SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
Isabel e Zacarias viveram Milagres
Quem foi Isabel?
A história de Isabel está descrita em Lucas 1. 5-25 e 39-80. A Bíblia não
se refere mais a ela.
Isabel é conhecida principalmente como a esposa de Zacarias.
Isabel é casada com Zacarias, que é sacerdote no templo em Jerusalém
e Isabel é,
também, de uma família sacerdotal. Eles vivem na região montanhosa
perto de Jerusalém.
Isabel e Zacarias estavam velhos e não tinham filhos, o que naqueles
tempos era um sinal de que algo negativo, no entanto, sabemos do início
do evangelho de Lucas que Isabel é descrita como justa aos olhos de
Deus.
Apesar de sua fidelidade impecável, eles não têm filhos sendo ela estéril
e ambos velhos. Percebemos que a descrição de Zacarias e Isabel tem
uma conexão com pelo menos dois dos antigos antepassados: Abraão e
Sara.
Como Sara, Isabel é estéril. Além disso, ambos os conjuntos de pais
estão além da idade fértil. A alusão reforça o ponto de que a história do
cristianismo está enraizado na antiga história de Israel.
Este casal divino viveu sem filhos por muitos anos e, fisicamente, a
esperança se foi.
Isabel descreveu seu estado como uma desgraça (v25) tal era o estigma
da época. Às vezes, os justos têm decepções e dores.
Quem foi Zacarias?
A narrativa descreve o sacerdote, Zacarias, e sua esposa, Isabel, em
termos que são exclusivamente judeus. Ele é da divisão sacerdotal de
Abias e ela das filhas de Aarão.
Seu caráter é revelado em declarações paralelas feitas pelo narrador:
Lucas 1: 6a E ambos eram justos diante de Deus
b Andando sem culpa em todos os mandamentos e regulamentos do
Senhor.
Zacarias foi escolhido por sorteio para entrar no santuário do templo e
oferecer incenso. Essa "vitória" teria sido interpretada como um decisão
divina, especialmente no contexto do templo. Deus escolhe um momento
importante na carreira de Zacarias para fazer seu movimento divino.
Como um Sacerdote ele servia no templo por dois períodos de uma
semana por ano. Ele era membro de uma das 24 divisões da primeira
sacerdócio do século (v5) - um de aproximadamente 18.000 sacerdotes.
O cenário é um dos momentos de oração diários reservado no templo
(9h ou 15h). Um sacerdote só oficiava o sacrifício uma vez na vida (v8)
tendo sido selecionado por sorteio (v9).
No melhor momento de sua carreira e dedicação sacerdotal ele vai
receber uma missão divina.
O Anjo aparece para Zacarias
Deus está dirigindo os eventos. Esta percepção é ainda mais
substanciada quando Zacarias entra no templo, começa a oferecer
incenso e, de repente, um anjo aparece ao lado do altar.
O anjo, o primeiro personagem a falar na narrativa, garante a Zacarias
que sua oração foi ouvida por Deus e então profere uma mensagem
declarando um milagre: Isabel dará à luz um filho a quem eles chamarão
de João (1:13)
A resposta de Zacarias é tão humana. É muito natural dizer 'como posso
ter certeza disso?'
O que o Sacerdote idoso então sofre parece bastante severo. Ele estava
apenas fazendo uma pergunta que muitos de nós teríamos feito.
Ele ficou mudo!
O que Deus quis dizer foi mais ou menos 'apenas fique em silêncio e
observe Deus trabalhar - em vez de pedir perguntas, confie em mim '.
O anjo Gabriel (v19) afirma sua autoridade, ou seja, que ele veio de Deus
e enviado com esta boa notícia. Quando Deus fala, isso significa que ele
cumprirá sua promessa. Zacarias deve ouvir e aprender que as
promessas de Deus são verdadeiras e sempre mantidas.
Quando Zacarias saiu o povo sabia que algo especial havia acontecido.
O fato de ele ter tido uma visão era óbvio e ele teve que usar uma
espécie de linguagem de sinais (v22). Após sua semana de serviço ele
foi para casa e sabemos que não foi em Jerusalém, mas na região
montanhosa onde Maria (sua parente visitou-a) (1:39).
Zacarias só recuperaria a fala depois que seu filho foi nomeado, de
acordo com as instruções do anjo. O anjo que disse a Zacarias que
Isabel ficaria grávida também disse que seu filho ficaria cheio do Espírito
Santo antes de seu nascimento. O filho de Isabel seria João Batista
Publicidade
A Gravidez de Isabel
Isabel vai para a reclusão por cinco meses, mas está claramente feliz
porque Deus mostrou seu 'grande favor' (v25). Segundo alguns teólogos
parte da razão pela qual Isabel passou 5 meses em reclusão foi para se
preparar, tanto prática e espiritualmente para o nascimento de seu filho.
E então quando olhamos para a própria Isabel vemos uma mulher que
está se preparando para primeiro filho. Mas não temos a impressão de
que isso seja um fardo. Isabel entende as palavras do Rei Davi no Salmo
127: 3, onde ele diz: “Os filhos são uma dádiva de Deus; eles são sua
recompensa. ” Isto é verdade literalmente, no caso de Isabel.
E o que ela diz nos mostra que ela está agradecendo a Deus para tudo
isso. O que acontece nos versículos 39-45 é uma conversa espiritual
enquanto Isabel louva a Deus por trazer essa alegria para suas vidas
Planos de Deus
A colocação desta história no início do evangelho de Lucas deve nos
convencer de que Deus tem um plano para dirigir o assuntos dos
homens. Ele vai fazer algo para trazer a salvação das pessoas que criou.
 Em primeiro lugar, este evento indica claramente para nós que o Deus
de Israel e, portanto, o Deus dos cristãos é confiável; Deus ouve e
responde as orações daqueles que são fiéis.
 Em segundo lugar, como atestado na história passada de Israel, Deus
é capaz de superar o impossível e os obstáculos para cumprir o plano
divino.
 Uma terceira conclusão possível seria que superar a esterilidade é
uma parte estabelecida do repertório de Deus - não é um processo
sem precedentes milagre da parte de Deus.
 Finalmente, a atribuição de um nome à criança sugere que João tem
um lugar significativo e especial no plano de Deus.
Isabel engravidou; Em 1:25, Isabel louva a Deus por seu favor. A história
de Zacarias, Isabel e João é interrompida e o leitor é transportado no
tempo para o sexto mês de gravidez de Isabel. O foco da história muda
para outro evento iniciado por Deus. O Nascimento de Jesus.
Veja também
 Evangelho de Lucas: Estudo, Esboço e Resumo
Isabel no Centro do Plano Divino
O anjo Gabriel aparece novamente, mas desta vez não no centro da vida
religiosa judaica. Gabriel é despachado para o povoado galileu” de
Nazaré. No sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado de Deus a uma cidade
da Galiléia conhecida como Nazaré, para uma virgem desposada com
um homem da casa de Davi cujo nome era José, e o nome da virgem era
Maria.
A Bíblia diz que Gabriel foi enviado para visitar uma virgem chamada
Maria. O status de Maria como virgem é repetido duas vezes (1:27),
enfatizando isso para o leitor. Maria também é descrita como prometido a
Jose, um homem de ascendência davídica
A próxima informação a respeito de João e Jesus será relatada no
encontro entre Maria e Isabel. O encontro das duas mulheres é
significativo para este estudo porque é a primeira atestação humana da
existência de Jesus.
Os encontros de Isabel e Maria - João e Jesus
O anjo Gabriel anunciou a Maria que sua parente Isabel, considerada
estéril, concebeu um filho e está agora no sexto mês de gravidez.
Gabriel disse isso a Maria como prova de que nada é impossível com
Deus. Depois que o anjo sai, Maria corre para uma cidade na região
montanhosa de Judea para visitar Isabel. Viaja para os arredores de
Jerusalém, entra na casa de Zacarias e cumprimenta Isabel.
Segundo alguns estudos Isabel morava na vila de Ein Karem, que fica a
cerca de 5 a 6 quilômetros de distância Jerusalém, mas a 80 milhas de
Nazaré. Teria sido uma caminhada de 8 a 10 dias.
Não há indicação de que Isabel sabia o motivo da visita de Maria. No
entanto, ao ouvir a saudação de Maria, o filho ainda não nascido de
Isabel saltou e Isabel se encheu do Espírito Santo, pelo qual Lucas quer
dizer que ela recebeu o dom de profecia.
Isabel e ela criança reconhecem Maria como sendo a mãe do Senhor.
O fato de que o filho de Isabel salta com alegria demonstra que desde o
início João Batista aceitará seu papel como de mensageiro do Messias,
que foi um tema importante para todos os escritores do evangelho
transmitirem.
A reunião entre Isabel e Maria assume um significado histórico. Isabel
está velha e seu filho vai fechar o tempo de espera pelo Messias. Maria é
jovem e seu filho dará início a uma nova era do reino de Deus
A profecia revela que Isabel está ciente do estado de Maria.
Ao ouvir a saudação de Maria, uma série espontânea de eventos ocorre.
João salta para dentro o ventre de Isabel, Isabel é cheia do Espírito
Santo e, em seguida, Isabel faz uma proclamação inspirada.
O fato de Isabel fazer sua proclamação sob a influência do espírito indica
que o que ela proclama é verdade.
1: 42a Isabel proclamou com um grande grito:
b “Bendita és tu entre as mulheres, ce bendito é o fruto do teu ventre.
1: 43a quem sou eu
b que a mãe de meu Senhor venha a mim?
1: 44a Pois eis o momento em que a tua saudação soou nos meus
ouvidos,
b o bebê em meu ventre pulou de alegria.
1: 45a Feliz é aquela que acreditou
b que as palavras do Senhor para ela se cumprissem
Jesus como kyrios
Isabel primeiro confirma a gravidez de Maria para o público (1: 42b-c), e
em seguida, revela uma peça-chave de informação que colore ainda
mais a caracterização de Jesus – ela refere-se a Maria como a "mãe de
meu Senhor ". Aplicação do título kyrios a Jesus.
Até este ponto na Bíblia o termo, kyrios foi atribuído apenas a Deus. De
fato, no início da narrativa, até mesmo Isabel usou esse título para
designar Deus.
Isabel abençoa Maria por sua fé e por ter sido escolhida como mãe do
Senhor.
Após a forte sensação de intervenção celestial, a história se torna muito
pessoal. Mas este milagre resolve dois problemas. Uma criança para a
casa de Zacarias e para que Deus opere a redenção por seu povo. Deus
às vezes, em uma ação, trabalha tanto pessoalmente quanto
para toda humanidade.
Amém!
Deus não esquece de você – Zacarias e Isabel Lucas 1: 5-25 5 No tempo de
Herodes, rei da Judéia, havia um sacerdote chamado Zacarias, que
pertencia ao grupo sacerdotal de Abias; Isabel, sua mulher, também era
descendente de Arão. 6 Ambos eram justos aos olhos de Deus,
obedecendo de modo irrepreensível a todos os mandamentos e preceitos
do Senhor. Zacarias era um dos 18 mil sacerdotes e levitas que estavam
prontos para servir no templo do senhor assim que seu grupo fosse
chamado para este fim. No total eram 24 grupos diferentes só de
sacerdotes, ele provavelmente tinha seu trabalho no campo, pois nem
todos os sacerdotes eram sustentados pelos dízimos e ofertas do templo,
ou o sustento não era suficiente para tanta gente, mas não é esse o
problema de Zacarias, seu verdadeiro problema é ele não ter sido pai ao
longo de seus 60 anos, isso mesmo quando no verso 7 fala que sua esposa
Isabel era estéril, também encontramos a afirmação que ambos eram de
idade avançada, ou seja já tinham passado dos 50 anos. Por causa desse
fato Zacarias era um sacerdote mal visto pelos seus colegas de ministério
sacerdotal, mas o pior ficava para Isabel que também era de linhagem
sacerdotal e provavelmente servia no grupo das mulheres conhecidas
como as filhas de Arão, que prestavam socorro para os pobres e
desfavorecidos, mas mesmo assim no verso 25 ela diz “isso é obra o
Senhor ! Agora ele olhou para mim favoravelmente, para desfazer a minha
humilhação perante o povo” bem na teologia da época, ou no
pensamento religioso da época as mulheres sem filhos eram vistas como
amaldiçoadas. 6 Ambos eram justos aos olhos de Deus, obedecendo de
modo irrepreensível a todos os mandamentos e preceitos do Senhor. I
Deus não esquece dos que são justos e os honra.
As pessoas olhavam torto para Zacarias e Isabel, elas os julgavam com o
olhar, os julgavam na igreja, os julgavam por onde quer que eles
passassem, mas Deus o escolheu para exercer a função sacerdotal naquele
ano, pois Deus não vê como o homem vê. Deus deseja que
experimentemos seu amor real e justificador. a) Deus não esquece de
você, mas não esqueça de Deus em seus atos, pensamentos e escolhas. b)
Deus não esquece de você, mas por favor dedique-se a Ele e receba sua
benção e milagre. c) Deus não esquece de você, busque ser justo aos
olhos de Deus em todo o tempo. Quando você olha pra sua vida, você
pode dizer que está crescendo em graça e conhecimento na presença de
Deus? Quando olha pra você pode dizer que tem permanecido firme nos
valores bíblicos? 6 Ambos eram justos aos olhos de Deus, obedecendo de
modo irrepreensível a todos os mandamentos e preceitos do Senhor. II
Deus não esquece dos filhos que o obedecem. Essa afirmação é tremenda
Zacarias e Isabel obedeciam todos os mandamentos de Deus de forma
irrepreensível. Certamente essa família se dedicava ao Senhor e a sua
palavra de forma amorosa e fervorosa, por este motivo recebeu o milagre
do Senhor em sua própria vida, pois Deus não esquece dos filhos que o
obedecem. a) Recebemos o milagre quando oramos, mas como Deus nos
ouvirá se não falamos? A proximidade com Deus nos encherá de sua
glória, Moises ficou 40 dias na presença de Deus falando com ele e
quando ele desceu da presença de Deus as pessoas nem conseguiam olhar
para sua face. Assim deve ser nossa vida, na presença de Deus, assim as
trevas não terão qualquer influência sobre nós. b) Recebemos o milagre
quando buscamos ser justos. c) Recebemos o milagre quando nos
dedicamos a santa palavra de Deus. d) Recebemos o milagre quando o
obedecemos em tudo. e) Recebemos o milagre, no tempo de Deus, não no
nosso tempo. Você tem dado ouvidos a palavra de Deus ? Você tem sido
obediente aos seus mandamentos? Tem se dedicado ao Senhor? 25 “isso
é obra o Senhor ! Agora ele olhou para mim favoravelmente, para
desfazer a minha humilhação perante o povo” III Deus não esquece dos
seus filhos e muda suas histórias de dor em histórias de vitória e alegria.
Zacarias e Isabel se tornaram os pais de João Batista o profeta que
anunciou a chegada de Jesus o salvador do mundo. O ministério de João
Batista durou apenas 9 meses, mas não podemos encontrar outro profeta
como ele na bíblia, Jesus inclusive diz em Lucas 7:28 “Eu lhes digo que
entre os que nasceram de mulher não há ninguém maior do que João;
todavia, o menor no Reino de Deus é maior do que ele.” A história de
Zacarias e Isabel mudou completamente. Uma história de desprezo e
derrota, transformou-se em uma história de louvor e glória ao nome de
Deus o Senhor. I Deus não esquece dos que são justos e os honra. II Deus
não esquece dos filhos que o obedecem. III Deus não esquece dos filhos e
muda sua história de dor em história de vitória. Deus não esqueceu de
você, hoje mesmo Ele quer iniciar um trabalho de honra em sua vida. Deus
não esqueceu de você, hoje mesmo ele deseja abençoar sua vida. Deus
não esqueceu de você, ele pode mudar também a sua história e
transformar sua vida em um exemplo de fé e devoç
Compartilhe nas Redes Sociais!
sergiodossantos719@gmail,com/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lição 1 o chamado do profeta
Lição 1   o chamado do profetaLição 1   o chamado do profeta
Lição 1 o chamado do profetaÉder Tomé
 
Os deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumérios
Os deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumériosOs deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumérios
Os deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumériosRobson Rocha
 
IBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓS
IBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓSIBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓS
IBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓSRubens Sohn
 
Lição 4 - As dez pragas: A Justiça de Deus no Egito
Lição 4 - As dez pragas: A Justiça de Deus no EgitoLição 4 - As dez pragas: A Justiça de Deus no Egito
Lição 4 - As dez pragas: A Justiça de Deus no EgitoÉder Tomé
 
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza OliveiraPentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza OliveiraGesiel Oliveira
 
Carta de recomendacao
Carta de recomendacaoCarta de recomendacao
Carta de recomendacaoMarcio Silva
 
Apresentação discipulado infantil
Apresentação discipulado infantil Apresentação discipulado infantil
Apresentação discipulado infantil Andréia Eufrazio
 
Seminário - A Escola Dominical e a Família
Seminário - A Escola Dominical e a FamíliaSeminário - A Escola Dominical e a Família
Seminário - A Escola Dominical e a FamíliaSergio Silva
 
Ebd aula 3 4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
Ebd aula 3  4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.Ebd aula 3  4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
Ebd aula 3 4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.GIDEONE Moura Santos Ferreira
 

Mais procurados (20)

LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
 
Lição 1 o chamado do profeta
Lição 1   o chamado do profetaLição 1   o chamado do profeta
Lição 1 o chamado do profeta
 
Os deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumérios
Os deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumériosOs deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumérios
Os deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumérios
 
IBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓS
IBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓSIBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓS
IBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓS
 
Os livros de 1 e 2 Samuel
Os livros de 1 e 2 SamuelOs livros de 1 e 2 Samuel
Os livros de 1 e 2 Samuel
 
Lição 4 - As dez pragas: A Justiça de Deus no Egito
Lição 4 - As dez pragas: A Justiça de Deus no EgitoLição 4 - As dez pragas: A Justiça de Deus no Egito
Lição 4 - As dez pragas: A Justiça de Deus no Egito
 
a-besta.pdf
a-besta.pdfa-besta.pdf
a-besta.pdf
 
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza OliveiraPentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
 
Lição 1: Mulheres na Bíblia Débora e eu
Lição 1: Mulheres na Bíblia Débora e euLição 1: Mulheres na Bíblia Débora e eu
Lição 1: Mulheres na Bíblia Débora e eu
 
36. O profeta Amós
36. O profeta Amós36. O profeta Amós
36. O profeta Amós
 
Carta de recomendacao
Carta de recomendacaoCarta de recomendacao
Carta de recomendacao
 
35. O Profeta Joel
35. O Profeta Joel35. O Profeta Joel
35. O Profeta Joel
 
29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías
 
Apresentação discipulado infantil
Apresentação discipulado infantil Apresentação discipulado infantil
Apresentação discipulado infantil
 
32. O Profeta Ezequiel
32. O Profeta Ezequiel32. O Profeta Ezequiel
32. O Profeta Ezequiel
 
Seminário - A Escola Dominical e a Família
Seminário - A Escola Dominical e a FamíliaSeminário - A Escola Dominical e a Família
Seminário - A Escola Dominical e a Família
 
5. O Êxodo: do Egito ao Sinai
5. O Êxodo: do Egito ao Sinai5. O Êxodo: do Egito ao Sinai
5. O Êxodo: do Egito ao Sinai
 
Ebd aula 3 4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
Ebd aula 3  4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.Ebd aula 3  4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
Ebd aula 3 4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
 
Estudo sobre anjos
Estudo sobre anjosEstudo sobre anjos
Estudo sobre anjos
 
Profeta Jonas
Profeta JonasProfeta Jonas
Profeta Jonas
 

Semelhante a Isabel e Zacarias viveram Milagres.docx

Cartões de Natal do Advento - preto e branco
Cartões de Natal do Advento - preto e brancoCartões de Natal do Advento - preto e branco
Cartões de Natal do Advento - preto e brancoFreekidstories
 
16917462 Espiritismo Infantil Historia 31
16917462 Espiritismo Infantil Historia 3116917462 Espiritismo Infantil Historia 31
16917462 Espiritismo Infantil Historia 31Ana Cristina Freitas
 
Zacarias
ZacariasZacarias
ZacariasUFES
 
Lição 2 - O Espírito Santo no Evangelho de Lucas
Lição 2 - O Espírito Santo no Evangelho de Lucas Lição 2 - O Espírito Santo no Evangelho de Lucas
Lição 2 - O Espírito Santo no Evangelho de Lucas Éder Tomé
 
Lição 02 A Predileção dos Pais por um dos Filhos .pptx.pdf
Lição 02 A Predileção dos Pais por um dos Filhos .pptx.pdfLição 02 A Predileção dos Pais por um dos Filhos .pptx.pdf
Lição 02 A Predileção dos Pais por um dos Filhos .pptx.pdfjeffersonrodriguesal1
 
O nascimento de jesus ibe 512 irmão jin
O nascimento de jesus ibe 512 irmão jinO nascimento de jesus ibe 512 irmão jin
O nascimento de jesus ibe 512 irmão jinJeronimo Nunes
 
Deus supera
Deus superaDeus supera
Deus superaG. Gomes
 
O nascimento de jesus - Lição 02/2015
O nascimento de jesus - Lição 02/2015O nascimento de jesus - Lição 02/2015
O nascimento de jesus - Lição 02/2015Pr. Andre Luiz
 
Lição 11 - Maria, Mãe de Jesus — Uma Serva Humilde
Lição 11 - Maria, Mãe de Jesus — Uma Serva HumildeLição 11 - Maria, Mãe de Jesus — Uma Serva Humilde
Lição 11 - Maria, Mãe de Jesus — Uma Serva HumildeI.A.D.F.J - SAMAMABAIA SUL
 
Cartões de Natal do Advento - em cor
Cartões de Natal do Advento - em corCartões de Natal do Advento - em cor
Cartões de Natal do Advento - em corFreekidstories
 
Comentário: 4° Domingo do Advento - Ano C
Comentário: 4° Domingo do Advento - Ano CComentário: 4° Domingo do Advento - Ano C
Comentário: 4° Domingo do Advento - Ano CJosé Lima
 
Lição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
Lição 1 - O Testemunho dos PatriarcasLição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
Lição 1 - O Testemunho dos PatriarcasÉder Tomé
 
Roteiro homilético do 20.º domingo do tempo comum – ano c (1)
Roteiro homilético do 20.º domingo do tempo comum – ano c (1)Roteiro homilético do 20.º domingo do tempo comum – ano c (1)
Roteiro homilético do 20.º domingo do tempo comum – ano c (1)José Luiz Silva Pinto
 
A primeira vinda de Jesus_Lição_original com textos_122015
A primeira vinda de Jesus_Lição_original com textos_122015A primeira vinda de Jesus_Lição_original com textos_122015
A primeira vinda de Jesus_Lição_original com textos_122015Gerson G. Ramos
 
A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4
A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4
A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4sukerth
 
A vida de jesus parte1
A vida de jesus parte1A vida de jesus parte1
A vida de jesus parte1GOMESA72
 

Semelhante a Isabel e Zacarias viveram Milagres.docx (20)

Cartões de Natal do Advento - preto e branco
Cartões de Natal do Advento - preto e brancoCartões de Natal do Advento - preto e branco
Cartões de Natal do Advento - preto e branco
 
Maria
MariaMaria
Maria
 
10 encontro maria-2015
10 encontro   maria-201510 encontro   maria-2015
10 encontro maria-2015
 
16917462 Espiritismo Infantil Historia 31
16917462 Espiritismo Infantil Historia 3116917462 Espiritismo Infantil Historia 31
16917462 Espiritismo Infantil Historia 31
 
Zacarias
ZacariasZacarias
Zacarias
 
Estudo sobre Maria
Estudo sobre MariaEstudo sobre Maria
Estudo sobre Maria
 
Lição 2 - O Espírito Santo no Evangelho de Lucas
Lição 2 - O Espírito Santo no Evangelho de Lucas Lição 2 - O Espírito Santo no Evangelho de Lucas
Lição 2 - O Espírito Santo no Evangelho de Lucas
 
Lição 02 A Predileção dos Pais por um dos Filhos .pptx.pdf
Lição 02 A Predileção dos Pais por um dos Filhos .pptx.pdfLição 02 A Predileção dos Pais por um dos Filhos .pptx.pdf
Lição 02 A Predileção dos Pais por um dos Filhos .pptx.pdf
 
O nascimento de jesus ibe 512 irmão jin
O nascimento de jesus ibe 512 irmão jinO nascimento de jesus ibe 512 irmão jin
O nascimento de jesus ibe 512 irmão jin
 
Deus supera
Deus superaDeus supera
Deus supera
 
O nascimento de jesus - Lição 02/2015
O nascimento de jesus - Lição 02/2015O nascimento de jesus - Lição 02/2015
O nascimento de jesus - Lição 02/2015
 
Lição 11 - Maria, Mãe de Jesus — Uma Serva Humilde
Lição 11 - Maria, Mãe de Jesus — Uma Serva HumildeLição 11 - Maria, Mãe de Jesus — Uma Serva Humilde
Lição 11 - Maria, Mãe de Jesus — Uma Serva Humilde
 
Cartões de Natal do Advento - em cor
Cartões de Natal do Advento - em corCartões de Natal do Advento - em cor
Cartões de Natal do Advento - em cor
 
O nascimento de Jesus
O nascimento de JesusO nascimento de Jesus
O nascimento de Jesus
 
Comentário: 4° Domingo do Advento - Ano C
Comentário: 4° Domingo do Advento - Ano CComentário: 4° Domingo do Advento - Ano C
Comentário: 4° Domingo do Advento - Ano C
 
Lição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
Lição 1 - O Testemunho dos PatriarcasLição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
Lição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
 
Roteiro homilético do 20.º domingo do tempo comum – ano c (1)
Roteiro homilético do 20.º domingo do tempo comum – ano c (1)Roteiro homilético do 20.º domingo do tempo comum – ano c (1)
Roteiro homilético do 20.º domingo do tempo comum – ano c (1)
 
A primeira vinda de Jesus_Lição_original com textos_122015
A primeira vinda de Jesus_Lição_original com textos_122015A primeira vinda de Jesus_Lição_original com textos_122015
A primeira vinda de Jesus_Lição_original com textos_122015
 
A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4
A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4
A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4
 
A vida de jesus parte1
A vida de jesus parte1A vida de jesus parte1
A vida de jesus parte1
 

Mais de sergio dos santos (20)

IGREJA QUE CRECE.docx
IGREJA QUE CRECE.docxIGREJA QUE CRECE.docx
IGREJA QUE CRECE.docx
 
TEMA IDENTIDADE X AUTO.docx
TEMA  IDENTIDADE X AUTO.docxTEMA  IDENTIDADE X AUTO.docx
TEMA IDENTIDADE X AUTO.docx
 
TEMA PATERNIDADE
TEMA PATERNIDADETEMA PATERNIDADE
TEMA PATERNIDADE
 
Culto do amigo.docx
Culto do amigo.docxCulto do amigo.docx
Culto do amigo.docx
 
Culto do amigo.docx
Culto do amigo.docxCulto do amigo.docx
Culto do amigo.docx
 
Teatro juízo final.docx
Teatro juízo final.docxTeatro juízo final.docx
Teatro juízo final.docx
 
pea-teatral-o-juizo-final (1).pdf
pea-teatral-o-juizo-final (1).pdfpea-teatral-o-juizo-final (1).pdf
pea-teatral-o-juizo-final (1).pdf
 
peça sabedoria.docx
peça sabedoria.docxpeça sabedoria.docx
peça sabedoria.docx
 
O Fruto do Espírito Santo.docx
O Fruto do Espírito Santo.docxO Fruto do Espírito Santo.docx
O Fruto do Espírito Santo.docx
 
ESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docx
ESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docxESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docx
ESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docx
 
TEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docx
TEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docxTEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docx
TEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docx
 
A intercessão na Bíblia.docx
A intercessão na Bíblia.docxA intercessão na Bíblia.docx
A intercessão na Bíblia.docx
 
estudos 2.docx
estudos 2.docxestudos 2.docx
estudos 2.docx
 
A intercessão na Bíblia.docx
A intercessão na Bíblia.docxA intercessão na Bíblia.docx
A intercessão na Bíblia.docx
 
Ouvi.docx
Ouvi.docxOuvi.docx
Ouvi.docx
 
ESTUDOS DA TRIBO N 05.docx
ESTUDOS DA TRIBO N 05.docxESTUDOS DA TRIBO N 05.docx
ESTUDOS DA TRIBO N 05.docx
 
estudos
estudosestudos
estudos
 
estudos
estudosestudos
estudos
 
estudos
estudosestudos
estudos
 
Documento.pdf
Documento.pdfDocumento.pdf
Documento.pdf
 

Último

Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
pregacao romanos 12 9-21 honrar uns aos outros.pptx
pregacao romanos    12 9-21  honrar   uns aos outros.pptxpregacao romanos    12 9-21  honrar   uns aos outros.pptx
pregacao romanos 12 9-21 honrar uns aos outros.pptxFabianoHaider1
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoNilson Almeida
 
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2Nilson Almeida
 
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docxCulto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docxManoel Candido Pires Junior
 
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da ProvidênciaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da ProvidênciaRicardo Azevedo
 

Último (7)

Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
 
pregacao romanos 12 9-21 honrar uns aos outros.pptx
pregacao romanos    12 9-21  honrar   uns aos outros.pptxpregacao romanos    12 9-21  honrar   uns aos outros.pptx
pregacao romanos 12 9-21 honrar uns aos outros.pptx
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
 
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
 
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docxCulto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
 
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da ProvidênciaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
 

Isabel e Zacarias viveram Milagres.docx

  • 1. Isabel e Zacarias viveram Milagres Quem foi Isabel? A história de Isabel está descrita em Lucas 1. 5-25 e 39-80. A Bíblia não se refere mais a ela. Isabel é conhecida principalmente como a esposa de Zacarias. Isabel é casada com Zacarias, que é sacerdote no templo em Jerusalém e Isabel é, também, de uma família sacerdotal. Eles vivem na região montanhosa perto de Jerusalém. Isabel e Zacarias estavam velhos e não tinham filhos, o que naqueles tempos era um sinal de que algo negativo, no entanto, sabemos do início do evangelho de Lucas que Isabel é descrita como justa aos olhos de Deus. Apesar de sua fidelidade impecável, eles não têm filhos sendo ela estéril e ambos velhos. Percebemos que a descrição de Zacarias e Isabel tem uma conexão com pelo menos dois dos antigos antepassados: Abraão e Sara. Como Sara, Isabel é estéril. Além disso, ambos os conjuntos de pais estão além da idade fértil. A alusão reforça o ponto de que a história do cristianismo está enraizado na antiga história de Israel. Este casal divino viveu sem filhos por muitos anos e, fisicamente, a esperança se foi. Isabel descreveu seu estado como uma desgraça (v25) tal era o estigma da época. Às vezes, os justos têm decepções e dores. Quem foi Zacarias? A narrativa descreve o sacerdote, Zacarias, e sua esposa, Isabel, em
  • 2. termos que são exclusivamente judeus. Ele é da divisão sacerdotal de Abias e ela das filhas de Aarão. Seu caráter é revelado em declarações paralelas feitas pelo narrador: Lucas 1: 6a E ambos eram justos diante de Deus b Andando sem culpa em todos os mandamentos e regulamentos do Senhor. Zacarias foi escolhido por sorteio para entrar no santuário do templo e oferecer incenso. Essa "vitória" teria sido interpretada como um decisão divina, especialmente no contexto do templo. Deus escolhe um momento importante na carreira de Zacarias para fazer seu movimento divino. Como um Sacerdote ele servia no templo por dois períodos de uma semana por ano. Ele era membro de uma das 24 divisões da primeira sacerdócio do século (v5) - um de aproximadamente 18.000 sacerdotes. O cenário é um dos momentos de oração diários reservado no templo (9h ou 15h). Um sacerdote só oficiava o sacrifício uma vez na vida (v8) tendo sido selecionado por sorteio (v9). No melhor momento de sua carreira e dedicação sacerdotal ele vai receber uma missão divina. O Anjo aparece para Zacarias Deus está dirigindo os eventos. Esta percepção é ainda mais substanciada quando Zacarias entra no templo, começa a oferecer incenso e, de repente, um anjo aparece ao lado do altar. O anjo, o primeiro personagem a falar na narrativa, garante a Zacarias que sua oração foi ouvida por Deus e então profere uma mensagem declarando um milagre: Isabel dará à luz um filho a quem eles chamarão de João (1:13) A resposta de Zacarias é tão humana. É muito natural dizer 'como posso ter certeza disso?' O que o Sacerdote idoso então sofre parece bastante severo. Ele estava apenas fazendo uma pergunta que muitos de nós teríamos feito. Ele ficou mudo!
  • 3. O que Deus quis dizer foi mais ou menos 'apenas fique em silêncio e observe Deus trabalhar - em vez de pedir perguntas, confie em mim '. O anjo Gabriel (v19) afirma sua autoridade, ou seja, que ele veio de Deus e enviado com esta boa notícia. Quando Deus fala, isso significa que ele cumprirá sua promessa. Zacarias deve ouvir e aprender que as promessas de Deus são verdadeiras e sempre mantidas. Quando Zacarias saiu o povo sabia que algo especial havia acontecido. O fato de ele ter tido uma visão era óbvio e ele teve que usar uma espécie de linguagem de sinais (v22). Após sua semana de serviço ele foi para casa e sabemos que não foi em Jerusalém, mas na região montanhosa onde Maria (sua parente visitou-a) (1:39). Zacarias só recuperaria a fala depois que seu filho foi nomeado, de acordo com as instruções do anjo. O anjo que disse a Zacarias que Isabel ficaria grávida também disse que seu filho ficaria cheio do Espírito Santo antes de seu nascimento. O filho de Isabel seria João Batista Publicidade A Gravidez de Isabel Isabel vai para a reclusão por cinco meses, mas está claramente feliz porque Deus mostrou seu 'grande favor' (v25). Segundo alguns teólogos parte da razão pela qual Isabel passou 5 meses em reclusão foi para se preparar, tanto prática e espiritualmente para o nascimento de seu filho. E então quando olhamos para a própria Isabel vemos uma mulher que está se preparando para primeiro filho. Mas não temos a impressão de que isso seja um fardo. Isabel entende as palavras do Rei Davi no Salmo 127: 3, onde ele diz: “Os filhos são uma dádiva de Deus; eles são sua recompensa. ” Isto é verdade literalmente, no caso de Isabel. E o que ela diz nos mostra que ela está agradecendo a Deus para tudo isso. O que acontece nos versículos 39-45 é uma conversa espiritual enquanto Isabel louva a Deus por trazer essa alegria para suas vidas Planos de Deus A colocação desta história no início do evangelho de Lucas deve nos convencer de que Deus tem um plano para dirigir o assuntos dos homens. Ele vai fazer algo para trazer a salvação das pessoas que criou.
  • 4.  Em primeiro lugar, este evento indica claramente para nós que o Deus de Israel e, portanto, o Deus dos cristãos é confiável; Deus ouve e responde as orações daqueles que são fiéis.  Em segundo lugar, como atestado na história passada de Israel, Deus é capaz de superar o impossível e os obstáculos para cumprir o plano divino.  Uma terceira conclusão possível seria que superar a esterilidade é uma parte estabelecida do repertório de Deus - não é um processo sem precedentes milagre da parte de Deus.  Finalmente, a atribuição de um nome à criança sugere que João tem um lugar significativo e especial no plano de Deus. Isabel engravidou; Em 1:25, Isabel louva a Deus por seu favor. A história de Zacarias, Isabel e João é interrompida e o leitor é transportado no tempo para o sexto mês de gravidez de Isabel. O foco da história muda para outro evento iniciado por Deus. O Nascimento de Jesus. Veja também  Evangelho de Lucas: Estudo, Esboço e Resumo Isabel no Centro do Plano Divino O anjo Gabriel aparece novamente, mas desta vez não no centro da vida religiosa judaica. Gabriel é despachado para o povoado galileu” de Nazaré. No sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado de Deus a uma cidade da Galiléia conhecida como Nazaré, para uma virgem desposada com um homem da casa de Davi cujo nome era José, e o nome da virgem era Maria. A Bíblia diz que Gabriel foi enviado para visitar uma virgem chamada Maria. O status de Maria como virgem é repetido duas vezes (1:27), enfatizando isso para o leitor. Maria também é descrita como prometido a Jose, um homem de ascendência davídica A próxima informação a respeito de João e Jesus será relatada no encontro entre Maria e Isabel. O encontro das duas mulheres é significativo para este estudo porque é a primeira atestação humana da existência de Jesus.
  • 5. Os encontros de Isabel e Maria - João e Jesus O anjo Gabriel anunciou a Maria que sua parente Isabel, considerada estéril, concebeu um filho e está agora no sexto mês de gravidez. Gabriel disse isso a Maria como prova de que nada é impossível com Deus. Depois que o anjo sai, Maria corre para uma cidade na região montanhosa de Judea para visitar Isabel. Viaja para os arredores de Jerusalém, entra na casa de Zacarias e cumprimenta Isabel. Segundo alguns estudos Isabel morava na vila de Ein Karem, que fica a cerca de 5 a 6 quilômetros de distância Jerusalém, mas a 80 milhas de Nazaré. Teria sido uma caminhada de 8 a 10 dias. Não há indicação de que Isabel sabia o motivo da visita de Maria. No entanto, ao ouvir a saudação de Maria, o filho ainda não nascido de Isabel saltou e Isabel se encheu do Espírito Santo, pelo qual Lucas quer dizer que ela recebeu o dom de profecia. Isabel e ela criança reconhecem Maria como sendo a mãe do Senhor. O fato de que o filho de Isabel salta com alegria demonstra que desde o início João Batista aceitará seu papel como de mensageiro do Messias, que foi um tema importante para todos os escritores do evangelho transmitirem. A reunião entre Isabel e Maria assume um significado histórico. Isabel está velha e seu filho vai fechar o tempo de espera pelo Messias. Maria é jovem e seu filho dará início a uma nova era do reino de Deus A profecia revela que Isabel está ciente do estado de Maria. Ao ouvir a saudação de Maria, uma série espontânea de eventos ocorre. João salta para dentro o ventre de Isabel, Isabel é cheia do Espírito Santo e, em seguida, Isabel faz uma proclamação inspirada. O fato de Isabel fazer sua proclamação sob a influência do espírito indica que o que ela proclama é verdade. 1: 42a Isabel proclamou com um grande grito: b “Bendita és tu entre as mulheres, ce bendito é o fruto do teu ventre. 1: 43a quem sou eu b que a mãe de meu Senhor venha a mim? 1: 44a Pois eis o momento em que a tua saudação soou nos meus ouvidos,
  • 6. b o bebê em meu ventre pulou de alegria. 1: 45a Feliz é aquela que acreditou b que as palavras do Senhor para ela se cumprissem Jesus como kyrios Isabel primeiro confirma a gravidez de Maria para o público (1: 42b-c), e em seguida, revela uma peça-chave de informação que colore ainda mais a caracterização de Jesus – ela refere-se a Maria como a "mãe de meu Senhor ". Aplicação do título kyrios a Jesus. Até este ponto na Bíblia o termo, kyrios foi atribuído apenas a Deus. De fato, no início da narrativa, até mesmo Isabel usou esse título para designar Deus. Isabel abençoa Maria por sua fé e por ter sido escolhida como mãe do Senhor. Após a forte sensação de intervenção celestial, a história se torna muito pessoal. Mas este milagre resolve dois problemas. Uma criança para a casa de Zacarias e para que Deus opere a redenção por seu povo. Deus às vezes, em uma ação, trabalha tanto pessoalmente quanto para toda humanidade. Amém! Deus não esquece de você – Zacarias e Isabel Lucas 1: 5-25 5 No tempo de Herodes, rei da Judéia, havia um sacerdote chamado Zacarias, que pertencia ao grupo sacerdotal de Abias; Isabel, sua mulher, também era descendente de Arão. 6 Ambos eram justos aos olhos de Deus, obedecendo de modo irrepreensível a todos os mandamentos e preceitos do Senhor. Zacarias era um dos 18 mil sacerdotes e levitas que estavam prontos para servir no templo do senhor assim que seu grupo fosse chamado para este fim. No total eram 24 grupos diferentes só de sacerdotes, ele provavelmente tinha seu trabalho no campo, pois nem todos os sacerdotes eram sustentados pelos dízimos e ofertas do templo, ou o sustento não era suficiente para tanta gente, mas não é esse o problema de Zacarias, seu verdadeiro problema é ele não ter sido pai ao longo de seus 60 anos, isso mesmo quando no verso 7 fala que sua esposa Isabel era estéril, também encontramos a afirmação que ambos eram de idade avançada, ou seja já tinham passado dos 50 anos. Por causa desse fato Zacarias era um sacerdote mal visto pelos seus colegas de ministério sacerdotal, mas o pior ficava para Isabel que também era de linhagem
  • 7. sacerdotal e provavelmente servia no grupo das mulheres conhecidas como as filhas de Arão, que prestavam socorro para os pobres e desfavorecidos, mas mesmo assim no verso 25 ela diz “isso é obra o Senhor ! Agora ele olhou para mim favoravelmente, para desfazer a minha humilhação perante o povo” bem na teologia da época, ou no pensamento religioso da época as mulheres sem filhos eram vistas como amaldiçoadas. 6 Ambos eram justos aos olhos de Deus, obedecendo de modo irrepreensível a todos os mandamentos e preceitos do Senhor. I Deus não esquece dos que são justos e os honra. As pessoas olhavam torto para Zacarias e Isabel, elas os julgavam com o olhar, os julgavam na igreja, os julgavam por onde quer que eles passassem, mas Deus o escolheu para exercer a função sacerdotal naquele ano, pois Deus não vê como o homem vê. Deus deseja que experimentemos seu amor real e justificador. a) Deus não esquece de você, mas não esqueça de Deus em seus atos, pensamentos e escolhas. b) Deus não esquece de você, mas por favor dedique-se a Ele e receba sua benção e milagre. c) Deus não esquece de você, busque ser justo aos olhos de Deus em todo o tempo. Quando você olha pra sua vida, você pode dizer que está crescendo em graça e conhecimento na presença de Deus? Quando olha pra você pode dizer que tem permanecido firme nos valores bíblicos? 6 Ambos eram justos aos olhos de Deus, obedecendo de modo irrepreensível a todos os mandamentos e preceitos do Senhor. II Deus não esquece dos filhos que o obedecem. Essa afirmação é tremenda Zacarias e Isabel obedeciam todos os mandamentos de Deus de forma irrepreensível. Certamente essa família se dedicava ao Senhor e a sua palavra de forma amorosa e fervorosa, por este motivo recebeu o milagre do Senhor em sua própria vida, pois Deus não esquece dos filhos que o obedecem. a) Recebemos o milagre quando oramos, mas como Deus nos ouvirá se não falamos? A proximidade com Deus nos encherá de sua glória, Moises ficou 40 dias na presença de Deus falando com ele e quando ele desceu da presença de Deus as pessoas nem conseguiam olhar para sua face. Assim deve ser nossa vida, na presença de Deus, assim as trevas não terão qualquer influência sobre nós. b) Recebemos o milagre quando buscamos ser justos. c) Recebemos o milagre quando nos dedicamos a santa palavra de Deus. d) Recebemos o milagre quando o obedecemos em tudo. e) Recebemos o milagre, no tempo de Deus, não no nosso tempo. Você tem dado ouvidos a palavra de Deus ? Você tem sido obediente aos seus mandamentos? Tem se dedicado ao Senhor? 25 “isso é obra o Senhor ! Agora ele olhou para mim favoravelmente, para desfazer a minha humilhação perante o povo” III Deus não esquece dos
  • 8. seus filhos e muda suas histórias de dor em histórias de vitória e alegria. Zacarias e Isabel se tornaram os pais de João Batista o profeta que anunciou a chegada de Jesus o salvador do mundo. O ministério de João Batista durou apenas 9 meses, mas não podemos encontrar outro profeta como ele na bíblia, Jesus inclusive diz em Lucas 7:28 “Eu lhes digo que entre os que nasceram de mulher não há ninguém maior do que João; todavia, o menor no Reino de Deus é maior do que ele.” A história de Zacarias e Isabel mudou completamente. Uma história de desprezo e derrota, transformou-se em uma história de louvor e glória ao nome de Deus o Senhor. I Deus não esquece dos que são justos e os honra. II Deus não esquece dos filhos que o obedecem. III Deus não esquece dos filhos e muda sua história de dor em história de vitória. Deus não esqueceu de você, hoje mesmo Ele quer iniciar um trabalho de honra em sua vida. Deus não esqueceu de você, hoje mesmo ele deseja abençoar sua vida. Deus não esqueceu de você, ele pode mudar também a sua história e transformar sua vida em um exemplo de fé e devoç Compartilhe nas Redes Sociais! sergiodossantos719@gmail,com/