Leonardo mendes 418 m+®todos contraceptivos leonardo 8_b

1.717 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.717
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
143
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Leonardo mendes 418 m+®todos contraceptivos leonardo 8_b

  1. 1. MÉTODOS CONTRACEPTIVOS Trabalho realizado: Leonardo 8B n*9 Professor: Daniel preitas Disciplina: t.i.c
  2. 2. INTRODUÇÃO  A escolha de um método contraceptivo necessita ser feita com auxílio médico, pois ele pode indicar a melhor opção para cada caso.  É importante saber quais os métodos existentes antes de opter por algum deles.
  3. 3. O QUE É CONTRACEPTIVOS  O controle de natalidade é um assunto política e eticamente controverso em muitas culturas e religiões, e embora seja menos controverso que o aborto especificamente, ainda enfrenta a oposição de muitas pessoas.  Existem vários graus de oposição, incluindo aqueles que são contra todas as formas de controle de nascimento que não usam a abstinência sexual.
  4. 4. TIPOS DE CONTRACEPTIVOS TENTAR TER UM BEBÉ E ENGRAVIDAR  Tentar ter um bebé é um dos momentos mais emocionante da vida de um casal.  Quando começa a tentar engravidar, provavelmente, quer que isso aconteça o mais rápido possível.  Regra geral, não há motivo para se preocupar, mesmo que isso não aconteça tão depressa quanto gostaria.
  5. 5. PRESERVATIVOS FEMININO  Preservativo feminino - é uma versão feminina do preservativo, um método contraceptivo de barreira.  Vantagens: -Para além de evitar a gravidez, diminui o risco de contrair DST. -Não tem efeitos sistémicos. - Pode ser utilizado com outro método contraceptivo. - Não necessita supervisão clínica..
  6. 6. PRESERVATIVO MASCULINO  O preservativo, popularmente conhecido como camisinha, é o método contraceptivo mais utilizado no mundo.  A camisinha possui uma grande vantagem em relação aos outros métodos: ajuda a prevenir não só a gravidez como também a transmissão de doenças sexualmente transmissíveis DST.
  7. 7. MÉTODOS NATURAIS  Existem métodos de abstinência periódica por vezes chamados de métodos naturais, que podem ser usados como métodos contraceptivos, exigindo uma aprendizagem durante algum tempo e o acordo dos parceiros. São também aconselhados para determinar a melhor altura para a concepção.
  8. 8. MÉTODOS NÃO NATURAIS  Químicos: - são substancias químicas que podem ser utilizadas para evitar uma gravides.  Mecânicos: - são dispositivo que impedem a fecundação e a nidação.
  9. 9. CONTRACEPÇÃO DE EMERGÊNCIA  pilula do dia seguinte: comprimidos com doses elevadas de estrogénio e progesterona sintética.  A primeira dose deve ser administrada durante as 72 horas a seguir á relação sexual e a segunda 12 horas depois da primeira dose.
  10. 10. REPETIÇÃO DE GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA  RESUMO  A gravidez na adolescência é um período crítico que traz riscos não apenas para a mãe, mas também, para o seu bebé. Tais riscos podem ser potencializados pela repetição de gravidez, constituindo-se como problema de saúde pública. Objectivou-se considerar o conhecimento e o uso de métodos contraceptivos entre 50 adolescentes, com idade média de 17 anos e com repetição da gravidez.
  11. 11. DIAFRAGMA CONTRACEPTIVO FEMININO  O diafragma é um método contraceptivo constituído por uma capa de borracha flexível que se introduz na vagina de modo a que o colo do útero fique tapado. Assim o diagrama actua como uma barreira física que impede a entrada de espermatozóides no útero.  O diafragma tem diversos tamanhos que variam de 5 a 10,5 cm. O ginecologista mede, com anéis medidores, o tamanho adequado para cada paciente. É papel do médico orientar a paciente quanto a correcta colocação e remoção do diafragma.
  12. 12. VASECTOMIA MASCULINA  O adesivo contraceptivo é um método contraceptivo em forma de adesivo fino, confortável e fácil de aplicar. O adesivo liberta uma dose diária das hormonas estrogénio e progestagénio para a corrente sanguínea, que vão inibir a ovulação ficando a mulher mais protegida de uma gravidez.
  13. 13. VANTAGENS DESTE MÉTODO CONTRACEPTIVO  Não apresenta efeitos secundários a longo prazo.  Não interfere nas as relações sexuais ou função sexual.  Não interfere na produção de hormonas pelos ovários.

×