RIO GRANDE DO SUL- PAMPAS
<ul><li>Pampa é um nome de origem quechua genericamente dado à região pastoril de planícies com coxilhas, entre o estado b...
<ul><ul><li>Somos gaúchos com muito orgulho gostamos de honrar nossa pátria! </li></ul></ul>
<ul><li>Temos o tiro de laço como tradição </li></ul>
<ul><li>Canto agora nestes versos </li></ul><ul><li>com meu grito entusiasmado </li></ul><ul><li>a lida e o povo gaúcho </...
<ul><li>E me vem uma nostalgia infinita </li></ul><ul><li>dessa vida gaudéria e passada </li></ul><ul><li>uma amarga solid...
<ul><li>Das tropas cruzando as coxilhas </li></ul><ul><li>na toada mansa do tropeiro </li></ul><ul><li>nos tombos nas doma...
<ul><li>Quero falar do chimarrão </li></ul><ul><li>do churrasco e do gaiteiro </li></ul><ul><li>da linda prenda cheirosa <...
<ul><li>“ Como o Rio Grande viveu no calor do teu coração, viverás no coração do Rio Grande!” </li></ul>
<ul><li>Nós somos o novo rastro que o tempo não pode apagar. Nos orgulhamos da nossa história farrapa que o mundo há de co...
<ul><li>Somos guardiões do Rio Grande e temos a alma guerreira! </li></ul>
<ul><li>“ Que cada gaúcho independente do chão onde pisa, sinta correr em suas veias o sangue farroupilha sem negar suas r...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Alan, Franciele

778 visualizações

Publicada em

Apresentação de slides criada na aula de artes, 7ª série da E.E.E.F.P.Edisson H. Cerezer, Bagé RS

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
778
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Alan, Franciele

  1. 1. RIO GRANDE DO SUL- PAMPAS
  2. 2. <ul><li>Pampa é um nome de origem quechua genericamente dado à região pastoril de planícies com coxilhas, entre o estado brasileiro do Rio Grande do Sul, as províncias argentinas de Buenos Aires, La Pampa, Santa Fé, Entre Rios e Corrientes e a República Oriental do Uruguai. É também chamada de campos. </li></ul>
  3. 3. <ul><ul><li>Somos gaúchos com muito orgulho gostamos de honrar nossa pátria! </li></ul></ul>
  4. 4. <ul><li>Temos o tiro de laço como tradição </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Canto agora nestes versos </li></ul><ul><li>com meu grito entusiasmado </li></ul><ul><li>a lida e o povo gaúcho </li></ul><ul><li>neste rincão abençoado. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>E me vem uma nostalgia infinita </li></ul><ul><li>dessa vida gaudéria e passada </li></ul><ul><li>uma amarga solidão sem consolo </li></ul><ul><li>como a perda da mulher ama. </li></ul>
  7. 7. <ul><li>Das tropas cruzando as coxilhas </li></ul><ul><li>na toada mansa do tropeiro </li></ul><ul><li>nos tombos nas domas renhidas </li></ul><ul><li>e do galpão hospitaleiro </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Quero falar do chimarrão </li></ul><ul><li>do churrasco e do gaiteiro </li></ul><ul><li>da linda prenda cheirosa </li></ul><ul><li>e do ginete faceiro. </li></ul>
  9. 9. <ul><li>“ Como o Rio Grande viveu no calor do teu coração, viverás no coração do Rio Grande!” </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Nós somos o novo rastro que o tempo não pode apagar. Nos orgulhamos da nossa história farrapa que o mundo há de contar! </li></ul>
  11. 11. <ul><li>Somos guardiões do Rio Grande e temos a alma guerreira! </li></ul>
  12. 12. <ul><li>“ Que cada gaúcho independente do chão onde pisa, sinta correr em suas veias o sangue farroupilha sem negar suas raízes. Que nós jovens possamos continuar a história de coragem e liberdade do nosso estado, levando a diante as tradições gaúchas e o “Amor pelo Rio Grande”. </li></ul><ul><li>Alan Krause e Franciele Ibing 173 </li></ul>

×