O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Lince Ibérico

2.912 visualizações

Publicada em

Este PowerPoint é muito interessante, e foi feito com muito gosto para que as pessoas possam aprender mais sobre estes maravilhosos animais :)

Publicada em: Estilo de vida
  • Login to see the comments

Lince Ibérico

  1. 1. O Lince Ibérico é um animal muito importante, e também muito bonito, mas está a desaparecer cada vez mais...
  2. 2.  Olá, eu sou a Maria, e este trabalho foi-me proposto pela minha professora de Ciências Naturais, e foi com muito gosto que o realizei.  Neste trabalho aprendi mais sobre animais em via- de-extinção, e, mais aprofundadamente, sobre o Lince Ibérico.  Espero que gostem de um visualizar, como eu o gostei de realizar. Obrigada 
  3. 3.  O Lince Ibérico so existe em Portugal e Espanha. É a espécie de felino mais gravemente ameaçada de extinção, e também um dos mamíferos mais ameaçados. Apenas existem 140 Linces Ibéricos em liberdade na Península Ibérica.
  4. 4.  Este felino habita no maqui mediterrânico. Prefere um mosaico de mato denso para refúgio e pastagens abertas para a caça. Não é frequentador assíduo de plantações de espécies arbóreas exóticas eucaliptais e pinhais. Como predador de topo que é, o lince ibérico tem um papel fundamental no controlo das populações de coelhos (sua presa favorita) e de outros pequenos mamíferos de que se alimenta.
  5. 5.  A principal ameaça resulta do desaparecimento progressivo das populações de coelhos devido à introdução damixomatose. A pneumonia hemorrágica viral , que posteriormente afectou as populações de coelhos, veio a piorar ainda mais a situação do felino. Outras ameaças:  Utilização de armadilhas;  Caça ilegal;  Atropelamentos.
  6. 6.  Os acasalamentos ocorrem entre Janeiro e Março e após um período de gestação que varia entre 63 e 74 dias nascem entre 1 e 4 crias.  A sua alimentação é constituída por coelhos, mas quando estes faltam ele come veados, ratos, patos, perdizes, lagartos, etc.
  7. 7.  É um animal essencialmente nocturno . Trepador exímio. Por dia, poderá deslocar-se cerca de 7 km. Os territórios dos machos podem sobrepor-se a territórios de uma ou mais fêmeas . Os acasalamentos ocorrem entre Janeiro e Março e após um período de gestação que varia entre 63 e 74 dias nascem entre 1 e 4 crias. O mais comum é nascerem apenas 2 crias que recebem cuidados unicamente maternais durante cerca de 1 ano, altura em que se tornam independentes e abandonam o grupo familiar. Regra geral, quando nascem 3 ou 4 crias, estas entram em combates por comida ou sem qualquer motivo e acabam por sobrar apenas 2 ou até 1, daí um dos seus pequenos aumentos populacionais. Não existe dimorfismo sexual entre macho e fêmea.
  8. 8.  Este felino Habita no matagal mediterrânico . Prefere um mosaico de mato denso para refúgio e pastagens abertas para a caça. Não é frequentador assíduo de plantações de espécies arbóreas exóticas ( eucaliptais e pinhais ) . Como predador de topo que é, o lince ibérico tem um papel fundamental no controlo das populações de coelhos (sua presa favorita) e de outros pequenos mamíferos de que se alimenta.
  9. 9.  O lince-ibérico selecciona habitats de características mediterrânicas, como bosques, matagais e matos densos. Utiliza preferencialmente estruturas em mosaico, com biótopos fechados para abrigo. O lince-ibérico pode-se encontrar na serra da Malcata, situada entre os conselhos do Sabugal e de Penamacor, integrando o sistema montanhoso luso- espanhol da Maseta
  10. 10. Centro Nacional de Reprodução do Lince Ibérico Algarve, Silves acolhe actualmente 18 adultos e 17 crias da espécie mais ameaçada do Mundo.
  11. 11.  "Janes" e "Juromenha", quase com três meses de idade são duas das crias que ali nasceram entre março e abril de 2012. Como foram rejeitadas pela mãe poucas horas após o nascimento, tiveram de ser alimentadas artificialmente e nunca poderão ser reintroduzidas em meio natural. As outras 15 crias seguem os ensinamentos das mães e aprendem a sobreviver nos cercados que lhes servirão de casa até que algumas delas possam vir a repovoar os habitats tradicionais do lynx pardinus em Portugal e em Espanha.  http://www.youtube.com/watch?v=ritEQypWi 0k
  12. 12.  Como sabem, o Lince Ibérico está em vias-de-extinção, aliás, como viram neste trabalho é a espécie mais ameaçada. Eu sou contra a caça furtiva, e a minha maior paixão são estes animais. Custa-me imenso, como deve custar a outras pessoas, ver estes belíssimos animais a desaparecer. Se isto é assim agora, e nós ainda somos crinças, como será daqui a uns anos?! Já não existiram animais, porque entretanto foram todos exitintos, já não existirá a natureza que há hoje em dia (mesmo sendo algo reduzida)?! Temos de nos unir, e fazer algo para que isto pare de vez.  Obrigada por terem lido esta pequena mensagem que também é um desabafo para mim!
  13. 13.  Maria Freitas  7ºB  Agrupamento de escolas IBN Mucana  Escola Secundária IBN Mucana 

×