O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Embrapa parte 1 de 2

15 visualizações

Publicada em

II SSPI Day - Embrapa parte 1

Publicada em: Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Embrapa parte 1 de 2

  1. 1. INTELIGÊNCIA E MONITORAMENTO TERRITORIAL ESTRATÉGICO HILTON LUÍS FERRAZ DA SILVEIRA ANALISTA DE GEOPROCESSAMENTO DA EMBRAPA TERRITORIAL RIO DE JANEIRO, 29 DE NOVEMBRO DE 2018
  2. 2. 1990
  3. 3. 2000
  4. 4. Luís Eduardo Magalhães 2010
  5. 5. 2015 Luís Eduardo Magalhães Taguatinga Aurora do Norte
  6. 6. MONITORAMENTO POR SATÉLITE DO AGRO EVOLUÇÃO EM 30 ANOS • De sistemas públicos para privados • De um país para dezenas de operadores • De 200 m para 30 cm de resolução (imagens) • Do multiespectral para o hiperespectral • De 1 sistema (Landsat) para centenas • De 2 imagens por mês para varias por dia • Do dado guardado para o dado compartilhado • Da falta de informação para o Data Deluge • Do bigdata ao rightdata
  7. 7. OBJETIVO: ANALISAR, COM FOCO, OS DADOS FINALIDADE: RESOLVER PROBLEMAS
  8. 8. OCUPAÇÃO DAS TERRAS NO BRASIL ATRIBUIÇÃO DAS TERRAS NO BRASIL USO DAS TERRAS NO BRASIL A INTELIGÊNCIA TERRITORIAL TRABALHA COM TRÊS CONCEITOS INSEPARÁVEIS E INCONFUNDÍVEIS
  9. 9. ATRIBUIÇÃO DAS TERRAS NO BRASIL
  10. 10. BRASIL ÁREA TERRITORIAL OFICIAL (IBGE, 2016) 851.576.705 ha
  11. 11. ÁREAS LEGALMENTE ATRIBUÍDAS E A FAIXA DE FRONTEIRA FAIXA DE FRONTEIRA TERRESTRE DE 150 KM ASSENTIMENTO PRÉVIO Fronteira seca ou Fronteira úmida? Com ou sem floresta? Identificação de vias de acesso terrestre. Defesa Animal e Vegetal.
  12. 12. OCUPAÇÃO DAS TERRAS NO BRASIL
  13. 13. OCUPAÇÃO DAS TERRAS NO BRASIL • DIVERSAS CATEGORIAS DE OCUPAÇÃO – COMPLEXOS INDUSTRIAIS URBANOS – COMPLEXOS ENERGÉTICOS MINERADORES – INFRAESTRUTURA VIÁRIA E SEUS MODAIS – SUPERFÍCIES HÍDRICAS NATURAIS E ARTIFICIAIS – TERRITÓRIOS NÃO OCUPADOS (TERRAS DEVOLUTAS) – AGRICULTURA LATU SENSU (50%) • DUAS REALIDADES NAS TERRAS AGRÍCOLAS – NÃO USO (CÓDIGO FLORESTAL E SISTEMA PRODUÇÃO) • VEGETAÇÃO PRESERVADA (APP + RL) • VEGETAÇÃO EXCEDENTE – USO (TÉCNICAS E TECNOLOGIAS) • PASTAGENS NATIVAS E PLANTADAS • LAVOURAS ANUAIS E PERENES • FLORESTAS PLANTADAS
  14. 14. USO DAS TERRAS NO BRASIL
  15. 15. CADASTRO AMBIENTAL RURAL – CAR BRASIL: 5 METROS (SATÉLITE) – SÃO PAULO: 1 METRO (ORTOFOTO)
  16. 16. Fontes: Boletim do CAR Fev/2018 - http://www.florestal.gov.br/documentos/car/boletim-do-car/3510-boletim-informativo-car-fevereiro-2018 Censo 2006 - http://www2.sidra.ibge.gov.br/bda/tabela/listabl.asp?z=t&o=11&i=P&c=1244 REGIÕES E PAÍS NÚMERO DE ESTABELECIMENTOS AGROPECUÁRIOS EM 2006 (CENSO 2006) IMÓVEIS CADASTRADOS NO CAR EM FEVEREIRO DE 2018 (SOMA DO SICAR, SISTEMAS DO ES, MS SP E ASSENTAMENTOS) EVOLUÇÃO ENTRE 2006 E 2018 EM % BRASIL 5.175.636 4.845.204 93,6 NÚMERO E ÁREA DOS IMÓVEIS NO SICAR (02/2018) REGIÕES E PAÍS ÁREA DOS ESTABELECIMENTOS AGROPECUÁRIOS (HECTARES) EM 2006 (CENSO 2006) ÁREA CADASTRADA NO CAR EM HECTARES EM FEVEREIRO/2018 (SOMA DO SICAR, SISTEMAS DO ES, MS SP E ASSENTAMENTOS) EVOLUÇÃO ENTRE 2006 E 2018 EM % BRASIL 333.680.037 436.841.622 130,9
  17. 17. ESTADO DE SÃO PAULO 1:50.000
  18. 18. ESTADO DE SÃO PAULO – 1:150.000
  19. 19. ESTADO DE SÃO PAULO – 1:350.000
  20. 20. ESTADO DE SÃO PAULO – 1:700.000
  21. 21. 21 SÃO PAULO: ÁREAS DEDICADAS À PRESERVAÇÃO NOS IMÓVEIS RURAIS 21 3.986.115 ha 22% dos imóveis rurais 17% do Estado de São Paulo (SICAR, 2018)
  22. 22. + de 430 MILHÕES/ha * 51 % DO BRASIL* BRASIL: ÁREAS DEDICADAS À PRESERVAÇÃO NOS IMÓVEIS RURAIS *Atualização em curso e conclusão prevista para junho/2018
  23. 23. + de 217 MILHÕES/ha * 50,0 % DOS IMÓVEIS RURAIS* 25,6 % DO BRASIL* BRASIL: ÁREAS DEDICADAS À PRESERVAÇÃO NOS IMÓVEIS RURAIS *Atualização em curso e conclusão prevista para junho/2018
  24. 24. TOTAL DE ÁREAS PROTEGIDAS E PRESERVADAS NO BRASIL 49,8% DO BRASIL 423.439.733 ha
  25. 25. 66,3% DO BRASIL 631.758.477 HA ÁREAS DEDICADAS À PRESERVAÇÃO E PROTEÇÃO DA VEGETAÇÃO NATIVA E ÁREAS OUTRAS (DEVOLUTAS, MILITARES...)
  26. 26. ÁREAS DESTINADAS À PRESERVAÇÃO DA VEGETAÇÃO NOS IMÓVEIS RURAIS 25,6% UsoAgropecuário UNIDADES DE CONSERVAÇÃO INTEGRAL 10,4% OCUPAÇÃO E USO DAS TERRAS NO BRASIL (02/2018) PASTAGENS NATIVAS 8,0% PASTAGENS PLANTADAS 13,2% Fontes: SFB; SICAR, EMBRAPA; IBGE; MMA; FUNAI; DNIT; ANA; MPOG. INFRA ESTRUTURAS E OUTROS 3,5% LAVOURAS 7,8% FLORESTAS PLANTADAS 1,2% TERRAS INDÍGENAS 13,8% ÁreadestinadaàVegetação ProtegidaePreservada VEGETAÇÃO NATIVA EM TERRAS DEVOLUTAS E NÃO CADASTRADAS 16,5%
  27. 27. O MUNDO RURAL BRASILEIRO É DINÂMICO! COMO ACOMPANHAR ESTAS MUDANÇAS?
  28. 28. INTEGRAÇÃO LAVOURA – PECUÁRIA – FLORESTA (ILPF) Imagem do satélite GeoEye de áreas com ILPF em Tomé-Açu, PA.
  29. 29. ÁREAS DESTINADAS À PRESERVAÇÃO DA VEGETAÇÃO NOS IMÓVEIS RURAIS 25,6% UsoAgropecuário UNIDADES DE CONSERVAÇÃO INTEGRAL 10,4% OCUPAÇÃO E USO DAS TERRAS NO BRASIL (02/2018) PASTAGENS NATIVAS 8,0% PASTAGENS PLANTADAS 13,2% Fontes: SFB; SICAR, EMBRAPA; IBGE; MMA; FUNAI; DNIT; ANA; MPOG. INFRA ESTRUTURAS E OUTROS 3,5% LAVOURAS 7,8% FLORESTAS PLANTADAS 1,2% TERRAS INDÍGENAS 13,8% ÁreadestinadaàVegetação ProtegidaePreservada VEGETAÇÃO NATIVA EM TERRAS DEVOLUTAS E NÃO CADASTRADAS 16,5% ILP 2%
  30. 30. AGRICULTURA E LOGÍSTICA
  31. 31. EXPANSÃO AGRÍCOLA A PARTIR DOS ANOS 1960 EXPANSÃO DA FRONTEIRA AGRÍCOLA NO BRASIL 1 – DE 1960 A 1975 2 – DE 1975 A 1990 3 – DE 1990 ATÉ 2014
  32. 32. Fonte: Souza et al (2006) IV Encontro de Agronegócios – Tecnologia, Mercado e Gestão , Roraima, maio de 2014 EVOLUÇÃO E EXPANSÃO DA SOJA NO BRASIL 1960
  33. 33. Fonte: Souza et al (2006) IV Encontro de Agronegócios – Tecnologia, Mercado e Gestão , Roraima, maio de 2014 EVOLUÇÃO E EXPANSÃO DA SOJA NO BRASIL 1975
  34. 34. Fonte: Souza et al (2006) IV Encontro de Agronegócios – Tecnologia, Mercado e Gestão , Roraima, maio de 2014 EVOLUÇÃO E EXPANSÃO DA SOJA NO BRASIL 1980
  35. 35. Fonte: Souza et al (2006) IV Encontro de Agronegócios – Tecnologia, Mercado e Gestão , Roraima, maio de 2014 EVOLUÇÃO E EXPANSÃO DA SOJA NO BRASIL 2000
  36. 36. Fonte: Souza et al (2006) IV Encontro de Agronegócios – Tecnologia, Mercado e Gestão , Roraima, maio de 2014 EVOLUÇÃO E EXPANSÃO DA SOJA NO BRASIL 2016
  37. 37. FIM DA PRIMERA PARTE, CONTINUA NA SEGUNDA PARTE...

×