SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 27
Fenômeno de nossos dias? G LOBALIZAÇÃO
O que é globalização ,[object Object],[object Object]
GLOBALIZAÇÃO ,[object Object],[object Object],[object Object],economia política cultura vida humana
Suponhamos que você vá com seus amigos comer um cheeseburger e tomar Coca-Cola no McDonald's. Em seguida, assista a um filme de Steven Spielber e volte para casa num carro Ford ou num ônibus Mercedes. Ao chegar, o telefone toca. Você atende num aparelho fabricado pela Siemmens e ouve um amigo lembrando-o de um videoclipe que começou há instantes na televisão: Michael Jackson em seu último lançamento. Você corre e liga o aparelho da marca Mitsubishi. Ao terminar o clipe, decide ouvir um CD do grupo Simply Red gravado pela BMG Ariola Discos, de propriedade da Warner, em seu equipamento Philips.
Globalização e Mundialização são quase sinônimos. Os americanos falam em globalização. Os franceses preferem mundialização. Internacionalização pode designar qualquer coisa que escape ao âmbito do Estado Nacional. Qual a diferença entre Globalização, Mundialização e Internacionalização?
O furacão financeiro que veio da Ásia, passou pela Europa, Estados Unidos e chegou ao Brasil, teve pelo menos uma vantagem didática. Ninguém pode mais alegar que nunca ouviu falar da globalização financeira. Até poucos meses, é provável que poucos soubessem onde ficava a Tailândia ou Hong Kong. Hoje muita gente sabe que um resfriado nesses lugares pode virar uma gripe aqui. Especialmente se fizer uma escala em Nova York." (Celso Pinto – do Conselho Editorial – Folha de São Paulo) "A notícia do assassinato do presidente norte-americano Abraham Lincoln, em 1865, levou 13 dias para cruzar o Atlântico e chegar a Europa. A queda da Bolsa de Valores de Hong Kong (outibro-novembro/97), levou 13 segundos para cair como um raio sobre São Paulo e Tóquio, Nova York e Tel Aviv, Buenos Aires e Frankfurt. Eis ao vivo e em cores, a globalização" Clóvis Rossi – do Concelho Editorial – Folha de São Paulo) O que é Globalização?
Novamente, não há uma única resposta. Fala-se em início dos anos 80, quando a tecnologia de informática se associou à de telecomunicações. Outros acreditam que a globalização começou mais tarde com a queda das barreiras comerciais. Processo típico da segunda metade do século XX que conduz a crescente integração das economias e das sociedades dos vários países, especialmente no que toca à produção de mercadorias e serviços, aos mercados financeiros, e à difusão de informações. Quando o mundo começou a ficar globalizado?
Diversos mundo em um mundo só Durante séculos havia para a humanidade um Planeta – a Terra – e vários mundos, cada um deles correspondente ao espaço geográfico conhecido por determinado povo. Havia o mundo dos europeus, o mundo dos árabes, o dos chineses, o mundo dos tupis, o dos incas, dos astecas e os outros povos americanos
Parabolicamará Gilberto Gil Antes mundo era pequeno Porque Terra era grande Hoje Mundo é muito grande Porque Terra é Pequena Do tamanho da antena parabolicamará  Ê, volta do Mundo, Camará Ê, Mundo dá volta, Camará Antes Longe era distante Perto só quando dava Quando muito ali defronte E o horizonte acabava Hoje lá trás dos montes Dende casa, camará Ê, volta do Mundo, Camará Ê, Mundo dá volta, Camará De jangada leva uma eternidade De saveiro leva uma encarnação De avião o tempo de uma saudade Pela onda luminosa Leva o tempo de raio Tempo que levava a rosa Pra arrumar o balaio Quando sentia que o balaio ia  Escorregarê, volta do mundo camará Ê, mundo dá volta camará Esse tempo nunca passa Não é de ontem nem de hoje Mora no som da cabaça Não tá preso nem foge No instante que tange o berimbau, me Camaráê, volta do mundo, camará Ê, mundo dá volta, camará De jangada leva uma eternidade De saveiro leva uma encarnação De avião o tempo de uma saudade Esse tempo não tem rédea Vem nas asas do vento O momento da tragédia Chico Ferreira e Bento Só souberam na hora do  Destino apresentar Ê, volta do Mundo, Camará Ê, Mundo dá volta, Camará
CAPITALISMO COMERCIAL (Séculos (XV, XVI e XVII) Colonização das Américas: Busca de metais preciosos e novos produtos para incrementar o comércio na Europa; escravização do africano. Principal meio de Transporte: caravelas e posteriormente embarcações movidas a vapor CAPITALISMO COMERCIAL De jangada leva uma eternidade... A Globalização e o Capitalismo
De saveiro leva uma encarnação De avião o tempo de uma saudade. CAPITALISMO INDUSTRIAL (Final do século XVIII até o início do século XX) Primeira Revolução Industrial: Grande expansão da produção que deixou de ser baseada na manufatura Principais meios de Transportes: O vapor aparecimento das locomotivas movidas à, os automóveis e posteriormente os aviões A Globalização e o Capitalismo CAPITALISMO INDUSTRIAL
[object Object],Pela onda luminosa Leva o tempo de raio CAPITALISMO FINANCEIRO: Pós-2ª Guerra mundial; expansão das multinacionais; fusão do capital industrial com os bancos; revolução técnico -científica. Desenvolvimento de meios de transportes mais rápidos e baratos; grande desenvolvimento dos meios de comunicação; informatização dos processos produtivos. A Globalização e o Capitalismo
INTERDEPENDÊNCIA No sistema globalizado, os conceitos de conceitos descritos anteriormente envolvem a interdependência. Os países são dependentes uns dos outros, pois os governos nacionais não conseguem resolver individualmente seus principais problemas econômicos, sociais ou ambientais. As novas questões relacionadas com a economia globalizada fazem parte de um contexto mundial, refletem os grandes problemas internacionais, e as soluções dependem de medidas que devem ser tomadas por um grande conjunto de países.
Avanços nos meios de transportes e comunicação
C om a globalização a  OMC   (Organização mundial do Comércio, que substitui o GATT - acordo Geral de tarifas e Comércio), passa a ser a  instituição internacional de maior relevância, uma vez que no futuro, os “conflitos comerciais” se intensificarão, sendo esta instituição apta a julgar tais conflitos;  O Brasil interpela a UE junto a OMC pelas barreiras alfandegárias impostas  ao açúcar nacional. O Comércio Mundial: face da globalização. O que é a OMC? A Organização Mundial do Comércio (OMC) é uma organização intergovernamental criada em 1º de Janeiro de 1995, no final da Rodada do Uruguai de negociações do comércio internacional do Acordo Geral sobre Tarifas e Comércio (GATT), para regulamentar as transações internacionais e promover o "livre" comércio.
Globalização da Economia e Competitividade Mundial ,[object Object],[object Object],[object Object]
Corporações Transnacionais As empresas transnacionais são grandes firmas que manejam capital próprio e de outros (têm fácil e grande acesso ao crédito) na aquisição de matéria-prima, maquinaria, de tecnologia e levam a sua produção às diversas partes do globo, em face de racionalização, na organização de seus serviços e de sua administração, e da influência junto aos órgãos governamentais.
FÁBRICA GLOBAL ,[object Object]
OS FLUXOS GERADOS PELA GLOBALIZAÇÃO ,[object Object],[object Object],Capitais especulativos.  Esse tipo de capital é negociado nas bolsas de valores e consiste na compra e venda de ações de empresas. Esse procedimento é favorecido pela facilidade que se tem de transferências de dinhaeiro de um lugar para o outro através de meios eletrônicos. Esse tipo de negócio, na maioria das vezes, tem fins apenas lucrativos e quase não geram empregos
Os fluxos de mercadorias É através desses fluxos que se percebe uma certa padronização do consumo, pois as mercadorias têm uma maior facilidade de circulação e um mesmo produto pode ser consumido em diferentes partes do globo. Percebemos com isso uma certa interdependência das economias, pois um pais não produz tudo o que consome e nem consome tudo o que produz. Esse fluxo também é explicitamente estimulado pela empresas multinacionais.
Os fluxos de pessoas: percebe-se no espaço mundo um aumento das viagens internacionais de passageiros devido o avanço no setor da construção aeronáutica, uma vez que os aviões ficaram maiores, mais rápidos e seguros. Esse fluxo abarca aqueles que viajam a negócios (grandes empresários) e aqueles que viajam por lazer (turistas), aliás atualmente o turismo é uma mercado que vem se expandindo cada vez mais além desses existem outros motivos que contribuem para o aumento desse fluxo, porém sabemos que uma grande parte da população mundial jamais vai conseguir colocar os pés em uma aeronave.
Os fluxos de informação: Esses fluxos são de fundamentais importância no mundo atual, pois eles permitem um maior conhecimento do mundo. Esses fluxos se intensificam cada vez mais graças aos satélites de telecomunicação que possibilitam a comunicação em tempo real de qualquer parte do Planeta. Eles formam grande redes de comunicação entre elas podemos destacar a Internet que possibilita aos usuários realizarem várias ações sem sais do seu lugar. Também se formam grandes redes de rádio e televisão que possuem correspondente em diversas regiões do globo. Não devemos esquecer que essas maravilhas estão restritas àqueles que podem consumi-lás, assim muitos são os excluídos desse processo, sejam pessoas, sejam lugares.
As Cidades Globais A qualidade e quantidade dos fluxos é que diferenciam as regiões e lugares, proporcionando aos mais bem dotados uma posição relevante, em detrimento dos menos dotados. Cabem aos nós dessas redes presidirem as atividades mais características (as pós-industriais) do nosso mundo cada vez mais globalizado. Cada um de nós precisa ter uma infra-estrutura tecnológica adequada, um sistema de empresas auxiliares fornecendo os serviços de suporte, um mercado de trabalho especializado e o sistema de serviços exigido pela força de trabalho liberal. Estes nós são, em geral, as metrópoles, onde um grande número de fatos e acontecimentos próprios de nossa época se combinam e acontecem.
As cidades Globais Mas numa classificação mais rigorosa só se deve incluir entre as metrópoles ou cidades globais algumas poucas como Nova York, Los Angeles, Tóquio, Londres, Paris, cidades que são efetivamente capazes de exercer um papel de comando sobre outras cidades e sobre uma boa parte do mundo. Podemos inserir também nesse rol, num segundo nível, algumas cidades como São Paulo, Cidade do México, Johannesburgo, cuja influência se dá em áreas menores e mais circunscritas do globo. Mas o   exercício da ação hegemônica sobre a face da Terra não é algo exclusivo das metrópoles de primeira grandeza sem as outras cidades, a economia global não se realizaria.
 
Os Simpsons - pode ser considerado um desenho globalizado, uma vez que possui telespectadors em mais de 50 países . C oncomitantemente a  integração comercial,  há também a cultural , propagação do padrão cultural dos países do Norte (padronização da alimentação/McDonald’s; vestuário/calça jeans; entretenimento/” Homem Aranha ” , música/Madonna ).  Globalização e cultura
Hino da Globalização Num posto da  YPIRANGA , às margens plácidas,  De um  VOLVO  heróico  BRAHMA  retumbante  SKOL  da liberdade em  RIDER  fulgido  Brilhou no  SHELL  da Pátria nesse instante  Se o  KNORR  dessa igualdade  Conseguimos conquistar com braço  FORD   Em teu  SEIKO , ó liberdade  Desafio nosso peito à  MICROSOFT .     O  PARMALAT ,  MASTERCARD ,  SHARP ,  SHARP   AMIL  um sonho intenso, um rádio  PHILIPS   De amor e de  LUFTHANSA  a terra desce  INTEL  formoso céu risonho  OLYMPICUS   A imagem do  BRADESCO  resplandece.     GILLET  pela própria natureza  És belo  ESCORT  impávido colosso  E o teu futuro espelha essa  GRENDENE .  CERPA  gelada !  Entre outras mil é  SUVINIL ,  COMPAQ  amada  Do  PHILCO  deste  SOLLO  és mãe  DORIL   COCA   COLA ,  BOMBRIL !!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Nova ordem mundial
Nova ordem mundialNova ordem mundial
Nova ordem mundial
karolpoa
 
Conceitos demográficos
Conceitos demográficosConceitos demográficos
Conceitos demográficos
Professor
 
A regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundialA regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundial
Uilson Pereira da Silva
 
Organismos Internacionais
Organismos InternacionaisOrganismos Internacionais
Organismos Internacionais
Edirlene Fraga
 

Mais procurados (20)

Divisão internacional do trabalho
Divisão internacional do trabalhoDivisão internacional do trabalho
Divisão internacional do trabalho
 
26. conflitos no oriente médio
26. conflitos no oriente médio26. conflitos no oriente médio
26. conflitos no oriente médio
 
Nova ordem mundial
Nova ordem mundialNova ordem mundial
Nova ordem mundial
 
População mundial
População mundialPopulação mundial
População mundial
 
O mundo bipolar
O mundo bipolarO mundo bipolar
O mundo bipolar
 
Geografia - Fontes de Energia.
Geografia - Fontes de Energia.Geografia - Fontes de Energia.
Geografia - Fontes de Energia.
 
Conceitos demográficos
Conceitos demográficosConceitos demográficos
Conceitos demográficos
 
PAÍSES EMERGENTES
PAÍSES EMERGENTESPAÍSES EMERGENTES
PAÍSES EMERGENTES
 
A regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundialA regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundial
 
Mundo Bipolar
Mundo BipolarMundo Bipolar
Mundo Bipolar
 
Primavera árabe
Primavera árabePrimavera árabe
Primavera árabe
 
Geografia origem e caracteriscas do capitalismo
Geografia   origem e caracteriscas do capitalismoGeografia   origem e caracteriscas do capitalismo
Geografia origem e caracteriscas do capitalismo
 
Geografia continente europeu
Geografia   continente europeuGeografia   continente europeu
Geografia continente europeu
 
Socialismo
SocialismoSocialismo
Socialismo
 
Urbanização
UrbanizaçãoUrbanização
Urbanização
 
Geografia política e geopolítica
Geografia política e geopolíticaGeografia política e geopolítica
Geografia política e geopolítica
 
Organismos Internacionais
Organismos InternacionaisOrganismos Internacionais
Organismos Internacionais
 
ÁFRICA
ÁFRICAÁFRICA
ÁFRICA
 
Aula 1 - Migrações internacionais
Aula 1 - Migrações internacionaisAula 1 - Migrações internacionais
Aula 1 - Migrações internacionais
 
O neoliberalismo
O neoliberalismoO neoliberalismo
O neoliberalismo
 

Destaque

Slide GlobalizaçãO
Slide GlobalizaçãOSlide GlobalizaçãO
Slide GlobalizaçãO
rsaloes
 
Orientação geográfica
Orientação geográficaOrientação geográfica
Orientação geográfica
Rosemildo Lima
 
O Que é GlobalizaçãO
O Que é GlobalizaçãOO Que é GlobalizaçãO
O Que é GlobalizaçãO
rsaloes
 
globalização
globalizaçãoglobalização
globalização
rsaloes
 
Actividade 1
Actividade 1Actividade 1
Actividade 1
Karyn XP
 
Trabalho De Grupo GlobalizaçãO José, Marco E Valdemar
Trabalho De Grupo GlobalizaçãO José, Marco E ValdemarTrabalho De Grupo GlobalizaçãO José, Marco E Valdemar
Trabalho De Grupo GlobalizaçãO José, Marco E Valdemar
analuisacvieira
 
GlobalizaçãO
GlobalizaçãOGlobalizaçãO
GlobalizaçãO
Rita
 
Aula 21 a globalização e as novas tendências do mercado de trabalho
Aula 21   a globalização e as novas tendências do mercado de trabalhoAula 21   a globalização e as novas tendências do mercado de trabalho
Aula 21 a globalização e as novas tendências do mercado de trabalho
Luiz Siles
 

Destaque (20)

Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
Slide GlobalizaçãO
Slide GlobalizaçãOSlide GlobalizaçãO
Slide GlobalizaçãO
 
Orientação geográfica
Orientação geográficaOrientação geográfica
Orientação geográfica
 
O Que é GlobalizaçãO
O Que é GlobalizaçãOO Que é GlobalizaçãO
O Que é GlobalizaçãO
 
globalização
globalizaçãoglobalização
globalização
 
Actividade 1
Actividade 1Actividade 1
Actividade 1
 
Globalizacao 2008
Globalizacao   2008Globalizacao   2008
Globalizacao 2008
 
Modulo 14 O que é globalização
Modulo 14   O que é globalizaçãoModulo 14   O que é globalização
Modulo 14 O que é globalização
 
O que é globalização pdf
O que é globalização pdfO que é globalização pdf
O que é globalização pdf
 
Globalização e os Blocos Econômicos
Globalização e os Blocos EconômicosGlobalização e os Blocos Econômicos
Globalização e os Blocos Econômicos
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
Trabalho De Grupo GlobalizaçãO José, Marco E Valdemar
Trabalho De Grupo GlobalizaçãO José, Marco E ValdemarTrabalho De Grupo GlobalizaçãO José, Marco E Valdemar
Trabalho De Grupo GlobalizaçãO José, Marco E Valdemar
 
Palestra Globalização e Cidadania
Palestra Globalização e CidadaniaPalestra Globalização e Cidadania
Palestra Globalização e Cidadania
 
GlobalizaçãO
GlobalizaçãOGlobalizaçãO
GlobalizaçãO
 
Abed Unisinos Agosto2009
Abed Unisinos Agosto2009Abed Unisinos Agosto2009
Abed Unisinos Agosto2009
 
Fluxos materiais e imateriais
Fluxos materiais e imateriaisFluxos materiais e imateriais
Fluxos materiais e imateriais
 
A Globalização
A GlobalizaçãoA Globalização
A Globalização
 
Aula 21 a globalização e as novas tendências do mercado de trabalho
Aula 21   a globalização e as novas tendências do mercado de trabalhoAula 21   a globalização e as novas tendências do mercado de trabalho
Aula 21 a globalização e as novas tendências do mercado de trabalho
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 

Semelhante a Globalização2

A globalização a mundialização do capitalismo
A globalização a mundialização do capitalismoA globalização a mundialização do capitalismo
A globalização a mundialização do capitalismo
Felipe Leo
 
Capitalismo e globalização
Capitalismo e globalizaçãoCapitalismo e globalização
Capitalismo e globalização
CristinaPenha
 
Brasil, Globalização e a Nova Ordem Mundial
Brasil, Globalização e a Nova Ordem MundialBrasil, Globalização e a Nova Ordem Mundial
Brasil, Globalização e a Nova Ordem Mundial
Cristiane Freitas
 

Semelhante a Globalização2 (20)

GLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃO GLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃO
 
O fenómeno da globalização.pptx
O fenómeno da globalização.pptxO fenómeno da globalização.pptx
O fenómeno da globalização.pptx
 
A globalização e seus fluxos.pptx
A globalização e seus fluxos.pptxA globalização e seus fluxos.pptx
A globalização e seus fluxos.pptx
 
Sandra rodrigues 13
Sandra rodrigues 13Sandra rodrigues 13
Sandra rodrigues 13
 
Trabalho feito globalizacao
Trabalho feito globalizacaoTrabalho feito globalizacao
Trabalho feito globalizacao
 
A globalização a mundialização do capitalismo
A globalização a mundialização do capitalismoA globalização a mundialização do capitalismo
A globalização a mundialização do capitalismo
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
Nova ordem mundial
Nova ordem mundialNova ordem mundial
Nova ordem mundial
 
Capitalismo e globalização
Capitalismo e globalizaçãoCapitalismo e globalização
Capitalismo e globalização
 
2 introducao aos-estudos_da_globalizacao_-_globalizacao_da_economia
2 introducao aos-estudos_da_globalizacao_-_globalizacao_da_economia2 introducao aos-estudos_da_globalizacao_-_globalizacao_da_economia
2 introducao aos-estudos_da_globalizacao_-_globalizacao_da_economia
 
4 introducao aos-estudos_da_globalizacao_-_globalizacao_da_economia
4 introducao aos-estudos_da_globalizacao_-_globalizacao_da_economia4 introducao aos-estudos_da_globalizacao_-_globalizacao_da_economia
4 introducao aos-estudos_da_globalizacao_-_globalizacao_da_economia
 
Globalização mundial e suas caracteristicas nglobais
Globalização mundial e suas caracteristicas nglobaisGlobalização mundial e suas caracteristicas nglobais
Globalização mundial e suas caracteristicas nglobais
 
Aula 7 [1-2022] - Onde habitar?
Aula 7 [1-2022] - Onde habitar?Aula 7 [1-2022] - Onde habitar?
Aula 7 [1-2022] - Onde habitar?
 
CEB
CEBCEB
CEB
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
Brasil, Globalização e a Nova Ordem Mundial
Brasil, Globalização e a Nova Ordem MundialBrasil, Globalização e a Nova Ordem Mundial
Brasil, Globalização e a Nova Ordem Mundial
 
Aula 05 Economia Mundial E Do Brasil
Aula 05 Economia Mundial E Do BrasilAula 05 Economia Mundial E Do Brasil
Aula 05 Economia Mundial E Do Brasil
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Capitalismo e globalização
Capitalismo e globalizaçãoCapitalismo e globalização
Capitalismo e globalização
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 

Mais de Rosemildo Lima

A origem do subdesenvolvimento
A origem do subdesenvolvimentoA origem do subdesenvolvimento
A origem do subdesenvolvimento
Rosemildo Lima
 
O s meios de transportes
O s meios de transportesO s meios de transportes
O s meios de transportes
Rosemildo Lima
 
Geografia 6º ano módulo 8
Geografia 6º ano   módulo 8Geografia 6º ano   módulo 8
Geografia 6º ano módulo 8
Rosemildo Lima
 
Regionalização do brasil
Regionalização do brasilRegionalização do brasil
Regionalização do brasil
Rosemildo Lima
 

Mais de Rosemildo Lima (16)

Divisão norte sul
Divisão norte sulDivisão norte sul
Divisão norte sul
 
A origem do subdesenvolvimento
A origem do subdesenvolvimentoA origem do subdesenvolvimento
A origem do subdesenvolvimento
 
O nosso lugar no mundo
O nosso lugar no mundoO nosso lugar no mundo
O nosso lugar no mundo
 
O s meios de transportes
O s meios de transportesO s meios de transportes
O s meios de transportes
 
Geografia 6º ano módulo 8
Geografia 6º ano   módulo 8Geografia 6º ano   módulo 8
Geografia 6º ano módulo 8
 
Regionalização do brasil
Regionalização do brasilRegionalização do brasil
Regionalização do brasil
 
Vegetacao brasileira
Vegetacao brasileiraVegetacao brasileira
Vegetacao brasileira
 
Os domínios morfoclimáticos
Os domínios morfoclimáticosOs domínios morfoclimáticos
Os domínios morfoclimáticos
 
A nova ordem mundial ou mulitpolaridade
A nova ordem mundial ou mulitpolaridadeA nova ordem mundial ou mulitpolaridade
A nova ordem mundial ou mulitpolaridade
 
América latina def
América latina defAmérica latina def
América latina def
 
O complexo regional do nordeste
O complexo regional do nordesteO complexo regional do nordeste
O complexo regional do nordeste
 
Região norte
Região norteRegião norte
Região norte
 
Urbanização2
Urbanização2Urbanização2
Urbanização2
 
Fontes de emergia
Fontes de emergiaFontes de emergia
Fontes de emergia
 
Blocos economicos
Blocos economicosBlocos economicos
Blocos economicos
 
A grande concentração industrial na região sudeste
A grande concentração industrial na região sudesteA grande concentração industrial na região sudeste
A grande concentração industrial na região sudeste
 

Último

AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
ssuserbb4ac2
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 

Último (20)

APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdfExercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptAula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
 
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptxCONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptx
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
TIPOS DE CALOR CALOR LATENTE E CALOR SENSIVEL.pptx
TIPOS DE CALOR CALOR LATENTE E CALOR SENSIVEL.pptxTIPOS DE CALOR CALOR LATENTE E CALOR SENSIVEL.pptx
TIPOS DE CALOR CALOR LATENTE E CALOR SENSIVEL.pptx
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 

Globalização2

  • 1. Fenômeno de nossos dias? G LOBALIZAÇÃO
  • 2.
  • 3.
  • 4. Suponhamos que você vá com seus amigos comer um cheeseburger e tomar Coca-Cola no McDonald's. Em seguida, assista a um filme de Steven Spielber e volte para casa num carro Ford ou num ônibus Mercedes. Ao chegar, o telefone toca. Você atende num aparelho fabricado pela Siemmens e ouve um amigo lembrando-o de um videoclipe que começou há instantes na televisão: Michael Jackson em seu último lançamento. Você corre e liga o aparelho da marca Mitsubishi. Ao terminar o clipe, decide ouvir um CD do grupo Simply Red gravado pela BMG Ariola Discos, de propriedade da Warner, em seu equipamento Philips.
  • 5. Globalização e Mundialização são quase sinônimos. Os americanos falam em globalização. Os franceses preferem mundialização. Internacionalização pode designar qualquer coisa que escape ao âmbito do Estado Nacional. Qual a diferença entre Globalização, Mundialização e Internacionalização?
  • 6. O furacão financeiro que veio da Ásia, passou pela Europa, Estados Unidos e chegou ao Brasil, teve pelo menos uma vantagem didática. Ninguém pode mais alegar que nunca ouviu falar da globalização financeira. Até poucos meses, é provável que poucos soubessem onde ficava a Tailândia ou Hong Kong. Hoje muita gente sabe que um resfriado nesses lugares pode virar uma gripe aqui. Especialmente se fizer uma escala em Nova York." (Celso Pinto – do Conselho Editorial – Folha de São Paulo) "A notícia do assassinato do presidente norte-americano Abraham Lincoln, em 1865, levou 13 dias para cruzar o Atlântico e chegar a Europa. A queda da Bolsa de Valores de Hong Kong (outibro-novembro/97), levou 13 segundos para cair como um raio sobre São Paulo e Tóquio, Nova York e Tel Aviv, Buenos Aires e Frankfurt. Eis ao vivo e em cores, a globalização" Clóvis Rossi – do Concelho Editorial – Folha de São Paulo) O que é Globalização?
  • 7. Novamente, não há uma única resposta. Fala-se em início dos anos 80, quando a tecnologia de informática se associou à de telecomunicações. Outros acreditam que a globalização começou mais tarde com a queda das barreiras comerciais. Processo típico da segunda metade do século XX que conduz a crescente integração das economias e das sociedades dos vários países, especialmente no que toca à produção de mercadorias e serviços, aos mercados financeiros, e à difusão de informações. Quando o mundo começou a ficar globalizado?
  • 8. Diversos mundo em um mundo só Durante séculos havia para a humanidade um Planeta – a Terra – e vários mundos, cada um deles correspondente ao espaço geográfico conhecido por determinado povo. Havia o mundo dos europeus, o mundo dos árabes, o dos chineses, o mundo dos tupis, o dos incas, dos astecas e os outros povos americanos
  • 9. Parabolicamará Gilberto Gil Antes mundo era pequeno Porque Terra era grande Hoje Mundo é muito grande Porque Terra é Pequena Do tamanho da antena parabolicamará Ê, volta do Mundo, Camará Ê, Mundo dá volta, Camará Antes Longe era distante Perto só quando dava Quando muito ali defronte E o horizonte acabava Hoje lá trás dos montes Dende casa, camará Ê, volta do Mundo, Camará Ê, Mundo dá volta, Camará De jangada leva uma eternidade De saveiro leva uma encarnação De avião o tempo de uma saudade Pela onda luminosa Leva o tempo de raio Tempo que levava a rosa Pra arrumar o balaio Quando sentia que o balaio ia Escorregarê, volta do mundo camará Ê, mundo dá volta camará Esse tempo nunca passa Não é de ontem nem de hoje Mora no som da cabaça Não tá preso nem foge No instante que tange o berimbau, me Camaráê, volta do mundo, camará Ê, mundo dá volta, camará De jangada leva uma eternidade De saveiro leva uma encarnação De avião o tempo de uma saudade Esse tempo não tem rédea Vem nas asas do vento O momento da tragédia Chico Ferreira e Bento Só souberam na hora do Destino apresentar Ê, volta do Mundo, Camará Ê, Mundo dá volta, Camará
  • 10. CAPITALISMO COMERCIAL (Séculos (XV, XVI e XVII) Colonização das Américas: Busca de metais preciosos e novos produtos para incrementar o comércio na Europa; escravização do africano. Principal meio de Transporte: caravelas e posteriormente embarcações movidas a vapor CAPITALISMO COMERCIAL De jangada leva uma eternidade... A Globalização e o Capitalismo
  • 11. De saveiro leva uma encarnação De avião o tempo de uma saudade. CAPITALISMO INDUSTRIAL (Final do século XVIII até o início do século XX) Primeira Revolução Industrial: Grande expansão da produção que deixou de ser baseada na manufatura Principais meios de Transportes: O vapor aparecimento das locomotivas movidas à, os automóveis e posteriormente os aviões A Globalização e o Capitalismo CAPITALISMO INDUSTRIAL
  • 12.
  • 13. INTERDEPENDÊNCIA No sistema globalizado, os conceitos de conceitos descritos anteriormente envolvem a interdependência. Os países são dependentes uns dos outros, pois os governos nacionais não conseguem resolver individualmente seus principais problemas econômicos, sociais ou ambientais. As novas questões relacionadas com a economia globalizada fazem parte de um contexto mundial, refletem os grandes problemas internacionais, e as soluções dependem de medidas que devem ser tomadas por um grande conjunto de países.
  • 14. Avanços nos meios de transportes e comunicação
  • 15. C om a globalização a OMC (Organização mundial do Comércio, que substitui o GATT - acordo Geral de tarifas e Comércio), passa a ser a instituição internacional de maior relevância, uma vez que no futuro, os “conflitos comerciais” se intensificarão, sendo esta instituição apta a julgar tais conflitos; O Brasil interpela a UE junto a OMC pelas barreiras alfandegárias impostas ao açúcar nacional. O Comércio Mundial: face da globalização. O que é a OMC? A Organização Mundial do Comércio (OMC) é uma organização intergovernamental criada em 1º de Janeiro de 1995, no final da Rodada do Uruguai de negociações do comércio internacional do Acordo Geral sobre Tarifas e Comércio (GATT), para regulamentar as transações internacionais e promover o "livre" comércio.
  • 16.
  • 17. Corporações Transnacionais As empresas transnacionais são grandes firmas que manejam capital próprio e de outros (têm fácil e grande acesso ao crédito) na aquisição de matéria-prima, maquinaria, de tecnologia e levam a sua produção às diversas partes do globo, em face de racionalização, na organização de seus serviços e de sua administração, e da influência junto aos órgãos governamentais.
  • 18.
  • 19.
  • 20. Os fluxos de mercadorias É através desses fluxos que se percebe uma certa padronização do consumo, pois as mercadorias têm uma maior facilidade de circulação e um mesmo produto pode ser consumido em diferentes partes do globo. Percebemos com isso uma certa interdependência das economias, pois um pais não produz tudo o que consome e nem consome tudo o que produz. Esse fluxo também é explicitamente estimulado pela empresas multinacionais.
  • 21. Os fluxos de pessoas: percebe-se no espaço mundo um aumento das viagens internacionais de passageiros devido o avanço no setor da construção aeronáutica, uma vez que os aviões ficaram maiores, mais rápidos e seguros. Esse fluxo abarca aqueles que viajam a negócios (grandes empresários) e aqueles que viajam por lazer (turistas), aliás atualmente o turismo é uma mercado que vem se expandindo cada vez mais além desses existem outros motivos que contribuem para o aumento desse fluxo, porém sabemos que uma grande parte da população mundial jamais vai conseguir colocar os pés em uma aeronave.
  • 22. Os fluxos de informação: Esses fluxos são de fundamentais importância no mundo atual, pois eles permitem um maior conhecimento do mundo. Esses fluxos se intensificam cada vez mais graças aos satélites de telecomunicação que possibilitam a comunicação em tempo real de qualquer parte do Planeta. Eles formam grande redes de comunicação entre elas podemos destacar a Internet que possibilita aos usuários realizarem várias ações sem sais do seu lugar. Também se formam grandes redes de rádio e televisão que possuem correspondente em diversas regiões do globo. Não devemos esquecer que essas maravilhas estão restritas àqueles que podem consumi-lás, assim muitos são os excluídos desse processo, sejam pessoas, sejam lugares.
  • 23. As Cidades Globais A qualidade e quantidade dos fluxos é que diferenciam as regiões e lugares, proporcionando aos mais bem dotados uma posição relevante, em detrimento dos menos dotados. Cabem aos nós dessas redes presidirem as atividades mais características (as pós-industriais) do nosso mundo cada vez mais globalizado. Cada um de nós precisa ter uma infra-estrutura tecnológica adequada, um sistema de empresas auxiliares fornecendo os serviços de suporte, um mercado de trabalho especializado e o sistema de serviços exigido pela força de trabalho liberal. Estes nós são, em geral, as metrópoles, onde um grande número de fatos e acontecimentos próprios de nossa época se combinam e acontecem.
  • 24. As cidades Globais Mas numa classificação mais rigorosa só se deve incluir entre as metrópoles ou cidades globais algumas poucas como Nova York, Los Angeles, Tóquio, Londres, Paris, cidades que são efetivamente capazes de exercer um papel de comando sobre outras cidades e sobre uma boa parte do mundo. Podemos inserir também nesse rol, num segundo nível, algumas cidades como São Paulo, Cidade do México, Johannesburgo, cuja influência se dá em áreas menores e mais circunscritas do globo. Mas o exercício da ação hegemônica sobre a face da Terra não é algo exclusivo das metrópoles de primeira grandeza sem as outras cidades, a economia global não se realizaria.
  • 25.  
  • 26. Os Simpsons - pode ser considerado um desenho globalizado, uma vez que possui telespectadors em mais de 50 países . C oncomitantemente a integração comercial, há também a cultural , propagação do padrão cultural dos países do Norte (padronização da alimentação/McDonald’s; vestuário/calça jeans; entretenimento/” Homem Aranha ” , música/Madonna ). Globalização e cultura
  • 27. Hino da Globalização Num posto da YPIRANGA , às margens plácidas, De um VOLVO heróico BRAHMA retumbante SKOL da liberdade em RIDER fulgido Brilhou no SHELL da Pátria nesse instante Se o KNORR dessa igualdade Conseguimos conquistar com braço FORD Em teu SEIKO , ó liberdade Desafio nosso peito à MICROSOFT .   O PARMALAT , MASTERCARD , SHARP , SHARP AMIL um sonho intenso, um rádio PHILIPS De amor e de LUFTHANSA a terra desce INTEL formoso céu risonho OLYMPICUS A imagem do BRADESCO resplandece.   GILLET pela própria natureza És belo ESCORT impávido colosso E o teu futuro espelha essa GRENDENE . CERPA gelada ! Entre outras mil é SUVINIL , COMPAQ amada Do PHILCO deste SOLLO és mãe DORIL COCA COLA , BOMBRIL !!!