Chega de "tapa na UX" - Agile trends 2016

690 visualizações

Publicada em

Você é Designer, UX Designer, UXer, Desenvolvedor, Gerente, Analista ou, de alguma forma, está envolvido com o desenvolvimento de software?
Você já ouviu ou falou algo como: “- Dá um tapa na UX aí!”; “- Faz a UX da minha app aí?”; “- Tá faltando UX aí nessa interface!”; “- Tem UX demais aí!”?
Se sim para qualquer uma das opções acima, por favor, compareça nesta talk.
Vamos tentar esclarecer alguns conceitos para que você NÃO mais:
– Queira contratar ou seja chamado de “design”;
– Peça um “tapa no designer” (coitado do designer);
– Peça mais “design think”.

Publicada em: Software
  • Seja o primeiro a comentar

Chega de "tapa na UX" - Agile trends 2016

  1. 1. Tiago Silva da Silva Chega de "tapa na UX"!
  2. 2. Tiago Silva da Silva Chega de "tapa na UX"!
  3. 3. CONCEITOS
  4. 4. UI User Interface
  5. 5. Usabilidade Medida na qual o produto pode ser usado por usuários específicos para alcançar objetivos específicos com eficácia, eficiência e satisfação em um contexto de uso específico. ISO 9241-11
  6. 6. UX
  7. 7. UX User eXperience
  8. 8. UX User eXperience eXperiência do Usuário
  9. 9. UX User eXperience eXperiência do Usuário “…percepções e respostas de uma pessoa que resultam do uso ou uso anterior de um produto, sistema ou serviço...” ISO 9241-210
  10. 10. UX User eXperience eXperiência do Usuário “…percepções e respostas de uma pessoa que resultam do uso ou uso anterior de um produto, sistema ou serviço…” “Como as pessoas se sentem quando usam algo.” @tsharon
  11. 11. @PedroBelleza UXDESIGN
  12. 12. UX Design Design da experiência do Usuário
  13. 13. DESIGN Desenho Projeto Designo @radfahrer
  14. 14. DESIGN Desenho Projeto Designo Desenho que segue um projeto e que tem uma finalidade. @radfahrer
  15. 15. designER Desenho Projeto Designo Desenho que segue um projeto e que tem uma finalidade.
  16. 16. UX Design Design da experiência do Usuário. Aplicação de práticas do UCD para gerar designs coesos, preditivos e desejáveis com base em considerações holísticas da experiência dos usuários. ISO 9241-210
  17. 17. User-Centered Design (UCD)
  18. 18. http://www.usabilityprofessionals.org/usability_resources/about_usability/what_is_ucd.html
  19. 19. http://www.usabilityprofessionals.org/usability_resources/about_usability/what_is_ucd.html É um framework de processos (não restrito a interfaces ou tecnologias) em que é dada grande atenção às necessidades, desejos e limitações dos usuários finais de um produto ou serviço em cada estágio do processo de design.
  20. 20. The Fable of the USER-CENTRED DESIGNER David Travis
  21. 21. Designer eficaz
  22. 22. Designer eficaz Orgulho
  23. 23. Designer eficaz Orgulho Interesse em estética
  24. 24. Designer eficaz Orgulho Interesse em estética Estado da arte
  25. 25. Designer eficaz Orgulho Interesse em estética Estado da arte Designer eficazes criam tecnologia que beneficia a organização, seus clientes e a sociedade em geral
  26. 26. Designer eficaz Orgulho Interesse em estética Estado da arte Designer eficazes criam tecnologia que beneficia a organização, seus clientes e a sociedade em geral Compartilhar com outras pessoas
  27. 27. Designer eficaz Orgulho Interesse em estética Estado da arte Designer eficazes criam tecnologia que beneficia a organização, seus clientes e a sociedade em geral Compartilhar com outras pessoas User-Centred DesignER
  28. 28. Designer eficaz Orgulho Interesse em estética Estado da arte Designer eficazes criam tecnologia que beneficia a organização, seus clientes e a sociedade em geral Compartilhar com outras pessoas User-Centred DesignER Foco em pessoas
  29. 29. Achava que conhecia o usuário
  30. 30. Achava que conhecia o usuário Projetava para um usuário que não existia
  31. 31. Observar o usuário no seu ambiente Achava que conhecia o usuário Projetava para um usuário que não existia
  32. 32. Observar o usuário no seu ambiente Ouvir o usuário Achava que conhecia o usuário Projetava para um usuário que não existia
  33. 33. Observar o usuário no seu ambiente Ouvir o usuário Achava que conhecia o usuário Projetava para um usuário que não existia Entender para quem você está projetando, o que as pessoas querem fazer com o sistema e em qual ambiente ele está sendo usado
  34. 34. Observar o usuário no seu ambiente Ouvir o usuário Achava que conhecia o usuário Projetava para um usuário que não existia Entender para quem você está projetando, o que as pessoas querem fazer com o sistema e em qual ambiente ele está sendo usado Fazer isso ao longo do projeto
  35. 35. Saber o que precisa ser melhorado Observar o usuário no seu ambiente Ouvir o usuário Achava que conhecia o usuário Projetava para um usuário que não existia Entender para quem você está projetando, o que as pessoas querem fazer com o sistema e em qual ambiente ele está sendo usado Fazer isso ao longo do projeto
  36. 36. 19 The Fable of the User-Centred Designer THE FIRST SECRET OF USER-CENTRED DESIGN: EARLY AND CONTINUAL FOCUS ON USERS AND THEIR TASKS Foco nos usuários e tarefas desde o início e de forma contínua
  37. 37. Saber se o seu design funciona como as pessoas esperam
  38. 38. Observar o usuário mais do que ouví-lo Saber se o seu design funciona como as pessoas esperam
  39. 39. Observar o usuário mais do que ouví-lo Teste de Usabilidade (empírico) Saber se o seu design funciona como as pessoas esperam
  40. 40. Satisfação Observar o usuário mais do que ouví-lo Teste de Usabilidade (empírico) Eficácia Eficiência Saber se o seu design funciona como as pessoas esperam
  41. 41. 25 The Fable of the User-Centred Designer THE SECOND SECRET OF USER-CENTRED DESIGN: EMPIRICAL MEASUREMENT OF USER BEHAVIOUR Medição empírica do comportamento do usuário
  42. 42. Prototipação "em papel"
  43. 43. Prototipação "em papel" Evolutiva
  44. 44. Prototipação "em papel" Evolutiva Protótipo interativo
  45. 45. Iterativa Prototipação "em papel" Evolutiva Protótipo interativo
  46. 46. Iterativa Prototipação "em papel" Evolutiva Protótipo interativo Evolução por seleção natural
  47. 47. 30 David Travis THE THIRD SECRET OF USER-CENTRED DESIGN: ITERATIVE DESIGN Design Iterativo
  48. 48. Identify the Stakeholders Segment the Market Create the UX Vision Analyse the Opportunity Build User Profiles User Centred Design Steps Identify Red Routes Build Environment Profiles Build the Context of Use Create the User Experience Track real-world usage and continuously improve the product Layout the Screens Evaluate Usability Develop the Information Architecture Set Key Performance Indicators Design Iterativo Medição empírica do comportamento do usuário Foco nos usuários e tarefas desde o início e de forma contínua
  49. 49. Identify the Stakeholders Segment the Market Create the UX Vision Analyse the Opportunity Build User Profiles User Centred Design Steps Identify Red Routes Build Environment Profiles Build the Context of Use Create the User Experience Track real-world usage and continuously improve the product Layout the Screens Evaluate Usability Develop the Information Architecture Set Key Performance Indicators Design Iterativo Medição empírica do comportamento do usuário Foco nos usuários e tarefas desde o início e de forma contínua TÃO SIMPLES!
  50. 50. Identify the Stakeholders Segment the Market Create the UX Vision Analyse the Opportunity Build User Profiles User Centred Design Steps Identify Red Routes Build Environment Profiles Build the Context of Use Create the User Experience Track real-world usage and continuously improve the product Layout the Screens Evaluate Usability Develop the Information Architecture Set Key Performance Indicators Empresas acham que são centradas no usuário
  51. 51. Identify the Stakeholders Segment the Market Create the UX Vision Analyse the Opportunity Build User Profiles User Centred Design Steps Identify Red Routes Build Environment Profiles Build the Context of Use Create the User Experience Track real-world usage and continuously improve the product Layout the Screens Evaluate Usability Develop the Information Architecture Set Key Performance Indicators Empresas acham que são centradas no usuário Acham que conhecem seus usuários
  52. 52. Identify the Stakeholders Segment the Market Create the UX Vision Analyse the Opportunity Build User Profiles User Centred Design Steps Identify Red Routes Build Environment Profiles Build the Context of Use Create the User Experience Track real-world usage and continuously improve the product Layout the Screens Evaluate Usability Develop the Information Architecture Set Key Performance Indicators Empresas acham que são centradas no usuário Acham que conhecem seus usuários Designer Herói
  53. 53. Identify the Stakeholders Segment the Market Create the UX Vision Analyse the Opportunity Build User Profiles User Centred Design Steps Identify Red Routes Build Environment Profiles Build the Context of Use Create the User Experience Track real-world usage and continuously improve the product Layout the Screens Evaluate Usability Develop the Information Architecture Set Key Performance Indicators Empresas acham que são centradas no usuário Acham que conhecem seus usuários Designer Herói Fazem “pesquisa" Início e Fim
  54. 54. Identify the Stakeholders Segment the Market Create the UX Vision Analyse the Opportunity Build User Profiles User Centred Design Steps Identify Red Routes Build Environment Profiles Build the Context of Use Create the User Experience Track real-world usage and continuously improve the product Layout the Screens Evaluate Usability Develop the Information Architecture Set Key Performance Indicators Empresas acham que são centradas no usuário Acham que conhecem seus usuários Designer Herói Fazem “pesquisa" Início e Fim Perguntam em vez de Observar Focus Group e Demo
  55. 55. Identify the Stakeholders Segment the Market Create the UX Vision Analyse the Opportunity Build User Profiles User Centred Design Steps Identify Red Routes Build Environment Profiles Build the Context of Use Create the User Experience Track real-world usage and continuously improve the product Layout the Screens Evaluate Usability Develop the Information Architecture Set Key Performance Indicators Empresas acham que são centradas no usuário Acham que conhecem seus usuários Designer Herói Fazem “pesquisa" Início e Fim Perguntam em vez de Observar Focus Group e Demo Projetam iterativamente
  56. 56. Identify the Stakeholders Segment the Market Create the UX Vision Analyse the Opportunity Build User Profiles User Centred Design Steps Identify Red Routes Build Environment Profiles Build the Context of Use Create the User Experience Track real-world usage and continuously improve the product Layout the Screens Evaluate Usability Develop the Information Architecture Set Key Performance Indicators Empresas acham que são centradas no usuário Acham que conhecem seus usuários Designer Herói Fazem “pesquisa" Início e Fim Perguntam em vez de Observar Focus Group e Demo Projetam iterativamente HIPPO Highest Paid Person’s Opinion
  57. 57. Identify the Stakeholders Segment the Market Create the UX Vision Analyse the Opportunity Build User Profiles User Centred Design Steps Identify Red Routes Build Environment Profiles Build the Context of Use Create the User Experience Track real-world usage and continuously improve the product Layout the Screens Evaluate Usability Develop the Information Architecture Set Key Performance Indicators Empresas acham que são centradas no usuário Acham que conhecem seus usuários Designer Herói Fazem “pesquisa" Início e Fim Perguntam em vez de Observar Focus Group e Demo Projetam iterativamente HIPPO Highest Paid Person’s Opinion Infinidade de maneiras de fazer UCD
  58. 58. 39 The Fable of the User-Centred Designer SHARE IT WITH OTHERS Compartilhe com os outros! Shared Understanding
  59. 59. http://work.co/virgin-america/
  60. 60. http://work.co/virgin-america/
  61. 61. 6 princípios-chave para garantir que um projeto é Centrado no Usuário MANIFESTO
  62. 62. 1. O projeto é baseado em um entendimento explícito dos usuários, tarefas e ambientes. 2. Os usuários são envolvidos em todo o projeto e desenvolvimento. 3. O projeto é conduzido e refinado por avaliações centradas no usuário. 4. O processo é iterativo. 5. O projeto aborda toda a experiência do usuário. 6. A equipe de projeto inclui habilidades e perspectivas multidisciplinares.
  63. 63. 39 The Fable of the User-Centred Designer SHARE IT WITH OTHERS Shared Understanding
  64. 64. Chega de "tapa na UX"! silvadasilva@unifesp.br @tiagosdasilva http://www.slideshare.net/silvadasilva Tiago Silva da Silva

×