Replicação da FormaçãoImplementação dos Novos Programas de Português do Ensino Básico<br />Fundamentos e Conceitos-chave<b...
Valores que estruturam e fundamentam a aprendizagem do Português<br />Componente fundamental da formação escolar - condici...
Eixos Estruturantes<br />As competências gerais e específicas têm subjacentes quatro eixos fundamentais:<br />o da experiê...
Metas da disciplina de Português(Currículo Nacional do Ensino Básico)<br />Compreensão de discursos;<br />Interacções verb...
Termos e ConceitosCompetência<br />É um saber em acção, isto é, a capacidade de mobilizar um conjunto de recursos cognitiv...
Termos e Conceitos<br />Competências gerais: aquelas que permitem realizar actividades de todos os tipos, incluindo as act...
Competências Específicas<br /><ul><li>Compreensão do oral: capacidade para atribuir significado em diferentes variedades d...
Expressão do oral:capacidade para produzir sequências fónicas dotadas de significado e conformes à gramática da língua (mo...
Leitura:processo interactivo que se estabelece entre o leitor e o texto, em que o primeiro apreende e reconstrói o signifi...
Escrita:resultado dotado de significado e conforme à gramática da língua, de um processo de fixação linguística que convoc...
Conhecimento explícito da língua:capacidade para sistematizar unidades, regras e processos gramaticais do idioma levando à...
Competências específicas<br />   Cada uma delas deve ser alvo, simultaneamente, de trabalho explícito e integrado         ...
Conteúdos<br />   São de natureza conceptual e descritiva e activam competências metalinguísticas, metatextuais e metadisc...
Desempenho<br />   Designa aquilo que se espera que o aluno faça após uma experiência de aprendizagem.<br />
Descritor de desempenho<br />   Apresenta-se como um enunciado sintético, preciso e objectivo, indicando aquilo que se esp...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Fundamentos E Conceitos Chave

2.795 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.795
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
28
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fundamentos E Conceitos Chave

  1. 1. Replicação da FormaçãoImplementação dos Novos Programas de Português do Ensino Básico<br />Fundamentos e Conceitos-chave<br />
  2. 2. Valores que estruturam e fundamentam a aprendizagem do Português<br />Componente fundamental da formação escolar - condiciona e favorece a relação com o mundo;<br />Língua como modelizadora de identidade colectiva (lugar capital dos textos literários);<br />Sujeito linguístico como entidade que enuncia a sua singularidade no alargar do espaço da língua portuguesa;<br />Língua de escolarização – princípio da transversalidade (“a aprendizagem do português está directamente relacionada com a questão do sucesso escolar”).<br />
  3. 3. Eixos Estruturantes<br />As competências gerais e específicas têm subjacentes quatro eixos fundamentais:<br />o da experiência humana interacção do sujeito com:<br /> -uma identidade nacional;<br /> -as variações sociolectais, dialectais e nacionais da língua.<br />o da comunicação linguística interacção do sujeito com os outros:<br /> -na prática da oralidade e da escrita;<br /> -no ajustamento dos actos comunicativos a contextos específicos.<br />o do conhecimento linguístico capacidade do sujeito em descrever a língua e utilizá-la correctamente.<br />o do conhecimento translinguístico capacidade do sujeito em utilizar a língua para adquirir outros saberes.<br />
  4. 4. Metas da disciplina de Português(Currículo Nacional do Ensino Básico)<br />Compreensão de discursos;<br />Interacções verbais;<br />Leitura como actividade corrente e crítica;<br />Escrita correcta, multifuncional e tipologicamente diferenciada;<br />Análise linguística com propósito metacognitivo. <br /> programas adoptam conjunto de <br /> termos e conceitos operatórios<br />
  5. 5. Termos e ConceitosCompetência<br />É um saber em acção, isto é, a capacidade de mobilizar um conjunto de recursos cognitivos para resolver uma tarefa, um problema.<br />Ex.: para produzir um enunciado argumentativo, no âmbito da expressão oral, o sujeito mobiliza vários saberes relacionados com:<br /> - a estruturação textual (coesão interfrásica; temporo-aspectual; lexical…);<br /> - estratégias de persuasão (tipologia de argumentos, figuras de retórica processos de modalização…);<br /> - o domínio da temática a explorar;<br /> - a interacção discursiva (actos ilocutórios)…<br />
  6. 6. Termos e Conceitos<br />Competências gerais: aquelas que permitem realizar actividades de todos os tipos, incluindo as actividades linguísticas.<br />1.1.Competência de realização: capacidade para articular o saber e o fazer;<br /> 1.2. Competência existencial: capacidade para afirmar modos de ser e modos de estar;<br /> 1.3. Competência de aprendizagem: capacidade para apreender o saber;<br />1.4.Conhecimento declarativo: capacidade para explicitar os resultados da aprendizagem formal, articulada com o conhecimento implícito decorrente da experiência.<br />2. Competências linguístico-comunicativas: aquelas que permitem a um indivíduo agir, utilizando instrumentos linguísticos, para efeitos de relacionamento com os outros e com o mundo.<br />3.Competências específicas<br />
  7. 7. Competências Específicas<br /><ul><li>Compreensão do oral: capacidade para atribuir significado em diferentes variedades do Português (envolve a recepção e compreensão de mensagens por acesso a conhecimento organizado em memória).
  8. 8. Expressão do oral:capacidade para produzir sequências fónicas dotadas de significado e conformes à gramática da língua (mobilização de saberes linguísticos e sociais; pressupõe uma atitude cooperativa na interacção comunicativa bem como o conhecimento da natureza social do discurso e dos papéis desempenhados pelos falantes).
  9. 9. Leitura:processo interactivo que se estabelece entre o leitor e o texto, em que o primeiro apreende e reconstrói o significado ou os significados do segundo (exige capacidade de decifração de sequências grafemáticas, acesso a informação semântica, construção do conhecimento, etc.; incide sobre textos em diversos suportes e linguagens, para além da escrita verbal).
  10. 10. Escrita:resultado dotado de significado e conforme à gramática da língua, de um processo de fixação linguística que convoca o conhecimento do sistema de representação gráfica adoptado, bem como processos cognitivos e translinguísticos complexos (planeamento, textualização, revisão, correcção e reformulação do texto).
  11. 11. Conhecimento explícito da língua:capacidade para sistematizar unidades, regras e processos gramaticais do idioma levando à identificação e à correcção do erro; assenta na instrução formal e implica o desenvolvimento de processos metacognitivos.</li></li></ul><li>Domínios // Competências<br />
  12. 12. Competências específicas<br /> Cada uma delas deve ser alvo, simultaneamente, de trabalho explícito e integrado daí que o mesmo conteúdo surja em várias competências.<br />
  13. 13. Conteúdos<br /> São de natureza conceptual e descritiva e activam competências metalinguísticas, metatextuais e metadiscursivas, como resultado de uma reflexão pedagogicamente orientada sobre situações e usos particulares da língua, visando o conhecimento sistematizado da estrutura e das práticas do português padrão.<br />
  14. 14. Desempenho<br /> Designa aquilo que se espera que o aluno faça após uma experiência de aprendizagem.<br />
  15. 15. Descritor de desempenho<br /> Apresenta-se como um enunciado sintético, preciso e objectivo, indicando aquilo que se espera que o aluno seja capaz de fazer.<br />Cruza conteúdos programáticos com operações da ordem:<br /><ul><li>do saber-fazer (competência de realização);
  16. 16. do saber-ser e do saber-estar (competência existencial);
  17. 17. do saber-aprender (competência de aprendizagem);
  18. 18. do saber declarativo (conhecimento declarativo).</li></li></ul><li>Estes conceitos articulam-se nos quadros<br />
  19. 19. Articulação inter-ciclos<br />A articulação inter-ciclos consubstancia-se no princípio de progressão, à luz da noção de que o processo de ensino e de aprendizagem do idioma progride por patamares sucessivamente consolidados.<br />A aprendizagem constitui um “movimento” apoiado em aprendizagens anteriores.<br />Entende-se que o desenvolvimento do currículo é um contínuum em que o saber se alarga, se especializa, se complexifica e sistematiza.<br />Admite-se que certos componentes programáticos sejam retomados, em níveis de dificuldade crescente e sempre em sintonia com a necessidade de se manter uma forte articulação entre ciclos.<br />
  20. 20. Corpus textual<br />Critérios para a sua constituição:<br />representatividade e qualidade dos textos;<br />integridade das obras;<br />diversidade textual;<br />progressão;<br />intertextualidade.<br /> Não se apontam títulos de obras, mas antes os géneros: há flexibilidade na selecção desde que garantida a aplicação dos critérios referidos.<br />

×