Novos Contextos - Ação Humana - Determinismo e Liberdade na Ação Humana

2.145 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.145
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
259
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Que outro termo podemos usar para exprimir o conceito de liberdade?Como se pode definir livre-arbítrio?O que é que a ciência procura determinar e que nos pode levar a admitir a não existência do livre-arbítrio?Em que é que se baseiam as regularidades da natureza?O que permitem as regularidades da natureza?
  • Uma vez que o ser humano vive em determinados contextos, como podemos caracterizar a sua liberdade?Como se chamam os constrangimentos e obstáculos que impõem limites à nossa ação?Qual a dupla natureza das condicionantes?Quais os diversos tipos de condicionantes?
  • Quais as três perspetivas que procuram responder ao problema do livre-arbítrio?
  • Qual a principal ideia da perspetiva do determinismo radical?Quais as três formas de determinismo que estudámos?Que objeções podem ser dirigidas contra o determinismo radical?
  • Qual a principal ideia da perspetiva do compatibilismo?Que distinção, ao nível das ações, é feita pelo compatibilismo?O que distingue tais ações?Que objeção pode ser dirigida contra o compatibilismo?
  • Qual a principal ideia da perspetiva do libertismo?Quais os argumentos em que se apoiam os libertistas?Qual o conceito que sintetiza a ideia de que o Universo não é um sistema determinista?Que objeções podem ser dirigidas contra o libertismo?
  • Novos Contextos - Ação Humana - Determinismo e Liberdade na Ação Humana

    1. 1. A ação humana – análise e compreensão do agir Determinismo e liberdade na ação humana
    2. 2. LIBERDADE possibilidade de escolha e de autodeterminação LIVRE-ARBÍTRIO podem pôr em causa o RELAÇÕES DE CAUSAS E EFEITOS REGULARIDADES DA NATUREZA PREVISÃO DOS FENÓMENOS
    3. 3. LIBERDADE SITUADA E CONDICIONADA são limitações da nossa liberdade FÍSICO-BIOLÓGICAS CONDICIONANTES DA AÇÃO HUMANA PSICOLÓGICAS são abertura para outras possibilidades HISTÓRICO-CULTURAIS
    4. 4. Livre-arbítrio DETERMINISMO RADICAL COMPATIBILISMO LIBERTISMO
    5. 5. Determinismo radical O Universo obedece a leis causais invariáveis e não existe livre-arbítrio. determinismo ambiental determinismo hereditário determinismo metafísico Objeções • o argumento da experiência e da responsabilidade; • a ideia de que o Universo não constitui um sistema determinista.
    6. 6. Compatibilismo Há determinismo no mundo natural, mas também há liberdade e responsabilidade. resultam da vontade ações livres ações não livres Objeção • se as ações decorrem dos desejos e do carácter e se estes dependem de forças que não controlamos, então não somos realmente livres. resultam da coerção
    7. 7. Libertismo O agente tem o poder de interferir no curso normal das coisas pela sua capacidade racional e deliberativa. argumento da experiência e da responsabilidade o Universo não constitui um sistema determinista Indeterminismo Objeções • o facto de sentirmos liberdade e responsabilidade não prova que elas existam; • o acaso não garante a liberdade; • o libertismo acaba por não fornecer explicações acerca daquilo que produz as nossas decisões.

    ×