Apresentação para Candidatos do MPCOMP Turma Aracati

956 visualizações

Publicada em

Slides da palestra ministrada em 17/10/2014 no IFCE Campus Aracati para os candidatos ao programa de mestrado profissional em computação.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
956
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
497
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação para Candidatos do MPCOMP Turma Aracati

  1. 1. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA MPCOMP - Desa
  2. 2. os e Oportunidades Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr (Vice Coordenador Geral) Prof. Mauro Oliveira, Dr (Coordenador Turma Aracati) 17 de outubro de 2014 Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  3. 3. os e Oportunidades
  4. 4. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Roteiro 1 Antes de Comecar 2 Qual a Diferenca 3 Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) 4 Primeiras Mudancas 5 Seculo XIX 6 PhD nos EUA 7 Bem-vindo ao Seculo XX 8 Algumas Observac~oes Uteis 9 E por falar em pesquisa ... 10 Fontes 11 CNPQ, CAPES, Lattes e Qualis 12 Conselhos do Prof. Mauro Oliveira 13 E
  5. 5. nalmente ... Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  6. 6. os e Oportunidades
  7. 7. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Antes de comecar ... Porque estamos aqui?? Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  8. 8. os e Oportunidades
  9. 9. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Antes de comecar 2 ... Ja que estamos aqui ... Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  10. 10. os e Oportunidades
  11. 11. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Ato Regulamentador do Mestrado Pro
  12. 12. ssional Portaria Normativa MEC No 17 de 28/12/2009 Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  13. 13. os e Oportunidades
  14. 14. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Na teoria ... Delimitac~ao de Area Capacitar pro
  15. 15. ssionais nas diversas areas do conhecimento . . . Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  16. 16. os e Oportunidades
  17. 17. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Na teoria ... Delimitac~ao de Area Capacitar pro
  18. 18. ssionais nas diversas areas do conhecimento . . . Relac~ao com Setor Produtivo Seu objetivo e contribuir com o setor produtivo nacional . . . Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  19. 19. os e Oportunidades
  20. 20. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Na teoria ... Delimitac~ao de Area Capacitar pro
  21. 21. ssionais nas diversas areas do conhecimento . . . Relac~ao com Setor Produtivo Seu objetivo e contribuir com o setor produtivo nacional . . . Estrutura Curricular ... que enfatize a articulac~ao entre conhecimento atualizado, domnio da metodologia pertinente e aplicac~ao orientada para o campo de atuac~ao pro
  22. 22. ssional espec
  23. 23. co. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  24. 24. os e Oportunidades
  25. 25. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Na teoria ... Delimitac~ao de Area Capacitar pro
  26. 26. ssionais nas diversas areas do conhecimento . . . Relac~ao com Setor Produtivo Seu objetivo e contribuir com o setor produtivo nacional . . . Estrutura Curricular ... que enfatize a articulac~ao entre conhecimento atualizado, domnio da metodologia pertinente e aplicac~ao orientada para o campo de atuac~ao pro
  27. 27. ssional espec
  28. 28. co. Trabalho de Final de Curso ... vinculado a problemas reais da area de atuac~ao do pro
  29. 29. ssional-aluno... Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  30. 30. os e Oportunidades
  31. 31. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Qual a diferenca? Formac~ao Tradicional Capacitar pro
  32. 32. ssionais no sentido tradicional = Transfer^encia de Conheci-mento. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  33. 33. os e Oportunidades
  34. 34. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Qual a diferenca? Formac~ao Tradicional Capacitar pro
  35. 35. ssionais no sentido tradicional = Transfer^encia de Conheci-mento. Formac~ao em Pesquisa Gerac~ao de Novos Conhecimentos (Inclui metodos, processos, etc). Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  36. 36. os e Oportunidades
  37. 37. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Articulac~ao Di
  38. 38. culdade Cr^onica Articulac~ao com necessidade e interesse do setor produtivo. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  39. 39. os e Oportunidades
  40. 40. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Articulac~ao Di
  41. 41. culdade Cr^onica Articulac~ao com necessidade e interesse do setor produtivo. Soluc~ao Estudantes costumam fazer esta ponte. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  42. 42. os e Oportunidades
  43. 43. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Pro
  44. 44. ssional Aluno Atuac~ao Pro
  45. 45. ssional O Aluno e um pro
  46. 46. ssional em atividade. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  47. 47. os e Oportunidades
  48. 48. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Pro
  49. 49. ssional Aluno Atuac~ao Pro
  50. 50. ssional O Aluno e um pro
  51. 51. ssional em atividade. Problema abordado e articulado com o seu trabalho? Em muitos casos, sim. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  52. 52. os e Oportunidades
  53. 53. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Pro
  54. 54. ssional6= Acad^emico ? Pro
  55. 55. ssional Pro
  56. 56. ssional n~ao aborda temas cient
  57. 57. cos? Pro
  58. 58. ssional n~ao discute ci^encia? Pro
  59. 59. ssional n~ao teoriza? Acad^emico Acad^emico n~ao resolve problemas praticos? Acad^emico n~ao trabalha para o setor produtivo? Acad^emico e um pro
  60. 60. ssional diferente? Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  61. 61. os e Oportunidades
  62. 62. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro) Europa Medieval Faculdade de Artes Teologia Medicina Leis (Direito) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  63. 63. os e Oportunidades
  64. 64. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Curta Durac~ao Diplomas Intermediarios Bacharel em Artes Bacharel em Teologia Bacharel em Medicina Bacharel em Direito (Leis) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  65. 65. os e Oportunidades
  66. 66. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Longa Durac~ao Diplomas Finais Mestre ou Doutor em Artes. Mestre ou Doutor em Teologia. Mestre ou Doutor em Medicina. Mestre ou Doutor em Direito (Leis). Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  67. 67. os e Oportunidades
  68. 68. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Longa Durac~ao Diplomas Finais Mestre ou Doutor em Artes. Mestre ou Doutor em Teologia. Mestre ou Doutor em Medicina. Mestre ou Doutor em Direito (Leis). Doutor? Um doutor ou mestre (ttulo variavel de acordo com a instituic~ao) n~ao tinha a formac~ao de hoje. . . Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  69. 69. os e Oportunidades
  70. 70. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Primeiras Mudancas Artes Na area de artes o pro
  71. 71. ssional com formac~ao completa passa a se chamar de Mestre. 1Epor raz~oes historicas que alguns bachareis no Brasil s~ao chamados de Doutor (Engos, medicos, advogados,etc) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  72. 72. os e Oportunidades
  73. 73. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Primeiras Mudancas Artes Na area de artes o pro
  74. 74. ssional com formac~ao completa passa a se chamar de Mestre. Doutor O pro
  75. 75. ssional das areas de Teologia, Medicina e Direito recebe o ttulo de Doutor. 1Epor raz~oes historicas que alguns bachareis no Brasil s~ao chamados de Doutor (Engos, medicos, advogados,etc) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  76. 76. os e Oportunidades
  77. 77. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Primeiras Mudancas Artes Na area de artes o pro
  78. 78. ssional com formac~ao completa passa a se chamar de Mestre. Doutor O pro
  79. 79. ssional das areas de Teologia, Medicina e Direito recebe o ttulo de Doutor. Alemanha Alemanha usa o ttulo de Doutor para todas as formac~oes.1 1Epor raz~oes historicas que alguns bachareis no Brasil s~ao chamados de Doutor (Engos, medicos, advogados,etc) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  80. 80. os e Oportunidades
  81. 81. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Surgimento das Licenciaturas Licenciatura Incialmente uma autorizac~ao depois um Diploma para Professores, ou seja, para aquele que ainda n~ao havia concludo a formac~ao completa, embora a palavra Doutor tenha a mesma raiz de Docere(Docente). Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  82. 82. os e Oportunidades
  83. 83. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Estrutura da Formac~ao Progress~ao da Formac~ao Licenciado =) Bacharel =) Mestre/Doutor Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  84. 84. os e Oportunidades
  85. 85. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Mudancas Ocorridas no Seculo XIX Modelo Universidade Humboldt (Berlin) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  86. 86. os e Oportunidades
  87. 87. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Mudancas Ocorridas no Seculo XIX Modelo Universidade Humboldt (Berlin) Faculdade de Artes Denominada de Faculdade de Filoso
  88. 88. a na Alemanha, passa a exigir uma dissertac~ao com contribuic~ao cient
  89. 89. ca. O ttulo e denominado de Doutor em Filoso
  90. 90. a. Ph. D (Do latim Doctor Philosophiae) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  91. 91. os e Oportunidades
  92. 92. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Mudancas Ocorridas no Seculo XIX Modelo Universidade Humboldt (Berlin) Faculdade de Artes Denominada de Faculdade de Filoso
  93. 93. a na Alemanha, passa a exigir uma dissertac~ao com contribuic~ao cient
  94. 94. ca. O ttulo e denominado de Doutor em Filoso
  95. 95. a. Ph. D (Do latim Doctor Philosophiae) A uxo de Estrangeiros A Alemanha atrai estudantes estrangeiros incluindo muitos americanos que
  96. 96. zeram o bacharelado nos EUA e iam a Alemanha para obter o Ph. D Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  97. 97. os e Oportunidades
  98. 98. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA PhD nos EUA YALE Em 1861 a Universidade Americana de YALE ofereceu o primeiro PhD nos EUA. Para obter o ttulo o aluno deveria seguir um curso e defender uma tese contendo uma pesquisa original em ci^encias ou em humanidades. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  99. 99. os e Oportunidades
  100. 100. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA PhD nos EUA YALE Em 1861 a Universidade Americana de YALE ofereceu o primeiro PhD nos EUA. Para obter o ttulo o aluno deveria seguir um curso e defender uma tese contendo uma pesquisa original em ci^encias ou em humanidades. PhD O Nome PhD e adotado para todas as areas e n~ao somente em
  101. 101. loso
  102. 102. a (Diferentemente da Alemanha) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  103. 103. os e Oportunidades
  104. 104. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA PhD nos EUA N~ao confundir Graduate : Pos-Graduac~ao Undergraduate: Graduac~ao Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  105. 105. os e Oportunidades
  106. 106. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Bem-vindo ao Seculo XX Canada Em 1900 s~ao criados os primeiros Ph.D (s) no Canada Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  107. 107. os e Oportunidades
  108. 108. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Bem-vindo ao Seculo XX Canada Em 1900 s~ao criados os primeiros Ph.D (s) no Canada Inglaterra Em 1917 s~ao criados cursos na Inglaterra com nomes diferenciados. Doctor of Science Doctor of Literature Doctor of Medicine Posteriormente e criado/consolidade o Doctor of Philosophy (D. Ph.) para diversas areas de forma equivalente ao Ph.D americano. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  109. 109. os e Oportunidades
  110. 110. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Formac~ao Atual A Era da Pesquisa e Inovac~ao Diversi
  111. 111. cac~ao da formac~ao. Criac~ao das Especializac~oes e Mestrados com Currculos Diferenciados por Pases e Instituic~oes. O Modelo Anglo-Sax~ao tende a prevalecer. ( Na Franca, foi suprimida a
  112. 112. gura do Doctorat d'Etat, restando o Doc-torat d'Universite, passaram a ser criados os Master of Science inter-nacionais como contra ponto ao Mastertradicional que se trata de uma especializac~ao. ) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  113. 113. os e Oportunidades
  114. 114. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Stricto Sensu? Um caso particular No Brasil os cursos que exigem contribuic~ao cient
  115. 115. ca passaram a ser chamados de Stricto Sensu e formac~ao complementar de Lato Sensu (Especializac~ao) Classi
  116. 116. cac~ao exclusivamente brasileira O Termo mestrado pro
  117. 117. ssional tambem. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  118. 118. os e Oportunidades
  119. 119. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Crtica Analise Stricto = restrito, espec
  120. 120. co Lato = largo, amplo e generico A especializac~ao e generica? Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  121. 121. os e Oportunidades
  122. 122. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Porque o mestrado ? Tempo Formac~ao de pro
  123. 123. ssional e contribuic~ao em menor tempo. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  124. 124. os e Oportunidades
  125. 125. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Porque o mestrado ? Tempo Formac~ao de pro
  126. 126. ssional e contribuic~ao em menor tempo. Velocidade Formac~ao cient
  127. 127. ca rapida. Da mesma forma que Tecnologos e Licenciados tem formac~ao mais rapida para o mercado. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  128. 128. os e Oportunidades
  129. 129. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Mito quase verdadeiro Mestrado e pre-requisito para o Doutorado. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  130. 130. os e Oportunidades
  131. 131. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Algumas Observac~oes Uteis Mudanca de Area A formac~ao em graduac~ao n~ao limita a area da pos-graduac~ao . . . (Qual-quer engenheiro pode fazer um mestrado/doutorado em medicina assim como qualquer medico pode fazer mestrado/doutorado em artes, porem . . . .) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  132. 132. os e Oportunidades
  133. 133. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Algumas Observac~oes Uteis Mudanca de Area A formac~ao em graduac~ao n~ao limita a area da pos-graduac~ao . . . (Qual-quer engenheiro pode fazer um mestrado/doutorado em medicina assim como qualquer medico pode fazer mestrado/doutorado em artes, porem . . . .) Pro
  134. 134. ss~ao Regulamentada A pos-graduac~ao n~ao confere ttulo para o exerccio pro
  135. 135. ssional. . . O Engenheiro com Doutorado em Medicina n~ao podera exercer a medicina e vice versa) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  136. 136. os e Oportunidades
  137. 137. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Algumas Observac~oes Uteis Mudanca de Area A formac~ao em graduac~ao n~ao limita a area da pos-graduac~ao . . . (Qual-quer engenheiro pode fazer um mestrado/doutorado em medicina assim como qualquer medico pode fazer mestrado/doutorado em artes, porem . . . .) Pro
  138. 138. ss~ao Regulamentada A pos-graduac~ao n~ao confere ttulo para o exerccio pro
  139. 139. ssional. . . O Engenheiro com Doutorado em Medicina n~ao podera exercer a medicina e vice versa) Exerccio do Magisterio:(As vezes) No entanto, podem ser professores/pesquisadores da area . . . Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  140. 140. os e Oportunidades
  141. 141. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Diferencial O pro
  142. 142. ssional Mestre ou Doutor (em nvel aprofundado) deve ser capaz de aplicar o metodo cient
  143. 143. co, realizar um trabalho de carater inovador, mostrar domnio sobre um ponto espec
  144. 144. co e delimitado do conhecimento cient
  145. 145. co contribuindo para a sua melhor compreens~ao. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  146. 146. os e Oportunidades
  147. 147. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Desa
  148. 148. os Formac~ao de Base Facilidade na mesma area, di
  149. 149. culdade na mudanca de area e na interdis-ciplinaridade. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  150. 150. os e Oportunidades
  151. 151. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Desa
  152. 152. os Formac~ao de Base Facilidade na mesma area, di
  153. 153. culdade na mudanca de area e na interdis-ciplinaridade. Caractersticas Desejaveis Metodico(a), detalhista, determinado(a), curioso(a), criativo(a) etc. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  154. 154. os e Oportunidades
  155. 155. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Desa
  156. 156. os Formac~ao de Base Facilidade na mesma area, di
  157. 157. culdade na mudanca de area e na interdis-ciplinaridade. Caractersticas Desejaveis Metodico(a), detalhista, determinado(a), curioso(a), criativo(a) etc. Mudanca de Paradigma: Autonomia Hora de tirar as rodinhas. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  158. 158. os e Oportunidades
  159. 159. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Orientador Alguns conselhos ... O orientador n~ao e seu pai. Aprenda a fazer o seu trabalho. Ele ja fez o dele quando era aluno. O orientador n~ao sabe tudo. N~ao
  160. 160. que surpreso. Voc^e tambem n~ao sera uma sumidade ao
  161. 161. m do curso mesmo que receba todos os louvores. Desenvolva sua autonomia. Pessoas com mais de 40 anos (A maioria dos orientadores) costumam ter presbiopia. Escreva sempre com fontes tamanho 12. Se voc^e encontrar seu orientador no
  162. 162. nal de semana em um bar, praia, etc e achar que tem algo errado lembre-se de que quem deveria estar em casa estudando era voc^e. ;-) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  163. 163. os e Oportunidades
  164. 164. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Orientador - (Cont) Alguns conselhos ... Que tal voc^e consultar um livro de estatstica ou consultar o google antes de mandar um mail (Ou mensagem nas redes sociais) deses-perado( a) pedindo pra ele calcular a media e desvio padr~ao de uma amostra. Alias, procure estudar estatstica mesmo que voc^e ache isso inutil. Vc
  165. 165. cara surpreso com o papel da estatstica no conhecimento humano. 2 3 Que tal escrever corretamente? Um curso de redac~ao pode ajudar. Seu orientador, a menos que voc^e esteja fazendo mestrado/doutorado em letras, n~ao e professor de portugu^es. 2Se vc n~ao e capaz de aprender estatstica basica, sugiro repensar ... :-0)) 3Se vc n~ao coloca numeros no que fala, n~ao sabe do que esta falando (Blaise Pascal). Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  166. 166. os e Oportunidades
  167. 167. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA N~ao e necessario dizer N~ao e necessario dizer ... N~ao copie descaradamente. Voc^e acha que ninguem vai perceber? Alguns alunos do MPCOMP ja foram convidados a se retirar do curso por causa disso. Fique atento aos prazos, pois o tempo passa! E constrangedor para o orientador ter que defender mais um tempo pra voc^e no colegiado e para o coordenac~ao ter que jubila-lo. Quando voc^e atrasa seu trabalho todos s~ao prejudicados. Trabalhe com coisas que lhe s~ao familiares e estimulantes. O principal componente do seu sucesso chama-se auto motivac~ao. Estudar/Pesquisar n~ao e apenas uma forma de obter uma grati
  168. 168. cac~ao a mais no salario. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  169. 169. os e Oportunidades
  170. 170. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA E por falar em pesquisa ... Refer^encias Procure as fontes de informac~ao relacionadas ao seu trabalho. Procure fazer um bom levantamento do que ja foi feito e das bases teoricas do seu trabalho, mas n~ao passe o ano todo fazendo isso. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  171. 171. os e Oportunidades
  172. 172. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA E por falar em pesquisa ... Refer^encias Procure as fontes de informac~ao relacionadas ao seu trabalho. Procure fazer um bom levantamento do que ja foi feito e das bases teoricas do seu trabalho, mas n~ao passe o ano todo fazendo isso. Fontes Con
  173. 173. aveis N~ao use a wikipedia como fonte principal de seu trabalho, alias n~ao diga pra ninguem que voc^e a utilizou ;-). Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  174. 174. os e Oportunidades
  175. 175. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA E por falar em pesquisa ... Refer^encias Procure as fontes de informac~ao relacionadas ao seu trabalho. Procure fazer um bom levantamento do que ja foi feito e das bases teoricas do seu trabalho, mas n~ao passe o ano todo fazendo isso. Fontes Con
  176. 176. aveis N~ao use a wikipedia como fonte principal de seu trabalho, alias n~ao diga pra ninguem que voc^e a utilizou ;-). Merito Aprenda a reconhecer o merito dos outros atraves das citac~oes. N~ao citar pode ser considerado plagio ou fraude. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  177. 177. os e Oportunidades
  178. 178. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA E por falar em pesquisa ... (cont) Originalidade Use sempre que possvel os originais. Traduttore, traditore. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  179. 179. os e Oportunidades
  180. 180. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Ingl^es. Faca sua alfabetizac~ao Aprenda Aprenda. So tem uma forma: estudando. N~ao, n~ao precisa pagar, procure . . . . Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  181. 181. os e Oportunidades
  182. 182. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Ingl^es. Faca sua alfabetizac~ao Aprenda Aprenda. So tem uma forma: estudando. N~ao, n~ao precisa pagar, procure . . . . E o espanhol? Voc^e quer estudar espanhol, otimo. Depois que aprender o ingl^es. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  183. 183. os e Oportunidades
  184. 184. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Ingl^es. Faca sua alfabetizac~ao Aprenda Aprenda. So tem uma forma: estudando. N~ao, n~ao precisa pagar, procure . . . . E o espanhol? Voc^e quer estudar espanhol, otimo. Depois que aprender o ingl^es. Vou viajar para a Franca Voc^e vai pra Franca? Excelente. Estude Franc^es e Ingl^es. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  185. 185. os e Oportunidades
  186. 186. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Ingl^es. Faca sua alfabetizac~ao Aprenda Aprenda. So tem uma forma: estudando. N~ao, n~ao precisa pagar, procure . . . . E o espanhol? Voc^e quer estudar espanhol, otimo. Depois que aprender o ingl^es. Vou viajar para a Franca Voc^e vai pra Franca? Excelente. Estude Franc^es e Ingl^es. Livro traduzido Tem uma traduc~ao do Livro? N~ao compre. Traduttore, traditore. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  187. 187. os e Oportunidades
  188. 188. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Dissertac~ao Seu trabalho deve apresentar uma contribuic~ao cient
  189. 189. ca ou tecnologica. Para isto e fundamental que o mesmo apresente um carater inovador. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  190. 190. os e Oportunidades
  191. 191. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel N~ao aceitavel SISPES - Um Sistema de Gest~ao de Pessoal e Contabilidade Integrados. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  192. 192. os e Oportunidades
  193. 193. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel N~ao aceitavel SISPES - Um Sistema de Gest~ao de Pessoal e Contabilidade Integrados. Aceitavel Um Comparativo entre Mecanismos de Integrac~ao de Subsistemas de um ERP Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  194. 194. os e Oportunidades
  195. 195. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel N~ao aceitavel SISPES - Um Sistema de Gest~ao de Pessoal e Contabilidade Integrados. Aceitavel Um Comparativo entre Mecanismos de Integrac~ao de Subsistemas de um ERP Explicac~ao Criar um software padr~ao, em princpio, e realizado pela aplicac~ao de tecnicas de engenharia de software consolidadas. Claro, tudo depende do conteudo. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  196. 196. os e Oportunidades
  197. 197. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel (2) N~ao aceitavel Contribuic~ao Teorica da Obra de Paulo Freire. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  198. 198. os e Oportunidades
  199. 199. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel (2) N~ao aceitavel Contribuic~ao Teorica da Obra de Paulo Freire. Aceitavel Uma Nova Ferramenta Computacional de Apoio ao Ensino Seguindo a Metodologia de Paulo Freire Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  200. 200. os e Oportunidades
  201. 201. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel (2) N~ao aceitavel Contribuic~ao Teorica da Obra de Paulo Freire. Aceitavel Uma Nova Ferramenta Computacional de Apoio ao Ensino Seguindo a Metodologia de Paulo Freire Explicac~ao Esse trabalho sai da linha de trabalho do MPCOMP que e computac~ao aplicada. Mais uma vez, tudo depende ... Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  202. 202. os e Oportunidades
  203. 203. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel (3) N~ao aceitavel Papel da Impunidade no Crescimento da Viol^encia no Municpio de Caucaia. Um estudo de Caso. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  204. 204. os e Oportunidades
  205. 205. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel (3) N~ao aceitavel Papel da Impunidade no Crescimento da Viol^encia no Municpio de Caucaia. Um estudo de Caso. Aceitavel Uso de Web Mining para Previs~ao de Ocorr^encias de Crimes no Municpio de Caucaia: Um Estudo de Caso. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  206. 206. os e Oportunidades
  207. 207. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel (3) N~ao aceitavel Papel da Impunidade no Crescimento da Viol^encia no Municpio de Caucaia. Um estudo de Caso. Aceitavel Uso de Web Mining para Previs~ao de Ocorr^encias de Crimes no Municpio de Caucaia: Um Estudo de Caso. Explicac~ao Aparentemente trata-se de um trabalho de pesquisa, porem fora do con-texto do MPCOMP. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  208. 208. os e Oportunidades
  209. 209. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel (4) N~ao aceitavel Uso do Microsoft Word como Ferramenta para Aperfeicoar a Pratica da Redac~ao Escolar Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  210. 210. os e Oportunidades
  211. 211. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel (4) N~ao aceitavel Uso do Microsoft Word como Ferramenta para Aperfeicoar a Pratica da Redac~ao Escolar Aceitavel Nova Tecnicas de Calculo da Dist^ancia de Edic~ao Para Uso em Corretores Ortogra
  212. 212. cos Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  213. 213. os e Oportunidades
  214. 214. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel (4) N~ao aceitavel Uso do Microsoft Word como Ferramenta para Aperfeicoar a Pratica da Redac~ao Escolar Aceitavel Nova Tecnicas de Calculo da Dist^ancia de Edic~ao Para Uso em Corretores Ortogra
  215. 215. cos Explicac~ao Sem comentarios ... Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  216. 216. os e Oportunidades
  217. 217. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Aceitavel x N~ao aceitavel (5) Acredite no seu orientador quando ele disser que o que voc^e quer fazer poderia ser um otimo trabalho de
  218. 218. m de curso de graduac~ao, mas n~ao uma dissertac~ao de mestrado. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  219. 219. os e Oportunidades
  220. 220. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Como diferenciar? Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  221. 221. os e Oportunidades
  222. 222. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Fontes de Pesquisa Periodicos CAPES http://www.periodicos.capes.gov.br Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  223. 223. os e Oportunidades
  224. 224. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Fontes de Pesquisa Periodicos CAPES http://www.periodicos.capes.gov.br Google Acad^emico http://scholar.google.com Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  225. 225. os e Oportunidades
  226. 226. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Fontes de Pesquisa Periodicos CAPES http://www.periodicos.capes.gov.br Google Acad^emico http://scholar.google.com Research Index http://www.researchindex.org Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  227. 227. os e Oportunidades
  228. 228. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Fontes de Pesquisa Periodicos CAPES http://www.periodicos.capes.gov.br Google Acad^emico http://scholar.google.com Research Index http://www.researchindex.org Jornais Indexados http://www.drji.org Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  229. 229. os e Oportunidades
  230. 230. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Fontes de Pesquisa Periodicos CAPES http://www.periodicos.capes.gov.br Google Acad^emico http://scholar.google.com Research Index http://www.researchindex.org Jornais Indexados http://www.drji.org Diretorio de Jornais Abertos http://doaj.org Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  231. 231. os e Oportunidades
  232. 232. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Por falar em indexac~ao INSPEC http://inspecdirect.theiet.org Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  233. 233. os e Oportunidades
  234. 234. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Por falar em indexac~ao INSPEC http://inspecdirect.theiet.org Cite Seer http://citeseerx.ist.psu.edu Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  235. 235. os e Oportunidades
  236. 236. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Por falar em indexac~ao INSPEC http://inspecdirect.theiet.org Cite Seer http://citeseerx.ist.psu.edu LILACS http://lilacs.bvsalud.org Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  237. 237. os e Oportunidades
  238. 238. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Por falar em indexac~ao INSPEC http://inspecdirect.theiet.org Cite Seer http://citeseerx.ist.psu.edu LILACS http://lilacs.bvsalud.org Web of Science http://webofknowlegde.com Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  239. 239. os e Oportunidades
  240. 240. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Por falar em indexac~ao INSPEC http://inspecdirect.theiet.org Cite Seer http://citeseerx.ist.psu.edu LILACS http://lilacs.bvsalud.org Web of Science http://webofknowlegde.com Research Index http://www.researchindex.org Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  241. 241. os e Oportunidades
  242. 242. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA CNPQ, CAPES, Qualis, Fator de Impacto CNPQ Apoio a projetos de pesquisa. Diretorio de grupos de Pesquisa Plataforma Lattes Pr^emio Jovem Cientista Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  243. 243. os e Oportunidades
  244. 244. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA CNPQ, CAPES, Qualis, Fator de Impacto CNPQ Apoio a projetos de pesquisa. Diretorio de grupos de Pesquisa Plataforma Lattes Pr^emio Jovem Cientista CAPES Bolsas de Apoio a Pos-graduac~ao Avaliac~ao de Programas Avaliac~ao de Eventos e Periodicos (Qualis) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  245. 245. os e Oportunidades
  246. 246. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA CNPQ, CAPES, Qualis, Fator de Impacto Qualis x Fator de Impacto Qualis = Avaliac~ao de Periodicos e Confer^encias (A1,A2,B1,B2,B3,B4,B5,C) Fator de Impacto = Numero mediode citac~oes que uma revista (periodico) recebe de seus artigos. Qualis usa o fator de impacto. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  247. 247. os e Oportunidades
  248. 248. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Maiores Fator de Impacto Maiores Fatores de Impacto New England Journal of Medicine (impact factor: 54.420) Chemical Reviews (impact factor: 45.661) Nature (impact factor: 42.351) Nature Biotechnology (impact factor: 39.080) Nature Reviews Cancer (impact factor: 37.912) Nature Reviews Molecular Cell Biology (impact factor: 36.458) Nature Materials (impact factor: 36.425) Nature Reviews Immunology (impact factor: 33.836) The Lancet (impact factor: 33.630) Nature Nanotechnology (impact factor: 33.265) Cell (impact factor: 33.116) Science (impact factor: 31.477) Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  249. 249. os e Oportunidades
  250. 250. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Last, but not least... Prof. Mauro Oliveira Os candidatos Todo candidato e um concursado do IFCE. Portanto, possui os requisitos mnimos de portugu^es (ESCRITA e COMPREENS~AO de textos) e ma-tem atica (LOGICA) para o mestrado. Diferenca da Especializac~ao A expectativa de uma dissertac~ao em computac~ao (diferente de uma es-pecializa c~ao) depende muito mais da capacidade de criac~ao e do enten-dimento da metodologia cient
  251. 251. ca do que de um conhecimento espec
  252. 252. co de informatica (programac~ao, hardware, etc). Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  253. 253. os e Oportunidades
  254. 254. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Last, but not least... Prof. Mauro Oliveira Criac~ao Esta criac~ao exige um background de conceitos de ci^encia da computac~ao e de MUITO tempo para associar o NOVO, dormindo na experi^encia de cada um, com a criac~ao, substrato da dissertac~ao.... Ingl^es Seria tb muito importante para o domnio da lngua inglesa ... Tempo Assim, com 20h/semana de dedicac~ao acredito que TODOS os candidatos tenham CHANCE de fazer uma dissertac~ao (BOA ou REGULAR). Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  255. 255. os e Oportunidades
  256. 256. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Em Vdeo .... Historico http://tinyurl.com/mpcomp1 O que e um mestrado? http://tinyurl.com/mpcomp02 O que e um mestrado pro
  257. 257. ssional http://tinyurl.com/mpcomp03 Requisito Tempo http://tinyurl.com/mpcomp04 Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  258. 258. os e Oportunidades
  259. 259. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Em Vdeo ....(cont) Ingl^es http://tinyurl.com/mpcomp05 Estrutura http://tinyurl.com/mpcomp06 Detalhamento http://tinyurl.com/mpcomp06b Software e Dissertac~ao http://tinyurl.com/mpcomp07 Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  260. 260. os e Oportunidades
  261. 261. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA E
  262. 262. nalmente ... Conhecimento Se voc^e n~ao possui todos os conhecimentos necessarios para entrar nesta jornada, isto n~ao e um problema. Para isto que estamos aqui ... Motivac~ao Se voc^e n~ao tem certeza que quer fazer este curso. Voc^e n~ao sabe se tera tempo pra se dedicar, se voc^e acha que e so escrever qualquer coisa no
  263. 263. nal, se voc^e nem sempre termina o que comeca... Bem, temos um grande problema. Implicac~oes Voc^e tem o direito de fazer o que quiser, mas seria interessante n~ao di
  264. 264. - cultar o trabalho de outrem. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  265. 265. os e Oportunidades
  266. 266. Antes de Comecar Qual a Diferenca Onde tudo comecou (Depois da Grecia, claro.) Primeiras Mudancas Seculo XIX PhD nos EUA Fim. Obrigado por sua atenc~ao. Prof. Ronaldo F. Ramos, Dr MPCOMP - Desa
  267. 267. os e Oportunidades

×