Dossier projecto4 wodaabe

646 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
646
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Dossier projecto4 wodaabe

  1. 1. 2010 GRUPO WODAABE [MISTURAS E CULTURAS] DOSSIER - PROJECTO
  2. 2. “wodaabe”..........................................................................................................................5 Introdução...........................................................................................................................5 PLANEAMENTO FUNDAMENTAL................................................................................6 1) Definir os Objectivos:.......................................................................................................6 2) Identificar o Público – Alvo:.............................................................................................6 3) Definir o Enfoque do Evento:...........................................................................................6 4) Definir o Design do Evento:..............................................................................................6 a). Ambiente:.........................................................................................................................................6 b). Metodologia:....................................................................................................................................7 C) Definir a Equipa do Projecto:............................................................................................................7 D) Análise da Viabilidade do Evento:....................................................................................................7 e) Obter Aprovação para Avançar.........................................................................................................8 Anexos.......................................................................................................................8 ORIGEM:..................................................................................................................11 QUOTIDIANO:..........................................................................................................12 ECONOMIA:.............................................................................................................13 SISTEMA POLITICO...................................................................................................13 RELIGIÃO, MORAL E COSTUMES...............................................................................13 EVENTOS..................................................................................................................14 ACTAS................................................................................................................................16 acta n.º toe2_001/OUT/2009.............................................................................................................16 acta n.º toe2_002/OUT/2009.............................................................................................................19 acta n.º toe2_003/OUT/2009.............................................................................................................21 acta n.º toe2_004/OUT/2009.............................................................................................................23 acta n.º toe2_005/OUT/2009.............................................................................................................25 acta n.º toe2_006/OUT/2009.............................................................................................................27 acta n.º toe2_007/OUT/2009.............................................................................................................29 acta n.º toe2_008/OUT/2009.............................................................................................................31 acta n.º toe2_009/OUT/2009.............................................................................................................33 Sketch’s Salas de exposição...............................................................................................35 LOGOTIPOS........................................................................................................................35 CONVITE............................................................................................................................36 Página 2
  3. 3. Demonstrativo GERAL de despesas.........................................................................37 logistica...................................................................................................................38 o evento...................................................................................................................39 Pré-evento.........................................................................................................................39 Dia do Evento: Misturas e Culturas.....................................................................................................40 AVALIAÇÃO .......................................................................................................................40 Apoios................................................................................................................................41 Formadores........................................................................................................................41 Coordenadores..................................................................................................................42 Director..............................................................................................................................42 Página 3
  4. 4. Página 4
  5. 5. DOSSIER-PROJECTO “WODAABE” INTRODUÇÃO No âmbito do módulo UC_7, foi proposto à turma TOE 2/DL-FAM/2009, a aplicação práctica (exposição) dos conhecimentos adquiridos nos trabalhos apresentados em UC_4. Assim, a turma foi dividida em cinco grupos distintos consoante os temas dos trabalhos teóricos de planeamento. O grupo é constituído por Sílvia Fernandes, Liliana Sério e Carlos Ancieto. O grupo “Wodaabe” elaborou o planeamento de uma exposição cultural e difusão da cultura. Pretendia-se o planeamento e exposição sobre o tema “O povo mais bonito do planeta”. O trabalho teórico é anexado neste dossier. Página 5
  6. 6. PLANEAMENTO FUNDAMENTAL 1) DEFINIR OS OBJECTIVOS: Contribuir para o desenvolvimento das capacidades individuais e colectivas dos formandos. Planear e elaborar uma exposição académica de forma a demonstrar os trabalhos efectuados em UC_4. Incentivar os formandos à exposição enquanto ferramenta de melhoramento na formação e divulgação dos seus trabalhos. Contribuir para a preparação e concretização de um evento, como trabalho práctico dos conhecimentos adquiridos. Criar uma exposição cultural que divulgue a cultura “wodaabe” 2) IDENTIFICAR O PÚBLICO – ALVO: A exposição identificará os formandos, formadores e profissionais do Centro de Formação Profissional da Amadora. 3) DEFINIR O ENFOQUE DO EVENTO: O evento será denominado por :'' MISTURAS E CULTURAS'', acolherá os cinco grupos de trabalho da turma TOE 2 – Amish; Grécia; Marrocos;Cina e Wodaabe. O grupo “ Wodaabe”, quer realçar o planeamento de uma exposição cultural como ferramenta dos seus objectivos finais do curso de organização e gestão de eventos, uma vez, que cada vez mais se aposta do desenvolvimento e divulgação cultural. 4) DEFINIR O DESIGN DO EVENTO: A). AMBIENTE: O evento será com ambiente académico, dividido em cinco grupos: 1. Wodaabe: exposição cultural com imagens informativas da cultura. Página 6
  7. 7. B). METODOLOGIA: 1. Planear 2. esquematizar 3. Monitorizar 4. Elaborar C) DEFINIR A EQUIPA DO PROJECTO: Efectivos: Centro de Formação da Amadora; Formadora Agripina Costa; Toe2 Colaborantes: Segurança; Equipa de Limpeza; Turma de Multimédia; Formadores de Design e Impressão Gráfica; Formadores do Curso Toe2; Coordenadores D) ANÁLISE DA VIABILIDADE DO EVENTO: A exposiçao '' Misturas e Culturas'' promove o evento como culminar de conhecimentos adquiridos em UC4_7 e 81, leccionado pela formadora Agripina Costa. Promove e realiza actividades no ambiente académico, criando uma imagem de Marca para os eventos futuros – EN VENTOS. 1. UC4 - Cultura; UC_7 – Planeamentos; UC_8 - Liderança Página 7
  8. 8. TOE -2/ DL-FAM/2009 UC_4 - Questões Culturais, Ambiental de ética Profissional Sílvia Fernandes Carlos Aniceto Liliana Sério Edite Bernatelli E) OBTER APROVAÇÃO PARA AVANÇAR Autorização dos Efectivos e Colaborantes do evento mencionados na alinea 5). ANEXOS Página 8
  9. 9. [WOODABE] O Povo mais bonito do Mundo. Página 9
  10. 10. SUMÁRIO “wodaabe”..........................................................................................................................5 Introdução...........................................................................................................................5 PLANEAMENTO FUNDAMENTAL................................................................................6 1) Definir os Objectivos:.......................................................................................................6 2) Identificar o Público – Alvo:.............................................................................................6 3) Definir o Enfoque do Evento:...........................................................................................6 4) Definir o Design do Evento:..............................................................................................6 a). Ambiente:.........................................................................................................................................6 b). Metodologia:....................................................................................................................................7 C) Definir a Equipa do Projecto:............................................................................................................7 D) Análise da Viabilidade do Evento:....................................................................................................7 e) Obter Aprovação para Avançar.........................................................................................................8 Anexos.......................................................................................................................8 ORIGEM:..................................................................................................................11 QUOTIDIANO:..........................................................................................................12 ECONOMIA:.............................................................................................................13 SISTEMA POLITICO...................................................................................................13 RELIGIÃO, MORAL E COSTUMES...............................................................................13 EVENTOS..................................................................................................................14 ACTAS................................................................................................................................16 acta n.º toe2_001/OUT/2009.............................................................................................................16 acta n.º toe2_002/OUT/2009.............................................................................................................19 acta n.º toe2_003/OUT/2009.............................................................................................................21 acta n.º toe2_004/OUT/2009.............................................................................................................23 acta n.º toe2_005/OUT/2009.............................................................................................................25 acta n.º toe2_006/OUT/2009.............................................................................................................27 acta n.º toe2_007/OUT/2009.............................................................................................................29 acta n.º toe2_008/OUT/2009.............................................................................................................31 acta n.º toe2_009/OUT/2009.............................................................................................................33 Página 10
  11. 11. Sketch’s Salas de exposição....................................................................................35 LOGOTIPOS.............................................................................................................35 CONVITE............................................................................................................................36 Demonstrativo GERAL de despesas....................................................................................37 logistica..............................................................................................................................38 o evento................................................................................................................39 Pré-evento.........................................................................................................................39 Dia do Evento: Misturas e Culturas.....................................................................................................40 at AVALIAÇÃO .......................................................................................................................40 Apoios................................................................................................................................41 Formadores........................................................................................................................41 so C a Coordenadores..................................................................................................................42 Director..............................................................................................................................42 np i i rg A a: rod am ro F OS WODAABE ORIGEM: São um pequeno subgrupo de uma etnia chamada FULANI, um povo nómada, pastores e comerciantes que habitam a zona do Sahel (zona árida que medeia o deserto de Sahara e as estepes africanas). Entre eles, intitulam-se Bororo. No entanto Wodaabe, em Fula, quer dizer “Povo do Tabu”. Este povo é considerado um dos mais bonitos de África - Povo mais bonito do mundo. Movimentam-se há mais de mil anos entre o sul do Níger, a Norte da Nigéria, a leste dos Camarões e a Oeste da África Central e em 1983 estimavam-se em cerca de 45,000. Página 11
  12. 12. O ponto alto do império Fulani, foi entre os anos 1800 e 1900, sob a orientação de Usman dan Fodio, um professor, escritor e reformista islâmico. Entre outras, encorajou a alfabetização e escolaridade, incluindo as mulheres. Durante esse período travaram diversos combates religiosos com outras tribos e criaram um forte império na zona. Falam um dialecto de uma língua originária da África Ocidental, chamada FULA (cerca de 10 a 16 milhões de pessoas falam esta língua), e apesar de ser uma língua que não usa qualquer representação escrita e ter vários dialectos, as tribos conseguem entender-se entre si. QUOTIDIANO: Os Wodaabe são um povo pastor de uma espécie de vaca que dá pelo nome de Zebu, de longos cornos e adaptada ao clima tropical. Movimentam-se juntamente com as suas manadas normalmente de Sul para Norte seguindo a direcção das chuvas, a pé, de burro ou camelo e acampando apenas por alguns dias na mesma zona até que não haja mais pasto. Alimentam-se normalmente de leite, iogurte, chá doce e “millet” e ocasionalmente cabra ou carneiro. As famílias, ou tribos são constituídas normalmente por diversos irmãos e as suas mulheres, filhos e idosos. Os homens têm normalmente várias mulheres. O seu mais valioso pertence é uma enorme cama de madeira que transportam para todo o lado e que é o centro da sua habitação, apenas rodeada eventualmente por alguns tecidos e outros pertences. Entre estes, contam-se diversas cabaças, que simbolizam o status das mulheres passando de geração em geração e que não raramente provocam atritos entre as mulheres do mesmo homem. Página 12
  13. 13. ECONOMIA: Os Wodaabe são pastores e comerciantes. Estabeleceram rotas no Oeste africano que lhes permitiu ligações extensas na região e promoveram laços políticos e económicos com outros grupos étnicos. Trocam produtos derivados do leite produzidos pelo seu gado por produtos agrícolas e de luxo, aos agricultores sedentários e estes são usados para venderem aos viajantes saharianos, como os Tuaregues, que os transportam para Norte. Os belos tecidos produzidos pelos Wodaabe, são considerados produtos luxuosos e podem ser encontrados no mercado internacional. SISTEMA POLITICO Os dois mais significativos factores na política Fulani, são os clientes e a competição. Para que ganhem posição politica, têm de competir entre os companheiros o direito de dominar ou governar. Para demonstrar o seu poder politico têm de ter uma grande comitiva, na forma de seguidores e familiares. Concordando em ser cliente de um homem ou família poderosa, um indivíduo prestará homenagem na forma de prendas e apoio politico em troca de protecção. Os Wodaabe frequentemente mantêm um considerável poder politico dentro das suas comunidades nómadas, assim como nas suas comunidades no Norte da Nigéria. RELIGIÃO, MORAL E COSTUMES Os Wodaabe são um povo essencialmente Islâmico apesar de alguns dos princípios básicos desta religião não sejam integralmente cumpridos devido a alguns costumes culturais deste povo. Entre os mais religiosos contam-se os mais ricos e poderosos e os com menos recursos menos cumpridores da religião. O Islão tem sido usado para justificar a Jihad que tornou actualmente os territórios do norte da Nigéria sobre a influência e controle dos Wodaabe e dos Fulani. O mesmo já tinha acontecido no sec. XVI quando o grande profeta El Maghili pregou os ensinamentos de Mohammed á elite na Nigéria. El Maghili foi o responsável na conversão dos povos Hausa, Fulani e Tuareg da região. O seu código de comportamento está baseado na sua atitude reservada e modéstia, paciência e firmeza, prudência e lealdade. No entanto dão grande valor á beleza e charme. São muito vaidosos. Os pais não têm permissão de falar directamente com os dois primeiros filhos, que são geralmente criados pelos avós. Durante o dia, marido e mulher não podem dar as mãos ou falar um Página 13
  14. 14. com o outro informalmente. No entanto, as mulheres solteiras podem ter relações quando e com quem quiserem. Os Wodaabe praticam a poligamia. No entanto o primeiro casamento é geralmente arranjado entre os pais dos membros da mesma linhagem mesmo quando ainda são crianças. Os pais do noivo dão um dote aos pais da noiva e então casam-se. Mais tarde, os chamados casamentos por amor são possíveis, mas geralmente quando uma mulher deixa o marido para se juntar a outro marido. Uma noiva, fica com o seu marido até que fique grávida. Nessa altura regressa a casa da sua mãe, com quem fica nos 3 ou 4 anos seguintes e com quem deixa o seu filho/a tornando-se numa “boofeydo”, o que significa “alguém que cometeu um erro”. Durante esse período, O “SEMTEENDE” ( termo que usam para designar este tipo de comportamento) não lhe é permitido ver ou falar com o seu marido e por seu lado ele não pode expressar qualquer interesse na mulher ou no recém- nascido, pois é um pecado cultural. Quando estão reunidos com familiares, amigos, conhecidos e estranhos, conversam sem se olharem directamente nos olhos como sinal de respeito e vergonha Após esse período (2 a 3 anos) a mulher poderá então visitar o marido mas ainda não lhe é permitido viver com ele. Só após a mãe da mulher adquirir tudo o que é necessário para a sua casa é que é permitido á mulher ir viver com o marido e levar o seu filho. A mulher, se não estiver satisfeita com o tratamento do marido, pode deixá-lo e juntar-se a outro homem e tornar-se sua mulher. Nalguns casos pode deixar para trás com o seu marido anterior, o/ os seus filhos. O novo marido, numa cerimónia mais simples e para concretizar este novo casamento, frequentemente sacrifica uma cabra. EVENTOS Esta tribo, é conhecida pelo seu apreço pela beleza, e tem um papel fundamental no dia a dia desta sociedade tribal e principalmente nos eventos mais importantes. O “Worso” é um evento quando elementos da mesma linhagem se reúnem para comemorar nascimentos e casamentos. Vestidos com as melhores e mais elegantes vestimentas, estas comemorações duram 3 dias preenchidos com diversos rituais. Página 14
  15. 15. Durante o dia é comum cantarem, dançarem e sacrificarem animais valiosos para a sua cultura e durante a noite diversos idosos, contadores de histórias, prendem a atenção dos mais novos e dos mais velhos. Desta forma o “Worso” permite a todos os familiares estreitarem e reafirmarem os seus laços. Em Setembro, acontece a maior e mais importante celebração pois os Wodaabe juntam-se no final da época das chuvas para um festival anual que dura 1 semana – o Festival Gerewol – onde se encontram cerca de 300 participantes. Incluído neste festival, uma das cerimónias chama-se “Yaake”. É um concurso de beleza masculino, onde investem muitas horas de preparação para ficarem bonitos para as candidatas. Para isso vestem-se com as melhores e mais extravagantes roupas, usam tranças no meio do cabelo rapado, colocam as melhores jóias e pintam-se de amarelo pálido, com uma risca centralizada de alto a baixo da face para a alongar, rapam as sobrancelhas, contornando os olhos e pintando os lábios de preto, de forma a realçar o branco dos olhos e dos dentes. A cor negra é aplicada usando o pó negro retirado do interior de pilhas. Colocam ainda pós mágicos em pequenos saquinhos e penduram-nos em volta do pescoço. Dançam durante várias horas, ombro com ombro, cantando em coro, elevando-se para parecerem mais altos, abrindo e rolando os olhos e arreganham os dentes na tentativa de atrair o sexo oposto. É uma autêntica maratona onde os homens têm a possibilidade de mostrarem o seu charme, beleza e magnetismo para conquistar mulheres. Os mais velhos entretanto, vão motivando e provocando os dançarinos para fazer mais e melhor até á exaustão. Os cantos, são compostos por pequenas composições sonoros que são rigorosamente repetidas durante horas. Ganha não o mais bonito, mas o que mostrar mais charme e magnetismo. No entanto, a dança “gerewol” é o mais importante, rigoroso e prestigioso acontecimento onde apenas há lugar para os elementos mais bonitos e elegantes. Aqui os homens pintam as faces de vermelho, usam vestimentas semelhantes, umas mantas africanas coloridas longas até aos joelhos, diversos fios de missangas cruzados no pescoço, turbantes ornamentados com enormes plumas de avestruz e diversas conchas coloridas. Durante a dança, os que se acharem em desvantagem, desistem voluntariamente da competição e os que ficam trocam as plumas de avestruz por plumas de rabo-de-cavalo, significando que passam ao nível seguinte da dança, isto é, a torna-se mais exigente, intensa e selvagem. As mulheres procuram diversas características específicas; esguio, uma testa alta, cabelo bem entraçado, um nariz esguio, olhos e dentes brancos, lábios finos, um pescoço alto, uma face alongada, mãos grandes e de preferência membros flexíveis e ágeis. Página 15
  16. 16. Se uma mulher se sentir impressionada, dirige-se ao homem escolhido e toca-lhe em sinal de o ter aceite para marido. Tanto podem ser solteiras, como casadas insatisfeitas com o marido actual. ACTAS Realização de Evento nas Instalações IEFP, no âmbito da UC_7-TOE2/DL- FAM/2009 06 ACTA N.º /10 /2 TOE2_001/OUT/2 SALA 38_IEFP 00 009 9 REUNIÃO PRESIDIDA POR Formadora Adripina TIPO DE REUNIÃO Escolar FACILITADOR Formadora Agripina SECRETÁRIO Sílvia Fernandes PARTICIPANTES Toe2/DL-FAM/2009 Tópicos da agenda DATA PROVÁVEL DO 25 MINUTOS EVENTO E MODO FORMADORA AGRIPINA DISCUSSÃO Página 16
  17. 17. • Sugeriu evento simples para o dia 11 de Novembro. • Ser inter turmas para comunidade escolar. CONCLUSÕES: Em turma, com os presentes. • Deliberou-se em consenso dia 11 de Novembro, com reserva de sala das 08h00 min ás 17h00min • Evento simples, na sala de dados, da escola 1 • Reserva da sala no dia anterior (10 de Nov.) ao evento e dia posterior (12 Nov.). • Duração do evento: 09h00min-13h00min • Formalidades ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO 06/10/200 Aprovação dos planos em turma Grupo Wodaabe 9 Apresentação do tipo de evento para o 06/10/200 Grupo Wodaabe grupo Wodaabe 9 25 MINUTOS O EVENTO FORMADORA AGRIPINA DISCUSSÃO • Qual o tipo de evento para o grupo Wodaabe? • Quais são os seus representantes? CONCLUSÕES Em turma, com os presentes. • Deliberou-se por temas e democraticamente o nome da organização do evento: EN’Ventos • Deliberou-se por temas e democraticamente o nome do evento: MISTURAS E CULTURAS • O logotipo será elaborado por Sílvia Fernandes, que demonstrou interesse • A sala de dados terá 5 stands, com os temas de cada grupo de trabalho: Hamish; Cultura Chinesa; Os Woodabee; Marrocos; Grécia • Os representantes gerais de cada grupo serão: Hamish – Domingos; Cultura Chinesa-Teresa;Os Woodabee-Sílvia Fernandes; Grécia-Sílvia Oliveira ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO Responsáveis 15/10/200 Pedidos de material necessário ao Evento gerais 9 10M TURMAS ENVOLVIDAS FORMADORA AGRIPINA DISCUSSÃO • Quais as turmas envolvidas na realização do evento? Página 17
  18. 18. • Quais as turmas presentes no período do evento, visitantes? CONCLUSÕES Em turma, com os presentes. • As turmas de inter-ajuda com a En’Ventos, para a realização do Evento ’’Misturas e Culturas’’, serão: Multimédia; Apoio à Gestão; Costura; Cozinha; Cabeleireiros;Jardineiros • Os horários matutinos coincidentes com o horário do evento serão as Turma visitantes, visando períodos organizados ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO representantes Requisição de Pedidos ás Turmas 25/10/200 gerais do Envolvidas 9 En’Vento TOE2 e Confirmação das turmas visitantes e 25/10/200 Formadora respectivos horários de visita 9 Agripina Organização dos horários de exposição e 25/10/200 TOE2 coordenação com o evento 9 Por ser verdade esta acta n.º 1 ( um ), de 06 (sexto dia) de FIM DE ACTA Novembro de 2009, seguem as assinaturas dos presentes. PRESENTES RESPONSÁVEIS Página 18
  19. 19. Realização de Evento nas Instalações IEFP, no âmbito da UC_7- TOE2/DL-FAM/2009 0 8 /1 ACTA N.º 0 / TOE2_002/OUT/2 SALA 38_IEFP 2 009 0 0 9 REUNIÃO PRESIDIDA POR Formadora Adripina TIPO DE REUNIÃO Escolar FACILITADOR Formadora Agripina SECRETÁRIO Sílvia Fernandes PARTICIPANTES Toe2/DL-FAM/2009 Tópicos da agenda: PLANIFICAÇÃO DO 110 MINUTOS EVENTO FORMADORA AGRIPINA DISCUSSÃO • Necessidade de definir área funcional para o evento • Estrutura dos stands no evento • Outros assuntos relacionados com tarefas da organização do evento • Listagem de futuras tarefas e necessidades de agenda e organização CONCLUSÕES: Em turma, com os presentes. • Ida à sala de actos, de forma a proceder ás medições • Definição de design gráfico e situacional dos stands na sala de actos: Foram apresentadas duas propostas de localização dos stands, sendo votado favoravelmente a segunda proposta. • Ficou estipulado a elaboração de listas de necessidades para a execução dos stands de cada grupo. • Ficou estipulado a elaboração das propostas do logotipo • Ficou estipulado a agenda da próxima reunião: listagem de material necessário; apresentação das propostas dos logotipos; Página 19
  20. 20. apresentação do skecht da area do evento e a distribuição dos stands. ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO Vanda, Carlos, 08/10/200 Medição da sala de actos Sílvia Fernandes 9 Elaboração de propostas da orientação da 08/10/200 Carlos e Silvia area da sala de actos 9 08/10/200 Votação das propostas do item anterior Os presentes 9 09/10/200 Criação de propostas dos logotipos Silvia Fernandes 9 Os elementos Listagem de necessidades de material de 09/10/200 representantes execução geral do evento 9 de cada grupo Por ser verdade esta acta n.º 2 (dois), de 08 (oitavo dia) de FIM DE ACTA Outubro de 2009, seguem as assinaturas dos presentes. PRESENTES RESPONSÁVEIS Página 20
  21. 21. Realização de Evento nas Instalações IEFP, no âmbito da UC_7- TOE2/DL-FAM/2009 ACTA N.º 0 TOE2_003/OUT/2 SALA 38_IEFP 009 REUNIÃO PRESIDIDA POR Formadora Agripina Costa TIPO DE REUNIÃO Escolar FACILITADOR Formadora Agripina Costa SECRETÁRIO Sílvia Fernandes PARTICIPANTES Toe2/DL-FAM/2009 Tópicos da agenda: PLANIFICAÇÃO DO 160 MINUTOS EVENTO FORMADORA AGRIPINA DISCUSSÃO • Estrutura dos stands no evento – apresentação dos desenhos gráficos da sala de actos. • Atribuição dos stands na sala de actos. • Listagem de futuras tarefas e necessidades de agenda e organização. • Planificação individual dos grupos. CONCLUSÕES: Em turma, com os presentes. • Apresentou-se diversos aspectos organizacionais do espaço do evento. • Sorteou-se a atribuição dos stands por grupo. • Iniciou-se os trabalhos de cada grupo:listagem de material necessário. ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO Os grupos 09/10/200 Planificação individual dos grupos dos stands presentes 9 12/10/200 Elaboração do skecht da exposição Sílvia F., 9 Elaboração de design de imagens Carlos Ancieto 12/10/200 Página 21
  22. 22. 9 14/10/200 Conclusão sobre o tipo de evento Silvia F. 9 Os elementos Listagem de necessidades de material de 14/10/200 representantes execução geral do evento 9 de cada grupo Por ser verdade esta acta n.º 3 (Três), de 09 (nono dia) de FIM DE ACTA Outubro de 2009, seguem as assinaturas dos presentes. PRESENTES RESPONSÁVEIS Página 22
  23. 23. Realização de Evento nas Instalações IEFP, no âmbito da UC_7- TOE2/DL-FAM/2009 ACTA N.º 1 TOE2_004/OUT/2 SALA 38_IEFP 009 REUNIÃO PRESIDIDA POR Formadora Agripina Costa TIPO DE REUNIÃO Escolar FACILITADOR Formadora Agripina Costa SECRETÁRIO Sílvia Fernandes PARTICIPANTES Toe2/DL-FAM/2009 Tópicos da agenda: PLANIFICAÇÃO DO 160 MINUTOS EVENTO FORMADORA AGRIPINA DISCUSSÃO • Resumo de tarefas e atualização das tarefas gerais a terminar. • Decisões e agendamentos • Planificação individual dos grupos. CONCLUSÕES: Em turma, com os presentes. • Apresentaram-se diversos aspectos e temas de trabalhos a executar com datas limites de entrega. • Determinou-se a reunião com Dr.ª Helena Mendonça para dia 15. • Deu-se lugar à organização dos trabalhos individuais dos grupos. • Verificou-se a necessidade de criar os horários e textos a aplicar nos banners, muppies. ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO Os grupos 12/10/200 Planificação individual dos grupos dos stands presentes 9 Sílvia F. , Carlos 12/10/200 Reunião com Dr.ª Helena Mendonça A., Agripina 9 Página 23
  24. 24. Sílvia F., Liliana Continuação dos trabalhos de planeamento Sério 14/10/200 9 14/10/200 Continuação das escolhas de imagens Carlos Ancieto 9 14/10/200 Elaboração de Imagens dem Multimédia Silvia Fernandes 9 Por ser verdade esta acta n.º 4 (quatro), de 12 (décimo FIM DE ACTA segundo dia) de Outubro de 2009, seguem as assinaturas dos presentes. PRESENTES RESPONSÁVEIS Página 24
  25. 25. Realização de Evento nas Instalações IEFP, no âmbito da UC_7- TOE2/DL-FAM/2009 1 2 / 1 ACTA N.º 0 TOE2_005/OUT/2 / SALA 38_IEFP 009 2 0 0 9 REUNIÃO PRESIDIDA POR Formadora Agripina Costa TIPO DE REUNIÃO Escolar FACILITADOR Formadora Agripina Costa SECRETÁRIO Sílvia Fernandes PARTICIPANTES Toe2/DL-FAM/2009 Tópicos da agenda PLANEAMENTO DO 110 MINUTOS EVENTO FORMADORA AGRIPINA DISCUSSÃO • Alterações dos horários disponíveis para a organização do evento ‘’ MISTURAS E CULTURAS’’, na sala de actos. • Propostas de salas disponíveis com os horários pretendidos • Decisão do logotipo CONCLUSÕES: Em turma, com os presentes. • Definiu-se a hipótese de outra sala para o evento, deliberando-se a necessidade de fazer as respectivas medições e desenhos, de forma a efectuar votação equiparada dos desenhos anteriores e espaços úteis. • Decidiu-se o logotipo a tratar, de modo a elaborar o plano de comunicação do evento. • Formalidades Página 25
  26. 26. ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO Carlos A. ;Valdo; 14/10/200 Medição de sala-hipotese Alexandra 9 15/10/200 Desenhos da sala-hipotese Marta 9 14/10/200 Formalidades TOE2 9 Agripina Costa, Gestão de Conflitos Silvia F., Carlos Ancieto Por ser verdade esta acta n.º 5 (cinco), de 13 (décimo - FIM DE ACTA terceiro dia) de Outubro de 2009, seguem as assinaturas dos presentes. PRESENTES RESPONSÁVEIS Página 26
  27. 27. Realização de Evento nas Instalações IEFP, no âmbito da UC_7- TOE2/DL-FAM/2009 1 3 / 1 ACTA N.º 0 TOE2_006/OUT/2 / SALA 38_IEFP 009 2 0 0 9 REUNIÃO PRESIDIDA POR Formadora Agripina Costa TIPO DE REUNIÃO Escolar FACILITADOR Formadora Agripina Costa SECRETÁRIO Sílvia Fernandes PARTICIPANTES Toe2/DL-FAM/2009 Tópicos da agenda PLANEAMENTO DO 110 MINUTOS EVENTO FORMADORA AGRIPINA DISCUSSÃO • Continuação dos trabalhos individuais • Continuação das listagens de material • Listagem de tarefas a executar em geral • Agendamento com a coordenadora de grupo • Reuniões com diversos formadores CONCLUSÕES: Em turma, com os presentes. • Cada grupo foi-se reunindo elaborando assim os seus trabalhos de grupo • Foi feito a elaboração de listagem de materiais dos trabalhos de grupo de forma a alcançar uma listagem geral ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO Continuação dos trabalhos Cada grupo 14/10/200 Página 27
  28. 28. presente 9 Cada grupo 15/10/200 Continuação das listagens de materiais presente 9 15/10/200 Listagem geral Sílvia Fernandes 9 Por ser verdade esta acta n.º 6 (cinco ), de 13 (décimo - FIM DE ACTA terceiro dia) de Outubro de 2009, seguem as assinaturas dos presentes. PRESENTES RESPONSÁVEIS Página 28
  29. 29. Realização de Evento nas Instalações IEFP, no âmbito da UC_7- TOE2/DL-FAM/2009 ACTA N.º 1 TOE2_007/OUT/2 SALA 38_IEFP 009 REUNIÃO PRESIDIDA POR Formadora Agripina Costa TIPO DE REUNIÃO Escolar FACILITADOR Formadora Agripina Costa SECRETÁRIO Sílvia Fernandes PARTICIPANTES Toe2/DL-FAM/2009 Tópicos da agenda PLANEAMENTO DO 110 MINUTOS EVENTO FORMADORA AGRIPINA DISCUSSÃO • Continuação dos trabalhos individuais • Execução das medições da sala nova • Construção de novas listagens de necessidades CONCLUSÕES: Em turma, com os presentes. • Cada grupo foi-se reunindo elaborando assim os seus trabalhos de grupo • Foi decidida em acta anterior uma nova sala para a exposição • Foram expostos e decididos os lugares dentro do evento para cada grupo ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO Cada grupo 15/10/200 Continuação dos trabalhos presente 9 Continuação das listagens de materiais Cada grupo 15/10/200 Página 29
  30. 30. presente 9 01 1ª Elaboração do dossier do grupo Sílvia Fernandes /12/2009 Marta, Silvia 15/10/200 Novo layout da sala de exposição Fernandes 9 15/10/200 Decisão de espaços TOE2 9 Por ser verdade esta acta n.º 7 (cinco), de 15 (décimo - FIM DE ACTA quinto dia) de Outubro de 2009, seguem as assinaturas dos presentes. PRESENTES RESPONSÁVEIS Página 30
  31. 31. Realização de Evento nas Instalações IEFP, no âmbito da UC_7- TOE2/DL-FAM/2009 ACTA N.º /10/2009 TOE2_008/OUT/2 SALA 38_IEFP 009 REUNIÃO PRESIDIDA POR Formadora Agripina Costa TIPO DE REUNIÃO Escolar FACILITADOR Formadora Agripina Costa SECRETÁRIO Sílvia Fernandes PARTICIPANTES Toe2/DL-FAM/2009 Tópicos da agenda PLANEAMENTO DO 110 MINUTOS FORMADORA EVENTO AGRIPINA DISCUSSÃO • Continuação dos trabalhos individuais • Abordagem sobre planeamento das tarefas de cada grupo CONCLUSÕES: Em turma, com os presentes. • Cada grupo foi-se reunindo elaborando assim os seus trabalhos de grupo • Foram expostas em quadro branco todas as tarefas de cada grupo, de forma a executarem em tempo limite ao evento, resolução de problemas e conflitos ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO Up-Date dos trabalhos elaborados Agripina Costa Comunicação e Planeamento Agripina Costa Página 31
  32. 32. Exposição de tarefas em quadro a elaborar - Luz Vicente Marrocos Exposição de tarefas em quadro a elaborar - Domingos Amish Exposição de tarefas em quadro a elaborar - Silvia Oliveira Grécia Exposição de tarefas em quadro a elaborar - Teresa China Exposição de tarefas em quadro a elaborar - Sílvia Fernandes Wodaabe Por ser verdade esta acta n.º 8 (cinco), de () de Outubro FIM DE ACTA de 2009, seguem as assinaturas dos presentes. PRESENTES RESPONSÁVEIS Página 32
  33. 33. Realização de Evento nas Instalações IEFP, no âmbito da UC_7- TOE2/DL-FAM/2009 / 1 0 ACTA N.º / TOE2_009/OUT/2 2 SALA 38_IEFP 009 0 0 9 REUNIÃO PRESIDIDA POR Formadora Agripina Costa TIPO DE REUNIÃO Escolar FACILITADOR Formadora Agripina Costa SECRETÁRIO Sílvia Fernandes PARTICIPANTES Toe2/DL-FAM/2009 Tópicos da agenda PLANEAMENTO DO 110 MINUTOS FORMADORA EVENTO AGRIPINA DISCUSSÃO • Continuação dos trabalhos individuais • Escolha e atitudes para conclusão das listagens de necessidades CONCLUSÕES: Em turma, com os presentes. • Cada grupo foi-se reunindo elaborando assim os seus trabalhos de grupo • Foi executada a listagem de materiais, de forma a elaborar o preenchimento das requisições • Houve um intercâmbio de idéias entre grupo de forma a utilizar menos materiais e as diversas formas para executá-los ITENS DE AÇÃO PESSOA RESPONSÁVEL PRAZO Continuação dos trabalhos Cada grupo Página 33
  34. 34. presente Cada grupo Continuação das listagens de materiais presente Todos os Intercâmbio das necessidades de materiais presentes Por ser verdade esta acta n.º 9 (nove), de () de Outubro de FIM DE ACTA 2009, seguem as assinaturas dos presentes. PRESENTES RESPONSÁVEIS Página 34
  35. 35. SKETCH’S SALAS DE EXPOSIÇÃO Hipotese 1 Sala de Actos Hipotese 2 Sala , Esta solução gerou diversos conflitos, uma vez não Técnica ser um espaço vago e próprio para o evento, devido à sua organização de recepção ao curso técnico e práctico de cabeleireiros. Hipotese 3 Salas 3 e 4 LOGOTIPOS Página 35
  36. 36. CONVITE Página 36
  37. 37. DEMONSTRATIVO GERAL DE DESPESAS Número do demonstrativo de despesas: Demonstrativo de despesas Objetivo: Eventos '' Misturas e Culturas'' Turma TOE2/ Dl- Fam/2009 Data Conta Descrição Diversos TOTAL 03-11-2009 Bricolage Duarte & Poças 36,58 € 36,58 € 05-11-2009 Bricolage Leroy 22,59 € 22,59 € 05-11-2009 Bricolage Leroy 4,90 € 4,90 € 06-11-2009 Bricolage Firmotecnica 8,81 € 8,81 € 09-11-2009 Mercearia Lidl 28,17 € 28,17 € 09-11-2009 Mercearia Pingo Doce 56,87 € 56,87 € 10-11-2009 Bricolage Pingo Doce 2,99 € 2,99 € 10-11-2009 Florista Pingo Doce 6,00 € 6,00 € 09-11-2009 Decoração Ourotexteis 3,50 € 3,50 € 0,00 € 170,41 € Subtotal 170,41 € Adiantamentos 230,00 € Troco 59,59 € Aprovado Observações Página 37
  38. 38. LOGISTICA grupo quantidades Material Especificação local wodaabe 2 colunas de som Multimédia Instituto wodaabe Tecido preto Confecção Instituto wodaabe 4m x 4m Plástico Bricolage Compra wodaabe 6m x 30cm Tapete de relva artificial Bricolage Compra wodaabe Extenções Electricidade Instituto wodaabe 10 Lâmpadas de presença Electricidade Compra wodaabe Fio de nylon grosso Bricolage Compra wodaabe Vasos rectângulares Bricolage Instituto wodaabe Esponja seca para flores artificiais Bricolage Compra wodaabe Ramos com Folhas de Penugem grupo de trabalho Instituto wodaabe Molduras de acrilicos A3 Papelaria Compra wodaabe Molduras de acrilicos A4 Papelaria Compra wodaabe areia Bricolage Compra wodaabe 3x3m / 10cm alt Ripas de madeira Bricolage Instituto wodaabe 2 Banners Impressão Gráfica Instituto wodaabe 2 Esticadores de Banners Impressão Gráfica Compra wodaabe 2 Leitores DVD Multimédia Instituto wodaabe 1 Máquina fotográfica Multimédia Instituto wodaabe 2 Monitores Multimédia Instituto wodaabe Triplas Electricidade Instituto Página 38
  39. 39. O EVENTO PRÉ-EVENTO Página 39
  40. 40. DIA DO EVENTO: MISTURAS E CULTURAS AVALIAÇÃO No evento Exposição”Wodaabe”, avaliou-se a obtenção dos conhecimentos dos formandos e a práctica no desenvolvimento dos trabalhos eleborados. Pretendia-se acolher o interesse dos visitantes, promover as actividades no Centro de Formação, adquirir mais conhecimentos ao nível de design e organização de espaço, promover a relação entre as diferentes turmas, promover o desempenho da turma TOE2 com os respectivos formadores e ambiente académico e o do grupo “wodaabe” na turma. Muito Bom Bom Suficiente Mediocre Promoção no Centro de Formação Amadora Relacionamento inter-turmas Relacionamento intra-turma Relacionamento intra-grupo Relacionamento formadores Desempenho no Pré-Evento Desempenho Evento Número de Página 40
  41. 41. Visitantes Recordemos então, que este primeiro evento é fruto do esforço, de resultados de resoluções imediatas e gestão de conflitos e stress. Sendo um evento com intercâmbios, num ambiente académico, verificou-se os objectivos deste evento como viáveis mas muito trabalhosos. As restantes imagens não documentadas neste dossier, foram planeadas para compartilhar em blog, brevemente comunicadas no âmbito do Centro de Formação Profissional da Amadora. A burocracia de requisições, autorizações, alterações de espaço e design, organização de funções, poderiam ter sido facilitadas aquando organismo de estudo e formação que é o nosso Centro de Formação. Concluí-se que a En’Ventos é uma turma de Gestão e Organização de eventos com caracteristicas válidas para a elaboração de qualquer tipo de eventos aquando determinada a trabalhar sem juízos de valor. O grupo “wodaabe”, permaneceu incomunicável na grande parte do pré-Evento devido a conflitos e problemas de comunicação sobre a formulação de organização e gestão de espaços, só sendo recuperado no final do evento. Sendo que o melhor conhecimento adquirido foi a resolução de problemas em prol dos objectivos e desafios propostos é a chave para o sucesso individual, novas técnicas de desenho de organização de espaços, novas técnicas de impressão, reconhecimento de formadores e coordenadores, conhecimento da infraestrutura do Centro de Formação. O grupo “ wodaabe”, agradece a oportunidade de demonstrar as suas capacidades colectivas e individuais ao ambiente de formação profissional, solicitando ás entidades uma resposta acerca dos recursos técnicos, para que mais iniciativas sejam possíveis e determinantes para o sucesso futuro dos seus formandos e formadores. APOIOS Centro de Formação Profissional da Amadora FORMADORES Agripina Costa – UC_4,UC_7 Página 41
  42. 42. Maria Ramos_ Artes Gráficas e Multimédia Prof. Pereira_ Impressão e Encadernação COORDENADORES Cidália Helena Mendonça DIRECTOR Eng.º Rui Ferreira Página 42

×