SlideShare uma empresa Scribd logo

Área Linguagem

S
S

área - Linguagens Centro, Centro-Oeste, Norte 1 e Norte 2. O trabalho escolhido para representar esse polo foi o nosso da E.E. Rui Bloem. Foi um sucesso.A apresentação do nosso polo foi no dia 19/10 no auditório da EFAP

Área Linguagem

1 de 15
Baixar para ler offline
LINGUAGENS
POLO- Centro, Centro-Oeste, Norte 1 e Norte 2
2012
ORIENTAÇÃO TÉCNICA- D.E
Formação para PC
OBJETIVOS:
 Geral: Proporcionar um momento de estudo e reflexão
coletiva do processo ensino e aprendizagem, presente no atual
Currículo do Estado de São Paulo.
 Específicos: Vivenciar e discutir as situações propostas no
caderno do professor e do aluno para estabelecer estratégias
que possibilitem a exploração das máximas possibilidades
intencionadas nos mesmos.
ORIENTAÇÃO TÉCNICA- D.E
Formação para PC
JUSTIFICATIVA:
 As mudanças ocorridas no contexto escolar, e em específico
no atual currículo do Estado de São Paulo, necessitam de um
novo olhar que possa ser estabelecido graças à compreensão e
o envolvimento do Professor Coordenador do Núcleo
Pedagógico com a formação continuada dos professores.
Sendo assim, propomos abordar situações de aprendizagem,
gestão de sala de aula, planejamento de currículo, práticas de
avaliação nas Orientações Técnicas da D.E.
ORIENTAÇÃO TÉCNICA- D.E
Formação para PC
ORIENTAÇÃO TÉCNICA-D.E
Formação para PC
ORIENTAÇÃO TÉCNICA-D.E
Formação para PC

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Metas curriculares 9ºano - escrita
Metas curriculares   9ºano - escritaMetas curriculares   9ºano - escrita
Metas curriculares 9ºano - escritaAntónio Fernandes
 
Plano de ensino hebraico bíblico 2014
Plano de ensino hebraico      bíblico 2014Plano de ensino hebraico      bíblico 2014
Plano de ensino hebraico bíblico 2014Odilei Bado
 
Jogo “acerte e ganhe” plano
Jogo “acerte e ganhe”  planoJogo “acerte e ganhe”  plano
Jogo “acerte e ganhe” planoPIBIDSolondeLucena
 
Metas curriculares 7ºano - escrita
Metas curriculares   7ºano - escritaMetas curriculares   7ºano - escrita
Metas curriculares 7ºano - escritaAntónio Fernandes
 
Projeto de Estágio - modelo
Projeto de Estágio - modelo Projeto de Estágio - modelo
Projeto de Estágio - modelo LOCIMAR MASSALAI
 
Planificações das sessões 3º momento
Planificações das sessões 3º momentoPlanificações das sessões 3º momento
Planificações das sessões 3º momentoTelma Sá
 
Plano de aula geral 2 c ( corrigido)
Plano de aula geral 2 c ( corrigido)Plano de aula geral 2 c ( corrigido)
Plano de aula geral 2 c ( corrigido)PIBIDSolondeLucena
 
Modelo de plano de aula
Modelo de plano de aulaModelo de plano de aula
Modelo de plano de aulaDenise
 
Plano geral oficina 2c ( corrigido) 19, 04
Plano geral oficina  2c  ( corrigido) 19, 04Plano geral oficina  2c  ( corrigido) 19, 04
Plano geral oficina 2c ( corrigido) 19, 04PIBIDSolondeLucena
 
Banner francinete oficina_este aqui
Banner francinete oficina_este aquiBanner francinete oficina_este aqui
Banner francinete oficina_este aquiFrancinete Santos
 

Mais procurados (15)

Metas curriculares 9ºano - escrita
Metas curriculares   9ºano - escritaMetas curriculares   9ºano - escrita
Metas curriculares 9ºano - escrita
 
Plano de ensino hebraico bíblico 2014
Plano de ensino hebraico      bíblico 2014Plano de ensino hebraico      bíblico 2014
Plano de ensino hebraico bíblico 2014
 
Pps eproinfo
Pps eproinfoPps eproinfo
Pps eproinfo
 
Jogo “acerte e ganhe” plano
Jogo “acerte e ganhe”  planoJogo “acerte e ganhe”  plano
Jogo “acerte e ganhe” plano
 
Metas curriculares 7ºano - escrita
Metas curriculares   7ºano - escritaMetas curriculares   7ºano - escrita
Metas curriculares 7ºano - escrita
 
Projeto de Estágio - modelo
Projeto de Estágio - modelo Projeto de Estágio - modelo
Projeto de Estágio - modelo
 
Planificações das sessões 3º momento
Planificações das sessões 3º momentoPlanificações das sessões 3º momento
Planificações das sessões 3º momento
 
Plano de aula geral 2 c ( corrigido)
Plano de aula geral 2 c ( corrigido)Plano de aula geral 2 c ( corrigido)
Plano de aula geral 2 c ( corrigido)
 
Modelo de plano de aula
Modelo de plano de aulaModelo de plano de aula
Modelo de plano de aula
 
Guia organizacao curricular anos finais (1)
Guia organizacao curricular   anos finais (1)Guia organizacao curricular   anos finais (1)
Guia organizacao curricular anos finais (1)
 
Plano slide 08.03
Plano slide 08.03Plano slide 08.03
Plano slide 08.03
 
Planos de ensino para o projeto
Planos de ensino para o projetoPlanos de ensino para o projeto
Planos de ensino para o projeto
 
Plano de ensino
Plano de ensinoPlano de ensino
Plano de ensino
 
Plano geral oficina 2c ( corrigido) 19, 04
Plano geral oficina  2c  ( corrigido) 19, 04Plano geral oficina  2c  ( corrigido) 19, 04
Plano geral oficina 2c ( corrigido) 19, 04
 
Banner francinete oficina_este aqui
Banner francinete oficina_este aquiBanner francinete oficina_este aqui
Banner francinete oficina_este aqui
 

Semelhante a Área Linguagem

TEXTO 1 O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...
TEXTO 1  O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...TEXTO 1  O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...
TEXTO 1 O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...Prime Assessoria
 
TEXTO 1 O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...
TEXTO 1  O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...TEXTO 1  O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...
TEXTO 1 O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...Unicesumar
 
Você já deve estar inteirado(a) acerca das mudanças do Novo Ensino Médio e vi...
Você já deve estar inteirado(a) acerca das mudanças do Novo Ensino Médio e vi...Você já deve estar inteirado(a) acerca das mudanças do Novo Ensino Médio e vi...
Você já deve estar inteirado(a) acerca das mudanças do Novo Ensino Médio e vi...Unicesumar
 
7) Resultados esperados.
7) Resultados esperados. 7) Resultados esperados.
7) Resultados esperados. Unicesumar
 
3) Objetivo geral e objetivos específicos.
3) Objetivo geral e objetivos específicos. 3) Objetivo geral e objetivos específicos.
3) Objetivo geral e objetivos específicos. Unicesumar
 
5) Procedimentos Metodológicos (relação de no mínimo 03 (três) ações a serem ...
5) Procedimentos Metodológicos (relação de no mínimo 03 (três) ações a serem ...5) Procedimentos Metodológicos (relação de no mínimo 03 (três) ações a serem ...
5) Procedimentos Metodológicos (relação de no mínimo 03 (três) ações a serem ...Unicesumar
 
1) Título do Projeto.
1) Título do Projeto. 1) Título do Projeto.
1) Título do Projeto. Unicesumar
 
Cbc anos finais - língua portuguesa
Cbc   anos finais - língua portuguesaCbc   anos finais - língua portuguesa
Cbc anos finais - língua portuguesaAntônio Fernandes
 

Semelhante a Área Linguagem (10)

Guia organizacao curricular anos finais
Guia organizacao curricular   anos finaisGuia organizacao curricular   anos finais
Guia organizacao curricular anos finais
 
TEXTO 1 O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...
TEXTO 1  O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...TEXTO 1  O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...
TEXTO 1 O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...
 
TEXTO 1 O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...
TEXTO 1  O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...TEXTO 1  O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...
TEXTO 1 O trabalho com projetos aproxima-se da identidade dos alunos e favor...
 
Você já deve estar inteirado(a) acerca das mudanças do Novo Ensino Médio e vi...
Você já deve estar inteirado(a) acerca das mudanças do Novo Ensino Médio e vi...Você já deve estar inteirado(a) acerca das mudanças do Novo Ensino Médio e vi...
Você já deve estar inteirado(a) acerca das mudanças do Novo Ensino Médio e vi...
 
7) Resultados esperados.
7) Resultados esperados. 7) Resultados esperados.
7) Resultados esperados.
 
3) Objetivo geral e objetivos específicos.
3) Objetivo geral e objetivos específicos. 3) Objetivo geral e objetivos específicos.
3) Objetivo geral e objetivos específicos.
 
5) Procedimentos Metodológicos (relação de no mínimo 03 (três) ações a serem ...
5) Procedimentos Metodológicos (relação de no mínimo 03 (três) ações a serem ...5) Procedimentos Metodológicos (relação de no mínimo 03 (três) ações a serem ...
5) Procedimentos Metodológicos (relação de no mínimo 03 (três) ações a serem ...
 
1) Título do Projeto.
1) Título do Projeto. 1) Título do Projeto.
1) Título do Projeto.
 
Cbc anos finais - língua portuguesa
Cbc   anos finais - língua portuguesaCbc   anos finais - língua portuguesa
Cbc anos finais - língua portuguesa
 
Promoção da Língua Portuguesa no mundo através da sua abordagem transversal
Promoção da Língua Portuguesa no mundo através da sua abordagem transversalPromoção da Língua Portuguesa no mundo através da sua abordagem transversal
Promoção da Língua Portuguesa no mundo através da sua abordagem transversal
 

Mais de sitedcoeste

Ações do professor coordenador
Ações do professor coordenadorAções do professor coordenador
Ações do professor coordenadorsitedcoeste
 
Observação da sala de aula - Roteiro de obervação
Observação da sala de aula - Roteiro de obervaçãoObservação da sala de aula - Roteiro de obervação
Observação da sala de aula - Roteiro de obervaçãositedcoeste
 
Observação sala de aula pedro reis
Observação sala de aula pedro reisObservação sala de aula pedro reis
Observação sala de aula pedro reissitedcoeste
 
4. ppt saresp 2013 matematica geral
4. ppt saresp 2013 matematica geral4. ppt saresp 2013 matematica geral
4. ppt saresp 2013 matematica geralsitedcoeste
 
3. ppt saresp 2013 relatório pedagógico - lp
3. ppt saresp 2013  relatório pedagógico - lp3. ppt saresp 2013  relatório pedagógico - lp
3. ppt saresp 2013 relatório pedagógico - lpsitedcoeste
 
2.2. Comanda restrospectiva
2.2. Comanda restrospectiva2.2. Comanda restrospectiva
2.2. Comanda restrospectivasitedcoeste
 
2.1 Comanda da ot idesp 2014
2.1 Comanda da ot idesp 20142.1 Comanda da ot idesp 2014
2.1 Comanda da ot idesp 2014sitedcoeste
 
IDESP - Intervenção - Observação Sala de Aula
IDESP - Intervenção - Observação Sala de AulaIDESP - Intervenção - Observação Sala de Aula
IDESP - Intervenção - Observação Sala de Aulasitedcoeste
 
2. Retrospectiva 22
2. Retrospectiva 222. Retrospectiva 22
2. Retrospectiva 22sitedcoeste
 
Calculo do IDESP
Calculo do IDESPCalculo do IDESP
Calculo do IDESPsitedcoeste
 
E.e. brasílio machado
E.e. brasílio machadoE.e. brasílio machado
E.e. brasílio machadositedcoeste
 
EE Lourival G Machado
EE Lourival G MachadoEE Lourival G Machado
EE Lourival G Machadositedcoeste
 
Projetos EE Guiomar Rocha Rinaldi
Projetos EE Guiomar Rocha RinaldiProjetos EE Guiomar Rocha Rinaldi
Projetos EE Guiomar Rocha Rinaldisitedcoeste
 
Verificações censo escolar 2012_orientaçãotec
Verificações censo escolar 2012_orientaçãotecVerificações censo escolar 2012_orientaçãotec
Verificações censo escolar 2012_orientaçãotecsitedcoeste
 
Acesso censo 2012 educacenso-v2
Acesso censo 2012 educacenso-v2Acesso censo 2012 educacenso-v2
Acesso censo 2012 educacenso-v2sitedcoeste
 
Texto para reflexão colcha de retalhos
Texto para reflexão  colcha de retalhosTexto para reflexão  colcha de retalhos
Texto para reflexão colcha de retalhossitedcoeste
 
Reunião de diretores 19 de junho de 2012
Reunião de diretores 19 de junho de 2012Reunião de diretores 19 de junho de 2012
Reunião de diretores 19 de junho de 2012sitedcoeste
 
Texto para reflexão colcha de retalhos
Texto para reflexão colcha de retalhosTexto para reflexão colcha de retalhos
Texto para reflexão colcha de retalhossitedcoeste
 
Ee alcides vidigal
Ee alcides vidigalEe alcides vidigal
Ee alcides vidigalsitedcoeste
 

Mais de sitedcoeste (20)

Ações do professor coordenador
Ações do professor coordenadorAções do professor coordenador
Ações do professor coordenador
 
Observação da sala de aula - Roteiro de obervação
Observação da sala de aula - Roteiro de obervaçãoObservação da sala de aula - Roteiro de obervação
Observação da sala de aula - Roteiro de obervação
 
Observação sala de aula pedro reis
Observação sala de aula pedro reisObservação sala de aula pedro reis
Observação sala de aula pedro reis
 
4. ppt saresp 2013 matematica geral
4. ppt saresp 2013 matematica geral4. ppt saresp 2013 matematica geral
4. ppt saresp 2013 matematica geral
 
3. ppt saresp 2013 relatório pedagógico - lp
3. ppt saresp 2013  relatório pedagógico - lp3. ppt saresp 2013  relatório pedagógico - lp
3. ppt saresp 2013 relatório pedagógico - lp
 
2.2. Comanda restrospectiva
2.2. Comanda restrospectiva2.2. Comanda restrospectiva
2.2. Comanda restrospectiva
 
2.1 Comanda da ot idesp 2014
2.1 Comanda da ot idesp 20142.1 Comanda da ot idesp 2014
2.1 Comanda da ot idesp 2014
 
IDESP - Intervenção - Observação Sala de Aula
IDESP - Intervenção - Observação Sala de AulaIDESP - Intervenção - Observação Sala de Aula
IDESP - Intervenção - Observação Sala de Aula
 
2. Retrospectiva 22
2. Retrospectiva 222. Retrospectiva 22
2. Retrospectiva 22
 
Calculo do IDESP
Calculo do IDESPCalculo do IDESP
Calculo do IDESP
 
E.e. brasílio machado
E.e. brasílio machadoE.e. brasílio machado
E.e. brasílio machado
 
EE Lourival G Machado
EE Lourival G MachadoEE Lourival G Machado
EE Lourival G Machado
 
Projetos EE Guiomar Rocha Rinaldi
Projetos EE Guiomar Rocha RinaldiProjetos EE Guiomar Rocha Rinaldi
Projetos EE Guiomar Rocha Rinaldi
 
Verificações censo escolar 2012_orientaçãotec
Verificações censo escolar 2012_orientaçãotecVerificações censo escolar 2012_orientaçãotec
Verificações censo escolar 2012_orientaçãotec
 
Acesso censo 2012 educacenso-v2
Acesso censo 2012 educacenso-v2Acesso censo 2012 educacenso-v2
Acesso censo 2012 educacenso-v2
 
Texto para reflexão colcha de retalhos
Texto para reflexão  colcha de retalhosTexto para reflexão  colcha de retalhos
Texto para reflexão colcha de retalhos
 
Reunião de diretores 19 de junho de 2012
Reunião de diretores 19 de junho de 2012Reunião de diretores 19 de junho de 2012
Reunião de diretores 19 de junho de 2012
 
Texto para reflexão colcha de retalhos
Texto para reflexão colcha de retalhosTexto para reflexão colcha de retalhos
Texto para reflexão colcha de retalhos
 
Ee almeida jr
Ee almeida jrEe almeida jr
Ee almeida jr
 
Ee alcides vidigal
Ee alcides vidigalEe alcides vidigal
Ee alcides vidigal
 

Último

2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfalexandrerodriguespk
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...azulassessoriaacadem3
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...azulassessoriaacadem3
 
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...excellenceeducaciona
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...manoelaarmani
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...azulassessoriaacadem3
 
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfalexandrerodriguespk
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...manoelaarmani
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfkeiciany
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...manoelaarmani
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024assedlsam
 

Último (20)

2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
 
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
 

Área Linguagem

  • 1. LINGUAGENS POLO- Centro, Centro-Oeste, Norte 1 e Norte 2 2012
  • 2. ORIENTAÇÃO TÉCNICA- D.E Formação para PC OBJETIVOS:  Geral: Proporcionar um momento de estudo e reflexão coletiva do processo ensino e aprendizagem, presente no atual Currículo do Estado de São Paulo.  Específicos: Vivenciar e discutir as situações propostas no caderno do professor e do aluno para estabelecer estratégias que possibilitem a exploração das máximas possibilidades intencionadas nos mesmos.
  • 3. ORIENTAÇÃO TÉCNICA- D.E Formação para PC JUSTIFICATIVA:  As mudanças ocorridas no contexto escolar, e em específico no atual currículo do Estado de São Paulo, necessitam de um novo olhar que possa ser estabelecido graças à compreensão e o envolvimento do Professor Coordenador do Núcleo Pedagógico com a formação continuada dos professores. Sendo assim, propomos abordar situações de aprendizagem, gestão de sala de aula, planejamento de currículo, práticas de avaliação nas Orientações Técnicas da D.E.
  • 8. ATPC- E.E. RUI BLOEM Formação para professores
  • 10. Projeto: À época do Realismo- Naturalismo no Brasil E.E Rui Bloem Obras Propostas:  Dom Casmurro e Memórias Póstumas de Brás Cubas de Machado de Assis Público Alvo:  Alunos das 2ª séries do E.M Período:  3º bimestre
  • 11. Projeto: À época do Realismo- Naturalismo no Brasil E.E Rui Bloem Competências e Habilidades:  Ler/ interpretar as principais obras da prosa realista/naturalista brasileira;  Conhecer as características marcantes do Realismo Machadiano;  Ampliar o repertório com a leitura de autores atuais cujas obras têm relação com os movimentos literários estudados;  Permitir ao aluno o conhecimento de novas possibilidades de Arte, ou seja, como produzir um jornal escrito e televisivo.
  • 12. Projeto: À época do Realismo- Naturalismo no Brasil E.E Rui Bloem Interdisciplinaridade:  Língua Portuguesa- Desenvolver a capacidade leitora e escritora  Arte- Diagramação, tipo de papel, capa e ilustrações.  História- Fatos históricos que marcaram a segunda metade do século XIX e também atualidades Recursos utilizados: Publisher, PowerPoint, Word e FotoShop
  • 13. Projeto: À época do Realismo- Naturalismo no Brasil E.E Rui Bloem Avaliação:  Jornal televisivo e jornal impresso Professores envolvidos:  Rosana Abrantes Costa Pereira- Língua Portuguesa  Rosana Pereira- Arte  Rosaura Hubner- História
  • 14. Projeto Jornal – Dom Casmurro (Entrevista) Projeto Jornal – Dom Casmurro Programa: Casos Literários Programa: Estrelas