Fornos para-queima-de-ceramica

1.099 visualizações

Publicada em

Aula sobre fornos para queima de cerâmica vermelha.

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.099
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fornos para-queima-de-ceramica

  1. 1. FORNOS PARA QUEIMAFORNOS PARA QUEIMA DE CERAMICADE CERAMICA VITA VACUMAT® 6000 MPVITA VACUMAT® 6000 MP
  2. 2. FORNO VITA VACUMAT 6000FORNO VITA VACUMAT 6000 MPMP
  3. 3. Possui 6 opções de cores.Possui 6 opções de cores.
  4. 4. O QUE É A PORCELANA?O QUE É A PORCELANA?  AA porcelanaporcelana é um produto brancoé um produto branco impermeávelimpermeável ee translúcidotranslúcido. Ela se distingue. Ela se distingue de outros produtos cerâmicos, especialmente,de outros produtos cerâmicos, especialmente, da faiança e dada faiança e da louçalouça, pela sua, pela sua vitrificaçãovitrificação,, transparência, resistência, completa isenção detransparência, resistência, completa isenção de porosidade e sonoridadeporosidade e sonoridade
  5. 5. QueimaQueima  Depois de secas as peças sofrem a primeira queima,Depois de secas as peças sofrem a primeira queima, denominada biscoito, a 900 °C, cujo objetivo é dar àsdenominada biscoito, a 900 °C, cujo objetivo é dar às peças resistências e porosidade para a perfeitapeças resistências e porosidade para a perfeita absorção do verniz. Nesta etapa as peças adquiremabsorção do verniz. Nesta etapa as peças adquirem um tom rosado.um tom rosado.  Após a aplicação do verniz ocorre uma segundaApós a aplicação do verniz ocorre uma segunda queima, que é realizada a uma temperatura que variaqueima, que é realizada a uma temperatura que varia entre 1380 °C a 1400 °C.entre 1380 °C a 1400 °C.  Nesta fase a massa torna-se completamente compacta,Nesta fase a massa torna-se completamente compacta, totalmente sem porosidade, adquirindo cor branca etotalmente sem porosidade, adquirindo cor branca e vitrificada .vitrificada .
  6. 6. Informações TécnicasInformações Técnicas  Descrição geral do forno de queima VITADescrição geral do forno de queima VITA VACUMAT 6000 MPVACUMAT 6000 MP
  7. 7.  Alto desempenho técnico com elevada precisão naAlto desempenho técnico com elevada precisão na temperaturatemperatura  para resultados de queima excepcionaispara resultados de queima excepcionais  •• Conforto operacional, reduzida área de instalaçãoConforto operacional, reduzida área de instalação  •• Forno com acabamento em aço inox ou açoForno com acabamento em aço inox ou aço laqueado em antrazitlaqueado em antrazit  •• Suportes / mesas de queima laterais extensíveisSuportes / mesas de queima laterais extensíveis  •• Visualização do status de funcionamento do fornoVisualização do status de funcionamento do forno por bastão ópticopor bastão óptico
  8. 8.  Câmara de queima revestida com material deCâmara de queima revestida com material de isolamento de qualidadeisolamento de qualidade  excelenteexcelente  •• Mufla de queima em quartzoMufla de queima em quartzo  •• Termopar / sensor de temperatura (platina /Termopar / sensor de temperatura (platina / ródium-platina)ródium-platina)  •• Calibração automática da temperatura antesCalibração automática da temperatura antes de cada iníciode cada início  de programa de queimade programa de queima
  9. 9.  Precisão na temperatura de queima +/- 1°CPrecisão na temperatura de queima +/- 1°C  •• Unidade de injeção pneumáticaUnidade de injeção pneumática
  10. 10. Preparos para ceramicaPreparos para ceramica  Preparo elemento 21Preparo elemento 21
  11. 11.  Dente 21 preparadoDente 21 preparado
  12. 12.  Coroa prontaCoroa pronta
  13. 13. Exemplos de fornosExemplos de fornos  Queima da ceramicaQueima da ceramica
  14. 14. Depois da queima da ceramicaDepois da queima da ceramica
  15. 15. Ceramica no fornoCeramica no forno
  16. 16. Passo a passo de uma aplicaçao dePasso a passo de uma aplicaçao de ceramicaceramica  1- Limpe o coping com1- Limpe o coping com jato de vapor oujato de vapor ou ultrasonultrason
  17. 17.  2- Aplique uma fina2- Aplique uma fina camada de massacamada de massa fluorescentefluorescente
  18. 18.  3- Sinterize no forno de3- Sinterize no forno de queima de cerâmica;queima de cerâmica;
  19. 19.  4- Aplique uma camada4- Aplique uma camada de dentina opacade dentina opaca quando necessárioquando necessário
  20. 20.  5- Aplique massa de5- Aplique massa de dentina criando odentina criando o volume desejadovolume desejado
  21. 21.  6- Caracterize a região6- Caracterize a região de mamelos parade mamelos para melhorar a reproduçãomelhorar a reprodução naturalnatural
  22. 22.  7- Cubra todo o terço7- Cubra todo o terço incisal com massa deincisal com massa de esmalte sem que hajaesmalte sem que haja movimentação dasmovimentação das massas já aplicadasmassas já aplicadas
  23. 23.  8- Procure já pré-8- Procure já pré- determinar os contornosdeterminar os contornos do dentedo dente
  24. 24.  9- Remova a peça do9- Remova a peça do modelo e complete asmodelo e complete as proximaisproximais
  25. 25.  10- Leve para o forno10- Leve para o forno de queima de cerâmicade queima de cerâmica
  26. 26.  11- Após a queima faça11- Após a queima faça a aplicação corretivaa aplicação corretiva aplicando massasaplicando massas translúcidastranslúcidas
  27. 27.  12- Aplique massas12- Aplique massas translúcidas inclusive natranslúcidas inclusive na face lingual valorizandoface lingual valorizando a anatomiaa anatomia
  28. 28.  13- Faça a segunda13- Faça a segunda queima da peça no fornoqueima da peça no forno de cerâmicade cerâmica
  29. 29.  14- Realize o14- Realize o acabamento da peçaacabamento da peça reproduzindo todas asreproduzindo todas as ocorrências anatômicasocorrências anatômicas presente no dentepresente no dente
  30. 30.  15- Lave bem a peça e15- Lave bem a peça e aplique a camada deaplique a camada de glase para o brilho eglase para o brilho e realize a sinterizaçãorealize a sinterização finalfinal
  31. 31.  16- Compare sempre a16- Compare sempre a restauração com a escalarestauração com a escala de cor desejada.de cor desejada.
  32. 32.  17- Após a queima final17- Após a queima final a satisfação de uma satisfação de um trabalho bem realizado.trabalho bem realizado.
  33. 33. Grupo 5Grupo 5 Flávia RamiresFlávia Ramires Laís CristinaLaís Cristina Maíra CarvalhoMaíra Carvalho Maria Lívia UchoaMaria Lívia Uchoa  Obrigada pela atenção pessoal!!!Obrigada pela atenção pessoal!!!  Até a próxima...Até a próxima...

×