NEGAÇÃO     DAFRA TERNIDADE   5º A NO    EMRC                AMENO                  Grupo Era      Algumas injustiças do n...
Cabul, AfeganistãoTrês anos depois da queda do regime Talibã,crianças disputam migalhas de carvão que caemdos sacos transp...
Karkhla, PaquistãoCrianças com idade entre 4 e 6 anos trabalham emfábricas de tijolos. O seu desgastante trabalhoconsiste ...
Tegucigalpa, HondurasAbutres e crianças disputam as sobras queencontram num aterro sanitário da capitalhondurenha. Juan Fl...
Siliguri, ÍndiaRuksana Khatun, de nove anos de idade, quebra pedras naperiferia da cidade.Segundo a Organização Internacio...
Recife, BrasilDe entre os 6 biliões de pessoas do mundo, 1,5 bilião são consideradas muito pobres.
Mais de 1,1 mil milhões de pessoas vivem com menos                de 1 euro por dia.  Na União Europeia há subsídios para ...
Congo, África CentralChantis   Tuseuo,       de   nove   anos   de   idade,   gravementedesnutrida, aguarda atendimento nu...
Crianças do Zimbabwe engarrafam água estagnada para serusada em casa.Um quarto da população mundial não dispõe de água pot...
Podemos ficar insensíveis, como cristãos?Qual é para ti a maior injustiça?O que se poderia fazerpara resolver?            ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Emrc 5º ano ul 5 negação da fraternidade_injustiças do mundo_

1.554 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.554
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
211
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
41
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Emrc 5º ano ul 5 negação da fraternidade_injustiças do mundo_

  1. 1. NEGAÇÃO DAFRA TERNIDADE 5º A NO EMRC AMENO Grupo Era Algumas injustiças do nosso mundo
  2. 2. Cabul, AfeganistãoTrês anos depois da queda do regime Talibã,crianças disputam migalhas de carvão que caemdos sacos transportados por camiões da CruzVermelha, de modo a garantir o seu própriosustento e das suas famílias.
  3. 3. Karkhla, PaquistãoCrianças com idade entre 4 e 6 anos trabalham emfábricas de tijolos. O seu desgastante trabalhoconsiste em virar os tijolos para que sequem maisrapidamente ao sol. O seu peso de criança permiteque realizem o seu penoso trabalho sem amassar ostijolos em que se apoiam.
  4. 4. Tegucigalpa, HondurasAbutres e crianças disputam as sobras queencontram num aterro sanitário da capitalhondurenha. Juan Flores e outras criançasreviram o lixo a fim de encontrar qualquercoisa que possa ser comido ou vendido.
  5. 5. Siliguri, ÍndiaRuksana Khatun, de nove anos de idade, quebra pedras naperiferia da cidade.Segundo a Organização Internacional de Trabalho, OIT, mais de220 milhões de crianças trabalham no mundo, algumas delascom jornadas de trabalho de até 17 horas.
  6. 6. Recife, BrasilDe entre os 6 biliões de pessoas do mundo, 1,5 bilião são consideradas muito pobres.
  7. 7. Mais de 1,1 mil milhões de pessoas vivem com menos de 1 euro por dia. Na União Europeia há subsídios para animais que atingem mais do dobro.
  8. 8. Congo, África CentralChantis Tuseuo, de nove anos de idade, gravementedesnutrida, aguarda atendimento num posto de saúde nosarredores de Kinshasa.Um quinto da população mundial padece de fome; três milhõesde crianças morrem de desnutrição todos os anos.Há povos inteiros e grandes zonas de países sem acesso acuidados de saúde.
  9. 9. Crianças do Zimbabwe engarrafam água estagnada para serusada em casa.Um quarto da população mundial não dispõe de água potável.
  10. 10. Podemos ficar insensíveis, como cristãos?Qual é para ti a maior injustiça?O que se poderia fazerpara resolver? Emrc

×