SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
Baixar para ler offline
A verdadeira 
história da Branca 
de neve
A história que conhecemos : 
A versão que conhecemos conta a 
história da linda princesa, com a pele 
branca como a neve, que sofre com a 
inveja de sua rainha pela sua beleza 
incontestável declarado pelo espelho 
mágico.Sendo assim, Branca de Neve é 
obrigada fujir e exila-se na floresta, na 
casa dos pequenos sete anões
No entanto, a princesa é enganada pela bruxa a 
comer uma linda maçã, porém envenenada. 
Sem poderem fazer muito, os anões a deixam 
em um caixão de cristal e certo dia um belo 
príncipe, de passagem pela floresta, a vê e 
resolve beijá-la. E como todo conto de fadas, o 
feitiço da bruxa é quebrado e Branca de Neve 
fica junto com o príncipe e vivem feliz para 
sempre.
A verdadeira história : 
ele possivelmente foi inspirado em fatos reais. 
Na Idade Média, existiu uma princesa famosa 
por sua beleza, chamada Margarete von 
Waldeck. Ela cresceu na região de Waldeck e 
era detestada por sua madrasta.
Felipe II, da Espanha, decidiu casar-se com a 
bela jovem, mas antes que isso fosse 
concretizada ela morreu possivelmente 
envenenada. Os sete anões se referiam ao 
trabalho infantil, as crianças pequenas 
trabalhavam nas minas e eram conhecidas 
como anões.
Fatos curiosos :
Branca de neve também ganhou versões mais 
macabras e em algumas dessas versões quem 
tenta matar a jovem é a própria mãe e não a 
madrasta. Alguns também contam que a bruxa 
não queria apenas o coração , ela queria outros 
órgãos como os rins, pulmões 
etc. E no final a bruxa é obrigada a dança com 
sapatos de ferro em brasa até a morte.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Branca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anõesBranca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anõesFilipa Cunha
 
A história da branca de neve (legendas)
A história da branca de neve (legendas)A história da branca de neve (legendas)
A história da branca de neve (legendas)anarrcunha
 
Branca de-neve-e-os-sete-anes
Branca de-neve-e-os-sete-anesBranca de-neve-e-os-sete-anes
Branca de-neve-e-os-sete-anesJorge Carnaz
 
Branca de neve
Branca de neveBranca de neve
Branca de neveDuarteOlga
 
Branca de Neve e os Sete Anões
Branca de Neve e os Sete AnõesBranca de Neve e os Sete Anões
Branca de Neve e os Sete Anõesfatimapestana
 
Branca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anõesBranca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anõesat the school
 
Branca+de+neve+e+os+sete+anões
Branca+de+neve+e+os+sete+anõesBranca+de+neve+e+os+sete+anões
Branca+de+neve+e+os+sete+anõesVilma Amaral
 
Branca de neve
Branca de neveBranca de neve
Branca de neveIris Silva
 
Branca de fome e os sete anões
Branca de fome e os sete anõesBranca de fome e os sete anões
Branca de fome e os sete anõesMarcia Oliveira
 
Bela Adormecida
Bela AdormecidaBela Adormecida
Bela AdormecidaAulas_TIC
 
Minha webquest
Minha webquestMinha webquest
Minha webquestVPS1
 
Tic conto infantil
Tic conto infantilTic conto infantil
Tic conto infantilVPS1
 
A princesa baixinha power point
A princesa baixinha   power pointA princesa baixinha   power point
A princesa baixinha power pointlabeques
 

Mais procurados (19)

Branca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anõesBranca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anões
 
A história da branca de neve (legendas)
A história da branca de neve (legendas)A história da branca de neve (legendas)
A história da branca de neve (legendas)
 
Branca de-neve-e-os-sete-anes
Branca de-neve-e-os-sete-anesBranca de-neve-e-os-sete-anes
Branca de-neve-e-os-sete-anes
 
Branca de neve
Branca de neveBranca de neve
Branca de neve
 
Branca de neve e os sete anoes
Branca de neve e os sete anoesBranca de neve e os sete anoes
Branca de neve e os sete anoes
 
Branca de Neve e os Sete Anões
Branca de Neve e os Sete AnõesBranca de Neve e os Sete Anões
Branca de Neve e os Sete Anões
 
Branca de neve
Branca de neveBranca de neve
Branca de neve
 
Branca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anõesBranca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anões
 
Branca+de+neve+e+os+sete+anões
Branca+de+neve+e+os+sete+anõesBranca+de+neve+e+os+sete+anões
Branca+de+neve+e+os+sete+anões
 
Branca de neve
Branca de neveBranca de neve
Branca de neve
 
BRANCA DE NEVE E OS SETE ANÕES
BRANCA DE NEVE E OS SETE ANÕESBRANCA DE NEVE E OS SETE ANÕES
BRANCA DE NEVE E OS SETE ANÕES
 
CINDERELA - LIVRO DIGITAL
CINDERELA - LIVRO DIGITALCINDERELA - LIVRO DIGITAL
CINDERELA - LIVRO DIGITAL
 
Branca de fome e os sete anões
Branca de fome e os sete anõesBranca de fome e os sete anões
Branca de fome e os sete anões
 
Bela Adormecida
Bela AdormecidaBela Adormecida
Bela Adormecida
 
Minha webquest
Minha webquestMinha webquest
Minha webquest
 
Livro 2 b
Livro 2 bLivro 2 b
Livro 2 b
 
Tic conto infantil
Tic conto infantilTic conto infantil
Tic conto infantil
 
Cinderela
CinderelaCinderela
Cinderela
 
A princesa baixinha power point
A princesa baixinha   power pointA princesa baixinha   power point
A princesa baixinha power point
 

Destaque

Branca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anões Branca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anões belanata
 
Branca de neve
Branca de neveBranca de neve
Branca de nevelabneusa
 
Projeto de Leitura - Branca de Neve
Projeto de Leitura - Branca de NeveProjeto de Leitura - Branca de Neve
Projeto de Leitura - Branca de NeveDavid M. de Lima
 
Projeto De Literatura Infantil Da Branca De Neve
Projeto De Literatura Infantil Da Branca De NeveProjeto De Literatura Infantil Da Branca De Neve
Projeto De Literatura Infantil Da Branca De NeveEscola BN
 
Projeto branca de neve
Projeto branca de neveProjeto branca de neve
Projeto branca de nevesandramirandan
 

Destaque (6)

Branca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anões Branca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anões
 
Branca de neve
Branca de neveBranca de neve
Branca de neve
 
Pinoquio 2
Pinoquio 2Pinoquio 2
Pinoquio 2
 
Projeto de Leitura - Branca de Neve
Projeto de Leitura - Branca de NeveProjeto de Leitura - Branca de Neve
Projeto de Leitura - Branca de Neve
 
Projeto De Literatura Infantil Da Branca De Neve
Projeto De Literatura Infantil Da Branca De NeveProjeto De Literatura Infantil Da Branca De Neve
Projeto De Literatura Infantil Da Branca De Neve
 
Projeto branca de neve
Projeto branca de neveProjeto branca de neve
Projeto branca de neve
 

Semelhante a A verdade por trás da história de Branca de Neve

A princesa e a ervilha
A princesa e a ervilhaA princesa e a ervilha
A princesa e a ervilhaSuzy Santana
 
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionadosA verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionadosRenata Maria
 
Once upon a time portugalt
Once upon a time portugaltOnce upon a time portugalt
Once upon a time portugaltMar Jurado
 
Outras sugestões de livros de fadas
Outras sugestões de livros de fadasOutras sugestões de livros de fadas
Outras sugestões de livros de fadascarlavirginia
 
Bela
BelaBela
BelaCJM
 
Era uma vez... Não foi bem assim!
Era uma vez... Não foi bem assim!Era uma vez... Não foi bem assim!
Era uma vez... Não foi bem assim!LRede
 
A Princesa E A Ervilha
A Princesa E A ErvilhaA Princesa E A Ervilha
A Princesa E A Ervilhavera1979
 
Projeto explorando os contos de fadas
Projeto explorando os contos de fadasProjeto explorando os contos de fadas
Projeto explorando os contos de fadasLedson Aldrovandi
 
Branca de Neve e os sete Anões
Branca de Neve e os sete AnõesBranca de Neve e os sete Anões
Branca de Neve e os sete Anõesfatimapestana
 
Anexo planejamento - Merces
Anexo planejamento - MercesAnexo planejamento - Merces
Anexo planejamento - MercesMariadasMerces
 
Candace camp trilogia dos aincourt 02 o castelo das sombras
Candace camp trilogia dos aincourt 02 o castelo das sombrasCandace camp trilogia dos aincourt 02 o castelo das sombras
Candace camp trilogia dos aincourt 02 o castelo das sombrasAndreia
 
HISTÓRIA COLETIVA
HISTÓRIA COLETIVAHISTÓRIA COLETIVA
HISTÓRIA COLETIVAguestec1
 
HISTÓRIA COLETIVA
HISTÓRIA COLETIVAHISTÓRIA COLETIVA
HISTÓRIA COLETIVAguest0691
 
A princesa matilde
A princesa matildeA princesa matilde
A princesa matildepauladornay
 

Semelhante a A verdade por trás da história de Branca de Neve (20)

BRANCA DE NEVE DISNEY.pptx
BRANCA DE NEVE DISNEY.pptxBRANCA DE NEVE DISNEY.pptx
BRANCA DE NEVE DISNEY.pptx
 
A princesa e a ervilha
A princesa e a ervilhaA princesa e a ervilha
A princesa e a ervilha
 
Adormecida
AdormecidaAdormecida
Adormecida
 
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionadosA verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
 
Once upon a time portugalt
Once upon a time portugaltOnce upon a time portugalt
Once upon a time portugalt
 
Outras sugestões de livros de fadas
Outras sugestões de livros de fadasOutras sugestões de livros de fadas
Outras sugestões de livros de fadas
 
Bela
BelaBela
Bela
 
Era uma vez... Não foi bem assim!
Era uma vez... Não foi bem assim!Era uma vez... Não foi bem assim!
Era uma vez... Não foi bem assim!
 
A bela e a fera
A bela e a feraA bela e a fera
A bela e a fera
 
A Princesa E A Ervilha
A Princesa E A ErvilhaA Princesa E A Ervilha
A Princesa E A Ervilha
 
Seleção de contos
Seleção de contosSeleção de contos
Seleção de contos
 
Projeto explorando os contos de fadas
Projeto explorando os contos de fadasProjeto explorando os contos de fadas
Projeto explorando os contos de fadas
 
A bela adormecida
A bela adormecidaA bela adormecida
A bela adormecida
 
Branca de Neve e os sete Anões
Branca de Neve e os sete AnõesBranca de Neve e os sete Anões
Branca de Neve e os sete Anões
 
Anexo planejamento - Merces
Anexo planejamento - MercesAnexo planejamento - Merces
Anexo planejamento - Merces
 
Candace camp trilogia dos aincourt 02 o castelo das sombras
Candace camp trilogia dos aincourt 02 o castelo das sombrasCandace camp trilogia dos aincourt 02 o castelo das sombras
Candace camp trilogia dos aincourt 02 o castelo das sombras
 
HISTÓRIA COLETIVA
HISTÓRIA COLETIVAHISTÓRIA COLETIVA
HISTÓRIA COLETIVA
 
HISTÓRIA COLETIVA
HISTÓRIA COLETIVAHISTÓRIA COLETIVA
HISTÓRIA COLETIVA
 
A princesa matilde
A princesa matildeA princesa matilde
A princesa matilde
 
1 trimestral 6 ano
1 trimestral  6 ano1 trimestral  6 ano
1 trimestral 6 ano
 

Último

Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no textoMariaPauladeSouzaTur
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaeliana862656
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxJosAurelioGoesChaves
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 

Último (20)

Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no texto
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escrita
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 

A verdade por trás da história de Branca de Neve

  • 1. A verdadeira história da Branca de neve
  • 2. A história que conhecemos : A versão que conhecemos conta a história da linda princesa, com a pele branca como a neve, que sofre com a inveja de sua rainha pela sua beleza incontestável declarado pelo espelho mágico.Sendo assim, Branca de Neve é obrigada fujir e exila-se na floresta, na casa dos pequenos sete anões
  • 3. No entanto, a princesa é enganada pela bruxa a comer uma linda maçã, porém envenenada. Sem poderem fazer muito, os anões a deixam em um caixão de cristal e certo dia um belo príncipe, de passagem pela floresta, a vê e resolve beijá-la. E como todo conto de fadas, o feitiço da bruxa é quebrado e Branca de Neve fica junto com o príncipe e vivem feliz para sempre.
  • 4. A verdadeira história : ele possivelmente foi inspirado em fatos reais. Na Idade Média, existiu uma princesa famosa por sua beleza, chamada Margarete von Waldeck. Ela cresceu na região de Waldeck e era detestada por sua madrasta.
  • 5. Felipe II, da Espanha, decidiu casar-se com a bela jovem, mas antes que isso fosse concretizada ela morreu possivelmente envenenada. Os sete anões se referiam ao trabalho infantil, as crianças pequenas trabalhavam nas minas e eram conhecidas como anões.
  • 7. Branca de neve também ganhou versões mais macabras e em algumas dessas versões quem tenta matar a jovem é a própria mãe e não a madrasta. Alguns também contam que a bruxa não queria apenas o coração , ela queria outros órgãos como os rins, pulmões etc. E no final a bruxa é obrigada a dança com sapatos de ferro em brasa até a morte.