Unidade 3 – Mudança GlobalCiências Físico-químicas - 8º ano de escolaridade- Atmosfera terrestre-Temperatura e humidade- P...
Unidade 3 – Mudança Global2Descrição do tempo atmosféricoTodos nós estamos diariamente interessados em saber qual o estado...
Unidade 3 – Mudança Global3Descrição do tempo atmosféricoAs estações do ano deve-se ao movimento de translação e àinclinaç...
Unidade 3 – Mudança Global4Descrição do tempo atmosféricoAo contrário dos restantes planetas do Sistema Solar, a Terra est...
Unidade 3 – Mudança Global5Atmosfera terrestre• A atmosfera é uma fina e complexa camada de gases que envolvem a Terra e q...
Unidade 3 – Mudança Global6Atmosfera terrestre - constituiçãoTroposfera• É a camada inferior da atmosfera que se encontra ...
Unidade 3 – Mudança Global7Atmosfera terrestre - constituiçãoEstratosfera• No limite superior desta camada situa-se a cama...
Unidade 3 – Mudança Global8Atmosfera terrestre - constituiçãoMesosfera• Devido à menor formação de ozono, em comparação co...
Unidade 3 – Mudança Global9Atmosfera terrestre - constituiçãoExosfera• É a última camada mais alta da atmosfera terrestre....
Unidade 3 – Mudança Global10Radiação solar e a atmosfera terrestreO Sol irradia energia em todas as direções do espaço e, ...
Unidade 3 – Mudança Global11Fatores que influenciam as condições atmosféricasMeteorologia e ClimatologiaA Meteorologia é a...
Unidade 3 – Mudança Global12Fatores que influenciam as condições atmosféricasTemperatura• É medida com termómetros. A unid...
Unidade 3 – Mudança Global13Fatores que influenciam as condições atmosféricasTemperatura• A partir de um certo número de r...
Unidade 3 – Mudança Global14Fatores que influenciam as condições atmosféricasExemploConsidera a tabela que se segue onde e...
Unidade 3 – Mudança Global15Fatores que influenciam as condições atmosféricasHumidade do ar• A presença de vapor de água n...
Unidade 3 – Mudança Global16Fatores que influenciam as condições atmosféricasHumidade do ar• Para se poder avaliar se o ar...
Unidade 3 – Mudança Global17Fatores que influenciam as condições atmosféricasFenómenos atmosféricos relacionados com a hum...
Unidade 3 – Mudança Global18Fatores que influenciam as condições atmosféricasPressão atmosférica• É a pressão exercida pel...
Unidade 3 – Mudança Global19Fatores que influenciam as condições atmosféricasPressão atmosférica• A subida gradual da pres...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Trabalho F.Q Gonçalo Silva 8ºD Climatologia

351 visualizações

Publicada em

Não fazer plágio por favor!

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
351
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho F.Q Gonçalo Silva 8ºD Climatologia

  1. 1. Unidade 3 – Mudança GlobalCiências Físico-químicas - 8º ano de escolaridade- Atmosfera terrestre-Temperatura e humidade- Pressão atmosféricaTrabalho realizado por:• Gonçalo Silva nº9 8ºD
  2. 2. Unidade 3 – Mudança Global2Descrição do tempo atmosféricoTodos nós estamos diariamente interessados em saber qual o estado do tempo:- Será que vai chover?- Irá continuar o calor insuportável?- Estará hoje mais quente do que ontem?Muitas atividades são afetadas pelo estado do tempo!
  3. 3. Unidade 3 – Mudança Global3Descrição do tempo atmosféricoAs estações do ano deve-se ao movimento de translação e àinclinação do eixo da Terra relativamente à perpendicular aoplano da órbita.A radiação solar que atinge a Terra durante o ano varia entre ummáximo no Verão e um mínimo no InvernoA diferente inclinação dos raios solares provocaaquecimento diferente na Terra:- quando os raios solares são muito inclinados, ou seja,muito oblíquos, a mesma quantidade de calor distribui-sepor uma superfície grande, que, por isso, é poucoaquecida.- - quando os raios solares são pouco inclinados, ouseja, pouco oblíquos, a mesma quantidade de calordistribui-se por uma superfície menor, que, por isso, émais aquecida.
  4. 4. Unidade 3 – Mudança Global4Descrição do tempo atmosféricoAo contrário dos restantes planetas do Sistema Solar, a Terra está envolvida poruma camada gasosa, que:• A protege um pouco no caso da queda de um meteorito;• mantém a temperatura amena, sem que seja gélida durante a noite nemextremamente quente durante o dia;• contém oxigénio essencial à respiraçãoA atmosfera faz parte da Terra, deslocando-se com ela durante o seu movimentode rotação.Mas o estado local do tempo pode sofrer variações, diretamente influenciadas pelos movimentosdas camadas de ar atmosférico.É na atmosfera que ocorrem os fenómenos que determinam as mudanças repentinas doestado do tempo.
  5. 5. Unidade 3 – Mudança Global5Atmosfera terrestre• A atmosfera é uma fina e complexa camada de gases que envolvem a Terra e quese encontram “presos” a ela por ação da força da gravidade, considera-se que temcerca de 1 000 km de espessuraSem a atmosfera, a Terra não passaria de um planeta nu e rochosos, pelo que éum elemento indispensável à vida no planeta.• A atmosfera terrestre é determinante nas características únicas do nossoplaneta, protegendo-nos das radiações ultravioletas nocivas (devido à camada doozono), impede a chegada de meteoritos à superfície e evita a ocorrência de grandesamplitudes térmicas( efeito estufa)• É mais densa junto à superfície porque aí a força gravitacional exercida pela Terraé mais intensa. A usa densidade diminui à medida que a altura aumenta.A atmosfera é constituída por diferentes camadas que sedistinguem pela sua composição e temperaturaEmbora a separação entre elas não seja rígida, atribuem-se, consoante a temperatura, as diferentes designações:troposfera, estratosfera, mesosfera, termosfera eexosfera.Embora todas elas influenciem as condiçõesclimatéricas da Terra, a maior parte dosfenómenos meteorológicos que condicionam oestado do tempo passam-se na camada maispróxima da superfície terrestre: troposfera.
  6. 6. Unidade 3 – Mudança Global6Atmosfera terrestre - constituiçãoTroposfera• É a camada inferior da atmosfera que se encontra emcontato com a superfície terrestre;• É a região mais ativa relativamente aos fenómenosmeteorológicos; é nesta camada que se formam asnuvens, os ventos, a chuva, a neve, etc.• Estende-se até uma altitude média de 10 km .• A temperatura varia entre os 17 ºC ao nível do mar e -52ºC nas zonas de maior altitude.
  7. 7. Unidade 3 – Mudança Global7Atmosfera terrestre - constituiçãoEstratosfera• No limite superior desta camada situa-se a camada deozono (O3), que filtra as radiações ultravioletas(UV)nocivas à vida na Terra.• Esta camada é constituída por azoto, oxigénio e ozono eestende-se até aos 50 km de altitude.• A temperatura varia de -52ºC até -3ºC com a altitude. Esteaumento de temperatura deve-se à formação de O3 apartir de O2 e O, sendo este último resultante dadissociação de algumas moléculas de O2 por absorçãode radiações UV.
  8. 8. Unidade 3 – Mudança Global8Atmosfera terrestre - constituiçãoMesosfera• Devido à menor formação de ozono, em comparação coma estratosfera, a temperatura desce bruscamente de -3ºCaté -93ºC com a altitude.• O ar é cada vez mais rarefeito.• Estende-se até cerca de 80 km de altitude.Termosfera• Estende-se até aos 500 km de altitude.• O ar é cada vez mais rarefeito e a temperaturasucessivamente maior vai passando de – 100ºC até maisde 500ºC.• É nesta camada que ocorre o fenómeno das aurorasboreais.
  9. 9. Unidade 3 – Mudança Global9Atmosfera terrestre - constituiçãoExosfera• É a última camada mais alta da atmosfera terrestre.• É nesta camada que orbitam os satélites artificiais.• Estende-se a partir dos 500 km até uma altura nãodefinida.• A rarefação do ar é máxima, pois a força gravitacionalexercida pela Terra é fraca a essa altitude, permitindoque as moléculas gasosas se escapem facilmente.• Nesta camada as temperaturas oscilam entre os 300ºC eos mais de 1650 ºC.
  10. 10. Unidade 3 – Mudança Global10Radiação solar e a atmosfera terrestreO Sol irradia energia em todas as direções do espaço e, durante odia, uma pequena parte dessa energia atinge a atmosfera terrestre.De toda a radiação emitida pelo Sol, apenas uma pequeníssima partechega à superfície terrestre.Desta quantidade apenas cerca de metade consegue atravessá-la eatingir a superfície da Terra, pois a restante é refletida ou absorvida pelaatmosfera.O efeito de estufa é causado pela existência, nas camadas inferiores da atmosfera, de gases e vapor de água que impedema passagem das radiações infravermelhas emitidas pela superfície terrestre.É benéfico para a manutenção da vida na Terra, pois permite que a Terra mantenha uma temperatura média de 15ºC.Este efeito tem vindo a aumentar nos últimos anos, devido à atividade humana, pode-se tornar prejudicial na medida em queleva ao aumento da temperatura global da Terra.A atmosfera deixa passar mais facilmente aradiação que, durante o dia, vem do Sol paraa Terra, e absorve mais facilmente aradiação que a Terra devolveria ao espaçodurante a noite.
  11. 11. Unidade 3 – Mudança Global11Fatores que influenciam as condições atmosféricasMeteorologia e ClimatologiaA Meteorologia é a ciência que estuda os fenómenos que ocorrem na atmosfera (principalmente na troposfera), a partirda sua observação e medição.A Climatologia é a ciência que estuda, a partir da aplicação da meteorologia, analisa as condiçõesmeteorológicas, descrevendo e caraterizando climas.Para estudar os fenómenos meteorológicos e aprevisão do estado do tempo atmosférico, num dadolocal e num determinado momento, osmeteorologistas analisam fenómenos atmosféricosque contribuem para a caracterização do clima deuma determinada região.Os principais fatores fundamentais que condicionam o estado do tempo são a temperatura, a humidade do ar e apressão atmosférica.Estes fatores estão em constante mudança na troposfera, e as suas variações determinam as condiçõesmeteorológicas.É com base na sua medição e análise que os meteorologistas estudam e preveem os fenómenos meteorológicos.
  12. 12. Unidade 3 – Mudança Global12Fatores que influenciam as condições atmosféricasTemperatura• É medida com termómetros. A unidade SI é o Kelvin(K), mas utilizamosvulgarmente o grau Celsius (ºC)• A temperatura varia ao longo do dia:• Vai aumentando desde o nascer-do-sol até pouco depois do meio-dia• Vai diminuindo devido ao aumento da inclinação dos raios solares, atéao nascer do Sol do dia seguinte.• Durante a noite, à medida que perde o calor recebido ao longo dodia, o ar vai arrefecendo gradualmente até atingir um valor mínimo detemperatura.• Há termómetros que registam a temperatura máxima e a temperaturamínima que se faz sentir durante o dia, são os termómetros de máxima emínima.• À diferença entre a temperatura máxima e a temperatura mínima registadasdurante um dia chama-se amplitude térmica diurna.Amplitude térmica diurna:Amp. Térmica diurna = Tmáx – T minTermómetros de máxima emínima
  13. 13. Unidade 3 – Mudança Global13Fatores que influenciam as condições atmosféricasTemperatura• A partir de um certo número de registos, efetuados durante um dia emperíodos de tempo regulares (por exemplo de duas em duas horas), pode-sedeterminar a temperatura média diurna. Calcula-se somando todos osregistos de temperatura efetuados periodicamente num dia e dividindo oresultado pelo número de registos.• Ao longo do ano as temperaturas também variam.• A diferença entre a temperatura média do mês mais quente (no Verão) e atemperatura do mês mais frio (no Inverno) verificadas durante um anopermite calcular a amplitude térmica anual.• Para analisar como se distribuem numa dada região, ou num país, astemperaturas médias, é comum traçar linhas que unem os locais onde seregistam iguais valores de temperatura média – linhas isotérmicas.Amplitude térmica anual:Amp. Térmica anual = Tmédia(mês mais quente) – T média (mês mais frio)registosdenúmeroregistadasrastemperatudasSomaT diurnamédia
  14. 14. Unidade 3 – Mudança Global14Fatores que influenciam as condições atmosféricasExemploConsidera a tabela que se segue onde estão registadas leituras dos valores da temperatura numa localidade numdeterminado dia.Calcula, com base nestes valores:a) A amplitude térmica;b) A temperatura média diurna.Resoluçãoa) A temperatura mais elevada registou-se às 14 h e a mais baixa às 6h, logo:Amplitude térmica diurna = 28 – 15 = 13 ºCb)Hora 2h 6h 10h 14h 18h 22hT/ºC 17 15 22 28 25 19Cº216192528221517TregistosdenºregistadasrastemperatudasSomaTdiurnamédiadiurnamédia
  15. 15. Unidade 3 – Mudança Global15Fatores que influenciam as condições atmosféricasHumidade do ar• A presença de vapor de água na atmosfera é importante para o estadodo tempo, pois é da sua quantidade que depende a formação de nuvense a possibilidade de ocorrer precipitação.• Humidade absoluta é a massa de vapor de água existente num dadovolume de ar atmosférico. Exprime-se em g/m3.• A quantidade de vapor de água que pode existir num dado volume dear, a uma certa temperatura, tem um valor limite que quando atingidodiz-se que o ar está saturado de vapor de água, ou que atingiu o pontode saturação.• Diz-se que foi atingido o ponto de saturação quando a quantidade devapor de água que pode existir num certo volume de ar, a uma dadatemperatura, é máxima.• A temperatura a que o ar atinge a saturação designa-se por ponto deorvalho.• A partir do momento em que é atingido o ponto de saturação, todo ovapor de água que chega à atmosfera vai condensar, levando àformação de nuvens.)(mardevolume(g)águadevapordemassaabsolutaHumidade 3HigrómetroTemperatura(ºC)Valor máximo dahumidade absoluta (g/m3)-10 2,30 4,910 9,420 17,330 30,440 59,3
  16. 16. Unidade 3 – Mudança Global16Fatores que influenciam as condições atmosféricasHumidade do ar• Para se poder avaliar se o ar está ou não próximo do ponto desaturação, é usual exprimir a humidade do ar pela humidade relativa: éa razão entre a massa de vapor de água existente num dado volume dear e a massa de vapor de água correspondente à saturação a essatemperatura. Exprime-se em percentagem.• Para uma certa quantidade de vapor de água presente no ar, a humidaderelativa do ar aumenta quando a temperatura diminui.• Para uma mesma quantidade de vapor de água existente numa dadamassa de ar, a humidade relativa é maior durante a noite do que dedia, devido ao arrefecimento noturno.• A humidade relativa também será maior no Inverno do que noVerão, para a mesma quantidade de vapor de água existente noar, devido às menores temperaturas médias que se fazem sentir.100saturaçãodepontoabsolutahumidaderelativaHumidade• À medida que a temperatura diminui, a massade vapor de água que um volume de ar podeconter também diminui.• A quantidade de vapor de água correspondenteao ponto de saturação aumenta com atemperatura.
  17. 17. Unidade 3 – Mudança Global17Fatores que influenciam as condições atmosféricasFenómenos atmosféricos relacionados com a humidade e com a temperaturaFenómenos de condensação Fenómenos de precipitaçãoNuvensNevoeiro eneblinaOrvalho egeadaChuvaNeveGranizo esaraiva
  18. 18. Unidade 3 – Mudança Global18Fatores que influenciam as condições atmosféricasPressão atmosférica• É a pressão exercida pelo ar atmosférico sobre a superfície terrestre e sobre os objetosem contato com a atmosfera.• A pressão atmosférica mede-se com barómetros.• No Sistema Internacional de unidades, a unidade de pressão é N/m2, que se designa porpascal (Pa). Mas é frequente usar outras unidades para exprimir a pressãoatmosférica, como atmosfera (atm) (1 atm = 101 300 Pa).• Também pode ser utilizado o bar e o seu submúltiplo milibar (mbar). A maior parte dosbarómetros encontra-se graduada em milibares.BarómetroA pressão atmosféricanormal corresponde a 1atmosfera. É este ovalor que determina asaltas pressões (acimade 1 atm) e as baixaspressões (abaixo de 1atm).1 atm = 101 300 Pa1 bar = 100 000 Pa1 atm = 1,013 bar1 atm = 1013 mbar1 atm = 760 mm HgA pressão atmosférica varia com a temperatura e com a humidade:• O aumento da temperatura provoca a expansão dos gases, diminuindo a pressão. Porisso, quando a temperatura do ar atmosférico aumenta, a pressão atmosféricadiminui.• O ar húmido é menos denso que o ar seco, por isso, a uma certa temperatura, quandoa humidade aumenta, a pressão atmosférica diminui.
  19. 19. Unidade 3 – Mudança Global19Fatores que influenciam as condições atmosféricasPressão atmosférica• A subida gradual da pressão atmosféricapermite prever tempo bom e seco. Pelocontrário, uma descida dos valores da pressãoatmosférica anuncia tempo húmido e chuva. Asvariações bruscas da pressão atmosféricasignificam, normalmente, aproximação detempestades.• A pressão atmosférica também depende daaltitude, pois à medida que nos afastamos dasuperfície terrestre, já sabemos que o ar seencontra cada vez mais rarefeito. A maiorpressão atmosférica é obtida ao nível do mar (altitude nula). Para qualquer outro ponto dealtitude superior, a pressão atmosférica é menor.Assim, a pressão atmosférica diminui quando aaltitude aumenta.

×