SCIELO 15
estado atual da produção científica mundial e tendências
uma análise da América Latina e BRICS
um destaque para ...
Tendências na produção mundial

•
•
•
•

Fim de um mundo bi-polar (EEUU / Europa)
Acrescimento da produção de todos os G20...
Fim de um mundo bipolar

Asia Pacifico
Europa 15
Estados Unidos

Medio Oriente
America Latina
Produção dos BRICS

Brasil:
crescimento anual
Brasil:
+10%
crescimento anua
Segue crescimento
+10%
do Segue cresciment
PNP...
Qualidade da ciência dos BRICS
Particularidades do Brasil
• Vários milhares de revistas científicas!!
(1980 revistas brasileiras em LATINDEX)

 dispersã...
Importância do artigos de revisão
• Fornecem uma síntese inteligente das
descobertas publicadas por outros autores
• Permi...
Artigo de revisão demonstra maturidade e
recebe muito mais citações!

Tipo

Artigos

Revisoes

Producao

26659

1101

7,47...
Pouca colaboração Internacional:
para essas mesma 1101 revisões brasileiras do ano 2008
Colaborações
internacionais
1
2
3
...
Áreas de destaque: produção*
Rank

Subject Area
1BIOCHEMISTRY & MOLECULAR BIOLOGY

Times Cited Web of
Average
Journal
Cate...
Áreas de destaque: maturidade
Rank

Subject Area

1

PHARMACOLOGY & PHARMACY

2

PSYCHIATRY

3

BIOCHEMISTRY & MOLECULAR B...
As 20 instituições do Brasil
com maior produção ISI e sua parte
de colaborações internacionais
Visualização do impacto maior da
colaboração internacional para cada
uma dessas 20 instituições
SciELO Citation Index
• Total documentos: 317,213 (10/10/2013)
Naturales / Sociales

TOTAL SOCIALES E HUMANIDADES:
TOTAL MEDICINA E EXACTAS
Detalhe Ciências Sociais
ECONOMIA E ADMINISTRACAO
ENFERMAGEM
EDUCACAO
SOCIOLOGIA
PSICOLOGIA
HUMANIDADES
ANTROPOLOGIA
PHILO...
Detalhe Ciências Naturais

MEDICINA
BIOLOGIA E PLANTAS
VETERINARIA
QUIMICA
ENGENIARIAS
ODONTOLOGIA
ZOOLOGIA
FISICA
Lenguas

24%

40%

36%

PORTUGUES

ESPANHOL

INGLES
Países
90000
80000
70000
60000
50000
40000
30000
20000
10000
0
Detalhe sem Brasil
18000
16000
14000
12000

10000
8000

6000
4000
2000
0
Produção anual desde 2002
45000
40000
35000

30000
25000
20000
15000
10000
5000
0
Ciclo longo de Citações

Results found:
9804
Sum of the Times Cited:
22932
Sum of Times Cited without self-citations: 2270...
Tipos de documentos

– 80% artigos
– 2,4% revisões
Book Citation Index
• Chamada a submissões !
• Detalhes para a sua submissão de livros:
http://wokinfo.com/publisher_relat...
Livros para apresentar a submissão
Tipos de Livros
SIM
• Livros acadêmico
• Monografias ou series
• Pesquisas originais ou...
Estratégias para melhorar o impacto
de minha revista?
1. Atrair pesquisadores de alta reputação no conselho
editorial da r...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

É boa a ciência do Brasil?

726 visualizações

Publicada em

Brasil tem avançado significativamente no mundo na produção científica nos últimos 20 anos, pulando do 24º lugar há 20 anos para o 14º lugar em 2012, ou 13° lugar segundo os tipos de documentos considerados, com 2,7% da produção cientifica mundial.

Iremos examinar essa produção em quanto a sua visibilidade, influência e reconhecimento nas diferentes áreas do conhecimento, integrando no contexto da America Latina, dos BRICS e do mundo, observando certas características de concentração regional ou temática e oportunidades de melhora da qualidade geral dessa produção.

Brazil has advanced significantly in the world of scientific production in the last 20 years, jumping from 24th place 20 years ago to 14th place in 2012, or 13th place according to some estimates – accounting for 2.77% of world scientific production. We will examine this production in terms of its visibility, influence and how it is recognized in different areas of knowledge, and integrating Brazil’s production in the context of Latin America, the BRICS and the world, observing certain characteristics of regional or subject-based concentration and opportunities to improve the overall quality of production.

Brasil ha avanzado significativamente en el mundo de la producción científica en los últimos 20 años, pasando del lugar 24 hace 20 años al puesto 14 en el 2012, o el lugar 13 según algunas estimaciones – representando el 2,77% de la producción científica mundial.

Examinaremos esta producción en términos de su visibilidad, influencia y cómo es reconocida en diferentes áreas del conocimiento y la integración de la producción de Brasil en el contexto de América Latina, los BRICS y el mundo, observando ciertas características de la concentración regional o basada en temas y las oportunidades para mejorar la calidad general de la producción.

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
726
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

É boa a ciência do Brasil?

  1. 1. SCIELO 15 estado atual da produção científica mundial e tendências uma análise da América Latina e BRICS um destaque para a produção científica brasileira Scielo Citation Index. Importância da produção nacional e dicas..para melhorar o posicionamento internacional
  2. 2. Tendências na produção mundial • • • • Fim de um mundo bi-polar (EEUU / Europa) Acrescimento da produção de todos os G20 Inflação das citações Redução do gap de qualidade
  3. 3. Fim de um mundo bipolar Asia Pacifico Europa 15 Estados Unidos Medio Oriente America Latina
  4. 4. Produção dos BRICS Brasil: crescimento anual Brasil: +10% crescimento anua Segue crescimento +10% do Segue cresciment PNPG (Geocapes) PNPG (Geocapes)
  5. 5. Qualidade da ciência dos BRICS
  6. 6. Particularidades do Brasil • Vários milhares de revistas científicas!! (1980 revistas brasileiras em LATINDEX)  dispersão e nivelamento inferiorizado da divulgação de informações de caráter cientifico  SciELO conta apenas 280 títulos brasileiros ativos • Só 167 em ISI Web of Science E. Chaves de Almeida; J. Guimarães: A pós-graduação e a Evolução da Produção Cientifica Brasileira. SENAC São Paulo 2013.-
  7. 7. Importância do artigos de revisão • Fornecem uma síntese inteligente das descobertas publicadas por outros autores • Permitem avançar a teoria na área escolhida Aparição do primeiro “Annual Review” em 1932, porta de entrada para pesquisa primaria em Bioquímica. Hoje existem mais de 40 Annual Reviews • Exigem do autor uma grande preparação cientifica e metodologia especifica
  8. 8. Artigo de revisão demonstra maturidade e recebe muito mais citações! Tipo Artigos Revisoes Producao 26659 1101 7,47 23,48 Mídia de citações por doc (dados de referencia: produção ISI Brasil 2008) Para o mesmo ano, as colaborações internacionais em artigos de revisões podem atingir uma mídia de citas por documento muito mais elevada:
  9. 9. Pouca colaboração Internacional: para essas mesma 1101 revisões brasileiras do ano 2008 Colaborações internacionais 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 Citações Citações/doc Doc USA 12.620 197 ENGLAND 6.370 57 GERMANY 4.690 55 FRANCE 5.027 54 CANADA 5.665 52 ITALY 4.691 43 SPAIN 4.199 42 AUSTRALIA 5.274 33 NETHERLANDS 4.256 29 JAPAN 4.201 27 ARGENTINA 2.711 22 64,06 111,75 85,27 93,09 108,94 109,09 99,98 159,82 146,76 155,59 123,23 As colaborações internacionais duplicam ou ate setuplicam a visibilidade e influencia das publicações do Brasil
  10. 10. Áreas de destaque: produção* Rank Subject Area 1BIOCHEMISTRY & MOLECULAR BIOLOGY Times Cited Web of Average Journal Category Science Cites per Actual/Expec Actual/Expecte Documents Document ted Citations d Citations 96.311 13.576 7,09 1,11 0,77 2ENGINEERING, ELECTRICAL & ELECTRONIC 24.560 11.547 2,13 1,58 1,85 3VETERINARY SCIENCES 31.344 11.408 2,75 1,21 0,85 4NEUROSCIENCES 71.458 10.560 6,77 1,14 0,76 5PUBLIC, ENVIRONMENTAL & OCCUPATIONAL HEALTH 37.381 10.509 3,56 1,19 0,82 6PHARMACOLOGY & PHARMACY 73.496 10.337 7,11 1,16 0,97 7MATERIALS SCIENCE, MULTIDISCIPLINARY 49.637 9.344 5,31 1,06 1,15 8SURGERY 37.125 8.363 4,44 1,25 1,08 9PLANT SCIENCES 41.017 8.338 4,92 1,24 0,86 51.005 8.126 6,28 1,27 1,23 10DENTISTRY, ORAL SURGERY & MEDICINE * (National Citation Report Brazil, 2004-2013- Dados extraidos outubro 2013, Fonte: InCites) i. A ciência brasileira concentra-se predominantemente nas áreas medicas, biomédicas e áreas de agricultura (plantas, animais, veterinária) contribuindo aos avanços tecnológicos mais significativos do país. ii. Engenharia elétrica e ciências dos materiais são 2 das 10 áreas de maior produção e seguramente também contribuirão ao futuros avances tecnológicos do Brasil
  11. 11. Áreas de destaque: maturidade Rank Subject Area 1 PHARMACOLOGY & PHARMACY 2 PSYCHIATRY 3 BIOCHEMISTRY & MOLECULAR BIOLOGY 4 Times Cited Web of Science Documents Average Cites per Journal Category Document Actual/Expec Actual/Expected ted Citations Citations 10.694 796 13,43 1,22 0,92 6.684 501 13,34 1,46 0,94 10.646 500 21,29 1,21 1,05 NEUROSCIENCES 8.538 481 17,75 1,29 1,02 5 CLINICAL NEUROLOGY 6.450 438 14,73 1,37 1 6 MEDICINE, GENERAL & INTERNAL 2.752 431 6,39 1,18 1,03 6 CHEMISTRY, MULTIDISCIPLINARY 7.182 431 16,66 1,39 0,4 8 ENDOCRINOLOGY & METABOLISM 4.534 363 12,49 1,22 0,7 9 PUBLIC, ENVIRONMENTAL & OCCUPATIONAL HEALTH 2.876 301 9,55 1,27 0,89 10 IMMUNOLOGY 5.587 262 21,32 1,37 1,07 i. Ranking das áreas de conhecimento onde o autores brasileiros tiveram maior contribuição em produção de revisões cientificas. ii. Todas são das ciências medicas, biomédicas, bioquímicas e farmacológicas. Em amarelo, coincidem felizmente com áreas de maior produção do Brasil.
  12. 12. As 20 instituições do Brasil com maior produção ISI e sua parte de colaborações internacionais
  13. 13. Visualização do impacto maior da colaboração internacional para cada uma dessas 20 instituições
  14. 14. SciELO Citation Index • Total documentos: 317,213 (10/10/2013)
  15. 15. Naturales / Sociales TOTAL SOCIALES E HUMANIDADES: TOTAL MEDICINA E EXACTAS
  16. 16. Detalhe Ciências Sociais ECONOMIA E ADMINISTRACAO ENFERMAGEM EDUCACAO SOCIOLOGIA PSICOLOGIA HUMANIDADES ANTROPOLOGIA PHILOSOPHIA HISTORIA CIENCIAS SOCIAIS DIREITO CIENCIAS POLITICAS LINGÜÍSTICA
  17. 17. Detalhe Ciências Naturais MEDICINA BIOLOGIA E PLANTAS VETERINARIA QUIMICA ENGENIARIAS ODONTOLOGIA ZOOLOGIA FISICA
  18. 18. Lenguas 24% 40% 36% PORTUGUES ESPANHOL INGLES
  19. 19. Países 90000 80000 70000 60000 50000 40000 30000 20000 10000 0
  20. 20. Detalhe sem Brasil 18000 16000 14000 12000 10000 8000 6000 4000 2000 0
  21. 21. Produção anual desde 2002 45000 40000 35000 30000 25000 20000 15000 10000 5000 0
  22. 22. Ciclo longo de Citações Results found: 9804 Sum of the Times Cited: 22932 Sum of Times Cited without self-citations: 22708 Citing Articles : 19023 Citing Articles without self-citations: 18837 Average Citations per Item : 2.34 h-index : 32
  23. 23. Tipos de documentos – 80% artigos – 2,4% revisões
  24. 24. Book Citation Index • Chamada a submissões ! • Detalhes para a sua submissão de livros: http://wokinfo.com/publisher_relations/books/ Para leer antes de apresentar: Book Selection http://wokinfo.com/media/pdf/BKCI-SelectionEssay_web.pdf • Atualmente com 50,000 livros • 55 a 60% em ciências sociais, arte e humanidades • 2014: para a Thomson Reuters, ano de coleta ativa dos melhores livros científicos em língua portuguesa e espanhola
  25. 25. Livros para apresentar a submissão Tipos de Livros SIM • Livros acadêmico • Monografias ou series • Pesquisas originais ou livros de textos de pós-graduação • Autores únicos ou grupos de autores • Publicados desde 2009 • Que incluem todas a referencias citadas • Publicados em Inglês, Espanhol ou Português NAO • • • • • • Livros que não incluem as referencias citadas Dicionários, atlas e outras obras de referencias Livros de texto de prégraduação u inferior Ficção e poesia Ciência popular Manuais, Guias, etc.
  26. 26. Estratégias para melhorar o impacto de minha revista? 1. Atrair pesquisadores de alta reputação no conselho editorial da revista 2. Buscar ativamente artigos de alto impacto a. hot topics b. Artigos de revisões c. Colaborações internacionais • • • • • • • New England J Med Ann Intern Med BMJ JAMA Lancet Med J Australia Can Med Assn J 3. Selecionar cuidadosamente os manuscritos 4. Oferecer melhores serviços aos autores 5. Melhorar a imagem da revista nas mídias Thomson Reuters pode ajudar. M. Chew, E. V. Villanueva, and M. B. Van Der Weyden, Journal of the Royal Society of Medicine 100 (3), p142-150 (2007).

×