Paul Klee
Bibliografia• Diciopédia 2008 – o poder do  conhecimento (CD)
Artista suíço, Paul Klee nasceu em1879, na Suíça. Filho de um professor demúsica, começou desde cedo a tocarviolino. Em 19...
Começou a pintar aguarelas depaisagens e motivos dearquitectura, construindo ascomposições a partir de formas simplesque c...
Em Juniper (1930) apresenta uma visãohumorística da estética construtivistaque então singrava na Bauhaus.Procurou ainda te...
O humor dos trabalhos anteriores eracontudo menos evidente e o clima erapor vezes mesmo ameaçador, como emMorte e Fogo e M...
"Senécio", óleo sobre linho de Paul Klee, 1922
"O Peixe Dourado", óleo e acrílico sobre papel de Paul Klee, 1925
Trabalho realizado por: • Nuno Monteiro nº22 9º3No âmbito da disciplina de Educação Visual
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Paul klee

1.241 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.241
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Paul klee

  1. 1. Paul Klee
  2. 2. Bibliografia• Diciopédia 2008 – o poder do conhecimento (CD)
  3. 3. Artista suíço, Paul Klee nasceu em1879, na Suíça. Filho de um professor demúsica, começou desde cedo a tocarviolino. Em 1900 inscrevia-se na Academiade Belas-Artes de Munique, começandopor utilizar a pena e a tinta e a gravura.Os temas continham algo de sinistro esatírico, na tradição do fantásticopresentes em artistas como FranciscoGoya, William Blake ou Odilon Redon.Na sua primeira exposição individual em1910 apresentava gravuras. O contactocom o grupo de artistas alemães BlaueReiter e sobretudo uma viagem à Tunísiaem 1914 assumiram uma importânciafundamental na evolução da sua estética.
  4. 4. Começou a pintar aguarelas depaisagens e motivos dearquitectura, construindo ascomposições a partir de formas simplesque criam um ambiente ingénuo e bem-humorado.Em O Zoo (1918) desenvolveu a técnicainiciada na Tunísia. As imagens possuemum aspecto deliberadamente infantil, oque empresta a toda a construção umacaracterística poética não isenta dehumorismo.Em 1920 foi convidado por Gropius aintegrar o corpo docente da escolaBauhaus e a partir daqui o seu trabalhovai reflectir a ideologia da escola, masnum ambiente muito pessoal.
  5. 5. Em Juniper (1930) apresenta uma visãohumorística da estética construtivistaque então singrava na Bauhaus.Procurou ainda teorizar as suasconcepções de Arte em Maneiras deEstudar a Natureza (1923), Esboços dePedagogia (1925) e Experiências Exactasno Realismo da Arte (1928), semcontudo propor um todo sistemático ecoerente.Com a ascensão do regimenazi, regressou a Berna em 1933.Começou a pintar com linhaspretas, grossas, construindocomposições simples e ousadas: SinaisNegros (1938), Jogo de Crianças (1939).
  6. 6. O humor dos trabalhos anteriores eracontudo menos evidente e o clima erapor vezes mesmo ameaçador, como emMorte e Fogo e Máscara (1940).Veio a falecer na cidade de Berna em1940. Apesar de ter partilhado asteorias de Kandinsky, Paul Kleedesenvolveu um universo pictural muitopróprio, partindo de formas abstratas efantásticas e criando uma arte subjetivaespontaneamente poética.
  7. 7. "Senécio", óleo sobre linho de Paul Klee, 1922
  8. 8. "O Peixe Dourado", óleo e acrílico sobre papel de Paul Klee, 1925
  9. 9. Trabalho realizado por: • Nuno Monteiro nº22 9º3No âmbito da disciplina de Educação Visual

×