Adoração que agrada a deus

1.342 visualizações

Publicada em

Adoração que agrada a deus,o nosso criador

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.342
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Adoração que agrada a deus

  1. 1. No ano da morte do rei Uzias, eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono, e as abas de suas vestes enchiam o templo. Serafinsestavam por cima dele; cada um tinha seis asas: com duas cobriam o rosto, com duas cobria os seus pés e comduas voavam, E clamavam uns para osoutros, dizendo; Santo: santo, santo, é o Senhor dos Exércitos: toda a terra está cheia da sua gloria. As bases do limiar se moveram á voz do que clamava, e a casa se encheu de fumaça.
  2. 2. Então disse: Ai de mim! Estou perdido!Porque sou homem de lábios impuros, habito no meio dum povo de impuros lábios. E os meus olhos viram o rei, o Senhor dos Exércitos! Então, um dos serafins voou para mim, trazendo namão uma brasa viva, que tirara do altar com um tenaz; com a brasa tocou aminha boca e disse: Veja que ela tocou os teus lábios; a tua iniquidade foi tirada, e perdoado, o teu pecado. Depois disto, ouvi a voz do Senhor, que dizia: a quem enviarei, e quem há de ir por nós? Disse eu: eis-me aquí, envia-me a mim (Isaias, 6: 1-8)
  3. 3. Foi em circunstânciasdificeis e desalentadoras quando Isaías, ainda jovem, foi chamado a missão profética. Odesastre ameaçava a seu país. Por haver transgredido a lei de Deus. Os habitantes de Judá haviam perdido todo direito a sua proteção, e as forças assírias estavam para subir contra o reino de Judá.
  4. 4. Mas o perigo de seus inimigos não era amaior dificuldade. Era a perversidade do povo o que entristecia ao servo do Senhor no mais profundo desalento. Por sua apostasia e rebelião, este povoestava atraindo sobre si os juízos de Deus…
  5. 5. O jovem profeta havia sido chamado a dar uma mensagem deadmoestação, e sabia que encontraria uma resistencia obstinada. Tremia ao considerar a si mesmo, e pensava na teimosia e incredulidade do povo pelo qual devia trabalhar. Sua tarefa lhe parecia quase desesperadora. Devia renunciar a sua missão, insensível, e deixar a Israel em paz em suaidolatria? Havia de reinar na terra os deuses de Nínive e desafiar ao Deus do céu?
  6. 6. Isaias estava debaixo do pórtico do Isaias estava debaixo do pórtico dosanto templo. De repente, a porta e osanto templo. De repente, a porta e o véu interior do templo pareciam véu interior do templo pareciam levantar-se ou ratrair-se, e se lhe levantar-se ou ratrair-se, e se lhe permitiu ver por dentro, o lugar permitiu ver por dentro, o lugarsantíssimo, onde nem sequer os pés dosantíssimo, onde nem sequer os pés do profeta podiam entrar… profeta podiam entrar…
  7. 7. Levantou diante dele uma visão do Senhor sentado sobre um trono alto eelevado, enquanto que seu séquito enchia o templo. A cada lado do trono se percebia os serafins, que voavam comduas asas, enquanto que com outras duas velavam seu rosto em adoração, e com outras duas cobriam seus pés…
  8. 8. Estes ministros angelicais alçavam sua Estes ministros angelicais alçavam suavoz em solene invocação; “Santo, santo,voz em solene invocação; “Santo, santo, santo, Senhor dos exércitos; toda a santo, Senhor dos exércitos; toda aterra está cheia de sua glória” até que terra está cheia de sua glória” até que os postes e as colunas e as portas de os postes e as colunas e as portas de cedro pareciam tremer, e a casa se cedro pareciam tremer, e a casa se enchia de seus louvores… enchia de seus louvores…
  9. 9. Isaias nunca antes havia compreendidoIsaias nunca antes havia compreendidoa grandeza do Senhor ou sua perfeita a grandeza do Senhor ou sua perfeitasantidade; e lhe parecia que devido a santidade; e lhe parecia que devido asua fragilidade e indignidade humanas sua fragilidade e indignidade humanasiria morrer diante da presença divina. iria morrer diante da presença divina.
  10. 10. A humanidade, com sua A humanidade, com sua debilidade e pecado, se debilidade e pecado, se encontrava em contraste encontrava em contraste com a perfeição da com a perfeição dadivindade, e Ele se sentia divindade, e Ele se sentiacompletamente deficientecompletamente deficiente e sem santidade. e sem santidade.
  11. 11. A adoração que agrada a Deus é realista“no ano em que morreu o rei Uzias...”
  12. 12. Uzias foi um dos principais reis de Judá, ficando apenas atrásde Davi nas vitórias que deu ao seu povo. Também foi conhecido como Azarias ereinou de 781 a 740 a.C. depois de Amazias, seu pai II Rs 14.21; 15.1-7
  13. 13. “ ... Depois que Uzias tornou-se grande, o seu ORGULHO, provocou sua queda. Ele foi infiel ao Senhor e entrou no templo para queimar incenso no altar de incenso” ( II Cr 26.16 )
  14. 14. O povo dependia muito deUzias e sua morte provocou um colapso político e militar, colocando o povo em uma situação de miserabilidade enorme.
  15. 15. A adoração não pode ser uma utopia ou fuga da realidade.É uma experiência real.
  16. 16. A adoração que agrada a Deus tem uma visão clara da grandeza do Senhor“eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono”
  17. 17. Precisamos mais do quenunca ter uma visão da grandeza de Deus.Humanizá-lo é diminuir nossa atitude de reverência e respeito.
  18. 18. A Grandeza de Deus deve ser compreendida como...a) O domínio de Deus do universob) O domínio de Deus sobre minha vida
  19. 19. A adoração que agrada a Deus nos leva a uma atitude de arrependimento “Então, disse eu: ai de mim! Estouperdido! Porque sou homem de lábios impuros, habito no meio de um povo de impuros lábios, e os meus olhos viram o Rei, o SENHOR dos Exércitos”
  20. 20. Quando olhamos para asantidade de Deus somos desafiados a encarar nossos pecados e confessá-los buscando em Deus o perdão.
  21. 21. A adoração que agrada a Deus produz em nósexperiências profundas com o Senhor “Então, um dos serafins voou para mim,trazendo na mão uma brasa viva, que tirara do altar com uma tenaz; com a brasa tocou aminha boca e disse: Eis que ela tocou os teuslábios; a tua iniqüidade foi tirada, e perdoado, o teu pecado.”
  22. 22. Experiências profundas... A – Não são apenas emocionais – tem aspectos racionais e que envolvem decisão;B – Vem acompanhadas de frutos que demonstram mudanças verdadeiras;C – Não são impostas mas sim naturais, espontâneas;D – São duradouras e não passageiras.
  23. 23. Experiências superficiais não transformam ninguém. O máximo que podem fazer é aliviar a dor...
  24. 24. A adoração que agrada a Deus é acompanhada de entrega total de vida “Depois disto, ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem há de ir por nós?Disse eu: eis-me aqui, envia-me a mim.”
  25. 25. Em geral as pessoas só querem ouvir de Deus consolo e graça mas não um chamado para entrega de vida.Deus está chamando pessoas quequeiram resolutamente segui-lO.
  26. 26. “Eis-me aqui...”a) Prontidãob) Resposta imediatac) Entrega de vidad) Consagraçãoe) Envolvimento com a obra de Deus
  27. 27. “Envia-me a mim”Implica em comprometimento com Ele.È mais do que um experiência,É um posicionamento para ser soldado na guerra.
  28. 28. A adoração precisa ir além do templo.
  29. 29. AS 3 PERGUNTAS ??? Quem é Deus? Quem sou eu?O que Ele quer que eu faça?CONHECER A DEUS IMPLICA EM FAZÊ-LO CONHECIDO!
  30. 30. CONCLUSÃO: Nossa adoração tem agradado a Deus?
  31. 31. MISSÕES E ADORAÇÃOQual é a principal tarefa da igreja?Em resposta a esta pergunta, temos ouvido:“Missões é a principal tarefa da Igreja” ou“Se a Igreja não é missionária, então não éIgreja”. Não há dúvida, de que missões éuma prioridade da Igreja, mas não é aprioridade última.Na verdade, a Adoração a Deus o é.Deus é o nosso alvo, e não o serhumano.
  32. 32. • John Piper diz: que quando esta era terminar e representantes de toda raça, tribo e nação estiverem dobrados diante do Cordeiro de Deus, a obra missionária não mais terá razão de existir na igreja. Mas o Culto, continuará a existir.• Quando chegarmos ao fim dos tempos e todos os redimidos estiverem diante do trono de Deus, missões não serão mais necessárias.• Missões representa apenas uma necessidade temporária da Igreja, mas o Culto a Deus permanecerá para todo o sempre.
  33. 33. • RELAÇÃO ENTRE ADORAÇÃO E MISSÕESBASES BÍBLICAS:• Salmo 67 faz a relação entre a adoração e missões, mas colocando a adoração como prioridade última.No verso 1 ele declara: “Seja Deus gracioso para conosco, e nos abençoe, e faça resplandecer sobre nós o rosto; (adoração);No verso 2 ele mostra a prioridade penúltima da igreja “para que se conheça na terra o teu caminho e, em todas as nações a tua salvação” (missões)No verso 3 ele menciona o objetivo das missões que é a glória de Deus e não o bem estar dos homens “Louvem-te os povos, ó Deus; louvem-te os povos todos”. (Glorificar a Deus).
  34. 34. É imprescindível destacar que primariamente, não é por compaixão pela humanidadeque compartilhamos nossa fé; é,acima de tudo, por amor a Deus. Portanto, se eu não amar a Deus, não estarei apto a fazer missões
  35. 35. • Isaías também registra a sua experiência de adoração e missões no capítulo 6 de seu livro.• Nos versos 1 a 7 vemos o profeta no templo em adoração e tendo a visão da graça perdoadora do Senhor e no versos seguintes, no auge de sua contemplação do Senhor o vemos respondendo ao desafio missionário: “Eis-me aqui, envia-me a mim”.• Primeiro, eu tenho meu coração aquecido na adoração e depois dedico-o ao serviço missionário.
  36. 36. • A adoração é a mais nobre atividade da qual o ser humano, e tão somente pela graça de Deus, é capaz de realizar; enquanto missões é o maior desafio que ele recebe como resposta e estímulo da sua atividade como adorador.
  37. 37. O ZELO PELA GLÓRIA DE DEUS NO CULTO MOTIVA A OBRA MISSIONÁRIAPor que esta ordem de prioridade é tão importante que seja estabelecida?1. Quando as pessoas não estão maravilhadas pela grandiosidade de Deus, não poderão ser enviadas para proclamar a mensagem:• “grande é o SENHOR e mui digno de ser louvado, temível mais que todos os deuses” (Sl 96.4).2. “O Entusiasmo por Deus no culto precede a oferta de Deus na pregação”.• Ninguém pode divulgar com convicção aquilo que não estima com Entusiasmo e Motivação.• Não poderá clamar, “Alegrem-se e exultem as gentes” (Salmo 67.4a) aquele que não pode afirmar no seu coração, “eu me alegrarei no SENHOR” (Salmo 104.34b; 9.2).
  38. 38. Quando o Entusiasmo por Deus está fraco, o zelo por missões certamente será fraco também.3. As igrejas que não exaltam a majestade e a beleza de Deus dificilmente poderão acender um desejo efervescente para “anunciar entre as nações a sua glória” (Salmo 96.3).
  39. 39. • Andrew Murray fez um pronunciamento há mais que cem anos onde relacionou a Adoração e Missões com as seguintes palavras:• Quando buscamos saber por que, com tantos milhões de cristãos, o verdadeiro exército de Deus que está enfrentando os exércitos da escuridão é tão pequeno, a única resposta é: falta de coração e entusiasmo.• O entusiasmo pelo reino de Deus está faltando, porque há tão pouco entusiasmo pelo Rei.
  40. 40. 4. Ninguém poderá se dispor à magnitude da causa missionária se não experimentar a magnificiência de Cristo(Apocalipse 15.3-4; cf. Salmos 9.11; 18.49; 45.17; 57.9; 96.10; 105.1; 108.3; e Isaías: 12.4; 49.6; 55.5)
  41. 41. • CONCLUSÃO:• Lembremos da primeira pergunta do Catecismo de Westminster que diz:• “Qual é o fim principal do ser humano?” E a resposta correta é: “O fim principal do homem é glorificar a Deus e gozá-Lo para sempre.”• É dentro desta perspectiva, que afirmamos que a prioridade última da Igreja do Senhor é Glorificar a Deus e como resultado desta adoração, a obra missionária será realizada.
  42. 42. NOSSOS SITES LOJA DE PRODUTOS NATURAIS http://naturaervas.com/loja SUPER CURSOS http://scconsultoria.no.comunidades.net CONSULTAS -TERAPIAS ORIENTAIS http://scnaturalista.no.comunidades.net CURSOS GRÁTIS COM CERTIFICADOhttp://www.buzzero.com/autores/sergyocosta.html
  43. 43. CLIQUE AQUI PARA TER ACESSO OS VÍDEOS GRÁTIS
  44. 44. CLIQUE AQUI PARA TER ACESSO OS VÍDEOS GRÁTIS
  45. 45. Google faz US $ 1,3 milhões todos os dias a partir de Cliks Pagos. Vamos revelar comovocê, com esta oportunidade, poderá ter uma fatia desse mercado mundial. Em pouco tempo com ou sem a sua participação, esta oportunidade estará acima do Google, Yahoo,Bing e todos os principais motores de busca, pois já está varrendo os EUA, tomou o Reino Unidoe Austrália. Agora Pré-lançamento em âmbito globalVamos Espalhar Mundialmente o Pré-Cadastro deste Lançamento para Todos os Líderes MMN, Família , Amigos e Colegas de Trabalho AGORA para Garantir que TODOS se Cadastrem GRATUITAMENTE Através de Você !!!CLIQUE AQUI LOGO ,ANTES QUE SEJA PAGO

×