Controle social (1)

4.356 visualizações

Publicada em

INTRODUÇÃO
Esta publicação mostra como funciona o controle social
na garantia da qualidade orgânica na venda direta ao
consumidor por agricultores familiares sem certificação.
Em cada capítulo, você vai poder contar com dicas,
esclarecimentos e orientações importantes para que a sua
produção de orgânicos ganhe a credibilidade e o respeito
dos consumidores finais.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.356
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
57
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Controle social (1)

  1. 1. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180Ministério da Agricultura, Pecuária e AbastecimentoCONTROLE SOCIALNA VENDA DIRETA AO CONSUMIDOR DE PRODUTOS ORGÂNICOSSEM CERTIFICAÇÃO28 CAPA 01ISBN: 978-85-99851-46-3MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 28-29 02.02.09 09:50:10
  2. 2. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180© 2008 Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.Todos os direitos reservados.É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada à fonte e que nãoseja para venda ou qualquer fim comercial.A responsabilidade pelos direitos autorais de textos e imagens desta obra é do autor.Tiragem: 20.000 exemplares1ª edição.Ano 2008Elaboração, distribuição, informações:MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTOSecretaria de Desenvolvimento Agropecuário e CooperativismoDepartamento de Sistemas de produção e SustentabilidadeCoordenação-Geral de Desenvolvimento SustentávelCoordenação de AgroecologiaEsplanada dos Ministérios, Bloco D,Anexo “B” 1º andar, sala 152CEP: 70043-900 Brasília – DFTels: (61) 3218 2413 / 3218 2453Fax: (61) 3223 5350www.agricultura.gov.brE-mail: organicos@agricultura.gov.brCentral de Relacionamento: 0800-7041995Coordenação Editorial:Assessoria de Comunicação SocialÉ permitida a reprodução desde que citada a fonte.Catalogação na FonteBiblioteca Nacional de Agricultura – BINAGRIBrasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.Controle social na venda direta ao consumidor de produtosorgânicos sem certificação / Ministério da Agricultura, Pecuária eAbastecimento. Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário eCooperativismo. – Brasília : Mapa/ACS, 2008.24 p.ISBN: 978-85-99851-46-31. Produto orgânico - qualidade. 2. Comercialização. I.Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo. II.Título.AGRIS E70CDU 63002 27VERSO CAPAMA-0011-08_180x180_controle_social.indd 30-31 02.02.09 09:50:12
  3. 3. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180Ministério da Agricultura, Pecuária e AbastecimentoSecretaria de Desenvolvimento Agropecuário e CooperativismoBrasília2008NA VENDA DIRETA AO CONSUMIDOR DE PRODUTOS ORGÂNICOSSEM CERTIFICAÇÃOCONTROLE SOCIALMA-0011-08_180x180_controle_social.indd 3 02.02.09 09:49:15
  4. 4. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180© 2008 Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.Todos os direitos reservados.É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada à fonte e que nãoseja para venda ou qualquer fim comercial.A responsabilidade pelos direitos autorais de textos e imagens desta obra é do autor.Tiragem: 20.000 exemplares1ª edição.Ano 2008Elaboração, distribuição, informações:MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTOSecretaria de Desenvolvimento Agropecuário e CooperativismoDepartamento de Sistemas de produção e SustentabilidadeCoordenação-Geral de Desenvolvimento SustentávelCoordenação de AgroecologiaEsplanada dos Ministérios, Bloco D,Anexo “B” 1º andar, sala 152CEP: 70043-900 Brasília – DFTels: (61) 3218 2413 / 3218 2453Fax: (61) 3223 5350www.agricultura.gov.brE-mail: organicos@agricultura.gov.brCentral de Relacionamento: 0800-7041995Coordenação Editorial:Assessoria de Comunicação SocialÉ permitida a reprodução desde que citada a fonte.Catalogação na FonteBiblioteca Nacional de Agricultura – BINAGRIBrasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.Controle social na venda direta ao consumidor de produtosorgânicos sem certificação / Ministério da Agricultura, Pecuária eAbastecimento. Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário eCooperativismo. – Brasília : Mapa/ACS, 2008.24 p.ISBN: 978-85-99851-46-31. Produto orgânico - qualidade. 2. Comercialização. I.Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo. II.Título.AGRIS E70CDU 63002 27VERSO CAPAMA-0011-08_180x180_controle_social.indd 30-31 02.02.09 09:50:12
  5. 5. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180IntroO coA veOrgaPor qO órCadaO quA OCQualQualMA-0011-08_180x180_controle_social.indd 4 02.02.09 09:49:20
  6. 6. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180SUMÁRIOIntrodução 05O comércio de produtos orgânicos 07A venda direta 09Organização de Controle Social - OCS 11Por que se cadastrar no órgão fiscalizador 13O órgão fiscalizador e suas funções 15Cadastramento da OCS 17O que é o que é? 19A OCS e o órgão fiscalizador 21Qualidade Orgânica,Armazenamento,Transporte e Comercialização 22Qualidade dos produtos 24MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 5 02.02.09 09:49:24
  7. 7. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18044MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 6 02.02.09 09:49:25
  8. 8. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x1805INTRODUÇÃOEsta publicação mostra como funciona o controle socialna garantia da qualidade orgânica na venda direta aoconsumidor por agricultores familiares sem certificação.Em cada capítulo, você vai poder contar com dicas,esclarecimentos e orientações importantes para que a suaprodução de orgânicos ganhe a credibilidade e o respeitodos consumidores finais.5MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 7 02.02.09 09:49:27
  9. 9. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x1806OSAGRICULTORESFAMILIARES TÊM QUEESTAR VINCULADOSA UMA ORGANIZAÇÃODE CONTROLESOCIAL - OCS.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 8 02.02.09 09:49:30
  10. 10. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180O COMÉRCIO DEPRODUTOS ORGÂNICOSO comércio de produtos orgânicos no Brasil e no mundo dependeda relação de confiança entre produtores e consumidores. Mas, paraque isso aconteça, a venda direta para o consumidor final é de muitaimportância. Afinal de contas, é a partir dela que são estabelecidospreços mais justos e o produtor tem a oportunidade de mostrar suapreocupação com o cultivo dos alimentos, que, no caso dos orgânicos,leva em conta o respeito à natureza e à saúde do homem, utilizandotécnicas especiais.Considerando essa realidade, as leis brasileiras abriram uma exceçãoà obrigatoriedade da certificação de produtos orgânicos para a vendadireta aos consumidores finais por agricultores familiares. Mas, paraisso, estes agricultores precisam estar vinculados a uma Organizaçãode Controle Social - OCS.7MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 9 02.02.09 09:49:31
  11. 11. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x1808A VENDADIRETA PODE SERREALIZADA POR UMPRODUTOR OU MEMBRODA FAMÍLIA QUE PARTICIPEDO PROCESSO DEPRODUÇÃO.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 10 02.02.09 09:49:35
  12. 12. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x1809A VENDA DIRETAPara a legislação brasileira, venda direta é aquelaque acontece entre o produtor e o consumidor final,sem intermediários.A lei também aceita que a vendaseja feita por um outro produtor ou membro dafamília que participe da produção e que também façaparte do grupo vinculado à Organização de ControleSocial - OCS. O que se quer com isso é garantir queo consumidor final sempre possa tirar suas possíveisdúvidas sobre o processo de produção do produtoque está levando.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 11 02.02.09 09:49:37
  13. 13. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18010ORSOA Orou coa Oros paOO paqueProdlhe eOCParae terpeloÉ PRECISOQUE ENTRE OSPARTICIPANTESEXISTA UMA RELAÇÃODE ORGANIZAÇÃO,COMPROMETIMENTOE COBRANÇA.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 12 02.02.09 09:49:39
  14. 14. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18011ORGANIZAÇÃO DE CONTROLESOCIAL - OCSA Organização de Controle Social pode ser formada por um grupo, associação, cooperativaou consórcio, com ou sem personalidade jurídica, de agricultores familiares. Mas, para quea Organização seja reconhecida pela sociedade e ganhe credibilidade, é preciso que entreos participantes exista uma relação de organização, comprometimento e confiança.O PAPEL DA OCSO papel da Organização de Controle Social é orientar de forma correta os agricultoresque fazem parte dela. Por isso, quando necessário, ela deverá consultar a Comissão daProdução Orgânica - CPOrg da unidade onde estiver situada sobre decisões técnicas quelhe estejam atribuídas pelos regulamentos da produção orgânica.OCS EM ATIVIDADEPara que cumpra bem o seu objetivo,a Organização de Controle Social - OCS deve ser ativae ter seu próprio controle, além de garantir que os produtores assegurem o direito de visitapelos consumidores, assim como o órgão fiscalizador, às suas unidades de produção.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 13 02.02.09 09:49:40
  15. 15. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18012ASOCSs DEVEM SECADASTRAR NASSUPERINTENDÊNCIASDO MAPA OU EM OUTROÓRGÃO FISCALIZADORCONVENIADO.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 14 02.02.09 09:49:41
  16. 16. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18013POR QUE SE CADASTRARNO ÓRGÃO FISCALIZADORPara que consumidores e produtores sérios não sejam prejudicadospelos “maus produtores”, a legislação determina que as Organizaçõesde Controle Social se cadastrem nas Superintendências Federais deAgricultura do Mapa. O cadastro também pode ser feito em outro órgãofiscalizador conveniado do governo federal, estadual ou do DistritoFederal. Assim, em caso de denúncias ou suspeitas de irregularidades,os produtores e suas unidades de produção são identificados com maisfacilidade. Esse procedimento, chamado de Rastreabilidade, garanteque os direitos dos consumidores e bons produtores sejam respeitadose que os “maus produtores” não se aproveitem da boa imagem que osprodutos orgânicos conquistaram.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 15 02.02.09 09:49:41
  17. 17. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18014PRODUTOR:VOCÊ DEVE LEVARSUA DECLARAÇÃO DECADASTRO NA HORADA VENDA DO SEUPRODUTO.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 16 02.02.09 09:49:43
  18. 18. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18015O ÓRGÃOFISCALIZADORE SUAS FUNÇÕESAssim que a Organização de Controle Social estivercadastrada, o órgão fiscalizador deve emitir umdocumento, chamado de Declaração de Cadastro,paracadaprodutorvinculadoaela.Essedocumentodeve estar disponível no momento da venda diretade produtos orgânicos para os consumidores.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 17 02.02.09 09:49:44
  19. 19. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18016CADASTRAMENTODA OCSPara a Organização de Controle Social - OCS se cadastrar no órgãofiscalizador, são necessários os seguintes documentos:Formulário de solicitação de cadastro preenchido e assinado;1. Formulário dos dados cadastrais de cada produtor;2. Termo de responsabilidade solidária assinado por todos3. os membros, se comprometendo com o cumprimento dasregulamentações técnicas;Descrição de como se dá o controle social sobre a produção4. e comercialização;Declaração oficial comprovando que os membros da OCS são5. agricultores familiares.ObtoepoMA-0011-08_180x180_controle_social.indd 18 02.02.09 09:49:45
  20. 20. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18017Obs: A descrição solicitada no item 4 deve demonstrar como o grupo assegura quetodos os seus membros adotem procedimento que permitem a verificação das técnicase insumos que utilizam na produção e que a rastreabilidade dos produtos é semprepossível.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 19 02.02.09 09:49:46
  21. 21. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18018MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 20 02.02.09 09:49:46
  22. 22. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18019O QUE É O QUE É?RESPONSABILIDADE SOLIDÁRIAÉ uma declaração que deve ser assinada por todos os membros dogrupo que formam a Organização de Controle Social - OCS. Com essedocumento,osparticipantescomprometem-seacumprirosregulamentostécnicos da produção orgânica, responsabilizando se solidariamentenos casos de não-cumprimento por algum dos membros.O QUE É UMA UNIDADE DE PRODUÇÃO?De acordo com a nossa legislação, uma unidade de produção é todoespaço destinado à produção, manuseio ou processamento de produtosorgânicos.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 21 02.02.09 09:49:46
  23. 23. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18020MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 22 02.02.09 09:49:47
  24. 24. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18021A OCS E O ÓRGÃOFISCALIZADORPara que a sua produção esteja sempre em dia com o órgão fiscalizador,você precisa estar atento. Comece agora.O prazo para que a Organização de Controle Social - OCS comu-• nique a inclusão de novos agricultores familiares na sua organi-zação é de, no máximo, 30 dias.Quando algum agricultor familiar for excluído do grupo, por qual-• quer que seja a razão, a OCS deverá recolher a sua declaraçãode cadastro e notificar a saída ao órgão fiscalizador no prazo de7 dias. Caso a OCS não consiga recolher esse documento, essainformação deve estar também na notificação.Para fazer o controle de tudo que é produzido, a OCS deve atua-• lizar as listas dos principais produtos e quantidades de produçãopor unidade de produção familiar.As informações que a OCS vai passar são de muita importância.• É com base nelas que o órgão fiscalizador vai manter atualiza-do o Cadastro Nacional de Produtores Orgânicos e o CadastroNacional de Atividades Produtivas do Ministério da Agricultura,Pecuária e Abastecimento.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 23 02.02.09 09:49:47
  25. 25. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18022QUALIDADE ORGÂNICA,ARMAZENAMENTO,TRANSPORTE ECOMERCIALIZAÇÃOMA-0011-08_180x180_controle_social.indd 24 02.02.09 09:49:48
  26. 26. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180O consumidor tem direito de saber tudo sobre a qualidade orgânicados produtos. Veja como você pode colocá-lo em contato com essasinformações.O consumidor deve ter acesso a todas as informações sobre a• qualidade orgânica do produto. Elas podem ser encontradasno rótulo, se existir, em materiais de divulgação e em avisoscolocados nos locais onde o produto está sendo vendido.Na comercialização entre agricultores familiares e consumido-• res finais, o produto deve ser identificado. Ou seja: o consumi-dor tem que poder saber quem foi o produtor e a que OCS estávinculado.Os produtos orgânicos não-certificados NÃO podem fazer uso• do Selo do Sistema Brasileiro de Avaliação da ConformidadeOrgânica. Mas a legislação permite que o agricultor coloqueno rótulo do produto, quando existir, ou no ponto-de-venda aexpressão: PRODUTO ORGÂNICO PARA VENDA DIRETA PORAGRICULTORES FAMILIARES ORGANIZADOS, NÃO SUJEITO ÀCERTIFICAÇÃO, DE ACORDO COM A LEI Nº 10.831, DE 23 DESETEMBRO DE 2003.23MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 25 02.02.09 09:49:48
  27. 27. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x18024QUALIDADE DOS PRODUTOSDesde a produção até a armazenagem, transporte e comercialização, os produtos e in-gredientes orgânicos devem ser bem cuidados para que a sua qualidade seja a melhorpossível. Para isso, tome os seguintes cuidados:Proteja, em todo momento, os produtos orgânicos para que eles não se misturem• com os não-orgânicos ou com materiais e substâncias não-permitidos.Os produtos orgânicos que têm facilidade de contaminação por contato ou que,• apenas olhando, não possam ser diferenciados devem ser identificados e coloca-dos em lugares separados dos demais produtos não-orgânicos.Cumpra as exigências das legislações específicas para a produção orgânica.• Os produtos a granel devem ter a identificação do fornecedor.• AGORA QUE VOCÊ JÁ ESTÁ POR DENTRO DAS PRINCIPAIS INFORMAÇÕES PARAGARANTIR A QUALIDADE ORGÂNICA DA SUA PRODUÇÃO, MÃOS À OBRA.MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 26 02.02.09 09:49:48
  28. 28. Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180Cliente:MAPAData:02/02/2009Material:Cart.ControleSoc.PIT:MA-0011/08Formato(A):180x180mmFormato(F):360x180Ministério da Agricultura, Pecuária e AbastecimentoCONTROLE SOCIALNA VENDA DIRETA AO CONSUMIDOR DE PRODUTOS ORGÂNICOSSEM CERTIFICAÇÃO28 CAPA 01ISBN: 978-85-99851-46-3MA-0011-08_180x180_controle_social.indd 28-29 02.02.09 09:50:10

×