SlideShare uma empresa Scribd logo
Depressão
O QUE É DEPRESSÃO?
Depressão é uma doença que se caracteriza por afetar
o estado de humor da pessoa, deixando-a com um
predomínio anormal de tristeza. Todas as pessoas,
homens e mulheres, de qualquer faixa etária, podem
ser atingidas, porém mulheres são duas vezes mais
afetadas que os homens. Em crianças e idosos a
doença tem características particulares, sendo a sua
ocorrência em ambos os grupos também frequente.
Depressão e Suicício
Os indivíduos com depressão
geralmente apresentam sintomas como:
* Tristeza constante
* Sentimento de culpa
* Perda de energia
* Ansiedade
* Irritabilidade
* Insônia
* Falta de apetite
* Tentativas de suicídio.
Estes sintomas duram longos períodos
de tempo.
Depressão e Suicício
A depressão pode ser classificada de acordo com a sua
causa e duração, assim como os sintomas que o paciente
apresenta. Assim, existem 9 tipos de depressão mais
comuns, que incluem:
* Depressão pós-parto
* Depressão major
* Depressão bipolar: caracteriza-se por mudanças
constantes no humor dos indivíduos, variando entre
depressão profunda e alegria excessiva.
* Depressão reativa: surge após um acontecimento
estressante, como morte de um familiar, e para o qual o
indivíduo não consegue reagir.
* Distimia
* Depressão atípica
* Distúrbio afetivo sazonal
* Síndrome pré-menstrual
* Depressão psicótica: além dos sintomas de depressão,
podem aparecer delírios e alucinações.
Depressão e Suicício
CAUSAS
Ao contrário do que normalmente se pensa, os fatores
psicológicos e sociais, muitas vezes, são
consequência e não causa da depressão. O estresse
pode precipitar a depressão em pessoas com
predisposição, provavelmente genética. O número de
casos da depressão é estimado em 19%
(aproximadamente uma em cada cinco pessoas no
mundo apresenta o problema em algum momento da
vida).
A depressão pode surgir em qualquer pessoa
independente do sexo, idade, condição social ou
econômica. A OMS estima que até 2030 a depressão
será a doença mais comum do mundo, afetando mais
pessoas do que câncer e doenças cardíacas.
• Neurotransmissores alterados
Taxas muito alteradas de determinados neurotransmissores, como
serotonina e noradrenalina.
• Fatores genéticos
Estudos mostram que se um dos pais tem depressão o risco do
filho sofrer dessa doença é três vezes maior.
• Mulheres sofrem mais
As mulheres têm o dobro de chance de vir a desenvolver o
distúrbio, por conta da instabilidade hormonal a que estão
sujeitas. Além disso, as mulheres estão mais sujeitas à ocorrência
de eventos estressantes, como o parto.
• Doenças crônicas
Vivenciar um estresse constante, sofrer com dores, debilitação ou
incapacitação física, medo de morrer e alterações no estilo de vida
são alguns dor problemas que um portador de doença crônica
sofre. Além disso, alguns medicamentos usados para doenças
crônicas, como o câncer, podem favorecer surgimento de sintomas
da depressão.
Traumas
Situações traumatizantes como sequestros, abuso sexual e violência
são pontos chave para o surgimento da depressão, principalmente
em pessoas que tenham antecedentes familiares da doença.
Eventos estressantes
Qualquer tipo de evento estressante pode desencadear depressão.
Muita pressão no trabalho, organizar um casamento, problemas
familiares, estresse com os estudos, divórcios e gravidez.
Medicamentos e seus efeitos colaterais
O médico deve perguntar sobre histórico de depressão da família ou
qualquer outro fator de risco antes de receitar um medicamento com
esse tipo de efeito colateral.
Abuso de álcool e outras drogas
O consumo de álcool e outras drogas como maconha ou cocaína são
importantes gatilhos para depressão. Essas drogas levam a uma
sensação de euforia e, após algumas horas, o organismo sofre uma
queda brusca de substâncias, o que explica porque a pessoa sente
uma profunda tristeza após o uso de drogas. Além disso, usar essas
drogas piora o quadro depressivo e a resposta ao tratamento da
depressão.
Depressão e Suicício
TRATAMENTO
O tratamento da depressão é essencialmente
medicamentoso. Ao contrário do que alguns temem,
essas medicações não são como drogas, que deixam a
pessoa eufórica e provocam vício. A terapia é simples e,
de modo geral, não incapacita ou entorpece o paciente.
Alguns pacientes precisam de tratamento de manutenção
ou preventivo, que pode levar anos ou a vida inteira, para
evitar o aparecimento de novos episódios de depressão. A
psicoterapia ajuda o paciente, mas não previne novos
episódios, nem cura a depressão.
Deve perseguir-se as causas da depressão e não os
sintomas.
Depressão e Suicício
Suicídio
A palavra suicídio foi utilizada pela primeira vez por
Desfontaines, em 1737 e significa morte
intencional autoinflingida, isto é, quando a pessoa,
por desejo de escapar de uma situação de
sofrimento intenso, decide tirar sua própria vida.
Dados atuais da OMS estipulam que cerca de 3.000
pessoas cometem suicídio por dia no mundo, o que
significa que a cada 30 segundos uma pessoa se
mata. Estima-se que para cada pessoa que
consegue se suicidar, 20 ou mais tentam sem
sucesso e que a maioria dos mais de 1,1 milhão de
suicídios a cada ano poderia ser prevista e evitada.
O suicídio é atualmente uma das três
principais causas de morte entre os jovens e
adultos de 15 a 34 anos, embora a maioria
dos casos aconteça entre pessoas de mais de
60 anos. Ainda conforme informações da
OMS, a média de suicídios aumentou 60% nos
últimos 50 anos, em particular nos países em
desenvolvimento. Cada suicídio ou tentativa
provoca uma devastação emocional entre
parentes e amigos, causando um impacto que
pode perdurar por muitos anos.
Depressão e Suicício
As tentativas de suicídio ou sua prática
efetiva envolvem sempre uma grande dose
de sofrimento, tensão, angústia e
desespero. Tais sentimentos podes ser
reais ou consequências de uma crise de
natureza afetiva ou conturbação mental.
Se vêm acompanhados do consumo de
drogas e de álcool, a ação é potencializada,
o que torna a atitude suicida praticamente
inevitável. O indivíduo pode ou não deixar
uma explicação de seu ato para familiares
e amigos, através de uma nota ou de uma
carta.
MOTIVOS
As pessoas podem tentar ou cometer suicídio por diversos motivos:
1. Numa tentativa de se livrarem de uma situação de extrema aflição,
para a qual acham que não há solução.
2. Por estarem num estado psicótico, isto é, fora da realidade.
3. Por se acharem perseguidas, sem alternativa de fuga.
4. Por se acharem deprimidas, achando que a vida não vale a pena.
5. Por terem uma doença física incurável e se acharem
desesperançados com sua situação.
6. Por serem portadores de um transtorno de personalidade e
atentarem contra a vida num impulso de raiva ou para chamar a
atenção.
Algumas causas do suicídio estão ligadas ao gênero sexual – as
mulheres normalmente tentam mais o suicídio que os homens,
embora estes morram mais por conta desta ação, justamente por
recorrerem a atos mais agressivos. Grande parte dos suicidas está na
faixa dos 15 aos 44 anos, e doenças como câncer, epilepsia, AIDS
ou perturbações mentais são os maiores fatores de risco para
essas atitudes suicidas.
Depressão e Suicício
INDICADORES DE RISCO
O suicídio é algo que, em geral não pode ser previsto, mas
existem alguns sinais indicadores de risco, e eles são:
1. Tentativa anterior ou fantasias de suicídio
2. Disponibilidade de meios para o suicídio
3. Ideias de suicídio abertamente faladas
4. Preparação de um testamento
5. Luto pela perda de alguém próximo
6. História de suicídio na família
7. Pessimismo ou falta de esperança, entre outras.
Pessoas que apresentem tais indicadores devem ser
observadas mais atentamente. Entretanto não se pode ter
certeza alguma a respeito, pois a ideia de morrer pode mudar
na mente da pessoa, de um momento para outro.
Depressão e Suicício
Depressão e Suicício
Depressão e Suicício

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
Bárbara Thais
 
Depressão Infância e Adolescência
Depressão Infância e AdolescênciaDepressão Infância e Adolescência
Depressão Infância e Adolescência
Marcelo da Rocha Carvalho
 
Palestra Depressão e Ansiedade
Palestra Depressão e AnsiedadePalestra Depressão e Ansiedade
Palestra Depressão e Ansiedade
Renata Pimentel
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidadeSaúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
Aroldo Gavioli
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
Cristiane Thiel
 
Depressão palestra
Depressão   palestraDepressão   palestra
Depressão palestra
Isabel Teixeira
 
Saúde Mental
Saúde MentalSaúde Mental
Saúde Mental
Taianna Ribeiro
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
Miriam Gorender
 
Saúde Mental
Saúde MentalSaúde Mental
Saúde Mental
Andressa Macena
 
Transtorno de ansiedade
Transtorno de ansiedadeTranstorno de ansiedade
Transtorno de ansiedade
Fernanda Marinho
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Palestra Setembro Amarelo
Palestra Setembro AmareloPalestra Setembro Amarelo
Palestra Setembro Amarelo
Psicologia Conexão
 
Mitos e verdades - setembro amarelo
Mitos e verdades  -  setembro amareloMitos e verdades  -  setembro amarelo
Mitos e verdades - setembro amarelo
Ministério Público de Santa Catarina
 
Palestra sobre suicídio original
Palestra sobre suicídio originalPalestra sobre suicídio original
Palestra sobre suicídio original
Alinebrauna Brauna
 
Transtornos ansiosos na infância e adolescência
Transtornos ansiosos na infância e adolescênciaTranstornos ansiosos na infância e adolescência
Transtornos ansiosos na infância e adolescência
Cláudio Costa
 
Transtornos do humor
Transtornos do humorTranstornos do humor
Transtornos do humor
Aroldo Gavioli
 
TRANSTORNO BIPOLAR
TRANSTORNO BIPOLARTRANSTORNO BIPOLAR
TRANSTORNO BIPOLAR
Leticia Costa
 
Saúde mental e trabalho
Saúde mental e trabalhoSaúde mental e trabalho
Saúde mental e trabalho
Aroldo Gavioli
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
Marco Benetoli
 

Mais procurados (20)

Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
 
Depressão Infância e Adolescência
Depressão Infância e AdolescênciaDepressão Infância e Adolescência
Depressão Infância e Adolescência
 
Palestra Depressão e Ansiedade
Palestra Depressão e AnsiedadePalestra Depressão e Ansiedade
Palestra Depressão e Ansiedade
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidadeSaúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Depressão palestra
Depressão   palestraDepressão   palestra
Depressão palestra
 
Saúde Mental
Saúde MentalSaúde Mental
Saúde Mental
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
 
Saúde Mental
Saúde MentalSaúde Mental
Saúde Mental
 
Transtorno de ansiedade
Transtorno de ansiedadeTranstorno de ansiedade
Transtorno de ansiedade
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Palestra Setembro Amarelo
Palestra Setembro AmareloPalestra Setembro Amarelo
Palestra Setembro Amarelo
 
Mitos e verdades - setembro amarelo
Mitos e verdades  -  setembro amareloMitos e verdades  -  setembro amarelo
Mitos e verdades - setembro amarelo
 
Palestra sobre suicídio original
Palestra sobre suicídio originalPalestra sobre suicídio original
Palestra sobre suicídio original
 
Transtornos ansiosos na infância e adolescência
Transtornos ansiosos na infância e adolescênciaTranstornos ansiosos na infância e adolescência
Transtornos ansiosos na infância e adolescência
 
Transtornos do humor
Transtornos do humorTranstornos do humor
Transtornos do humor
 
TRANSTORNO BIPOLAR
TRANSTORNO BIPOLARTRANSTORNO BIPOLAR
TRANSTORNO BIPOLAR
 
Saúde mental e trabalho
Saúde mental e trabalhoSaúde mental e trabalho
Saúde mental e trabalho
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
 

Destaque

Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
Inês Lucas
 
Tristeza e depressão
Tristeza e depressãoTristeza e depressão
Tristeza e depressão
Marlon Reikdal
 
Um homem de Deus em depressão
Um homem de Deus em depressãoUm homem de Deus em depressão
Um homem de Deus em depressão
Moisés Sampaio
 
Cura espiritual da depressão
Cura espiritual da depressãoCura espiritual da depressão
Cura espiritual da depressão
Izabel Cristina Fonseca
 
Depressão - Marcelly e Marcilene
Depressão -  Marcelly e MarcileneDepressão -  Marcelly e Marcilene
Depressão - Marcelly e Marcilene
mahvieira
 
Depressão
Depressão Depressão
Depressão
Natália Lopes
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
Marina Carvalho
 
Vacina contra depressão
Vacina contra depressãoVacina contra depressão
Vacina contra depressão
Fórum Espírita
 
3 - Depressão - Tormentos da Alma.
3 - Depressão - Tormentos da Alma.3 - Depressão - Tormentos da Alma.
3 - Depressão - Tormentos da Alma.
JPS Junior
 
Por que algumas pessoas sofrem de depressão?
Por que algumas pessoas sofrem de depressão? Por que algumas pessoas sofrem de depressão?
Por que algumas pessoas sofrem de depressão?
João Marcos Professor Literatura
 
A depressao de elias
A depressao de eliasA depressao de elias
A depressao de elias
iceanapolis
 
I rs 19
I rs 19I rs 19
I rs 19
iceanapolis
 
Vença a Depressão
Vença a DepressãoVença a Depressão
Vença a Depressão
IBMemorialJC
 
Feira do conhecimento 2014 - DEPRESSÃO
Feira do conhecimento   2014 - DEPRESSÃOFeira do conhecimento   2014 - DEPRESSÃO
Feira do conhecimento 2014 - DEPRESSÃO
Rodrigo
 
+Amor.um pedido dosanimais
+Amor.um pedido dosanimais+Amor.um pedido dosanimais
+Amor.um pedido dosanimais
Fórum Espírita
 
A síndrome de Elias
A síndrome de EliasA síndrome de Elias
A síndrome de Elias
Celair Orlando
 
Depressão: Este Mal Pode Ter Fim
Depressão: Este Mal Pode Ter FimDepressão: Este Mal Pode Ter Fim
Depressão: Este Mal Pode Ter Fim
IBMemorialJC
 
DepressãO Infantil
DepressãO InfantilDepressãO Infantil
DepressãO Infantil
JOSE varreis
 
Aula depressao cícero mais médicos
Aula depressao cícero mais médicosAula depressao cícero mais médicos
Aula depressao cícero mais médicos
Tereza Paula
 
Onde Encontrar Descanso para a Vida?
Onde Encontrar Descanso para a Vida?Onde Encontrar Descanso para a Vida?
Onde Encontrar Descanso para a Vida?
IBMemorialJC
 

Destaque (20)

Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
 
Tristeza e depressão
Tristeza e depressãoTristeza e depressão
Tristeza e depressão
 
Um homem de Deus em depressão
Um homem de Deus em depressãoUm homem de Deus em depressão
Um homem de Deus em depressão
 
Cura espiritual da depressão
Cura espiritual da depressãoCura espiritual da depressão
Cura espiritual da depressão
 
Depressão - Marcelly e Marcilene
Depressão -  Marcelly e MarcileneDepressão -  Marcelly e Marcilene
Depressão - Marcelly e Marcilene
 
Depressão
Depressão Depressão
Depressão
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
 
Vacina contra depressão
Vacina contra depressãoVacina contra depressão
Vacina contra depressão
 
3 - Depressão - Tormentos da Alma.
3 - Depressão - Tormentos da Alma.3 - Depressão - Tormentos da Alma.
3 - Depressão - Tormentos da Alma.
 
Por que algumas pessoas sofrem de depressão?
Por que algumas pessoas sofrem de depressão? Por que algumas pessoas sofrem de depressão?
Por que algumas pessoas sofrem de depressão?
 
A depressao de elias
A depressao de eliasA depressao de elias
A depressao de elias
 
I rs 19
I rs 19I rs 19
I rs 19
 
Vença a Depressão
Vença a DepressãoVença a Depressão
Vença a Depressão
 
Feira do conhecimento 2014 - DEPRESSÃO
Feira do conhecimento   2014 - DEPRESSÃOFeira do conhecimento   2014 - DEPRESSÃO
Feira do conhecimento 2014 - DEPRESSÃO
 
+Amor.um pedido dosanimais
+Amor.um pedido dosanimais+Amor.um pedido dosanimais
+Amor.um pedido dosanimais
 
A síndrome de Elias
A síndrome de EliasA síndrome de Elias
A síndrome de Elias
 
Depressão: Este Mal Pode Ter Fim
Depressão: Este Mal Pode Ter FimDepressão: Este Mal Pode Ter Fim
Depressão: Este Mal Pode Ter Fim
 
DepressãO Infantil
DepressãO InfantilDepressãO Infantil
DepressãO Infantil
 
Aula depressao cícero mais médicos
Aula depressao cícero mais médicosAula depressao cícero mais médicos
Aula depressao cícero mais médicos
 
Onde Encontrar Descanso para a Vida?
Onde Encontrar Descanso para a Vida?Onde Encontrar Descanso para a Vida?
Onde Encontrar Descanso para a Vida?
 

Semelhante a Depressão e Suicício

PALESTRA PREVENÇÃO AO SUICÍDIO.pptxDDDDDDDDDDDDDD
PALESTRA PREVENÇÃO AO SUICÍDIO.pptxDDDDDDDDDDDDDDPALESTRA PREVENÇÃO AO SUICÍDIO.pptxDDDDDDDDDDDDDD
PALESTRA PREVENÇÃO AO SUICÍDIO.pptxDDDDDDDDDDDDDD
Levy932163
 
Não se mate você não morre
Não se mate você não morreNão se mate você não morre
Não se mate você não morre
Valter Luiz Matao Lemos
 
Setembro-Amarelo-Vamos-falar-sobre-suicídio.pptx
Setembro-Amarelo-Vamos-falar-sobre-suicídio.pptxSetembro-Amarelo-Vamos-falar-sobre-suicídio.pptx
Setembro-Amarelo-Vamos-falar-sobre-suicídio.pptx
Telma Lima
 
A depressao-e-uma-doenca-que-se-trata
A depressao-e-uma-doenca-que-se-trataA depressao-e-uma-doenca-que-se-trata
A depressao-e-uma-doenca-que-se-trata
Cosmo Palasio
 
DEPRESSãobgggggghjuytfyxfd\swae45rtyfghv
DEPRESSãobgggggghjuytfyxfd\swae45rtyfghvDEPRESSãobgggggghjuytfyxfd\swae45rtyfghv
DEPRESSãobgggggghjuytfyxfd\swae45rtyfghv
mhliraa2005
 
Psicopatologia do Envelhecimento.docx
Psicopatologia do Envelhecimento.docxPsicopatologia do Envelhecimento.docx
Psicopatologia do Envelhecimento.docx
PatriciaAiresCosta1
 
Apresentação soi
Apresentação   soiApresentação   soi
Apresentação soi
Janeide de Gois
 
COMO SUPERAR A DEPRESSÃO E A ANSIEDADE NA VIDA DAS PESSOAS NO MUNDO EM QUE VI...
COMO SUPERAR A DEPRESSÃO E A ANSIEDADE NA VIDA DAS PESSOAS NO MUNDO EM QUE VI...COMO SUPERAR A DEPRESSÃO E A ANSIEDADE NA VIDA DAS PESSOAS NO MUNDO EM QUE VI...
COMO SUPERAR A DEPRESSÃO E A ANSIEDADE NA VIDA DAS PESSOAS NO MUNDO EM QUE VI...
Faga1939
 
DEPRESSÃO palestra para autoconhecimento
DEPRESSÃO palestra para autoconhecimentoDEPRESSÃO palestra para autoconhecimento
DEPRESSÃO palestra para autoconhecimento
Nidia. Paula.
 
Trabalho sobre depressão
Trabalho sobre depressãoTrabalho sobre depressão
Trabalho sobre depressão
Eliete Santos
 
depressão em idosos grupo 4.docx
depressão em idosos grupo 4.docxdepressão em idosos grupo 4.docx
depressão em idosos grupo 4.docx
IsabelCristinaAlmeid5
 
Depressão palestra uniplac
Depressão   palestra uniplacDepressão   palestra uniplac
Depressão palestra uniplac
eduardo guagliardi
 
Cuidador de idoso_29
Cuidador de idoso_29Cuidador de idoso_29
Cuidador de idoso_29
Liberty Ensino
 
Suicídio: Atenção na Prevenção
Suicídio: Atenção na Prevenção   Suicídio: Atenção na Prevenção
Suicídio: Atenção na Prevenção
Luciana França Cescon
 
doenças mentais
doenças mentaisdoenças mentais
doenças mentais
Renata Fernandes
 
Depresao
DepresaoDepresao
Depresao
Isabel Teixeira
 
Transtornos Depressivos.pptx
Transtornos Depressivos.pptxTranstornos Depressivos.pptx
Transtornos Depressivos.pptx
Dani Danielle
 
Suicídio palestra cefa 7 dez 12
Suicídio   palestra cefa 7 dez 12Suicídio   palestra cefa 7 dez 12
Suicídio palestra cefa 7 dez 12
balsense
 
TRANSTORNO BIPOLAR E DE ANSIEDADE.
TRANSTORNO BIPOLAR E DE ANSIEDADE.TRANSTORNO BIPOLAR E DE ANSIEDADE.
TRANSTORNO BIPOLAR E DE ANSIEDADE.
Gustavo Malvestiti de Oliveira
 
Factos e mitos associados ao suicídio
Factos e mitos associados ao suicídioFactos e mitos associados ao suicídio
Factos e mitos associados ao suicídio
Oficina Psicologia
 

Semelhante a Depressão e Suicício (20)

PALESTRA PREVENÇÃO AO SUICÍDIO.pptxDDDDDDDDDDDDDD
PALESTRA PREVENÇÃO AO SUICÍDIO.pptxDDDDDDDDDDDDDDPALESTRA PREVENÇÃO AO SUICÍDIO.pptxDDDDDDDDDDDDDD
PALESTRA PREVENÇÃO AO SUICÍDIO.pptxDDDDDDDDDDDDDD
 
Não se mate você não morre
Não se mate você não morreNão se mate você não morre
Não se mate você não morre
 
Setembro-Amarelo-Vamos-falar-sobre-suicídio.pptx
Setembro-Amarelo-Vamos-falar-sobre-suicídio.pptxSetembro-Amarelo-Vamos-falar-sobre-suicídio.pptx
Setembro-Amarelo-Vamos-falar-sobre-suicídio.pptx
 
A depressao-e-uma-doenca-que-se-trata
A depressao-e-uma-doenca-que-se-trataA depressao-e-uma-doenca-que-se-trata
A depressao-e-uma-doenca-que-se-trata
 
DEPRESSãobgggggghjuytfyxfd\swae45rtyfghv
DEPRESSãobgggggghjuytfyxfd\swae45rtyfghvDEPRESSãobgggggghjuytfyxfd\swae45rtyfghv
DEPRESSãobgggggghjuytfyxfd\swae45rtyfghv
 
Psicopatologia do Envelhecimento.docx
Psicopatologia do Envelhecimento.docxPsicopatologia do Envelhecimento.docx
Psicopatologia do Envelhecimento.docx
 
Apresentação soi
Apresentação   soiApresentação   soi
Apresentação soi
 
COMO SUPERAR A DEPRESSÃO E A ANSIEDADE NA VIDA DAS PESSOAS NO MUNDO EM QUE VI...
COMO SUPERAR A DEPRESSÃO E A ANSIEDADE NA VIDA DAS PESSOAS NO MUNDO EM QUE VI...COMO SUPERAR A DEPRESSÃO E A ANSIEDADE NA VIDA DAS PESSOAS NO MUNDO EM QUE VI...
COMO SUPERAR A DEPRESSÃO E A ANSIEDADE NA VIDA DAS PESSOAS NO MUNDO EM QUE VI...
 
DEPRESSÃO palestra para autoconhecimento
DEPRESSÃO palestra para autoconhecimentoDEPRESSÃO palestra para autoconhecimento
DEPRESSÃO palestra para autoconhecimento
 
Trabalho sobre depressão
Trabalho sobre depressãoTrabalho sobre depressão
Trabalho sobre depressão
 
depressão em idosos grupo 4.docx
depressão em idosos grupo 4.docxdepressão em idosos grupo 4.docx
depressão em idosos grupo 4.docx
 
Depressão palestra uniplac
Depressão   palestra uniplacDepressão   palestra uniplac
Depressão palestra uniplac
 
Cuidador de idoso_29
Cuidador de idoso_29Cuidador de idoso_29
Cuidador de idoso_29
 
Suicídio: Atenção na Prevenção
Suicídio: Atenção na Prevenção   Suicídio: Atenção na Prevenção
Suicídio: Atenção na Prevenção
 
doenças mentais
doenças mentaisdoenças mentais
doenças mentais
 
Depresao
DepresaoDepresao
Depresao
 
Transtornos Depressivos.pptx
Transtornos Depressivos.pptxTranstornos Depressivos.pptx
Transtornos Depressivos.pptx
 
Suicídio palestra cefa 7 dez 12
Suicídio   palestra cefa 7 dez 12Suicídio   palestra cefa 7 dez 12
Suicídio palestra cefa 7 dez 12
 
TRANSTORNO BIPOLAR E DE ANSIEDADE.
TRANSTORNO BIPOLAR E DE ANSIEDADE.TRANSTORNO BIPOLAR E DE ANSIEDADE.
TRANSTORNO BIPOLAR E DE ANSIEDADE.
 
Factos e mitos associados ao suicídio
Factos e mitos associados ao suicídioFactos e mitos associados ao suicídio
Factos e mitos associados ao suicídio
 

Último

UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdfLivro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
CarolineSaback2
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
edusegtrab
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdfLivro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 

Depressão e Suicício

  • 2. O QUE É DEPRESSÃO? Depressão é uma doença que se caracteriza por afetar o estado de humor da pessoa, deixando-a com um predomínio anormal de tristeza. Todas as pessoas, homens e mulheres, de qualquer faixa etária, podem ser atingidas, porém mulheres são duas vezes mais afetadas que os homens. Em crianças e idosos a doença tem características particulares, sendo a sua ocorrência em ambos os grupos também frequente.
  • 4. Os indivíduos com depressão geralmente apresentam sintomas como: * Tristeza constante * Sentimento de culpa * Perda de energia * Ansiedade * Irritabilidade * Insônia * Falta de apetite * Tentativas de suicídio. Estes sintomas duram longos períodos de tempo.
  • 6. A depressão pode ser classificada de acordo com a sua causa e duração, assim como os sintomas que o paciente apresenta. Assim, existem 9 tipos de depressão mais comuns, que incluem: * Depressão pós-parto * Depressão major * Depressão bipolar: caracteriza-se por mudanças constantes no humor dos indivíduos, variando entre depressão profunda e alegria excessiva. * Depressão reativa: surge após um acontecimento estressante, como morte de um familiar, e para o qual o indivíduo não consegue reagir. * Distimia * Depressão atípica * Distúrbio afetivo sazonal * Síndrome pré-menstrual * Depressão psicótica: além dos sintomas de depressão, podem aparecer delírios e alucinações.
  • 8. CAUSAS Ao contrário do que normalmente se pensa, os fatores psicológicos e sociais, muitas vezes, são consequência e não causa da depressão. O estresse pode precipitar a depressão em pessoas com predisposição, provavelmente genética. O número de casos da depressão é estimado em 19% (aproximadamente uma em cada cinco pessoas no mundo apresenta o problema em algum momento da vida). A depressão pode surgir em qualquer pessoa independente do sexo, idade, condição social ou econômica. A OMS estima que até 2030 a depressão será a doença mais comum do mundo, afetando mais pessoas do que câncer e doenças cardíacas.
  • 9. • Neurotransmissores alterados Taxas muito alteradas de determinados neurotransmissores, como serotonina e noradrenalina. • Fatores genéticos Estudos mostram que se um dos pais tem depressão o risco do filho sofrer dessa doença é três vezes maior. • Mulheres sofrem mais As mulheres têm o dobro de chance de vir a desenvolver o distúrbio, por conta da instabilidade hormonal a que estão sujeitas. Além disso, as mulheres estão mais sujeitas à ocorrência de eventos estressantes, como o parto. • Doenças crônicas Vivenciar um estresse constante, sofrer com dores, debilitação ou incapacitação física, medo de morrer e alterações no estilo de vida são alguns dor problemas que um portador de doença crônica sofre. Além disso, alguns medicamentos usados para doenças crônicas, como o câncer, podem favorecer surgimento de sintomas da depressão.
  • 10. Traumas Situações traumatizantes como sequestros, abuso sexual e violência são pontos chave para o surgimento da depressão, principalmente em pessoas que tenham antecedentes familiares da doença. Eventos estressantes Qualquer tipo de evento estressante pode desencadear depressão. Muita pressão no trabalho, organizar um casamento, problemas familiares, estresse com os estudos, divórcios e gravidez. Medicamentos e seus efeitos colaterais O médico deve perguntar sobre histórico de depressão da família ou qualquer outro fator de risco antes de receitar um medicamento com esse tipo de efeito colateral. Abuso de álcool e outras drogas O consumo de álcool e outras drogas como maconha ou cocaína são importantes gatilhos para depressão. Essas drogas levam a uma sensação de euforia e, após algumas horas, o organismo sofre uma queda brusca de substâncias, o que explica porque a pessoa sente uma profunda tristeza após o uso de drogas. Além disso, usar essas drogas piora o quadro depressivo e a resposta ao tratamento da depressão.
  • 12. TRATAMENTO O tratamento da depressão é essencialmente medicamentoso. Ao contrário do que alguns temem, essas medicações não são como drogas, que deixam a pessoa eufórica e provocam vício. A terapia é simples e, de modo geral, não incapacita ou entorpece o paciente. Alguns pacientes precisam de tratamento de manutenção ou preventivo, que pode levar anos ou a vida inteira, para evitar o aparecimento de novos episódios de depressão. A psicoterapia ajuda o paciente, mas não previne novos episódios, nem cura a depressão. Deve perseguir-se as causas da depressão e não os sintomas.
  • 15. A palavra suicídio foi utilizada pela primeira vez por Desfontaines, em 1737 e significa morte intencional autoinflingida, isto é, quando a pessoa, por desejo de escapar de uma situação de sofrimento intenso, decide tirar sua própria vida. Dados atuais da OMS estipulam que cerca de 3.000 pessoas cometem suicídio por dia no mundo, o que significa que a cada 30 segundos uma pessoa se mata. Estima-se que para cada pessoa que consegue se suicidar, 20 ou mais tentam sem sucesso e que a maioria dos mais de 1,1 milhão de suicídios a cada ano poderia ser prevista e evitada.
  • 16. O suicídio é atualmente uma das três principais causas de morte entre os jovens e adultos de 15 a 34 anos, embora a maioria dos casos aconteça entre pessoas de mais de 60 anos. Ainda conforme informações da OMS, a média de suicídios aumentou 60% nos últimos 50 anos, em particular nos países em desenvolvimento. Cada suicídio ou tentativa provoca uma devastação emocional entre parentes e amigos, causando um impacto que pode perdurar por muitos anos.
  • 18. As tentativas de suicídio ou sua prática efetiva envolvem sempre uma grande dose de sofrimento, tensão, angústia e desespero. Tais sentimentos podes ser reais ou consequências de uma crise de natureza afetiva ou conturbação mental. Se vêm acompanhados do consumo de drogas e de álcool, a ação é potencializada, o que torna a atitude suicida praticamente inevitável. O indivíduo pode ou não deixar uma explicação de seu ato para familiares e amigos, através de uma nota ou de uma carta.
  • 19. MOTIVOS As pessoas podem tentar ou cometer suicídio por diversos motivos: 1. Numa tentativa de se livrarem de uma situação de extrema aflição, para a qual acham que não há solução. 2. Por estarem num estado psicótico, isto é, fora da realidade. 3. Por se acharem perseguidas, sem alternativa de fuga. 4. Por se acharem deprimidas, achando que a vida não vale a pena. 5. Por terem uma doença física incurável e se acharem desesperançados com sua situação. 6. Por serem portadores de um transtorno de personalidade e atentarem contra a vida num impulso de raiva ou para chamar a atenção. Algumas causas do suicídio estão ligadas ao gênero sexual – as mulheres normalmente tentam mais o suicídio que os homens, embora estes morram mais por conta desta ação, justamente por recorrerem a atos mais agressivos. Grande parte dos suicidas está na faixa dos 15 aos 44 anos, e doenças como câncer, epilepsia, AIDS ou perturbações mentais são os maiores fatores de risco para essas atitudes suicidas.
  • 21. INDICADORES DE RISCO O suicídio é algo que, em geral não pode ser previsto, mas existem alguns sinais indicadores de risco, e eles são: 1. Tentativa anterior ou fantasias de suicídio 2. Disponibilidade de meios para o suicídio 3. Ideias de suicídio abertamente faladas 4. Preparação de um testamento 5. Luto pela perda de alguém próximo 6. História de suicídio na família 7. Pessimismo ou falta de esperança, entre outras. Pessoas que apresentem tais indicadores devem ser observadas mais atentamente. Entretanto não se pode ter certeza alguma a respeito, pois a ideia de morrer pode mudar na mente da pessoa, de um momento para outro.