SlideShare uma empresa Scribd logo

B+írbara bernardo 332 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point

B+írbara bernardo 332 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point

1 de 10
Baixar para ler offline
Nome: Bárbara Bernardo
Número: 1
Ano/Turma: 8ºB
Disciplina: T.I.C
Professor: Daniel Freitas
Escola E,B 2,3 Jacinto Correia -
Lagoa
1
2
Índice:
o Introdução
o Métodos contraceptivos
o Métodos contraceptivos: Feminino
• Pilula,
• DIU,
• Preservativo feminino,
• Adesivo,
• Implante,
• Diafragma,
• Laqueação das trompas
o Métodos contraceptivos: Masculino
• Preservativo masculino
• Vasectomia
o Bibliografia
3
Introdução:
Os métodos contraceptivas são métodos que evitam as gravidezes
indesejadas, e alguns deles fazem com que as IST não se transmitem.
• Métodos contraceptivos: é o regime de uma ou mais acções,
dispositivos ou medicamentos que pretendem prevenir ou reduzir a
propensão de uma mulher engravidar
• IST: Infecções Sexualmente Transmissíveis
4
MÉTODOS CONTRACEPTIVOS: FEMININO
• Pilula: A pílula contraceptiva é um método que, através da acção hormonal, inibe a
ovulação evitando a gravidez
Vantagens
Não interfere na relação sexual
Pode regularizar os ciclos menstruais
Não afecta a fertilidade
Reduz em 50% o risco de cancro do ovário e do endométrio
Desvantagens
Algumas mulheres têm dificuldade em fazer a toma diária e regular da pílula
Não protege contra as Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST)
Fig.1 - Pilula
5
MÉTODOS CONTRACEPTIVOS: FEMININO
• DIU - Dispositivo intra-uterino: é um pequeno dispositivo de plástico revestido
com fio de cobre que é inserido no útero. O DIU impede a gravidez através da
alteração das condições uterinas e funcionando também como uma barreira
aos espermatozóides.
Vantagens
Para além do seu grau de eficácia, é um método reversível e de longa
duração
Desvantagens
Não protege contra as IST
A colocação do DIU tem de ser feita por um profissional de saúde
• Preservativo Feminino: O preservativo feminino tem a forma de um tubo feito à
base de silicone com um anel na extremidade. Deve ser introduzido na vagina
antes da relação sexual. Depois da ejaculação, o preservativo retém o
esperma prevenindo o contacto com colo do útero, evitando a gravidez.
Vantagens
Previne contra as infecções sexualmente transmissíveis
Ausência de efeitos secundários ou contra-indicações graves
Não necessita a supervisão médica
É um método cuja utilização depende da mulher
Desvantagens
Se o preservativo romper-se durante o acto sexual pode engravidarFig.2 – Preservativo feminino
6
MÉTODOS CONTRACEPTIVOS: FEMININO
• Adesivo: Trata-se de um adesivo fino, quadrado, confortável e fácil de aplicar. O
adesivo funciona de duas formas: impede a ovulação (libertação do óvulo), torna
mais espesso o muco do colo do útero, dificultando a entrada dos
espermatozóides no útero.
Vantagens
A mulher não tem que pensar todos os dias em contracepção, apenas tem
que se lembrar de mudar uma vez por semana o adesivo.
É fácil de usar.
A mulher pode continuar a realizar as suas actividades diárias
Desvantagens
Não protege contras as infecções sexualmente transmissíveis.
Fig.3 - DIU
Fig.4 - Adesivo
Anúncio

Recomendados

Métodos contraceptivos cirúrgicos
Métodos contraceptivos cirúrgicosMétodos contraceptivos cirúrgicos
Métodos contraceptivos cirúrgicosshowandtellingles
 
Métodos cirúrgicos
Métodos cirúrgicosMétodos cirúrgicos
Métodos cirúrgicosap3bmachado
 
Métodos de Contraceção
Métodos de ContraceçãoMétodos de Contraceção
Métodos de Contraceçãotatianaalves13
 
Contraceção e métodos contracetivos
Contraceção e métodos contracetivosContraceção e métodos contracetivos
Contraceção e métodos contracetivosSusana Cardoso
 
Quadro comparativo dos Métodos Contraceptivos
Quadro comparativo dos Métodos ContraceptivosQuadro comparativo dos Métodos Contraceptivos
Quadro comparativo dos Métodos ContraceptivosAtuaescola
 
130402 reprodução humana - métodos anticoncepcionais e ds ts
130402   reprodução humana - métodos anticoncepcionais e ds ts130402   reprodução humana - métodos anticoncepcionais e ds ts
130402 reprodução humana - métodos anticoncepcionais e ds tsEvandro Sanguinetto
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 1.1. reprodução humana métodos anticoncepcionais e ds ts
Aula 1.1. reprodução humana   métodos anticoncepcionais e ds tsAula 1.1. reprodução humana   métodos anticoncepcionais e ds ts
Aula 1.1. reprodução humana métodos anticoncepcionais e ds tsEvandro Sanguinetto
 
Aula 3 DSTs e métodos anticoncepcionais
Aula 3 DSTs e métodos anticoncepcionaisAula 3 DSTs e métodos anticoncepcionais
Aula 3 DSTs e métodos anticoncepcionaisAna Filadelfi
 
Pílula do dia seguinte e anel vaginal
Pílula do dia seguinte e anel vaginalPílula do dia seguinte e anel vaginal
Pílula do dia seguinte e anel vaginalanabelldiogomariana
 
Revisão bloco 3
Revisão bloco 3Revisão bloco 3
Revisão bloco 3saudefieb
 
Revisão bloco 1
Revisão bloco 1Revisão bloco 1
Revisão bloco 1saudefieb
 
Métodos contraceptivos e dsts
Métodos contraceptivos e dstsMétodos contraceptivos e dsts
Métodos contraceptivos e dstspiefprofessoras
 
Métodos contracetivos cirurgicos
Métodos contracetivos cirurgicosMétodos contracetivos cirurgicos
Métodos contracetivos cirurgicosCarlos Carvalho
 
Dst´s e métodos contraceptivos eurico e juliano
Dst´s e métodos contraceptivos eurico e julianoDst´s e métodos contraceptivos eurico e juliano
Dst´s e métodos contraceptivos eurico e julianosomososbosses
 
Metodos Contraceptivos - Diafragma e Espermicida
Metodos Contraceptivos - Diafragma e EspermicidaMetodos Contraceptivos - Diafragma e Espermicida
Metodos Contraceptivos - Diafragma e EspermicidaHMSBeagle12a
 
Micaela tavares 813 educa+º+úo sexual
Micaela  tavares 813 educa+º+úo sexualMicaela  tavares 813 educa+º+úo sexual
Micaela tavares 813 educa+º+úo sexualAngela Boucinha
 
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivos
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivosGravidez na adolescência e métodos contraceptivos
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivosjessica sanielly
 
Métodos Contracetivos Não Naturais Químicos (Guião)
Métodos Contracetivos Não Naturais Químicos (Guião)Métodos Contracetivos Não Naturais Químicos (Guião)
Métodos Contracetivos Não Naturais Químicos (Guião)Maria Freitas
 
Contraceptivos, diu, preservativos masculinos e femininos, diafragma, espermi...
Contraceptivos, diu, preservativos masculinos e femininos, diafragma, espermi...Contraceptivos, diu, preservativos masculinos e femininos, diafragma, espermi...
Contraceptivos, diu, preservativos masculinos e femininos, diafragma, espermi...Bruno Veloso
 
La+¡s endo 820 contracetivos masculinos e femininos
La+¡s endo 820 contracetivos masculinos e femininosLa+¡s endo 820 contracetivos masculinos e femininos
La+¡s endo 820 contracetivos masculinos e femininosAngela Boucinha
 
05 saude sit rep e contracecao
05 saude sit rep e contracecao05 saude sit rep e contracecao
05 saude sit rep e contracecaoruiricardobg
 

Mais procurados (18)

Aula 1.1. reprodução humana métodos anticoncepcionais e ds ts
Aula 1.1. reprodução humana   métodos anticoncepcionais e ds tsAula 1.1. reprodução humana   métodos anticoncepcionais e ds ts
Aula 1.1. reprodução humana métodos anticoncepcionais e ds ts
 
Aula 3 DSTs e métodos anticoncepcionais
Aula 3 DSTs e métodos anticoncepcionaisAula 3 DSTs e métodos anticoncepcionais
Aula 3 DSTs e métodos anticoncepcionais
 
Os métodos contraceptivos
Os métodos contraceptivosOs métodos contraceptivos
Os métodos contraceptivos
 
Pílula do dia seguinte e anel vaginal
Pílula do dia seguinte e anel vaginalPílula do dia seguinte e anel vaginal
Pílula do dia seguinte e anel vaginal
 
Revisão bloco 3
Revisão bloco 3Revisão bloco 3
Revisão bloco 3
 
Revisão bloco 1
Revisão bloco 1Revisão bloco 1
Revisão bloco 1
 
Métodos contraceptivos e dsts
Métodos contraceptivos e dstsMétodos contraceptivos e dsts
Métodos contraceptivos e dsts
 
Métodos contracetivos cirurgicos
Métodos contracetivos cirurgicosMétodos contracetivos cirurgicos
Métodos contracetivos cirurgicos
 
Dst´s e métodos contraceptivos eurico e juliano
Dst´s e métodos contraceptivos eurico e julianoDst´s e métodos contraceptivos eurico e juliano
Dst´s e métodos contraceptivos eurico e juliano
 
Metodos Contraceptivos - Diafragma e Espermicida
Metodos Contraceptivos - Diafragma e EspermicidaMetodos Contraceptivos - Diafragma e Espermicida
Metodos Contraceptivos - Diafragma e Espermicida
 
Micaela tavares 813 educa+º+úo sexual
Micaela  tavares 813 educa+º+úo sexualMicaela  tavares 813 educa+º+úo sexual
Micaela tavares 813 educa+º+úo sexual
 
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivos
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivosGravidez na adolescência e métodos contraceptivos
Gravidez na adolescência e métodos contraceptivos
 
Métodos Contracetivos Não Naturais Químicos (Guião)
Métodos Contracetivos Não Naturais Químicos (Guião)Métodos Contracetivos Não Naturais Químicos (Guião)
Métodos Contracetivos Não Naturais Químicos (Guião)
 
Contraceptivos, diu, preservativos masculinos e femininos, diafragma, espermi...
Contraceptivos, diu, preservativos masculinos e femininos, diafragma, espermi...Contraceptivos, diu, preservativos masculinos e femininos, diafragma, espermi...
Contraceptivos, diu, preservativos masculinos e femininos, diafragma, espermi...
 
SLIDES DIU
SLIDES DIUSLIDES DIU
SLIDES DIU
 
Contraceção e IST's
Contraceção e IST'sContraceção e IST's
Contraceção e IST's
 
La+¡s endo 820 contracetivos masculinos e femininos
La+¡s endo 820 contracetivos masculinos e femininosLa+¡s endo 820 contracetivos masculinos e femininos
La+¡s endo 820 contracetivos masculinos e femininos
 
05 saude sit rep e contracecao
05 saude sit rep e contracecao05 saude sit rep e contracecao
05 saude sit rep e contracecao
 

Destaque

Rochas quimiogenicas e_biogenicas
Rochas quimiogenicas e_biogenicasRochas quimiogenicas e_biogenicas
Rochas quimiogenicas e_biogenicasAngela Boucinha
 
Iara pina 330 m+®todos contraceptivos
Iara pina 330 m+®todos contraceptivosIara pina 330 m+®todos contraceptivos
Iara pina 330 m+®todos contraceptivosAngela Boucinha
 
Trabalhos jardim de infância de porches
Trabalhos jardim de infância de porchesTrabalhos jardim de infância de porches
Trabalhos jardim de infância de porchesAngela Boucinha
 
A mulher no estado novo
A  mulher no estado novo  A  mulher no estado novo
A mulher no estado novo Angela Boucinha
 
Apresentação programa 11º ano
Apresentação programa 11º anoApresentação programa 11º ano
Apresentação programa 11º anoAngela Boucinha
 
Geologia 10 sismologia
Geologia 10   sismologiaGeologia 10   sismologia
Geologia 10 sismologiaNuno Correia
 
Ocupação Antrópica
Ocupação AntrópicaOcupação Antrópica
Ocupação AntrópicaCatir
 
O tempo em geologia - datação relativa e absoluta
O tempo em geologia - datação relativa e absolutaO tempo em geologia - datação relativa e absoluta
O tempo em geologia - datação relativa e absolutaAna Castro
 

Destaque (20)

Rochas quimiogenicas e_biogenicas
Rochas quimiogenicas e_biogenicasRochas quimiogenicas e_biogenicas
Rochas quimiogenicas e_biogenicas
 
Mãe 2
Mãe 2Mãe 2
Mãe 2
 
Apresentaçãorochas
ApresentaçãorochasApresentaçãorochas
Apresentaçãorochas
 
Apresentaçãorochas
ApresentaçãorochasApresentaçãorochas
Apresentaçãorochas
 
Ppjilagoa
PpjilagoaPpjilagoa
Ppjilagoa
 
Iara pina 330 m+®todos contraceptivos
Iara pina 330 m+®todos contraceptivosIara pina 330 m+®todos contraceptivos
Iara pina 330 m+®todos contraceptivos
 
Apresentação fósseis
Apresentação fósseisApresentação fósseis
Apresentação fósseis
 
Apresentação rochas
Apresentação rochasApresentação rochas
Apresentação rochas
 
Trabalhos jardim de infância de porches
Trabalhos jardim de infância de porchesTrabalhos jardim de infância de porches
Trabalhos jardim de infância de porches
 
A mulher no estado novo
A  mulher no estado novo  A  mulher no estado novo
A mulher no estado novo
 
Planeta terra
Planeta terraPlaneta terra
Planeta terra
 
Dinamica interna 2
Dinamica interna 2Dinamica interna 2
Dinamica interna 2
 
Apresentação programa 11º ano
Apresentação programa 11º anoApresentação programa 11º ano
Apresentação programa 11º ano
 
A terra no espaço
A terra no espaçoA terra no espaço
A terra no espaço
 
A mulher en tapadinhas
A mulher en tapadinhasA mulher en tapadinhas
A mulher en tapadinhas
 
Rochas metamorficas
Rochas metamorficasRochas metamorficas
Rochas metamorficas
 
Especie
EspecieEspecie
Especie
 
Geologia 10 sismologia
Geologia 10   sismologiaGeologia 10   sismologia
Geologia 10 sismologia
 
Ocupação Antrópica
Ocupação AntrópicaOcupação Antrópica
Ocupação Antrópica
 
O tempo em geologia - datação relativa e absoluta
O tempo em geologia - datação relativa e absolutaO tempo em geologia - datação relativa e absoluta
O tempo em geologia - datação relativa e absoluta
 

Semelhante a B+írbara bernardo 332 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point

Helena reis 333 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point (2)
Helena reis 333 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point (2)Helena reis 333 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point (2)
Helena reis 333 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point (2)Angela Boucinha
 
Métodos contracetivos
Métodos contracetivosMétodos contracetivos
Métodos contracetivosemrcja
 
Métodos contraceptivos
Métodos contraceptivosMétodos contraceptivos
Métodos contraceptivosJoseOliveiraPT
 
Métodos Contraceptivos
Métodos ContraceptivosMétodos Contraceptivos
Métodos ContraceptivosPeses Ourique
 
Métodos contraceptivos(barreiras)
Métodos contraceptivos(barreiras)Métodos contraceptivos(barreiras)
Métodos contraceptivos(barreiras)ap3bmachado
 
Metodos contracetivos
Metodos contracetivosMetodos contracetivos
Metodos contracetivosdavidjpereira
 
Métodos contraceptivos humanos
Métodos contraceptivos humanosMétodos contraceptivos humanos
Métodos contraceptivos humanosClécio Bubela
 
Métodos contracetivos - Eduardo, José Luís, Filipe, Vitor
Métodos contracetivos - Eduardo, José Luís, Filipe, VitorMétodos contracetivos - Eduardo, José Luís, Filipe, Vitor
Métodos contracetivos - Eduardo, José Luís, Filipe, Vitorjluis505
 
MéTodos Contraceptivos
MéTodos  ContraceptivosMéTodos  Contraceptivos
MéTodos Contraceptivostiafer96
 
Métodos contracetivos
Métodos contracetivosMétodos contracetivos
Métodos contracetivosTânia Reis
 
Métodos Físicos
Métodos FísicosMétodos Físicos
Métodos FísicosDarkWolf
 
MéTodos [1]..
MéTodos  [1]..MéTodos  [1]..
MéTodos [1]..guestfcb1d
 
5 mtodos-contracep-1233068264563111-3
5 mtodos-contracep-1233068264563111-35 mtodos-contracep-1233068264563111-3
5 mtodos-contracep-1233068264563111-3Pelo Siro
 
Catarina mendes 338 m+®todos contraceptivos
Catarina mendes 338 m+®todos contraceptivosCatarina mendes 338 m+®todos contraceptivos
Catarina mendes 338 m+®todos contraceptivosAngela Boucinha
 
Mc métodos contraceptivos
Mc   métodos contraceptivosMc   métodos contraceptivos
Mc métodos contraceptivosLaurinda Lima
 

Semelhante a B+írbara bernardo 332 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point (20)

Helena reis 333 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point (2)
Helena reis 333 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point (2)Helena reis 333 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point (2)
Helena reis 333 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point (2)
 
Métodos contracetivos
Métodos contracetivosMétodos contracetivos
Métodos contracetivos
 
Métodos contraceptivos
Métodos contraceptivosMétodos contraceptivos
Métodos contraceptivos
 
Métodos Contraceptivos
Métodos ContraceptivosMétodos Contraceptivos
Métodos Contraceptivos
 
Métodos contraceptivos(barreiras)
Métodos contraceptivos(barreiras)Métodos contraceptivos(barreiras)
Métodos contraceptivos(barreiras)
 
Metodos contracetivos
Metodos contracetivosMetodos contracetivos
Metodos contracetivos
 
Métodos Contracetivos
Métodos ContracetivosMétodos Contracetivos
Métodos Contracetivos
 
Métodos contraceptivos humanos
Métodos contraceptivos humanosMétodos contraceptivos humanos
Métodos contraceptivos humanos
 
Métodos contracetivos - Eduardo, José Luís, Filipe, Vitor
Métodos contracetivos - Eduardo, José Luís, Filipe, VitorMétodos contracetivos - Eduardo, José Luís, Filipe, Vitor
Métodos contracetivos - Eduardo, José Luís, Filipe, Vitor
 
MéTodos Contraceptivos
MéTodos  ContraceptivosMéTodos  Contraceptivos
MéTodos Contraceptivos
 
Métodos contracetivos
Métodos contracetivosMétodos contracetivos
Métodos contracetivos
 
Métodos Físicos
Métodos FísicosMétodos Físicos
Métodos Físicos
 
MéTodos [1]..
MéTodos  [1]..MéTodos  [1]..
MéTodos [1]..
 
Métodos Contraceptivos
Métodos ContraceptivosMétodos Contraceptivos
Métodos Contraceptivos
 
5 mtodos-contracep-1233068264563111-3
5 mtodos-contracep-1233068264563111-35 mtodos-contracep-1233068264563111-3
5 mtodos-contracep-1233068264563111-3
 
Métodos contraceptivos
Métodos contraceptivosMétodos contraceptivos
Métodos contraceptivos
 
Contraceptivos
ContraceptivosContraceptivos
Contraceptivos
 
Catarina mendes 338 m+®todos contraceptivos
Catarina mendes 338 m+®todos contraceptivosCatarina mendes 338 m+®todos contraceptivos
Catarina mendes 338 m+®todos contraceptivos
 
Mc métodos contraceptivos
Mc   métodos contraceptivosMc   métodos contraceptivos
Mc métodos contraceptivos
 
Métodos 8°b
Métodos 8°bMétodos 8°b
Métodos 8°b
 

Mais de Angela Boucinha

Atividades educação saúde
Atividades educação saúde Atividades educação saúde
Atividades educação saúde Angela Boucinha
 
Ppt obesity 9 d paula rodrigues
Ppt   obesity 9 d paula rodriguesPpt   obesity 9 d paula rodrigues
Ppt obesity 9 d paula rodriguesAngela Boucinha
 
Leonardo mendes 418 m+®todos contraceptivos leonardo 8_b
Leonardo mendes 418 m+®todos contraceptivos leonardo 8_bLeonardo mendes 418 m+®todos contraceptivos leonardo 8_b
Leonardo mendes 418 m+®todos contraceptivos leonardo 8_bAngela Boucinha
 
Ficha e-trabalho-cadeias-e-teias-alimentares
Ficha e-trabalho-cadeias-e-teias-alimentaresFicha e-trabalho-cadeias-e-teias-alimentares
Ficha e-trabalho-cadeias-e-teias-alimentaresAngela Boucinha
 
Relatório experimental modelo
Relatório experimental modeloRelatório experimental modelo
Relatório experimental modeloAngela Boucinha
 
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimão
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimãoAvaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimão
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimãoAngela Boucinha
 
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimão
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimãoAvaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimão
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimãoAngela Boucinha
 
1.1.1 ficha de trabalho factores do ambiente (1)
1.1.1  ficha de trabalho    factores do ambiente (1)1.1.1  ficha de trabalho    factores do ambiente (1)
1.1.1 ficha de trabalho factores do ambiente (1)Angela Boucinha
 
Para onde foi o zézinho.ppt
Para onde foi o zézinho.pptPara onde foi o zézinho.ppt
Para onde foi o zézinho.pptAngela Boucinha
 

Mais de Angela Boucinha (19)

Atividades educação saúde
Atividades educação saúde Atividades educação saúde
Atividades educação saúde
 
Ppt obesity 9 d paula rodrigues
Ppt   obesity 9 d paula rodriguesPpt   obesity 9 d paula rodrigues
Ppt obesity 9 d paula rodrigues
 
Leonardo mendes 418 m+®todos contraceptivos leonardo 8_b
Leonardo mendes 418 m+®todos contraceptivos leonardo 8_bLeonardo mendes 418 m+®todos contraceptivos leonardo 8_b
Leonardo mendes 418 m+®todos contraceptivos leonardo 8_b
 
Ficha+de+revisões
Ficha+de+revisõesFicha+de+revisões
Ficha+de+revisões
 
Ficha e-trabalho-cadeias-e-teias-alimentares
Ficha e-trabalho-cadeias-e-teias-alimentaresFicha e-trabalho-cadeias-e-teias-alimentares
Ficha e-trabalho-cadeias-e-teias-alimentares
 
Relatório experimental modelo
Relatório experimental modeloRelatório experimental modelo
Relatório experimental modelo
 
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimão
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimãoAvaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimão
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimão
 
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimão
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimãoAvaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimão
Avaliação da sessão dinamizada pelo maps de portimão
 
1.1.1 ficha de trabalho factores do ambiente (1)
1.1.1  ficha de trabalho    factores do ambiente (1)1.1.1  ficha de trabalho    factores do ambiente (1)
1.1.1 ficha de trabalho factores do ambiente (1)
 
Ficha de estudo
Ficha de estudoFicha de estudo
Ficha de estudo
 
Ficha de estudo
Ficha de estudoFicha de estudo
Ficha de estudo
 
C artão
C artãoC artão
C artão
 
Apresentação2
Apresentação2Apresentação2
Apresentação2
 
Marcadores livros cris
Marcadores livros  crisMarcadores livros  cris
Marcadores livros cris
 
Alexandre santos
Alexandre santosAlexandre santos
Alexandre santos
 
Para onde foi o zézinho.ppt
Para onde foi o zézinho.pptPara onde foi o zézinho.ppt
Para onde foi o zézinho.ppt
 
Deriva dos continentes
Deriva dos continentesDeriva dos continentes
Deriva dos continentes
 
Factores bioticos
Factores bioticosFactores bioticos
Factores bioticos
 
Fósseis.def
Fósseis.defFósseis.def
Fósseis.def
 

B+írbara bernardo 332 novo apresenta+º+úo do microsoft power_point

  • 1. Nome: Bárbara Bernardo Número: 1 Ano/Turma: 8ºB Disciplina: T.I.C Professor: Daniel Freitas Escola E,B 2,3 Jacinto Correia - Lagoa 1
  • 2. 2 Índice: o Introdução o Métodos contraceptivos o Métodos contraceptivos: Feminino • Pilula, • DIU, • Preservativo feminino, • Adesivo, • Implante, • Diafragma, • Laqueação das trompas o Métodos contraceptivos: Masculino • Preservativo masculino • Vasectomia o Bibliografia
  • 3. 3 Introdução: Os métodos contraceptivas são métodos que evitam as gravidezes indesejadas, e alguns deles fazem com que as IST não se transmitem. • Métodos contraceptivos: é o regime de uma ou mais acções, dispositivos ou medicamentos que pretendem prevenir ou reduzir a propensão de uma mulher engravidar • IST: Infecções Sexualmente Transmissíveis
  • 4. 4 MÉTODOS CONTRACEPTIVOS: FEMININO • Pilula: A pílula contraceptiva é um método que, através da acção hormonal, inibe a ovulação evitando a gravidez Vantagens Não interfere na relação sexual Pode regularizar os ciclos menstruais Não afecta a fertilidade Reduz em 50% o risco de cancro do ovário e do endométrio Desvantagens Algumas mulheres têm dificuldade em fazer a toma diária e regular da pílula Não protege contra as Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) Fig.1 - Pilula
  • 5. 5 MÉTODOS CONTRACEPTIVOS: FEMININO • DIU - Dispositivo intra-uterino: é um pequeno dispositivo de plástico revestido com fio de cobre que é inserido no útero. O DIU impede a gravidez através da alteração das condições uterinas e funcionando também como uma barreira aos espermatozóides. Vantagens Para além do seu grau de eficácia, é um método reversível e de longa duração Desvantagens Não protege contra as IST A colocação do DIU tem de ser feita por um profissional de saúde • Preservativo Feminino: O preservativo feminino tem a forma de um tubo feito à base de silicone com um anel na extremidade. Deve ser introduzido na vagina antes da relação sexual. Depois da ejaculação, o preservativo retém o esperma prevenindo o contacto com colo do útero, evitando a gravidez. Vantagens Previne contra as infecções sexualmente transmissíveis Ausência de efeitos secundários ou contra-indicações graves Não necessita a supervisão médica É um método cuja utilização depende da mulher Desvantagens Se o preservativo romper-se durante o acto sexual pode engravidarFig.2 – Preservativo feminino
  • 6. 6 MÉTODOS CONTRACEPTIVOS: FEMININO • Adesivo: Trata-se de um adesivo fino, quadrado, confortável e fácil de aplicar. O adesivo funciona de duas formas: impede a ovulação (libertação do óvulo), torna mais espesso o muco do colo do útero, dificultando a entrada dos espermatozóides no útero. Vantagens A mulher não tem que pensar todos os dias em contracepção, apenas tem que se lembrar de mudar uma vez por semana o adesivo. É fácil de usar. A mulher pode continuar a realizar as suas actividades diárias Desvantagens Não protege contras as infecções sexualmente transmissíveis. Fig.3 - DIU Fig.4 - Adesivo
  • 7. 7 MÉTODOS CONTRACEPTIVOS: FEMININO • Implante: é um método contraceptivo de longa duração. O implante liberta progestagéneo que impede a ovulação, prevenindo a gravidez. Vantagens O implante é o método adequado para quem pretende um efeito de longa duração e de elevada eficácia. Não interfere com a relação sexual e não requer a toma diária. Não interfere com o aleitamento. Desvantagens É um método dispendioso Não protege contra as infecções sexualmente transmissíveis • Diafragma: é um dispositivo de borracha com um aro flexível que se introduz na vagina. Previne o contacto do esperma com o colo do útero. Vantagens Não interfere com o acto sexual Sem efeitos secundários significativos Diminui a ocorrência da Doença Inflamatória Pélvica Desvantagens Dificuldade na utilização Fig.5 – Implante
  • 8. 8 MÉTODOS CONTRACEPTIVOS: FEMININO • Laqueação de trompas: a laqueação de trompas é um procedimento cirúrgico que consiste na oclusão bilateral das trompas de Falópio, impedindo assim que os espermatozóides entrem em contacto com óvulo. Vantagens Trata-se de um método seguro e eficaz É um método contraceptivo permanente Não interfere com o acto sexual Não interfere com a amamentação Sem efeitos secundários relevantes Desvantagens Não protege contra as infecções sexualmente transmissíveis É muito difícil e dispendioso reverter o método Nas situações raras há um risco mais elevado de gravidez ectópica Fig.6 – Laqueação das trompas de falópio
  • 9. 9 MÉTODOS CONTRACEPTIVOS: MASCULINO • Preservativo Masculino: O preservativo constitui uma barreira à passagem do esperma para a vagina durante o coito. A maioria dos preservativos são feitos de latex. Quando usado correctamente, para além de ajudar a prevenir a gravidez, é um método que diminui o risco de contrair IST. Trata-se de uma forma de contracepção que envolve o homem. Vantagens Não necessita de acompanhamento médico Previne as IST Ausência de efeitos secundários graves ou contra-indicações Desvantagens Podem surgir reacções alérgicas • Vasectomia: é uma operação simples que consiste no corte dos canais deferentes responsáveis pelo transporte dos espermatozóides que são expelidos durante a ejaculação. Vantagens Não afecta o desempenho sexual do homem Sem efeitos secundários relevantes Fig.7 – Preservativo masculino
  • 10. 10 Bibliografia • Portal da Saude Sexual e Reprodutiva • Google Imagens Fim