ExtinçãO E ConservaçãO De Especies Diana Lopes 11

10.939 visualizações

Publicada em

Aimais em vias de extinção.

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
10.939
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.005
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

ExtinçãO E ConservaçãO De Especies Diana Lopes 11

  1. 1. "Animais em vias de extinção" Conservação e Extinção Colégio Nª Sr.ª da Boavista Diana Sofia Lopes , Nº 6, 11ºA Biologia – Geologia 2007/2008
  2. 2. Extinção: A extinção em Biologia : trata-se do desaparecimento total de uma espécie, subespécie ou grupo de espécies. O momento da extinção é geralmente considerado como sendo a morte do último indivíduo da espécie. Em espécies com reprodução sexuada, a extinção é geralmente inevitável quando há apenas um indivíduo da espécie, ou apenas indivíduos de um mesmo sexo. A extinção não é um evento “estranho” no tempo geológico - espécies são criadas pela mistura de espécies e desaparecem pela extinção.
  3. 3. Quais os animais que estão em vias de EXTINÇÃO ?
  4. 4. No continente africano: Este será o continente que estará mais associado à natureza selvagem. A captura de animais para servirem como “animadores” de circos e a caça intensiva tem vindo a destruir muitos habitats deste continente e só por uma razão: DINHEIRO!
  5. 5. Gorila da Montanha Têm como nome científico Gorila Gorilla Beringei e tem como habitat natural as Florestas tropicais secundárias. Esta espécie encontra-se em perigo de extinção devido à caça e à destruição do seu habitat natural. Sendo estes animais pouco reprodutores a sua espécie não é muito alargada e “com a ajuda do Homem” são cada vez menos.
  6. 6. Rinoceronte negro Todas as espécies de rinocerontes encontram-se ameaçadas de extinção, devido ao facto de serem muito pouco férteis – cada fêmea só tem uma cria de 2 em 2 anos – e, portanto, muito vulneráveis à caça, para além de sofrerem com a destruição do seu habitat. Eles têm sido caçados intensivamente porque, praticamente, todas as suas partes são usadas na medicina tradicional. A parte mais valiosa é o corno, que tem sido usado como afrodisíaco, para curar febres, para cabos de navalhas, ou para preparar uma poção que, supostamente, permite detectar venenos.
  7. 7. Animais em vias de extinção na Ásia: TIGRE PANDA GIGANTE LEOPARDO DAS NEVES
  8. 8. No continente americano: No continente americano podemos encontrar a floresta Amazónica. A ela associamos sempre o extenso rio com o mesmo nome e os seus muitos animais e plantas. Mas é no norte deste continente, que existe o mais rico país do mundo: os E.U.A. Com a sua enorme variedade de animais e plantas, com muitas reservas naturais, (Yellowstone, Montanhas Rochosas, Deserto do Arizona, Everglades, Bacia do Mississípi...) este país tem conseguido salvar alguns animais como o Búfalo, o Puma, os Lobos, entre outros. Na zona central temos também de referir a importância de países como a Costa Rica e El Salvador (na preservação de Pumas e de Ursos). Na América do Sul, o Brasil é, de facto, o país de referência para quem quer ver, no seu estado selvagem, o Jaguar, a Arara, o Papa-formigas, entre outros. Se estes países conseguirem salvar estas e outras espécies, então será uma vitória para todo o Mundo.
  9. 9. Arara Azul Grande A Arara Azul Grande , Anodorhynchus hyacinthinus, é um animal em vias de extinção devido à destruição do seu habitat natural e à expansão humana para os territórios que antes eram “propriedade” das araras e que agora se “humanizaram”.
  10. 10. A redução do seu habitat natural, a competição de outros grandes felinos pela caça, a redução do número de animais que constituem a sua base de alimentação e a perseguição movida pelo Homem, na ânsia de proteger os seus rebanhos, colocaram a Puma em risco. Puma
  11. 11. Oceânia: Esta é a zona do planeta à qual associamos normalmente animais como os cangurus e crocodilos. Mas além destes animais existem outros, além de inúmeras plantas e insectos raros. A grande barreira de Coral ao longo da costa australiana tem uma das maiores concentrações de espécies marinhas do mundo (Tubarões brancos, serpentes marinhas). Mas, relativamente aos animais em vias de extinção, não podemos deixar de referir o Diabo da Tasmânia, o Ornitorrinco, o Kuala entre outros. Neste continente existe uma preocupação muito grande pelas espécies ameaçadas pelo Homem.
  12. 12. Estes marsupiais encontram-se num processo de extinção que se iniciou com a colonização inglesa da Austrália onde surgiu o culto de caçar e matar Kualas para usar a sua pele. Hoje, a caça não é o maior risco enfrentado pelos Kualas. São mortos por queimadas nas florestas e pela desflorestação contínua. Ao perder a sua casa e alimento, os Kualas acabam por se moverem para as cidades, onde são mortos, atropelados em estradas, ou atacados por cães. Kuala
  13. 13. Ornitorrinco A poluição dos rios e lagos tem destruído, significativamente, a população de ornitorrincos.
  14. 14. Na Europa Águia real Lince Ibérico Lobo Ibérico
  15. 15. Causas: destruição do habitat natural; usados como “fonte de angariação de fundos” ; e caça excessiva. Lontra Urso Pardo
  16. 16. Temos que os proteger!!

×