OS VERMES: TRÊS DIFERENTES 
FILOS 
PLATELMINTOS NEMÁTODOS ANELÍDEOS
Filo Platelmintos 
 São vermes achatados, alongados, em forma 
de lâminas ou fitas; são triblásticos; 
acelomados; tubo d...
Turbelários 
 São de vida livre; 
 Adaptados a vida 
aquática; 
 Possui órgão sensoriais 
quimiorreceptores; 
 Dois oc...
Tremátodos 
 São vermes parasitas; 
 Parasitam órgãos viscerais 
( como fígado, pâncreas e 
intestino) de bois, 
carneir...
Céstodes 
 São as tênis ou solitárias; 
 São parasitas, na fase de larvas se 
alojam na musculatura, nas vísceras 
e no ...
Filo Nemátodos 
 São vermes filamentares; 
 Possui tubo digestório completo ( 
sistema de mão única) 
 São pseudoceloma...
Filo Anelídeos 
 São os únicos vermes 
celomados, com 
inúmeros segmentos 
iguais; 
 Possui sistema 
circulatório fechad...
Os vermes
Os vermes
Os vermes
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Os vermes

718 visualizações

Publicada em

Vermes: os três diferentes filos.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
718
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
176
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os vermes

  1. 1. OS VERMES: TRÊS DIFERENTES FILOS PLATELMINTOS NEMÁTODOS ANELÍDEOS
  2. 2. Filo Platelmintos  São vermes achatados, alongados, em forma de lâminas ou fitas; são triblásticos; acelomados; tubo digestório incompleto;  Células-flama _ formam canalículos com feixes de cílios, cujo batimentos permite-lhes expelir excretas solúveis.  Neste filo existe 3 classes:  Turbelários; tremátodos e Céstodes.
  3. 3. Turbelários  São de vida livre;  Adaptados a vida aquática;  Possui órgão sensoriais quimiorreceptores;  Dois ocelos, capaz de perceber a direção incidência da luz.  Possui capacidade de regeneração
  4. 4. Tremátodos  São vermes parasitas;  Parasitam órgãos viscerais ( como fígado, pâncreas e intestino) de bois, carneiros e até peixes. O mais importante parasita humano é o esquistossomo, que causa a verminose chamada popularmente de barriga-d’ água;  Tubo digestório incompleto e ventosas para fixação.
  5. 5. Céstodes  São as tênis ou solitárias;  São parasitas, na fase de larvas se alojam na musculatura, nas vísceras e no sistema nervoso de vários hospedeiros, como mamíferos e peixes; na fase adulta, vivem na luz intestinal;  Não apresenta sistema digestório;  O corpo é uma longa fita achatada que pode atingir metros de comprimentos;  Cabeça ou escólex pequena, com 4 ventosas, apartir dela se desenvolve um grande nº de até milhares de proglotes ou segmentos ( 0,5).  Capacidade de regeneração
  6. 6. Filo Nemátodos  São vermes filamentares;  Possui tubo digestório completo ( sistema de mão única)  São pseudocelomados;  Vivem em ambientes aquáticos e no solo;  Podem sem microscópicos ou atingir metros de comprimentos;  Algumas espécies são parasitas de plantas; outras parasitam diversos animais, insetos, moluscos e vertebrados;  Verminoses humanas: ancilóstomos, e as grandes lombrigas.  Se reproduzem de forma assexuada ( sexos separados).
  7. 7. Filo Anelídeos  São os únicos vermes celomados, com inúmeros segmentos iguais;  Possui sistema circulatório fechado;  Presença de hemoglobina;  Classe oligoquetos  Classe poliquetos  Classe hirudíneos

×