Atitudes Do Cristão

13.312 visualizações

Publicada em

Atitudes Do Cristão

Publicada em: Tecnologia, Turismo
1 comentário
4 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
13.312
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
212
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
111
Comentários
1
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Atitudes Do Cristão

  1. 1. AS ATITUDES DO CRISTÃO Efésios 4.1,2,17,18; 5.1-7 1 ROGO-VOS, pois, eu, o preso do Senhor, que andeis como é digno da vocação com que fostes chamados, 2 Com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor ,17 E digo isto, e testifico no Senhor, para que não andeis mais como andam também os outros gentios, na vaidade da sua mente. 18 Entenebrecidos no entendimento, separados da vida de Deus pela ignorância que há neles, pela dureza do seu coração; 1 SEDE, pois, imitadores de Deus, como filhos amados; 2 E andai em amor, como também Cristo vos amou, e se entregou a si mesmo por nós, em oferta e sacrifício a Deus, em cheiro suave. 6 Ninguém vos engane com palavras vãs; porque por estas coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência. 7 Portanto, não sejais seus companheiros.
  2. 2. I. Analisando as Expressões do Texto Bíblico Básico Rogo-vos = ( parakaléo ) exortar,suplicar de forma calorosa Digno=( adzios ) aquilo que equilibra os pratos da balança, equivalente. Andeis= ( peripatéo ) caminhar, comportar-se. Humildade =( tapeinofrosúne ) qualidade de estimar a si mesmo como pequeno, mas, ao mesmo tempo, reconhecendo o poder e a habilidade de Deus. Mansidão =( prautes ) manso, gentil. Ai atitude gentil e humilde que se expressa em uma atitude submissa perante as ofensas e injúrias, livre de malícia e desejo de vingança. i Suportar= ( anexómenoi) A palavra indica ter paciência com alguém até que termine a provocação.
  3. 3. II. Analisando as Expressões do Texto Bíblico Básico Entenebrecido=( Eskotwmémoi ) Indica a continua condição de trevas. Andeis = ( peripatéin ) andar ao redor comportar-se.A ação habitual. Entendimento =( dianóia ) pensamento, entendimento, inteligência. Entregou=( parédoken ) O verbo expressa aonde o amor foi demonstrado. Alienados=( apellotrioménoi ) estado ou existência. Alienados da vida de Deus
  4. 4. Texto Áureo “ Andai em temor, durante o tempo da vossa peregrinação” 1Pedro 1.17b Peregrinação=( paroikía) ) residência temporária, peregrinação. A palavra denota residência em uma cidade, sem adquirir os direitos de cidadania.
  5. 5. 1. AMOR – A DIRETRIZ DO CRISTÃO <ul><li>Cristo – O padrão para nosso viver neste mundo. </li></ul><ul><li>B. A ausência de amor é porta aberta para prática de pecados. </li></ul>
  6. 6. 1.1 Ele nos amou intensamente 1.2 Ele nos amou completamente 1.3 Ele nos amou sacrificialmente 1.4 Ele nos amou aceitavelmente 1. AMOR – A DIRETRIZ DO CRISTÃO 1.4.1 Razões da Aceitação do Pai: a) Seu Caráter b) Seu Sacrifício c) Sua Morte 1.4.1.1 Nossa Responsabilidade viver,andar e partilhar
  7. 7. 2. DEMONSTRAÇÃO DE AMO R a) Como uma entidade universal. b) Apoiar em tudo o quanto é possível. c) Amar a cada irmão em particular. 1Jo 3.15 2.1. Devemos amar a Deu s (Dt 6.5; 11.1; Mt 22.37,38 ) 2.2. Devemos amar a Palavra de Deus Jo 14.15,23 2.3. Devemos amar a Igreja de Deus 1Jo 3.23;4.21
  8. 8. 2. DEMONSTRAÇÃO DE AMOR 2.4 Devemos amar o nosso próximo Lc 10.27; Êx 20.1,17 <ul><li>No texto hebraico o primeiro termo é Eu (“Eu Sou” do v. 2), e o último é próximo (v.17). </li></ul>b) Isto indica que os mandamentos se desenvolvem na relação do Eu com o próximo , que não se pode eliminar ou desconhecer. c) O próximo, em hebraico rea , vem da raiz ra , (a mesma raiz de mal ), que significa instabilidade, oscilação . d) O próximo é por isso alguém que não tem nem definição, nem estabilidade, porque está sempre em movimento, aberto a todas as possibilidades e a todos os futuros, que não pode ser descrito de uma vez por todas, em definitivo.
  9. 9. 2. DEMONSTRAÇÃO DE AMOR 2.5. Devemos amar os perdidos Mt 10.6;22.9 a) O exemplo de Cristo nos inspira. b) Somos convocados a ser parecidos com Ele!
  10. 10. 3. DEVEMOS ANDAR COMO SÁBIOS a) Portanto,( vigiar, olhar) vede diligentemente (acuradamente, cuidadosamente, comporte-se. O tempo presente aponta para ação contínua) como andais, não como néscios, ( sem entendimento, a palavra refere-se a imprudência ou a tolice em ação) mas como sábios, (aplicação do conhecimento adquirido, entender, habilidade de juntar as coisas e vê-las em seu relacionamento mútuo. b) Os santos são encorajados a fazer uso do seu poder de raciocínio) usando bem cada oportunidade ( edzagorazomai =é o mesmo sentido de comprar no mercado ou comprar de volta as expensas de vigilância e de auto negação pessoal) ou o tempo presente, que está sendo usado agora para propósitos maus e perversos - porquanto os dias são maus.Por isso, não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senho r . (o mal aqui é ativo) Ef 5.15 -17 vide Fp 1.27;Cl 1.10
  11. 11. 3. DEVEMOS ANDAR COMO SÁBIOS <ul><li>Andar no temor do Senhor Sl 111.10 </li></ul>3.1. Que significa andar como sábio? “ A sabedoria do prudente é entender o seu caminho, mas a estultícia dos insensatos é engano” Pv 14.8 “ O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria ; bom entendimento têm todos os que cumprem os seus mandamentos; o seu louvor permanece para sempre” Sl 111.10 3.2. Porque andar como sábio? <ul><li>“ ... Os dias são maus ” Ef 5.16b </li></ul><ul><li>Devemos ser cheios do Espírito v 18 </li></ul><ul><li>Herdaremos honra Pv 3.35 </li></ul><ul><li>Entesouremos conhecimento Pv 10.14 </li></ul><ul><li>Sua língua destila conhecimento e traz saúde Pv 15.2;12.18;Ec 9.17,18 </li></ul>
  12. 12. 4. DEVEMOS ANDAR DIFERENTEMENTE DO MUNDO A. Se desejarmos andar em santidade, devemos evitar: 4.1. A Mentira – Ef 4.25 “ Por isso deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros”. 4.2. A ira – Ef 4.26 Há uma ira não pecaminosa,mas mesmo esta não deve permanecer entre os crentes, porque deteriora relacionamentos e dá oportunidade para de atuação ao diabo. 4.3 . A prática de furtar - Ef 4.28 “ Aquele que furtava, não furte mais; antes trabalhe, fazendo com as mãos o que é bom, para que tenha o que repartir com o que tiver necessidade ”.
  13. 13. 4. DEVEMOS ANDAR DIFERENTEMENTE DO MUNDO A. Se desejarmos andar em santidade, devemos evitar: continuação 4.4. As palavras torpes – Ef 4.29 “ Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graça aos que a ouvem.” 4.5. A amargura – Ef 4.31 Pikría . Denota aquele estado irritado da mente que mantém um homem em perpétua animosidade – que inclina ter opiniões duras e descaridosas acerca dos seres humanos e das coisas - que o torna fechado, irritadiço e repulsivo em seu relacionamento em geral – que faz uma carranca e infunde veneno em sua língua. 4.6. A gritaria – Ef 4.31 Tumós . Expressa a ira temporária. Orgé. Refere-se a uma ira mais sutil e profunda. Kraugé. Gritos das discussões
  14. 14. 5. DEVEMOS ANDAR COMO FILHOS DA LUZ “ Porque noutro tempo éreis trevas, mas agora sois luz no SENHOR; andai como filhos da luz”. Ef 5.8 a) A ética cristã não é legalista, mas exige que o cristão “discirn a” os seus deveres éticos mediante a iluminação do Espírito. Discernimento, neste caso, significa tomar decisões éticas de acordo com a direção do Espírito à luz das Escrituras, e em conformidade com a situação vivencial histórica do cristão. 4.7. As blasfêmias – Ef 4.31 Blasfemía. É uma manifestação mais duradoura da ira interior, que se mostra em linguagem de insultos. Estas duas palavras são a manifestação exterior dos defeitos anteriores.
  15. 15. 5. DEVEMOS ANDAR COMO FILHOS DA LUZ “ Porque noutro tempo éreis trevas, mas agora sois luz no SENHOR; andai como filhos da luz”. Ef 5.8 5.1. Outras recomendações sobre o nosso andar a) Com sabedoria b) Em temor c) Nos Estatutos de Deus d) Pelo Caminho do entendimento
  16. 16. 5. DEVEMOS ANDAR COMO FILHOS DA LUZ 5.2. Devemos andar no Espírito a) No Senhor f) Dignamente c) Em novidade de vida b) Segundo o ensino bíblico e) Honestamente g) Espiritualmente vestido de branco h)Segundo a vocação do Evangelho d) Segundo as leis do Espírito i) Como Jesus andou
  17. 17. CONCLUSÃO Se alcançarmos graça de Deus parar andar como acabamos de estudar, certamente teremos alcançados a posição de santidade exigida por Deus. E o fim desse andar será a entrada nas mansões celestiais, onde viveremos com o Senhor eternamente. Assim nos conceda Deus. Visite meu BLOG: http://prjoaoluizmarquesrespondendobiblia.blogspot.com

×