Shirlei slides sobre o mobile

1.382 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.382
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
31
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Shirlei slides sobre o mobile

  1. 1. Título Língua Portuguesa Objetivos: ü  Desenvolver comportamento dos leitores e escritores ü  Refletir sobre a língua escrita. ü  Estimular a oralidade, a criatividade e a reflexão a respeito do tema abordado. Projeto de Ensino aprendizagem
  2. 2. <ul>Conteúdo: ü Leitura. ü Produção de texto. Anos: ü 2º ano Tempo estimado: ü 01 semana </ul>
  3. 3. <ul>Material necessário: ü Xerox do poema ü Canetinha ü Lápis de cor ü Papel </ul>
  4. 4. <ul>Desenvolvimento: 1ª etapa: Atividade introdutória à recepção do texto e pesquisa na internet sobre como produzir um móbile com muita estética. O professor propõe aos alunos que enumerem os objetos com que as crianças gostam de brincar. Se as crianças não citarem o móbile entre os brinquedos infantis, o professor, incluindo-se na situação apresenta-o como um dos objetos de que gosta. Ao apresentá-lo, faz perguntas sobre sua função e os efeitos que exerce. </ul>
  5. 5. <ul>Entre as perguntas, sugerem-se as seguintes: ü Para que serve o móbile? ü Porque as pessoas gostam do móbile? ü O que as atrai no móbile? ü Em que idade as crianças se sentem mais atraídas por esse objeto? </ul>
  6. 6. <ul>2ª etapa: Leitura compreensiva e interpretativa do texto. Interpretação do poema “O móbile” (Sérgio Caparelli) O MÓBILE &quot;Quatro palhaçinhos dançam contentes soltos no ar feito meninos. Quatro palhaços fracos, franzinos dançam num móbile cheio de sinos. </ul>
  7. 7. <ul>Quatro palhaços jeito ladino tocam viola e violino Quatro palhaços estão dormindo dentro dos olhos de um menino.&quot; </ul>
  8. 8. <ul>O professor distribui o texto, ou apresenta-o em cartaz, mesmo que os alunos não dominem integralmente o código escrito. A seguir, lê expressivamente o poema. Depois, sugere que produzam, de forma oral, os versos que compõem as estrofes, com o intuito de fazê-los memorizar o texto. Paralelamente, vai verificando, através de perguntas, se os alunos dominam os vocabulários do poema. Após o professor monta o texto em um flanelógrafo (ou quadro – mural), tendo o cuidado de dispor cada verso em uma tira. Em seguida, propõe a adaptação da música “A casa” (Toquinho e Vinícius) ao “Móbile”. Professor e alunos cantam juntos enquanto produzem a dança dos palhaços. Realizadas as atividades que conjugam a memorização do poema à apreensão visual do código, o professor passa a exploração das significações do texto, propondo atividades escritas ou orais aos alunos. </ul>
  9. 9. <ul>ü Escreva nos balões as palavras que indicam aquilo que os palhaços fazem: ü O poema diz que os palhaços são feito meninos. O que isso quer dizer? ü Escolha, entre as seguintes palavras, aquelas quem combinam com os palhaços e com os meninos. ü Pinte, com cores iguais, as palavras que terminam da mesma maneira e estão situadas no final de cada verso. ü Procure no texto e escreva uma palavra que seja: </ul>
  10. 10. <ul>ü Ilustre a última estrofe do poema e exponha o desenho no painel da sala de aula. ü Resolvidas as questões, o professor pede que os alunos observem os versos repetidos (v. 1,5,9,13). Em seguida, pergunta quantas partes há no poema. ü A seguir o professor propõe a remontagem do poema, alterando a colocação dos versos nas estrofes. </ul>
  11. 11. <ul>3ª Etapa: Transferência e aplicação da leitura. O professor estimula os alunos a criarem uma pequena história, a partir dos elementos que lhes possam ter ativado a imaginação, orientando o processo criativo com as seguintes questões, formuladas oralmente: ü Quem é o menino que dorme com os palhaços diante de seus olhos? Como é seu nome? Qual sua idade? Onde mora? Como é o quarto desse menino? ü Quem deu o móbile para ele? Quando recebeu de presente? ü Qual foi a reação do menino ao ver o móbile dependurado no teto? Como ele demonstrou sua reação? ü Com que sonha o menino quando dorme? </ul>
  12. 12. <ul>Avaliação: Cabe ao professor avaliar o grau de dificuldades das tarefas propostas e proceder à sua adaptação ao nível dos alunos, optando por aplicá-las de forma oral ou escrita. Com sua inventividade, ele certamente ampliará os roteiros e criará novos, para oferecer a seus alunos atividades que favoreçam seu desenvolvimento afetivo e que promovam a aprendizagem da leitura e da escrita, através do próprio ato de ler e de escrever. </ul>

×