Brincando com as imperfeições e
adversidades típicas do ser humano,
Professores da EE Cap. Pedro
Monteiro do Amaral
Cassia...
Conversas com a composição
“Ciranda da Bailarina” – Chico Buarque e Edu Lobo
A letra da música “Ciranda da Bailarina” espa...
Mascaras
(Intertexto com a letra de música “Ciranda da Bailarina”)
Viver em sociedade
Requer cuidado e seriedade
Pois em u...
Importante lembrar que… toda
ciranda se faz de mãos dadas!
Ouça a música remixada.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Brincando com as imperfeições...

365 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
365
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Brincando com as imperfeições...

  1. 1. Brincando com as imperfeições e adversidades típicas do ser humano, Professores da EE Cap. Pedro Monteiro do Amaral Cassia, Deise, Isabel e Sílvia Desenvolvido com os alunos dos 3º anos do Ensino Médio
  2. 2. Conversas com a composição “Ciranda da Bailarina” – Chico Buarque e Edu Lobo A letra da música “Ciranda da Bailarina” espanta com a singularidade da personagem principal, a Bailarina, diferente de todos os indivíduos. Todo mundo teve, tem ou poderá vir a ter algo na vida: doenças, medos, um primeiro namorado... Porém, a Bailarina, ao invés de causar estranheza, nos concede um valor especial, a perfeição, que não é deste mundo conhecido por nós. Um texto tecido com vocabulário infantil, mas que evidencia o desejo do Homem em todas as fases da vida... O que se quer é a vida perfeita do outro, da Bailarina.
  3. 3. Mascaras (Intertexto com a letra de música “Ciranda da Bailarina”) Viver em sociedade Requer cuidado e seriedade Pois em uma cidade Muitos agem com falsidade. Mascaras são colocadas Para que com as palavras As pessoas não sejam afetadas E sejam atiradas nas valas. Todos têm defeitos Mas eles não podem ser mostrados Porque apenas eles vão ser considerados E acabar sendo citados. Uma postura é adotada, Aquela em que a pessoa não é [magoada Pois quando ela é condenada por Palavras que só lhe causam dor. Todos têm algum defeito E nada poderá ser perfeito Que a mascara cairá E a aceitação virá. (Bruno Farias da Rocha – aluno do 3º ano A - E.M.)
  4. 4. Importante lembrar que… toda ciranda se faz de mãos dadas! Ouça a música remixada.

×