SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 21
EXAME FÍSICO GERAL
Dra Silvia Luanda Rezende
INTRODUÇÃO
 Sinais físico são indicações objetivas da doença
 Processo dinâmico e interligado
ANAMNESE EXAME FÍSICO
INTRODUÇÃO
 Metódico e completo
 Reavaliações subsequentes
 Respeito ao paciente
 Ambiente adequado
EXAME FÍSICO GERAL
 Condição global de saúde do paciente
 Avaliação desarmada : OBSERVAÇÃO !!!
 Olhar
 Palpar
 Ouvir
AVALIAÇÃO DO ESTADO GERAL
 BOM ESTADO GERAL – BEG
 Paciente que mesmo sendo portador de uma doença, mantém o aspecto físico,
intelectual e emocional compatível com sua idade e condição social.
 REGULAR ESTADO GERAL-BEG
 Paciente que manifesta sinais de doença, mas não se encontra prostrado, nem
teve sua condição nutricional e consciência significativamente alterados.
 MAU ESTADO GERAL – MEG
 Paciente com manifestações inequívocas da doença, com evidências clínicas de
perda de peso, desidratação, alteração do nível de consciência, confusão mental
SINAIS VITAIS E MEDIDAS
ANTROPOMÉTRICAS
 Temperatura corporal
 Febril/Afebril
 Peso
 Altura
 Medidas de circunferências
 Medida de pressão arterial
IMC
Facies
NÍVEL DE CONSCIÊNCIA
 Alerta, Vigil, Lúcido,
 Sonolento, Torporoso,
 Comatoso, Inconsciênte
 Orientado
 Confuso
 Desconexo
L.O.T.E.
ATITUDE E DECÚBITO PREFERENCIAL
 Ortopnéia
 Antálgica
 Opistótono
 Não fica em pé
GRAU DE HIDRATAÇÃO
 Normohidratada
 Desidratada
 Edema
ESTADO NUTRICIONAL
 IMC
 Estado da pele
 Tela subcutânea
 Trofismo muscular
MUCOSAS
 Conjuntivas oculares
 Lábios
 Língua
 Gengivas
PELE E ANEXOS
 Coloração
 Textura, espessura, umidade
 Turgor, mobilidade, elasticidade
 Edemas
 Enfisema subcutâneo
 Lesões dermatológicas
 Pelos e cabelos
 unhas
SISTEMA LOCOMOTOR
 Rápida inspeção inicial de alterações articulares e deformidades, desvios de
coluna...
Cadeias Ganglionares
 Palpação e inspeção das cadeias ganglionares:
 Tamanho
 Concistência
 Coalescência
 Mobilidade
 Sensibilidade
Informações Complementares
 Biotipo
 Hálito
 Variações regionais de temperatura
 Distribuição da tela subcutânea
Exame físico geral
Exame físico geral

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Exame fisico geral 2020
Exame fisico geral 2020Exame fisico geral 2020
Exame fisico geral 2020pauloalambert
 
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)Gustavo Oliveira
 
Apresentação caso clínico
Apresentação caso clínicoApresentação caso clínico
Apresentação caso clínicojaninemagalhaes
 
Anamnese
AnamneseAnamnese
Anamneselacmuam
 
Casos Clínicos: Anamnese e Diagnósticos Possíveis
Casos Clínicos: Anamnese e Diagnósticos PossíveisCasos Clínicos: Anamnese e Diagnósticos Possíveis
Casos Clínicos: Anamnese e Diagnósticos PossíveisTHIAGO MELANIAS
 
Avaliação do estado de hidratação
Avaliação do estado de hidrataçãoAvaliação do estado de hidratação
Avaliação do estado de hidrataçãopauloalambert
 
Sinais do Raio X de Tórax
Sinais do Raio X de TóraxSinais do Raio X de Tórax
Sinais do Raio X de TóraxBrenda Lahlou
 
Exame Físico do Aparelho Respiratório (Davyson Sampaio Braga)
Exame Físico do Aparelho Respiratório (Davyson Sampaio Braga)Exame Físico do Aparelho Respiratório (Davyson Sampaio Braga)
Exame Físico do Aparelho Respiratório (Davyson Sampaio Braga)Davyson Sampaio
 
Exame físico do abdome l
Exame físico do abdome lExame físico do abdome l
Exame físico do abdome lpauloalambert
 
Síndromes Diarréicas
Síndromes DiarréicasSíndromes Diarréicas
Síndromes DiarréicasPaulo Alambert
 
Estadiamento Puberal : Critérios de Tanner
Estadiamento Puberal : Critérios de TannerEstadiamento Puberal : Critérios de Tanner
Estadiamento Puberal : Critérios de Tannerblogped1
 
Propedêutica torácica
Propedêutica torácicaPropedêutica torácica
Propedêutica torácicapauloalambert
 

Mais procurados (20)

.pdf
.pdf.pdf
.pdf
 
Exame fisico geral 2020
Exame fisico geral 2020Exame fisico geral 2020
Exame fisico geral 2020
 
Semiologia da Febre
Semiologia da FebreSemiologia da Febre
Semiologia da Febre
 
Propedeutica abdominal
Propedeutica abdominalPropedeutica abdominal
Propedeutica abdominal
 
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
 
Apresentação caso clínico
Apresentação caso clínicoApresentação caso clínico
Apresentação caso clínico
 
Sensibilidade 14
Sensibilidade 14Sensibilidade 14
Sensibilidade 14
 
Anamnese
AnamneseAnamnese
Anamnese
 
Casos Clínicos: Anamnese e Diagnósticos Possíveis
Casos Clínicos: Anamnese e Diagnósticos PossíveisCasos Clínicos: Anamnese e Diagnósticos Possíveis
Casos Clínicos: Anamnese e Diagnósticos Possíveis
 
Avaliação do estado de hidratação
Avaliação do estado de hidrataçãoAvaliação do estado de hidratação
Avaliação do estado de hidratação
 
Sinais do Raio X de Tórax
Sinais do Raio X de TóraxSinais do Raio X de Tórax
Sinais do Raio X de Tórax
 
Exame Físico do Aparelho Respiratório (Davyson Sampaio Braga)
Exame Físico do Aparelho Respiratório (Davyson Sampaio Braga)Exame Físico do Aparelho Respiratório (Davyson Sampaio Braga)
Exame Físico do Aparelho Respiratório (Davyson Sampaio Braga)
 
Reflexos
ReflexosReflexos
Reflexos
 
Exame físico do abdome l
Exame físico do abdome lExame físico do abdome l
Exame físico do abdome l
 
Inflamacao e dor
Inflamacao e dorInflamacao e dor
Inflamacao e dor
 
Síndromes Diarréicas
Síndromes DiarréicasSíndromes Diarréicas
Síndromes Diarréicas
 
Exame físico geral 1
Exame físico geral 1Exame físico geral 1
Exame físico geral 1
 
Estadiamento Puberal : Critérios de Tanner
Estadiamento Puberal : Critérios de TannerEstadiamento Puberal : Critérios de Tanner
Estadiamento Puberal : Critérios de Tanner
 
Semiologia cardíaca
Semiologia cardíaca Semiologia cardíaca
Semiologia cardíaca
 
Propedêutica torácica
Propedêutica torácicaPropedêutica torácica
Propedêutica torácica
 

Semelhante a Exame físico geral

Semiologia 16 geriatria - avaliação geriátrica ampla pdf
Semiologia 16   geriatria - avaliação geriátrica ampla pdfSemiologia 16   geriatria - avaliação geriátrica ampla pdf
Semiologia 16 geriatria - avaliação geriátrica ampla pdfJucie Vasconcelos
 
Novos conceitos de testes para a saúde mental - IMMH 2016 Brazil
Novos conceitos de testes para a saúde mental    - IMMH 2016 BrazilNovos conceitos de testes para a saúde mental    - IMMH 2016 Brazil
Novos conceitos de testes para a saúde mental - IMMH 2016 BrazilLouis Cady, MD
 
Doença celíaca nutrição brasil
Doença celíaca   nutrição brasilDoença celíaca   nutrição brasil
Doença celíaca nutrição brasilDanielle Guimarães
 
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisaCoaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisaCoachingNutrition
 
III Jornada de Perinatologia de Joinville
III Jornada de Perinatologia de JoinvilleIII Jornada de Perinatologia de Joinville
III Jornada de Perinatologia de JoinvilleMarcio Fossari
 
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica Amanda Amate
 
Termologia da área de enfermagem
Termologia da área de enfermagemTermologia da área de enfermagem
Termologia da área de enfermagemNEELLITON SANTOS
 
Baixa estatura linear pode se apresentar de 2 formas diferentes em criança pr...
Baixa estatura linear pode se apresentar de 2 formas diferentes em criança pr...Baixa estatura linear pode se apresentar de 2 formas diferentes em criança pr...
Baixa estatura linear pode se apresentar de 2 formas diferentes em criança pr...Van Der Häägen Brazil
 
Método Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Método Clínico para os Cuidados FarmacêuticosMétodo Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Método Clínico para os Cuidados FarmacêuticosCassyano Correr
 
Obesidade infantil e depressão critérios diagnósticos pediátricos para a depr...
Obesidade infantil e depressão critérios diagnósticos pediátricos para a depr...Obesidade infantil e depressão critérios diagnósticos pediátricos para a depr...
Obesidade infantil e depressão critérios diagnósticos pediátricos para a depr...Van Der Häägen Brazil
 
Aula sobre a Síndrome de guillain barré (sgb) - Adriana
Aula sobre a Síndrome de guillain barré (sgb) - AdrianaAula sobre a Síndrome de guillain barré (sgb) - Adriana
Aula sobre a Síndrome de guillain barré (sgb) - AdrianaSMS - Petrópolis
 
criterios seleccao_cirurgia_bariatrica
 criterios seleccao_cirurgia_bariatrica criterios seleccao_cirurgia_bariatrica
criterios seleccao_cirurgia_bariatricaJoaquim Wilmar
 
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICADESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICASilvana Lima
 

Semelhante a Exame físico geral (20)

Nutrição
NutriçãoNutrição
Nutrição
 
Semiologia 16 geriatria - avaliação geriátrica ampla pdf
Semiologia 16   geriatria - avaliação geriátrica ampla pdfSemiologia 16   geriatria - avaliação geriátrica ampla pdf
Semiologia 16 geriatria - avaliação geriátrica ampla pdf
 
Novos conceitos de testes para a saúde mental - IMMH 2016 Brazil
Novos conceitos de testes para a saúde mental    - IMMH 2016 BrazilNovos conceitos de testes para a saúde mental    - IMMH 2016 Brazil
Novos conceitos de testes para a saúde mental - IMMH 2016 Brazil
 
Doença celíaca nutrição brasil
Doença celíaca   nutrição brasilDoença celíaca   nutrição brasil
Doença celíaca nutrição brasil
 
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisaCoaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa
 
III Jornada de Perinatologia de Joinville
III Jornada de Perinatologia de JoinvilleIII Jornada de Perinatologia de Joinville
III Jornada de Perinatologia de Joinville
 
1 epidemiologia saude
1   epidemiologia saude1   epidemiologia saude
1 epidemiologia saude
 
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica
 
Diabetes Mellitus
Diabetes MellitusDiabetes Mellitus
Diabetes Mellitus
 
Cap 01anamnese
Cap 01anamneseCap 01anamnese
Cap 01anamnese
 
Termologia da área de enfermagem
Termologia da área de enfermagemTermologia da área de enfermagem
Termologia da área de enfermagem
 
Ovário policísticos 2
Ovário policísticos 2Ovário policísticos 2
Ovário policísticos 2
 
Delirium
DeliriumDelirium
Delirium
 
Delirium
DeliriumDelirium
Delirium
 
Baixa estatura linear pode se apresentar de 2 formas diferentes em criança pr...
Baixa estatura linear pode se apresentar de 2 formas diferentes em criança pr...Baixa estatura linear pode se apresentar de 2 formas diferentes em criança pr...
Baixa estatura linear pode se apresentar de 2 formas diferentes em criança pr...
 
Método Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Método Clínico para os Cuidados FarmacêuticosMétodo Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Método Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
 
Obesidade infantil e depressão critérios diagnósticos pediátricos para a depr...
Obesidade infantil e depressão critérios diagnósticos pediátricos para a depr...Obesidade infantil e depressão critérios diagnósticos pediátricos para a depr...
Obesidade infantil e depressão critérios diagnósticos pediátricos para a depr...
 
Aula sobre a Síndrome de guillain barré (sgb) - Adriana
Aula sobre a Síndrome de guillain barré (sgb) - AdrianaAula sobre a Síndrome de guillain barré (sgb) - Adriana
Aula sobre a Síndrome de guillain barré (sgb) - Adriana
 
criterios seleccao_cirurgia_bariatrica
 criterios seleccao_cirurgia_bariatrica criterios seleccao_cirurgia_bariatrica
criterios seleccao_cirurgia_bariatrica
 
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICADESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
 

Último

01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdfIANAHAAS
 
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino FelisbertoAltas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisbertoadelinofelisberto3
 
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdfManual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdfDanieldaSade
 
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclosCaracterísticas gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclosThaiseGerber2
 
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfHELLEN CRISTINA
 
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades PúblicasAlimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades PúblicasProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdfManual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdfDanieldaSade
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfHELLEN CRISTINA
 
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdfHELLEN CRISTINA
 

Último (10)

01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
 
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino FelisbertoAltas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
 
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdfManual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
 
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclosCaracterísticas gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
 
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
 
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades PúblicasAlimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
 
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdfManual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
 
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
 

Exame físico geral

  • 1. EXAME FÍSICO GERAL Dra Silvia Luanda Rezende
  • 2. INTRODUÇÃO  Sinais físico são indicações objetivas da doença  Processo dinâmico e interligado ANAMNESE EXAME FÍSICO
  • 3. INTRODUÇÃO  Metódico e completo  Reavaliações subsequentes  Respeito ao paciente  Ambiente adequado
  • 4. EXAME FÍSICO GERAL  Condição global de saúde do paciente  Avaliação desarmada : OBSERVAÇÃO !!!  Olhar  Palpar  Ouvir
  • 5. AVALIAÇÃO DO ESTADO GERAL  BOM ESTADO GERAL – BEG  Paciente que mesmo sendo portador de uma doença, mantém o aspecto físico, intelectual e emocional compatível com sua idade e condição social.
  • 6.  REGULAR ESTADO GERAL-BEG  Paciente que manifesta sinais de doença, mas não se encontra prostrado, nem teve sua condição nutricional e consciência significativamente alterados.
  • 7.  MAU ESTADO GERAL – MEG  Paciente com manifestações inequívocas da doença, com evidências clínicas de perda de peso, desidratação, alteração do nível de consciência, confusão mental
  • 8.
  • 9. SINAIS VITAIS E MEDIDAS ANTROPOMÉTRICAS  Temperatura corporal  Febril/Afebril  Peso  Altura  Medidas de circunferências  Medida de pressão arterial IMC
  • 11. NÍVEL DE CONSCIÊNCIA  Alerta, Vigil, Lúcido,  Sonolento, Torporoso,  Comatoso, Inconsciênte  Orientado  Confuso  Desconexo L.O.T.E.
  • 12. ATITUDE E DECÚBITO PREFERENCIAL  Ortopnéia  Antálgica  Opistótono  Não fica em pé
  • 13. GRAU DE HIDRATAÇÃO  Normohidratada  Desidratada  Edema
  • 14. ESTADO NUTRICIONAL  IMC  Estado da pele  Tela subcutânea  Trofismo muscular
  • 15. MUCOSAS  Conjuntivas oculares  Lábios  Língua  Gengivas
  • 16. PELE E ANEXOS  Coloração  Textura, espessura, umidade  Turgor, mobilidade, elasticidade  Edemas  Enfisema subcutâneo  Lesões dermatológicas  Pelos e cabelos  unhas
  • 17. SISTEMA LOCOMOTOR  Rápida inspeção inicial de alterações articulares e deformidades, desvios de coluna...
  • 18. Cadeias Ganglionares  Palpação e inspeção das cadeias ganglionares:  Tamanho  Concistência  Coalescência  Mobilidade  Sensibilidade
  • 19. Informações Complementares  Biotipo  Hálito  Variações regionais de temperatura  Distribuição da tela subcutânea