PPT session 4 15042013

100 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
100
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

PPT session 4 15042013

  1. 1. 1Sessão 415 de abril, 2013Amadora, PortugalPedagogiaempreendedora
  2. 2. Método empreendedorSabedoria convencional:Empresários procuram e encontram oportunidadesVia alternativa:Empresários criam oportunidades através dométodo empreendedor.Educação para o Empreendedorismo:Convencional  procurar e encontrar empresáriospor meio de incentivos e infra-estruturasAlternativa  tornar empresários, ensinando ométodo empreendedor
  3. 3. Effectuation/EfetuaçãoEfetuação é o ato de efetuar; realizar; executar.Efetuação é um conjunto de princípios de tomadade decisão que empresários experientes tomamapós observação, para empregar em situaçõesde incerteza.Fonte: Wikipédia
  4. 4. EfetuaçãoLógica efetual concentra-se num conjunto demeios de evolução para atingir novos ediferentes objetivos. Efetuação evoca táticascriativas e transformadoras. Lógica efetual é onome dado à abordagem prática utilizada porempresários especializados na criação de novasideias. Os efetuadores acreditam que “Namedida em que podemos controlar o futuro, nãoprecisamos de o prever.” Por que não usar ométodo “mãos na massa”, uma vez quealgumas pessoas não vão estar familiarizadascom estes conceitos – e é preferível quepessoas intuitivas compreendam.
  5. 5. EfetuaçãoEfetuação é um conjunto de heurísticas deempresários peritos, aprendidas no cenário incertoda criação de uma nova ideia.Manifesta-se em 5 princípios que inverte o que seensina tradicionalmente em gestão:Princípio do pássaro na mãoPrincípio da perda aceitávelPrincípio da manta de retalhos emergentePrincípio da limonadaPrincípio do piloto no aviãoUma das bases fundamentais de efetuação é a co-criação.Efetuação é o inverso de causalidade.
  6. 6. Lógica efetual Lógica causalPersuadir e aprender Convencer e venderPequenos passos Negociar o grandenegócioÀ procura de outrasopçõesConcentração em umalvoNegociar osresultadosNegociar ascondiçõesEfetuação Vs Causalidade
  7. 7. Princípio do pássaro na mão:Comece com Quem você é, O que sabe, e Quemconhece (não com a oportunidade).Em vez de tentar começar a agir na incerteza comuma determinada meta ou um objetivo específico,trabalhe com os meios que possui à suadisposição para formar a base para as decisões enovas oportunidades. Os seus meios:Quem sou euO que seiQuem conheçoEfetuação
  8. 8. Como começar?8
  9. 9. Princípio da perda aceitável:Investir o que puder dar-se ao luxo de perder –caso extremo, 0 € (não se espera retorno).Em vez de tentar fundamentar decisões sobre oretorno esperado (o que é feito através do cálculodo potencial de crescimento de uma ou muitasoportunidades e procurando a melhoroportunidade (ajustado ao risco)), calcular opotencial de risco e não arriscar mais do que sepode dar ao luxo de perder.Efetuação
  10. 10. Risco, Retorno & Recursos10
  11. 11. Princípio da manta de retalhos emergente:Construir uma rede de partes interessadas auto-selecionadas (análise não competitiva) –Oportunidade para estabelecer parcerias.Em vez de se concentrar na concorrência,construa o seu “futuro” em conjunto com osclientes, fornecedores e até potenciaisconcorrentes que identificam que pretendem co-criar consigo através do pré-compromisso deuma ideia co-desenvolvida através de umacombinação inovadora dos seus meios com osseus parceiros.Efetuação
  12. 12. 12Parceria. Construa o seu “futuro” em conjunto com osseus clientes, fornecedores e até mesmo compotenciais concorrentes.Atitude em relação aos outrosCompetição. Configurar relaçõestransacionais com clientes efornecedores.
  13. 13. EfetuaçãoPrincípio da limonada:Contingências de alavancagem e até mesmofalhas (não as evitar).Em vez de tentar antecipar a surpresa, evite-a,supere-a, ou adapte-se a ela. Pense em eventosde contingência, informações e reuniões comonovos recursos que pode adicionar aos meios jáexistentes.Princípio do piloto no avião ou CONTROLO NÃOPREVISÍVEL: o futuro vem do que as pessoasfazem (tendências não inevitáveis).
  14. 14. Taxonomia das lógicas
  15. 15. Dinâmica da lógica efetual
  16. 16. 16Surpresa• Alavancagem da surpresa.As surpresas podem representar novas oportunidades.Evitar surpresas.
  17. 17. Comunicação empresarial:“The Elevator Pitch”
  18. 18. “Eu não tinha tempopara escrever umacarta curta, por issoescrevi uma longa.”Mark Twain
  19. 19. Os nossos maiores medos1. Falar para um grupo2. Alturas3. Insectos & bichos4. Problemas financeiros5. Águas profundas6. Doenças7. Morte8. VoarThe Book of Lists, 19771819202223243241
  20. 20. Re-escrever e Re-escrever e Re-escrever…• 1 MINUTO ~= 150 PALAVRAS• Comparações e analogias• Eliminar repetições e palavras fracas• Objetivo: mais substantivos, menos adjetivos• Não utilizar jargão ou fazer uma palestratécnica• Uma assinatura simples• O ponto de viragem• Também conhecido por: O avô dos Elevatorpitch
  21. 21. Tanta informação
  22. 22. Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído RuídoRuído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído RuídoRuído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído RuídoRuído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído RuídoRuído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído RuídoRuído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído RuídoRuído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído RuídoRuído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruído Ruídoidentificar & adaptar mensagens aceitesFONTEidentificar & adaptar mensagens aceitesPERCEÇÃO APERCEÇÃO BPERCEÇÃO Cruído ruído ruído ruído ruídoruído ruído ruído ruído ruído
  23. 23. Os 9 Cs do Elevator Pitch• Conciso• Claro• Cativante (Apelativo)• Credível• Concetual• Concreto• Consistente• Customizado (Personalizado)• ConversacionalChris O’Leary: http://www.elevatorpitchessentials.com/essays/ElevatorPitch.html24
  24. 24. Estrutura sugerida• Problema• A nossa solução• Quem somos• Proposta de valor• Ação!Vídeo: 14 dicas para fazer um bom Elevator Pitch
  25. 25. Concluir e aplicar Plano de aulaColocar recursos de empreendedorismono fórumPreparar o elevator pitchTarefas a realizar

×