Deus e jesus ccm 2011

693 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
693
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Deus e jesus ccm 2011

  1. 1. CCM - Curso de Capacitação de Monitores de Grupos de Exercício Mediúnico SBEE 2011
  2. 2. “ Dê-me um ponto de apoio e eu moverei o mundo.”
  3. 3. “ Dê-me um ponto de apoio e eu moverei o mundo.” Arquimedes
  4. 4. <ul><li>“ Aquele que estudar a forma como as coisas começaram terá delas a mais clara visão.” Aristóteles </li></ul>
  5. 5. DEUS Definição ou conceito?
  6. 6. DEUS A evolução de um conceito
  7. 7. <ul><li>Como é que o homem primitivo percebia Deus? </li></ul>
  8. 9. <ul><li>Vulcões </li></ul>
  9. 10. <ul><li>Raios e trovões </li></ul>
  10. 11. <ul><li>Terremotos </li></ul>
  11. 12. <ul><li>Ventos </li></ul>
  12. 13. <ul><li>Sol </li></ul>
  13. 14. <ul><li>Animais </li></ul>
  14. 16. Como a criança percebe o trovão e o raio antes de saber que são naturais?
  15. 17. <ul><li>Será que nossos ancestrais não achavam que estes elementos eram animados por seres poderosos? </li></ul>
  16. 18. <ul><li>Algumas evidências mostram que sim. </li></ul>
  17. 19. <ul><li>Como apaziguá-los? </li></ul><ul><li>Eles ajudam? </li></ul><ul><li>Negociam? </li></ul><ul><li>Como? Se não falam? </li></ul>
  18. 20. <ul><li>Como materializar os deuses para poder negociar com eles? </li></ul>
  19. 22. Anubis Sobeque e Tot
  20. 25. <ul><li>+ ou - 2000 a.C. </li></ul><ul><li>O povo hebreu concebeu a ideia de um Deus único, mas era um Deus familiar de Abraão, Isaac e Jacó que protegia o seu povo mas podia aniquilar os inimigos. </li></ul>
  21. 26. DEUS VOLUNTARIOSO
  22. 27. MOISÉS 1200 a.C. DEUS QUE FAZ UM CONTRATO
  23. 28. 900 a.C. AMÓS – DEUS DE JUSTIÇA
  24. 29. 800 a.C. OSÉAS - DEUS DE PERDÃO
  25. 30. Criador Criatura 550 a.C. D. ISAIAS - DEUS ÚNICO
  26. 32. <ul><li>Que tal tentar oferecer algo aos deuses para obter algum favor? </li></ul>
  27. 34. <ul><li>Basta que dê certo uma vez e pronto... </li></ul><ul><li>surge a convicção </li></ul><ul><li>e nasce o </li></ul><ul><li>MITO. </li></ul>
  28. 35. <ul><li>Como fazer para que o fato ocorra novamente? </li></ul>
  29. 36. <ul><li>Repetindo exatamente o que foi feito antes! </li></ul>
  30. 37. <ul><li>Surge o ritual! </li></ul><ul><li>...instala-se a crença no sobrenatural... </li></ul>
  31. 38. <ul><li>COMO VEMOS </li></ul><ul><li>DEUS HOJE? </li></ul>
  32. 39. Visão politeísta
  33. 40. Deus do acaso Oops!
  34. 41. Deus do destino
  35. 43. <ul><li>TIPOS DE CRENTES </li></ul><ul><li>1 – Crente - crê que Deus existe </li></ul><ul><li>2 – Ateu - crê que Deus não existe </li></ul><ul><li>3 – Agnóstico – ainda não sabe - </li></ul>
  36. 44. Se Deus existe, que eu seja transformado numa pedra!
  37. 45. P O F
  38. 46. Hummm
  39. 47. Pode ter sido apenas coincidência...
  40. 48. <ul><li>DILEMA DIVINO </li></ul>
  41. 49. <ul><li>O QUE PEDIR? </li></ul><ul><li>E A QUEM? </li></ul>
  42. 50. <ul><li>Eu sou a melhor maneira que Deus tem para me ajudar! </li></ul>
  43. 51. <ul><li>A prece verdadeira busca respostas, nunca dádivas. </li></ul><ul><li>LJC </li></ul><ul><li>Revista SER Espírita </li></ul><ul><li>No. 12 – pág 53. </li></ul>
  44. 52. <ul><li>Como vemos Deus hoje? </li></ul>
  45. 56. Deus é brasileiro?
  46. 58. Olho de Deus
  47. 59. <ul><li>da Terra? </li></ul><ul><li>do Sistema Solar? </li></ul><ul><li>da Galáxia? </li></ul><ul><li>do grupo local? </li></ul><ul><li>do super grupo? </li></ul><ul><li>do Universo? </li></ul>
  48. 60. <ul><li>Quem ensinou o conceito de Creador para os indígenas? </li></ul>
  49. 61. <ul><li>Alcançamos o conceito definitivo? </li></ul>
  50. 62. <ul><li>Deus era Jesus encarnado? </li></ul>
  51. 64. Um homem chamado Jesus
  52. 65. Que Homem foi esse?
  53. 66. Não escreveu livros Não pintou quadros Não foi ator de novela Não foi jogador …
  54. 67. … mas n ão foi esquecido após 2000 anos…
  55. 68. Viveu em uma nação chamada Palestina
  56. 69. … e dividiu a história do mundo em …
  57. 70. a.C / d.C
  58. 72. O que sabemos de Jesus?
  59. 73. Lemos e ouvimos o que relatam… Cremos no que faz sentido…
  60. 74. Há 80.000 livros sobre Jesus
  61. 75. Jesus foi um homem?
  62. 76. Jesus é um espírito e encarnou como homem.
  63. 77. De onde Ele veio?
  64. 78. Não sabemos… mas seus ensinamentos indicam que ele veio de uma boa escola.
  65. 79. Por quê veio à Terra?
  66. 80. Baseados no princípio do Livre Arbítrio, podemos dizer que Jesus não veio contra a sua vontade ...
  67. 81. Para que veio à Terra?
  68. 82. Jesus declarou: - Não vim destruir a lei, mas dar-lhe cumprimento.
  69. 83. E qual é a Lei? - Amar a Deus sobre todas as coisas e o próximo como a si mesmo.
  70. 84. ..ainda bem que tem gente levando a sério…
  71. 85. Quem eram seus pais?
  72. 86. Um homem e uma mulher , pois do contrário teríamos a violação de leis naturais.
  73. 87. Jesus é Deus ?
  74. 88. Jesus chamava Deus de pai e seus contemporâneos de irmãos.
  75. 89. Por quê sua mensagem é tão forte?
  76. 90. Porque apesar de nova… é coerente, consistente, resiste a prova e constrói a paz
  77. 91. Jesus ressu s citou?
  78. 92. Se ressuscitar é voltar a vida no mesmo corpo, então Jesus não ressuscitou…
  79. 93. As penas capitais aplicáveis a não romanos eram: - Crucificação - Fogueira - Morte por animais (chamadas de suplício)
  80. 94. Qual o objetivo das penas de suplício?
  81. 95. Dar um exemplo e e xtinguir a pessoa d e modo a não restar nada para cultuar . (Antígona)
  82. 96. No ano em que Jesus foi crucificado, houveram 2000 crucificações, mas há pouquíssimas ossadas
  83. 97. Os restos mortais eram deixados para os abutres e cães carniceiros de modo a não restar nada.
  84. 98. Como entender a aparição de Jesus: - Jesus ensinava pelo exemplo
  85. 99. Como dar prova da vida após a vida?
  86. 100. Aparição de Jesus: - A materialização nos parece mais factível do que a ressurreição.
  87. 101. Jesus realmente existiu?
  88. 102. Documento s histórico s : Plínio o Jovem: 61 –112 d. C escreveu em sua c arta a o Imperador Trajano . cap í tulo X pág. 96:
  89. 103. “ Os cristãos tem o hábito de se reunir em um dia fixo, para rezar ao Cristo, que consideram Deus, para cantar e jurar não cometer qualquer crime, abstendo-se de roubo, assassinato, adultério e infidelidade”.
  90. 104. Tácito - 55 - 120 d. C escrevendo sobre o inc ê ndio de Roma: Anais, capítulo XV , pág. 54:
  91. 105. “ Nero acusa aqueles detestáveis por suas abominações que a multidão chama de cristãos. Esse nome vem de Cristo, que sob o principado de Tibério, foi mandado para o suplício pelo procurador Pôncio Pilatos.
  92. 106. Reprimida momentaneamente, essa superstição horrível rebrotou novamente, não apenas na Judéia mas agora dentro de Roma”
  93. 107. Suetônio ( 55-120 d.C.) falando da vida do I mperador Cláudio: “O imperador expulsou de Roma os judeus que viraram causa permanente de desordem pela pregação de Cristo” Vida de Cláudio, cap 25, p.4
  94. 108. Onde nasceu Jesus ?
  95. 109. Belém era a terra natal do rei Davi, mas hoje o consenso é de que Jesus nasceu em Nazaré que ficava na Palestina.
  96. 110. Quando Jesus nasceu?
  97. 111. Em 3790!
  98. 112. Em 3790 do calendário Judeu ou 6 a. C. da nossa era. No século VI um abade de Roma chamado Dionísio o Exíguo (500 – 560) recalculou o calendário e errou nas contas.
  99. 113. Registros romanos mostram que Quirino que teria feito o censo, só assumiu em 6 d . C ou seja 12 anos depois do nascimento de Jesus.
  100. 114. Em que dia Jesus nasceu?
  101. 115. Ninguém sabe!
  102. 116. A comemoração do Natal em 25 de dezembro foi in s t i tu í da no ano 525 d.C.
  103. 117. Gregório XIII iniciou o costume de contar o tempo em a. C/ d. C. a partir de 1582.
  104. 118. Jesus tinha irmãos?
  105. 119. Jesus tinha irmãos? O texto grego diz que J esus tinha adelphos o que significa irmãos.
  106. 120. Mateus nomeia Tiago, José, Simão, Judas e d uas irmãs .
  107. 121. Qual a mensagem de Jesus?
  108. 122. Intensa, extensa, complexa, forte e nova… tão nova que ainda não sabemos usá-la… perdoar por exemplo…
  109. 123. Exemplo: Somos iguais perante o Pai Nossa relação com o Pai é de amor e não de medo.
  110. 124. Parábolas
  111. 125. O semeador saiu a semear
  112. 126. O filho pródigo
  113. 127. Passagens
  114. 128. Mestre é permitido pagar o tributo a César?
  115. 129. - Hipócritas, por que me tentais? Mostrai-me a peça de dinheiro que se dá para o tributo.
  116. 130. - De quem é esta imagem e esta inscrição?
  117. 131. - Dai pois a César o que é de César e a Deus o que é de Deus!
  118. 132. A adúltera
  119. 133. - Mestre, esta mulher foi apanhada em adultério. Moisés manda que se lapide tais mulheres pelo apedrejamento. Tu, pois, que dizes?
  120. 134. Jesus ecreveu no chão: ladrão adúltero caluniador
  121. 136. Jesus era a verdade, a paz, o amor… Moisés era a lei fria e dura… Roma retirara de Israel o direito sobre a vida.
  122. 137. Qual a resposta ideal?…
  123. 138. “ Aquele dentre vós que estiver sem erro, atire-lhe a primeira pedra…”
  124. 139. Os Samaritanos
  125. 140. Samaritanos- dissidentes Nazarenos - pureza Fariseus - aparências Saduceus – materialistas Essênios - virtudes
  126. 141. Diálogo com a Samaritana: - Dá-me de beber. -    Como sendo tu judeu me pedes de beber a mim que sou mulher samaritana?
  127. 143. Diálogo com a Samaritana: -    Se tu conhecesses quem é que te diz dá-me de beber, tu lhe pedirias, e Ele te daria água viva.
  128. 144. -  Senhor! Tu não tens com que a tirar, e o poço é fundo; onde pois tens a água viva? És tu maior do que o nosso pai Jacó que nos deu o poço, dele bebendo, ele próprio, seus filhos e o seu gado?
  129. 145.   - Qualquer um que beber desta água tornará a ter sede, mas aquele que beber da água que eu lhe der, nunca terá sede, porque a água que eu lhe der fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna.
  130. 146. -    Dá-me dessa água para que não mais tenha sede, e aqui não venha tirá-la. ...ela entendeu o sentido espiritual? Ou ficou presa ao sentido material... ...e nós já o entendemos?
  131. 147. -   Vai chamar teu marido e vem cá. -    Não tenho marido... -    Disseste bem: pois que cinco maridos tiveste s , e o que agora tens não é teu marido.
  132. 148. -     Vejo que é s profeta! Nossos pais adoraram neste monte e vós judeus dizeis que é em Jerusalém o lugar onde se deve adorar.
  133. 149. -    Mulher acredita-me, a hora vem, em que nem neste monte nem em Jerusalém adorareis o Pai. A hora vem em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e verdade.
  134. 150. - E u sei que o Messias vem e quando vier nos anunciará tudo. - E u o sou; eu qu e falo contigo!
  135. 151. <ul><li>Porque florearam a história de Jesus? Pe. Jaldemir Vitório do C entro de Estudos Superiores da C ompanhia de Jesus em BH - gênero literário “ misdrah ” - a biografia de outras personalidades - Belém associa Jesus ao rei Davi do Antigo Testamento - Sentido às profecias </li></ul>
  136. 152. Jesus fez milagres?
  137. 153. O que é um milagre?
  138. 154. Jesus irá voltar? Se voltasse seria reconhecido ? Teria sentido ensinar redação para quem ainda não aprendeu a ler e escrever?
  139. 155. Vendo o fogo na água os nativos temeram sua magia...
  140. 156. O que para eles era um milagre, para o bandeirante era ciência... pois o líquido era álcool.
  141. 157. Caridade - O óbulo da viúva
  142. 158. Mestre, o que vale mais, a moeda de ouro do rico ou o óbulo da viúva?
  143. 159. Resposta de Jesus: - Para ela fará falta…
  144. 160. Nicodemos e Jesus
  145. 161. Sermão da Montanha
  146. 162. Sermão da Montanha: Bem aventurados os que choram, porque serão consolados...
  147. 163. Sermão da Montanha: Só quem já chorou sabe o alívio que o choro proporciona!
  148. 164. Eu vos dou a minha paz.
  149. 166. Quando virá o consolador? - Qual o significado do sermão da montanha? - O que significa Cristo? - Jesus era essênio? - Por quê foi perseguido?
  150. 167. Pergaminhos de Qunram
  151. 168. www.sbee.org.br Jesus e a Moral Cristã www.mediunato.org apresentações Artigos – PHW Um homem chamado Jesus.

×