Violência

40.956 visualizações

Publicada em

Temas/ problemas do mundo contemporâneo.
http://historicofilosoficas.blogspot.com

0 comentários
23 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
40.956
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
953
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
23
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Violência

  1. 2. Trabalho realizado por : Diana Correia 10º A Nº. 5 Ivana Teixeira 10º A Nº. 9 Natália Mendes 10ºA Nº.22
  2. 3. Introdução <ul><li>Neste trabalho vai ser abordado o tema “Violência”, que é, infelizmente, um problema muito presente na nossa sociedade e que tende a aumentar. </li></ul><ul><li>Vão ser ainda esclarecidos alguns subtemas como: violência doméstica e violência infantil. </li></ul><ul><li>Vão ser abordadas causas e tipos de violência. </li></ul>
  3. 4. O que é a Violência? <ul><li>A violência é um comportamento que causa dano a outra pessoa, ser vivo ou objecto. </li></ul><ul><li>Caracteriza-se também como o uso excessivo da força, além do necessário ou esperado. </li></ul><ul><li>A violência diferencia-se de força, pois enquanto que a força designa energia ou “firmeza” de algo, a violência caracteriza-se pela acção corrupta, que não convence ou busca convencer o outro, simplesmente o agride . </li></ul><ul><li>A violência está presente, quando existe desobedecimento das regras e normas morais estabelecidas entre sociedades, que variam entre sociedades. Determinado comportamento moral no ponto de vista de uma sociedade, pode ser imoral no ponto e vista de outra sociedade. </li></ul>
  4. 5. Violência dos Mass Média <ul><li>A televisão é uma mostra/montra de violência, quer do ponto de vista ético quer estético, e que é discutível a necessidade ou oportunidade dessa violência, sobretudo quando a sua utilização é gratuita, auto justificada ou quando serve como argumento de primeira mão. </li></ul><ul><li>As investigações em “laboratório” mostram que assistir a um filme violento na TV leva as crianças a ser mais agressivas com os bonecos e nas suas brincadeiras. O enorme consumo de TV será afinal e apenas o espelho trágico da solidão das crianças, dos adultos, das famílias e de toda uma sociedade. Seja como for, o fenómeno da “TV babysitter” é uma realidade: mais de 80% dos programas são vistos pelos miúdos sem supervisão. É isto provavelmente que é negativo, tanto mais que três quartos dos programas do “tempo nobre” têm violência. </li></ul>
  5. 6. Causas da violência <ul><li>Violência dos Mass Media; </li></ul><ul><li>Discriminação e pobreza; </li></ul><ul><li>Acesso a armas de Fogo; </li></ul><ul><li>Alcoolismo. </li></ul>
  6. 7. Acesso a Armas de Fogo <ul><li>De acordo com a ONU, pelo menos uma em cada três mulheres no mundo já sofreu abusos sexuais e as armas de fogo potencializam esses abusos tornando-os mais mortais. Em muitos casos o homem utiliza as armas de fogo não para proteger a sua família mas sim para matar a sua parceiras. Os homem utilizam assim as armas de fogo para intimidar as suas mulheres e demonstrar que são superiores a elas. </li></ul>
  7. 8. Tipos de Violência <ul><li>Violência Física; </li></ul><ul><li>Violência Psicológica; </li></ul><ul><li>Violência Verbal; </li></ul>
  8. 9. Violência Física <ul><li>A violência física é o uso da força com o objectivo de ferir. São comuns murros e estalos, agressões com diversos objectivos e queimaduras por objectos ou com líquidos quentes. </li></ul><ul><li>Quando a vítima é o homem, a violência não é praticada directamente, visto que o homem possuir mais força, havendo por isso a intervenção de outras pessoas, como familiares da mulher ou até mesmo pessoas contratadas para tal. </li></ul>
  9. 10. Violência Psicológica <ul><li>A violência psicológica ou Agressão Emocional tem, como principal objectivo mobilizar o outro emocionalmente para obter importância, carinho e atenção. </li></ul><ul><li>A intenção do agressor é mobilizar as vítimas tendo em conta, alguma doença, alguma dor, algum problema de saúde que a vítima possua. </li></ul><ul><li>A Agressão Emocional é praticada através da rejeição, indiferença, discriminação, desrespeito e punições exageradas. </li></ul><ul><li>Inicialmente a violência psicológica não deixa marcas visíveis na vítima, mas cede a esta graves problemas emocionais e psicológicos. </li></ul>
  10. 11. Violência Verbal <ul><li>A violência verbal, por vezes, dá-se simultaneamente à violência psicológica. </li></ul><ul><li>Devido à menor força que a mulher possui, esta recorre à violência verbal contra o homem, quando este se encontra em presença de pessoas estranhas, deixando-o envergonhado. </li></ul>
  11. 12. Violência Infantil <ul><li>A infância, infelizmente, nem sempre é um conto de fadas. </li></ul>Fonte: http://pipinha0806.blog.pt/120525/ Fonte: http://pedofilianopaisdasmaravilhas.blogspot.com/2007_03_11_archive.html
  12. 13. Violência Infantil <ul><ul><li>A violência Infantil é um problema que atinge, infelizmente, muitas de crianças. </li></ul></ul><ul><ul><li>O maltrato infantil, é o abuso físico e/ou psicológico de uma criança, por parte das pessoas que as rodeiam (pais, parentes e professores, por exemplo ) </li></ul></ul><ul><ul><li>Os agressores põem em causa o bom desenvolvimento da crianças. Este, por vezes, deixam as crianças sem comer durante um dia, fecham a criança sozinha num sitio escuro , agridem as crianças psicologicamente com palavras que causam danos psicológicos e fisicamente utilizando agressões, queimaduras ou abuso sexual. </li></ul></ul>
  13. 14. Morte de crianças por maus-tratos <ul><li>Como vimos anteriormente a violência infantil inclui violência física, psicológica, discriminação, negligência e maus-tratos. </li></ul><ul><li>Esta vai desde abusos sexuais em casa a castigos corporais às lutas de gangs entre as crianças; do infanticídio aos chamados “crimes ” de honra. </li></ul><ul><li>“ A melhor forma de tratar do problema da violência contra as crianças é impedir que aconteça,” diz o professor Paulo Sérgio Pinheiro, perito independente nomeado pelo Secretário-Geral para liderar o Estudo. “Todas as pessoas têm um papel a desempenhar nesta causa, mas cabe aos Estados assumir a principal responsabilidade. Isso significa proibir todas as formas de violência contra as Crianças, onde quer que aconteça e independentemente de quem a pratica, e investir em programas de prevenção para enfrentar as causas que lhe estão subjacentes”. </li></ul>
  14. 15. A morte de milhares de crianças que todos os anos acontece devido a violência praticada em casa, nas escolas e na comunidade é uma prova evidente de que o mundo tem falhado sistematicamente no que diz respeito à sua protecção. Estas crianças merecem viver num ambiente que as proteja, que as salvaguarde de maus-tratos e exploração
  15. 16. Exploração Infantil Há na cultura geral, um mito, de que o trabalho é bom. O trabalho é bom, desde que seja na fase correcta, na medida certa, na função adequada à fase da vida que a pessoa vive. Fonte: http://25hora.wordpress.com/2006/10/24/20/
  16. 17. Exploração Infantil <ul><li>O trabalho infantil é toda forma de trabalho exercido por crianças e adolescentes, abaixo da idade mínima legal permitida para o trabalho, conforme a legislação de cada país. </li></ul><ul><li>O trabalho infantil é comum nos países me vias de desenvolvimento, sendo proibido por lei. </li></ul><ul><li>Normalmente as crianças abandonam a escola pois a família tem problemas financeiros. </li></ul>
  17. 18. Exploração infantil <ul><li>A maioria das crianças trabalham fazendo “biscates” em supermercados, feriras livres, guardam carros, há ainda crianças que trabalham em fábricas de roupas e calçado e muitas meninas trabalham como empregadas domésticas ganhando muito pouco dinheiro. </li></ul>
  18. 19. Exploração Infantil Fonte: http://ogintonico.weblog.com.pt/arquivo/uma_crianca_todos_os_dias/
  19. 20. Violência Doméstica Fonte: http://www.sergeicartoons.com/Cartoons/outros/violencia-domestica.htm
  20. 21. Violência Doméstica <ul><li>O que é? </li></ul><ul><li>A violência doméstica é um problema universal que atinge milhares de pessoas, em grande número de vezes de forma silenciosa. </li></ul><ul><li>Muitas são as pessoas que definem violência doméstica como agressão física feita pelo marido à mulher. Ela existe em todos os países e atinge todas as classes sociais. </li></ul>
  21. 22. Violência Doméstica Cerca de 80% das vítimas são mulheres e os restantes são homens. 24,6% - 18 a 35 21,3%- 36 a 45 13% - 46 a 55
  22. 23. Violência Doméstica <ul><li>Muitas desta mulheres vêm de famílias onde a violência e os castigos físicos faziam parte do quotidiano. </li></ul><ul><li>No momento de escolher o parceiro as mulheres escolhiam homens agressivos, pois o namoro agressivo era visto como protector e os ciúmes exagerados que os namorados expressavam eram considerados privas de amor. </li></ul>
  23. 24. Violência Doméstica <ul><li>Muitas mulheres que são vítimas de violência doméstica não se separam dos seus maridos por dois motivos: ou com medo de não ter condições financeiras para sustentar os seus filhos ou por vergonha. Mas, por vezes, a separação não significa o fim da violência, pois o marido continua atrás da sua mulher até ela passar a viver com outro homem. </li></ul>
  24. 25. Violência Doméstica
  25. 26. Violência Doméstica
  26. 27. Conclusão <ul><li>Através deste trabalho foi possível concluir que a violência está presente em diversas situações. Apresenta diversas causas como o acesso a armas de fogo e a discriminação. </li></ul><ul><li>Existem vários tipos de violência como a verbal, psicológica e física. </li></ul><ul><li>A violência doméstica e a violência infantil são exemplos de violência que estão presentes no mundo. </li></ul>
  27. 28. Bibliografia <ul><li>www.fmh.utl.pt/aventurasocial/pdf/Violencia.pdf </li></ul><ul><li>www.fjuventude.pt/programas/sites/violencia/ </li></ul><ul><li>www.amcv.org.pt/ </li></ul><ul><li>www.violencia.online.pt/ </li></ul><ul><li>www.tecnet.pt/portugal/50824.html </li></ul><ul><li>www.semu.ma.gov.br/ </li></ul>

×