLA DE ACHADA MATOProjeto Educativo  - ESCOLA DE ACHADA MATO
Projeto Educativo - ESCOLA DE ACHADA MATODMEDPraia
 
Proposta pedagógica da unidade escolar
Proposta pedagógica da unidade escolarProposta pedagógica da unidade escolar
Proposta pedagógica da unidade escolarFaida Denise Rodrigues
 
Proposta pedagógica da unidade escolar
Proposta pedagógica da unidade escolarProposta pedagógica da unidade escolar
Proposta pedagógica da unidade escolarFaida Denise Rodrigues
 
Slides-Memórias escolares-Atividade Complementar
Slides-Memórias escolares-Atividade ComplementarSlides-Memórias escolares-Atividade Complementar
Slides-Memórias escolares-Atividade Complementarlhe-educar
 
Projeto Cultivar RibeirãO Bonito
Projeto Cultivar  RibeirãO BonitoProjeto Cultivar  RibeirãO Bonito
Projeto Cultivar RibeirãO Bonitoguest4e047b0
 
Baltazar Noticias 2ª edição
Baltazar Noticias 2ª edição    Baltazar Noticias 2ª edição
Baltazar Noticias 2ª edição Valquiria Bauer
 
Jornal Páginas do EOB (Número 3)
Jornal Páginas do EOB (Número 3)Jornal Páginas do EOB (Número 3)
Jornal Páginas do EOB (Número 3)EOBlog
 
Frei caneca - Histórico
Frei caneca - HistóricoFrei caneca - Histórico
Frei caneca - Históricoleoxpp
 
Jornal 4-publishe r informativo ( 2º bimestre ) 2015 - corrigido
Jornal  4-publishe r informativo ( 2º bimestre ) 2015 - corrigidoJornal  4-publishe r informativo ( 2º bimestre ) 2015 - corrigido
Jornal 4-publishe r informativo ( 2º bimestre ) 2015 - corrigidorosanian
 
SEPTUAGÉSIMO ANIVERSÁRIO DA ESCOLA
SEPTUAGÉSIMO ANIVERSÁRIO DA ESCOLASEPTUAGÉSIMO ANIVERSÁRIO DA ESCOLA
SEPTUAGÉSIMO ANIVERSÁRIO DA ESCOLAMarta Capistrano
 

Semelhante a 1 edição (20)

EEB Francisco Mazzola
EEB Francisco MazzolaEEB Francisco Mazzola
EEB Francisco Mazzola
 
EE Anderson da Silva Soares. docx
EE Anderson da Silva Soares. docxEE Anderson da Silva Soares. docx
EE Anderson da Silva Soares. docx
 
Projeto de intervenção
Projeto de intervenção Projeto de intervenção
Projeto de intervenção
 
Projeto de intervenção
Projeto de intervenção Projeto de intervenção
Projeto de intervenção
 
20 Anos De História
20 Anos De História20 Anos De História
20 Anos De História
 
Projeto Educativo - ESCOLA DE ACHADA MATO
Projeto Educativo  - ESCOLA DE ACHADA MATOProjeto Educativo  - ESCOLA DE ACHADA MATO
Projeto Educativo - ESCOLA DE ACHADA MATO
 
Proposta pedagógica da unidade escolar
Proposta pedagógica da unidade escolarProposta pedagógica da unidade escolar
Proposta pedagógica da unidade escolar
 
Proposta pedagógica da unidade escolar
Proposta pedagógica da unidade escolarProposta pedagógica da unidade escolar
Proposta pedagógica da unidade escolar
 
Jornal "O MAESTRO"
Jornal "O MAESTRO"Jornal "O MAESTRO"
Jornal "O MAESTRO"
 
Slides-Memórias escolares-Atividade Complementar
Slides-Memórias escolares-Atividade ComplementarSlides-Memórias escolares-Atividade Complementar
Slides-Memórias escolares-Atividade Complementar
 
Projeto Cultivar RibeirãO Bonito
Projeto Cultivar  RibeirãO BonitoProjeto Cultivar  RibeirãO Bonito
Projeto Cultivar RibeirãO Bonito
 
Baltazar Noticias 2ª edição
Baltazar Noticias 2ª edição    Baltazar Noticias 2ª edição
Baltazar Noticias 2ª edição
 
Memórias Escolares
Memórias EscolaresMemórias Escolares
Memórias Escolares
 
Jornal Páginas do EOB (Número 3)
Jornal Páginas do EOB (Número 3)Jornal Páginas do EOB (Número 3)
Jornal Páginas do EOB (Número 3)
 
Frei caneca - Histórico
Frei caneca - HistóricoFrei caneca - Histórico
Frei caneca - Histórico
 
Histórico
HistóricoHistórico
Histórico
 
Histórico
HistóricoHistórico
Histórico
 
Jornal 4-publishe r informativo ( 2º bimestre ) 2015 - corrigido
Jornal  4-publishe r informativo ( 2º bimestre ) 2015 - corrigidoJornal  4-publishe r informativo ( 2º bimestre ) 2015 - corrigido
Jornal 4-publishe r informativo ( 2º bimestre ) 2015 - corrigido
 
SEPTUAGÉSIMO ANIVERSÁRIO DA ESCOLA
SEPTUAGÉSIMO ANIVERSÁRIO DA ESCOLASEPTUAGÉSIMO ANIVERSÁRIO DA ESCOLA
SEPTUAGÉSIMO ANIVERSÁRIO DA ESCOLA
 
Historicoescolar
HistoricoescolarHistoricoescolar
Historicoescolar
 

Mais de Faida Denise Rodrigues (19)

Informativo_1 Ano de PIBID
Informativo_1 Ano de PIBIDInformativo_1 Ano de PIBID
Informativo_1 Ano de PIBID
 
Jornal da Escola_5ª Edição
Jornal da Escola_5ª EdiçãoJornal da Escola_5ª Edição
Jornal da Escola_5ª Edição
 
4ª edição
4ª edição4ª edição
4ª edição
 
Publicação1
Publicação1Publicação1
Publicação1
 
Projeto tosco em ação escola e editora alvorada
Projeto tosco em ação escola e editora alvoradaProjeto tosco em ação escola e editora alvorada
Projeto tosco em ação escola e editora alvorada
 
2ª edição
2ª edição2ª edição
2ª edição
 
Lira
LiraLira
Lira
 
Estatuto escaneado no word
Estatuto escaneado no wordEstatuto escaneado no word
Estatuto escaneado no word
 
Lira
LiraLira
Lira
 
Lira
LiraLira
Lira
 
Lira
LiraLira
Lira
 
Lira
LiraLira
Lira
 
Regras 2011
Regras 2011Regras 2011
Regras 2011
 
Regras 2011
Regras 2011Regras 2011
Regras 2011
 
Calendário escolar 2011
Calendário escolar 2011Calendário escolar 2011
Calendário escolar 2011
 
Calendário escolar 2011
Calendário escolar 2011Calendário escolar 2011
Calendário escolar 2011
 
Calendário
 Calendário Calendário
Calendário
 
Calendário
 Calendário Calendário
Calendário
 
Escola
EscolaEscola
Escola
 

Último

Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptxSanta Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptxMartin M Flynn
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASyan1305goncalves
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoIlda Bicacro
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...Manuais Formação
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoVALMIRARIBEIRO1
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfManuais Formação
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptorlando dias da silva
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguaKelly Mendes
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasMonizeEvellin2
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorialNeuroppIsnayaLciaMar
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 

Último (20)

Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptxSanta Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 

1 edição

  • 1. Ano 1 Edição 1 Tubarão/SC,Julho/2011 A EEB.Professora Angélica Cabral, está situada na Rua Manoel Medeiros nº 75 no Bairro São Bernardo , município de Tubarão -SC. A primeira forma de escola na comunidade de São Bernardo, foi instalada no Centro Catequético per- Memorial Dona Angélica nasceu tencente à Mitra Diocesana de Tubarão, no próprio em Laguna, a 21 de outubro de 1901. bairro no ano de 1962, com 60 alunos e 02 professo- Ainda criança, transferiu-se com a ras.Posteriormente foi legalizada pelo decreto família para Florianópolis, onde conti- nuou seus estudos. nº 1420/CEE aos 21/05/1962 como Escola Isolada EEB. Profª Angélica Cabral Formou-se normalista de São Bernardo, transferindo seu funcionamento pelo Instituto Estadual de Educação, para uma casa domiciliar de madeira, locada pelo governo estadual para o desen- 1918. Lecionou pela primeira vez numa volvimento de aulas em regime multiseriado, com 80 alunos de 1ª a 4ª série e 02 escola de São José e logo depois de inaugurado o Grupo Escolar Hercílio professoras.Em 1978 foi construída pelo governo estadual a Escola Reunida Pro- Luz, veio para Tubarão, como uma de fessora Angélica Cabral.No ano de 1987 torna-se Escola Básica, com a criação do suas primeiras professoras. ensino das series de 5ª a 8ª, complementando o Ensino Fundamental.Assim sen- Por essa época conhe- do, percebe-se que paralelamente a evolução geográfica da unidade escolar fatos ceu Manoel Sanardo Cabral com quem históricos marcaram estas décadas.Toda esta evolução traz em seu bojo a luta de veio a se casar em 02 de agosto de1923. muitas pessoas comprometidas com a Educação de qualidade para uma comuni- O casal teve seis filhos.No exercício de sua profissão, dona Angélica lecionou dade tão especial, que é São Bernardo.Dentre tantas pessoas que marcaram com também em Canoinhas e Braço do suas lutas e bandeiras podemos destacar:Equipe de Gestores; Professo- Norte. Mais tarde como diretora inau- res;Pais;Funcionários;Lideranças Comunitárias;Alunos;Autoridades Políticas gurou o Grupo Escolar Carlos Gomes, de Imaruí, e o Grupo Escolar Joaquim municipais, estaduais e federais.Entretanto os desafios continuam.No ano de Domingues de Oliveira, em Braço do 2008, inaugura-se a reforma geral , com a ampliação de mais 2 salas; totalizando Norte. Em 1944 veio removida como 08 salas de aulas.Contudo, as ações pedagógicas que permeiam a relação da a- diretora para o Grupo Escolar Visconde prendizagem estão em constantes inovações intencionalizando a concretização de de Mauá aposentando-se alguns anos depois, por tempo de serviço. um Projeto Político Pedagógico pautado em uma concepção de educação histórico- cultural ,num trabalho interdisciplinar e na interação social, buscando a totalida- Depois de aposentada, para matar a saudade, lecionou um de do conhecimento e o desenvolvimento da cidadania responsável, autônoma e ano no Colégio São José. participativa na formação da sociedade , tanto nos aspectos que se referem a Logo após a enchente seus problemas e também em seus avanços. de março de 1974, começaram a apare- cer os primeiros sinais da doença que a vitimaria, a arteriosclerose. Virou Notícia Perdeu o marido em 25 de abril de 1979, e seus filhos sabiam que, então não duraria muito. Nove Municipalização meses e uma semana depois a 1º de fevereiro de 1980, faleceu as 10:30 Greve da Educação horas da manhã. Ao morrer, além dos seis filhos, deixou 28 netos e 34 bisnetos. Nesta edição: Projetos/atividades 02 Especificidades 06 Sociais 09 Especial 10 Alunos 11 Saúde/Cultura/Lazer/Esporte 13 Diversão 14
  • 2. Ano 1 Edição 1 NE NOTÍCIAS ESCOLARES Projetos/Atividades Ano 2011 Os trabalhos do ano de 2011 tiveram inicio no dia 07/02,sendo que a semana transcorreu com várias reuniões e palestras tendo por objeti- vo avaliar os trabalhos do ano anterior,traçar metas e articular os trabalhos para o ano que se inicia,além é claro,da decoração para espera dos alunos,que é marca registrada da escola.Seguindo a a- genda da semana, estava em pauta o planejamento,em que professo- res puderam trocar idéias e experiências e assim,enriquecer seu dia- a-dia na sala de aula. Após esta semana,os alunos foram recebidos,dando inicio as ativida- des e projetos da UE. ino Ens Retorno às atividades....muita alegria e expectativas is do s de para o novo ano que se inicia.A Profª Hellen ainda a fina regr ries m as . sé ra estava grávida e ganhou até um chá de bebê. das ia 011 os ntal,cr ncia 2 a lun me vê Com a colaboração e participação de alu- Os nda convi Fu nos,professores e funcionários,entra em cena o bloco “Fraternidade e Vida no Planeta”. Algumas das fantasias usadas na folia foram con- feccionadas com a ajuda dos professores,outras foram trazidas de casa para participação na foli- a.Teve até desfile. CARNAVAL 2011 Funcionários e alunos caindo na folia.
  • 3. NE NOTÍCIAS ESCOLARES Página 3 A celebração de Páscoa contou com todo corpo de funcioná- rios e alunos.Professores e alunos,do 1º ano até a 8ª sé- rie,participaram e proporcionaram momentos de muita emoção.Teve guloseimas,boa música e teatro, o “lava pés”,tradição religiosa,apresentado pelos alunos. Os alunos do 1º e 2º anos,participaram da celebração de Na oportunidade foi celebrada a partilha do pão . Páscoa. Houve apresentação por parte dos mesmos enfocando a questão de valores trabalhados em sala de aula pelas professoras das turmas.Durante a semana que antece- deu o domingo de Páscoa,as professoras confecciona- ram e distribuíram lembrancinhas, doces e gulosei- mas.O ultimo dia de comemorações culminou com a visita do coelhinho da Páscoa,ao vivo,para a alegria da criançada. Turma do 4º ano,professora Adriana,também participando da celebração de valores em comemoração a Páscoa. O 3º ano da Profª Mirele,fez bonito na apresentação teatral .Os alunos mostraram muita desenvoltura ao representar seus papéis e claro,deram um show. . No dia da celebração de Páscoa,os alunos do 5º ano da professora Valdeti e da professora Danie- le(2ºprof.),apresentaram um número musical,sendo que o acompanhamento do vio- lão foi feito pelos alunos Higor e Lucas,que ali- ás,estão sempre prestes a se apresentar,é só chamar.
  • 4. Ano 1 Edição 1 NE NOTÍCIAS ESCOLARES No Salão Paroquial do Bairro,dia 06 de Maio,as mães da escola foram homenageadas.A decoração estava im- pecável e o jantar delicioso. Foram distribuídos presentes para as mães,também teve sorteios e brincadeiras.O evento teve um número bem expressivo de presença das mães.Confira nas fotos os melhores momentos. As Mães..... se divertindo pra valer!
  • 5. NE NOTÍCIAS ESCOLARES Página 5 Verdolina e Rosalina As contadoras de história,Adriana e Fábia tiveram na escola,para uma tar- de divertida com os alunos de 1º ,2º e 3º ano. Tamanha foi a alegria das crianças com este momento,que no dia 26/05 foram até o Centro Municipal de Cultura,para apreciarem mais uma vez as belas histórias de ambas.Vale lembrar que os alunos de 4º e 5º ano,também foram convidados e se fizeram presentes. Na ocasião contaram história sobre nossa cidade,os alunos da escola fize- ram questão de presenteá-las com cartinhas carinhosas.Os alunos,Arthur e Nathan,foram convidados a subir ao palco e deram um “palhinha” da sua cantoria aos presentes. Arte A Profª Rita,de Arte trabalhou com a turma do 4ºano de modo que os alunos confeccionas- sem fantoches e teatralizassem. Encenando uma bela história.Merece destaque também,os instru- mentos musicais confeccionados por eles com uso de vários objetos como pratos descartá- veis,papéis...após aula que enfatizou os sons e os ritmos.Parabéns pelo belo trabalho! te,Eva, junto com A também Profª de Ar - rie,após refletirem so seus alunos da 8ª sé s s no Brasil,Mulhere bre temas como:Idoso e outros,criaram ver- nos dias de hoje,entr te.A mesma também dadeiras obras de ar uda às mães que gos- faz um trabalho de aj r á dicas de como faze tam de fazer tricô.D uito mais. cachecóis,blusas e m
  • 6. Ano 1 Edição 1 NE NOTÍCIAS ESCOLARES Especificidades A professora Beatriz de Ciên- cias , juntamente com os alu- 7ª série Papel Reciclado nos da 7ª série, estão traba- lhando para a confecção de papel reciclado. A idéia é participar de uma mostra de traba- lhos,confeccionando vários modelos de objetos usando esta técnica. A supervisora escolar apoiou a ideia e está dando a maior for- ça. 8ª série O sorteio da cesta de Páscoa,foi uma ini- ciativa das Profªs. Sônia e Janai- na,gerentes da 8ª série,que contaram com a colaboração de todos os funcioná- rios através de doações de doces e gulo- seimas.O objetivo da cesta é de angariar fundos para os formandos 2011. colar ora es a s upervis ta e fo i Cléria, da c es ara D. Serviços Gerais m bilh ete esma p ou u ão da m o de Compr a d oa ç o gest é m fez nidad e.Bonit da,por a comu sortea do r a d ra da ,mo Ana Zil . iedade solidar Cleber é o professor do PROERD,que tem por ob- PROERD jetivo manter nossas cri- anças longe do uso de dro- gas. Doraci e Fátima são responsáveis pela limpeza Ele profere aulas nas da unidade,proporcionando um ambiente limpo quintas-feiras,para a tur- e saudável ,favorável ao processo ensino- ma do 4º ano.Não precisa aprendizagem. dizer que as crianças cur- tem muito esta au- O slogan adotado por ambas é de que :”escola la.Quando se formam ao limpa não é a que mais se limpa,mas sim a que final do ano,é sempre menos se suja”. uma grande festa.
  • 7. NE NOTÍCIAS ESCOLARES Página 7 Merenda Escolar A merenda é composta por ali- mentos adequados.Garante a energia e os nutrientes neces- sários para o crescimento e desenvolvimento da criança. Ela resulta em um melhor de- sempenho escolar e evita hábi- tos alimentares inadequados. Pensando nisso,a responsável pela merenda na unida- de,Shellen,faz sempre um car- dápio diversificado,gostoso e atende a todos com muito cari- nho.È ela quem rece- be,confere ,armazena e zela pela higiene,conservação e pre- paro dos alimentos. Sala Informatizada A Escola desbravando fronteiras através da Sala Informatizada. Visite-nos no blog: eebangelicacabral.blogspot.com O Profº. Guilherme, responsável Visite-nos também no orkut: pela sala informatizada,atende a eebcabral comunidade escolar,seguindo agen- Nosso email: da combinada com professores e eebangelicacabral@yahoo.com.br alunos. Propicia um atendimento rápido e eficaz ,de maneira a tornar a aula do professor regente,mais dinâmica e produtiva. Biblioteca A Biblioteca,O local também fica dedisposição para pesquisas que deverão pré- por vinculada a Escola a Educação Básica Profª Angélica Cabral, tem finalidade oferecer acesso a pesquisa, consulta e empréstimo de seu acervo, destina- agendadas pelo professor solicitante cabendo ao responsável pela Biblioteca do, prioritariamente, aos alunos regularmente matriculados na UE, professores,funcionários e providências quanto ao assunto solicitado ao usuário. comunidade em geral.Rege-se pelo PPP – Plano Político Pedagógico da UE.O objetivo da Biblio- teca é reunir, organizar e disseminar informações em seu acervo , visando atender consultas, estudos, pesquisas e empréstimo. A Biblioteca funciona de segunda à sexta feira, das 07:30 às 11:30 e das 13:15 às 17:15, durante o ano letivo.Iniciativas de incentivo à leitura foram adotadas, como o Rodízio Literário que consiste no empréstimo de um livro, escolhido pela criança, sob orientação do professor,com dias e horários pré-estabelecidos,uma vez por semana,onde os alunos levam para casa .Para o melhor cuidado e preservação deste livro,cada criança do 1º ao 5º ano, recebe uma bolsa para transportá-lo. Ainda,para que a criança possa divulgar sua leitura,as mesmas podem fazer um apanhado geral do livro, em forma de desenho inclusive,que fica exposto em lugar estratégico nas dependências da escola,para apreciação dos demais,servindo de referência para outras crianças na hora da escolha do próximo livro.A Biblioteca também fica a disposição para pesquisas que deverão pré-agendadas pelo professor solicitante cabendo ao responsável pela Biblioteca providências quanto ao assunto solicitado ao usuário.
  • 8. Ano 1 Edição 1 NE NOTÍCIAS ESCOLARES Secretaria/Direção A assistente de Educação Denise,juntamente com o diretor Jailson,esmeram-se na qualida- de do atendimento e prestação de serviço a alunos,professores e toda a comunidade. Denise, coordena e executa todos os trabalhos relativos a secretaria da escola.Organiza e expede em tempo hábil todos os documentos como:notas de alunos,atas,ofícios,documentos e processos administrativos referentes ao servidor.È dela a responsabilidade de assinar junta- mente com o diretor,toda a documentação expedida,inclusive diplomas e certificados.Também registra e mantém atualizado os assentamentos funcionais compatíveis ao cargo. O gestor escolar,juntamente com os demais profissionais de cada setor, articu- la maneiras e material humano para que os projetos e atividades possam acon- tecer. Tem a incumbência de ter todos os segmentos da UE sob sua supervisão afim de dinamizar os trabalhos e promover a sua realização ,além da parte bu- rocrática pertinente ao cargo. Especialistas A Supervisão Escolar entre suas atribuições,está a de participar da elaboração da pro- posta pedagógica escolar,planejar,acompanhar e avaliar as ações didáticos-pedagógicas de acordo com as diretrizes e metas previstas no PPP.Procura mediar a competência docente,considerando o saber,as experiên- cias e as metodologias dos professores,disponibilizando recursos didáticos para auxiliá-los.Estabelece parcerias de apoio nos planejamentos,participa nos conselhos de classe e por fim,faz o acompanhamento do currículo esco- lar. O Serviço de Orientação Escolar consiste em participar e articular da ela- boração do P.P.P,colaborar e promover a função social da escola,contribuir para a articulação pedagó- gica teoria/prática,estimular e promover a participação de todos os espaços de gestão democrática ,como:Conselhos de Classe Participativo,Equipe de Estudantes Organizados(ELO),APP e Conselho Deliberati- vo.È esta profissional que acompanha a aprendizagem do aluno e ocorrências nas aulas,faz também a media- ção escola/família,elabora projetos,acompanha a freqüência escolar,encaminha e acompanha ações da escola para parcerias nas redes sociais,acompanha e avalia estagiários na área de orientação educacional.Busca a promoção através de reflexões,sobre Ética/Cidadania/Meio Ambiente/Saúde/Educação Sexual e Pluralidade Cultural. Cléria (Supervisora Escolar) e Eliane (Orientadora Escolar) Dança Capoeira A Profª Aline Rebelo,ministra aula de dança aos alunos da uni- dade,onde os alunos que estudam de manhã vem a tarde e vice-versa. Vale lembrar que a escola no ano de 2010 participou de vários eventos com o grupo,inclusive em competições,obtendo bons resultados. (por fotos) O mestre Robson,utiliza as de- pendências da escola para dar noções básicas de Capoeira aos alunos do 1º ano á 8ª série da unidade.Está iniciativa é muito bem vista pela comunidade es- colar.
  • 9. NE NOTÍCIAS ESCOLARES Página 9 Gerentes de turma /Líderes organizados Virou Notícia: 86ª Série Greve dos profissionais da educação Gerente:Marlei Mendes de Souza Após divulgação da obrigatoriedade do pagamento do Piso Nacional ELO:Gabriel Vieira da Silva pelo governo estadual ao pessoal do magistério,foram feitas algu- Geisy Januário Frederico mas tentativas de negociação,entre Sindicato e Governo,sem partir Muriel Querino Rosa para a greve.Porém não houve acordo,sendo a greve deflagrada.Os 7ª Série profissionais da Educação da rede pública estadual,decretaram Gerente:Josiane Estevão Nasário greve no dia 18/05.Várias reuniões e assembléias acontece- ELO: ram.Professores da UE que participaram da greve,retornaram após Laís Claudino Zeferino 40 dias e com descontos .Até então,a proposta apresentada pelo Mateus Maximiano da Silva governo não atendeu aos anseios da classe,já que tem achatamento Murilo Querino Rosa salarial e perdas de conquistas históricas conseguidas pela catego- 8ª Série ria.A reposição de conteúdos será feita no recesso do mês de Ju- Gerente:Janaína C. Fernandes lho. Sônia ReginaPansera Também a rede pública municipal decretou greve pelo mesmo moti- ELO:Bruna Braz Haising vo,sendo que o desfecho se deu com o retorno dos professores às Sabrina Camilo Vieira salas de aula no dia 29/06,depois de 30 dias em greve.Sabe-se que Sociais/Aniversariantes o acordo não satisfez a todos os docentes. Janeiro Dia 02/ 02,nasceu o João,filho da Profª. Hel- 01-Eliane(Orint.Esc.) len.Desejamos muitas felicidades para a família. 12-Adriana(Pofª 4º ano) 14-Duda (Serv. Ger.) Dia 08 de junho,faleceu aos 43 anos a profª Maria Aparecida (Cida),que foi diretora do CEI Bem-me-Quer e atuou em várias unidades escolares 16-Doraci(Serv. Ger.) da rede pública municipal,deixando muita tristeza nos corações daque- 31-Cibele(Profª 1º ano) les que a conheciam e por ela tinham respeito,carinho e admiração. Fevereiro 03-Beatriz(Profª Ciências) Municipalização Não 06-Sônia(Pofª Educ. Física) Sobre a matéria veiculada nos meios de comunicação (DS),no dia 17-Rita (Profª Arte) 26/05 que referia-se a cedência de salas da EEB Profª Angélica 18-Marlei(Profª L. Portug.) Cabral ao CEI Bem-me-Quer,soou na comunidade como a municipa- 18-Faida(Assis. Tec.Pedagógico) lização batendo às portas da UE.Os pais se mobilizaram e usaram o Março rádio para dizer que não ficariam de braços cruzados se a munici- 12-Fátima(Serv. Ger.) palização chegasse até a escola.Para esclarecimentos,foi chamada 19-Jailson(Diretor) reunião de pais pela direção que fez uso da entrevista do Secretá- Abril rio de Desenvolvimento Regional,Haroldo de Oliveira Silva,onde ex- 18-Hellen(Lic. Maternidade) plicou a situação e disse que tudo não passou de palavras mal colo- 25-Valdeti(Profª do 2º e 5º ano) cadas.Já a direção do CEI,achou melhor não ocupar as dependên- 26-Guilherme (Sala Inform.) cias cedidas,pelo menos, por hora.Porém,em entrevista ao Jornal Maio Notisul(08/07),o Secretário Felipe Felisbino disse o seguinte:”O 22-Josiane(Profª Geografia) Dura(Secretário Regional), nos apresentou uma proposta inicial, que é a mu- nicipalização de 10 a 13 escolas que tem apenas o ensino fundamental...... 30-Aline(Profª Dança) Decidindo agora, já municipalizamos a partir do próximo ano....Neste ponto, Julho eu vejo com bons olhos a municipalização.....” 12-Janaína(Profª Inglês) Vamos aguardar os desfechos. 19-Denise G.(Profª Matemática)
  • 10. Ano 1 Edição 1 NE NOTÍCIAS ESCOLARES O nome do jornal da escola foi escolhido através das suges- c urso tões dos alunos na sala de aula.Feito isto, no grande no Con grupo,houve a escolha daquele que agora é o nome oficial do Jornal da Escola Angélica Cabral. O criador do nome foi o aluno DAVI da 7ª série. Parabéns a todos que participaram com suas belas idéias e sugestões. ria Apos entado A professora MARIA VALDETI BOSCHETI MISSAU,natural de Içara,foi casada com Waldemar(in memorian),é mãe de dois filhos, Gustavo e Eduardo.Formada em Pedagogia,desde 1976,na extinta FESC.Começou sua carreira no Colégio Senador Francisco Benjamin Gallotti, no ano 1972.Fez concurso, foi nomeada em 1981 , carga horária de 20 horas semanais, na E.I. Morro de Fátima. Se removeu também por con- curso, para E.I. Santa Terezinha, Município de Tubarão em 1982. Na EEB Profª Angélica Ca- bral,ingressou no ano de 1986,de onde sai para sua aposentadoria. Com mais de 30 anos dedicados ao serviço do ma- gistério,em sala de aula com alunos das séries ini- ciais,a referida professora,não retornará no mês de Agosto.Passa a usufruir de sua licença prêmio aguardando sua tão esperada e merecida aposen- tadoria.Começa a viver um novo momento,uma no- Desenho do aluno Higor va história.Foi uma bela carreira,com certeza muitos carregarão consigo,boas recordações do 5º Ano seu convívio.Vale lembrar que muitos que hoje são pais de alunos do bairro São Bernardo,foram alunos da Profª Valdeti .Por enquan- to, a mesma diz que não tem planos,apenas ficar na cama até mais tarde,não ser mais escrava do relógio,quer um pouco de “sombra e água fresca”,mas deseja dedicar-se ao cultivo de seu belo jardim.Para nós,seus colegas,só nos resta parabenizá-la por seus serviços e lhe desejar muitos anos cheios de felicidades para viver seus novos sonhos . Parabéns e obrigada Valdeti! Deus fez os abismos para que o homem compreendesse as montanhas. Fez o fogo para que o homem valorizasse as águas. E fez você para que com Êle descobrisse a vida que há pela sua frente e encontrasse a felicidade. Portanto..Seja Feliz!
  • 11. NE NOTÍCIAS ESCOLARES Pagina11 Espaço do Aluno As turmas da profª Valdeti, deram uma verdadeira aula de cidadania. A discussão em sala foi sobre a questão ambiental e regras de convivência .Pode-se perceber que o trabalho foi bem produtivo,resultando em belos cartazes. Segundo a Tia Mirele,do 3º ano,seus alunos estão de- senvolvendo cada vez mais suas habilidades de leitu- ra e escrita,produções textuais claras e objeti- vas.Segundo ela, suas produções são NOTA 10.Também são artistas,desenham muito bem.Veja abaixo. O 4º ano está trabalhando intensamente com produ- ções textuais,para isso,está produzindo um caderno com lindos textos contextualizados aos conteúdos trabalhados.Breve haverá exposição dos traba- lhos,cujo nome do projeto é “Minhas Escritu- ras”.Aguarde!
  • 12. Ano 1 Edição 1 NE NOTÍCIAS ESCOLARES “Olá Nobre Jornalista.Bom, tenho 17 anos estou me formando esse ano no Ensino Médio, assim como qualquer jovem tenho sonhos e acredito Estou com você em ações e atitudes das pessoas. Sim, ainda acredito. Sabe amigo, você Oi Guilherme, meu nome é Aline e sou uma passa 13 anos na escola, você cria amigos, é verdade que você terá muitas discussões com professores, direção, pais e colegas. Mas sabe o estudante da 8ª série da escola Angélica Ca- melhor disso tudo, Somos uma Família. E como família, nossas desa- bral. venças geram união, existem excessões, mas formaturas são emocio- Venho por meio desta carta lhe parabenizar nantes muito mais pelos laços que se quebrarão entre alunos e alunos, e alunos e professores. Sabe, hoje agradeço muito por ter tido no Ensi- por suas críticas e opiniões.Vejo que você é no Médio professores que me fizeram pensar, vejo a cada a podridão um dos poucos jovens da sociedade que acre- desse sistema. Vejo bombeiro sendo presos por salvarem vidas, vejo dita em um futuro melhor.Estou aqui para professores esnobados por formarem vidas, e vejo deputados ganhando dizer que “estou com você”.Achei o muito muito por destruirem vidas. E sabe como eu, como estudante, integrante da chamada futura gera- corajoso.Você me passou uma visão de um ção me sinto nisso tudo? Um lixo, e não tem sentimento maior, do que menino de caráter e de muita responsabili- você olhar para livros, assuntos, vestibulares e se sentir impotente. dade. “Estou com você”e acredito em um futuro Não tem sentimento pior do que ver professores, aqueles mesmo com melhor para as próximas gerações.Acredito, quem ja discuti e muito, sofrendo, rezando, se emocionando. como você,no potencial de cada professor que Já me perguntaram por que eu faço tudo isso, por que Guilherme? A resposta está lá no início, EU ACREDITO, nas pessoas, nos estudos, passa em nossas vidas.Eles são os consel- nos relacionamentos e na sociedade. Os motivos para acreditar são heiros da vida ,eles que formam mentes pouquíssimos, mas eu acredito por que tive na 5ª série uma professora como as nossas,que fazem acreditar que um que me disse, Ler é Fantástico. Mas eu acredito, por que quando iniciei dia,ainda haja justiça em nossa so- o Ensino Médio, um professor me perguntou, você é só isso que diz? ciedade.“Estou com você” e digo aos profes- Mas eu acredito, por que minha escola teve direções que me deram desafios. E venci aqueles que me foram propostos. E sabe por que? Por sores:“não parem de lutar,pois sem vocês não há que eu ACREDITEI. nada,como iremos aprender a E como fica o Guilherme nessa história? Ele fica até tarde falando aos ler,escrever,contar....” professores, não desistam. E muitos me perguntam, por que tu Gui- lherme apoias os professores? Eu não apoio somente professores, eu Caro Governador do Estado de Santa Catari- apoio o Futuro, um futuro no qual eu ainda ACREDITO. na,o que seria de vocês sem os professo- Muitos estudantes não se interessam, pais esnobam esses assuntos. Só res,vocês estariam onde estão?Calma,deixa digo a eles, estão destruindo a vida de seus filhos. que eu mesma respondo a vocês: Estou decepcionado com tudo nobre jornalista, com governo, pessoas e “Não,vocês não estariam onde estão,pois sociedade em geral, mas não deixarei de ACREDITAR, pois no fundo do túnel há uma luz e quando ela chegar, estarei lá dizendo: VENHAM não saberiam ler ou escrever e nem essas pa- AMIGOS, PESSOAS, PAIS, CRIANÇAS, VAMOS JUNTOS FAZER lavras difíceis saberiam falar.Agradeçam UM NOVO COMEÇO! aqueles professores que um dia foram seus Mas enquanto isso, Guilherme se reserva a escrever ao nobre jornalis- mestres e ensinaram o que sabem hoje. ta, e de manifestar seu apoio aos professores. Não desistam professores, por favor não desistam. Se hoje penso, e Querido Guilherme,queria lhe dizer que no existo é graças a vocês, que me deram um livro ao invés de drogas, que que você precisar,conte com meu apoio,pois me deram uma critica ao invés de elogio, que me deram um desafio ao nós somos o manhã.Continue lutando com invés de um sofá. toda sua garra pois é de pessoas como você Lhes digo de coração: NÃO DESISTAM. A batalha é árdua, a luta difí- cil, mas a união é imbatível.- Que fique claro nobre jornalista eu não que o mundo precisa. vou 4 horas diárias a um lugar de quatro paredes usado como deposito Abraços de crianças, EU VOU A UMA ESCOLA COM MUITO ORGU- LHO!Abraços,Guilherme Wagner, São João do Oeste.” Aline Silva dos Santos A Profª Marlei(LP),através da carta do estudante Guilherme(acima),enviada ao blog do jornalista Moacir Pereira no dia 26/06,fez reflexões em sala de aula sobre a atual situação da educação catarinense.Após considerações foi sugerido que os alunos da 8ª série escrevessem uma carta resposta ao estudante.Os resultados foram surpreen- dentes,como mostra o exemplo da aluna Aline. A Profª Cibele do 1º ano,dentre as atividades desenvolvi- A Profª Teresinha,diz que o Ensino Religioso tem um pa- das no 1º semestre,destaca o Projeto de Dia das Mães.Com pel muito importante no desenvolvimento do educando,pois o objetivo de enfatizar e ensinar a criança o verdadeiro proporciona o despertar do espírito de participação adqui- sentido da família,dos direitos e dos deveres das crianças e rindo critérios para a formação de seus juízos de valores e o valor das Mães principalmente Também serviu para discutir e enfatizar valores como aprofundando motivações para a verdadeira cidadani- agrade- cer,amar,respeitar,ajudar e compreender o corre-corre do a.Além disso ele terá o conhecimento para a formulação de dia-a -dia. conceitos de:Ser Humano,Conhecimento Revela- A Profª orgulha-se em dizer que os alunos do 1º ano do,Conhecimento Elaborado,Diversidades de Práticas e pegaram o ritmo da escola e estão caminhando para a alfa- Caminhos de Reintegração. betização e o letramento com muita garra e dedicação.Isso “È necessário alargar o espaço da tenda e alongar as cor- enche de satisfação a professora e,os pais de orgu- das,mas igualmente reforçar as estacas,pois você vai se esten- lho.Parabéns aos alunos e colaboradores! der para a direita e para a esquerda.” (Isaías,54-2)
  • 13. NE NOTÍCIAS ESCOLARES Saúde/Cultura/Lazer/Esporte Página 13 Se você gosta de uma boa leitura,mas está sem tempo para pro- curar um bom livro?A solução é dar uma “espiadinha” em nosso mural.Aqui você encontra sugestões de bons o ritm livros,segundo os alunos leitores.Boa leitura! m a,el sco a. a e fest ss de No Pessoal do Posto de Saúde palestran- do sobre Higiene.Os alunos do pe- ríodo vespertino participaram e gostaram muito. Chegou muito cedo na escola?Não quer ficar sentado esperan- do?Não tem problema,a solução é se divertir um pouquinho an- Esporte tes da aula.Tem amarelinha,jogo da velha e muito mais. Destaque: Os alunos Elias(6º série) e Douglas(7ª série),participaram de campeo- nato de JUDÔ,no Clube 29 e receberam medalha de 2º e 1º lu- gar,respectivamente,em suas categorias. Alunos participaram da CORRIDA RÙSTICA,completaram o percurso.Parabéns! Dica de Saúde (Profª Sônia): Exercite-se diariamente.Pratique sempre uma atividade física,pois o sedentarismo acarreta em doenças.Sabe-se que muitas doen- ças podem ser evitadas ,como obesidade,doenças cardía- cas,hiper tensão,entre outras.Hidrate seu corpo ingerindo bastan- te água e tenha bons hábitos alimentares,coma frutas e verduras.
  • 14. luno s os e a LARES unci onári NE NOTICIAS ESCO vel:F abral esp onsá Angé lica C pe r Profª Equi EEB Funcionários: Adriana (4º ano), Aline (dança), Beatriz( ciências) Cibele (1º ano), Cléria(sup.esc.),Danielle (2º prof.),Denise Gonçalves(matemática),Denise Soa- res (assist.educ.), Doraci (serv.ger.), Eliane (orien. Esc.),Eva(arte)Fabrício(história),Faida (assist.pedag.), Guilherme (SI) Hellen (Lic.) ,Jailson (diretor),Janaína(inglês),Josiane(geografia)Mª Apa- recida-Duda(lic.),Mª Teresinha (ens.relig.),Valdeti(2º e 5º ano),Marlei(lín.port.),Mirele (3º Fátima( ser v. g er. ), Rita (a rt e), Robson a no ), (capoeira),Sônia(educ.fís.),Shellen(risotolândia) Para refletir "Rir de tudo é coisa dos tontos, mas não rir de nada é coisa dos estúpidos."( Erasmo de Rotterdam) "A educação é um processo social, é desen- volvimento. Não é a preparação para a vida, é a própria vida".(John Dewey) Piadex: O Valor Nutritivo dos Alimentos Para termos uma vida saudável, devemos nos alimentar de forma correta, dizia a pro- fessora.Por isso é importante sabermos o va- lor nutritivo dos alimentos. Paulinha, dê um exemplo de alimento que engorda! Pão, professora... respondeu Paulinha. Exatamente, enfatizou a professora, pão é um dos alimentos que mais engorda. Errado professora, gritou o aluno lá do fundo, O pão não engorda e sim quem o come! Festa na Igreja de São Bernardo. Foi dia 16/07 (sábado) Teve quitutes ,dança e muito mais! O CEI Bem-Me-Quer,mantida pela PMT,vizinha da escola,atende 38 crianças de 01 à 05 anos de idade.Tem papel socializador,onde o desenvolvi- mento se dá pelas situações que envolvam o E- ducar e Brincar. A entidade comunica que dia 22/07 estará reali- zando sua Festa Julina.Vale lembrar que é uma festa interna onde as crianças estarão usando trajes típicos,tem quitutes e muita diversão. No 2º semestre tem mais NE - Notícias Escolares.