Mastigação

4.891 visualizações

Publicada em

Processo funcional,mecânico de primeira excelência da nutrição

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.891
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
74
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mastigação

  1. 1. Comer sem pressa, conforme a sabedoria oriental e os especialistas ocidentais pode ser o caminho para a magreza constante. Além de prejudicar a digestão, engolir a comida sem mastigar direito também pode agravar o problema para os que já apresentam TENDÊNCIA a engordar, o que a princípio depende do que se come. A mastigação lenta permite que as enzimas digestivas tenham mais tempo para metabolizar os alimentos.
  2. 2. A saliva é bem mais do que um mero lubrificante para fazer descer os alimentos pelo tubo digestivo. A mastigação é a primeira fase da digestão, a trituração mecânica dos alimentos, em que eles recebem uma carga de digestivos pela saliva. O processo é fundamental também por um motivo óbvio: quanto mais tempo leva a mastigação, mais tempo terá o alimento a gotejar liqüefeito no estômago. Isso dá tempo ao cérebro de receber o estímulo e enviar sua mensagem de saciedade – o que leva um mínimo de 15 minutos. Quem come devagar também quase nunca passa do primeiro prato, dificilmente repete. Além disso,o estômago prepara melhor os nutrientes para absorção pelo intestino delgado. Outro desconforto que evitamos ao mastigarmos melhor:DIMINUIÇÃO DOS GASES.LEMBRE-SE VOCE NÃO TEM DENTE NO ESTÔMAGO!
  3. 3. Enquanto isso,lá no cérebro........... Quando comemos, hormônios do estômago mandam um sinal para o hipotálamo no cérebro (o hipotálamo é a parte do cérebro que controla o apetite). Quando o estômago está na medida, o hipotálamo sinaliza, e a saciedade vem através de outro hormônio. Se mastigamos ,engolimos depressa demais,enchemos demais o estômago antes da mensagem mesentérica.Não sobrará espaço hábil,para que o estômago movimente-se triturando o alimento.Há também o desequilíbrio hormonal.Essa medida,esse espaço é essencial para que o ácido também se delimite a ficar restrito ao estômago,caso contrário promoverá refluxo esofagiano.Mastigando devagar,o hipotálamo detecta através dos hormônios,ainda com baixos níveis de ingestão a saciedade.Você come menos e aproveita mais e ingere menos calorias . ASSIM COMO VOCÊ,SEU ESTÔMAGO, TAMBÉM PRECISA DE ESPAÇO! NÃO O VIOLENTE!
  4. 4. Cabe ao intestino selecionar o que deve ou não ser aproveitado pelo organismo. Com o alimento adequadamente mastigado, esta seleção se faz de forma mais apropriada. Mal mastigados, ao contrário, terminam sendo mal selecionados e o organismo absorve errado,deixando retornar pelas vilosidades(poros dilatados)gorduras e radicais livres através da água que ele devolve ao organismo.Ou acaba por eliminar nutrientes que deveriam ser absorvidos.
  5. 5. SBH(Soc.Brasileira de Hipertensão): precisamos de bem menos: 2,5g/dia, quantidade encontrada nos próprios alimentos. Cada grama de sal tem 0,4g de sódio. Mas, além do sódio,adicionamos também o cloreto e a bola da vez”O GLUTAMATO MONOSSÓDICO”.Todos são sais e esse último...... O aditivo glutamato além de ser um hipertensor mais potente que o sódio e o cloreto,não é aversivo ao paladar.A língua na presença do sal, reage de forma automática informando para o cérebro que deve ir com cuidado .O Glutamato inibe essa defesa neuronal e o indivíduo acaba por ingerir dosagens que não seriam viavéis nem em um mês.O Sal puxa a água e desidrata a língua.O indivíduo beberá mais água durante a refeição.A consequência disso é o ph do ácido clorídrico alterado.Um exemplo: coloque água no vinagre.A acidez diminui?Assim ocorrerá com o estômago,a acidez estará alterada e terá dificuldades na digestão.E o estômago estufado
  6. 6. Outro efeito maravilhoso da mastigação é o exercício facial que promovemos.A Irrigação de todos os muscúlos e o fortalecimento dos mesmos acontece.Propiciando uma expressão menos flácida e opaca,pois a irrigação sanguínea alimenta toda a vascularização circular.
  7. 7. As primeiras glândulas são as que estão na cavidade oral ( glândulas salivares) . A saliva produzida por essas glândulas , contém uma enzima que inicia o processo da digestão , agindo sobre o amido presente nos alimentos degradando-o a moléculas menores. Os amidos são açucares complexos.Células grandes,que fermentam e na maior parte das vezes trazem consigo o GLÚTEN que já apresenta uma digestão dificil de até 26 horas dentro de seu intestino.Aderido às paredes intestinais como um chicletes é uma das causas da alta permeabilidade intestinal,que tem como consequência a OBESIDADE.MASTIGAR. É importante!
  8. 8. TIPOS DE SALIVA Serosa Mucosa Mista SEROSA - É a saliva rica em albuminóides , sendo por isso também chamada de saliva albuminosa . Atua preponderantemente na mastigação dos alimentos. MUCOSA -É a saliva rica em glicoproteínas tais como mucina. Atua preponderantemente na gustação e deglutição (vai lhe ajudar a engolir) MISTA - É a saliva que ou tem mais albumina do que mucina (seromucosa) ou mais mucina do que albuminóides (mucosserosa) . Tem ação importante tanto na mastigação dos alimentos como na gustação e deglutição .Contém outros componentes como:fluído gengival,células descamativas,e produtos bacterianos. Possuem proteínas estruturais ( mucinas , estaterrina , aglutininas , lactoferrina , gustina e sialina ) , enzimáticas ( amilase , fosfatase ácida , estearase , lisozima , peroxidase, anidrase carbônica e calicreína ) e imunológicas ( imunoglobulinas , IgA salivar ou imunoglobulinas secretoras), e irão orientar sua digestão e absorção funcional.MASTIGUE BEM!
  9. 9. ESTE HÁBITO TEM DE VIR JUNTO!!!! Esta imagem microscópia mostra a língua com resíduos alimentares,que com o passar do tempo irão fermentar e emitir ao cérebro mensagens de fome e da presença de bactérias próprias dos períodos alimentares.Assim como ocorre quando o cheiro de alimento sendo feito é forte e o olfato avisa da presença do alimento,a gustação também desencadeará esse processo.Fazendo com que apareça aquela fome ‘DE NÃO SEI O QUÊ! É importante que após sua alimentação e boa escovação dos dentes,e escovação da língua,use após a operação um enxaguatório que potencializa essa desconexão de sinais.Esse promoverá por mais tempo a assepsia oral que prolonga a sensação de saciedade. Uma boa observação: como é o sabor de uma mexerica após a escovação?Pois é.Horrível não é mesmo?O cérebro rejeita....
  10. 10. Não faça as refeições a frente da televisão ; evite ambientes ruidosos ; não leia jornal comendo; preste atenção se está utilizando todos os dentes na mastigação; Não permaneça com os talheres à mão durante a mastigação; Não misture água ou qualquer líquido ao mastigado; Evite pensar nos compromissos assumidos após a refeição ou problemas.Eles continuarão lá...Pelo ao menos esse tempo é seu!
  11. 11. A boa mastigação associada à qualidade dos alimentos que consumimos diariamente é fundamental na nutrição do cérebro, pode acreditar,INTERFERE nos muitos papéis do seu dia-a-dia. Então, já pela manhãzinha , lembre-se: TUDO COMEÇA PELA BOCA!!! Formatação e criação:Rosane Soares Portilho – Psicóloga/Nutricionista com especialização em Saúde Pública - [email_address]

×