Curso Proinfo Tecnologias na Educação : ensinando e aprendendo com as TICNome do cursista: Sémebber Silva LinoTurma: BTuto...
I – definirem procedimentos organizacionais e de funcionamento dos diferentes níveis emodalidades de ensino da educação bá...
III – AÇÕES.       De acordo com os princípios orientadores da Proposta Curricular e o contexto atual da UnidadeEscolar de...
•Atividade Curricular Desportiva•Ler e Escrever/Letra e Vida•Prevenção também se ensina•Dengue•Saúde Bucal•Água Hoje e Sem...
Conhecimentos de leitura e interpretação de dados e tabelas.Estratégias e recursos da aula                 Atenção!!!! Só ...
preenchendo o quadro na lousa.Sugestão de questão para reflexão:−O expoente do valor inicial vai aumentando gradativamente...
Como resolveriam. De uns minutos para que os grupos encontrem a solução e então socialize comos demais.Resolução:Construa ...
Atividade 06Uma pessoa pediu emprestado a um amigo R$ 3.500,00 emprestados a serem pagos em 1 ano, auma taxa de 5% ao mês....
pagamento da primeira. Esse valor renderá R$ 20,97 ao final de um mês. Então o valor aplicado napoupança somado aos juros ...
AvaliaçãoA avaliação deverá ser diagnóstica, processual e continua, ou seja, realizada ao longo de todas asaulas. No trans...
Motivação:Estando os alunos organizados no Laboratório de Informática, ou Sala de Vídeo, o professor deveráapresentar a el...
Para a realização desta atividade, sugerimos abaixo uma lista de sites.Sites para a pesquisa:http://www.assistiva.com.br/#...
Os grupos que escolheram o Tema 2, deverão assistir ao Vídeo “Engrossador de lápis”, comduração de 01 minuto e 15 segundos...
−O que elas representam para o aluno com deficiência?Neste momento, é muito importante que os alunos tenham compreendido q...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ativ03

461 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
461
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ativ03

  1. 1. Curso Proinfo Tecnologias na Educação : ensinando e aprendendo com as TICNome do cursista: Sémebber Silva LinoTurma: BTutor: Márcia Maria Atividade 3 Projeto de Trabalho. PLANO DE TRABALHO DA OFICINA PEDAGÓGICA 2º Semestre - 2010I – INTRODUÇÃO. A Oficina Pedagógica é um importante núcleo de apoio técnico-pedagógico oferecido a esta Unidade de Ensino. Seu trabalho, articulado com a equipe de supervisão, desempenha papel relevante na implementação das ações de formação continuada e dos projetos voltados para a melhoria da qualidade do ensino e da aprendizagem dos alunos da rede estadual, tanto no Ensino Fundamental quanto no Médio. Este Plano de trabalho visa nortear, estruturar, organizar, acompanhar e avaliar as ações de toda a equipe, efetivando-se ações de intervenção compatíveis com os objetivos previamente estabelecidos.II – OBJETIVOS. De acordo com o artigo 1º da Resolução SE n. 91/07, as ações a serem realizadas nestesemestre têm por objetivo:
  2. 2. I – definirem procedimentos organizacionais e de funcionamento dos diferentes níveis emodalidades de ensino da educação básica;II – implementarem as propostas curriculares dos ensinos fundamental e médio;III – avaliarem o desenvolvimento de ações de apoio educacional. Para o cumprimento destes objetivos, os Coordenadores Pedagógicos da Educação Básica,Professores regentes de cada Área/Disciplina juntamente com os professores dinamizadores doLaboratório de Informática Educacional, em consonância com as diretrizes da política educacionalda Secretaria de Educação do Estado de Goiás e de forma integrada com a Equipe Gestora,responsável pela Supervisão, têm as seguintes atribuições:I - elaborar e implementar o Plano de Trabalho da Oficina Pedagógica, de forma articulada com oda Proposta Pedagógica de Ensino;II - participar da formulação, do acompanhamento e da avaliação das atividades de naturezapedagógica presentes no Plano de Trabalho da das Oficinas Pedagógicas segundo a Proposta deEnsino;III - identificar as demandas de reforço escolar dentre os alunos da Unidade Escolar, a partir daanálise de indicadores Notas/Avaliações Bimestrais, propondo ações voltadas para as prioridadesestabelecidas;IV - desenvolver, dentro de sua área específica de atuação, ações descentralizadas de reforçoescolar, de acordo com o Plano de Trabalho da Oficina Pedagógica;V - prestar assistência e apoio técnico-pedagógico aos alunos participantes no processo deelaboração e implementação da proposta pedagógica da escola;VI – estimular os professores e alunos quanto a utilização de novas tecnologias na prática docente,nas diferentes áreas do currículo, favorecendo a sua apropriação;VII - orientar os discentes e docentes para a utilização e otimização dos ambientes de aprendizageme dos equipamentos e materiais didáticos disponíveis;VIII - promover ações que possibilitem a socialização de experiências pedagógicas bem –sucedidas;IX - divulgar e estimular o acesso dos professores ao acervo da Oficina Pedagógica e auxiliá-los naseleção dos materiais disponíveis, incentivando-os a produzir outros materiais pedagógicos;X - desenvolver ações a partir de demandas específicas da escola e ou propostas pelos órgãoscentrais de Educação e Saúde.
  3. 3. III – AÇÕES. De acordo com os princípios orientadores da Proposta Curricular e o contexto atual da UnidadeEscolar de Ensino, a Oficina Pedagógica propõe as seguintes ações para o 2º semestre de 2010: 1. Apoio na implementação da Proposta Curricular: O trabalho de implementação daProposta Curricular para o Ensino Fundamental e Ensino Médio é o grande desafio a ser enfrentadopela rede pública estadual. Entendemos que o esforço deve ser coletivo e as ações pautadas nosprincípios centrais dessa Proposta. Para isso, elencamos as seguintes ações: - Subsidiar a equipe gestora da Unidade Escolar no esclarecimento de dúvidas quanto ao seupapel de líder e formador na implementação da nova proposta curricular, propiciando sessões deestudo, atendimento individualizado e orientações para o planejamento de situações de mediação eformação; - Acompanhar ”in loco” a implementação da proposta curricular e o processo de formaçãocontinuada dos professores, participando das reuniões de planejamento realizadas quinzenalmentena escola (Parada Pedagógica) e observação em sala de aula, de acordo com cronograma a serestabelecido em consenso com a Supervisão de Ensino, feita pela Equipe Gestora; - Subsidiar docentes na utilização e apropriação de recursos pedagógicos e tecnológicos, bemcomo, disponibilizar material de apoio que compõe o acervo da Oficina Pedagógica. 2. Projeto de Recuperação e Reforço: Tendo em vista a necessidade de um trabalho quepropicie a recuperação e consolidação das habilidades instrumentais de leitura / produção de textose matemática, a Oficina Pedagógica se propõe a: - Orientar, acompanhar e avaliar os Projetos de Recuperação e Reforço da aprendizagem; - Capacitar equipes escolares e professores encarregados dessa atividade paralela nessasreuniões de planejamento realizadas quinzenalmente na escola (Parada Pedagógica) ou nosencontros de formação da SEE-GO. Cabe ressaltar que as ações da Oficina Pedagógica estarão vinculadas à proposta de trabalho deEnsino, e os responsáveis por este Projeto em nossa Unidade de Ensino. 3. Outras atividades desenvolvidas pela Oficina Pedagógica: - Continuidade dos Projetos propostos pela Secretaria da Educação:•Olimpíada de Língua Portuguesa
  4. 4. •Atividade Curricular Desportiva•Ler e Escrever/Letra e Vida•Prevenção também se ensina•Dengue•Saúde Bucal•Água Hoje e Sempre – Consumo Sustentável•Orientação/atendimento aos alunos com necessidades educacionais especiais•Acompanhamento das salas de recursos•Organização e distribuição de material pedagógico•Parceria em concursos literários•Participação/organização Olimpíada Brasileira de Matemática da Rede PúblicaPropostas de Oficinas:01. Matemática Financeira: analisando situaçõesEstrutura Curricular Componente Modalidade / Nível de Ensino Tema CurricularEducação de Jovens e Adultos - 2º Estatística, probabilidade e Matemáticaciclo combinatóriaEnsino Médio Matemática FunçõesEnsino Médio Matemática Tecnologia para a matemáticaEnsino Médio Matemática Análise de dados e probabilidadeDados da AulaO que o aluno poderá aprender com esta aula−Compreender elementos da matemática financeira−Modelar e resolver situações-problema em diferentes contextos e, em especial de matemáticafinanceira, utilizando função exponencial.Duração das atividades3 aulas de 50 minutosConhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o alunoConhecimentos de matemática básica.
  5. 5. Conhecimentos de leitura e interpretação de dados e tabelas.Estratégias e recursos da aula Atenção!!!! Só hoje, promoção incrível!!! Leve uma moto para casa pagando apenas R$ 2,00 de entrada, R$ 4,00 no primeiro mês, R$ 8,00 no segundo mês e assim por diante. Aproveite que o tanque vem cheio e você ainda recebe 2 capacetes de brinde. Não perca, entre e escolha sua cor predileta... (Obs. Problema adaptado da ideia da professora Dionéia dos Santos Ferreira de Paranaguá/PR)Professor, comece a aula apresentando a propaganda a seguir aos seus alunos. Se possível, projetena sala de aula, para então propor as reflexões. Esta primeira atividade, dará o "start" para sua aula,para tanto, é importante que você comece já questionando, faça um levantamento em sala de aulapara saber quem estaria interessado nessa aquisição. Anote no quadro quantos alunos tem interesse,por que tem interesse, quais as vantagens que vêem...Atividade 01Sugestão de encaminhamento:Ainda de maneira expositiva, o professor deve encaminhar que, ao ler uma propaganda como essa, édifícil não ficar tentado a aquisição. Apenas R$ 2,00 de entrada? Depois R$ 4,00? Porém, apropaganda apresenta toda uma jogada de marketing da empresa ao propor inclusive a escolha dacor.Será esse um bom negócio???Observe quais dados aparecem?O que falta nessa propaganda? Que dados estão ausentes? Esse valor é em quantas parcelas? Qual ovalor final?Depois da discussão, o professor pode propor um quadro na lousa, completando os dados com osalunos.Questionamentos a partir do quadro:- Levando-se em consideração que uma moto hoje custa em torno de R$ 5.200,00, em quantosmeses a aquisição da moto seria vantagem?- Quanto teria pago pela moto ao final de 12 meses? (Resposta: R$ 16.382,00 que equivale a maisde 3 x o valor real do produto)O professor deve aproveitar essa atividade para conscientizar seus alunos da importância dessesconhecimentos matemáticos em sua vida futura.Atividade 02Em sala de aula, o professor novamente pode retomar o quadro proposto para a primeira atividade.Professor organize sua turma em grupos e proponha que descubram qual a lógica de crescimentodas parcelas está presente nesta proposta. Dê a eles alguns minutos e então socialize as respostas.Depois juntos completem a sequência. A medida que os alunos forem falando, o professor vai
  6. 6. preenchendo o quadro na lousa.Sugestão de questão para reflexão:−O expoente do valor inicial vai aumentando gradativamente, certo?Atividade 03:Professor conduza os alunos (ainda em grupo) ao laboratório de informática e proponha comoatividade a realização do gráfico da tabela que criaram. É importante que os alunos tenham os dadosem mãos para que possam primeiro construir a tabela que irá gerar o gráfico.De posse da tabela, oriente para que desenvolvam um gráfico de dispersão XY, conforme o modeloapresentado.Depois do gráfico feito, o professor pode observar se os grupos conseguiram a mesma curva pararepresentar a atividade. Pode também analisar o modelo de curva, o tipo de crescimento e demaisdetalhes que convier.Sugestão de questões:−Qual função que geraria essa curva?−Que tipo de crescimento observamos?Professor, estabeleça pistas que levem os alunos a fazer aproximações com o conteúdo de funçõesexponenciais.Atividade 04:Ainda no laboratório de informática, proponha como atividade a exploração do recurso disponívelem http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/handle/mec/12294, que possibilita conhecer a definição,propriedades e características da função exponencial.Función exponencial [Unidades didácticas]De volta a sala de aula, ainda com os alunos em grupo, o professor continua de maneiraexpositiva...Propostas como esta, são estudadas por um ramo da matemática, chamada matemática financeira.Sua função é ajudar leigos e economistas a estudar e analisar melhores formas para alcançar seusobjetivos no campo pessoal e econômico.Consideramos que estudar a matemática financeira é um assunto de grande relevância visto quediariamente as pessoas se deparam com diferentes ofertas e, que por conta da estabilização daeconomia nacional, muitas pessoas passaram a adquirir financiamentos e empréstimos com maiorfreqüência o que justifica a aprendizagem da Matemática Financeira.Vale lembrar que não fazemos nenhuma crítica a esse tipo de aquisição, desde que ocorra demaneira consciente.Agora imaginem, retomando o problema do início da aula, que uma pessoa deseja adquirir a moto epara isso, faz um empréstimo de R$ 5.000,00 em uma financeira, comprometendo-se a pagar após 6meses. A taxa de juros combinada é de 8% ao mês. No final do prazo, porém, ocorre um problema:o valor calculado por ela não coincidia com aquele cobrado pela financeira.Atividade 05Professor solicite que os grupos proponham a resolução a esse problema.
  7. 7. Como resolveriam. De uns minutos para que os grupos encontrem a solução e então socialize comos demais.Resolução:Construa os 2 tipos de cálculos na lousa, com a ajuda dos alunos.Cálculo da pessoa:Em um mês: 8%Em seis meses: 6 x 8% = 48%5000 + 48% de 5000.= 5000 + 0,48 x5000= 5000 + 2400= 7400Total a pagar : R$ 7.400,00Cálculo da financeira:1º mês: 5000 + 0,08 x 5000 = 5000 + 400 = 54002º mês: 5400 + 0,08 x 5400 = 5400 + 432,00 = 58323º mês: 5832 + 0,08 x 5832 = 5832 + 466,56 = 6298,564º mês: 6298,56 + 0,08 x 6298,56= 6298,56+ 503,88 = 6802,445º mês: 6802,44 + 0,08 x 6802,44 = 6802,44 + 544,20 = 7346,646º mês: 7346,64 + 0,08 x 7346,64 = 7346,64 + 587,73 = 7934,37Total a pagar : R$ 7.934,37E ao final, questione: (é importante ouvir a argumentação dos grupos) •Mas por que essa confusão? E agora quem está com a razão?Há procedimentos da matemática financeira que nos permitem analisar essa situação.Vamos conhecê-los. Nesse momento o professor apresenta alguns conceitos pertinentes aMatemática Financeira.Aula Expositiva:O que são Juros?Para descobrir de quem é o erro, primeiro precisamos analisar qual critério foi usado para oscálculos.Quando um valor (capital) é aplicado ou emprestado a uma determinada taxa, o montante podecrescer segundo dois diferentes critérios: de capitalização simples (ou juros simples – 1º caso) e decapitalização composta (ou juros compostos – 2º composto).No caso de juros simples, estes incidem sobre o valor inicial. Na prática, esse sistema é usado empagamentos cujo atraso é de apenas alguns dias. No caso de juros compostos os juros sãoincorporados ao capital inicial, passando a render sobre o novo total, “juros sobre juros”.Perceba que no caso do empréstimo da moto, a pessoa fez os cálculos no regime de juros simples ea financeira calculou no regime de juros compostos. Por isso, a confusão.Professor, para complementar o estudo, proponha aos grupos a realização das seguintes atividades
  8. 8. Atividade 06Uma pessoa pediu emprestado a um amigo R$ 3.500,00 emprestados a serem pagos em 1 ano, auma taxa de 5% ao mês.Qual o montante a ser pago se o regime for: a) juros simples b)juros compostosa) juros simples?Resolução:Em 1 mês = 5%Em 12 meses = 5 x 12 = 60 %3500 + 60% de 3500= 3500 + 0,60 x 3.500Total a pagar R$ 5.600,00b) juros compostos?Resolução:1º mês: 3500 + 0,05 x 3500 = 36752º mês: 3675 + 0,05 x 3675 = 3858,753º mês: 3858,75 + 0,05 x 3858,75 = 4051,694º mês: 4051,69 + 0,05 x 4051,69 = 4254,275º mês: 4254,27 + 0,05 x 4254,27 = 4466,986º mês: 4466,98 + 0,05 x 4466,98 = 4690,337º mês: 4690,33 + 0,05 x 4690,33 = 4924,858º mês: 4924,85 + 0,05 x 4924,85 = 5171,099º mês: 5171,09 + 0,05 x 5171,09 = 5429,6410º mês: 5429,64 + 0,05 x 5429,64 = 5701,1211º mês: 5701,12 + 0,05 x 5701,12 = 5986,1812º mês: 5986,18 + 0,05 x 5986,18 = 6285,49Total a pagar R$ 6.285,79Atividade 07Vamos imaginar que desejamos comprar um notebook. Verificamos na loja, seu custo é R$2.800,00. Dispomos desse valor depositado na caderneta de poupança, que está rendendo 1,5 % aomês. Do ponto de vista financeiro, qual plano de pagamento é o mais vantajoso:a) pagar à vista;b) pagar em duas prestações iguais a R$ 1.402,00 cada uma.Resolução:Vamos pensar nas duas possibilidades. Pagando à vista toda quantia, não nos sobrará nada naPoupança. Porém, pagando em duas parcelas de R$ 1. 402,00 sobrarão R$ 1398,00 após o
  9. 9. pagamento da primeira. Esse valor renderá R$ 20,97 ao final de um mês. Então o valor aplicado napoupança somado aos juros renderá um total de R$ 1418,97. Obviamente que quitando sua dívida,ainda nos sobrará R$ 16,97. Portanto, a alternativa b é a mais viável.Atividade 08Uma pessoa aplicou R$ 500,00 num investimento que rende 5% ao mês, a juros compostos. Qual éo tempo necessário para que ela obtenha um montante de R$ 600,00.Resolução:1º mês: 500 + 0,05 x 500 = 5252º mês: 525 + 0,05 x 525 = 551,253º mês: 551,25 + 0,05 x 551,25 = 578,814º mês: 578,81 + 0,05 x 578,81 = 607,75Portanto, 4 meses.Obs. Professor, vale lembrar que os alunos podem encontrar outros meios para resolver a mesmaquestão. É preciso estar preparado e aberto a essas possibilidades.Atividade ExtraPara essa atividade, indicamos que o professor explore junto com seus alunos no laboratório deinformática da escola, a simulação em flash disponível no linkhttp://t8.teiaoito.com.br/t8/curso/mat_financeira/sobre/aula_demo/flash/simulacao.swf ,onde pode-se aprender os princípios básicos de matemática financeira, bem como, técnicas deanálise e resolução de problemas.A partir de situações cotidianas, os participantes poderão construir os conceitos e aplicar osprocedimentos usados em diferentes situações profissionais envolvendo temas como juros,descontos, equivalência de capitais, pagamentos e fluxo de caixa.O professor pode ainda explorar com os alunos o recurso disponível emhttp://objetoseducacionais2.mec.gov.br/handle/mec/11418,que apresenta um programa que calcula financiamentos a partir das prestações, taxas de juros enúmero de mesesReferencias Bibliograficas:AZEVEDO, R. K. A relevância da matemática financeira no Ensino Médio. Disponível em:http://www.matematica.ucb.br/sites/000/68/00000039.pdf, acesso em 05 de maio de 2010.PEREIRA, M. E. Noções de Matemática Financeira. Disponível em:http://www.feg.unesp.br/extensao/teia/trab_finais/TrabalhoMariaEmilia.pdf, acesso em 05 de maiode 2010.Recursos Educacionais Nome TipoFunción exponencial [Unidades didácticas] Animação/simulaçãoFrancinvest Animação/simulaçãoRecursos Complementares−Lista de exercícios de matemática financeira e estatística. Disponível emhttp://www.cms.ensino.eb.br/cms/files/Prevest_Lista_Mat_Fin_e_Estat(2).pdf ,
  10. 10. AvaliaçãoA avaliação deverá ser diagnóstica, processual e continua, ou seja, realizada ao longo de todas asaulas. No transcorrer das atividades, a partir da participação dos alunos, observando a formulaçãode conceitos, analisando questionamentos e intervenções. Por meio do diálogo, o professor podeperceber se houve assimilação dos conteúdos propostos. Pela leitura das produções dos alunos, oprofessor avaliará, seus conhecimentos sugerindo as mudanças e adequações se necessário e ainda,estimulando leituras e pesquisas a outros referências.02. Você já ouviu falar sobre Tecnologias Assistivas?Estrutura Curricular Modalidade / Nível Componente Tema de Ensino CurricularEnsino Médio Sociologia Movimentos sociais / direitos / cidadania Aspectos cognitivo-conceituais: mundo, objetos, seres,Ensino Médio Língua Portuguesa fatos, fenômenos e suas inter-relaçõesEnsino Fundamental Pluralidade Cultural Ser humano como agente social e produtor de culturaFinalEnsino Fundamental Pluralidade Cultural Direitos humanos, direitos de cidadania e pluralidadeFinalDados da AulaO que o aluno poderá aprender com esta aula •Aprender sobre o conceito de Tecnologia Assistiva (TA) e para que são utilizadas. •Compreender a importância das TAs no contexto escolar e no processo de inclusão de alunos com algum tipo de deficiência. •Aprender a elaborar recursos de TA, com materiais de baixo custo. •Promover a elaboração de uma feira de amostra de recursos de Tas na escola para que todos possam conhecer a finalidade e a utilidade destes recursos para a pessoa com Deficiência.Duração das atividadesAproximadamente 100 minutos, duas (2) aulas.Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o alunoNão há necessidades que conhecimentos prévios sejam trabalhados pelo professor com os alunospara esta aula.Estratégias e recursos da aulaAs estratégias utilizadas serão: •Aula interativa; •Sala de vídeo; •Confecção de materiais pedagógicos; •Utilização do laboratório de Informática.
  11. 11. Motivação:Estando os alunos organizados no Laboratório de Informática, ou Sala de Vídeo, o professor deveráapresentar a eles o vídeo “Tecnologias Assistivas”, conforme postado abaixo, com duração de 03minutos e 17 segundos.Link do vídeo “Tecnologias Assistivas”:http://www.youtube.com/watch?v=AtX3vnWjn4M&feature=relatedSugestão:O professor poderá gravar o vídeo em DVD e apresentá-lo para os alunos na Sala de Vídeo daescola, de forma que todos possam assisti-lo ao mesmo tempo.O referido vídeo, que foi elaborado por Paloma Alinne Alves Rodrigues, do Centro de Promoçãopara Inclusão Digital, Social e Educacional da Faculdade de Ciências e Tecnologias - UniversidadeEstadual Paulista (FCT/UNESP), aborda exemplos de Tecnologias Assistivas que auxiliam a vidasocial, educacional e digital de uma pessoa com deficiência.Em seguida, quando todas as duplas terminarem de assistir ao vídeo, o professor deverá iniciar umadiscussão sobre o conteúdo deste. Para isto, sugerimos o roteiro disponível abaixo:Roteiro de Discussão: 1.Qual o assunto principal discutido no vídeo? 2.Vocês observaram algum equipamento diferente utilizado pelas pessoas mostradas no vídeo? 3.De que forma uma das pessoas mostradas no vídeo utilizava o computador? E o celular? 4.Vocês sabem o nome desses recursos? 5.Qual a importância desses recursos? No que eles favorecem a inclusão social e educacional da pessoa com Deficiência? Por quê? 6.Vocês, em algum momento, já ouviram falar sobre Tecnologias Assistivas (TAs)? 7.O que vocês compreenderam sobre o termo “Tecnologias Assistivas” (TAs),como abordado no vídeo?É importante que o professor estimule a participação de todos os alunos, para que eles dêem suasopiniões acerca do tema da aula, bem como para que possam esclarecer as possíveis dúvidas.Atividade 1Dando prosseguimento à aula, o professor deverá pedir para que os alunos se organizem em gruposde quatro integrantes e façam pesquisas na internet sobre Tecnologias Assistivas, sobre um dostemas listados abaixo.Sugerimos que as duplas façam pesquisas sobre um dos temas propostosacima. Contudo, os temas poderão ser trabalhados por mais de uma dupla.Temas para pesquisa: 1.Tecnologias Assistivas (TAs): o que são, quais os tipos existentes etc. 2.Recursos de TAs para auxílio na vida Diária: o que são, para que servem, quais os tipos existentes etc. 3.Recursos de TAs para o uso do computador: o que são, para que servem, quais os tipos existentes etc. 4.Recursos de Comunicação Alternativa: o que são, para que servem, quais os tipos existentes etc. 5.Recursos de Órteses e Próteses: o que são, para que servem, quais os tipos existentes etc. 6.Recursos de auxílios de mobilidade: o que são, para que servem, quais os tipos existentes etc. 7.Adaptações em veículos para pessoas com deficiência: o que são, para que servem, quais os tipos existentes etc. 8.Adaptações em recursos pedagógicos: o que são, para que servem, quais os tipos existentes etc.
  12. 12. Para a realização desta atividade, sugerimos abaixo uma lista de sites.Sites para a pesquisa:http://www.assistiva.com.br/#categoriashttp://www.assistiva.org.brhttp://www.bengalalegal.com/tecnol-a.phhttp://www.clik.com.br/http://www.tecnologia-assistiva.org.br/http://www.assistiva.com.br/Além da internet, os alunos poderão utilizar outras fontes de informações, tais como: dicionário,livros didático, jornais e revistas providenciados pelo professor.Observação:Para esta atividade sugerimos que cada grupo utilize dois computadores; desta forma, dois alunospor computador. Além disso, os alunos deverão pesquisar imagens acerca do tema trabalhado, paraque, em um outro momento da aula, possam elaborar murais.Feitas as pesquisas – que não deverão ultrapassar vinte minutos -, o professor deverá propor que osgrupos apresentem,oralmente, para os demais alunos os resultados de suas pesquisas.É importante que o professor acompanhe atentamente este momento, de forma a intervir em casosde conceitos errôneos ou preconceituosos sejam apresentados, e para esclarecer dúvidas que possamsurgir. Além disso, o professor poderá fazer algumas perguntas aos grupos, conforme roteirodisponível abaixo.Roteiro de Discussão: 1.Na opinião de vocês, quais os recursos pesquisados são mais interessantes? Por quê? 2.Em algum momento vocês imaginaram que esses recursos proporcionariam facilidades para a vida de uma pessoa com Deficiência? 3.O que são Tecnologias Assistivas? Dêem exemplos. 4.As Tecnologias Assistivas podem auxiliar um aluno com Deficiência em sala de aula? Por quê? 5.Com a utilização das Tecnologias Assistivas, os alunos com Deficiência podem desenvolver atividades escolares com mais facilidade? Por quê? 6.Vocês já imaginaram como esses recursos podem ser elaborados?Atividade 2Neste momento, cada grupo assistirá um vídeo que ensina como construir um Recurso deTecnologia Assistiva. Para isto, o professor deverá orientar os alunos, de forma que cada grupoescolha um dos temas, e seu respectivo vídeo, disponíveis abaixo.Temas de recursos de Tecnologias Assistivas e Link do Vídeo:Tema 1: Recurso que auxiliam pessoas com baixa Visão a utilizar o computadorOs grupos que escolheram o Tema 1, deverão assistir ao Vídeo: “Teclado Adaptado”, com duraçãode 01 minuto e 15 segundos, conforme link abaixo.http://www.youtube.com/watch?v=ABn1oTFi8ioTema 2: Recurso que auxiliam pessoas com dificuldade de coordenação motora a escrever
  13. 13. Os grupos que escolheram o Tema 2, deverão assistir ao Vídeo “Engrossador de lápis”, comduração de 01 minuto e 15 segundos, conforme link abaixo.http://www.youtube.com/watch?v=JzoXeBsJ1V8Tema 3: Recursos que são utilizados na Comunicação AlternativaOs grupos que escolheram o Tema 3, deverão assistir ao Vídeo “Comunicação Alternativa” (Fig.5), com duração de 01 minuto e 16 segundos, conforme link abaixo.http://www.youtube.com/watch?v=UdADUkm-qaITema 4: Materiais escolares adaptadosOs grupos que escolheram o Tema 4, deverão assistir ao Vídeo “Materiais Adaptados” (Fig.6), com duração de 01 minuto e 11 segundos, conforme link abaixo.http://www.youtube.com/watch?v=l2qbZlxZYVgQuando todos os grupos terminarem de assistir aos seus respectivos vídeos, o professordeverá pedir para que cada grupo apresente um rápido relato do vídeo – que tipo de recurso de TAfoi construído e qual a sua finalidade.Atividade 3Dando continuidade a atividade anterior, o professor deverá pedir que cada grupo confeccione osrecursos de TAs, como apresentados no vídeo em que assistiram. O professor poderá distribuir umatabela (conforme postada abaixo) para os grupos, a qual contém a descrição da atividade que deveráser feita por estes.Observação:Para desenvolvimento desta atividade, o professor deverá disponibilizar os materiais necessáriospara a construção dos recursos de TAs ou pedir que cada grupo traga de casa os mesmos. Alémdisso, o professor deverá imprimir a tabela para que os alunos possam ter uma autonomia sobre osmateriais que deverão ser utilizados.É importante que o professor auxilie os alunos em todos os momentos da confecção dos recursos,de forma a esclarecer dúvidas, orientá-los etc.Finalizada a elaboração dos recursos, cada grupo, por meio do roteiro de apresentação do recurso -o qual se encontra disponível abaixo -, deverão apresentar este para toda a classe.Roteiro de Apresentação: 1.Nome do recurso; 2.Finalidade do recurso; 3.Por quem ele pode ser utilizado; 4.Quais os materiais necessários para a sua elaboração; 5.Relatar quais os locais, em que podemos adquirir estes materiais; 6.Relatar se foi difícil elaborar este recurso de Tecnologia Assistiva; 7.Demonstrar a utilização do respectivo recurso de Tecnologia Assistiva elaborado.Feitas as apresentações de todos os grupos, o professor deverá fazer o seguinte questionamento paraa classe:−Vocês acham que as Tecnologias Assistivas são importantes?
  14. 14. −O que elas representam para o aluno com deficiência?Neste momento, é muito importante que os alunos tenham compreendido que o recurso deTecnologias Assistivas assegura a inserção da pessoa com deficiência na sociedade doconhecimento, bem como possibilitam e ampliam as habilidades desta pessoa para que ela possarealizar as atividades de sua vida cotidiana com maior autonomia.Finalizando a aula, o professor deverá pedir para que os alunos elaborem uma feira denominada“Conhecendo as Tecnologias Assistivas”. Esta feira deverá conter murais (Fig.7).Estes muraisdeverão conter os seguintes quesitos:Quesitos para o Mural: 1.A Definição de Tecnologias Assistivas; 2.Exemplos de recursos de Tecnologias Assistivas; 3.Material Confeccionado pelo grupo na atividade 3.Observação:É fundamental que a feira seja realizada em um local que seja acessado pelos alunos e funcionáriosda escola. Desta forma, todos poderão obter o conhecimento sobre as Tecnologias Assistivas.Recursos ComplementaresOs links abaixo se referem ao conceito de Tecnologias Assistivas:http://aprenderincluindo.blogspot.com/http://www.assistiva.org.br/http://www.bengalalegal.com/tecnol-a.phphttp://www.clik.com.br/http://www.tecnologia-assistiva.org.br/http://www.acessibilidadelegal.com/30-assistivas.phpAvaliaçãoA avaliação deverá ocorrer em todos os momentos da aula. É importante que o professor perceba aofinal das aulas se os alunos compreenderam o valor das Tecnologias Assistivas para a vida dapessoa com Deficiência, bem como a sua importância para a vida escolar, social e pessoal destaspessoas. Além disso, o professor deverá avaliar como cada aluno desempenhou as atividades nodecorrer da aula buscando desta maneira verificar se o aluno compreendeu todos os conceitosabordados.

×