Expansão dos Estados Totalitários Fascistas

6.537 visualizações

Publicada em

Esta aula destina-se aos alunos e alunas do Terceiro Ano do Colégio Militar de Brasília, mas qualquer pessoa pode utilizar o material, basta entrar em contato e citar a fonte.

Publicada em: Educação
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.537
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4.275
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
111
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Expansão dos Estados Totalitários Fascistas

  1. 1. ASCENSÃO DOS ESTADOS TOTALITÁRIOS
  2. 2. • Regime ou sistema político no qual o governo da sociedade está concentrado nas mãos de um partido único, não raro com uma liderança carismática, que age no intuito de inibir a oposição e suprimir as liberdades democráticas. Em estados totalitário, o governo busca controlar todos os aspectos da vida dos cidadãos mediante violência e propaganda política e/ou religiosa. • Ex.: URSS de Stálin, Itália Fascista, Alemanha Nazista, a Espanha de Franco, o Japão em sua fase expansionista. 2 TOTALITARISMO Valéria Fernandes
  3. 3. • “A grande força do estado totalitário é que ele força aqueles que o temem a imitá-lo.” Adolf Hitler • As décadas de 1920 e 1930 foram marcadas pela ascensão de Estados Totalitários. Esse modelo politico é uma resposta à crise econômica e política pós I Guerra Mundial, ou à Grande Depressão. • Um Regime Totalitário pode ser capitalista ou socialista, sua marca é a pesada intervenção do Estado na economia. 3 TOTALITARISMO Valéria Fernandes
  4. 4. • Contra o liberalismo político e econômico, mas, não, contra o capitalismo; • Contra o socialismo e o comunismo → ateísmo, internacionalismo, questionamento da família tradicional etc. • Criação do grande Inimigo (comunistas, judeus, ...); • (Ultra) Nacionalismo; • Militarismo; • Culto a personalidade do líder carismático; 4 CARACTERÍSTICAS GERAIS Valéria Fernandes Fascismo, um Estilo de Vida. Ontem, Hoje, Amanhã, pela Honra da Itália.
  5. 5. FASCISMO ITALIANO  ANTECEDENTES • Instabilidade econômica e política após a primeira Guerra Mundial. • Monarquia Parlamentar fragilizada. • Itália Irredenta → “ganhou e não levou”. • Liderança carismática de Benito Mussolini Il Duce (líder). • Apoio da burguesia industrial, dos proprietários de terras e de setores da Igreja Católica aos métodos violentos do fascistas contra os liberais e comunistas. 5Valéria Fernandes
  6. 6. FASCISMO ITALIANO  Por meio da violência e da fraude o Partido Fascista assume o controle do país nas eleições de 1924.  Acordo de São João de Latrão, de 1929 → a Igreja Católica reconhece o Estado Italiano → pendência da Unificação (1861). 6Valéria Fernandes  Marcha sobre Roma (1922).  Mussolini se impõe ao rei.
  7. 7. FASCISMO ITALIANO • Nacionalismo + Expansionismo → política do Mare Nostrum. • Militarismo. • Autoritarismo. • Anticomunismo. • Slogans políticos fascistas: “Crer, obedecer e combater” "Tudo no Estado, nada fora do Estado, nada contra o Estado" 7Valéria Fernandes Benito Mussolini in 1923
  8. 8. FASCISMO ITALIANO • FASCIO LITTORIO → símbolo fundamental → a união faz a força. • “Fim” da luta de classes → CORPORATIVISMO → sindicatos de patrões e de empregados deveriam cooperar com o Estado para a grandeza da nação → Fim do direito de greve. • CARTA DEL LAVORO (1927). 8Valéria Fernandes
  9. 9. CARACTERÍSTICAS DO NAZISMO  O que diferenciava o nazismo do fascismo italiano, sua fonte de inspiração? • Política do Espaço Vital (Lebensraum). • Racismo Militante → “raça ariana”, mundo dividido em humanos e sub-humanos → Prática da Eugenia. 9Valéria Fernandes Perfeito exemplar ariano: louro, olhos claros, rosto alongado, alto.
  10. 10. INFLUÊNCIA DO FACISMO E DO NAZISMO • Japão. • Espanha. • Portugal. • Polônia. • Áustria. • Países Bálticos. • Bulgária. • Brasil, Argentina, etc. 10Valéria Fernandes
  11. 11. A ASCENSÃO DO NAZISMO
  12. 12. 12 ASCENSÃO DO NAZISMO República de Weimar → 1918-33. • Caos econômico marca a Alemanha no pós I Guerra e proliferação de grupos paramilitares de extrema-direita → Freikorps. • Revolução Spartakista (1919) → Rosa Luxemburgo e Karl Liebknecht. • 1920 → Fundação do NSDAP → Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães → Anton Drexler. • 1921 → Hitler filia-se ao NSDAP e começa a projetar-se como líder → Influência de Alfred Rosemberg → conspiração judaica internacional associada ao comunismo.4/24/2017
  13. 13. 13 O MITO DA TRAIÇÃO (Dolchstoßlegende) 4/24/2017
  14. 14. 14 ASCENSÃO DO NAZISMO • 1923 → Tentativa de Golpe (Putsch de Munique), 16 nazistas mortos. Na prisão, Hitler escreve o Mein Kampf. • A inspiração de Hitler é Mussolini. Ex.: Camisas Negras → Camisas Marrons. • São contra o Diktat de Versalhes e culpam os judeus pela crise. 4/24/2017
  15. 15. TOMADA DE PODER PELOS NAZISTAS • A Grande Depressão (1929) ajuda no avanço do nazismo → Vitória eleitoral em 1932. • Hitler torna-se chanceler → Hindenburg (1847-1934), o presidente era muito popular, só com a morte dele, Hitler passou a governar sozinho. • Incêndio do Reichstag – os comunistas são acusados. 154/24/2017
  16. 16. 16 NAZISTAS NO PODER • Eliminação dos opositores dentro e fora do Partido. • Noite das Facas Longas → 30 /06-01/07/1934 → eliminação dos S.A. e outros freikorps. • Leis de Nuremberg → 14/11/ 1935. • Noite dos Vidros Quebrados → 09/11/1938 → Destruição de sinagogas, lojas e outros negócios de judeus → Judeus para Dachau. 4/24/2017
  17. 17. 17 BÜCHERVERBRENNUNG • Queima de Livros contrários ao regime (10/05-21/06/1933). 4/24/2017
  18. 18. 18 PROPAGANDA ANTISSEMITA 4/24/2017 “Uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade” ― Joseph Goebbels Desumanizar os judeus. Associá-los a todos os males possíveis.
  19. 19. 194/24/2017 Semanário popular de propriedade de Julius Streicher circulou entre 1923 e 1945. Barato atacava, também, católicos, monarquistas, comunistas, anarquistas, socialistas, liberais. Era amplamente divulgado em países como Argentina, EUA e Brasil. Capas do “Der Stürmer”, principal veículo de propaganda antissemita.
  20. 20. 20 NAZISTAS NO PODER • Economia → inspiração soviética → criação dos Planos Quadrienais. • Acordos com as grandes corporações alemães. • Uso de Plebiscitos, quebra do Tratado de Versalhes: rearmamento, expansão do efetivo das Forças Armadas, fim do pagamento das dívidas de guerra etc. • Demandas territoriais. 4/24/2017 Propaganda de 1939: alemães compram produtos alemães. Em destaque as palavras trabalho, produtos, e produção.
  21. 21. 21 Entartete Kunst • Era considerada “arte degenerada”, qualquer manifestação artística ou musical considerada não- germânica ou de influência judia ou comunista. • Praticamente toda Arte Moderna foi banida, assim como o jazz (Entartete Musik). 4/24/2017
  22. 22. 22 NAZISTAS NO PODER • Eram considerados indesejáveis, segundo as diretrizes nazistas: judeus, Testemunhas de Jeová, eslavos, homossexuais, ciganos, deficientes físicos e mentais, comunistas, socialistas, prostitutas, pacifistas, etc. 4/24/2017
  23. 23. 23 EXPANSÃO NAZISTA • Pacto Anti-Komintern → 1936 Comintern ou Komintern → do alemão Kommunistische Internationale → é o termo com que se designa a Terceira Internacional ou Internacional Comunista (1919-1943), isto é, a organização internacional fundada por Vladimir Lênin e pelo PCUs (bolchevique), em março de 1919, para reunir os partidos comunistas de diferentes países. 4/24/2017
  24. 24. EXPANSÃO NAZISTA • Eixo Berlim-Roma- Tokyo → Novembro de 1936 • Anexação da Aústria → Anschluss → 12 de março 1938. • Anexação dos Sudetos área mais industrializada da Tchecoslováquia com grande população germânica → 26 de setembro de 1938. 244/24/2017
  25. 25. 25 Pacto de Munique (Alemanha, Itália, Reino Unido, França) → 29 de Setembro de 1938 → “Paz para o nosso tempo.” (Neville Chamberlain) 4/24/2017 EXPANSÃO NAZISTA
  26. 26. Crítica do Cartunista brasileiro Belmonte à Política de Apaziguamento. 26 “Entre a desonra e a guerra, eles escolheram a desonra, e terão a guerra.” - De Churchill para Neville Chamberlain 4/24/2017
  27. 27. EXPANSÃO NAZISTA • Anexação de total da Tchecoslováquia → Março de 1939. • O Pacto Ribbentrop- Molotov ou Germano- Soviético → 23/08/1939 → Não agressão e partilha do Leste Europeu e dos países do Báltico, além da manutenção de acordos comerciais. • Invasão da Polônia → 01 de setembro de 1939. 274/24/2017
  28. 28. AS SS: “LEGIÃO ESTRANGEIRA” NAZISTA • Tropa de elite do partido nazista, criada em 1925, liderada por Heinrich Himmler. • Aceitavam estrangeiros desde que fossem arianos. • As SS tiveram grande atuação na Frente Oriental durante a Operação Barbarossa. 284/24/2017
  29. 29. AS SS : “LEGIÃO ESTRANGEIRA” NAZISTA • Em 1934, a SS foi dividida em três: Totenkopf-SS (guardas dos campos de concentração), Waffen-SS (as tropas combatentes), Allgemeine-SS (o braço político- administrativo). 294/24/2017
  30. 30. AS SS : “LEGIÃO ESTRANGEIRA” NAZISTA • Cartaz de recrutamento belga para as tropas Waffen SS → O dragão representa a ameaça judaico- comunista que é massacrado pelas SS. 304/24/2017
  31. 31. 31 POR TRÁS DOS INIMIGOS DA ALEMANHA: OS JUDEUS 4/24/2017
  32. 32. 32 A IMPORTÂNCIA DA PROPAGANDA 4/24/2017 “A Propaganda funciona melhor quando aqueles que estão sendo manipulados estão confiantes de que estão agindo por sua livre vontade.” "A essência da propaganda é ganhar as pessoas para uma idéia de forma tão sincera, com tal vitalidade, que, no final, elas sucumbam a essa idéia completamente, de modo a nunca mais escaparem dela. A propaganda quer impregnar as pessoas com suas idéias. É claro que a propaganda tem um propósito. Contudo, este deve ser tão inteligente e virtuosamente escondido que aqueles que venham a ser influenciados por tal propósito NEM O PERCEBAM." Joseph Goebbels – Ministro da Propaganda Nazista de 1933-45.
  33. 33. KINDER, KÜCHE, KIRCHE 33 As mulheres têm direito a 3 “K”: Crianças, Cozinha e Igreja. 4/24/2017
  34. 34. PROJETO LEBENSBORN • Projeto criado em 1935, visava reproduzir a “raça superior”, fazendo procriar moças selecionadas e homens das SS. • Foi estendido aos países ocupados pelos nazistas. • A primeira casa no exterior foi aberta na Noruega em 1941. 344/24/2017
  35. 35. JUVENTUDE A SERVIÇO DE HITLER • Bund Deutscher Mädel → Liga de Moças Alemãs. • Hitler-Jugend → Juventude Hitlerista → adesão obrigatória a partir de 1939 para todos os meninos com mais de 9 anos. 354/24/2017
  36. 36. OLIMPÍADAS DE BERLIM 1936 • Organizada para exaltar a “raça ariana” viu o triunfo do atleta negro Jesse Owens. 364/24/2017
  37. 37. • Leni Riefenstahl, principal cineasta do Governo de Hitler. Um dos seus principais filmes foi Olympia. 374/24/2017
  38. 38. 38 Die Weiße Rose – A Rosa Branca • Grupo de estudantes alemães que fez uma campanha anti-nazista de panfletos anônimos entre 06/1942 e 02/1943. • Liderados pelos irmãos Sophie e Hans Scholl e Christoph Probost. Foram presos em 18/02, julgados, condenados e executados em 22/02. 4/24/2017
  39. 39.  Em 1928, o General Carmona entrega a economia portuguesa a Oliveira Salazar.  Ministro de 1928-29, retorna como “salvador da pátria” e governa Portugal por 36 anos (1932–68).  Estado Novo → Da Constituição de 1933 até a Revolução dos Cravos de 25 de Abril de 1974.  Características: Nacionalismo extremado, Corporativismo, Valores tradicionais, Guerra Colonial, censura e forte repressão política, criação da Polícia Internacional e de Defesa do Estado (PIDE).  Crítica ao antissemitismo germânico.  Neutralidade durante a II Guerra. Salazarismo em Portugal
  40. 40.  Salazar consegue sanear as contas portuguesas seguindo receitas ortodoxas, flerta com o nazismo e o fascismo, e governa com mão de ferro.
  41. 41. Guerra Civil Espanhola (1936-39)  A República da Espanha foi fundada em 1931.  As forças fascistas, aliadas a instituições tradicionais da Espanha, dentre elas o Exército, a Igreja Católica e os Latifundiários, reagem.  A Frente Popular, base do Governo Republicano, unia os sindicatos, partidos de esquerda e liberais partidários da democracia. Generalíssimo Franco, líder da Falange.
  42. 42. 42Valéria Fernandes  Nas eleições de 1935, → vitória dos liberais reformistas e sociais democratas → General Franco tenta um golpe de Estado → início da Guerra Civil.  A Internacional Comunista de 1935 havia instado os PCs a se aliarem aos partidos democráticos progressistas. Guerra Civil Espanhola (1936-39) Até hoje não há consenso sobre o número de mortos.
  43. 43. 43Valéria Fernandes Guerra Civil Espanhola (1936-39)  A Itália, Alemanha e Portugal → apoio logístico e militar → homens, armas, alimentos e remédios.  Grã-Bretanha, EUA e França → Neutros.  As Forças Fascistas usaram o Marrocos como sua base de operações. Mapa do conflito.
  44. 44. 44Valéria Fernandes Guerra Civil Espanhola (1936-39)  A URSS apoiou os republicanos e voluntários de todo o mundo chegaram para lutar na guerra formando as chamadas Brigadas Internacionais.  A maioria dos membros das Brigadas eram franceses (26%), mas havia inclusive italianos e alemães. Brasileiros também integraram o grupo.  As Brigadas foram dissolvidas em 1938, o acordo previa a retirada dos estrangeiros, mas só foi cumprido pelos republicanos.
  45. 45. 45 Guernica, obra prima de Pablo Picasso mostra o bombardeio nazista à cidade. A Guerra Civil Espanhola serviu de campo de testes para as armas e força aérea da Alemanha Nazista. Valéria Fernandes
  46. 46. 46 Marina Ginesta, uma militante comunista de 17 anos, atuando em Barcelona durante a Guerra Civil Espanhola, em 1936. Valéria Fernandes Dolores Ibárruri, “La Pasionaria” →"Para viver de joelhos, é melhor morrer de pé!" e "Não passarão!” (“¡No pasarán!”).
  47. 47. 47 Dentre os “notáveis” que participaram das Brigadas temos o romancista americano Ernest Hemingway, o escritor inglês George Orwell, e a matemática, filósofa e ativista francesa, Simone Weil. Valéria Fernandes “¡No pasarán!” → Madri será o Túmulo do Fascismo (1937).
  48. 48.  Vitória do General Franco → a Ditadura franquista se estendeu até 1975.  As baixas da Guerra Civil Espanhola oscilam entre 330 e 405 mil mortos. Durante o conflito, metade do gado espanhol foi morto, e a renda per capita reduziu em 30%, afundando o país em uma estagnação econômica que se prolongou por quase 30 anos. 48Valéria Fernandes Guerra Civil Espanhola (1936-39)

×