Atps educacao profissional_educacao_ambientes_nao_escolares

1.983 visualizações

Publicada em

ATPS EDUCAÇÃO

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.983
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Atps educacao profissional_educacao_ambientes_nao_escolares

  1. 1. ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS Pedagogia 7ª Série Educação Profissional e Educação em Ambientes não Escolares A atividade prática supervisionada (ATPS) é um procedimento metodológico de ensino-aprendizagem desenvolvido por meio de um conjunto de etapas programadas e supervisionadas e que tem por objetivos:  Favorecer a aprendizagem.  Estimular a corresponsabilidade do aluno pelo aprendizado eficiente e eficaz.  Promover o estudo, a convivência e o trabalho em grupo.  Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o autoaprendizado.  Oferecer diferentes ambientes de aprendizagem.  Auxiliar no desenvolvimento das competências requeridas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos de Graduação.  Promover a aplicação da teoria e conceitos para a solução de problemas práticos relativos à profissão.  Direcionar o estudante para a busca do raciocínio crítico e a emancipação intelectual. Para atingir estes objetivos, a ATPS propõe um desafio e indica os passos a serem percorridos ao longo do bimestre para a sua solução. A sua participação nesta proposta é essencial para que adquira as competências e habilidades requeridas na sua atuação profissional. Aproveite esta oportunidade de estudar e aprender com desafios da vida profissional. AUTORIA Marciene Aparecida Santos Reis Faculdade Anhanguera de Campinas – Unidade 3 Luciana Haddad Ferreira Colaboradora AESA
  2. 2. Pedagogia - 7ª Série - Educação Profissional e Educação em Ambientes não Escolares Marciene Aparecida Santos Reis Luciana Haddad Ferreira Pág. 2 de 2 COMPETÊNCIAS E HABILIDADES Ao concluir as etapas propostas neste desafio, você terá desenvolvido as competências e habilidades que constam nas Diretrizes Curriculares Nacionais descritas a seguir.  Compreender as especificidades da educação não-formal e da educação profissional brasileiras, bem como a atuação do educador neste espaço.  Atuar de forma competente na educação não-formal e na educação profissional.  Trabalhar na promoção da aprendizagem de sujeitos em diferentes fases do desenvolvimento humano, em diversos níveis e modalidades do processo educativo. Produção Acadêmica  Relatórios parciais, com os apontamentos das pesquisas realizadas.  Elaboração de argumentação visual.  Plano de aula desenvolvido pela equipe.  Relatório final com reflexões desencadeadas ao longo do estudo. Participação Para a elaboração desta atividade, os alunos deverão previamente organizar-se em equipes de até cinco componentes, sob a orientação do tutor presencial, que fará o acompanhamento das atividades nos encontros em sala de aula, na unidade. Essas equipes, que serão mantidas durante todas as etapas, deverão entregar seus nomes, RAs e e-mails ao tutor presencial. Padronização O material a ser produzido neste desafio deve ser estruturado de acordo com os seguintes parâmetros: Usar as normas da ABNT1, com o seguinte padrão:  em papel branco, formato A4;  com margens esquerda e superior de 3cm, direita e inferior de 2cm;  fonte Times New Roman tamanho 12, cor preta;  espaçamento de 1,5 entre linhas;  se houver citações com mais de três linhas, devem ser em fonte tamanho 10, com um recuo de 4cm da margem esquerda e espaçamento simples entre linhas;  com capa, contendo:  logo oficial da Anhanguera Educacional – Uniderp;  nome de sua Unidade de Ensino, Curso e Disciplina; 1 Consulte o Manual para Elaboração de Trabalhos Acadêmicos. Unianhanguera. Disponível em: <http://www.unianhanguera.edu.br/anhanguera/bibliotecas/normas_bibliograficas/index.html>.
  3. 3. Pedagogia - 7ª Série - Educação Profissional e Educação em Ambientes não Escolares Marciene Aparecida Santos Reis Luciana Haddad Ferreira Pág. 3 de 3  nome e RA de cada participante;  título da atividade;  nome do tutor a distância da disciplina;  cidade e data da entrega, apresentação ou publicação. Erro! Vínculo não válido. A Educação não-formal é entendida como a educação que se aprende no compartilhamento de conhecimentos ao longo da vida do aluno, em espaços e ações coletivas estabelecidas no cotidiano. Essa educação difere da Educação formal, aprendida institucionalmente na escola, e da Educação informal, em que o aluno aprende com as outras instâncias: família, bairro, amigos. O presente desafio torna-se relevante para a formação de profissionais críticos que entendam não somente as situações problematizadas em aula, mas que atuem com consciência na sociedade, ao cotejarem as diversas teorias e práticas presentes no universo acadêmico e ao proporem e produzirem situações de aprendizado reflexivo em relação às vivências. Objetivo do Desafio Produção de um relatório sobre a temática da Educação não-formal e da Educação Profissional. ETAPA 1 Esta atividade é importante para que você compreenda os significados da Educação não-formal. Para realizá-la, devem ser seguidos os passos descritos. PASSOS Passo 1 (Individual) Pesquisar, em diversos meios de informação (livros, jornais, revistas, dicionários e sites institucionais), sobre o significado de Educação não-formal. Sites sugeridos para pesquisa  GOHN, Maria da Glória. Educação não-formal, participação da sociedade civil e estruturas colegiadas na escola. Ensaio: aval. pol. públ. Educ., Rio de Janeiro, v. 14, n. 50, p. 27-38, 2006. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ensaio/v14n50/30405.pdf>. Acesso em: 21 out. 2012.  GOHN, Maria da Glória. Educação não-formal na pedagogia social. Ano 1. Anais do Congresso Internacional de Pedagogia Social, 2006. Disponível em:
  4. 4. Pedagogia - 7ª Série - Educação Profissional e Educação em Ambientes não Escolares Marciene Aparecida Santos Reis Luciana Haddad Ferreira Pág. 4 de 4 <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?pid=MSC0000000092006000100034 &script=sci_arttext&tlng=pt>. Acesso em: 21 out. 2012. Passo 2 (Individual) Listar suas considerações em relação às leituras realizadas, em consonância com o tema da Educação não-formal. Passo 3 (Equipe) Compartilhar as reflexões obtidas diante das leituras individuais. Discutir sobre as dúvidas e propor caminhos para solucioná-las. Problematizar a função da Educação não-formal na sociedade moderna e sua prática nos diversos segmentos sociais. Passo 4 (Equipe) Elaborar um texto crítico-reflexivo sobre os apontamentos discutidos, que comporá o relatório final. O texto deverá conter até duas páginas e deverá responder à questão: O que é Educação não-formal? ETAPA 2 Esta atividade é importante para que você compreenda os significados do Associativismo no Brasil e os projetos sociais. Para realizá-la, devem ser seguidos os passos descritos. PASSOS Passo 1 (Individual) Pesquisar, em diversos meios de informação (livros, jornais, revistas, dicionários e sites institucionais), sobre o significado de Associativismo. Passo 2 (Individual) Listar suas considerações em relação às leituras realizadas, em consonância com o tema do Associativismo no Brasil e sua relação com projetos sociais. Passo 3 (Equipe) Compartilhar as reflexões obtidas diante das leituras individuais. Discutir sobre as dúvidas e propor caminhos para solucioná-las. Problematizar a função do Associativismo na sociedade moderna e sua prática nos diversos segmentos sociais. Passo 4 (Equipe) Elaborar um texto crítico-reflexivo sobre os apontamentos discutidos, que comporá o relatório final. O texto deverá conter até duas páginas e deverá responder à questão: O que é Associativismo e qual sua relação com os projetos sociais?
  5. 5. Pedagogia - 7ª Série - Educação Profissional e Educação em Ambientes não Escolares Marciene Aparecida Santos Reis Luciana Haddad Ferreira Pág. 5 de 5 ETAPA 3 Esta atividade é importante para que você compreenda os diversos meios de Educação Profissional no Brasil e a atuação do pedagogo nesta área de ensino. Para realizá-la, devem ser seguidos os passos descritos. PASSOS Passo 1 (Individual) Pesquisar, em diversos meios de informação (livros, jornais, revistas, dicionários e sites institucionais), sobre a Educação Profissional no Brasil. Site sugerido para pesquisa  YURI, F. (edição); VERGOTTI, M. (infogr.); TANIGAWA, R. (infogr. online). O mapa da Educação Profissional no Brasil. Revista Época, 2011. Disponível em: <http://revistaepoca.globo.com/Vida-util/noticia/2011/10/o-mapa-da-educacao- profissional-no-brasil.html>. Acesso em: 21 out. 2012. Passo 2 (Equipe) Discutir os apontamentos evidenciados nas leituras e as possíveis dúvidas de cada integrante do grupo. Problematizar o conteúdo entre a equipe e dialogar sobre possíveis intervenções a respeito da problemática abordada. Passo 3 (Equipe) Elaborar uma situação didática que envolva o público-alvo da Educação não-formal no Brasil. Pautar-se na elaboração de uma vivência que seja formativa e que não esteja delimitada ao espaço da escola formal. Passo 4 (Equipe) Organizar, em formato de um relatório, a situação didática pensada pela equipe; este comporá o trabalho final. ETAPA 4 Esta atividade é importante para que você elabore uma argumentação visual que articule os temas trabalhados em relação à Educação não-formal e à Educação Profissional no Brasil. Para realizá-la, devem ser seguidos os passos descritos.
  6. 6. Pedagogia - 7ª Série - Educação Profissional e Educação em Ambientes não Escolares Marciene Aparecida Santos Reis Luciana Haddad Ferreira Pág. 6 de 6 PASSOS Passo 1 (Equipe) Procurar imagens que ilustrem a Educação não-formal no Brasil e sua relação com a Educação Profissional. Passo 2 (Equipe) A partir do material encontrado a equipe deve selecionar e apresentar uma breve descrição de até cinco imagens, que ilustrem a relação entre Educação não-formal e a Educação Profissional. Em seguida desenvolver um texto de até uma página, respondendo a questão: Quais são as possíveis contribuições da Educação não-formal no cotidiano da sociedade atual? Este material comporá o relatório final. Passo 3 (Equipe) Elaborar o relatório final, que deverá conter as reflexões da equipe desenvolvidas em todas as etapas. O relatório, elaborado em formato .doc, deve ser postado no ambiente virtual, em um único arquivo, dentro do prazo estabelecido, para avaliação do tutor a distância. Livro-Texto da Disciplina GOHN, Maria da G. Educação não formal e o educador social. São Paulo: Cortez, 2010. Critérios de Avaliação Sugere-se como critério de avaliação que o aluno tenha:  Realizado as leituras indicadas e desenvolvido reflexões acerca do tema.  Redigido os textos parciais.  Compreendido a importância da Educação não-formal para a sociedade.  Identificado/Problematizado diferenças entre a Educação formal, não-formal e informal.  Produzido uma argumentação visual coerente com a proposta estudada.  Digitado o relatório final demonstrando suas considerações, reflexões e aprendizados obtidos ao longo das etapas das atividades.

×