O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Os Fantásticos da Natureza - As memórias do Tejo

56 visualizações

Publicada em

A Banda Desenhada "As memórias do Tejo" retrata uma história que decorre no Parque Natural do Tejo Internacional.
Esta BD, destinada a crianças e jovens do primeiro e segundo ciclo do ensino básico, integra os materiais pedagógicos elaborados pelo projeto «Fantásticos da Natureza», promovido pela QUERCUS e financiado pelo POSEUR e pela União Europeia, no âmbito da operação POSEUR-03-2215-FC-000019.

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Os Fantásticos da Natureza - As memórias do Tejo

  1. 1. UMA AVENTURA NO PARQUE NATURAL DO TEJO INTERNACIONAL As Memórias do Tejo
  2. 2. Super Negral Super Negral é o protetor dos habitats. Quando toca a sua gaita-de-foles, a musica protege todo o habitat. Flora Flora é a protetora das plantas. Consegue comunicar com as plantas e tem o poder de fazer cescer todas as plantas. Capitão Mundo O Capitão Mundo tem o poder da sensibilização ambiental. Tem o poder de semear ideias que protegem o mundo. Amaralis Amaralis é a protetora da fauna. Com a flor encantada, tem o poder de curar todos os seres vivos ao seu redor.
  3. 3. Monsanto Construída no entre as rochas, Monsanto é conhecida como a aldeia mais portuguesa de Portugal. UMA AVENTURA NO PARQUE NATURAL DO TEJO INTERNACIONAL As Memórias do Tejo
  4. 4. O Parque Natural do Tejo Internacional abrange o vale do troço fronteiriço do rio Tejo, vales confinantes e áreas aplanadas adjacentes. Cobre uma superfície de 26. 484 ha e estende-se por território pertencente aos concelhos de Castelo Branco, Idanha-a-Nova e Vila Velha de Ródão.
  5. 5. Estás perdido pequenote? Não encontro os meus pais. Olá Mundo! Olá Amaralis! Esta cria de Cegonha-Preta está perdida dos pais. Vamos procurar nas margens do rio Erges… Lá existem várias espécies de aves.
  6. 6. Em Idanha-a-Velha. Este lugar parece tão antigo! Idanha- a-Velha foi em tempos uma importante cidade romana chamada Egitânea.
  7. 7. Muralha Romana. Sé Catedral e ruínas Romanas. Tem diversos monumentos de épocas distintas.
  8. 8. Torre Templária, construída sobre um fórum Romano. Pelourinho e Igreja Matriz.
  9. 9. O grupo avista o Rio Erges. Mais à frente, em Salvaterra de Extremos há uma torre que servia para vigiar a fronteira, a Torre da Atalaia. O Rio Erges divide a fronteira entre Portugal e Espanha.
  10. 10. Canhão Fluvial do Rio Erges. Grifos. Ao longo do Rio Erges há muitos antigos moinhos e azenhas. Estão ali algumas aves a pairar! São Grifos e Águias de Bonelli! São muito comuns nesta zona do Canhão Fluvial do Rio Erges.
  11. 11. Ponte Romana de Segura. Viram um casal de Cegonhas-Pretas por aqui? O casal de Cegonhas-Pretas seguiu em direção ao Rio Tejo. Foram para os Alares!
  12. 12. paisagem do marco geodésico do Cabeço do Alto.
  13. 13. marco geodésico do Cabeço do Alto. O grupo entra num montado de Sobreiros. Olá Amigos! Quem é o pequenote? É uma Cegonha Preta e está perdido dos pais. Vamos ajudá-lo a encontrar a família dele. Também quero ajudar. Vou com vocês.
  14. 14. ...javalis... ...e veados. No montado podemos ver... Olá Negral! Andamos à procura do Observatório dos Alares. Olá Malta! Conheço este habitat como ninguém. Sigam-me!
  15. 15. Negral guia os seus amigos pelo montado.
  16. 16. Observatório dos alares. Encontrei os meus pais!
  17. 17. O habitat da Cegonha-Preta é cada vez mais escasso e há cada vez menos espécimes. O seu último refúgio são as escarpas do Rio Tejo. Grupo dos fantásticos decide ajudar mais uma vez! Obrigado por trazerem o nosso filhote de volta!
  18. 18. Flora fez crescer mais sobreiros e outras plantas características dos montados.
  19. 19. Mundo promoveu junto das pessoas, ideias de proteção para todas as espécies em perigo.
  20. 20. Amaralis reforçou a saúde de todas as aves dos Alares.
  21. 21. FIM Super Negral tocou uma melodia para proteger todos os habitats do Parque Natural do Tejo Internacional.
  22. 22. texto: Juliano Silva maquete: João paulo Silva arte: Dorota K. propriedade: QUERCUS tiragem: 150 exemplares

×