SlideShare uma empresa Scribd logo
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA
INTRODUÇÃO
A História da Educação Física relaciona-se com todas as ciências que estudam o passado e o
presente das atividades humanas e a sua evolução. O homem, condicionado à situações de ser
pensante, desempenhou, em todas as etapas da vida, um papel importante na história da
educação física, a qual se propõe a investigar a origem e o desenvolvimento progressivo de
suas atividades físicas, através do tempo: sua importância, as causas de seu apogeu e da sua
decadência.
PERÍODO PRÉ-HISTÓRICO
Estuda a origem e a prática da educação física desde o aparecimento do homem sobre a terra,
ao início da antiguidade oriental. Nessa época os homens praticavam uma educação física
natural com o intuito de sobrevivência, para manter o sustento da tribo precisavam caçar
animais de grande porte, o que exigia deles um bom preparo físico para correr atrás da fera e
matá-la.Também percorriam longas distâncias devido a sua característica nômade, além de
sobrepujar o mais fraco pela força.
HOMO ERECTUS
Idade da Pedra: Época em que os instrumentos eram feitos de "Sílex".
FILME INDICADO: A GUERRA DO FOGO.
GRÉCIA
A exercitação do corpo constituía meio para formação do espírito e da moral. O ideal da beleza
humana para o Ocidente nasceu nos locais desportivos da Grécia, onde a prática dos exercícios
físicos e as manifestações artísticas eram consideradas irmãs. Os gregos foram responsáveis
pela criação dos Jogos Olímpicos que inicialmente era uma forma de homenagem a Zeus, rei
dos deuses.
A imagem retrata o acendimento da tocha olímpica.
O exercício físico estava integrado na cultura grega. Eram praticados por ambos os sexos
durante toda a sua vida, produzindo mulheres esbeltas e homens vigorosos, possuidores de
força, resistência e agilidade.
Como prova disso transcrevemos um poema de Platão que ressalta a importância do exercício
físico para a vida do homem grego:
“O corpo humano, que encerra nossa alma, é um templo em que se aloja uma centelha da
divindade. Deve-se embelezar esse templo por meio da ginástica e dos esportes, para que
Deus se encontre bem nele. Assim habitá-lo-á muito tempo e nossa vida transcorrerá
harmoniosamente”.
FILME INDICADO: OLÍMPIADAS NA GRÉCIA ANTIGA - DOCUMENTÁRIO.
ROMA
Da Grécia herdou Roma sua cultura, mas sua civilização se caracterizou pelo seu espírito
prático, utilitário e o exercício físico, de influência etrusca, visava somente à preparação
militar. De começo, era o soldado empregado na defesa de Roma; mais tarde na conquista
interna. Uma prática esportiva muito comum eram as lutas, famosas em Roma, como: jogos de
gladiadores.
A imagem retrata um combate entre gladiadores.
FILME INDICADO: GLADIADOR – RUSSEL CRAW
CHINA
Na Índia e na China, surgiram os primeiros indícios de formas organizadas de combate.
Informações relatam que os sistemas de lutas chegaram à China e à Índia, no século V a.C.
Muitos artistas marciais consideram a China como o berço desta cultura.
FILME INDICADO: O MESTRE DAS ARMAS – JET LI
IDADE MÉDIA
Com a queda do império romano iniciou-se o período medieval, conhecido na historiografia
oficial como a “idade das trevas”, de certa forma para a educação física realmente foi,
principalmente porque agora a Igreja Católica que assumira o comando no lugar do antigo
império, deu um basta na idolatria ao corpo, o homem devia concentrar suas forças nas
orações, os pobres camponeses deveriam apenas gastar suas energias para trabalhar na terra
e enriquecer os seus senhores, principalmente a igreja.
Claro que todas essas restrições eram direcionadas aos pobres camponeses, os nobres
também deveriam zelar pela espiritualidade, mas tinham eles o privilégio do lazer, sendo
assim, alguns jogos eram praticados por eles na idade média.
 Torneio
Era uma guerra em escala reduzida das guerras medievais de verdade.
 Justas
As justas eram disputas entre dois cavaleiros, convenientemente revestidos com pesadas
armaduras e protegidos com escudos especiais.
FILME INDICADO: CORAÇÃO DE CAVALEIRO – EE
EDUCAÇÃO FÍSICA NO BRASIL
Como podemos constatar, a Educação Física evolui à medida que se processa a evolução
cultural dos povos. Assim, a sua orientação no tempo e no espaço está em sintonia com os
sistemas políticos, sociais, econômicos e científicos vigentes nas sociedades humanas. No
Brasil não podia ser diferente, a Educação Física também sofreu diversas influências e passou
por algumas fases, as principais são:
 Higienista – 1930
Foi a fase inicial da Ed. Física em nosso país. Essa tendência veio trazida da Europa e tinha
como principal característica despertar a consciência dos alunos com relação à saúde e
higiene do corpo. Os médicos eram os profissionais responsáveis por ministrar essas aulas,
que podiam ser resumidas em ensinar hábitos saudáveis (escovar os dentes antes e após
as refeições, antes de dormir e ao acordar; tomar banho com sabão ou sabonete após as
práticas esportivas, no caso da época, a ginástica; etc.) e estas eram completamente
preconceituosas e exclusivas, pois somente os alunos (homens), brancos, de famílias ricas
e fisicamente saudáveis tinham a oportunidade de participar dessas aulas.
 Militarista – 1945
Período em que as aulas de Ed. Física eram ministradas por militares (sargentos, tenentes
e capitães) e visavam à preparação dos jovens com relação ao patriotismo, disciplina,
respeito e aptidão física para que, quando ingressassem nas forças armadas (serviço
militar), estivessem realmente preparados para lutarem na guerra. Eram aulas onde
somente os alunos mais fortes participavam e os demais (as meninas, os alunos mais
franzinos, os gordinhos, etc.) eram excluídos.
 Competitivista – década de 70
Neste período os governantes estavam bastante empolgados com o terceiro título mundial
de futebol conquistado pela seleção brasileira e resolveram “impor”, nas aulas de Ed.
Física, uma espécie de preparação esportiva, visando desenvolver o lado técnico dos
alunos e, consequentemente, descobrir novos talentos. As aulas passaram a ter, como
prioridade, treinos exaustivos e repetitivos de futebol, futsal, voleibol e outros esportes,
ministrados por ex-atletas (atletas aposentados), que não tinham a menor preparação
acadêmica e sequer preocupavam-se com a metodologia e a didática ao ministrarem suas
aulas nas escolas.
 Construtivista – décadas de 80 e 90
Período em que os professores polivalentes (professores responsáveis por lecionar todas
as disciplinas) passaram a ministrar as aulas de Ed. Física, uma espécie de recreação. Esta
tendência, como o próprio nome já diz, passou a se preocupar com a “construção”,
formação e educação dos alunos. Pela primeira vez em décadas, as aulas deixaram de ser
exclusivas e passaram a ser inclusivas, ou seja, visava à inclusão de todos os alunos e
alunas, independente do biótipo (alto, baixo, gordo, magro, etc.) ou preparo físico (forte,
fraco, rápido, lento, etc.).
 Popular – atualmente
É a tendência atualmente utilizada nas aulas de Ed. Físicas pelos professores da disciplina.
Disciplina esta, que passou a ser considerada componente obrigatório nas escolas de
ensino fundamental e médio desde 1996, quando foi aprovada a Lei de Diretrizes e Bases.
Os professores devem possuir nível superior (formados em Educação Física), devem
trabalhar em sala diversos assuntos (conteúdos da disciplina), baseando-se nos
parâmetros curriculares nacionais (PCN’s) e devem utilizar uma didática e metodologia
adequada à faixa etária e à individualidade de cada um.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Historia da educação física no brasil
Historia da educação física no brasilHistoria da educação física no brasil
Historia da educação física no brasil
Maryanne Guimarães
 
Lutas.
Lutas.Lutas.
Ginástica
GinásticaGinástica
Ginástica
Bruna Telles
 
JOGOS POPULARES , JOGOS DE SALÃO E JOGOS ESPORTIVOS.ppt
JOGOS POPULARES , JOGOS DE SALÃO E JOGOS ESPORTIVOS.pptJOGOS POPULARES , JOGOS DE SALÃO E JOGOS ESPORTIVOS.ppt
JOGOS POPULARES , JOGOS DE SALÃO E JOGOS ESPORTIVOS.ppt
JordelOliveira1
 
Condicionamento físico
Condicionamento físicoCondicionamento físico
Condicionamento físico
NatanaelMoreiraAmori
 
Ed fisica adaptada
Ed fisica adaptadaEd fisica adaptada
Ed fisica adaptada
labuique
 
Ginástica geral
Ginástica geralGinástica geral
Ginástica geral
Kauanna Amaral
 
Educação Física 6º ao 9º ano
Educação Física 6º ao 9º anoEducação Física 6º ao 9º ano
Educação Física 6º ao 9º ano
Rogerio Melo
 
Introdução ao estudo do esporte
Introdução ao estudo do esporteIntrodução ao estudo do esporte
Introdução ao estudo do esporte
Rafael Laurindo
 
Métodos ginásticos
Métodos ginásticosMétodos ginásticos
Métodos ginásticos
Pedro Alan Tapia Ramos
 
Jogos e brincadeiras
Jogos e brincadeirasJogos e brincadeiras
Jogos e brincadeiras
Silvia Arrelaro
 
O Esporte na escola e da escola
O Esporte na escola e da escolaO Esporte na escola e da escola
O Esporte na escola e da escola
Katiucia Ferreira
 
Exercício Físico
Exercício  FísicoExercício  Físico
Exercício Físico
andreleite41
 
Aula introdução ed. fisica
Aula introdução ed. fisicaAula introdução ed. fisica
Aula introdução ed. fisica
Rafael Borges
 
Jogos e brincadeiras
Jogos e brincadeirasJogos e brincadeiras
Jogos e brincadeiras
Gutemberg Vieira
 
Apresentação Educação Física - primeiro dia de aula
Apresentação   Educação Física - primeiro dia de aulaApresentação   Educação Física - primeiro dia de aula
Apresentação Educação Física - primeiro dia de aula
Gilson Silva
 
Lutas - Conceito e Histórico
Lutas - Conceito e HistóricoLutas - Conceito e Histórico
Lutas - Conceito e Histórico
waldeck
 
Jiu jitsu
Jiu jitsuJiu jitsu
Jiu jitsu
Fernando Moreira
 
Esportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
Esportes Adaptados Para Deficientes AuditivosEsportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
Esportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
Margarida Pedro da Silva
 
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamentalMetodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
Rafael Hatyla
 

Mais procurados (20)

Historia da educação física no brasil
Historia da educação física no brasilHistoria da educação física no brasil
Historia da educação física no brasil
 
Lutas.
Lutas.Lutas.
Lutas.
 
Ginástica
GinásticaGinástica
Ginástica
 
JOGOS POPULARES , JOGOS DE SALÃO E JOGOS ESPORTIVOS.ppt
JOGOS POPULARES , JOGOS DE SALÃO E JOGOS ESPORTIVOS.pptJOGOS POPULARES , JOGOS DE SALÃO E JOGOS ESPORTIVOS.ppt
JOGOS POPULARES , JOGOS DE SALÃO E JOGOS ESPORTIVOS.ppt
 
Condicionamento físico
Condicionamento físicoCondicionamento físico
Condicionamento físico
 
Ed fisica adaptada
Ed fisica adaptadaEd fisica adaptada
Ed fisica adaptada
 
Ginástica geral
Ginástica geralGinástica geral
Ginástica geral
 
Educação Física 6º ao 9º ano
Educação Física 6º ao 9º anoEducação Física 6º ao 9º ano
Educação Física 6º ao 9º ano
 
Introdução ao estudo do esporte
Introdução ao estudo do esporteIntrodução ao estudo do esporte
Introdução ao estudo do esporte
 
Métodos ginásticos
Métodos ginásticosMétodos ginásticos
Métodos ginásticos
 
Jogos e brincadeiras
Jogos e brincadeirasJogos e brincadeiras
Jogos e brincadeiras
 
O Esporte na escola e da escola
O Esporte na escola e da escolaO Esporte na escola e da escola
O Esporte na escola e da escola
 
Exercício Físico
Exercício  FísicoExercício  Físico
Exercício Físico
 
Aula introdução ed. fisica
Aula introdução ed. fisicaAula introdução ed. fisica
Aula introdução ed. fisica
 
Jogos e brincadeiras
Jogos e brincadeirasJogos e brincadeiras
Jogos e brincadeiras
 
Apresentação Educação Física - primeiro dia de aula
Apresentação   Educação Física - primeiro dia de aulaApresentação   Educação Física - primeiro dia de aula
Apresentação Educação Física - primeiro dia de aula
 
Lutas - Conceito e Histórico
Lutas - Conceito e HistóricoLutas - Conceito e Histórico
Lutas - Conceito e Histórico
 
Jiu jitsu
Jiu jitsuJiu jitsu
Jiu jitsu
 
Esportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
Esportes Adaptados Para Deficientes AuditivosEsportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
Esportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
 
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamentalMetodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
 

Destaque

Historia da educação física no mundo
Historia da educação física no mundoHistoria da educação física no mundo
Historia da educação física no mundo
Maryanne Guimarães
 
A história da Educação Física - CREF5
A história da Educação Física - CREF5A história da Educação Física - CREF5
A história da Educação Física - CREF5
cref5
 
Conteúdos das aulas de educação física
Conteúdos das aulas de educação físicaConteúdos das aulas de educação física
Conteúdos das aulas de educação física
FRANCISCO MAGNO CARNEIRO
 
A etica na historia da educaçao fisica
A etica na historia da educaçao fisicaA etica na historia da educaçao fisica
A etica na historia da educaçao fisica
Gislene Almeida
 
Aula de educação fisica
Aula de educação fisicaAula de educação fisica
Aula de educação fisica
Adaides Facundes
 
Apresentação da Disciplina Educação Física
Apresentação da Disciplina Educação FísicaApresentação da Disciplina Educação Física
Apresentação da Disciplina Educação Física
Junior Oliveira
 
Avaliação global de educação física 6º e 7º ano setembro
Avaliação global de educação física 6º e 7º ano setembroAvaliação global de educação física 6º e 7º ano setembro
Avaliação global de educação física 6º e 7º ano setembro
Moesio Alves
 
Educação física – módulo 1
Educação física – módulo 1Educação física – módulo 1
Educação física – módulo 1
Cátia Amo-te
 
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA ACOPLADA AOS MODELOS DE ENSINO
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA ACOPLADA AOS MODELOS DE ENSINOHISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA ACOPLADA AOS MODELOS DE ENSINO
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA ACOPLADA AOS MODELOS DE ENSINO
Marco Ferreira
 
Ava ed fisica_6ano
Ava ed fisica_6anoAva ed fisica_6ano
Ava ed fisica_6ano
Atividades Diversas Cláudia
 
Simulado de educação física
Simulado de educação física   Simulado de educação física
Simulado de educação física
Marcia Oliveira
 
Planos bimestrais 6º ao 9º educação física
Planos bimestrais  6º ao 9º educação físicaPlanos bimestrais  6º ao 9º educação física
Atividade de diagnóstico ed. física 2012
Atividade de diagnóstico ed. física 2012Atividade de diagnóstico ed. física 2012
Atividade de diagnóstico ed. física 2012
josivaldopassos
 
Hegemonia no voleibol mundial masculino
Hegemonia no voleibol mundial masculinoHegemonia no voleibol mundial masculino
Hegemonia no voleibol mundial masculino
Idel Halfen
 
Trabalho Socialsimo
Trabalho SocialsimoTrabalho Socialsimo
Trabalho Socialsimo
alex01166
 
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-1
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-1Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-1
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-1
Marley Marques
 
Gabrielly,liliane,lucas,nathalia,quesia
Gabrielly,liliane,lucas,nathalia,quesiaGabrielly,liliane,lucas,nathalia,quesia
Gabrielly,liliane,lucas,nathalia,quesia
Liliany Alves Pereira
 
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-3
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-3Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-3
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-3
Prefeitura Municipal de Ilhéus
 
Desenvolvimento motor implicacões para a edução fisica escolar i
Desenvolvimento motor implicacões para a edução fisica escolar iDesenvolvimento motor implicacões para a edução fisica escolar i
Desenvolvimento motor implicacões para a edução fisica escolar i
ivan camargo
 
Competitivismo - Educação Fisica
Competitivismo - Educação FisicaCompetitivismo - Educação Fisica
Competitivismo - Educação Fisica
Gustavo de Melo
 

Destaque (20)

Historia da educação física no mundo
Historia da educação física no mundoHistoria da educação física no mundo
Historia da educação física no mundo
 
A história da Educação Física - CREF5
A história da Educação Física - CREF5A história da Educação Física - CREF5
A história da Educação Física - CREF5
 
Conteúdos das aulas de educação física
Conteúdos das aulas de educação físicaConteúdos das aulas de educação física
Conteúdos das aulas de educação física
 
A etica na historia da educaçao fisica
A etica na historia da educaçao fisicaA etica na historia da educaçao fisica
A etica na historia da educaçao fisica
 
Aula de educação fisica
Aula de educação fisicaAula de educação fisica
Aula de educação fisica
 
Apresentação da Disciplina Educação Física
Apresentação da Disciplina Educação FísicaApresentação da Disciplina Educação Física
Apresentação da Disciplina Educação Física
 
Avaliação global de educação física 6º e 7º ano setembro
Avaliação global de educação física 6º e 7º ano setembroAvaliação global de educação física 6º e 7º ano setembro
Avaliação global de educação física 6º e 7º ano setembro
 
Educação física – módulo 1
Educação física – módulo 1Educação física – módulo 1
Educação física – módulo 1
 
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA ACOPLADA AOS MODELOS DE ENSINO
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA ACOPLADA AOS MODELOS DE ENSINOHISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA ACOPLADA AOS MODELOS DE ENSINO
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA ACOPLADA AOS MODELOS DE ENSINO
 
Ava ed fisica_6ano
Ava ed fisica_6anoAva ed fisica_6ano
Ava ed fisica_6ano
 
Simulado de educação física
Simulado de educação física   Simulado de educação física
Simulado de educação física
 
Planos bimestrais 6º ao 9º educação física
Planos bimestrais  6º ao 9º educação físicaPlanos bimestrais  6º ao 9º educação física
Planos bimestrais 6º ao 9º educação física
 
Atividade de diagnóstico ed. física 2012
Atividade de diagnóstico ed. física 2012Atividade de diagnóstico ed. física 2012
Atividade de diagnóstico ed. física 2012
 
Hegemonia no voleibol mundial masculino
Hegemonia no voleibol mundial masculinoHegemonia no voleibol mundial masculino
Hegemonia no voleibol mundial masculino
 
Trabalho Socialsimo
Trabalho SocialsimoTrabalho Socialsimo
Trabalho Socialsimo
 
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-1
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-1Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-1
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-1
 
Gabrielly,liliane,lucas,nathalia,quesia
Gabrielly,liliane,lucas,nathalia,quesiaGabrielly,liliane,lucas,nathalia,quesia
Gabrielly,liliane,lucas,nathalia,quesia
 
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-3
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-3Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-3
Atividade jogos-e-brincadeiras-infantis-populares-3
 
Desenvolvimento motor implicacões para a edução fisica escolar i
Desenvolvimento motor implicacões para a edução fisica escolar iDesenvolvimento motor implicacões para a edução fisica escolar i
Desenvolvimento motor implicacões para a edução fisica escolar i
 
Competitivismo - Educação Fisica
Competitivismo - Educação FisicaCompetitivismo - Educação Fisica
Competitivismo - Educação Fisica
 

Semelhante a 1º ano história da educação física roteiro de estudo pdf

aula 1 - EDUCAÇÃO FÍSICA DA ANTIGUIDADE ATÉ A IDADE CONTEPORÂNEA.pptx
aula 1 - EDUCAÇÃO FÍSICA DA ANTIGUIDADE ATÉ A IDADE CONTEPORÂNEA.pptxaula 1 - EDUCAÇÃO FÍSICA DA ANTIGUIDADE ATÉ A IDADE CONTEPORÂNEA.pptx
aula 1 - EDUCAÇÃO FÍSICA DA ANTIGUIDADE ATÉ A IDADE CONTEPORÂNEA.pptx
TavaresJana
 
Slide história da educação física-blog
Slide história da educação física-blogSlide história da educação física-blog
Slide história da educação física-blog
estudosacademicospedag
 
Histriada edução fsica
Histriada edução fsicaHistriada edução fsica
Histriada edução fsica
Cycyro Soares
 
Apostila ed.fisica ensino_medio
Apostila ed.fisica ensino_medioApostila ed.fisica ensino_medio
Apostila ed.fisica ensino_medio
Paulo Crstian
 
aula impressão historico da educação física.pptx
aula impressão historico da educação física.pptxaula impressão historico da educação física.pptx
aula impressão historico da educação física.pptx
IFAM
 
Da pré história 6 ano
Da pré história 6 anoDa pré história 6 ano
Da pré história 6 ano
araujoew
 
Grecia
GreciaGrecia
Apostila ginastica - BETINHO
Apostila ginastica - BETINHOApostila ginastica - BETINHO
Apostila ginastica - BETINHO
Ana Valeria Silva
 
A história da ginástica confunde
A história da ginástica confundeA história da ginástica confunde
A história da ginástica confunde
EDNA LIMA
 
Ginástica
GinásticaGinástica
Ginástica
Filipe Dmelo
 
Histórico da ginástica
Histórico da ginásticaHistórico da ginástica
Histórico da ginástica
Paulo Roberto
 
Historia da gnastica
Historia da gnasticaHistoria da gnastica
Historia da gnastica
Nayara de Queiroz
 
história da ginática 2 ano.pptx
história da ginática 2 ano.pptxhistória da ginática 2 ano.pptx
história da ginática 2 ano.pptx
karol wojtyla
 
história da ginática 2 ano.pptx
história da ginática 2 ano.pptxhistória da ginática 2 ano.pptx
história da ginática 2 ano.pptx
karol wojtyla
 
12 rousseau e a educação do corpo
12 rousseau e a educação do corpo12 rousseau e a educação do corpo
12 rousseau e a educação do corpo
Amanda Cardoso
 
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA.pdf
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA.pdfHISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA.pdf
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA.pdf
alexjtavares
 
slides - tutor externo unid 2 INTTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO FÍSICA.pptx
slides - tutor externo unid 2 INTTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO FÍSICA.pptxslides - tutor externo unid 2 INTTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO FÍSICA.pptx
slides - tutor externo unid 2 INTTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO FÍSICA.pptx
TharykBatatinha
 
Artigo movimento na educação fisica
Artigo movimento na educação fisicaArtigo movimento na educação fisica
Artigo movimento na educação fisica
lydiane barros
 
Educação Física - A escola alemã
Educação Física - A escola alemãEducação Física - A escola alemã
Educação Física - A escola alemã
Bruno Pinhata
 
Cinesio
CinesioCinesio
Cinesio
Paulo Mota
 

Semelhante a 1º ano história da educação física roteiro de estudo pdf (20)

aula 1 - EDUCAÇÃO FÍSICA DA ANTIGUIDADE ATÉ A IDADE CONTEPORÂNEA.pptx
aula 1 - EDUCAÇÃO FÍSICA DA ANTIGUIDADE ATÉ A IDADE CONTEPORÂNEA.pptxaula 1 - EDUCAÇÃO FÍSICA DA ANTIGUIDADE ATÉ A IDADE CONTEPORÂNEA.pptx
aula 1 - EDUCAÇÃO FÍSICA DA ANTIGUIDADE ATÉ A IDADE CONTEPORÂNEA.pptx
 
Slide história da educação física-blog
Slide história da educação física-blogSlide história da educação física-blog
Slide história da educação física-blog
 
Histriada edução fsica
Histriada edução fsicaHistriada edução fsica
Histriada edução fsica
 
Apostila ed.fisica ensino_medio
Apostila ed.fisica ensino_medioApostila ed.fisica ensino_medio
Apostila ed.fisica ensino_medio
 
aula impressão historico da educação física.pptx
aula impressão historico da educação física.pptxaula impressão historico da educação física.pptx
aula impressão historico da educação física.pptx
 
Da pré história 6 ano
Da pré história 6 anoDa pré história 6 ano
Da pré história 6 ano
 
Grecia
GreciaGrecia
Grecia
 
Apostila ginastica - BETINHO
Apostila ginastica - BETINHOApostila ginastica - BETINHO
Apostila ginastica - BETINHO
 
A história da ginástica confunde
A história da ginástica confundeA história da ginástica confunde
A história da ginástica confunde
 
Ginástica
GinásticaGinástica
Ginástica
 
Histórico da ginástica
Histórico da ginásticaHistórico da ginástica
Histórico da ginástica
 
Historia da gnastica
Historia da gnasticaHistoria da gnastica
Historia da gnastica
 
história da ginática 2 ano.pptx
história da ginática 2 ano.pptxhistória da ginática 2 ano.pptx
história da ginática 2 ano.pptx
 
história da ginática 2 ano.pptx
história da ginática 2 ano.pptxhistória da ginática 2 ano.pptx
história da ginática 2 ano.pptx
 
12 rousseau e a educação do corpo
12 rousseau e a educação do corpo12 rousseau e a educação do corpo
12 rousseau e a educação do corpo
 
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA.pdf
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA.pdfHISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA.pdf
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA.pdf
 
slides - tutor externo unid 2 INTTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO FÍSICA.pptx
slides - tutor externo unid 2 INTTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO FÍSICA.pptxslides - tutor externo unid 2 INTTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO FÍSICA.pptx
slides - tutor externo unid 2 INTTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO FÍSICA.pptx
 
Artigo movimento na educação fisica
Artigo movimento na educação fisicaArtigo movimento na educação fisica
Artigo movimento na educação fisica
 
Educação Física - A escola alemã
Educação Física - A escola alemãEducação Física - A escola alemã
Educação Física - A escola alemã
 
Cinesio
CinesioCinesio
Cinesio
 

Mais de Maria carmem

Matricula
MatriculaMatricula
Matricula
Maria carmem
 
Resultado final
Resultado finalResultado final
Resultado final
Maria carmem
 
Ficha medica
Ficha medicaFicha medica
Ficha medica
Maria carmem
 
Eeep mcvm
Eeep mcvmEeep mcvm
Eeep mcvm
Maria carmem
 
Ficha medica
Ficha medicaFicha medica
Ficha medica
Maria carmem
 
Ficha de inscrição novatos
Ficha de inscrição novatosFicha de inscrição novatos
Ficha de inscrição novatos
Maria carmem
 
Sem título 3
Sem título 3Sem título 3
Sem título 3
Maria carmem
 
Análise 03
Análise 03Análise 03
Análise 03
Maria carmem
 
Razão e Proporção
Razão e ProporçãoRazão e Proporção
Razão e Proporção
Maria carmem
 
Ficha de Informações Médicas
Ficha de Informações Médicas Ficha de Informações Médicas
Ficha de Informações Médicas
Maria carmem
 
Formulário de Matricula29
Formulário de Matricula29Formulário de Matricula29
Formulário de Matricula29
Maria carmem
 
Questionário de Caracterização Socioeconômica 28
Questionário de Caracterização Socioeconômica 28Questionário de Caracterização Socioeconômica 28
Questionário de Caracterização Socioeconômica 28
Maria carmem
 
Ficha de inscrição
Ficha de inscriçãoFicha de inscrição
Ficha de inscrição
Maria carmem
 
Arte rupestre
Arte rupestreArte rupestre
Arte rupestre
Maria carmem
 
Estatística 2º bimestre
Estatística   2º bimestreEstatística   2º bimestre
Estatística 2º bimestre
Maria carmem
 
Progressão aritmética 2º bimestre
Progressão aritmética   2º bimestreProgressão aritmética   2º bimestre
Progressão aritmética 2º bimestre
Maria carmem
 
2º ano roteiro de estudo anatomia pdf
2º ano roteiro de estudo   anatomia pdf2º ano roteiro de estudo   anatomia pdf
2º ano roteiro de estudo anatomia pdf
Maria carmem
 

Mais de Maria carmem (20)

Matricula
MatriculaMatricula
Matricula
 
Resultado final
Resultado finalResultado final
Resultado final
 
Ficha medica
Ficha medicaFicha medica
Ficha medica
 
Eeep mcvm
Eeep mcvmEeep mcvm
Eeep mcvm
 
Ficha medica
Ficha medicaFicha medica
Ficha medica
 
Ficha de inscrição novatos
Ficha de inscrição novatosFicha de inscrição novatos
Ficha de inscrição novatos
 
Sem título 3
Sem título 3Sem título 3
Sem título 3
 
Análise 03
Análise 03Análise 03
Análise 03
 
Razão e Proporção
Razão e ProporçãoRazão e Proporção
Razão e Proporção
 
Ficha de Informações Médicas
Ficha de Informações Médicas Ficha de Informações Médicas
Ficha de Informações Médicas
 
Formulário de Matricula29
Formulário de Matricula29Formulário de Matricula29
Formulário de Matricula29
 
Questionário de Caracterização Socioeconômica 28
Questionário de Caracterização Socioeconômica 28Questionário de Caracterização Socioeconômica 28
Questionário de Caracterização Socioeconômica 28
 
Scanned image-30
Scanned image-30Scanned image-30
Scanned image-30
 
Scanned image-29
Scanned image-29Scanned image-29
Scanned image-29
 
Scanned image-28
Scanned image-28Scanned image-28
Scanned image-28
 
Ficha de inscrição
Ficha de inscriçãoFicha de inscrição
Ficha de inscrição
 
Arte rupestre
Arte rupestreArte rupestre
Arte rupestre
 
Estatística 2º bimestre
Estatística   2º bimestreEstatística   2º bimestre
Estatística 2º bimestre
 
Progressão aritmética 2º bimestre
Progressão aritmética   2º bimestreProgressão aritmética   2º bimestre
Progressão aritmética 2º bimestre
 
2º ano roteiro de estudo anatomia pdf
2º ano roteiro de estudo   anatomia pdf2º ano roteiro de estudo   anatomia pdf
2º ano roteiro de estudo anatomia pdf
 

1º ano história da educação física roteiro de estudo pdf

  • 1. HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO FÍSICA INTRODUÇÃO A História da Educação Física relaciona-se com todas as ciências que estudam o passado e o presente das atividades humanas e a sua evolução. O homem, condicionado à situações de ser pensante, desempenhou, em todas as etapas da vida, um papel importante na história da educação física, a qual se propõe a investigar a origem e o desenvolvimento progressivo de suas atividades físicas, através do tempo: sua importância, as causas de seu apogeu e da sua decadência. PERÍODO PRÉ-HISTÓRICO Estuda a origem e a prática da educação física desde o aparecimento do homem sobre a terra, ao início da antiguidade oriental. Nessa época os homens praticavam uma educação física natural com o intuito de sobrevivência, para manter o sustento da tribo precisavam caçar animais de grande porte, o que exigia deles um bom preparo físico para correr atrás da fera e matá-la.Também percorriam longas distâncias devido a sua característica nômade, além de sobrepujar o mais fraco pela força. HOMO ERECTUS Idade da Pedra: Época em que os instrumentos eram feitos de "Sílex". FILME INDICADO: A GUERRA DO FOGO.
  • 2. GRÉCIA A exercitação do corpo constituía meio para formação do espírito e da moral. O ideal da beleza humana para o Ocidente nasceu nos locais desportivos da Grécia, onde a prática dos exercícios físicos e as manifestações artísticas eram consideradas irmãs. Os gregos foram responsáveis pela criação dos Jogos Olímpicos que inicialmente era uma forma de homenagem a Zeus, rei dos deuses. A imagem retrata o acendimento da tocha olímpica. O exercício físico estava integrado na cultura grega. Eram praticados por ambos os sexos durante toda a sua vida, produzindo mulheres esbeltas e homens vigorosos, possuidores de força, resistência e agilidade.
  • 3. Como prova disso transcrevemos um poema de Platão que ressalta a importância do exercício físico para a vida do homem grego: “O corpo humano, que encerra nossa alma, é um templo em que se aloja uma centelha da divindade. Deve-se embelezar esse templo por meio da ginástica e dos esportes, para que Deus se encontre bem nele. Assim habitá-lo-á muito tempo e nossa vida transcorrerá harmoniosamente”. FILME INDICADO: OLÍMPIADAS NA GRÉCIA ANTIGA - DOCUMENTÁRIO. ROMA Da Grécia herdou Roma sua cultura, mas sua civilização se caracterizou pelo seu espírito prático, utilitário e o exercício físico, de influência etrusca, visava somente à preparação militar. De começo, era o soldado empregado na defesa de Roma; mais tarde na conquista interna. Uma prática esportiva muito comum eram as lutas, famosas em Roma, como: jogos de gladiadores. A imagem retrata um combate entre gladiadores. FILME INDICADO: GLADIADOR – RUSSEL CRAW
  • 4. CHINA Na Índia e na China, surgiram os primeiros indícios de formas organizadas de combate. Informações relatam que os sistemas de lutas chegaram à China e à Índia, no século V a.C. Muitos artistas marciais consideram a China como o berço desta cultura. FILME INDICADO: O MESTRE DAS ARMAS – JET LI IDADE MÉDIA Com a queda do império romano iniciou-se o período medieval, conhecido na historiografia oficial como a “idade das trevas”, de certa forma para a educação física realmente foi, principalmente porque agora a Igreja Católica que assumira o comando no lugar do antigo império, deu um basta na idolatria ao corpo, o homem devia concentrar suas forças nas orações, os pobres camponeses deveriam apenas gastar suas energias para trabalhar na terra e enriquecer os seus senhores, principalmente a igreja. Claro que todas essas restrições eram direcionadas aos pobres camponeses, os nobres também deveriam zelar pela espiritualidade, mas tinham eles o privilégio do lazer, sendo assim, alguns jogos eram praticados por eles na idade média.  Torneio
  • 5. Era uma guerra em escala reduzida das guerras medievais de verdade.  Justas As justas eram disputas entre dois cavaleiros, convenientemente revestidos com pesadas armaduras e protegidos com escudos especiais. FILME INDICADO: CORAÇÃO DE CAVALEIRO – EE EDUCAÇÃO FÍSICA NO BRASIL Como podemos constatar, a Educação Física evolui à medida que se processa a evolução cultural dos povos. Assim, a sua orientação no tempo e no espaço está em sintonia com os sistemas políticos, sociais, econômicos e científicos vigentes nas sociedades humanas. No Brasil não podia ser diferente, a Educação Física também sofreu diversas influências e passou por algumas fases, as principais são:  Higienista – 1930 Foi a fase inicial da Ed. Física em nosso país. Essa tendência veio trazida da Europa e tinha como principal característica despertar a consciência dos alunos com relação à saúde e higiene do corpo. Os médicos eram os profissionais responsáveis por ministrar essas aulas, que podiam ser resumidas em ensinar hábitos saudáveis (escovar os dentes antes e após as refeições, antes de dormir e ao acordar; tomar banho com sabão ou sabonete após as práticas esportivas, no caso da época, a ginástica; etc.) e estas eram completamente preconceituosas e exclusivas, pois somente os alunos (homens), brancos, de famílias ricas e fisicamente saudáveis tinham a oportunidade de participar dessas aulas.  Militarista – 1945 Período em que as aulas de Ed. Física eram ministradas por militares (sargentos, tenentes e capitães) e visavam à preparação dos jovens com relação ao patriotismo, disciplina, respeito e aptidão física para que, quando ingressassem nas forças armadas (serviço militar), estivessem realmente preparados para lutarem na guerra. Eram aulas onde
  • 6. somente os alunos mais fortes participavam e os demais (as meninas, os alunos mais franzinos, os gordinhos, etc.) eram excluídos.  Competitivista – década de 70 Neste período os governantes estavam bastante empolgados com o terceiro título mundial de futebol conquistado pela seleção brasileira e resolveram “impor”, nas aulas de Ed. Física, uma espécie de preparação esportiva, visando desenvolver o lado técnico dos alunos e, consequentemente, descobrir novos talentos. As aulas passaram a ter, como prioridade, treinos exaustivos e repetitivos de futebol, futsal, voleibol e outros esportes, ministrados por ex-atletas (atletas aposentados), que não tinham a menor preparação acadêmica e sequer preocupavam-se com a metodologia e a didática ao ministrarem suas aulas nas escolas.  Construtivista – décadas de 80 e 90 Período em que os professores polivalentes (professores responsáveis por lecionar todas as disciplinas) passaram a ministrar as aulas de Ed. Física, uma espécie de recreação. Esta tendência, como o próprio nome já diz, passou a se preocupar com a “construção”, formação e educação dos alunos. Pela primeira vez em décadas, as aulas deixaram de ser exclusivas e passaram a ser inclusivas, ou seja, visava à inclusão de todos os alunos e alunas, independente do biótipo (alto, baixo, gordo, magro, etc.) ou preparo físico (forte, fraco, rápido, lento, etc.).  Popular – atualmente É a tendência atualmente utilizada nas aulas de Ed. Físicas pelos professores da disciplina. Disciplina esta, que passou a ser considerada componente obrigatório nas escolas de ensino fundamental e médio desde 1996, quando foi aprovada a Lei de Diretrizes e Bases. Os professores devem possuir nível superior (formados em Educação Física), devem trabalhar em sala diversos assuntos (conteúdos da disciplina), baseando-se nos parâmetros curriculares nacionais (PCN’s) e devem utilizar uma didática e metodologia adequada à faixa etária e à individualidade de cada um.