Conjuntura Econômica        Bahia
PIB TRIMESTRAL            ECONOMIA BAIANA2º TRI 2012/2º TRI 2011   1º SEMESTRE DE 2012                                   3...
PRODUTO INTERNO BRUTO 2012      •2º tri 2012/2ºtri 2011                       •2º tri 2012/2ºtri 2011                 2,6%...
PIB TRIMESTRAL, ICMS                                                                   BAHIA, 2012                        ...
ESTIMATIVA DA PRODUÇÃO FÍSICA                                    PRINCIPAIS PRODUTOS AGRÍCOLAS                            ...
AGRICULTURAPANORAMA E PERSPECTIVAS
AGRICULTURAPANORAMA E PERSPECTIVAS
AGRICULTURA                                              PANORAMA E PERSPECTIVAS• Seca atingiu todo o Semi Árido     AGRIC...
DESEMPENHO DO COMÉRCIO VAREJISTA                                                                                    Bahia,...
INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO                                            Jan. Jun. - 2012/ Jan. Jun. - 2011Alimentos e bebida...
EMPREGO FORMAL POR                                                                               SETOR DE ATIVIDADE       ...
IMPORTAÇÃO PAÍSES E BLOCOS ECONÔMICOS                                                                                 BAHI...
Exportações Baianas - Principais segmentos                                                                              Ja...
IMPORTAÇÕES BAIANAS POR CATEGORIA DE USO                                                                                BA...
Produção Industrial        Taxa de crescimento da produção industrial Bahia                 Maio 2012 por Classe e Gênero2...
Produção IndustrialMaiores setores da indústria crescem menos na Bahia até   Distribuição setorial dos InvestimentosMaio 2...
Descolamento do Nordeste e Bahia            Taxas convergem, mas há diferenças no curto prazo.Taxa de crescimento da produ...
Movimentação de Pessoas e CargasMovimentação de Pessoas no            Movimentação de Cargas portos daAeroporto de Salvado...
Produção de Cimento                                Nordeste AceleradoProdução de cimento nas regiões. Jan-jun/12          ...
Desaceleração do crescimento brasileiro
Desafios para a continuidade                                           do crescimento brasileiro                         G...
Desafios para a continuidade do crescimento:                      manter investimento e distribuição de rendaTaxa de inves...
Desafios para a continuidade do crescimento :         manter investimento e distribuição de rendaBolsa família atinge cada...
Desafios para a continuidade do crescimento:                   manter investimento e distribuição de rendaAumento do rendi...
Desafios para a continuidade do crescimento:                  manter investimento e distribuição de rendaManter o processo...
Desafios para a continuidade do crescimento:             manter investimento e distribuição de renda  Crédito Habitacionai...
Desafios para a continuidade do crescimento:                       manter investimento e distribuição de rendaPolítica cam...
Desafios para a continuidade do crescimento:                   manter investimento e distribuição de rendaPolítica de juro...
José Sergio Gabrielli de Azevedo Secretário de Planejamento da Bahia    Obrigado         www.seplan.ba.gov.br
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Conjuntura Econômica da Bahia 31-8-2012

646 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
646
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
23
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Conjuntura Econômica da Bahia 31-8-2012

  1. 1. Conjuntura Econômica Bahia
  2. 2. PIB TRIMESTRAL ECONOMIA BAIANA2º TRI 2012/2º TRI 2011 1º SEMESTRE DE 2012 3,6% 2,6%
  3. 3. PRODUTO INTERNO BRUTO 2012 •2º tri 2012/2ºtri 2011 •2º tri 2012/2ºtri 2011 2,6% 0,5%•2º tri 2012/1º tri 2012 (Ajuste Sazonal) • 2º tri 2012/1º tri 2012 (Ajuste Sazonal) 0,4% 0,3% 0,4% •Acumulado no 1º semestre 2012 •Acumulado no 1º semestre 2012 3,6% 0,6%
  4. 4. PIB TRIMESTRAL, ICMS BAHIA, 2012 2º Trimestre PIB ICMS 2,6 5,0 ICMS  Arrecadação de R$ 6 bilhões no período jan./ jun. % Ano PIB 2012 Taxas Anualizadas Brasil 1,7Fonte: SEFAZ, SEI Bahia 3,7
  5. 5. ESTIMATIVA DA PRODUÇÃO FÍSICA PRINCIPAIS PRODUTOS AGRÍCOLAS Jun./2012 – BahiaAlgodão 1,6 % Soja (1,9) % Cana de açúcar (1,0) % Mandioca 3,1 % Feijão (41,8)% Milho 5,3 % Cacau (10,0) % Café 8,9 % Grãos (1,2)%Fonte: LSPA / IBGE
  6. 6. AGRICULTURAPANORAMA E PERSPECTIVAS
  7. 7. AGRICULTURAPANORAMA E PERSPECTIVAS
  8. 8. AGRICULTURA PANORAMA E PERSPECTIVAS• Seca atingiu todo o Semi Árido AGRICULTURA Vale do São Francisco• Oeste corresponde a 93% da produção de grãos do Estado Oeste• Irecê, Sertão Produtivo e Nordeste perderam safra como resultado da Seca• Não foi suficiente para aumentar área plantada. Extremo Sul• Dificuldades para expansão do produto no curto prazo.• Preços de Milho e Soja sustentaram a rentabilidade
  9. 9. DESEMPENHO DO COMÉRCIO VAREJISTA Bahia, Jan. Jun./2012 Acumulado no ano de 2012 (1) Atividades Volume de vendas (2) Comércio Varejista* 10,4 1 - Combustíveis e lubrificantes 13,0 2 - Hipermercados, supermercados, Prods. Aliment., bebidas e fumo 8,0 2.1 - Hipermercado e supermercado 6,4 3 - Tecidos, vestuário e calçados 7,0 4 - Móveis e eletrodomésticos 14,0 5 - Art. Farm.med.ort.e de perfum. 6,8 6 - Equip. mat. p/ esc.inf. comunicação 24,8 7 - Livros, jornais, rev. e papelaria -12,6 8 - Outros art.de uso pess. e domest. 10,6 9 - Veículos e motos, partes e peças 8,9 10 - Material de Construção 6,8(*) O Indicador do comércio varejista é composto pelos resultados das ativ. numeradas de 1 a 8. (1) Compara a variação acumulada do período de referência com igual período do ano anterior.(2) Resulta do deflacionamento dos valores nominais de vendas por índices de preços específicos para cadagrupo de atividade.Fonte: IBGE/PMC
  10. 10. INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO Jan. Jun. - 2012/ Jan. Jun. - 2011Alimentos e bebidas Celulose, papel Brasil Borracha e plástico 0,6% 4,9% 3,5% -1,2% Brasil -%Bahia Bahia Brasil 8,3% -5,1 %Refino de petróleo e álcool Produtos químicosBahia Bahia 21,6% 2,3% -4,4% 3,6% Minerais não metálicos Bahia Brasil BrasilVeículos automotores Metalurgia básica Bahia Brasil 3,1% Bahi Brasil -0,5% a -11,3% -18,0% -10,4% -4,8% Bahia BrasilFonte: IBGE / PIM-PF
  11. 11. EMPREGO FORMAL POR SETOR DE ATIVIDADE BAHIA, Jan. – Jun. /2012 Variação Atividade Econômica Admitidos Desligados Saldo (%) Serviços 156.329 145.511 10.818 1,56 Agropecuária 50.556 41.554 9.002 8,87 Construção Civil 79.473 73.867 5.606 3,30 Indústria de Transformação 50.091 46.494 3.597 1,54 Comércio 85.875 84.634 1.241 0,31 Extrativa Mineral 1.628 1.295 333 2,72 Administração Pública 1.391 1.272 119 0,28 Serviços Ind. de Utilid. Pública 2.196 2.578 -382 -2,49 TOTAL 427.539 397.205 30.334 1,82 Nota: A variação no estoque de empregos é obtida mediante a divisão da variação absoluta sobre o estoque do primeiro dia do mês. No acumulado do ano, a variação é medida para o conjunto de meses, comparando o estoque no início do período com o estoque final.Fonte: MTE–Caged. Dados sistematizados pela SEI/Dipeq/Copes
  12. 12. IMPORTAÇÃO PAÍSES E BLOCOS ECONÔMICOS BAHIA, Jan. – Jun. /2012 (US$ 1000 FOB) Var. Part. Países 2011 2012 % % Argentina 523.376 488.473 -6,67 12,36 Argélia 377.009 438.526 16,32 11,09 Estados Unidos 292.768 383.703 31,06 9,71 Chile 560.154 357.307 -36,21 9,04 China 285.925 324.347 13,44 8,20 México 222.150 273.261 23,01 6,91 Alemanha 106.841 176.951 65,62 4,48 Venezuela 66.797 136.955 105,03 3,46 Canadá 45.048 127.523 183,08 3,23 Marrocos 12.224 115.488 844,74 2,92 Demais países 1.178.272 1.130.820 -42,78 4,77 TOTAL 3.670.565 3.953.354 7,70 100,00 (US$ 1000 FOB) Var. Part. Blocos econômicos 2011 2012 % % Nafta 560.135 786.052 40,33 19,88 Ásia (exclusive Oriente Médio) 716.850 619.308 -13,61 15,67 Demais da América Latina 736.083 582.138 -20,91 14,73 Mercosul 558.054 509.828 -8,64 12,90 União Européia - EU 384.754 466.333 21,20 11,80 Outros 714.688 989.695 38,48 25,03 Total 3.670.565 3.953.354 7,70 100,00Fonte: MDIC/SECEX, dados coletados em 12/07/2012Elaboração: SEI – Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia
  13. 13. Exportações Baianas - Principais segmentos Jan./Jun. – 2012 / 2011 Valores (US$ 1000 FOB) Var. Part. % Segmentos 2011 2012 % 2012 Petróleo e derivados 902.889 1.018.483 12,8 19,8 Químicos e petroquímicos 839.041 849.882 1,3 16,6 Papel e celulose 909.971 817.582 -10,2 15,9 Soja e derivados 483.174 664.968 37,6 13,0 Metalúrgicos 459.608 312.617 -32,0 6,1 Automotivo 259.643 255.194 -1,7 5,0 Metais preciosos 223.458 236.310 5,8 4,6 Algodão e seus subprodutos 45.315 180.803 299,0 3,5 Borracha e suas obras 136.404 175.830 28,9 3,4 Cacau e derivados 144.155 127.521 -11,5 2,5 Minerais 57.502 86.392 50,2 1,7 Café e especiarias 92.164 71.019 -22,9 1,4 Couros e peles 66.690 69.525 4,3 1,4 Sisal e derivados 43.707 44.671 2,2 0,9 Máqs., apars. e mat. elétricos 35.973 37.492 4,2 0,7 Calçados e suas partes 40.277 32.647 -18,9 0,6 Frutas e suas preparações 34.031 30.866 -9,3 0,6 Fumo e derivados 13.629 19.776 45,1 0,4 Móveis e semelhantes 7.239 5.287 -27,0 0,1 Demais segmentos 110.906 97.897 -11,7 1,9 Total 4.905.776 5.134.760 4,7 100,00Fonte: MDIC/SECEXElaboração: SEI – Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia
  14. 14. IMPORTAÇÕES BAIANAS POR CATEGORIA DE USO BAHIA, Jan. – Jun. /2012 Discriminação 2011 2012 Var. % Part. % Bens intermediários 1.761.310 1.703.831 -3,26 43,10 Combustíveis e lubrificantes 784.083 1.013.935 29,31 25,65 Bens de consumo duráveis 468.511 581.748 24,17 14,72 Bens de capital 588.734 576.320 -2,11 14,58 Bens de consumo não duráveis 67.927 77.521 14,12 1,96 Total 3.670.565 3.953.354 7,70 100,00 Obs.: importações efetivas, dados preliminares.Fonte: MDIC/SECEX, dados coletados em 12/07/2012Elaboração: SEI – Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia
  15. 15. Produção Industrial Taxa de crescimento da produção industrial Bahia Maio 2012 por Classe e Gênero25.020.015.010.0 No mês 5.0 Mensal 0.0 Acum ano -5.0 Ultimos 12 meses-10.0-15.0-20.0-25.0
  16. 16. Produção IndustrialMaiores setores da indústria crescem menos na Bahia até Distribuição setorial dos InvestimentosMaio 2012 privados previstos para Bahia 2012-2015: Total de R$ 72,5 bilhões
  17. 17. Descolamento do Nordeste e Bahia Taxas convergem, mas há diferenças no curto prazo.Taxa de crescimento da produção industrial Valor das Exportações Brasil e BahiaBrasil, Nordeste e Bahia Maio 2012 US$ bilhõesMaio 2012
  18. 18. Movimentação de Pessoas e CargasMovimentação de Pessoas no Movimentação de Cargas portos daAeroporto de Salvador Bahia: CODEBa Bahia: jan./11 – maio/12 jan./11 – jun./12
  19. 19. Produção de Cimento Nordeste AceleradoProdução de cimento nas regiões. Jan-jun/12 Fonte: SNIC
  20. 20. Desaceleração do crescimento brasileiro
  21. 21. Desafios para a continuidade do crescimento brasileiro Grandes desafios para 2012:• Investimento e infraestrutura• Mercado interno• Crédito• Programas sociais• Solidez fiscal• Estabilidade da moeda• Mercado externo Investimento e infraestrutura1 - Redução dos custos de logística 2 - Redução dos custos de energia • Portos • Elétrica • Ferrovias • Gás • Aeroportos • Petróleo
  22. 22. Desafios para a continuidade do crescimento: manter investimento e distribuição de rendaTaxa de investimento (formação bruta de capital Taxa de crescimento da FBKf tem sido maior que o fixo), em % do PIB crescimento do PIB Fonte: Min Fazenda Aumento continuado do salário mínimo Fonte: Min Fazenda Fonte: Min Fazenda Fonte: Min Fazenda
  23. 23. Desafios para a continuidade do crescimento : manter investimento e distribuição de rendaBolsa família atinge cada vez mais pessoas Fonte: Min Fazenda
  24. 24. Desafios para a continuidade do crescimento: manter investimento e distribuição de rendaAumento do rendimento das famílias para manter aquecido o mercado interno Fonte: Min Fazenda
  25. 25. Desafios para a continuidade do crescimento: manter investimento e distribuição de rendaManter o processo de redução da pobreza e de distribuição de renda Aumento continuado do salário mínimo Fonte: Min Fazenda
  26. 26. Desafios para a continuidade do crescimento: manter investimento e distribuição de renda Crédito Habitacionais da CEF em bilhões de reaisExpandir o crédito para alavancar consumo e investimento Fonte: Min Fazenda
  27. 27. Desafios para a continuidade do crescimento: manter investimento e distribuição de rendaPolítica cambial e de juros para manter competitividade da produção nacional Fonte: Min Fazenda
  28. 28. Desafios para a continuidade do crescimento: manter investimento e distribuição de rendaPolítica de juros para manter competitividade da produção nacional Fonte: Min Fazenda
  29. 29. José Sergio Gabrielli de Azevedo Secretário de Planejamento da Bahia Obrigado www.seplan.ba.gov.br

×