HOSPITAL DA CRIANÇA CONCEIÇÃO
PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA EM PEDIATRIA
SEMINÁRIO DE PEDIATRIA GERAL – DR EDMUNDO CARDOSO...
A partir de que momento iniciamos a
avaliação do crescimento?
A partir de que momento iniciamos a
avaliação do crescimento?
Crescimento intra-útero
 Nesta fase, crescimento e desenvolvimento são intensos, e
é aí que nos preocupamos com mal-forma...
Crescimento intra-útero
Crescimento intra-útero
 Fatores influenciadores do crescimento:
 Desnutrição materna
 Ingestão de álcool
 Ingestão de...
Crescimento do RN
 Fase importante para desenvolvimento do vínculo bebê pais
 Processo de desenvolvimento da maternidade...
Crescimento do RN
Crescimento Primeiro Ano
 Fase de crescimento físico, aquisição de habilidades brutas
e finas, amadurecimento cognitivo e...
Crescimento Primeiro Ano
 Para o pediatra : curvas, percentis, fita métrica e balança
Crescimento Primeiro Ano
 Ganho de peso e altura esperado:
Crescimento Primeiro Ano
 Fatores influenciadores do crescimento:
 Nutricionais
 Leite materno x Fórmulas x Leite de Va...
Crescimento Segundo Ano
 Fase em que os pequenos desenvolveram ou
desenvolverão a habilidade de caminhar e de emitir as
p...
Crescimento Segundo Ano
Crescimento Pré-escolar
 Fase em que os pequenos diminuem o apetite e a
necessidade de sono, adquirem controle dos esfínc...
Crescimento Pré-escolar
Crescimento Meia Infância
 Fase em que crianças buscam aprovação dos colegas,
professores e pais
 6-12 anos
 Ganho pond...
Crescimento Adolescência
 Fase de diversas mudanças no corpo, peso e forma,
fisiologia e psiquismo.
Referências Bibliográficas
 BEHRMAN,R. E; KLIEGMAN, R. M.; JENSON, H. B.;
STANTON, B.F.; Tratado de Pediatria, 17 ed, Els...
Crescimento  infantil
Crescimento  infantil
Crescimento  infantil
Crescimento  infantil
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Crescimento infantil

488 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
488
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Crescimento infantil

  1. 1. HOSPITAL DA CRIANÇA CONCEIÇÃO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA EM PEDIATRIA SEMINÁRIO DE PEDIATRIA GERAL – DR EDMUNDO CARDOSO CRESCIMENTO INFANTIL R1 Sarah Sella Langer
  2. 2. A partir de que momento iniciamos a avaliação do crescimento?
  3. 3. A partir de que momento iniciamos a avaliação do crescimento?
  4. 4. Crescimento intra-útero  Nesta fase, crescimento e desenvolvimento são intensos, e é aí que nos preocupamos com mal-formações e alterações cromossômicas !!!  Embrião:  6 dias - Blastocisto  2 semana– circulação útero-placentária, formação âmnio  3 semana – tubo neural e vasos primitivos  4-8 semanas - braços e pernas, somitos, arcos branquiais  Feto:  9 semana – remodelamento das estruturas dos órgãos  10 semana - face humana  12 semana – gênero e genitais  20-24 semanas – formação surfactante
  5. 5. Crescimento intra-útero
  6. 6. Crescimento intra-útero  Fatores influenciadores do crescimento:  Desnutrição materna  Ingestão de álcool  Ingestão de anticonvulsivantes  Ingestão de Warfarin  Ingestão de Metotrexato  Ingestão de ácido Retinóico  Hipertemia  Infecções (TORCHS)  Tabagismo  Uso de cocaína e crack
  7. 7. Crescimento do RN  Fase importante para desenvolvimento do vínculo bebê pais  Processo de desenvolvimento da maternidade – contato pele a pele  Adaptação a vida extra-uterina e suas transformações  Função do pediatra: fornecer tratamento médico adequado antes, durante e após o nascimento, incentivar o vínculo mãe/bebê e instruir pais sobre funcionamento do organismo do RN, suas vulnerabilidades e necessidades.
  8. 8. Crescimento do RN
  9. 9. Crescimento Primeiro Ano  Fase de crescimento físico, aquisição de habilidades brutas e finas, amadurecimento cognitivo e emocional.  Peso  Comprimento  Perímetro Cefálico  Habilidades motoras  Aparecimento de dentes  Marcos de Desenvolvimento neuropsicomotor
  10. 10. Crescimento Primeiro Ano  Para o pediatra : curvas, percentis, fita métrica e balança
  11. 11. Crescimento Primeiro Ano  Ganho de peso e altura esperado:
  12. 12. Crescimento Primeiro Ano  Fatores influenciadores do crescimento:  Nutricionais  Leite materno x Fórmulas x Leite de Vaca  Ambientais  Afetividade  Violência doméstica  Genéticos  Neuroendócrinos  Infecções virais
  13. 13. Crescimento Segundo Ano  Fase em que os pequenos desenvolveram ou desenvolverão a habilidade de caminhar e de emitir as primeiras palavras.  12-18 meses  até 15 meses: caminhar  12-15 meses: primeiras palavras  18-24 meses  Equilíbrio, agilidade e capacidade de escalar  Dificuldade para separar-se dos pais na hora de dormir
  14. 14. Crescimento Segundo Ano
  15. 15. Crescimento Pré-escolar  Fase em que os pequenos diminuem o apetite e a necessidade de sono, adquirem controle dos esfíncteres  Final do 2 ano  Abdomen globoso começa a desaparecer  Horas de sono diminuem incluindo uma soneca diária  Melhora da acuidade visual  3 anos  Presença de 20 dentes, arcada primária  Capacidade de chutar bolas, dirigir motocas  Controle de lápis  Controle do esfíncter urinário e depois do anal
  16. 16. Crescimento Pré-escolar
  17. 17. Crescimento Meia Infância  Fase em que crianças buscam aprovação dos colegas, professores e pais  6-12 anos  Ganho ponderal 3-3,5kg/ano  Ganho estatural 6cm/ano  Perda dos dentes primitivos e formação da arcada dentária permanente  Habilidades motoras finas  Começo de hábitos sedentários  Órgãos sexuais imaturos, mas mudança de interesse pelo gênero oposto
  18. 18. Crescimento Adolescência  Fase de diversas mudanças no corpo, peso e forma, fisiologia e psiquismo.
  19. 19. Referências Bibliográficas  BEHRMAN,R. E; KLIEGMAN, R. M.; JENSON, H. B.; STANTON, B.F.; Tratado de Pediatria, 17 ed, Elsevier, 2005.  Saúde da Criança: Acompanhamento do crescimento e desenvolvimento infantil, Cadernos de Atenção Básica com Ministério da Saúde, Brasília, 2002.

×