Primeiro Reinado e Regências

1.006 visualizações

Publicada em

Apresentação sobre o processo de independência do Brasil

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.006
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Primeiro Reinado e Regências

  1. 1. 1º. Reinado1º. Reinado 1822 - 18311822 - 1831
  2. 2. CaracterísticasCaracterísticas GeraisGerais Independência feita pelasIndependência feita pelas Classes DominantesClasses Dominantes (Aristocracia Rural)(Aristocracia Rural)  Independência feita por umIndependência feita por um líder metropolitanolíder metropolitano  Mantém-se a Estrutura deMantém-se a Estrutura de Propriedade e doPropriedade e do EscravismoEscravismo  Povo longe da estruturaPovo longe da estrutura políticapolítica  Economia dependente eEconomia dependente e voltada para um Mercadovoltada para um Mercado ExternoExterno  Mantém-se a MonarquiaMantém-se a Monarquia
  3. 3. Política InternaPolítica Interna Rebeliões contra IndependênciaRebeliões contra Independência Resistência a Independência:Resistência a Independência:  Bahia, Piauí, Maranhão,Bahia, Piauí, Maranhão, Grão-Pará e CisplatinaGrão-Pará e Cisplatina XX Ação do Governo:Ação do Governo:  Estrangeiros + milícias (civis)Estrangeiros + milícias (civis) + Populares+ Populares  Mercenários InglesesMercenários Ingleses  Lorde Cochrane e John GrenfellLorde Cochrane e John Grenfell
  4. 4. Política InternaPolítica Interna Assembléia ConstituinteAssembléia Constituinte (1823)(1823) Partidos:Partidos: Português:Português:  Funcionários PúblicosFuncionários Públicos  Antigo Exército portuguêsAntigo Exército português  Comerciantes PortuguesesComerciantes Portugueses Brasileiro:Brasileiro:  Aristocracia RuralAristocracia Rural  Hegemonia sobreHegemonia sobre portuguesesportugueses  Ala aristocrática vence a alaAla aristocrática vence a ala democrática dentro dodemocrática dentro do partidopartido
  5. 5. Política InternaPolítica Interna Constituição da Mandioca:Constituição da Mandioca:  Monarquia Representativa HereditáriaMonarquia Representativa Hereditária  03 poderes03 poderes  Legislativo, Executivo,Legislativo, Executivo, JudiciárioJudiciário  Senado Vitalício + Câmara DeputadosSenado Vitalício + Câmara Deputados (Assembléia Geral)(Assembléia Geral)  Imperador não pode dissolver aImperador não pode dissolver a Assembléia GeralAssembléia Geral  Eleitores: Voto Censitário:Eleitores: Voto Censitário: # 150 alqueires de Farinha de Mandioca# 150 alqueires de Farinha de Mandioca (Paróquia)(Paróquia) # 250 alqueires de Farinha de Mandioca# 250 alqueires de Farinha de Mandioca (Província)(Província) # 500 alqueires de Farinha de Mandioca# 500 alqueires de Farinha de Mandioca (Deputados)(Deputados) # 1000 alqueires de Farinha de Mandioca# 1000 alqueires de Farinha de Mandioca (Senadores)(Senadores)  XenofobiaXenofobia  Poder maior para o LegislativoPoder maior para o Legislativo  Pedro I + Partido PortuguêsPedro I + Partido Português  Dissolução da AssembléiaDissolução da Assembléia ConstituinteConstituinte  12/11/1823: Noite da Agonia12/11/1823: Noite da Agonia  Prisão de Deputados e Desterro dosPrisão de Deputados e Desterro dos AndradasAndradas
  6. 6. Política InternaPolítica Interna Constituição de 1824:Constituição de 1824:  Outorgada (25/03/1824)Outorgada (25/03/1824)  Monarquia HereditáriaMonarquia Hereditária  04 Poderes: Legislativo,04 Poderes: Legislativo, Executivo, Judiciário eExecutivo, Judiciário e ModeradorModerador  Voto Censitário (RendaVoto Censitário (Renda Anual) e DescobertoAnual) e Descoberto  Eleições indiretas:Eleições indiretas: Paróquia e ProvínciaParóquia e Província  Centralização do PoderCentralização do Poder  Catolicismo como religiãoCatolicismo como religião oficialoficial  Domínio do Estado sobre aDomínio do Estado sobre a Igreja:Igreja: Padroado e BeneplácitoPadroado e Beneplácito
  7. 7. Política InternaPolítica Interna Confederação do Equador (1824)Confederação do Equador (1824) FatoresFatores  Imposição da Constituição deImposição da Constituição de 18241824 (Poder Moderador)(Poder Moderador)  Fechamento da AssembléiaFechamento da Assembléia ConstituinteConstituinte  Noite da AgoniaNoite da Agonia  Lembranças da RevoluçãoLembranças da Revolução Pernambucana (1817)Pernambucana (1817)  Idéias Liberais, Republicanas eIdéias Liberais, Republicanas e FederativasFederativas  Problemas Econômicos (crise doProblemas Econômicos (crise do açúcar e algodão)açúcar e algodão)
  8. 8. Política InternaPolítica Interna  Jornais:Jornais: Tifis Pernambucano (FreiTifis Pernambucano (Frei Caneca)Caneca) A Sentinela (Cipriano Barata)A Sentinela (Cipriano Barata)  Imperador nomeia novoImperador nomeia novo governador:governador: Francisco de Pais BarretoFrancisco de Pais Barreto XX Eleitores:Eleitores: Manuel Pais de AndradeManuel Pais de Andrade  Confederação do EquadorConfederação do Equador (02/07/1824):(02/07/1824): # Pais de Andrade# Pais de Andrade # Cipriano Barata# Cipriano Barata # Frei Caneca# Frei Caneca
  9. 9. Política InternaPolítica Interna  Idéias:Idéias: # República Federativa# República Federativa # Supremacia do Legislativo# Supremacia do Legislativo # Constituição da Colômbia# Constituição da Colômbia # Abolição do tráfico de Escravos# Abolição do tráfico de Escravos (rompimento com a aristocracia)(rompimento com a aristocracia)  Emissários para os Estados;Emissários para os Estados; aderem: PE, PB, RN, CEaderem: PE, PB, RN, CE  Brigadas PopularesBrigadas Populares  Mercenários Ingleses + TropasMercenários Ingleses + Tropas do Governo:do Governo: # Cochrane e Taylor# Cochrane e Taylor # Francisco de Lima e Silva# Francisco de Lima e Silva # Execução de Frei Joaquim do# Execução de Frei Joaquim do Amor Divino CanecaAmor Divino Caneca
  10. 10. Política ExternaPolítica Externa Reconhecimento daReconhecimento da Independência:Independência:  EUAEUA – Doutrina Monroe– Doutrina Monroe  PortugalPortugal – 2 milhões de– 2 milhões de Libras EsterlinasLibras Esterlinas  Inglaterra:Inglaterra: # Tratados com tarifas# Tratados com tarifas Preferenciais a ProdutosPreferenciais a Produtos Ingleses (15% Inglaterra –Ingleses (15% Inglaterra – 24% outros países)24% outros países) # Acordo extinguindo o# Acordo extinguindo o TráficoTráfico NegreiroNegreiro
  11. 11. Política ExternaPolítica Externa Questão de Chiquitos:Questão de Chiquitos:  (28/05/1825) Independência do(28/05/1825) Independência do Alto Peru (Bolívia)Alto Peru (Bolívia)  Província de Chiquitos se anexaProvíncia de Chiquitos se anexa ao Mato Grossoao Mato Grosso  Devolução para evitar conflitosDevolução para evitar conflitos externos com Sucre e Bolivarexternos com Sucre e Bolivar Independência daIndependência da Cisplatina:Cisplatina:  Incorporação da CisplatinaIncorporação da Cisplatina (31/06/1821)(31/06/1821)  19/04/1825: Juan Antônio19/04/1825: Juan Antônio Lavalleja (Libertação do Brasil)Lavalleja (Libertação do Brasil)  Argentina X BrasilArgentina X Brasil  Cisplatina: apoio InglêsCisplatina: apoio Inglês  República Oriental do UruguaiRepública Oriental do Uruguai (27/08/1828)(27/08/1828)
  12. 12. Crise do 1º.Crise do 1º. ReinadoReinadoCrise Econômica:Crise Econômica:  Açúcar e AlgodãoAçúcar e Algodão  ConcorrênciaConcorrência  Tratados comTratados com Privilégios para aPrivilégios para a InglaterraInglaterra  Gastos com oGastos com o Reconhecimento daReconhecimento da IndependênciaIndependência
  13. 13. Crise do 1º.Crise do 1º. ReinadoReinado Gastos com MercenáriosGastos com Mercenários Ingleses:Ingleses: # Rebeliões contra a# Rebeliões contra a IndependênciaIndependência # Confederação do Equador# Confederação do Equador # Independência Cisplatina# Independência Cisplatina # Trono Português# Trono Português  Falência do Banco doFalência do Banco do BrasilBrasil  Empréstimos com aEmpréstimos com a InglaterraInglaterra  Aumento da InflaçãoAumento da Inflação
  14. 14. Crise do 1º.Crise do 1º. ReinadoReinadoSucessão do TronoSucessão do Trono Português:Português:  10/03/1826: Morte de D.10/03/1826: Morte de D. João VIJoão VI  D. Pedro I – Abdica doD. Pedro I – Abdica do Trono Português em favorTrono Português em favor de sua filha: D. Maria dade sua filha: D. Maria da Glória (07 anos)Glória (07 anos)  D. Miguel – Rei de PortugalD. Miguel – Rei de Portugal  D. Pedro I em guerra com oD. Pedro I em guerra com o irmãoirmão (D. Miguel)(D. Miguel)  Gastos com a guerraGastos com a guerra  Críticas dos JornaisCríticas dos Jornais BrasileirosBrasileiros
  15. 15. Crise do 1º.Crise do 1º. ReinadoReinadoAssassinato de LíberoAssassinato de Líbero BadaróBadaró  D. Pedro é recebido emD. Pedro é recebido em MG com faixas de lutoMG com faixas de luto  Recepção para D. PedroRecepção para D. Pedro no RJ: Partidono RJ: Partido PortuguêsPortuguês  Ministério Brasileiro:Ministério Brasileiro: monarquia parlamentarmonarquia parlamentar fim do poder Moderadorfim do poder Moderador demissão em 01 mêsdemissão em 01 mês  Ministério dos MedalhõesMinistério dos Medalhões (Marqueses)(Marqueses)
  16. 16. Crise do 1º.Crise do 1º. ReinadoReinado  Noite das GarrafadasNoite das Garrafadas (13/03/1831)(13/03/1831) 3.000 entre mortos e3.000 entre mortos e feridosferidos  07/04/183107/04/1831 Abdicação de D. Pedro IAbdicação de D. Pedro I  Portugal: Trono PortuguêsPortugal: Trono Português (D. Pedro IV)(D. Pedro IV) “Usando do direito que a Constituição me concede, declaro que hei muito voluntariamente abdicado na pessoa de meu muito amado e prezado filho o Senhor D. Pedro de Alcântara. Boa Vista, sete de abril de mil oitocentos e trinta e um, décimo da Independência e do Império. D. Pedro"Para saber mais: http://www.algosobre.com.br/historia/primeiro-reinado-e-regencia-organizacao-do-estado-e-luta

×